Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

TJ do Ceará registra a entrada de 30 processos em três dias de plantão

O Tribunal de Justiça do Ceará registrou a entrada de 30 processos durante os três primeiros dias do recesso forense, que teve início na terça-feira, dia 20 de dezembro. Somente nessa quinta-feira (22/12), foram protocoladas nove ações. O plantonista foi o desembargador Mário Parente Teófilo Neto.

Das nove ações protocoladas, o magistrado analisou seis habeas corpus, indeferindo três deles e não apreciando o pedido dos demais. Vale destacar que os pedidos de liberdade foram indeferidos por necessitarem de análise mais detalhada ou por não se tratarem de matéria de plantão.

O desembargador deixou de apreciar ainda dois agravos de instrumento e um pedido de liminar em ação de obrigação de fazer, porque também não serem matérias de competência do plantão judicial.

Os plantões no Judiciário cearense seguem até o dia 6 de janeiro de 2017, data em que se encerra o recesso da Justiça estadual. Desembargadores e juízes se revezam para garantir o funcionamento da prestação jurisdicional.

(Site do TJ/CE)

Grupo cearense Pleimec reforça parceria com a multinacional Polycom

agnaldobarbo

Pausa para almoço de negócios.

Agnaldo Brabosa, diretor da Polycom de Brasília, encontra-se a serviço em Fortaleza. Ele trata de negócios com o diretor regional do Grupo Pleimec, Dario Frota.

Na agenda, avaliações do ano, mas, também, ações voltadas para a expansão de projetos no campo da informática e, em especial, videoconferência e outros programas do interesse do mercado.

A cearense Pleimec é uma das mais premiadas internacionalmente por comercializar o portfólio da norte-americana Polycom.

(Foto – Divulgação)

Eleição da nova mesa diretora da Câmara já tem data

brasil-politica-rodrigo-maia-presidente-camara-dos-deputados-20160922-01

Rodrigo Maia é candidatíssimo a presidente.

A eleição para o cargo de presidente da Câmara e dos demais integrantes da Mesa Diretora foi marcada para o dia 2 de fevereiro. O presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), informou o cronograma em ofício encaminhado aos líderes dos partidos. O mandato dos eleitos será de dois anos.

Além da presidência da casa, mais dez cargos estarão em disputa: duas vice-presidências, quatro secretarias e quatro suplências de secretaria. A Mesa Diretora tem a atribuição de dirigir os trabalhos legislativos e os serviços administrativos da Câmara.

O prazo para o registro das candidaturas termina às 23h do dia 1º de fevereiro. Os partidos terão até as 12h desse mesmo dia para formar blocos parlamentares para concorrer à eleição. Às 15h, será realizada a reunião de líderes para definir a divisão dos cargos da Mesa Diretora. Qualquer deputado pode ser candidato à presidência da Casa. Os demais cargos da Mesa são distribuídos de acordo com a proporcionalidade partidária. Assim, os partidos ou blocos escolhem os cargos que pretendem ocupar. Podem disputar o voto apenas parlamentares do partido ou bloco a que cabe a vaga.

A eleição

Na eleição da Câmara, a votação ocorre em urnas eletrônicas usadas nos pleitos nacionais. No início da sessão para a eleição da Mesa, é uma tradição que cada candidato à presidência da Casa discurse.

Para ser eleito em primeiro turno para a presidência, o candidato terá de obter metade mais um do total de votos – maioria absoluta, observado o quórum mínimo de 257 votantes.

Se isso não ocorrer, os dois mais votados concorrem em segundo turno e será eleito aquele que obtiver maioria simples. Em ambos os casos, os votos em branco serão contados para efeito de quórum. No caso de empate, prevalecerá o candidato com maior número de legislaturas. Se ambos tiverem o mesmo número de mandatos, vencerá o mais idoso.

Inicialmente são apurados os votos para presidente da Câmara, que, após eleito, comanda a apuração dos votos para os demais cargos da Mesa Diretora.

