Blog do Eliomar

Vereador questiona operação da PF realizada na Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas

O vereador Julierme Sena (PR) divulgou, nesta quinta-feira, uma nota em que destaca o trabalho da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas, alvo de operação da PF nessa quarta-feira, e lamenta forma como a ação foi realizada. Ele é policial civil. Confira:

NOTA

A Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD) é uma das especializadas mais eficientes da Polícia Civil do Ceará. Esse ano já apresentou números recordistas em apreensão de drogas, com mais de três toneladas apreendidas, o que representa um aumento de 200%. Prova da competência, seriedade e comprometimento dos policiais civis que integram a DCTD.

Mas, ontem, fomos surpreendidos com a Operação Vereda da Polícia Federal que culminou com mandados de busca e apreensão, condução coercitiva e afastamento de funções, com recolhimento das armas e identidades funcionais de policiais civis.

Punir maus profissionais é extremamente necessário. Porém, existe uma série de fragilidades nesta operação baseada em indícios apontados por um traficante. “O que há são somente indícios. O objetivo dessa operação foi exatamente esse: procurar maiores indícios sobre os crimes praticados pelos envolvidos”, palavras do delegado da Polícia Federal, Gilmar Santos Lima. E o resultado? Os bons pagando pelos maus. Policiais que foram afastados de suas funções, perderam seus distintivos e armas, mesmo sem qualquer prova de participação em atos ilícitos.

Lamento e repudio a forma como essa operação ocorreu, pois desmotiva todos os profissionais da Corporação. Estes que quando desempenham com excelência as suas missões não são reconhecidos e ainda podem virar alvo de investigação.

*Julierme Sena,

Policial Civil e Vereador de Fortaleza.