Blog do Eliomar

Leitor se sente explorado no estacionamento do Terminal Rodoviário João Tomé

207 2

O relato é de Edivan Batista Carvalho, leitor do Blog:

Caro repórter,

Às 3h50min do dia 17.03.2012, dei entrada no estacionamento do Terminal Rodoviário João Tomé e sai às 3h53min. Ou seja, demorei apenas TRÊS MINUTOS com o carro parado, tempo de pegar a sacola de meu pai que já estava esperando e tive que pagar R$ 2,50.

A minha revolta não é pelo valor, mas pelo desrespeito ao cidadão, ao patrimônio público usurpado para fins espúrios. Um local sem cobertura para proteger de sol e chuva e sem nenhum vigia e nada de segurança. O proprietário de veículo não ter a tolerância mínima de 20 minutos, como é no aeroporto, é um abuso.

Aliás, como são áreas públicas, o tempo grátis deveria ser ao menos de 1 hora. E, para ter direito a cobrar, a concessionária deveria dotar de infraestrutura adequada: teto e segurança, no mínimo. O povo reclama pela ação firme do ministério público para conter esses absurdos!

* Edivan Batista Carvalho.

VAMOS NÓS – Pois é Edivan, não há lei regulamentado essa tolerância. Fica a critério de quem oferece o serviço. Bem que algum vereador poderia estudar o assunto.