Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Vilma Freire é a primeira mulher a comandar a Adagri

O governador Camilo Santana nomeou nesta quinta-feira (31) a administradora Vilma Freire para a presidência da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri). Primeira mulher a presidir a agência, Vilma é formada em Administração Pública, pela UECE, além de especialista em Gestão Pública e mestranda em Políticas Públicas.

Natural de Baturité, ela está no serviço público há 13 anos. Já foi chefe de gabinete do então vice-governador Professor Pinheiro, durante a gestão de Cid Gomes, e trabalha na Adagri desde 2015, à frente da Diretoria de Planejamento e Gestão.

(Foto: Arquivo)

Desembargador Washington Araújo assume TJCE e quer eficiência no serviço prestado à população

573 7

Com a promessa de eficiência no serviço prestado à população cearense, o desembargador Washington Araújo assumiu na tarde desta quinta-feira (31) a presidência do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). A desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira e o desembargador Teodoro Silva Santos também assumiram funções na mesma solenidade, na condição de vice-presidente e corregedor, respectivamente.

O governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio prestigiaram a posse, além do deputado Zezinho Albuquerque, atual presidente da Assembleia Legislativa; deputado José Sarto, que nesta sexta-feira tomará posse da presidência do Legislativo Estadual; vereador Antônio Henrique, presidente da Câmara Municipal de Fortaleza; e demais autoridades.

(Foto: Paulo MOska)

Camilo Santana e o seu grupo político-eleitoral

Em artigo sobre desenho do quadro político no Ceará, o sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa avalia as articulações do governador Camilo Santana. Confira:

O governador Camilo Santana (PT) deverá criar o seu próprio grupo político-eleitoral, nos próximos quatro anos. O primeiro passo foi a construção da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Ceará. A maioria dos integrantes era do bloco do ex-senador Eunício de Oliveira, que saíram da oposição para apoiar a reeleição do governador: Danniel Oliveira (Eunício de Oliveira), Aderlânia Noronha (Genecias Noronha) e Patrícia Aguiar (Domingos Filho). Os camilistas puros são os seguintes parlamentares: Evandro Leitão e Fernando Santana. Os membros ciristas da nova Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Ceará: José Sarto e Leonardo Pinheiro.

O primeiro escalão do segundo governo (2019-2022) do governador Camilo Santana ainda mantém hegemonia do bloco político-partidário cirista-cidista (PDT-PP). O governador Camilo Santana (PT) deverá abrir um diálogo respeitoso e institucional com o novo bloco partidário oposicionista (PROS-PSL), sem a participação do senador Tasso Jereissati, como liderança oposicionista, pois o mesmo é aliado administrativo do Poder Executivo (Estadual). O deputado federal Capitão Wagner (PROS) deverá ser aliado institucional de Camilo Santana, em substituição ao ex-senador Eunício de Oliveira (MDB), na relação administrativa entre o Estado e a União.

O deputado federal Domingos Neto (PSD) e o deputado federal Genecias Noronha (SD) serão, aos poucos, absorvidos no novo projeto de hegemonia política-institucional do governador, nos próximos dois anos. Camilo Santana tentará ajudar os municípios, dos seus novos aliados, assim como os prefeitos ligados ao ex-senador Eunício. Esses fatos marcam o surgimento do embrião da corrente política cearense camilista.

O Partido Social Liberal (seção local no Ceará) não tem interesse na manutenção da frágil oposição feita pelo o senador Tasso Jereissati, no último pleito eleitoral ao Governo Estadual. O PSL apoiou a eleição do senador Luís Eduardo Girão (PROS), já declarou apoio à pré-candidatura do deputado federal Capitão Wagner à Prefeitura de Fortaleza, no próximo ano (2020).

Camilo Santana demonstrou enorme capacidade de transferência de votos no segundo turno da sucessão presidencial, para o seu candidato (Fernando Haddad) entre os eleitores fortalezenses. A neutralidade do governador na eleição de Fortaleza é o seu grande trunfo de negociação com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB).

