Blog do Eliomar

Exemplos! É tudo o que a população necessita

106 1

Em comentário no Blog, a advogada e leitora Goretti Ramos alerta que, enquanto autoridades se acusam, a criminalidade se une. Confira:

Vou fazer o papel da “água” e não do “fogo”, nesse momento. Fogo queima, destrói. Água é mais forte do que o fogo, pois o apaga! Água reconstrói as coisas…

Lá vai, meu povo! E alguém, aí, me faça o profundo favor de fazer chegar aos olhos dessas “pessoinhas de cabeça quente” esse meu desabafo…

Meus senhores, estou “azogada do juízo”, cabeça quente, porém não efervescente, desde a quinta-feira, 19, desmarcando compromissos por conta do medo que me invade, numa cidade onde uma minoria de meliantes consegue “desconsertar” os gestores em atitudes há muito antigas! E, por acaso, foi o primeiro, décimo, vigésimo ônibus incendiado? Foi o primeiro, décimo, sei lá quanto banco apedrejado e danificado? E os cidadãos feridos? Quantos, hein?

Há uma repetição de crimes que o meu cérebro para lá de quarentão não consegue compreender e ainda mais a mesma atitude que “deixa a desejar”, infelizmente, às nossas autoridades em tempos plenamente “plugados e conectados”, até nos presídios! Como podem?!

Por que ainda estamos dando “murros em pontas de faca”, “enxugando gelo” e não estamos vendo que essa luta contra a criminalidade do jeito que está não irá acabar nunca, a não ser com mais e mais vítimas inocentes sucumbindo nas esquinas?

Chega, meu povo! Chega! Parem vocês, homens de autoridade, com essa “briga besta”, com essa “troca de farpas”, e que não nos levará a lugar nenhum! Enquanto vocês trocam “adjetivos” entre si, o crime se especializa e faz algo que vocês não estão conseguindo fazer: unirem-se em torno de um objetivo comum, infelizmente, voltado ao mal!

Não existe nem “frouxo”, nem “moleque” de um lado ou outro! E muito menos um super-homem, apesar de que este último, coitado, dá o seu sangue, noites de sono mal dormidas e um destemor e amor à profissão que dá exemplo em vocês aí! E é isso que estamos necessitando, nesse momento angustiante: Exemplos!

Vou repetir a palavra para vocês: Exemplos! É tudo o que a população está necessitando!

E vejam se parem de dar “holofotes” aos “falatórios” em geral e parem de alimentar essa picuinha tão pequena ante a temeridade que é viver, como cidadão cearense, num estado onde sequer temos garantidos o direito à vida e o ir e vir.

Vão se redimir e, ao menos, sem demagogias, fazer uma visita ao pobre cidadão queimado e vítima maior desses dois dias: aquele trocador que teve marcado em seu corpo a violência que nos amedronta!

O recado é para vocês: governador Camilo Santana, capitão Wagner e aos demais dirigentes dessa cidade. Existe um inimigo comum bem maior do que meras disputas politiqueiras e é nele que vocês devem concentrar as forças!

Por favor, dêem-me, ao menos, o direito de sonhar com uma cidade menos “violenta” e desorganizada, ao menos nos próximos dias! Eu estou cansada…

Unam-se!!!

#NossoCearáMerecePAZ!