Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Vereador quer direito a livre parada no trânsito para veículos do Conselho Tutelar


O vereador Paulo Martins (PRTB) apresentou, na Câmara Municipal, o projeto de lei garante aos veículos oficiais do Conselho Tutelar de Fortaleza direito a livre parada e estacionamento no local de prestação de serviço. Ele explica que a Capital conta com oito Conselhos Tutelares distribuídos dentro das seis Regionais, sendo responsáveis por inúmeras demandas diárias em hospitais, escolas, órgãos, residências, entre outros.

“Fortaleza possui hoje um dos trânsitos mais intensos do país, com isso, por inúmeras oportunidades, as demandas do Conselho Tutelar são prejudicadas ou postergadas em razão da dificuldade para estacionar os veículos oficiais, prejudicando o desenrolar dos casos e, principalmente, as crianças e os adolescentes que estão com seus direitos violados”, disse Paulo Martins.

Em seu projeto, o vereador determina ainda alguns requisitos para que o benefício seja concedido: cadastrar e identificar o veículo por meio de placa ou adesivo de fácil identificação junto à AMC (Autarquia Municipal de Trânsito). Prevê também que a Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci) seja a responsável em conjunto com o Conselho Tutelar pela atualização dos respectivos dados cadastrais.

Prefeitura fechará parceria com a fundação americana Bloomberg

O prefeito Roberto Cláudio vai anunciar, às 15 horas desta quinta-feira, no Parque Adahil Barreto, uma nova parceria. Desta vez com a fundação norte americana Bloomberg Philanthropies. Com isso, Fortaleza passará a fazer parte da “Parceria por Cidades Saudáveis (Partnership for Healthy Cities, em inglês)”, uma rede de 50 cidades de todo o mundo que soma esforços na busca por soluções saudáveis, seguras e sustentáveis para a mobilidade urbana. Essa nova parceria tem o apoio da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Fortaleza já participa hoje da “Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global” que apoia a política de segurança no trânsito desenvolvida pela Prefeitura.

Roberto Cláudio vai apresentar também o projeto “Condutor da Esperança”, uma iniciativa que aproxima os setores empresariais e industriais da cidade para o fomento do uso sustentável do espaço público.

General Motors suspenderá contratos de 1,5 mil empregados no próximo mês

A partir do dia 5 de junho, até 1,5 mil trabalhadores da General Motors (GM), em São José dos Campos, interior paulista, devem entrar em sistema de layoff (suspensão temporária de contrato de trabalho).

Os contratos ficarão suspensos até 4 de novembro, com os salários sendo pagos, em parte pela empresa e em parte pelo governo federal. Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, ficou acertado com a empresa que todos os afetados terão os empregos garantidos até fevereiro de 2018.

Os trabalhadores atingidos pela medida também frequentarão cursos de qualificação durante o período de suspensão dos contratos. A proposta foi aprovada em assembleia dos trabalhadores da fábrica. A unidade possui cerca de 5 mil funcionários e produz os modelos S10 e Trailblazer.

Em fevereiro, a GM havia dado férias coletivas a 2,2 mil empregados na mesma unidade. No acumulado de janeiro a março, a montadora vendeu 72,4 mil veículos, segundo balanço da Associação Nacional dos. Fabricantes de Veículos Automotores. O número representa um crescimento de 3,6% diante do comercializado no mesmo período em 2016.

A GM não respondeu aos contatos da reportagem da Agência Brasil.

(Agência Brasil)

Grupo M. Dias Branco deve inaugurar mais um moinho ainda neste ano

Ivens Neto e Ivens Júnior.

O Grupo M. Dias Branco deve inaugurar, ainda neste ano, mais precisamente em dezembro, um moinho que está construindo no Rio Grande do Sul. A informação é do diretor Ivens Júnior, que está em São Paulo em ritmo de negócios.

