Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Dom José Antônio lançará a Campanha da Fraternidade na próxima quinta-feira

O arcebispo de Fortaleza, dom José Antônio de Aparecido Tose, vai lançar, numa entrevista coletiva, logo após o Carnaval, a Campanha da Fraternidade 2017.

O lançamento ocorrerá na próxima quinta-feira, a partir das 9 horas, no Centro Pastoral Maria Mãe da Igreja.

O lema deste ano é “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida”, tendo como lema “Cultivar e guardar a Criação”.

(Foto – Paulo MOska)

Justiça Eleitoral vai divulgar títulos passíveis de cancelamento

Os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) já deram início à impressão da relação dos nomes e das inscrições dos eleitores que deixaram de votar nos três últimos pleitos, não justificaram a ausência e, por isso, poderão ter os títulos cancelados. A lista ficará disponível nos cartórios eleitorais para consulta pelos interessados.

De acordo com o Provimento nº 1/2017 da Corregedoria-Geral da Justiça Eleitoral (CGE), de posse das relações, caberá aos cartórios eleitorais: afixar edital, no dia 22 de fevereiro, por, no mínimo, dez dias, dando publicidade às referidas relações de eleitores que deixaram de votar nas três últimas eleições; divulgar o edital pelos meios de comunicação (rádio, TV, jornais locais, outros); e dar ciência da afixação do edital aos partidos políticos.

Os eleitores que constarem na relação de “faltosos” deverão comparecer ao cartório eleitoral no período de 2 de março a 2 de maio de 2017 para regularizar sua situação. O cidadão deverá apresentar documento com foto que comprove sua identidade, título eleitoral e comprovantes de votação, de justificativa e de recolhimento de multa ou de dispensa de recolhimento.

O não comparecimento para comprovação do exercício do voto, da justificativa de ausência ou do pagamento das multas correspondentes implicará o cancelamento automático do título de eleitor, a ser efetivado de 17 a 19 de maio deste ano.

Vale lembrar que cada turno do pleito é considerado uma eleição e que a Justiça Eleitoral não expedirá nenhuma notificação ao eleitor informando sobre a pendência no cadastro eleitoral.

(TSE)

Terminal de Messejana – Prefeito promete entregar a reforma antes do prazo

A antecipação do prazo de entrega das obras de reforma do Terminal de Messejana foi anunciada, nesta manhã de sexta-feira, pelo prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT). Ele visitou o canteiro de obras e disse que o equipamento deve ser entregue em novembro.

“Viemos visitar as obras do terminal da Messejana e aproveito para compartilhar a novidade da antecipação do prazo. É importante que a gente explique que esse será o maior, mais bem estruturado e moderno terminal da cidade, possibilitando mais conforto. O prazo inicial era de dezembro, vamos entregar em novembro”, garantiu. O prazo era dezembro.

Com 13% de obras executadas, a expectativa é que, quando entregue, o terminal da Messejana se torne modelo tanto para novas ações do tipo na cidade, quanto em diversas outras capitais do Brasil. O novo terminal terá 70% a mais de área que o antigo e trará mais conforto e comodidade aos fortalezenses.  Wi-fi, televisões, bicicletas compartilhadas, área de acessibilidade, estações separadas para ônibus padrões e BRTs, além de acesso para ônibus sanfonado, estão entre as futuras novidades.

Ação complementar, a obra da Avenida Aguanambi, será entregue em dezembro desse ano, possibilitando a completa operação de corredor exclusivo que ligará o terminal da Messejana até o Centro da cidade, com 12 quilômetros de BRT.Outra novidade para o entorno será a entrega de uma praça, entre o terminal e o Vapt-Vupt da Messejana, que antes servia como terreno acumulador de lixo, e, agora, acolherá a população, com área de convivência e comércios.