Na última sexta-feira (21), Rodrigo Maia disse que só deverá decidir se irá concorrer à presidência da Casa para um mandato de dois anos em janeiro, após avaliações políticas com o seu partido e deputados. Na opinião de Maia, não há impedimento legal para que ele entre na disputa, pois não está escrito na Constituição que quem cumpre mandato-tampão não pode ser candidato à reeleição. Maia foi eleito para o cargo após a renúncia de Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

A eleição está marcada para as 9 horas do dia 2 de fevereiro. No mesmo dia, em horário a ser definido, haverá sessão do Congresso Nacional para abertura da próxima sessão legislativa. A inauguração dos trabalhos prevê a presença de um enviado do presidente da República com a mensagem presidencial que será lida pelo 1º secretário do Congresso.

(Agência Brasil)

Camilo inaugura sistema de reservas hídricas para a Região Metropolitana de Fortaleza

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=hA1MjrAi-3A[/embedyt]

Camilo acionou abertura de comportas.

O governador Camilo Santana (PT) inaugurou, nesta amanhã de segunda-feira, em Pacatuba (Região Metropolitana de Fortaleza), mais uma obra de infraestrutura hídrica para a Região Metropolitana: o Sistema de Captação Pressurizada no Açude Gavião, com investimento de R$ 6,8 milhões do Governo do Estado.

A obra deverá garantir ao sistema atendido pela ETA Gavião a possibilidade de explorar o volume reservado no açude e, assim, aumentar a segurança quanto à manutenção do abastecimento da RMF até a próxima quadra chuvosa.

Contas do governo federal têm déficit recorde de R$ 38,4 bilhões em novembro

O Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) registrou em novembro um déficit primário de R$ 38,356 bilhões, o pior resultado para o mês desde 1997, início da série histórica do indicador. O dado foi divulgado hoje (26) pelo Tesouro Nacional.

O resultado primário é calculado com base nos gastos correntes do governo, excluindo da conta os custos com os juros da dívida pública. O resultado negativo recorde de novembro elevou o déficit primário registrado nos 11 primeiros meses do ano para R$ 94,158 bilhões, também o maior da série histórica. Entre janeiro e novembro de 2015, o déficit havia somado R$ 54,1 bilhões.

Para dezembro, o governo espera mais R$ 73,5 bilhões de déficit, o maior da história caso se concretize. A projeção se deve à expectativa do governo de quitar grande parte dos restos a pagar provenientes de exercícios anteriores. O governo federal possui um passivo de R$ 67,5 bilhões herdados de orçamentos passados, que são serviços e produtos adquiridos e ainda não pagos.

“Estamos engajados em fazer um pagamento adicional e mais reforçado de restos a pagar, de modo a reduzir o estoque dessa conta”, disse a secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi.

Meta fiscal

De acordo com as previsões do Tesouro Nacional, o Governo Central deve fechar o ano com déficit primário de R$ 167,7 bilhões, abaixo da meta aprovada pelo Congresso para 2016, de R$ 170,5 bilhões negativos.

O valor foi recalculado para baixo para compensar uma menor economia dos estados e também absorver os R$ 2,8 bilhões de prejuízos que serão registrados pelas empresas estatais em 2016, de acordo com o Tesouro. Com isso, o governo federal pretende garantir o cumprimento da meta fiscal total (União, estados, municípios e empresas estatais), que segundo a Lei de Diretrizes Orçamentárias, deve ficar em R$ 163,9 bilhões negativos.

O resultado das contas públicas em novembro vem na contramão do registrado em outubro, quando o Governo Central registrou superávit primário recorde de R$ 40,8 bilhões em razão da receita proveniente da regularização de ativos do exterior, programa que ficou conhecido como repatriação.

Previdência e receita líquida

Em novembro, a Previdência foi o item que mais contribuiu para o resultado negativo das contas do Governo Central, segundo o Tesouro. Entre janeiro e novembro, o setor acumula déficit de R$ 144,9 bilhões. Desse valor, R$ 77,6 bilhões estão ligados à previdência especial dos servidores públicos federais.

Entre janeiro e novembro de 2016, os gastos com benefícios previdenciários cresceram 6,8% em termos reais, descontada a inflação, na comparação com o mesmo período de 2015.

