Blog do Eliomar

PMDB estadual extingue diretório de Itarema em represália a prefeito

Gaudêncio e o neopeemedebista Raimundo Macedo.

O diretório municipal do PMDB de Itarema (Litoral Oeste) não foi renovado pela cúpula estadual do partido. A informação foi dada, nesta quarta-feira para este Blog, pelo presidente em exercício da legenda, empresário Gaudêncio Lucena. Com a medida, o prefeito Robério Monteiro terá que arranjar outro partido se quiser, na próximas eleições, disputar algum mandato.

Gaudêncio adianta que, além dessa decisão, a cúpula estuda a possibilidade de convocar a  Comissão de Ética para avaliar a possibilidade de expulsar o prefeito que não quer votar no deputado federal Eunício Oliveira para o Senado. Para o dirigente peemedebista “é um absurdo que um militante e, em epsecial, uma liderança como é o prefeito, querer optar por outros candidatos, quando nós temos opção”.

Esse é o primeiro caso avaliado e resolvido pela direção estadual, avisa Gaudêncio.

IGUATU

Sobre a posição do prefeito Agenor Neto, de Iguatu (Centro-Sul), também não disposto a votar em Eunício Oliveira para o Senado, Gaudêncio disse que “o caso ainda será apreciado”.

DETALHE – O prefeito Robério Monteiro é ligado politicamente ao deputado federal Aníbal Gomes.