(Foto – Divulgação)

IBGE – Rendimento domiciliar per capita do brasileiro foi de R$ 1,226 mil em 2016

O rendimento nominal mensal domiciliar per capita da população brasileira em 2016 foi R$ 1,226 mil, na média do país. No ano passado, este rendimento foi R$ 1,113 mil.

Calculado com base nas informações da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), os números foram encaminhados ao Tribunal de Contas da União (TCU) e servem como parâmetro para o rateio do Fundo de Participação dos Estados e do Distrito Federal (FPE).

Pelos dados divulgados, dentre as 27 unidades da federação em apenas 12 o rendimento nominal mensal domiciliar per capita da população ultrapassa os mil reais. Mais uma vez, o maior rendimento per capita foi registrado no Distrito Federal, onde o valor chegou a R$ 2,351 mil e o menor foi no Maranhão onde o valor pago foi R$ 575.

Em 2015, as mesmas 12 unidades da federação apresentaram rendimento nominal mensal per capita superior a mil reais como em 2016, também em 2015 o maior rendimento nominal pago foi verificado no Distrito Federal (R$ 2,254 mil) e o menor no Maranhão (R$ 509).

Depois do Distrito Federal, os maiores valores relativos à renda per capita do brasileiro foram pagos nos estados de São Paulo, com rendimento nominal mensal per capita de R$ 1,723; Rio Grande do Sul (R$ 1,554), Santa Catarina (R$ 1,458), Rio de Janeiro (R$ 1,429 mil) e o Paraná (R$ 1,398).

Segundo o IBGE, os rendimentos domiciliares são obtidos pela soma dos rendimentos do trabalho e de outras fontes recebidos por cada morador no mês de referência da pesquisa. O rendimento domiciliar per capita é a divisão dos rendimentos domiciliares pelo total dos moradores. Estes rendimentos são calculados para cada unidade da federação e para o Brasil, considerando sempre os valores expandidos pelo peso anual da pesquisa.

(Agência Brasil)

Nova crise no Planalto deve derrubar Padilha

Do Blog do Kennedy Alencar:

Uma nova crise política bem dentro do Palácio do Planalto deverá resultar na saída de Eliseu Padilha da Casa Civil.

Ex-assessor especial da Presidência e amigo de Michel Temer, o advogado José Yunes disse à Procuradoria Geral da República que Padilha pediu em 2014 que ele recebesse um pacote de documentos no seu escritório em São Paulo. Tal pacote foi entregue pelo doleiro Lúcio Funaro, suspeito de distribuir propinas a políticos do PMDB. Preso pela Operação Lava Jato, Funaro é um operador ligado ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha.

A versão de José Yunes preserva o presidente da República em relação à delação de Melo Filho. Ao mesmo tempo, torna insustentável politicamente a permanência de Padilha no comando da Casa Civil.

O relato de Yunes descreve a ida do doleiro Lúcio Funaro ao escritório como uma operação de Padilha. Nesse pacote de documentos, haveria dinheiro segundo a delação de Melo Filho e também de acordo com insinuações que o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha fez em questionários nos quais ele arrolou Temer como testemunha.

Ou seja, de acordo com Yunes, a entrega dos tais documentos suspeitos de serem propina não teria nada a ver com Temer, mas com um pedido de Padilha para que o escritório dele fosse usado para receber um doleiro que distribuía dinheiro de forma ilegal.

Apesar da licença para uma cirurgia, o ministro Padilha tem a obrigação de se manifestar detalhadamente. Yunes avisou Temer de que daria esse depoimento à Procuradoria Geral da República. Padilha precisa dizer se Yunes mentiu ou se falou a verdade.*

