Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Camilo e Roberto Cláudio conversam com Eunício antes do evento “Juntos por Fortaleza”

240 1

O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB), conversou, momentos antes do ato “Juntos por Fortaleza”, no Palácio da Abolição, com o governador Camilo Santana (PT) e com o prefeito Roberto Cláudio (PDT).

O assunto: novos projetos do interesse do Estado e da Prefeitura, que vão precisar do apoio do governo federal. Ou seja, de alguém ligado ao governo Temer para ajudar a liberar os recursos.

Será que s três tocaram também em eleições 2018? Eis a dúvida.

(Foto – Cláudio Barata)

A Violência se transformou em grave problema de saúde pública de Fortaleza?

RC e o tema nos Debates do POVO (Rádio POVO/CBN), com Plínio Bortolotti e Thiago Paiva.

Da Coluna Política, do O POVO desta sexta-feira, com lavra do jornalista Érico Firmo, o tópico “Abordagem do ponto de vista da saúde”, onde ele expõe o quadro de violência de Fortaleza e reação do prefeito. Confira:

Violência é um dos mais graves problemas de saúde pública de Fortaleza hoje. Mata absurdamente, ocupa leitos em hospitais, drena recursos governamentais. A prevenção é imprescindível. Tratar a questão sob essa perspectiva está entre as melhores e mais acertadas atitudes da administração Roberto Cláudio (PDT) até hoje. Algo que exige coragem, por vários motivos.

Ao agir assim, a Prefeitura assume algo que é sua responsabilidade, sim, que mexe diretamente com a vida da população, mas sobre o qual gestões municipais costumam se eximir. Politicamente, talvez traga mais vantagens fingir que o problema não é do município e deixar o governador se desgastar com isso. Ocorre que isso, definitivamente, não é o melhor para a população. Não é o melhor para o interesse público.

A posição da Prefeitura significa admitir um problema – gravíssimo. Traz potencial desgaste e ainda atinge a imagem de aliado, o governador Camilo Santana (PT). Há vários motivos para ignorar o problema. Porém há um motivo para justificar a atitude: é necessário buscar solução. A gestão municipal deve ter trabalho complementar ao do governador. A Prefeitura chega onde o Estado não vai, tem instrumentos dos quais o governo não dispõe.

Reconhecer o caráter epidêmico da violência significa dar abordagem científica ao problema. Mapear informações, tratar o assunto com transparência. Trazer conceitos da saúde, usar ferramentas que estão dando certo em outras áreas. E chegar a algo a partir dos efeitos que atingem diretamente a população.

De longe, é a mais séria e consistente proposta para tentar enfrentar a crise na segurança pública do Ceará em muito tempo. Pode até não dar certo. Os efeitos nunca são imediatos. Sozinha, isoladamente, a estratégia não resolverá o problema. Dependerá de outros atores. Porém é um passo consistente e promissor. É mais do que pode ser dito sobre quase tudo o mais que se tentou.

(Foto – Paulo MOska)

Encceja 2017 – Mais de 1,5 milhão de pessoas farão prova neste domingo

Mais de 1,5 milhão de pessoas que ainda não concluíram os cursos do ensino fundamental e médio terão neste domingo (19) mais uma oportunidade de atingir esse objetivo. O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) 2017 será realizado em 564 municípios de todos os estados. De acordo com o Ministério da Educação, este ano serão 301.583 participantes do ensino fundamental e 1.272.279 do ensino médio.

O exame será aplicado em dois turnos. De manhã, os portões serão abertos às 8h e fechados às 8h45, os testes começam às 9h e terminam às 13h, no horário de Brasília. Os candidatos do ensino fundamental farão provas de ciências naturais, história e geografia. Para o ensino médio, as provas serão de ciências da natureza e suas tecnologias,além de ciências humanas e suas tecnologias.

No turno da tarde, os portões abrirão às 14h e fecharão às 15h15. O exame começa às 15h30 e vai até as 20h30. Os candidatos do ensino fundamental farão as provas de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física, matemática e redação. Para o ensino médio, haverá os testes de linguagens e códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias.

De acordo com o MEC, as provas objetivas terão, cada uma, 30 questões de múltipla escolha. “Para obter o certificado ou a declaração de proficiência, o participante deve fazer, no mínimo, 100 dos 200 pontos possíveis em cada uma das áreas de conhecimento”.

