Blog do Eliomar

Belo Horizonte ganhará delegacia para combater os pichadores

“A Polícia Civil vai criar uma delegacia para combater especificamente as gangues de pichadores que agem em Belo Horizonte. Munidos de latas de tinta e spray, os vândalos saem às ruas, principalmente na calada da noite, e emporcalham monumentos, fachadas de imóveis e muros. São pelo menos 300 pichações por mês na capital, o que levou o prefeito Marcio Lacerda (PSB) a sugerir ao governador Antonio Augusto Anastasia (PSDB) a criação da nova unidade policial. Segundo ele, a prefeitura vai ceder o espaço físico e a Guarda Municipal ajudará os policiais civis na identificação e localização dos pichadores.

O governo do estado confirmou a negociação entre a Polícia Civil e a prefeitura. A data em que a delegacia começará a funcionar e o local ainda estão sendo definidos. A unidade poderá ser montada na sede da Guarda Municipal, na Avenida dos Andradas, no Centro, com uma central de monitoramento eletrônico. As câmeras vão vigiar prédios públicos e locais de grande concentração de pessoas, como a Praça da Estação e o Parque Municipal Américo René Giannetti, no Centro, e o mirante das Mangabeiras, na Região Centro-Sul. A previsão é de que a central seja inaugurada na semana que vem.

A prefeitura gasta R$ 2 milhões por ano em reparos de equipamentos públicos depredados, incluindo pichações. Em 2009, a Secretaria Regional Centro-Sul gastou R$ 40 mil com o despiche, despesa que aumentou para R$ 120 mil em Venda Nova. Na Nordeste, foram R$ 12 mil no ano passado e R$ 8 mil este ano, enquanto no Barreiro o prejuízo foi de R$ 20 mil em 2009 e R$ 8 mil no último primeiro semestre. As demais regiões (Oeste, Norte, Noroeste, Pampulha e Leste) não informaram os gastos.”

(Com Agências)