Blog do Eliomar

Líder do Prefeito: Salário de professor está longe de ser o aceitável

8 1

Em artigo no O POVO desta terça-feira, o líder do Governo na Câmara Municipal, Evaldo Lima (PCdoB), exalta o Dia do Professor. Ele é professor e reconhece que o salário dos docentes ainda está longe de ser o aceitável. Confira:

dos os dias, muitos professores deixam os lares com a incerteza financeira que a desvalorização profissional provocada por um sistema econômico segregador lhes impõe. As dúvidas quanto ao futuro, os planos de investir na própria capacitação e a dificuldade diária da estrutura de parte das escolas assustam. Intimidam. Causam a indignação necessária para permanecer na luta sindical, tão necessária e tão mal compreendida por alguns. Mas não há só espinhos na nossa profissão. Ela também nos enche de energia e de orgulho. Principalmente, quando lidamos com as mentes férteis de crianças e adolescentes. As primeiras compartilham conosco a humanidade que perdemos para a dureza do cotidiano. Os adolescentes fortalecem nosso sonho de mudar o mundo.

Ser professor não é uma escolha fria, voluntária ou consciente. Assim como o coração precisa pulsar sem o nosso comando, a vocação para docência é uma descoberta íntima da nossa preocupação com a sociedade em que vivemos. É uma necessidade sentida de compartilhar e debater ensinamentos, informações e ideias. Em muitas dessas trocas de vivências, aprendemos e nos engradecemos. Essa é parte da nossa recompensa diária. É parte do que nos impulsiona para a sala de aula. Sabemos que, ao chegar à escola, todos os dias, muitas surpresas nos esperam. O carinho espontâneo do aluno que aprendeu o conteúdo que julgava difícil pode ser o conforto de um coração preocupado com desvalorização do magistério.

Sabemos que o salário do professor está longe de ser o aceitável. A baixa remuneração nos leva estender a carga horária, que, mesmo em escolas públicas ou privadas, massacra o intelecto, em alguns casos, já massacrado sem o tempo necessário ao planejamento. Por isso, a luta dos professores sempre será justa, enquanto cada célula de nossa sociedade, representada pelos nossos estudantes, estiver se desenvolvendo.

Neste Dia do Professor, mais que compartilhar a nossa alegria de ouvir dos alunos o reconhecimento e a vitória na educação, temos que louvar o esforço diário de quem dedica a vida e a carreira a levar conhecimento ao Brasil. Já dizia Paulo Freire: “Ninguém ignora tudo. Ninguém sabe tudo. Todos nós sabemos alguma coisa e ignoramos alguma outra. Por isso aprendemos sempre”. Muito me orgulho de fazer parte desse grupo de profissionais que se dedicam à luta de aprender, de ensinar e de compartilhar a nossa vida com nossos alunos.

* Evaldo Lima

mandatoevaldolima@gmail.com
Vereador de Fortaleza (PCdoB)