“No caso de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes e educação física, para candidatos do ensino fundamental e de linguagens e códigos e suas tecnologias, para ensino médio, é preciso obter, também, a proficiência em redação. Para isso, é necessário alcançar nota igual ou superior a 5 pontos, em uma escala que varia de 0 a 10”. Para obter o certificado ou a declaração de proficiência, o  candidato deve fazer, no mínimo, 100 dos 200 pontos possíveis em cada uma das áreas de conhecimento, diz o ministério.

SERVIÇO

*O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais  (Inep) divulgou os locais de provas que podem ser acessados pelos candidatos no site do instituto.

(Agência Brasil)

O POVO e GPTW divulgarão as Melhores Empresas para Trabalhar no Ceará

A entrega do Prêmio Melhores Empresas Para Trabalhar no Ceará 2017 vai ocorrer nesta sexta-feira, às 12 horas, durante almoço no Centro de Eventos. Organizadores da premiação, do Instituto Great Place Work (GPTW) e do O POVO, confirmam a inclusão da categoria “Pequenas Empresas”, ou seja, empresas que tenham a partir de 30 funcionários. Há, também , as categorias Médias Empresas e Grandes Empresas.

Ao todo, serão 50 empresas premiadas de acordo com pesquisa feita diretamente com os colaboradores. Essa mesma pesquisa é aplicada em mais de 50 países. No início deste ano, 16 empresas cearenses foram para a lista nacional.

O presidente do GPTW Brasil, Ruy Shiozawa, e o vice-presidente do O POVO, Dummar Neto, comandarão o evento, considerado um dos mais disputados do País.

Camilo Santana nos embalos da juventude

Quem esteve no Cuca da Barra, em Fortaleza, conferindo a solenidade de lançamento do programa Ceará Atleta, que garantirá bolsas para atletas em várias modalidades esportivas, notou algo: a popularidade do governador Camilo Santana (PT) com os jovens.

O assédio pro selfie com Camilo foi tão intenso que fez o governador, após o ato, passar quase uma hora papeando e posando ao lado de uma juventude que, sem sombra de dúvida, em 2018, pesará muito nas urnas.

O marketing eleitoral do Abolição sabe disso.

(Foto – Divulgação)

Gilmar Mendes – É preciso corrigir abusos das delações

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, disse, nessa quinta-feira (16), que é preciso corrigir abusos na celebração de acordos de delação premiada formalizados pelo Ministério Público Federal (MPF). O comentário do ministro foi feito após a decisão do ministro Ricardo Lewandowski, que devolveu à Procuradoria-Geral da República (PGR) acordo de colaboração do publicitário Renato Pereira, responsável por campanhas eleitorais do PMDB do Rio de Janeiro, entre elas as do ex-governador Sérgio Cabral e do atual governador, Luiz Fernando Pezão.

Ao avaliar as colaborações, Mendes disse que o Supremo discute há muito tempo o aperfeiçoamento das delações, no entanto, eventuais erros não podem contaminar o mecanismo de investigação. “É importante que eventuais erros que ocorram não contaminem o próprio instituto, porque daqui a pouco nós passamos a cogitar da sua própria extinção por conta dos abusos. É preciso corrigir os abusos”, afirmou.

O caso

Na terça-feira (14), Lewandowski devolveu à PGR pedido de homologação do acordo de Renato Pereira. Na decisão, Lewandowski pediu que algumas cláusulas sejam revistas pela PGR.

Ao negar momentaneamente o pedido para homologar a colaboração, o ministro não concordou com cláusulas que foram fechadas pela PGR durante a gestão do então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, por entender que a maioria dos benefícios não pode ser concedida pelo Ministério Público. Para Lewandowski, o perdão de penas privativas de liberdade e a suspensão do prazo prescricional somente podem ser determinadas por meio de sentença judicial.

(Agência Brasil)

O Senado, Cid e Capitão Wagner

446 1

Capitão Wagner e Cid Gomes – em  algum lugar do passado.

Da Coluna Vertical, no O POVO desta sexta-feira (17):

Setores da oposição admitem que o deputado estadual Capitão Wagner (PR) teria chances de vitória, caso decida se candidatar a uma das vagas para o Senado, em 2018. Por enquanto, Wagner diz que briga para disputar o Governo e, noutra hipótese, postular cadeira de deputado federal.

Já na base do governador Camilo Santana (PT), o ex-governador Cid Gomes (PDT) é tido como favorito para ocupar uma das vagas de senador.

A questão, no entanto, é saber como Camilo e os Ferreira Gomes vão baixar o fogo dos petistas que, como já avisou a deputada federal Luizianne Lins, não abrirão mão da vaga, aludindo até a uma recomendação da executiva nacional do partido.