O investimento declarado nesse empreendimento, de acordo com Ivens, é da ordem de R$ 300 milhões. Ele não adiantou outros projetos do grupo para este ano, observando que, em razão do cenário nacional, o momento é de “cautela”.

(Foto – Balada In)

Fortaleza, uma cidade refém de um trânsito feroz

Com o título “(I)mobilidade urbana”, eis artigo de José Borzacchiello, geógrafo e professor emérito da UFC, que pode ser conferido no O POVO desta quarta-feira. Ele volta a abordar o tema da mobilidade urbana e acentua: “Fortaleza é refém de um trânsito feroz que paralisa seus movimentos e compromete a eficiência da metrópole”. Confira:

A mobilidade é difícil em Fortaleza. Mais automóveis nas vias em detrimento dos transportes públicos. A função social do serviço de transporte público é garantia da normalidade do cotidiano urbano. As grandes estruturas voltadas ao transporte público, quando em pleno funcionamento, atendem razoavelmente às demandas de deslocamentos. Enquanto isso não acontece, as horas passam e vencer a inexorabilidade do tempo é um grande desafio. A todo instante, todos têm pressa, querem logo chegar aos seus destinos. Na Cidade, sempre congestionada, o problema é bem mais amplo e independe do tipo de transporte que se utiliza. Entretanto, são os dependentes dos transportes públicos os mais prejudicados.

Fortaleza é refém de um trânsito feroz que paralisa seus movimentos e compromete a eficiência da metrópole.

Vai longe o tempo da pequena capital provinciana com seus dias calmos e atividades acontecendo no seu velho e charmoso centro. Tudo se resolvia nas imediações das praças do Ferreira e José de Alencar. As calçadas eram espaços de caminhabilidade, as vitrines provocavam olhares e admiração, pessoas elegantes misturavam-se com a multidão sem nunca interromper os fluxos. Com destinos diferentes, nas ruas Guilherme Rocha e Liberato Barroso, todos pareciam seguir para o mesmo lugar.

A Cidade cresceu. A dispersão distanciou as pessoas, alterou as sociabilidades, obrigou aos que trabalhavam, estudavam e se recreavam no Centro da Cidade a acordar mais cedo e dormir mais tarde. Na periferia, a massa trabalhadora empurrada paras as áreas de moradia de menor custo, é a mais ressentida pela fricção das distâncias. A cidade se estendeu para todos. Os condomínios fechados atraíram considerável número de famílias ávidas por mais espaço doméstico, maior proximidade com a natureza e maior proteção em relação à violência dominante. A cada novo condomínio, mais automóveis aumentando o fluxo periferia/centro/periferia, intensificação do tráfego e maior imobilidade do trânsito. Em veículos refrigerados, a impaciência se repete a cada dia.

Nas áreas dos grandes conjuntos habitacionais, a angústia das horas. Em plena madrugada, antes do amanhecer, os pontos de ônibus já estão repletos de passageiros preocupados em cumprir seus compromissos. Não conseguem realizar um percurso tranquilo. São obrigados a fazer baldeações demoradas e desconfortáveis. Quando conseguem um assento livre no trecho realizado pela linha coletora, sabem que, ao chegar no terminal, começará o tormento com filas, empurra-empurra e a certeza de prosseguir o restante da viagem em pé.

Em seus automóveis, a classe média também tem suas agruras. Enfrentar uma profusão de sinais, constatar o esgotamento das vias alternativas vendo-as repletas de veículos, comprovação da deficiência dos serviços de transporte público seguro, frequente e eficiente, capaz de atrair novos usuários e contribuir para reduzir o número exagerado de carros circulando na cidade. Todos sonham com linhas de metrô de verdade, com BRT e VLT capazes de aliviar o sofrimento cotidiano dos que necessitam realizar deslocamentos. Quiçá isso aconteça!

