Blog do Eliomar

Bolsonaro defende trabalho infantil nas redes sociais

Ainda sob efeito do fuso horário do Japão, onde participou da reunião da cúpula das 20 maiores economias do mundo, o presidente Jair Bolsonaro trocou esta quinta-feira pela terça-feira, mas acertou a data 4 de julho, em “live” nesta tarde nas sociais.

Ao atropelar a discussão da reforma da Previdência, quando sequer citou a aprovação do texto-base na comissão especial, Bolsonaro defendeu o trabalho infantil, ao lembrar trabalhou durante a sua infância e isso não lhe causou nenhum mal.

O presidente também abordou as novas regras da CNH, o acordo entre Mercosul e União Europeia, além do evento que ocorrerá em Salvador pela canonização de Irmã Dulce.

Bolsonaro esteve acompanhado dos ministros Ernesto Araújo e Tarcísio de Freitas.

(Foto: Reprodução)