Repórteres do O POVO são finalistas no Prêmio Geneton Moraes Neto

Reportagens dos jornalistas Rômulo Costa e Domitila Andrade, do O POVO, estão entre as pré-selecionadas para o Prêmio Geneton Moraes Neto de Jornalismo, da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj).

Rômulo é autor de série sobre o Edifício São Pedro. Já Domitila concorre com reportagem sobre os 120 anos da Guerra de Canudos.

(Foto – Tatiana Fortes)

STF confirma condenação de Bolsonaro por danos morais à deputada Maria do Rosário

A Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve, por unanimidade, decisão da primeira instância que condenou o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) a pagar R$ 10 mil de indenização por danos morais à deputada Maria do Rosário (PT-RS). A decisão foi tomada no dia 24 de outubro, mas publicada na semana passada.

Em agosto, o colegiado julgou o caso pela primeira vez, mas a defesa do deputado entrou com novo recurso para esclarecer supostas omissões e contradições na decisão. O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) condenou Bolsonaro por ter dito, em 2014, que Maria do Rosário não mereceria ser estuprada por ser “muito feia”, não fazendo seu “tipo”.

A defesa de Bolsonaro argumenta que tem imunidade constitucional, não podendo ser alvo de ações do tipo ou de condenações por palavras que tenha proferido enquanto deputado. Entretanto, a Justiça entendeu até o momento que as declarações dele foram feitas fora do contexto da atividade parlamentar.

Bolsonaro é réu no Supremo Tribunal Federal (STF) em duas penais por causa do mesmo episódio, ambas relatadas pelo ministro Luiz Fux.

(Agência Brasil)

Inflação do país nos últimos 11 anos pesou mais no bolso do pobre, diz Ipea

No período entre julho de 2006 e setembro de 2017, a inflação foi mais pesada para a população de renda mais baixa. Dados analisados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e publicados na nota técnica sobre Inflação por Faixa de Renda indicam que, no período, enquanto a inflação ficou em 102% para quem tem renda mais baixa, registrou 86% para os de renda mais alta.

A técnica de planejamento e pesquisa da Diretoria de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea, Maria Andréia Parente Lameira, destacou que, neste período, houve uma influência grande dos alimentos. “Neste tempo de 10, 11 anos, mesmo tendo uma queda recente [no preço] de alimentos, a gente teve pelo menos dois choques fortes de alimentos, que jogaram a inflação lá para cima, e isso, de fato, pesou muito mais nas famílias de renda mais baixa”, disse.

Mas, no processo de desinflação recente, a análise apontou que, apesar de generalizado, as famílias de menor poder aquisitivo foram beneficiadas de forma mais intensa. Em outubro, a inflação acumulada em 12 meses dessas famílias teve alta de 2%, enquanto que, para o segmento da população mais rica, ficou em 3,5%.

O percentual das famílias de renda mais baixa também foi influenciado pelos alimentos, mas dessa vez pelo recuo dos preços. Nessa faixa, o peso na cesta de consumo é de 29%, bem maior do que o que incide na faixa mais alta, que é de 10%. Para o segmento econômico mais alto, o peso maior ocorreu em outros segmentos que apresentam variações mais altas e maior rigidez à baixa, como mensalidades escolares e planos de saúde, que impedem uma queda mais acentuada na inflação do grupo.

Segundo a pesquisadora, nos planos de saúde e em serviços médicos, os mais pobres gastam aproximadamente 1,5%, já para os mais ricos, a despesa sobe para quase 7%. Em educação, a diferença é ainda maior. Enquanto os mais pobres gastam 2%, os mais ricos, 10%. “Isso quer dizer que, quando tem uma alta muito elevada em mensalidade escolar, isso vai bater muito forte na inflação dos mais ricos, mas, em compensação, praticamente não vai influenciar a dos mais pobres”, explicou.

(Agência Brasil)

Começa a segunda etapa de pagamento do PIS-Pasep a idosos

Os aposentados com valores nas contas do PIS-Pasep na Caixa e no Banco do Brasil (BB) podem sacar a partir de hoje (17). É a segunda etapa do calendário de pagamento, divulgado em setembro por esses bancos.

Na última terça-feira (14), 417 mil aposentados, correntistas do BB e da Caixa, foram beneficiados com o crédito em conta, representando pagamentos no valor de R$ 446 milhões.

Os pagamentos começaram em outubro. Na primeira fase, homens e mulheres com mais de 70 anos foram beneficiados. Para aqueles que ainda não sacaram, não há data limite para retirar o dinheiro, os recursos continuarão no fundo à disposição dos correntistas.