Luiz Cláudio Ferreira Barbosa

Sociólogo e consultor político

Sobe para 110 número de mortos em Brumadinho; 71 foram identificados

A Defesa Civil de Minas Gerais informou hoje (31) que aumentou o número de mortos no desastre da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, nos arredores de Belo Horizonte. Pelo último balanço, são 110 mortos, 238 desaparecidos e 394 identificados. Dos mortos, 71 foram identificados por exames realizados pela Polícia Civil. Também há 108 desabrigados e seis pessoas hospitalizadas.

A Polícia Civil toma depoimentos de sobreviventes e coleta amostras de DNA. Segundo a Polícia Civil, foi coletado material de 210 pessoas que representam 108 famílias. Os trabalhos vão prosseguir.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Arlen Bahia, dos 71 corpos, 60 já foram identificados e entregues aos familiares. Os outros 11 estão no Instituto Médico Legal (IML) aguardando a liberação por parte dos familiares.

“Ainda está sendo possível, em determinados casos, realizar a identificação pelas impressões digitais, mas daqui para frente, com a decomposição dos corpos a identificação será pela arcada dentária ou pelo DNA, disse.

O delegado disse ainda que a delegacia de Brumadinho funcionará 24h para atender familiares e receber ocorrências. Também está sendo providenciada uma equipe para atuar na expedição das identidades de parentes de familiares vitimados pelo rompimento da barragem.

O porta-voz do Corpo de Bombeiros, Tenente Pedro Aihara, disse que os corpos encontrados hoje estavam na área do refeitório da Vale e na área adjacente à barragem. Segundo Aihara, a operação entrará em uma fase mais difícil, porque os corpos localizados estavam em áreas superficiais. O resgate das vítimas agora demandará mais escavações.

“Nesse momento, a gente entra em uma fase um pouco difícil, considerando que os corpos que estavam em locais mais superficiais já foram localizados. Agora as atividades demandam escavação e outras técnicas para recuperar alguns segmentos de corpos, com isso o número de corpos aumentará, mas velocidade de descoberta dos corpos vai avançar mais lentamente”, disse.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, mais de 360 militares atuam na área com apoio de 15 aeronaves e 21 cães farejadores. Ontem (30), chegou uma equipe de Santa Catarina e uma aeronave do Espírito Santo. Há, ainda, 66 voluntários, que atuam entre área seca e a inundada. Estes voluntários são pessoas com qualificação técnica.

Aihara disse que, em razão da chuva na tarde de hoje, a situação da lama voltou a ficar instável. Na tarde desta quinta-feira, em razão de uma forte chuva, as buscas chegaram a ser suspensas, mas foram retomadas por volta das 18h.

De acordo com o tenente, a barragem VI está estável, sem risco de rompimento. Mas, em razão da previsão de chuvas para esta noite, ela será monitorada. “Continuaremos o trabalho a partir das 4h da manhã”, disse.

(Agência Brasil)

Aeroporto de Aracati receberá voos semanais a partir de 26 e fevereiro

A partir de 26 de fevereiro, o Aeroporto de Aracati (Litoral Leste) receberá três voos semanais oriundos do Aeroporto dos Guararapes, que fica no Recife (PE), operados pela Azul. A informação foi confirmada pela Secretaria do Turismo do Ceará.

Já no Aeroporto de Cruz, que atende a paradisíaca Jericoacoara (Litoral Oeste), a Azul e a Gol vêm operando 11 voos regulares por semana, procedentes de São Paulo, Campinas e Recife.

Mesmo com o fim das férias, o movimento de passageiros em Jeri ainda não apresentou redução.

(Foto – Divulgação)

Pré-Carnaval de Fortaleza – Maracatu Solar lança CD/DVD no Aterro da Praia de Iracema

220 1

Em clima de Pré-Carnaval, o Maracatu Solar vai lançar, às 18 horas do próximo sábado, no palco oficial no Aterro da Praia de Iracema, seu CD/DVD intitulado “Um Cada Um…Um Cada Sol… Maracatu Solar”, gravado ao vivo no dia 6 de outubro de 2018 no Cineteatro São Luiz. Este trabalho conta com aproximadamente 150 brincantes do maracatu Solar que interpretam uma verdadeira ópera popular que agrega à manifestação do maracatu, elementos de ancestralidades, identidades étnicas e religiosidades através das linguagens da música, da dança e da artesania (figurinos e adereços).

