Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Conjunto Nova Metrópole – Entrada de acesso é só buraco

unnamed-2

Moradores do Conjunto Nova Metrópole, que fica na cidade de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza), continuam cobrando da administração municipal o asfalto que desapareceu em trecho que dá entrada a esse polo habitacional.

Desde a administração do então prefeito Washington Goes, o trecho é motivo de cobrança. Carros e motocicletas correm o risco constante de quebra e, no horário da noite, há riscos até de assaltos.

A assessoria do prefeito Naomi Amorim (PMB), procurada, informou que há um projeto de recapeamento completo desse trecho do Nova Metrópole. A estimativa é de que os trabalhos comecem ainda neste semestre.

(Foto -Leitor do Blog)

MP do Peru ordena congelamento das contas da Camargo Corrêa no País

O Ministério Público do Peru ordenou o congelamento das contas da empreiteira brasileira Camargo Corrêa no país. A construtora é suspeita de participação no pagamento de suborno em esquemas para fraudar licitações da área de infraestrutura.

A decisão, divulgada na noite de ontem (17) pelo MP peruano por meio do Twitter, foi tomada em conjunto com a Unidade de Inteligência Financeira, órgão peruano de fiscalização bancária.

A medida abrange também as companhias ligadas ao empresário Gonzalo Monteverde, apontado pelos promotores peruanos como operador de esquemas irregulares da Odebrecht no Peru.

No início de janeiro, a Odebrecht fechou um acordo de colaboração com os promotores peruanos, no qual concordou em devolver R$ 30 milhões aos cofres públicos do país, relativos a ganhos ilícitos.

(Agência Brasil)

Governo vai liberar R$ 8,2 bilhões para pequenos empresários

O governo federal vai disponibilizar R$ 8,2 bilhões em crédito para pequenos empresários nos próximos dois anos. Os recursos liberados são do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O objetivo é reduzir a inadimplência das empresas de menor porte e estimular a geração de empregos.

As medidas foram anunciadas hoje (18) pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), durante o lançamento do programa Empreender Mais Simples: menos burocracia, mais crédito. Por meio de convênio firmado com o Banco do Brasil e a Receita Federal, o Sebrae investirá R$ 200 milhões em sistemas para simplificar o processo de gestão do pequeno empreendedor.

Serão desenvolvidos dez sistemas que pretendem reduzir o tempo, a burocracia e a complexidade no cumprimento das obrigações previdenciárias, tributárias, trabalhistas e de formalização. O projeto prevê a abertura de novas linhas de financiamento para as microempresas. O acesso ao crédito ocorrerá sob acompanhamento e consultoria do Sebrae.

As mudanças começarão a ser implementadas a partir de fevereiro de 2017 e devem ser concluídas em 2018. Cerca de 150 mil empresas devem ser beneficiadas com as medidas.

Retomada do crescimento

O presidente Michel Temer participou do lançamento, acompanhado de representantes dos ministérios da Fazenda, do Turismo, da Casa Civil e da Secretaria de Governo. A equipe do governo reiterou que o projeto do Sebrae junto com outras medidas já adotadas pelo governo estão seguindo o objetivo de controlar os gastos e retomar o crescimento econômico brasileiro.

Em pronunciamento, Temer resumiu as ações econômicas de sua gestão. Ele adiantou que geração de novos empregos só deve ocorrer a partir do segundo semestre do ano que vem. Para este ano, a expectativa é de retomada da capacidade ociosa.

“A microeconomia produz resultados imediatos e é isso que nós queremos o ano que vem. Nós sabemos que muitas empresas foram obrigadas a demitir, daí o número quase assustador de desempregados, mas muitos conservaram os empregados, portanto, uma capacidade ociosa ainda muito evidente. [….] O primeiro passo do crescimento é utilizar a capacidade ociosa. Nós muito possivelmente vamos começar a reduzir o desemprego no segundo semestre do ano que vem, porque nesse primeiro semestre a capacidade ociosa será utilizada, o que já significa um início ou retorno do crescimento do país”, disse.

