Blog do Eliomar

Petistas querem “avermelhar” governo Camilo Santana

480 2

foto PT 141128 encontro fortaleza

“O governo não é meu, como uma coisa que eu guardo abraçadinha. O governo é dos partidos, do PT, dos partidos da nossa aliança. Temos uma coalizão, uma coligação de partidos (…) o PT tem maturidade e hoje sabe que temos que ter legitimidade e governabilidade”, disse a presidente.

O discurso da presidente Dilma Rousseff, na noite dessa sexta-feira (28), em Fortaleza, no Encontro Nacional do Diretório do PT, chamou aliados para a responsabilidade das medidas que estão sendo adotadas na política econômica do país, mas também soou como recado aos mesmos aliados, principalmente o PMDB, que o PT sempre estará à frente do governo.

Petistas cearenses, presentes à reunião, usaram o discurso para “avermelhar” o governo Camilo Santana, após uma descaracterização das bandeiras do partido e da própria cor na campanha eleitoral, além do desconforto gerado na equipe de transição. Para eles, o evento realizado em Fortaleza sinaliza o desejo da própria direção nacional.

“Preservar e cultivar o vínculo com esse amplo universo militante que usou o vermelho, ostentou nossas bandeiras e ocupou as redes sociais, assumindo a defesa do nosso projeto, é o mais urgente desafio do nosso partido”, discursou o vice-presidente nacional do PT, o deputado federal pelo Ceará, José Guimarães, ao destacar o envolvimento da militância petista no projeto voltado para o país.

Para o senador do Ceará, José Pimentel, o PT precisa ser mais rigoroso no controle dos filiados, como forma de fortalecer a estrutura interna.

Já o governador eleito Camilo Santana defendeu mudanças internas no PT, diante do forte crescimento da oposição nas eleições recentes.

(Foto: Divulgação)