Depois deste primeiro lançamento nesse dia simbólico (dia 2 de fevereiro é de dia de Iemanjá em vários estados brasileiros, e esse orixá é o tema do Maracatu Solar nesse ano de 2019), o Maracatu Solar ainda lançará esse trabalho pioneiro no dia 17 de fevereiro no palco principal do Theatro José de Alencar , além de outros espaços, como no dia 22, às 20h30min no Polo de Carnaval do Benfica e dia 23, às 15h30min, o DVD “ Um Cada um…Um Cada Sol…Maracatu Solar”, será exibido na tela do Cineteatro São Luiz.

Convidados

O espetáculo contará com as participações especiais dos cantores – todos eles brincantes do Maracatu Solar – Pingo de Fortaleza, Jord Guedes, Eliahne Brasileiro, Dgal, Cariolano Solar, Wiltom Matos, Juliana Roza, Artur Guindugli, Juliana Eva, Inês Mapurunga e Yane Caracas, além de contar com Descartes Gadelha, griô do Maracatu Solar e responsável pelos arranjos rítmicos do grupo, que será o solista do espetáculo no universo da percussão. A regência de “Um Cada Um…Um Cada Sol… Maracatu Solar” ficará a cargo de Catherine Furtado. No campo da dança a coordenação das coreografias é de Fabrício Óliver, Débora Íngred e Gil Rodrigues.

No repertório do espetáculo, o mesmo do CD/DVD estão alguns clássicos do maracatu cearense como Maculelê (Pingo de Fortaleza e Guaracy Rodrigues), Noite Azul (Pingo de Fortaleza, Parahyba e Augusto Moita), Maracatu Solar (Descartes Gadelha, Inês Mapurunga, Wiltom Matos, Pingo de Fortaleza e Alan Mendonça) , Solencanto (Pingo de Fortaleza) Paz de Oxalá (Pingo de Fortaleza e Guaracy Rodrigues), além de todas as parcerias de Pingo de Fortaleza e Descartes Gadelha compostas para o Maracatu Solar (Oxum de Mim, o axé Oculto de Ossain entre outras) e inédita “Para Minha Mãe Yemanjá”, composta por Pingo de Fortaleza e Descartes Gadelha para ser a loa oficial do Maracatu Solar em 2019.

(Foto – Divulgação)

Aílton Lopes e algumas contradições do Governo Camilo

Com o titulo “Toda vida importa”, eis artigo de Aílton Lopes, presidente estadual do PSOL. Ele aponta algumas contradições políticas do governo de Camilo Santana. Confira:

Toda vida importa mesmo? Ou algumas valem mais do que as outras?

O Estado capitalista é por demais generoso com os ricos e punitivista com as classes trabalhadoras, sobretudo, as mais pobres.

O governo do Ceará, dentro dessa lógica, consegue chamar em caráter de urgência uma sessão extraordinária da Assembleia Legislativa para rapidamente aprovar mais dinheiro, mais efetivo policial e ainda recompensa para delações, para uma política repressiva de segurança pública numa guerra que ele criou, gerando pânico e caos.

É o mesmo governo que aprova, também, rapidamente, benefícios fiscais para empreendimentos como termelétricas ou mesmo doa 100 milhões de reais do dinheiro de nossos impostos para empresas de aviação.

Os mesmos 100 milhões que gerariam muito mais empregos com renda que ficariam nas comunidades e se reverteriam em mais arrecadação para o Estado, por meio de projetos de incentivo a atividades econômicas nos territórios, como o caso de empreendimentos de economia solidária e outros com assessoria de todo o aparato do Estado. É um dinheiro que vai e volta, é um investimento que fica no Estado, gera emprego e renda para o povo e se reverte em nova receita para o Ceará.

O senso de urgência, entretanto, é outro. O povo precisa de emprego, moradia, o que significa não apenas habitação, mas condições de habitabilidade como saneamento, infraestrutura de serviços, mobilidade etc. Mas o que o governo mais oferta ao povo é polícia. A mesma receita falida de sempre.