Até quarta-feira (15), R$ 764 milhões já haviam sido pagos, beneficiando 693 mil pessoas.

Mais de R$ 9 bilhões, pertencentes a cotistas com mais de 70 anos – ou seus herdeiros, em caso de falecimento – continuam à disposição. Os bancos lembram que se a pessoa não puder comparecer à agência, por motivo de saúde por exemplo, o saque poderá ser feito por procuração.

Os cotistas do Pis-Pasep que têm contas na Caixa e no Banco do Brasil, mas que não receberam o crédito automático, devem procurar as agências para atualizar os cadastros. A falta do CPF, por exemplo, impede o depósito automático. Regularizando os dados cadastrais, o saque pode ser feito.

Tem direito às cotas o trabalhador cadastrado no Fundo entre 1971 e 04/10/88, que ainda não tenha sacado o saldo total da conta individual de participação. A MP 797/2017 alterou a idade para saques. Passaram a ter direito não apenas os trabalhadores com idade superior a 70 anos, mas também os aposentados e as mulheres com 62 anos ou mais e homens a partir de 65 anos.

Maiores informações podem ser obtidas nos sites da Caixa e do Banco do Brasil ou pelos telefones 0800 726 0207 (Caixa/Pis), 0800 729 0001 e 4004-0001 (BB/Pasep)

(Agência Brasil)

Economia deve continuar crescendo, ainda que devagar, indica pesquisa da FGV

O estudo que mede o comportamento dos principais movimentos econômicos registrou nova alta em outubro, confirmando a tendência de crescimento da economia brasileira. O Indicador Antecedente Composto da Economia (Iace) para o Brasil subiu 0,6%, em outubro sobre setembro, chegando aos 110,9 pontos. Dos oito componentes do Iace, seis ajudaram a elevar a taxa. A maior participação partiu do Índice de Expectativas do Setor de Serviços, que teve alta de 2,3%.

A medição, feita pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV), em parceria com o instituto de consultoria norte-americano The Conference Board (TCB), avalia as mais importantes ações do mercado de capitais, títulos públicos e pesquisas de sondagem da confiança de empresários e consumidores.

Já em relação ao Indicador Coincidente Composto da Economia (ICCE) do Brasil, que analisa o momento atual da economia, houve pequena queda de 0,1%, ficando em 99,5 pontos. Essa foi a primeira redução desde março, mas ela não significa uma mudança no processo de crescimento econômico, segundo avalia o economista Paulo Picchetti, responsável pela pesquisa. Para ele, isso mostra apenas um ritmo mais lento. “O resultado demonstra a lentidão da retomada no nível de atividade. Mas, ainda que lentamente, esta recuperação deve ter prosseguimento, como apontado pelo Iace”, afirma ele.

De acordo com a pesquisa, cada um dos oito componentes econômicos analisados vem se mostrando, individualmente, eficiente em antecipar tendências econômicas. Reunidos no Iace, eles funcionam como espécie de filtro para os “ruídos”, o que ajuda a identificar a real tendência econômica.

Lançado em julho de 2013, o Iace permite uma comparação direta dos ciclos econômicos do Brasil com os de outros 11 países e regiões já cobertos pelo The Conference Board: China, Estados Unidos, Zona do Euro, Austrália, França, Alemanha, Japão, México, Coreia, Espanha e Reino Unido.

(Agência Brasil)

Fortaleza é a quarta no País em indenizações por morte no trânsito

240 1

O volume de indenizações pago pela Seguradora Líder, administradora do Seguro DPVAT, entre janeiro e outubro de 2017, foi 8% menor que no mesmo período do ano anterior, totalizando 325.638 mil demandas atendidas. Quando avaliada somente a natureza indenizada, o dado alarmante está nas indenizações por morte, que cresceram 27% em relação ao mesmo período de 2016, atingindo 34.105 mil casos. Na cobertura por Invalidez Permanente, total ou parcial, foram registrados 242.606 mil ocorrências. Embora representem o maior volume de indenizações pagas (75%) no período, esse montante foi 14% inferior ao registrado no mesmo intervalo de tempo do ano anterior.

O ranking das 10 cidades com maior número de indenizações pagas nesses dez meses do ano é formado apenas por capitais: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Fortaleza, Manaus, Belo Horizonte, Goiânia, Curitiba, Recife e Salvador, na ordem do maior para o menor volume de sinistros. “Os dados mostram a abrangência da cobertura do Seguro DPVAT e o seu impacto social positivo, ao garantir cobertura para todos os brasileiros vítimas de acidente de trânsito no território nacional. O seguro garante para as vítimas a possibilidade de recomeçarem, depois do trauma de um acidente de trânsito”, reforça Ismar Tôrres, diretor-presidente da Seguradora Líder-DPVAT.

