Blog do Eliomar

Sindicalista contesta artigo de professor sobre greve das universidades estaduais

58 6

O vice-presidente do Sindicato dos Professores da Universidade Estadual do Ceará (Sinduece), Eudes Baima, deixou o seguinte comentário a respeito do artigo do também professor da Uece, Cláudio César Magalhães Martins, que critica a greve da categoria e teme por certa conivência do reitor e do vice-reitor nesse processo. Confira:

Infeliz texto do professor. Ele passa totalmente ao largo do gravíssimo fato de que as estaduais padecem a falta de 800 professores, tendo muitos setores das instituições parado, já há tempos, não em função da greve, mas da falta de mão de obra. Esquece, pois deve viver em algum ponto da UECE onde as coisas estão boas, que o segmento dos técnico-administrativos, para além das questões já comentadas acima, está às vésperas da extinção, pois a maioria dos trabalhadores está se aposentando e, como jamais ocorreu concurso para o setor (para o qual nem vagas criadas existem!), até 2017, se prevê que não haverá mais nenhum efetivo na ativa. O professor que vive neste éden (onde será?) esquece que os campi de Tauá e Crateús não existem e que a UECE vive, aí, de favor das escolas estaduais. Esquece o professor, que o Governador preferiu doar o prédio da malograda Fatec de Itapipoca ao IFCE, deixando a FACEDI, faculdade da UECE, literalmente na rua da amargura. O caro mestre não vê que nossas estaduais carecem quase que completamente de assistência estudantil.

Quanto à acusação feita aos atuais gestores, só tenho uma coisa a dizer: o que a comunidade ofendida e humilhada de nossa universidade espera de um Reitor é que, numa situação extrema como essa a que nos relega o Governo, venha de fato para a luta e encabece a indignação da comunidade acadêmica e da sociedade em geral.

Já ao autor do artigo, só desejo que não acorde desiludido do sonho dourado em que está submergido.

Prof. Dr. José EUDES BAIMA Bezerra
Professor do Curso de Pedagogia da FAFIDAM-UECE
Pesquisador do EDUCAS e do CETROS
Vice-presidente da SINDUECE