A queda na arrecadação também contribuiu para o resultado negativo das contas públicas em novembro. Nos 11 primeiros meses de 2016, a receita líquida caiu 2,5% em termos reais, já descontada a inflação, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Somente em novembro deste ano, o governo federal arrecadou R$ 500 milhões a menos do que novembro de 2015, queda de 7,2% em termos reais, isto é, descontados os efeitos da inflação no período.

(Agência Brasil)

Derrotado em Massapê, filho de Zezinho Albuquerque ocupará cargo na Prefeitura de Fortaleza

488 6

camilkror

O governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio com Antonio Albuquerque.

O prefeito de Massapê, Antônio Albuquerque (PP), que tentou e perdeu a reeleição, não vai ficar na saudade, já prepara a mudança para Fortaleza.

Ele é o nome que o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), escolheu para titular da Secretaria Executiva Regional VI.

Antonio Albuquerque chega com a moral de quem é o vice-presidente estadual do PP e também filho do presidente reeleito do Poder Legislativo, Zezinho Albuquerque (PDT).

(Foto – Divulgação)

Escola de Surf do Cais do Porto e um Natal de solidariedade

cestasss

A campanha “Papai Noel do Surf”, que foi coordenada pela jornalista Natália Fonteles, obteve êxito. Todas as cestas básicas arrecadadas foram entregues para a Escola Beneficente de Surf Titanzinho (EBST), que usa o esporte como ferramenta de inclusão social na comunidade do bairro Cais do Porto.

A entrega ocorreu na última sexta-feira, 23, na EBST. Débora Santos, mulher do surfista Fera, fundador da EBST, recebeu as doações.

Atualmente , a EBST conta com 30 crianças e adolescentes.

Em clima natalino, grupo Brincantes Cordão de Caroá fará cortejo pelas ruas do Benfica

caroaza

Prossegue a programação natalina em Fortaleza.

Nesta segunda-feira, a partir da 19 hora, haverá cortejo do grupo Brincantes Cordão do Caroá pelo bairro Benfica.

No trajeto, anúncio, louvores e festejos pelo nascimento do menino Jesus. O grupo começará o cortejo saindo da sua sede, na Avenida da Universidade, 2910, e segue pelas ruas do bairro ao longo da noite.

O Cordão do Caroa é um programa de extensão da Universidade Federal do Ceará.

(Foto – Divulgação)

Uma crítica ao cantor Roberto Carlos

Com o título “Ainda há juízes em Berlim”, eis artigo do promotor de justiça Walter Filho. Ele comenta uma decisão da Justiça envolvendo um corretor de imóveis e o cantor Roberto Carlos. Confira:

A revista Veja, edição 2509, traz uma reportagem com o cidadão brasileiro Roberto Carlos Vieira. Um capixaba que abriu um negócio imobiliário na cidade de Vila Velha. Sem imaginar o que vinha pela frente, resolveu denominá-lo ROBERTO CARLOS IMÓVEIS. Nada de ilegal e, claro, é um direito registrar a empresa com o nome próprio, desde que não reproduza outras registradas, ou seja, deverá ser diferente de outros nomes já existentes no ramo escolhido.

No ano de 2014, o corretor Roberto Carlos foi surpreendido por uma ação judicial movida pelo cantor e compositor Roberto Carlos Braga. Foi o início de um calvário imposto pelo poderoso artista ao médio empresário que nada, absolutamente nada, fizera para ser molestado com tamanha estupidez. O Rei acionou seus advogados e ingressou na Justiça para impedir seu xará de trabalhar com o nome legalmente escolhido.

Eis que o juiz da causa julgou IMPROCEDENTES os argumentos dos causídicos do cantor. Portanto, em primeira instância venceu o corretor – vencerá sempre, basta encontrar um JUIZ. Na entrevista, ele fala dos prejuízos materiais e emocionais causados pelo litígio. Diz que sua vida foi destruída e terá de recomeçar tudo do zero. Imagina as noites em claro, o medo diante do gigante que ameaça a retirada do pão nosso de cada dia. Enfrentar poderosos em processos judiciais e na vida diária não é tarefa fácil. Há sempre um bajulador disposto a sórdidas práticas para agradar-lhes. Nestas horas surgem as testemunhas falsas cuspindo violência.

Roberto Carlos Braga parece não ter aprendido com os dissabores da vida pessoal, marcada, infelizmente, por tragédias familiares. Não há justificativa para seu ato, manchado por puro egoísmo – gesto tirânico.