Reforma da Previdência – Tasso promete amplo debate

O senador Tasso Jereissati recebeu, em seu escritório político de Fortaleza, um grupo que reivindicou dele apoio contra possíveis retrocessos no que diz respeito à proposta da Reforma da Previdência do Governo Michel Temer.
No grupo, Crescêncio Pereira, conselheiro dá OAB, Regina Jansen, presidente da Comissão de Previdência da OAB/Ceará, Maria Cristiane, presidente da Associação dos Advogados Previdenciárias do Ceará,Maria Cleide, diretora dessa associação, e Rodrigo Pereira, chefe de gabinete da Secretaria do Turismo de Fortaleza.
Tasso Jereissati assegurou que a matéria deverá ser amplamente debatida pelo Congresso.
(Foto – Divulgação)

Previsão do tempo neste Carnaval no Brasil

O carnaval será de muito calor e pancadas de chuva isoladas em grande parte das capitais brasileiras onde a folia é tradição. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), apesar da alta umidade, a previsão é de temperaturas máximas acima de 30ºC tanto na Região Sudeste quanto no Nordeste.

No Rio de Janeiro, o tempo permanece nublado a parcialmente nublado durante todo o dia de hoje (24) e há possibilidade de chuva a partir de amanhã (25), quando a temperatura máxima chega a 38ºC. No domingo (26) e na segunda-feira (27), a previsão é de pancadas de chuva e trovoadas isoladas.

A partir de hoje, em São Paulo, podem ocorrer pancadas de chuva e trovoadas isoladas, que devem se manter por todo o fim de semana, até a segunda-feira. A máxima, durante o período, será de 33ºC. No domingo, a temperatura começa a cair, e a mínima prevista é de 18ºC na segunda, quando chove pontualmente forte, sobretudo de madrugada.

No Recife, a temperatura se mantém estável durante praticamente todos os dias de folia, com máxima de 33ºC e mínima de 23ºC, além de tempo parcialmente nublado e pancadas de chuva isoladas pelo menos nos próximos quatro dias.

Em Salvador, a previsão também é de pancadas de chuva isoladas. O tempo deve melhorar um pouco amanhã, quando não há previsão firme de chuva. No domingo e na segunda, volta a chover na capital baiana, com máxima de 31ºC e mínima de 23ºC.

(Agência Brasil)

Cavendish, da Delta, delata popina a Rodrigo Maia

O empreiteiro Fernando Cavendish, da Delta, decidiu delatar o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), atual presidente da Câmara dos Deputados.

Em seu acordo, Cavendish afirmou que Maia recebeu R$ 3 milhões como contrapartida pelas obras da construtora no Engenhão – contrato obtido quando seu pai, Cesar Maia, era prefeito do Rio de Janeiro.

Cavendish disse ainda que Maia levou ainda outros R$ 500 mil. Primeiro homem na linha de sucessão presidencial, Maia também aparece nas delações da Odebrecht, como o “Botafogo”, e da OAS.

Delatado, ele se enfraquece para conduzir reformas impopulares, como a da Previdência, que pode deixar 70% dos brasileiros sem aposentadoria.

(Site Brasil 247)

Câmara Municipal não tem “Bancada da Bala”, mas tem “Bancada da Segurança Pública”

Com o título “Chega de ‘bancada da bola’, eis artigo do vereador Julierme Sena (PR), que está no O POVO desta sexta-feira. Ele rechaça a ideia de que o grupo de vereadores da Câmara Municipal seja aquela que apregoa violência contra a violência. Prefere dizer que há uma bancada em defesa da segurança pública. Confira:

Sou profissional da Segurança Pública há nove anos e possuo porte de arma de fogo. Ainda assim, estou longe de ser uma figura que acredita que violência se combate com mais violência. E, portanto, gostaria que a imprensa aposentasse o termo“bancada da bala” para se referir aos parlamentares ligados à pauta da Segurança Pública.

Na composição da Câmara Municipal de Fortaleza temos guarda municipal, policiais civis, policial militar e federal. E garanto que esse termo passa longe de representar nossa bancada. Nós somos da bancada da Segurança Pública.