*José Borzacchiello da Silva

borzajose@gmail.com

Geógrafo e professor emérito da UFC

Pau da Bandeira de Barbalha – Festa será tema de audiência pública na Câmara do Deputados

A Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados realizará, nesta quinta-feira, uma audiência pública sobre a Festa do Pau da Bandeira de Santo Antonio de Barbalha, uma das mais tradicionais manifestações religiosas do Ceará. A iniciativa é do deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB), destacando que o debate dará maior visibilidade aos festejos, com vistas à expansão da tradição do regional para o nacional.

Essa festa é reconhecido como patrimônio imaterial brasileiro, ao lado de manifestações como o Bumba-Meu-Boi, do Maranhão, e do Senhor Bom Jesus do Bonfim, na Bahia. “O Pau da Bandeira de Barbalha pode se transformar em um grande atrativo turístico de abertura das comemorações juninas do Nordeste”, afirma Gomes de Matos.

Festejos 

Os festejos ocorrem desde o final do século XVIII, quando foi erguida uma capela em devoção ao Santo Antonio, dando origem ao município de Barbalha. A festa do Pau da Bandeira da forma como é conhecida, atualmente, porém, acontece desde 1928.
São treze dias de festa em homenagem ao padroeiro.

A data central é o domingo mais próximo de 31 de maio – o Dia do Carregamento e Hasteamento. A atividade consiste em cortar e transportar o tronco de árvore, previamente escolhido. São percorridos cerca de sete quilômetros.

Roberto Cláudio vai à Câmara e avisa: luta para derrubar esquema que explora pequenos na José Avelino

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) encontra-se na Câmara Municipal. Ele chegou de surpresa e aborda, neste momento, todo o caso relacionado à Feira da Jose Avelino. O presidente da Casa, Salmito Filho (PDT), com base no regimento, abriu o espaço para o prefeito

Em sua fala da tribuna, Roberto Cláudio explica a importância do sítio histórico do Centro que, além da Rua José Avelino, conta com outros prédios e espaços de importância histórica e cultural para a cidade.

Sobre os conflitos, o prefeito foi categórico: “Existem argumentos falaciosos, que estamos derrubando, de que os que não podem comprar espaços privados ficarão sem poder trabalhar. Falácia pura. Estamos disponibilizando boxes públicos a esses que não podem comprar. Estamos assegurando amparo a todos eles”.

Roberto Cláudio disse ainda que sua gestão luta para derrubar esquema que explora os pequenos: “O que estamos combatendo é uma histórica estrutura de exploração de pequenos e necessitados. Uma estrutura que se ancorou, por décadas, na sonegação bilionária de tributos e na desorganização e invasão do espaço público”, disse.

*Confira a fala de RC no link: https://www.youtube.com/watch?v=WQ3MgtzL4qE

Prefeitura derruba liminar que impedia intervenções na José Avelino

374 1

No local, houve conflito, nessa terça-feira, entre feirantes e policiais militares.

O desembargador Paulo Ponte derrubou, nesta quarta-feira, a liminar que impedia a Prefeitura de Fortaleza  de promover intervenções na área que estava ocupada pela Feira da José Avelino (Centro).

A liminar foi expedida no último sábado, 14, pelo desembargador Durval Aires Filho, e recomendava que a Prefeitura de Fortaleza se abstivesse de determinar o encerramento das atividades da feira da Rua José Avelino

A assessoria de imprensa da Prefeitura informou, na ocasião, que iria recorrer e que a liminar não tratava de obras os bloqueios para as intervenções na via continuam como previsto.

Nesta manhã de quarta-feira, o prefeito Roberto Cláudio está na Câmara Municipal, onde trata com sua base acerca das intervenções na Rua José Avelino.

Nova emenda que extingue o TCM é lida na Assembleia Legislativa

357 3

Uma  nova emenda constitucional extinguindo o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) já está tramitando na Assembleia Legislativa. A iniciativa é do deputado Heitor Férrer (PSB), que obteve 31 assinaturas de apoio à matéria.

