Blog do Eliomar

Líder da prefeita: “Lei Eleitoral foi descaradamente desrespeitada”

139 18

Com o título “Oposição atenta e forte”, eis artigo que o líder da prefeita na Câmara Municipal, Ronivaldo Maia (PT), manda para o Blog. Ele lamenta que a lei eleitoral foi “descaradamente desrespeitada das mais variadas formas pela candidatura do prefeito eleito Roberto Cláudio” e avisa que o PT fará uma “oposição vigilante”. Confira:

O resultado das eleições do último dia 28 de outubro mostram, claramente, que o dinheiro ainda é capaz de influenciar e muito os resultados. O que se viu nas ruas no dia da votação foi um verdadeiro acinte contra a democracia a duras penas conquistadas no nosso país. A Lei eleitoral foi descaradamente desrespeitada das mais variadas formas pela candidatura do prefeito eleito Roberto Cláudio, do PSB, candidato da oligarquia Ferreira Gomes, que comanda o Estado e, agora, conseguiu o que, há muitos anos, desejava: o comando da Capital cearense. Não podemos naturalizar o que não foi natural.

As eleições diretas são uma das mais concretas formas de se promover a democracia política. Reconhecemos que foi feita a vontade do povo, mas não podemos aceitar que milhares desses votos tenham sido deliberadamente comprados. Isso mesmo: “comprados”, prática, que alidada a outras, como bocas de urna e distribuição de material de campanha na frente dos colégios eleitorais, além da realização de mini-carreatas, certamente coagiram os eleitores a escolher o candidato.

Muita gente pode achar que isso é conversa de derrotado, mas não, apenas não é possível aceitar que a lisura do processo, tão defendida e apregoada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), seja desrespeitada de tal forma. O PT Fortaleza anunciou que contestará judicialmente o resultado, pois sua legitimidade acaba quando começam as ilegalidades. Isso é só uma pequena mostra do que vem por aí na administração de nossa cidade.

Desde as primeiras horas do domingo, 28, nosso partido tem recebido centenas de denúncias e provas das mais diversas irregularidades que comprometem definitivamente a legitimidade do resultado eleitoral. Portanto, seremos porta–vozes da indignação dos milhares de fortalezenses, nos posicionando perante a opinião pública e no âmbito do Poder Judiciário, no sentido de denunciar a ilegitimidade do resultado eleitoral e solicitar as devidas providências por parte da Justiça Eleitoral.

Ressalto, conforme a resolução divulgada pelo PT Fortaleza, que nossa imensa votação, superior a meio milhão de votos, atesta uma importante vitória política do PT e do projeto democrático e popular representado pelo nosso governo. Além disso, o arco de alianças construído pelo candidato adversário reuniu em torno de si a representação de projetos políticos antagônicos ao construído pelo PT e pelas forças populares, como o DEM, e que ora se apresentam para conduzir conjuntamente o novo governo.

Diante dessa triste situação, em sintonia com as posições já expressas publicamente pelo nosso candidato, Elmano de Freitas, e partidos aliados, acompanharemos de maneira militante o questionamento judicial à lisura do pleito que ficou comprometida pelas práticas da candidatura adversária. A Executiva Municipal do PT, sua bancada de vereadores e seus militantes, coerente com a disputa de projetos e as visões distintas da cidade e de métodos políticos explicitados durante a campanha neste segundo turno, assume a oposição vigilante ao projeto capitaneado pela família Ferreira Gomes em Fortaleza.

Assinalo ainda que da nossa parte, vereadores do PT, não há o menor interesse de se juntar ao PSOL na oposição, pois, ao contrário desse mesmo PSOL, construímos, ao longo dos últimos oito anos, um projeto político de governo, que mesmo não tendo continuidade a partir de 2013, continuará sendo defendido. Seremos vigilantes e faremos uma oposição fundamentada e responsável, sempre amparada nos anseios dos movimentos sociais.

* Ronivaldo Maia

Líder do Governo na Câmara Municipal.