Eu acredito que a força policial deve ser a última ferramenta utilizada. E se faz necessária apenas quando todos as outras áreas fracassaram: educação, social, religião, família etc. Um gatilho puxado pelo Estado é a prova que a máquina estatal falhou com os cidadãos e perdeu o controle social.

Outro fator agravante em nosso Estado é a impunidade. Ela torna o crime cada vez mais atraente para aqueles que estão em vulnerabilidade social. No Estado do Ceará, a investigação criminal é quase inexistente, já que são apenas 2,5 mil policiais civis para uma população de 8,9 milhões de habitantes. Mas, tudo isso é a ponta do iceberg..

O caminho para se reduzir a criminalidade passa prioritariamente pela Educação e pelo Social. Essa é a base do iceberg que poucos estão dispostos a ver. Qualificar nossos jovens e reduzir as desigualdades são passos fundamentais para que tenhamos menos criminosos nas ruas e nos presídios.

Menos balas e mais oportunidades. É disso que todos nós precisamos.

*Julierme Sena

juliermecomunicacao@gmail.com

Policial civil e vereador de Fortaleza (PR)

Secretário da Cultura inspeciona locais do Carnaval

O secretário da Cultura de Fortaleza, Evaldo Lima, está visitando equipamentos e locais onde haverá o Carnaval da cidade.

Ele passou agora há pouco na avenida Domingos Olímpio, onde desfilarão, a partir das 17 horas deste sábado, blocos, afouxés, cordões, escolas de samba e maracatus.

Mas Evaldo deverá abrir o Carnaval no aterrinho da Praia de Iracema, com programação de shows que inclui Tereza Cristina numa homenagem as Cartola.

DETALHE – Evaldo Lima está de cadeira de rodas, desde que fraturou o pé.

Centro de Turismo vai funcionar durante o Carnaval

O Centro de Turismo do Ceará (antiga Emcetur), situado na área central de Fortaleza, vai funcionar durante o Carnaval. De acordo com o presidente da associação que congrega os 105 lojistas do equipamento, Carlinhos Bezerra, o expediente será o seguinte:

Sábado – Das 8 às 16 horas

Domingo, Segunda e Terça – Das 8 às 13 horas

Na quarta-feira de cinzas, esse polo de compras de artesanato abrirá a partir das 8 horas.

SERVIÇO

*Centro de Turismo – Rua Senador Pompeu, 350 – Centro, ao lado da Santa Casa.

Brasil tem quase 13 milhões no bloco dos desempregados

A taxa de desocupados continua em alta e fechou o trimestre encerrado em janeiro em 12,6%, um crescimento de 0,8 ponto percentual em relação ao período de agosto a outubro do ano passado, quando estava em 11,8%. Com a alta do último trimestre, o país passou a contabilizar 12,9 milhões de desempregados.

Os dados, divulgados hoje (24) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua. Esta é a maior taxa de desemprego da série histórica iniciada em 2012 e também o maior número de desempregados da história.

Segundo o IBGE, com a alta do último trimestre, a população desocupada cresceu 7,3% (o equivalente a mais 879 mil pessoas) em relação ao trimestre de agosto a outubro de 2016. Quando comparada ao mesmo trimestre do ano passado, a alta do desemprego no trimestre encerrado em janeiro chegou a 34,3%, o equivalente a mais 3,3 milhões de pessoas desocupadas.

Na comparação com o mesmo trimestre móvel encerrado em janeiro do ano passado, quando o desemprego estava em 9,5%, a taxa cresceu 3,1 ponto percentual. Em relação à população ocupada, atualmente de 89,9 milhões de pessoas, houve estabilidade em relação ao trimestre de agosto a outubro de 2016.

Em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, quando o total de ocupados era de 91,6 milhões de pessoas, foi registrado declínio de 1,9% na taxa de desocupação – ou menos 1,7 milhão de pessoas empregadas.