Sempre existiram mais ídolos do que realidades. E o pior, a maioria perdoa aos artistas uma multidão de crimes e pecados – que seriam imperdoáveis se praticados por um simples corretor ou mesmo um açougueiro. É a chamada glorificação da ignorância.

*Walter Filho

walterfilhop@gmail.com

Promotor de justiça.

Anac reajusta tarifas cobradas por seis aeroportos

A Agência Nacional de Aviação Civil  (Anac) publicou hoje (26) no Diário Oficial da União decisão de alteração unilateral no contrato de concessão de seis aeroportos do país. As alterações modificam, entre outros pontos, valores de taxas de embarque de voos domésticos e internacionais.

As taxas serão alteradas nos aeroportos internacionais do Galeão, no Rio de Janeiro; de Cumbica, em Guarulhos (SP); Juscelino Kubitschek, em Brasília; Tancredo Neves/Confins, em Belo Horizonte; Viracopos, em Campinas (SP); e de São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte.

De acordo com a Anac, independentemente da tarifa praticada e dos reajustes decorrentes do contrato de concessão de cada aeroporto, para voos internacionais será aplicado valor adicional do Fundo Nacional de Aviação Civil (FNAC) que corresponderá sempre a US$ 18. As alterações começam a valer a partir de 1º de janeiro de 2017.

(Agência Brasil)

Prefeita eleita de Canindé não convoca vereador para seu secretariado

A prefeita eleita de Canindé, Rozário Ximenes (PMDB), que obteve 47,35% dos votos, promete priorizar o turismo religioso. Ou seja, vai reforçar as ações que atraem ou que digam respeito às procissões de São Francisco das Chagas. Para ela, essa é uma das alternativas de gerar mais emprego e renda no município que sofre dificuldades por conta da seca.

“Queremos apostar no desenvolvimento sustentável e priorizar ainda a saúde e a educação”, acentuou a primeira mulher que governará Canindé.

Rozário Ximenes também definiu uma posição política: fará uma “ampla reforma na Prefeiteura” e adianta que seu secretariado, com posse dia 2 de janeiro, não terá vereador.

“Pretendo fazer um levantamento sobre a real situação dos servidores da prefeitura, além de uma auditoria em todas as secretarias”, adiantou a prefeita eleita de Canindé.

Cearenses de olho em vagas da futura mesa diretora da Câmara

O-vice-líder-da-bancada-do-PMDB-na-Câmara-Danilo-Forte-CE

O deputado federal Danilo Forte (PSB), com bom trânsito no Planalto, está articulando para fazer parte da futura mesa diretora da Câmara dos Deputados.

A informação circula em Brasília e dá conta de que haveria interesse do governo em colocá-lo em posição estratégica da mesa. Danilo ainda não comentou o assunto.

Já o também cearense André Figueiredo não esconde ter o desejo de disputar a presidência da Câmara dos Deputados. Ele é do PDT, que faz oposição ao governo Temer e diz que há insatisfações na base.

 

Vendas nos supermercados registram alta de 1,51%

As vendas do setor supermercadista acumulam alta de 1,51% de janeiro a novembro, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Em novembro, as vendas em valores reais apresentaram queda de -0,23% na comparação com o mês de outubro e alta de 5% em relação ao mesmo mês do ano de 2015.

Já em valores nominais, as vendas apresentaram queda de -0,05% em relação ao mês anterior, mas quando comparadas a novembro de 2015 a alta foi surpreendente: 12,34%. No acumulado do ano, as vendas cresceram 10,15%.

(Veja Online)

Deputados federais – R$ 7,9 milhões em viagens ao Exterior

foto avião pinto martins 150831

A Câmara dos Deputados gastou, de 2010 até o início de novembro deste ano, em valores corrigidos, a bagatela de R$ 7,9 milhões em diárias para as viagens internacionais de seus deputados. Eles têm direito a cerca de R$ 1.400 para cada dia em missão fora do país.

Os valores crescem ano a ano exceção a 2014, quando houve eleição. Em 2010 foram R$ 656 mil contra R$ 1,8 milhão nos dez primeiros meses de 2017. Em passagens internacionais, foram gastos outros R$ 12,7 milhões no mesmo período.