(Agência Brasil)

Fortaleza ganhará mais um partido: O NOVO

235 1

novo

Vem ai mais uma agremiação política. Confira:

O Partido NOVO vai realizar, até o fim de fevereiro, mais de 40 eventos para debater caminhos, ideias e estimular a população para participar da vida política de forma ativa. O objetivo é aumentar o engajamento, divulgar o processo seletivo de cidadãos que desejam disputar as eleições de 2018 e fortalecer o movimento pela renovação da política nacional.

De acordo com a direção partidária, serão realizados eventos em mais de 40 municípios de 16 estados e no Distrito Federal. Nos eventos, serão apresentados os valores e princípios do partido, os resultados alcançados em 2016 e a proposta para o Brasil, com objetivo de estimular mais pessoas a se candidatarem nas próximas eleições e a realizarem as mudanças que o país tanto precisa.

“Queremos encontrar cidadãos, comprometidos com nossos valores, que nunca pensaram em disputar uma vaga no Legislativo, mas que têm capacidade, conhecimento e, mais do que tudo, vontade de mudar a política brasileira.”, afirmou o presidente nacional do NOVO, João Amoedo.

Filiações

O NOVO inicia o processo seletivo em março, com inscrições pela internet.

Eleições

Na última eleição municipal, o NOVO disputou vagas de vereadores em cinco capitais, além de ter concorrido à Prefeitura do Rio. Quase a totalidade dos candidatos era de pessoas neófitas na vida pública. Mesmo assim, o partido elegeu vereadores em São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre e Rio de Janeiro, sendo o sexto partido com mais votos na legenda em três destas capitais e sétimo nas duas outras, votações estas mais expressivas do que de vários partidos tradicionais.

Para 2018, o NOVO diz que espera conseguir um feito ainda maior: renovar o Congresso Nacional.

Ato em Fortaleza

*Dia 21 próximo – sábado

*Lago Jacarey – Rotatória em frente à Gelateria Trevo e próximo à banca de jornais – Avenida Viena Weyne c/ Av. Pedro Lazar, Cidade dos Funcionários.

CCJ analisa permissão para instituição privada cobrar dívida ativa

Está na pauta da CCJ proposta que autoriza a União, os estados, o Distrito Federal e os municípios a promoverem a transferência de crédito tributário inscrito em dívida ativa para instituições de direito privado (como bancos e empresas de cobrança), que serão responsáveis pela cobrança do débito. A proposta foi aprovada no fim do ano passado pela Comissão de Finanças e Tributação. O texto foi apresentado pelo deputado Vicente Candido (PT-SP) e outros oito parlamentares. A proposta depende de análise também do Plenário e tramita em regime de prioridade.

No final do ano passado, os deputados tentaram levar a proposta para que os pareceres fossem apreciados diretamente no Plenário, mas a urgência não foi aprovada.

A transferência será feita com deságio e mediante “novação”, um instrumento jurídico previsto no Código Civil (Lei 10.406/02) que permite a troca de credor. A proposta original (Projeto de Lei Complementar 181/15) previa a cessão dos créditos da dívida ativa para instituições privadas.

A troca da cessão pela novação foi proposta pelo relator do projeto na Comissão de Finanças, deputado Alfredo Kaefer (PSL-PR), que apresentou substitutivo ao PLP 181.

Na prática, a principal consequência da mudança é que a transferência de credor extinguirá a obrigação tributária do devedor. Ou seja, este não responderá mais pela dívida junto à administração tributária, podendo, inclusive, receber a certidão negativa de débitos fiscais. A emissão da certidão é vedada pela redação original do PLP 181.

“Entendemos que a modificação do polo credor do crédito deve se dar conjuntamente com a extinção da obrigação tributária, evitando-se o surgimento de sistema híbrido”, disse Kaefer.

