Blog do Eliomar

Frente Parlamentar em Defesa da Mulher alerta contra assédio durante o Carnaval

A Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos das Mulheres, da Assembleia Legislativa do Ceará, divulgou nota pedindo vigilância redobrada conta o assédio no Carnaval. A presidente da Frente, a deputada estadual Fernanda Pessoa (PR), incentiva que as mulheres “se ajudem” ao verem agressões e tentativas de assédio e denunciem pelo Disque Denuncia, o número 180. “Durante o carnaval, os casos de violência e assédio disparam, é preciso ter respeito. O carnaval faz parte da nossa história e as brincadeiras devem ser saudáveis para que todas e todos possam se divertir. Pedimos também respeito às questões de gênero e identidade”, adiantou a parlamentar , lembrando que a violência não é um problema específico somente do Carnaval. “A violência contra as mulheres acontece a cada sete segundos, segundo pesquisa do Instituto Maria da Penha. Nossa luta é todos os dias mas no carnaval os números, infelizmente, aumentam”.

Entre o carnaval de 2016 e 2017, os casos de violência sexual contra mulheres registrados pela Central de Atendimento à Mulher (Disque 180) aumentaram 88%, de acordo com o órgão. A parlamentar também pediu atenção a exploração sexual de crianças e adolescentes “É lamentável que temos ainda de conviver com isto. Por favor, denunciem também a exploração e a violação sexual de crianças e adolescentes. Isso é um crime sério de desrespeito dos direitos humanos”.

“Brinquem e se divirtam, mas tenham respeito. A brincadeira acaba quando a outra pessoa não quiser. Como dizem as campanhas, Não É Não ! “, lembrou Fernanda Pessoa.

Quem também está divulgando, em suas redes sociais, campanha contra o assédio durante o Carnaval é a deputada federal Luizianne Lins (PT). São vários cartazes estampando a necessidade de se respeitar o direito da mulher de querer brincar sem ser incomodada.