Nesta manhã de quarta-feira, o primeiro-secretário da Assembleia, Audic Mota (PMDB), fez a leitura da PEC que, dessa forma, ressuscita na Casa, peleja contra o presidente do TCM, Domingos Filho.

Conforme a nova PEC, todos os servidores efetivos ou a eles equiparados do TCM passam a ser incorporados e aproveitados no Tribunal de Contas do Estado. Será instituída comissão, composta por servidores da Corte e do TCE, para elaboração do novo plano de cargos, carreiras e remuneração da categoria. Ficam aproveitados no TCE os cargos de comissão e eventuais funções do antigo do antigo TCM, além de mantidas as funções de confiança.

A emenda extingue os cargos de conselheiro do TCM, ficando seus integrantes à disposição, e com direito da percepção integral de suas remunerações, incluídos os subsídios, direitos e vantagens pecuniárias.

Deputados que subscreveram a PEC 7/2017:

Elmano de Freitas (PT), Agenor Neto (PMDB), Antônio Granja (PDT), Evandro Leitão (PDT), Audic Mota (PMDB), David Durand (PRB), Augusta Brito (PCdoB), Carlos Felipe (PCdoB), Bethrose (PMB), DRE. Santana (PT), Ferreira Aragão (PDT), Bruno Gonçalves (PEN), DR. Sarto (PDT), Gony Arruda (PSD), Bruno Pedrosa (PP), Jeová Mota (PDT), João Jaime (DEM), Mário Hélio (PDT), Julinho (PDT), Moisés Braz (PT), Sineval Roque (PDT), Tin Gomes (PHS), Leonardo Pinheiro (PP), Rachel Marques (PT), Tomaz Holanda (PPS), Lucílvio Girão (PP), Manoel Duca (PDT), Roberto Monteiro (PDT), Zezinho Albuquerque (PDT).

Peleja política

O tribunal foi alvo de extinção via emenda aprovada em dezembro de 2017 pela Assembleia, mas o presidente do tribunal conseguiu liminar da presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, e garantiu sobrevida ao órgão até que o mérito seja julgado.

Heitor Férrer reapresentou assim a PEC, que abre nova fronteira política de uma briga que vem sendo travada por Domingos Filho e oposição contra o governador Camilo Santana, que endossou emenda pró-extinção do TCM justificando redução de despesas.

Essa peleja envolve ainda os Ferreira Gomes, que são brigados com Domingos, a partir do momento que ele teria apoiado Sérgio Aguiar (PDT) para presidente da Assembleia contra a reeleição do presidente Zezinho Albuquerque (PDT)

Cesta básica nordestina cresceu 3% em abril. O tomate foi o vilão

A cesta básica do Nordeste encerrou o mês de abril custando R$ 382,43, 3% mais cara do que no mês anterior. O aumento é o mesmo da média nacional. A informação é do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene/BNB), com dados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos, realizada pelo Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

A cesta nordestina já acumula variação de +4,5% em 2017. No primeiro quadrimestre de 2017, o preço do conjunto de alimentos essenciais cresceu em cada mês na Região mais do que em qualquer outra, comparado com o mesmo mês do ano anterior.

Tomate

No comparativo, com o mês anterior, registram aumento os preços do tomate (27,8%), café (+3,0%), farinha (+1,3%), leite (+0,5%) e pão (+0,3%). Caíram os valores da banana (-1,1%), feijão (-3,4%) e óleo (-3,4%).

A capital cearense, Fortaleza, registra variação mensal nos preços acima da média nacional (+3,5%), e tem a cesta básica de maior valor no Nordeste (R$ 423,08), 10,6% maior que o valor da cesta regional.

As maiores variações de 2017 ocorrem no preço da manteiga (+61,0%) em Aracaju; banana (+30,2%) em Fortaleza; e açúcar (+23,5%) no Recife. As maiores retrações no ano são verificadas no preço do tomate (-30,0%) em São Luis; carne (-6,7%) em Aracajú; e feijão (-5,9%) em Recife.