Para garantir a transferência do crédito, o substitutivo aprovado modifica o Código Tributário Nacional (Lei 5.172/66) para incluir a novação por substituição de credor entre as modalidades de extinção do crédito tributário.

A versão aprovada na comissão proíbe a transferência de credor, mediante novação, apenas quando o crédito tributário estiver com exigibilidade suspensa (por decisão judicial) ou sendo questionado na justiça. “Essa previsão evita que créditos altamente litigiosos sejam ‘novados’ por valores vis”, explicou Kaefer.

O texto aprovado permite que o novo credor transfira a dívida “novada” para outro credor (por exemplo, um banco pode assumir a cobrança no lugar de outro). A substituição, no entanto, terá que ser informada à Fazenda Pública, que manterá cadastro atualizado dos credores das dívidas novadas.

O texto aprovado na comissão traz ainda outros pontos: o crédito “novado” mantém as garantias dadas ao crédito tributário; o novo credor poderá negociar com o devedor um acordo para pagamento da dívida (é a chamada “transação tributaria”); e a Fazenda Pública responderá liquidez e legalidade do crédito novado, sendo permitida a substituição dele por outro de idêntico “grau de recuperabilidade”.

O deputado Alfredo Kaefer defendeu a aprovação do projeto por entender que ele cria um novo canal de cobrança da dívida ativa, abrindo a possibilidade de uma fonte de receita para União, Estados, Distrito Federal e municípios. “O texto apresenta um novo instrumento para que o Estado consiga transformar em pecúnia créditos que dificilmente seriam honrados pelos contribuintes”, disse.

Ele argumentou que o poder público não tem conseguido recuperar um passivo que, somente no caso da União, ultrapassa R$ 1 trilhão. “Apesar dos grandes esforços da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, é notório que a recuperação dos créditos inscritos na dívida ativa federal é lenta e pouco eficaz”, disse. “A proposta traz interessante instrumento para a redução do enorme estoque da dívida”.

(Agência Câmara Notícias)

Presidente da Unimed Fortaleza abre escritório para receber e ouvir a clientela

295 1

foto-joao-borges-pediatra

Pela primeira vez desde o início da sua gestão à frente da Unimed Fortaleza, o médico João Borges abriu as portas da Unimed Fortaleza. Foi nessa terça-feira, 17, para ouvir e trocar experiências com os clientes da cooperativa. A ação, segundo o dirigente desse plano de saúde, faz parte do programa Amigos da Marca, que tem o objetivo de criar uma relação próxima e de transparência entre clientes e a operadora de saúde.

Em sua primeira edição, o evento contou com a presença de 20 participantes que foram selecionados através dos canais de comunicação que a Unimed Fortaleza possui com o público externo, como as redes sociais, ouvidoria e lista de sugestões das suas unidades próprias.

O presidente da Unimed Fortaleza, João Borges, ressaltou o compromisso da cooperativa em atender bem, promovendo inovações que elevem o nível de excelência dos serviços. “Nesses três anos de gestão, essa foi uma das principais ações no sentido de chegar mais perto do usuário e saber realmente o que nós estamos fazendo certo e o que podemos melhorar, e claro, aprender com eles como a gente pode atender ainda melhor”.

VAMOS NÓS – Que tal iniciativa gere resultados em favor da clientela e não se restrinja a uma estratégia de marketing, torcemos.

 