A Câmara sustenta que as viagens estão condicionadas a ganhos institucionais e à “promoção do intercâmbio legislativo, das relações comerciais e do compartilhamento de tecnologias, entre outros ganhos”.

(Com Agências)

Um aposentado salvo pelo gongo

Com o título “Salvo pelo gongo, aposentei-me!”, o ex-secretário da Saúde do Ceará, Arruda Bastos, critica regras da Reforma da Previdência articulada pelo governo de Michel Temer. Confira: 

A expressão “salvo pelo gongo” tem duas origens conhecidas: a primeira nas lutas de boxe e a segunda na morte. No boxe, refere-se ao fato de um pugilista acuado poder ser salvo pelo fim do assalto ou round com o soar do gongo, é a versão mais difundida. Na morte, remete ao medo que as pessoas tinham de serem enterradas vivas, o que levou à instalação de cordas dentro dos caixões, por meio das quais o “ressuscitado” podia tocar um sino e avisar que não estava morto.

As duas origens da expressão podem ser usadas atualmente para alguém em condições de se aposentar. No meu caso em particular, posso dizer que fui salvo pelo gongo. Muitos sessentões da minha idade estão próximos ou completaram recentemente seu tempo de serviço que, atualmente, é de 35 anos. Com as novas regras propostas, os trabalhadores passarão a almejar a idade mínima de 65 anos e, desejando receber aposentadoria integral, contribuirão por longos 49 anos. Parece absurdo, mas é verdade: a maioria dos trabalhadores não vai se aposentar.

Como médico, sempre tive uma carga de trabalho muito intensa e estressante com plantões, cirurgias, ambulatórios, enfermarias, consultórios, cargos de gestão e até Secretário da Saúde do Ceará. Todos os médicos quando alcançam a minha faixa etária e o meu tempo de atividade encontram-se um tanto estafados e almejam uma melhor qualidade de vida, com merecida aposentadoria, mesmo continuando a exercer a profissão em atividades de menor desgaste físico e emocional.

Com as novas regras, fico a imaginar os trabalhadores da construção civil, dos estaleiros, do comércio, de serviços gerais e de muitas outras profissões extremamente desgastantes no aspecto físico e emocional. Como se aposentar integralmente só será possível com 49 longos anos de contribuição, a grande maioria vai morrer antes de conseguir essa façanha. Um crime contra quem trabalhou intensamente para o desenvolvimento do nosso país.

O meu desejo era de dedicar esse artigo integralmente para agradecer a convivência harmoniosa que sempre tive no querido Hospital da Polícia Militar, hoje Hospital José Martiniano de Alencar. Falar do carinho que tenho dos seus atuais e antigos diretores, funcionários, colaboradores e colegas. Digo que vou sentir muita saudade da nossa convivência durante esses 40 anos, 35 anos como servidor público e 05 anos como estudante e prestador de serviço. São quatro décadas da minha vida dedicadas ao serviço público e a quem mais precisa: o nosso paciente.

Concursado da Secretaria de Segurança Pública em 1981, ainda no governo do saudoso Virgílio Távora, fui lotado como médico no Hospital da Polícia Militar, onde já trabalhava. Durante esses quarenta anos, desempenhei minhas atividades em diversos setores. Juntamente com o querido amigo Luiz Porto, fundamos o serviço de prevenção do câncer, unidade que chefiei e trabalhei por aproximadamente 30 anos. Nesse setor, tivemos a satisfação de implantar a cultura da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer entre os militares, seus dependentes e a população, pois nosso serviço era aberto à comunidade.

Recordo também com carinho de todos os colegas que já não estão mais entre nós e que fizeram parte integrante da minha formação profissional; da mesma forma lembro dos funcionários que se encontram na eternidade. Para não me emocionar, prefiro não citar os seus nomes. Eles tem lugar cativo nas minhas lembranças e no meu coração. Um tempo que não volta mais e que deixou um rastro indelével de saudade na minha memória.