SERVIÇO

*Confira dados no Diário Econômico, disponível no site do Banco do Nordeste no endereço www.bnb.gov.br/diario-economico-2017.

Moro já está pronto para dar sentença de Cláudia Cruz

O juiz federal Sergio Moro já recebeu todos os documentos da ação penal da jornalista Cláudia Cruz. Como Moro é ágil na aplicação de sentenças, calcula-se que o julgamento deve ser finalizado dentro de poucos dias, informa a Coluna Radar da Veja Online.

Cláudia é acusada pelo Ministério Público Federal de ser beneficiária de dinheiro desviado e lavado em contas na Suíça. O MPF pede que ela condenada em regime fechado. Capitaneado pelo marido, o ex-deputado Eduardo Cunha, o montante teve origem em contratos firmados pela Petrobrás para a exploração de petróleo na África.

Segundo o MPF, só neste esquema foram desviados 1,5 milhão de dólares por Cunha. O ex-deputado, por sua vez, já foi condenado por Moro a 15 anos e 4 meses de prisão.

(Foto – AFP)

Eunício recebe grupo de prefeitos do Ceará e discute a crise hídrica

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=nXPcQv0o0HE[/embedyt]

Em clima de Marcha sobre Brasília, prefeitos de todo o País estão cobrando apoio financeiro do governo federal nestes tempos de crise. Os gestores aproveitam para tentar emendas junto às suas bancadas.

Um grupo de prefeitos cearenses foi recebido pelo presidente do Congresso, o senador Eunício Oliveira (PMDB), que, na ocasião, disse que ali estava como representante do Ceará e preocupado com a crise hídrica no Estado.

(Vídeo Agência Senado)

Dia Internacional de Combate à LGBTfobia é lembrado em Fortaleza

A Secretaria de Direitos Humanos, Desenvolvimento Social e Combate à Fome (SDHDS), através da Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual, promoverá, a partir das 14 horas desta quarta-feira, no Paço Municipal, o Seminário sobre Políticas Públicas para População LGBT de Fortaleza. O evento acontece em alusão a este dia 17 de Maio, data internacional de combate à LGBTfobia e erradicação de preconceitos em razão da orientação sexual e ou Identidade de Gênero.

O seminário será aberto pelo titular da Secretaria de Direitos Humanos, Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Elpídio Nogueira, e pelo Coordenador Especial da Diversidade Sexual, o ex-vereador Paulo Diógenes. Entre convidados, membros do Conselho Municipal LGBT, da Frente Parlamentar em Defesa da Cidadania LGBT da Câmara Municipal e representantes da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa, Defensoria Pública do Estado e Ministério Público Estadual.

Atividade cultural

Ainda nesta quarta-feira, haverá, a partir das 18 horas, na Praça da Gentilândia, show com apresentação de transformistas, do DJ Marcelo Fort e banda The Dillas.

Também ali está programada a Feira Empreendedora LGBT, com apoio do Sesc.

Senado promove audiência pública para debater LGBTfobia

Em comemoração ao Dia Internacional de Combate à Homofobia, a Comissão de Assuntos Sociais do Senado promove hoje (17) audiência pública mobilizar a sociedade e debater os crimes de ódio contra lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexuais (LGBTI). Autora do requerimento para a realização da audiência, a senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) ressaltou que o quadro de discriminação e violência contra pessoas LGBTI tem se repetido nas mesmas dimensões todos os anos.

Foram convidados para debater o tema a secretária especial de Direitos Humanos do Ministério da Justiça, Flávia Piovesan, o secretário de Educação da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais e diretor-presidente da Aliança Nacional LGBTI, Toni Reis, a presidente do Transgrupo Marcela Prado, a diretora administrativa da Aliança Nacional LGBTI, Rafaelly Wiest, e a advogada e secretária-geral da Aliança Nacional LGBTI, Patrícia Mannaro.