UFC ofertará 6.288 vagas no Sisu

UFC(1)
O Ministério da Educação (MEC) divulgou, nesta quarta-feira (17), o cronograma do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2017. As inscrições estarão abertas de 24 a 27 de janeiro. Nesta edição, a Universidade Federal do Ceará ofertará 6.288 vagas em 110 cursos de graduação presencial, nos campi de Fortaleza, Sobral, Quixadá, Russas e Crateús. As notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2016 também foram divulgadas e já podem ser acessadas.
A inscrição deverá ser feita no site do Sisu/MEC: www.sisu.mec.gov.br. Estarão aptos a concorrer estudantes que tenham participado do ENEM 2016, com ensino médio completo e que não tenham tirado zero na Redação. Cada candidato poderá fazer até duas opções de curso.
O edital, com mais detalhes sobre o Sisu 2017, deverá ser publicado pelo MEC nesta quinta-feira (19), quando também será aberta a consulta às bases de dados das instituições, com os cursos e vagas disponíveis.
UFC E SISU – O Sisu é o sistema informatizado do MEC por meio do qual instituições públicas de educação superior oferecem vagas a estudantes com base nas notas obtidas no ENEM.
A UFC aderiu ao Sisu em 2010, com ingresso em 2011, já com 100% das vagas da graduação presencial. Desde 2012, a UFC se destaca entre as instituições mais procuradas do País no Sistema. Na edição anterior, a Universidade recebeu mais de 160 mil inscrições, de acordo com o balanço final do Sisu 2016 elaborado pelo MEC.
Confira suas notas no Enem 2016: https://goo.gl/7F3ndd
Veja o site do MEC sobre o Sisu: www.sisu.mec.gov.br
Acompanhe o site do Sisu na UFC: www.sisu.ufc.br
(Site da UFC)

BNB tem novo diretor de Ativos e Terceiros

172 1

bnbb

O Banco do Nordeste tem novo diretor de Ativos de Terceiros: José Max Araújo Bezerra. O gestor é funcionário de carreira da instituição e ocupava o cargo de superintendente de Gestão de Ativos de Terceiros.

Max Bezerra é economista, executivo de Finanças e mestre em Economia. Possui as principais certificações profissionais exigidas pelo órgão regulador dos mercados financeiro e de capitais – Comissão de Valores Mobiliários (CVM) – e órgãos autorreguladores – Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) e Associação dos Analistas e Profissionais de Investimentos do Mercado de Capitais do Nordeste (Apimec).

Egresso das Forças Armadas, onde serviu como oficial do Exército por cinco anos, Max Bezerra iniciou sua carreira profissional no BNB em 1989 e passou por diversos cargos na instituição, como consultor do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene) e gestor da área de Políticas de Desenvolvimento.

Também acumulou experiência no Governo Federal, em Brasília (DF), representando o Banco do Nordeste em diversos ministérios no período de 1996 a 2002. Max Bezerra coordenou, de 1999 a 2002, como secretário executivo do Conselho Curador do Banco da Terra, no Ministério do Desenvolvimento Agrário, importante programa de crédito fundiário com atuação em todas as regiões do país.

Dentre suas novas atribuições na Diretoria de Ativos de Terceiros do Banco do Nordeste, destaca-se a gestão de investimentos financeiros com patrimônio de R$ 5,5 bilhões, de mais de 60 mil cotistas.

(Site do BNB)

Funcionários da limpeza de Juazeiro do Norte cobram salário atrasado

Funcionários da Proex, empresa responsável pela coleta de lixo de Juazeiro do Norte(Região do Cariri), realizaram, na manhã desta quarta-feira (18), uma paralisação de advertência dos serviços. Houve também atol público em frente a sede da empresa, localizada no bairro São José.

Por cerca de duas horas, os servidores cobraram da empresa o pagamento dos salários de. Passados os primeiros 18 dias de 2017, segundo os servidores, a empresa não pagou ainda o mês trabalhado e,diz apenas que aguarda o repasse oriundo da Prefeitura para quitar o salário dos funcionários.

O ex-prefeito Luiz Ivan Bezerra, hoje secretário municipal do Meio Ambiente, informou que, ainda nesta quarta-feira, serão resolvidas todas as pendências com a Proex. Já os servidores ameaçam paralisar a coleta seletivo de lixo nos próximos dias, caso não recebam o salário até a sexta-feira, dia 20.

(Com Blog FlavioPintoNews)

Projeto de Cabo Sabino garante adicional de periculosidade para quem trabalha em presídios

cabosabino

A Comissão de Trabalho, Administração e Serviços Públicos aprovou o Projeto de Lei 2.260, de autoria do deputado federal Cabo Sabino (PR/CE), que garante o adicional de periculosidade aos profissionais da Saúde, que trabalham em prisões ou centros de internação. O adicional é 30% sobre o salário.

