André Figueiredo é reeleito presidente da Executiva Estadual do PDT e fala como pré-candidato em Fortaleza

As fortes críticas do deputado federal André Figueiredo contra a gestão da prefeita Luizianne Lins e o não anúncio do deputado estadual Heitor Férrer como pré-candidato oficial do PDT para a sucessão em Fortaleza, no próximo ano, marcaram a convenção estadual do PDT, na tarde desde sábado (22), na Assembleia Legislativa, que confirmou a reeleição de André Figueiredo à frente da Executiva do Ceará.

O deputado federal assegurou que o partido terá candidatura própria, com chances reais de conquistar a Prefeitura de Fortaleza. Sobre a gestão Luizianne Lins, André Figueiredo afirmou que a prefeita é muito forte no Legislativo, quando já exerceu mandatos de vereadora e deputada estadual, mas que à frente do Executivo municipal “é um desastre”.

O vereador Plácido Filho, líder da oposição na Câmara Municipal, disse que André Figueiredo é o melhor nome que o partido possui atualmente para as disputas à Prefeitura de Fortaleza.

Segundo Plácido Filho, não há como Fortaleza deixar de realizar o segundo turno em 2012. “Será uma das eleições mais disputadas, desde o pleito que elegeu Luizianne Lins em 2004. Acredito que teremos quatro candidaturas com chances reais de vencer a eleição, mas o PDT, por tudo que vem trabalhando por Fortaleza, e o PT, pela força da máquina administrativa, deverão disputar o segundo turno. É nessa hora que o nosso partido precisará do apoio do PSB, do PMDB e do governador Cid Gomes. Por isso, é importante uma candidatura pedetista em harmonia com apoiadores em potencial”, comentou o líder da oposição na Câmara Municipal.

Eliomar de Lima

Sobre Eliomar de Lima

Jornalista, radialista, professor e escritor de histórias infantis, mas, acima de tudo, um viciado em informação, não dispensa cantarolar de vez em quando. Pra não dizer que fugimos do mundo da intelectualidade, temos Especialização em Gestão da Comunicação. Email:eliomarmar@uol.com.br / eliomardelima@gmail.com

9 comentários sobre “André Figueiredo é reeleito presidente da Executiva Estadual do PDT e fala como pré-candidato em Fortaleza

  1. Arrogante, pretencioso e engomadinho, esse sr. esquece que faz parte da gestão petista de Dilma. Por isso mesmo deveria tentar pelo menos não atrapalhar a gestão de Luizianne, ou até tentar colaborar com a mesma. Agora eu duvido que ele desocupe a “moita”.

  2. O Sr. Andre Figueiredo se mesmo candidato a prefeito de Fortaleza (Fortaleza nao merece!), terá de explicar o seguinte, publicado neste blog, problema em relaçao ao qual ele nao se explicou:

    Empresas do presidente do PDT do Ceará ganharam R$ 8,8 milhões da União
    Publicado: 4 de agosto de 2011 às 7:05 | Autor: Eliomar de Lima | Categoria(s): Ceará, Política | 4 Comentários

    “Duas empresas do deputado André Figueiredo (PDT-CE) receberam pelo menos R$ 8,8 milhões do governo federal entre 2009 e 2011. O parlamentar vende material hospitalar para órgãos vinculados aos Ministérios da Saúde, Educação e Defesa.

    Segundo informações obtidas pelo Estado, o nome de Figueiredo aparece no relatório sigiloso do Tribunal de Contas da União (TCU) que trata dos contratos firmados entre empresas de parlamentares e o governo federal. Para o TCU, essa relação fere a Constituição.

    De acordo com declaração à Justiça Eleitoral, André Figueiredo é dono da Scientific Comércio e Importação Ltda. e da Scientific Dental Ltda. Os contratos com o governo cresceram desde o ano passado. Em 2010, a Scientific Comércio recebeu R$ 4,8 milhões. A empresa já faturou R$ 2,3 milhões só em 2011. Em março, por exemplo, ganhou R$ 247 mil pela venda de um aparelho de ultrassonografia portátil ao hospital universitário da Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Por R$ 232 mil, a Fundação Nacional de Saúde (Funasa) comprou equipamento semelhante da empresa do deputado.

    Para o TCU, esse tipo de contratação “descumpre” o artigo 54 da Constituição. De acordo com o artigo, deputados e senadores não podem firmar ou manter contrato com pessoa jurídica de direito público, autarquia, empresa pública, sociedade de economia mista ou empresa concessionária de serviço público e ser proprietários, controladores ou diretores de empresa que goze de favor decorrente de contrato com pessoa jurídica de direito público, ou nela exercer função remunerada.”

    (Estadão)

  3. Na manhã desse sábado (22/10) na Assembléia Legislativa do Ceará, o Partido Democrático Trabalhista fez belíssima festa. A convenção pedetista foi marcada pela união do PDT em torno do deputado estadual Heitor Férrer.

    O pré-candidato brizolista para Prefeitura de Fortaleza, o deputado estadual Heitor Férrer, está em consonância com Executiva Nacional do PDT, que deseja candidatura própria nossa cidade. Luiz Cláudio Ferreira Barbosa

  4. Ainda bem que foi o deputado Heitor Ferrer o escolhido. Se tivesse sido o sr. André Figueredo o PDT nem levantaria vô. Esse senhor é hipocritamente todo certinbho, politicamente correto, mas somente na aparencia. Ele é na verdade um lacaio do cirismo, ou do gomismo, além do que está na politica para favorecer as empressas de sua familia. Esse é um jovem que se tornou velho rapidamente anulando as leis naturais da biologia.

  5. O advogado e economista, André Figueiredo, sempre foi pessoa coerente com os preceitos democráticos em defesa da República. No seu currículo como homem público, na juventude foi presidente da Juventude Socialista do PDT, nesse período fez conclusão de suas formações acadêmicas, como também presidiu o Instituto Alberto Pasqualini, foi eleito e reeleito para o Congresso Baixo ou Câmara Federal como representante da bancada cearense.

    O deputado federal André Figueiredo tem todas as credenciais, como homem público, para postular à pré-candidatura do Partido Democrático Trabalhista, para prefeito de Fortaleza. Luiz Cláudio Ferreira Barbosa.

  6. Heitor Ferrer não têm discurso para atacar a prefeita Luizianne Lins, pois, o seu foco é o governador Cid Gomes. O eleitor iria estranhar críticas do Heitor à prefeitura, apesar do PDT ser o partido de maior oposição à Luizianne Lins. Se o PDT não sair com André, que seja um candidato realmente de oposição à essa gestão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis − 4 =