O Dia Internacional de Combate à Homofobia foi instituído em referência ao 17 de maio de 1990, quando a Assembleia Mundial da Saúde adotou a 10ª Revisão da Lista da Classificação Internacional de Doenças (CID-10) e retirou o homossexualismo do rol de distúrbios mentais, deixando de considerar a tendência como um desvio e, ao mesmo tempo, abolindo o sufixo “ismo”, que caracteriza a condição patológica.

(Agência Brasil)

Grupo do Movimento de Luta por Moradia acampa em área do Palácio Abolição

Cerca de 300 pessoas articuladas pelo Movimento de Luta por Moradia (MLM) estão acampadas ao lado do Mausoléu, em área do Palácio da Abolição. O grupo ali chegou no fim da tarde dessa terça-feira.

Eles cobram do governo estadual a entrega de apartamentos de novas etapas do Projeto Cidade Jardim, em construção no Conjunto José Walter.

Uma comissão do MLM chegou a ser recebida por vários secretários estaduais, entre os quais o secretário da Casa Civil, Nelson Martins. O grupo falou ainda com representantes da Prefeitura de Fortaleza e expôs suas queixas.

Segundo Nelson Martins, o grupo entregou suas reivindicações, mas avisou que só deixa o local se for recebido agora pelo prefeito Roberto Cláudio e pelo governador Camilo Santana.

Feira da José Avelino – Lúcio Alcântara apregoa diálogo

O ex-governador Lúcio Alcântara, mesmo no Rio de Janeiro, comemorando seus 74 anos, se dizia ontem preocupado com o caso da Feira da José Avelino. Ele, que também já foi prefeito, reconhece: como está, na rua, é inadmissível.

Enquanto Lúcio apregoa diálogo, a bancada municipal do seu partido, o PR, e o deputado estadual Capitão Wagner, também do PR, participaram ativamente das manifestações contra o Paço Municipal.

 

Camilo ao molho… por enquanto

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quarta-feira (17):

Dirigentes dos partidos de oposição ao governo Camilo (PR, PMDB, PSDB, PSD e PMB) acertaram um jantar para amanhã (18), na casa do tucano Luiz Pontes.

Segundo o deputado federal Domingos Neto, que comanda o PSD no Estado, o objetivo é avaliar o cenário político nacional, suas influências no quadro local e, a partir daí, começar a amadurecer estratégias da oposição para as eleições de 2018.

Ele deixa claro que ainda é cedo para definição de nomes, embora alguns integrantes dessa corrente já estejam buscando espaços. É o caso do Capitão Wagner (PR) e do senador Eunício Oliveira (PMDB), que afirmam ter o desejo de disputar o governo num cenário onde o nome do senador Tasso Jereissati (PSDB) também aparece, embora esteja dentro do Abolição um tucano de bico duro, no caso Maia Júnior, titular da Seplag.

De qualquer forma, uma certeza: tudo, ano que vem, dependerá, e muito, do que e de quem sobrará pós-Lava Jato.

Feira da José Avelino – PM apreende material que poderia ser usado em novos confrontos

A Polícia Militar informa ter apreendido, durante ação nesta madrugada de quarta-feira na rua José Avelino (Centro), material que poderia ser usado em ações de confronto. O material – querosene, estilingues e bilas, estava com três homens que acabaram detidos e levados a prestar esclarecimentos na distrital do Centro.

A PM está garantindo a segurança de operários que iniciam obra de urbanização do local que, até a última semana, acomodava uma feira de confecções.

A feirinha não acontece. Um trecho da rua Alberto Nepomuceno, no entorno da Jose Avelino, registra a presença de alguns manifestantes, mas o clima é tranquilo.

Nessa terça-feira, a área virou um centro de guerra entre manifestantes e polícia. O prefeito Roberto Cláudio, em vídeo, considerou as ações “gravemente criminosas” e anunciou que fará queixa-crime contra responsáveis pela violência.

(Fotos – COTAM)