“Atualmente, são consideradas atividades perigosas, aquelas que expõem o trabalhador a inflamáveis, explosivos ou energia elétrica e ainda a roubos ou outras espécies de violência física na segurança pessoal ou patrimonial”, explica o parlamentar.

A proposta altera a Lei de Execução Penal (Lei 7.210/84), para tratar da nova previsão. O texto é, na verdade, um substitutivo apresentado pela relatora, deputada Flávia Morais (PDT-GO). O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado ainda pelas Comissões de Finanças e Tributação; Constituição e Justiça e de Cidadania.

(Agência Câmara)

Confira datas do Sisu, Prouni e Fies que usam notas do Enem em processo seletivo

O Ministério da Educação (MEC) anunciou hoje (18) o calendário dos processos seletivos que utilizam o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para acesso ao ensino superior. Os processos são todos online e podem ser acessados a partir do site do MEC. Para participar de todos eles, o estudante precisa pelo menos não ter zerado a redação.

O primeiro processo seletivo a ser aberto é o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), cujas inscrições serão de 24 a 27 de janeiro. O Sisu oferece vagas em instituições públicas de ensino superior. Nesta edição serão ofertadas 238 mil vagas em 131 universidades federais e estaduais e institutos federais e instituições estaduais. A partir de amanhã (19), as vagas estarão disponíveis na internet para consulta.

O Programa Universidade para Todos (ProUni) abre o processo seletivo no dia 30 de janeiro e encerra no dia 2 de fevereiro. O ProUni oferece bolsas de estudo integrais e parciais em instituições particulares de ensino. É exigida também a nota mínima de 450 pontos na média das provas do Enem.

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terá as inscrições abertas entre 6 e 9 de fevereiro. O Fies oferece financiamento em instituições particulares a estudantes que obtiveram pelo menos 450 pontos na média do Enem e não zeraram a redação.

Nota do Enem

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou hoje o resultado do Enem 2016. Os cerca de 6 milhões de candidatos que fizeram as provas já podem conferir as notas na página do participante do Enem. Para acessar, é necessário informar o CPF e a senha escolhida na hora da inscrição. Segundo balanço do MEC, até o final da manhã, 1,3 millhão já haviam consultado a nota.

Os estudantes têm acesso a uma tabela com a nota obtida em cada uma das provas: linguagens, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Eles ainda não têm, no entanto, acesso ao espelho da redação, com a correção mais detalhada do texto, que será divulgado posteriormente.

(Agência Brasil)

Enem 2016 – Resultado já está disponível

ENEM-01

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) liberou hoje (18) o resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016. Os cerca de 6 milhões de candidatos que fizeram as provas já podem conferir as notas na página do participante do Enem. Para acessar, é necessário informar o CPF e a senha escolhida na hora da inscrição.

Os estudantes têm acesso a uma tabela com a nota obtida em cada uma das provas: linguagens, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e redação. Eles ainda não têm, no entanto, acesso ao espelho da redação, com a correção mais detalhada do texto, que será divulgado posteriormente.

(Agência Brasil)

Enel e Polícia Civil fazem operação contra “gatos”

Uma pessoa foi presa nessa terça-feira, no bairro Colônia Antônio Justa, em Maracanaú (Região Metropolitana de Fortaleza), durante operação da Enel Distribuição Ceará, em parceria com Polícia Civil. Numa ação de fiscalizando a residências e comércios, equipes da distribuidora identificaram irregularidades na medição de energia de um depósito de reciclagem. A prisão foi realizada em flagrante.

A companhia registrou, durante o ano passado, 20 prisões em todo o estado, em operações especiais realizadas com a Polícia Militar e Civil. Os bairros com maior quantidade de incidências na capital cearense foram: Barra do Ceará, Alvaro Weyne, Carlito Pamplona, Monte Castelo e Parque Iracema.