Durante todo esse tempo de atuação profissional, vivenciei no HPM os altos e baixos da política e da gestão estadual.  Em 2007, fui cedido à Secretária da Saúde do Estado para ocupar o cargo de Secretário Executivo e, depois, de Secretário da Saúde do Ceará. Nesse período, o Hospital da Polícia vivia um dos seus momentos de maior dificuldade, com a maioria dos seus serviços e setores paralisados. Discutia-se, inclusive, nas hostes do governo, a possibilidade de encerrar suas atividades.

Digo que um dos atos que julgo de maior relevância na minha gestão a frente da SESA foi o trabalho que realizei junto ao governador Cid Gomes para obter sua autorização para a incorporação do Hospital da Polícia à Secretaria da Saúde. Como Secretário, trabalhei arduamente para seu soerguimento, inicialmente ainda na Secretaria de Segurança Pública e posteriormente na Saúde, com orçamento condizente e investimentos para sua modernização.

Quis o destino que, logo agora, que o Hospital ganha novos ares, reformado, com novos setores, centro cirúrgico, ampliação de leitos, setor de diagnóstico por imagem dos mais modernos, eu tenha que me afastar. Mesmo assim, não usufruindo como médico dos novos serviços, sinto-me recompensado por ter contribuído para o brilhante futuro que o espera. Só estou me aposentando porque, como diz o ditado, o seguro morreu de velho.

Voltando à questão da aposentadoria, conclamo a todos para, de forma organizada, lutarem contra as propostas que tramitam na Câmara dos Deputados. Acredito que só assim se fará justiça com os nossos sofridos trabalhadores. É a única forma de ainda encontrarmos pessoas que, como faço agora, aposentem-se em boas condições de saúde para escrever suas lembranças, em forma para usufruírem da nova condição e continuarem suas vidas.

Para concluir, pretendo fazer da minha ausência só o tempo bastante para que sintam minha falta, mas não a prolongarei demais para que vocês me esqueçam. Vamos dizer adeus à tristeza, que fiquem apenas as boas lembranças, só reste o amor e o agradecimento no peito, pois, no final de tudo, o que vale a pena mesmo é ser feliz.

*Arruda Bastos.

Médico, professor universitário, escritor, radialista, ex-Secretário da Saúde do Ceará e coordenador do Movimento Médicos pela Democracia.

Mercado estima que inflação e crescimento da economia fechem menores neste e no próximo ano

O Brasil terá inflação e crescimento econômico ainda menores neste ano, com queda nas projeções de ambos os indicadores também para 2017, de acordo com boletim Focus divulgado hoje (26) pelo Banco Central.

O IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), principal indicador da inflação, medido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), deve encerrar o ano em 6,40%, menos do que os 6,49% que haviam sido estimados há uma semana pelo Focus, e ainda dentro da meta oficial do governo, que é de 4,5% com tolerância de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

A queda na inflação acompanha o cenário de recessão econômica, com os economistas projetando, no penúltimo Focus do ano, uma recuo de 3,49% no PIB (Produto Interno Bruto) em 2016, numa piora ante a projeção anterior, de -3,48%.

O baixo nível da atividade econômica já havia contribuído para que o Banco Central projetasse, no relatório da inflação divulgado na semana passada, que o IPCA encerraria o ano dentro da meta.  Para 2017, os economistas preveem que a inflação será de 4,85% e que o país voltará a crescer, porém a uma taxa bastante baixa, de 0,5% do PIB.

De acordo com o Focus – registro no qual o Banco Central apura toda semana a expectativa de 100 instituições financeiras e economistas para a economia – o Comitê de Política Monetária (Copom) deve retomar a redução da taxa básica de juros, a Selic.

Na mediana das projeções, a expectativa é que a Selic encerre 2017 em 10,50%. Hoje, a taxa encontra-se em 13,25%.

(Agência Brasil)

Etufor garante linha de ônibus para alunos da Faculdade Joaquim Nabuco

vasquess

Ônibus que fazem a linha 061 vão passar também pela Praça do Ferreira (Centro)). O objetivo, segundo a Etufor, é atender alunos da Faculdade Joaquim Nabuco, que funciona na sede do antigo Hotel Savanah.

O diretor desse estabelecimento, professor Antonio Vasques, comemora o tento e aguarda a concretização do acordo, a partir do começo de 2017.