Blog do Eliomar

Para evitar demissões, pessoal da Sameac e Hospital Universitário apela literalmente ao bispo

domedill

Dom Edmilson da Cruz entre funcionários. Uma palavra de solidariedade.

Durante manifestação, nesta manhã de sexta-feira, em frente a Maternidade-Escola Assis Chateaubriand, os cerca de 700 funcionários dessa unidade e do Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWA), ameaçados de demissão, ganharam solidariedade da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Veio através de carta assinadas pelo arcebispo de Fortaleza, dom José Antonio de Aparecido Tosi, pelo bispo emérito de Limoeiro do Norte, dom Edmilson da Cruz, e por Cristian Dennys, presidente da Comissão Brasileira Justiça e Paz.

Esse contingente cobra, há meses, por diálogo com a Ebserh, gestora do sistema hospitalar da UFC. A carta é agora endereçada ao reitor Henry Campos.

Confira o teor:

26249468-b8dc-43c6-a109-e3440be142c5

 

(Foto – Crítica Radical)