Além de ser crime, com pena prevista de um a oito anos de reclusão, o furto de energia afeta diretamente a qualidade do serviço prestado pela distribuidora e põe em risco a população, principalmente as pessoas que manipulam a rede elétrica. As ligações irregulares podem causar curtos-circuitos e sobrecarga na rede elétrica, ocasionando interrupção no fornecimento de energia.

Confiança do empresário sobe pela primeira vez em três meses

emoticon-triste

O Índice de Confiança do Empresário Industrial alcançou 50,1 pontos em janeiro de 2017, o que significa aumento de 2,1 pontos com relação a dezembro. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (18) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

É a primeira vez que o índice sobe em três meses. Além disso, o indicador ficou ligeiramente acima da linha divisória dos 50 pontos, que separa o pessimismo do otimismo. Com relação a janeiro de 2016, o índice subiu 13,6 pontos. No entanto, continua abaixo da média histórica, de 54,1 pontos.

A confiança melhorou principalmente nas grandes empresas, onde o indicador da confiança do empresário passou de 50,3 em dezembro para 52,7 pontos em janeiro. Nas pequenas empresas, o indicador subiu de 44,4 para 46,3 pontos e nas médias, de 46,7 para 48,6 pontos.

Na avaliação da CNI, a melhora é resultado de fatores como o anúncio de medidas para recuperar a economia, a redução dos juros e a desaceleração da inflação.

O indicador de expectativas para os próximos seis meses subiu de 51,6 pontos em dezembro para 54,7 pontos em janeiro. Mas os empresários continuam percebendo piora da situação atual da indústria e da economia. O indicador de condições atuais subiu de 40,7 para 41,2 pontos entre janeiro e dezembro, ainda bem abaixo da linha divisória dos 50 pontos.

A pesquisa ouviu 2.791 empresas em todo o país entre 3 e 13 de janeiro. Dessas, 1.088 são pequenas empresas, 1.056 são médias e 647 são de grande porte.

(Agência Brasil)

Por um sistema integrado de segurança

Editorial do O POVO desta quarta-feira (18) comenta da decisão do Governo Federal em tratar a crise carcerária como um problema de dimensão nacional. Confira:

O Governo Federal agiu certo ao tratar a crise carcerária como um problema de dimensão nacional (e não restrito a cada estado) disponibilizando contingentes das Forças Armadas para atuarem no interior dos presídios estaduais. Segundo anunciou o Governo, os agentes militares farão “inspeções rotineiras em busca de materiais proibidos” e outras operações nas penitenciárias, atuando em conjunto com as forças polícias locais.

Ações das forças federais se darão sempre a partir da solicitação do governador do Estado, que formalizará o pedido de intervenção. A medida está prevista no artigo 142 da Constituição: “As Forças Armadas, constituídas pela Marinha, pelo Exército e Aeronáutica… destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem”.

Manter a lei e a ordem é, precisamente, a questão em jogo. Muitos presídios brasileiros são hoje muito mais controlados pelos internos, que se organizam em facções criminosas, do que pelo estado. Situação que não pode ser tolerada sob o risco de desmoralização do poder público e, é claro, do aumento da criminalidade.

Não é novidade que mais esse setor sob a responsabilidade dos governos esteja em situação tão deplorável. Ocorre o mesmo, por exemplo, na saúde e na educação. Investe-se muito dinheiro, mas o serviço oferecido pelo setor público à sociedade tem qualidade bastante aquém das necessidades.

A grave crise no sistema carcerário brasileiro, em maior parte de responsabilidade dos estados, é um problema que vai muito além do fluxo de recursos financeiros para o setor. Claro que a má gestão é também componente a ser considerado.

A participação mais efetiva do Governo Federal é importante na busca de soluções. Não apenas cedendo as Forças Armadas, mas também como parceiro dos estados na criação de um sistema integrado de segurança pública. Presídios inclusos. Afinal, é a União quem legisla sobre direito, processo e execução penal, fixando os regimes prisionais. Além disso, o crime organizado já forma grandes “empresas” de cunho nacional.

