Blog do Eliomar

Família brasileira entrega o menino Sean ao pai

“A família brasileira entregou o menino Sean ao pai David Goldman no Consulado norte-americano no Centro do Rio de Janeiro na manhã desta quinta-feira (24). Pai e filho seguem para o aeroporto internacional Tom Jobim, onde embarcam para os Estados Unidos.

Acompanhado pela avó, Silvana Bianchi, o menino Sean Goldman, 9 chegou na manhã de hoje ao Consulado dos Estados Unidos no Rio de Janeiro. A família brasileira do menino chegou antes das 9h, prazo final para entregar a criança ao pai, o americano David Goldman.

No momento da chegada da família, houve correria e confusão na entrada principal do Consulado, localizado no Centro do Rio de Janeiro. Policiais tiveram dificuldade para controlar jornalistas e curiosos que se amontoavam no local.

Sean, vestido com uma camiseta da Seleção Brasileira, caminhou amparado por seu padrasto, João Paulo Lins e Silva. O consulado americano ofereceu à família brasileira o acesso pela garagem, mas a família brasileira optou por entrar pela porta principal, onde jornalistas e fotógrafos estavam posicionados.

De acordo com Sérgio Tostes, advogado da família brasileira, Sean e David retornarão para os Estados Unidos em um voo fretado. “Tentamos de todas as maneiras que a avó acompanhasse o menino no voo, mas o governo americano negou. E o governo brasileiro aceitou”, criticou o advogado, ao deixar a casa de Silvana, no Jardim Botânico, zona sul do Rio de Janeiro.

A entrega do menino ocorre após decisão do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) cassar a liminar que permitia a permanência da criança no Brasil.

Luta desde 2004
Goldman lutava pela custódia do filho desde 2004, quando a brasileira Bruna Bianchi, sua então esposa e mãe de Sean, trouxe o menino dos EUA, onde a família vivia, para o Brasil. Uma vez aqui, ela se divorciou de Goldman. Em 2008, Bruna morreu.”

(Portal Uol)