A gente precisaria mesmo de um governo que fosse capaz de surpreender e chamar uma sessão extraordinária da Assembleia Legislativa para aprovar bolsas de estudo, pesquisa, artes e esportes para toda a juventude, novas contratações de professores e professoras em caráter urgente para completar o quadro permanente com efetivos, mais recursos diretos para construção e reformas de escolas e equipamentos públicos de cultura, lazer, educação, geridos pela própria comunidade, incentivo às iniciativas que já existem em diversas comunidades, criação de Cras, Caps e a estruturação das unidades já existentes, rios de recursos não mais para armas, mas para projetos de socioeconomia solidária nas diversas comunidades, programa de saneamento básico capaz de trazer qualidade de vida para toda a população. Isso é pra já! Isso é urgente!

*Ailton Lopes

ailton_socialista@hotmail.com

Linguísta crítico, bancário e presidente do PSOL Ceará.

Pré-Carnaval – Bloco Camaleões do Vila difundirá a importância da doação de sangue

171 1

A importância da doação de sangue é tema do bloco Camaleões do Vila no Pré-Carnaval deste ano. O bloco desfilará nos dias 2, 9, 16 e 23 deste mês de fevereiro, na Praia de Iracema, a partir das 16 horas.

Como faz todos os anos, a Onda Verde, como é carinhosamente chamado por seus ritmistas, traz para reflexão um tema social. A doação de sangue é uma parceria com o Hemoce.

(Foto – Divulgação)

Vale S.A. deve R$ 42,5 milhões por poluição em Vitória

Os problemas ambientais da Vale S.A. vão além de Brumadinho e Mariana, informa, nesta quinta-feira, o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.

No Espírito Santo, a empresa deve R$ 42,5 milhões ao município de Vitória pelo chamado “pó preto”. O resíduo vem da mistura de partículas do minério de ferro e carvão que passam pelo Porto de Tubarão, operado pela Vale. O pó preto é prejudicial aos mares, rios e à saúde humana.

O caso rendeu uma multa de R$ 30,5 milhões para a Vale e a siderúrgica ArcelorMittal, aplicada pela prefeitura da capital em 2016. Somadas outras punições, a Vale deve R$ 42,5 milhões pelo pó preto, em valores atualizados.

As possibilidades de recursos administrativos se esgotaram. A Prefeitura de Vitória incluiu, hoje, as multas na dívida ativa. Em último caso, o valor pode ser executado judicialmente.

No ano passado, a Vale começou obras que têm o objetivo de reduzir a emissão do resíduo em Vitória.

(Foto – Reprodução TV Gazeta)

Assembleia Legislativa com seis deputadas

A Assembleia Legislativa contará, a partir deste 1º e fevereiro, com uma bancada feminina formada por seis deputadas, o que corresponde a 13% do total de 46 vagas. Houve a redução de uma cadeira quando comparado com o atual período legislativo, segundo a assessoria de imprensa da Casa.

Tomarão posse as parlamentares Aderlânia Noronha (SD), Augusta Brito (PCdoB), Érika Amorim (PSD), Fernanda Pessoa (PSDB), Patrícia Aguiar (PSD) e Dra. Silvana (PR).

As duas deputadas do PSD ocuparão o cargo pela primeira vez.

Funceme quer usar barco robótico em projeto de monitoramento de açudes

Pesquisadores da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) estiveram reunidos com representantes do Instituto de Tecnologia da Informação e Comunicação (ITIC) e do Centro de Tecnologia da Informação Renato Archer, na última semana. O encontro, segundo divulga a assessoria de imprensa do órgão, serviu para avaliar o uso do barco Iracema em projetos futuros relacionados ao monitoramento e avaliação da qualidade da água dos reservatórios do Ceará.

Concebido com apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e desenvolvido pelo ITIC e CTI Renato Archer, o barco Iracema já foi utilizado em expedição científica no rio São Francisco e, no momento, o mesmo, está disponível para uso em pesquisas por instituições da esfera estadual, federal ou, até mesmo, pela iniciativa privada, no Estado do Ceará.