(Agência Brasil)

Camilo Santana recebe Lúcio Alcântara no Abolição

O governador Camilo Santana (PT) recebeu, nesta manhã de sexta-feira, no Palácio da Abolição, o ex-governador Lúcio Alcântara.

“Recebi dele o convite para a solenidade de posse da nova diretoria do Instituto Histórico, Antropológico e Geográfico do Ceará, entidade na qual é presidente”, informou Camilo em seu Facebook.

O ato de posse de Lúcio ocorrerá no próximo dia 4, às 17 horas, na sede do Instituto, que fica na Praça do Carmo (Centro).

DETALHE – Lúcio fez questão de levar o convite pessoalmente para Camilo. Mas isso não quer dizer aproximação política de quem preside o PR que, na Assembleia Legislativa, faz oposição Governo.

(Foto – Carlos Gibaja)

Ministro do STF manda soltar ex-goleiro Bruno

O ministro do Supremo Tribunal Federal), Marco Aurélio Mello concedeu habeas corpus para soltar o ex-goleiro Bruno Fernandes de Souza, preso desde 2010. Ele foi condenado em 2013 a 22 anos de prisão, em regime fechado, por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver contra a ex-amante, Eliza Samudio. A decisão de Mello é da última terça (21), mas só foi divulgada na manhã desta sexta-feira (24).

A Secretaria de Administração Penitenciária de Minas ainda não informou o horário em que o ex-goleiro será solto. Ele cumpre pena na Apac (Associação de Proteção e Assistência ao Condenado) em Santa Luzia (região metropolitana de Belo Horizonte), para onde foi transferido ano passado. Antes, estava na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, também na Grande BH.

O UOL tentou contato com a defesa de Bruno, mas ninguém atendeu os telefonemas até esta publicação.

(Portal Uol)

Carnaval de chuvas isoladas no Ceará, diz Funceme

A Funceme divulga a previsão do tempo para o Carnaval 2017: entre esta sexta-feira, 24 de fevereiro, e a terça feira, 28, o Estado terá nebulosidade variável, alternando períodos com sol e eventos de chuvas isoladas.

De acordo com os meteorologistas, todas as regiões do Ceará vão estar sob a influência de áreas de instabilidade atmosférica.

SERVIÇO

O plantão meteorológico da Funceme ocorrerá neste Carnaval, das 8 ás 12 horas, com atendimento aos usuários pelo telefone (85) 3101-1117.

Acrísio Sena cobra regulamentação do Cocó

O vereador Acrísio Sena (PT), presidente da Comissão do Meio Ambiente da Câmara Municipal de Fortaleza, reuniu-se, na tarde dessa quinta-feira (23), com o secretário do Meio Ambiente do Estado, Artur Bruno, na sede da pasta.

Na pauta, projetos de reflorestamento em Fortaleza e a delimitação definitiva do Parque do Cocó.

O governador Camilo Santana prometeu a regulamentação por várias vezes mas, pelo visto, há algo emperrando. O que seria? Ninguém do governo fala.

(Foto – Divulgação)

Henrique Meirelles vai depor na Lava Jato

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, vai depor como testemunha de defesa de Lula no dia 10 de março. Meirelles será ouvido por Sergio Moro no processo em que Lula é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A denúncia do Ministério Público abrange três contratos da empreiteira OAS com a Petrobras. Segundo o MP, foram pagos R$ 3,7 milhões em propinas a Lula.

(Coluna Radar, da Veja Online)

Está em falta o medicamento das crianças de puberdade precoce

755 1

Faltando o medicamento das crianças portadoras de puberdade precoce no posto de Mauriti (Cariri). É a injeção Leuprorrelina 3,75mg. Desta vez, não veio para nenhuma das crianças.

As mães que reclama dizem não entender o porquê do problema vir à tona sempre de três em três meses. Problemas de licitação, renovação ou descaso.

Ah, se a Secretaria da Saúde do Estado desse o ar da graça…