Blog do Eliomar

AFBNB entrega documento aos candidatos a presidente com propostas para o Nordeste

A diretoria da Associação dos Funcionários do BNB (AFBNB) cumprirá agenda em Brasília até sexta-feira. O objetivo, segundo o diretor Alci Lacerda de Jesus, é entregar às duas candidaturas à Presidência da República o documento elaborado pela entidade contendo propostas que visam o desenvolvimento da região e o fortalecimento do Banco do Nordeste do Brasil.

O documento denominado “Nordeste, sem ele não há solução para o Brasil” reúne contribuições dos trabalhadores do BNB e sintetiza o acúmulo de conhecimentos produzidos ao longo dos 28 anos da história da associação. O texto, conforme Alci Lacerda, traz uma breve análise da conjuntura regional, as premissas para um modelo de desenvolvimento defendido pela AFBNB para o Nordeste e o semiárido, e propostas tanto do ponto de vista institucionais, quanto de natureza trabalhista.

Todo o conteúdo do documento, conforme a AFBNB, se baseia nos seguintes eixos estratégicos: necessidade de um Projeto Nacional de Desenvolvimento, com recorte regional (Nordeste e Norte); melhoria dos indicadores dos estados da área de atuação do BNB (região Nordeste, norte de Minas Gerais e Espírito Santo); Sistema Financeiro Público, Banco do Nordeste do Brasil e Instituições Regionais fortalecidas e Valorização dos Trabalhadores.

No texto, a AFBNB reconhece que o Banco do Nordeste do Brasil cresceu nos últimos 4 anos – o capital social, por exemplo, passou de R$ 1,851 bilhões em 2010 para R$ 2,844 bilhões em 2014; o número de agências aumentou de 190 em 2010 para 273 em 2014 – mas esse crescimento não se traduziu em avanços significativos quanto ao resgate de perdas históricas, sobretudo durante a gestão do PSDB no Banco do Nordeste do Brasil ou em melhorias quanto à política de recursos humanos voltadas para a assistência à saúde e aposentadorias complementares dignas.