Blog do Eliomar

Centenário de Rachel de Queiroz será lembrado no Senado

O Senado realizará sessão solene para homenagear o centenário de Rachel de Queiroz. O ato ocorrerá no próximo dia 17 de novembro, em Brasília, e servirá para reforçaro as comemorações do centenário da escritora cearense que foi a primeira mulher a entrar na Academia Brasileira de Letras, em 1977. Ela ocupou a cadeira de nº 5.  A proposta é do senador Inácio Arruda (PCdoB),

“Homenagear Rachel de Queiroz, é demonstrar, mais uma vez, o reconhecimento pelo legado cultural que o Brasil recebeu dessa ilustre cearense. Dessa forma, estaremos estendendo o conhecimento de sua obra às gerações mais recentes e valorizando aquilo que é do Brasil, que é do Ceará”, afirma Inácio. Ele adianta que novembro foi escolhido para a realização da sessão solene por ser o mês de aniversário da escritora.

Durante a sessão solene, o senador Inácio Arruda vai distribuir cópia do fac-símile manuscrito do livro “O Quinze”, obra que consagrou Rachel de Queiroz como uma das maiores escritoras brasileiras. O manuscrito foi disponibilizado por José Mindlin, presidente da Sociedade de Cultura Artística e colecionador de livros raros desde os treze anos de idade, além de ter sua publicação autorizada por Maria Luiza de Queiroz Salek, irmã da escritora.