Quanto mais a União se fizer presente no setor de segurança, melhores e maiores as chances de o Brasil ter um sistema menos incivilizado.

De volta dos EUA após férias, Eunício só pensa naquilo: ganhar o comando do Senado

aboa-aaeunicio

O senador Eunício Oliveira (PMDB) retornou dos Estados Unidos, após temporada de férias, mas com dedo, direto no telefone articulando sua candidatura à presidência do Senado.

Nesta quarta-feira, já em Brasília, ele reforçará esses contatos. Eunício tem o aval do Palácio do Planalto nessa empreitada.

(Foto – Arquivo)

Prognóstico da Funceme é animador contra a seca, mas ainda não garante bom inverno

O Ceará tem mais que o dobro de chances de escapar de mais um ano de seca, em relação ao ano passado. A estimativa é da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), apresentada na manhã desta quarta-feira (18), no Palácio da Abolição, pelo presidente da órgão, Eduardo Sávio Martins.

Segundo a estimativa, o Estado possui 40% de probabilidade da quadra chuvosa ser em torno da média histórica, 30% de chuva acima da média e 30% de chuva abaixo da média. Esse último prognóstico, que indicaria mais um ano de seca, era de 65% no ano passado.

Os dados apresentados nesta quarta-feira valem para os meses de fevereiro, março e abril.

Caixa já está pagando parcelas do seguro-desemprgo

pis_pasep

As parcelas do seguro-desemprego com valores reajustados já estão disponíveis para saque. O Ministério do Trabalho liberou nessa terça-feira (17) o lote de pagamento do reajuste com base no salário mínimo e na variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

A maior parcela que o trabalhador pode receber passou de R$ 1.542,24 para R$ 1.643,72. A menor parcela não pode ser inferior ao mínimo de R$ 937,00. O Ministério definiu que os benefícios serão liberados pelas agências da Caixa Econômica Federal de acordo com o número final do PIS do beneficiário.

Calendário

Quem tiver o número do PIS terminando em 1 e 2 já pode fazer o saque. Aqueles trabalhadores que tiverem o documento com final 3 e 4, a partir desta quarta-eira (18). Trabalhadores com PIS com final 5 e 6, na quinta-feira (19). Sete e 8, na sexta-feira (20). E aqueles com PIS terminando em 9 ou 0, no dia 21 de janeiro.

Servidores do SINE/IDT denunciam esvaziamento do órgão

Ameaçados de demissão, grupos de servidores do SINE/IDT manda nota para o Blog denunciando desmantelamento do órgão que responde pela pesquisa do emprego e desemprego na Região Metropolitana de Fortaleza. Confira:

Nota do Movimento de Defesa ao SINE / IDT

1. O Movimento de Defesa ao SINE/IDT, com apoio da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadores do Comércio e Serviços do Estado do Ceará (FETRACE) e demais entidades sindicais, realizou na Unidade de Atendimento Centro, nessa terça-feira (17), um ato em defesa as políticas públicas do trabalho.

2. Reivindicou-se a retomada da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), importante política pública de monitoramento do desemprego, cujo trabalho é feito pelo governo do Ceará desde 1984.

3. Saliente-se que, em nenhum momento, o atendimento foi prejudicado em face ao expressivo sofrimento da população cearense com o desemprego. São 246 mil desempregados somente na região metropolitana de Fortaleza, sendo que mais da metade já está há mais de seis meses nesta condição.

4. Chamamos à responsabilidade do governo do Ceará em abrir diálogo e apresentar soluções concretas para fortalecimento das políticas públicas do trabalho e respeito às garantias trabalhistas previstas nas Convenções Coletivas de Trabalho (CCT), cujas causas são históricas bandeiras do movimento sindical brasileiro.

Fortaleza, 17 de janeiro de 2017.