A análise geral dos dados da Seguradora Líder indica que as principais vítimas do trânsito brasileiro são homens (75%) e pessoas com idades entre 18 e 34 anos (49%). Em números absolutos, são 158.428 vítimas de acidentes de trânsito beneficiadas pela cobertura oferecida pela Seguradora Líder.

Os dados consolidados de janeiro a outubro de 2017 mantêm um padrão já registrado em levantamentos anteriores, com os acidentes com motocicletas liderando o volume de indenizações (74%), apesar de representarem apenas 27% da frota nacional. No período, residentes no Nordeste foram, percentualmente, os que mais receberam indenizações pagas pelo Seguro DPVAT (32%). A frota de veículos da região é a 3ª maior do País (17%), sendo superada por Sudeste (49%) e Sul (20%).

SERVIÇO

*Para ler o Boletim Estatístico na íntegra, clique aqui.

Governo inscreve para concurso de presépios

A Central Cearense de Artesanato (Ceart) está com inscrições abertas, até a próxima segunda-feira (20), para o XXI Concurso de Presépio Artesanal 2017. O objetivo do certame é valorizar o artesanato cearense e divulgar as diversas tipologias artesanais do Estado. Podem participar artesãos cadastrados no Programa Estadual para o Desenvolvimento do Artesanato, com a confecção de peças seguindo a tipologia da qual ele é fornecedor.

“Este concurso é mais uma ação do Governo do Ceará em benefício dos artesãos cearenses. Um incentivo à produção do legítimo artesanato do nosso estado. Os presépios produzidos são belíssimos e a população pode adquirir o produto, que estará disponível após a premiação do dia 30 de novembro, para enfeitar o seu Natal”, explica a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana.

Os três primeiros lugares receberão prêmios nos valores: R$ 2.400,00; 1.200,00 e 800,00, respectivamente. Os trabalhos serão avaliados por uma comissão, formada por personalidades das artes e da cultura no Estado, nos dias 23 e 24 de novembro, e ficarão expostos na loja da Praça Luiza Távora, entre os dias 21 de novembro e 6 de janeiro de 2018.

SERVIÇO

*Inscrições na Coordenadoria do Desenvolvimento do Artesanato, localizado na avenida Santos Dumont, nº 1589 (Praça Luíza Távora). Fazer a inscrição mediante apresentação da carteira de identidade artesanal, no horário das 8h30min às 16h30min.

*Mais Informações – 3101.1637.

TCE fiscalizará 16 municípios até o fim deste ano

253 1

Edilberto Pontes preside o TCE.

Mais três municípios serão fiscalizados presencialmente pelo Tribunal de Contas do Estado do Ceará. A informação é da assessoria de imprensa do TCE, adiantando que as inspeções ocorrerão na próxima semana, no período de 20 a 24 próximos.

As cidades escolhida são Ipu, São Benedito e Banabuiú, esta por sorteio, adianta o presidente da Corte, conselheiro Edilberto Pontes.

Com isso, chegará a 12 o número de prefeituras visitados pelo TCE, após o órgão assumir as atribuições do extinto TCM, cujos orçamentos de 2017 totalizam mais de R$ 8,9 bilhões. Até o final do ano, mais quatro administrações devem ser incluídas na ação, totalizando 16.

(Foto – TCE)

Prefeitura de Sobral abre seleção para especializações em Saúde da Família e Saúde Mental

A Secretaria da Saúde de Sobral (Zona Norte) está divulgando o Processo Seletivo Unificado para a seleção de candidatos aos cursos de especialização em Residência Multiprofissional em Saúde da Família (RMSF) e Residência Multiprofissional em Saúde Mental (RMSM). No total serão 40 vagas, sendo 30 para Residência Multiprofissional em Saúde da Família e 10 para Residência Multiprofissional em Saúde Mental.

As inscrições, segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura de Sobral, que serão realizadas de forma presencial, foram iniciadas nesta quinta-feira (16/11) e seguirão até o próximo dia 1º de dezembro, na Secretaria Acadêmica da Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Sabóia, situada na Avenida John Sanford, nº 1320, Junco, Sobral/CE, no horário das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas.

Pelos Correios, as inscrições seguem até o próximo dia 24 de novembro, devendo a documentação da inscrição ser obrigatoriamente enviada via SEDEX para o endereço da Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Saboia.

SERVIÇO

*Para maiores informações, o candidato pode acessar o edital clicando AQUI.