Blog do Eliomar

Parque na Barra do Ceará?

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quarta-feira (10), pelo jornalista Demitri Túlio:

O mangue do rio Ceará seria salvo da degradação ambiental se ali fosse criado um Parque Ecológico?

A existência de uma Área de Proteção Ambiental (APA), gerida pela Secretaria do Meio Ambiente do Estado (Sema), não tem sido obstáculo para conter a destruição do manguezal e invasões. Além de equipamentos comerciais e estaleiros irregulares, há assentamentos precários fincados na lama. Como a miserável favela do Parque Leblon 2.

Em 2015, o deputado estadual Walter Cavalcante (PP) apresentou um projeto de Lei propondo a criação do Parque. Até hoje, não seguiu para a Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia e a Procuradoria da Casa teria avaliado que a competência da proposta seria do Executivo. Há também o receio de que as comunidades tradicionais sejam expulsas. A única certeza é que a APA não pode continuar sendo degrada por omissão do poder público.