De acordo com o pesquisador da área de Recursos Hídricos da Funceme, Porfírio Sales Neto, o equipamento robótico poderá, a priori, ajudar em dois projetos futuros que focam na qualidade de água em reservatórios no Estado do Ceará: um voltado para o monitoramento da qualidade da água com uso de sensoriamento remoto; e outro sobre modelagem da qualidade da água. “Ele [o barco Iracema] tem condições de acoplar vários instrumentos, tais como sonda de qualidade da água (vários parâmetros), ecobatímetro, radiômetros, etc., que serão necessários na execução destes projetos”.

Barco Iracema

O barco Iracema consiste num veículo de superfície, com finalidade de estudos científicos e de monitoramento hidroambiental. Ele permite realizar missões pré-programadas (autônomas) para a coleta de dados, de forma georreferenciada, ou ainda de forma manual, por meio de um joystick, ou simplesmente guiado por tripulação.

Sales Neto explica, ainda, que no referido barco poderão ser acoplados espectrorradiômetros, que são sensores capazes de medir o comportamento da luz (energia) incidente e refletida sobre os corpos d’água, o que permitirá montar uma base de dados (biblioteca) que, quando comparada com dados de imagens de satélite, poderá indicar padrões de qualidade das águas dos reservatórios.

“A ferramenta poderá indicar o comportamento referente ao processo de eutrofização dos reservatórios e também auxiliar na validação de resultados de coleta de água”, reforça Gilberto Mobus, pesquisador da Funceme responsável pela coordenação do projeto de Modelagem da Qualidade da Água.

(Foto – Divulgçação)

Assembleia Legislativa iniciará atividades com 37% de renovação

125 2

A Assembleia Legislativa dará posse, às 10 horas desta sexta-feira (01), aos 46 deputados estaduais eleitos no pleito de outubro de 2018 para a 30ª Legislatura (2019 – 2022). Na nova composição da Casa, 29 parlamentares foram reconduzidos ao cargo e 17 novos deputados assumem uma cadeira no Parlamento, representando uma renovação de 37%, informa levantamento divulgado pela assessoria de imprensa do Poder.

Na representação partidária, o PDT, que atualmente ocupa 12 vagas, permanece como a maior bancada do Legislativo cearense, passando a contar com 14 cadeiras. O MDB e o PT manterão, cada um, quatro vagas, enquanto o PP perde três dos seis parlamentares.
Em relação às outras siglas, o Patri sobe de duas cadeiras para três cadeiras e o PSD de uma para duas. O PSL, que antes não tinha espaço, passa a contar com duas vagas. Já o PPS cai de duas para uma. PRP e PSDC perdem as únicas cadeiras que tinham. Já os partidos SD com 2 vagas; DEM com 1; PSDB com 2; PR com 1; PRB com 1; PSB com 1; PROS com 2; PSOL com 1 e PCdoB com 2 mantêm a mesma configuração.

Dos 17 parlamentares que estão chegando à AL, dois já assumiram mandato em legislaturas anteriores, como é o caso do deputado Delegado Cavalcante (PSL), e na atual, situação do deputado Nizo Costa (Patri), que assumiu como suplente.

Entre os estreantes, estão os dois parlamentares mais votados da disputa. André Fernandes (PSL), deputado mais jovem do Brasil, conquistou 109.742 votos, já Queiroz Filho (PDT), ex-chefe de gabinete do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), teve 103.943 votos.

(Foto – ALCE)

Justiça a serviço do Cidadão

O desembargador Washington Luís assumirá nesta quinta-feira, às 16 horas, como presidente do Tribunal de Justiça do Ceará. Terá como vice a desembargadora Naílde Pinheiro Nogueira e como corregedor-geral o desembargador Teodoro Silva Santos. Em artigo publicado no O POVO, Washington Luís expõe algumas linhas do que vai ser sua gestão. Confira:

Assumo a Presidência do Tribunal de Justiça tendo como compromisso principal e inarredável a entrega de resultados ao cidadão, que busca por mais agilidade e efetividade na resolução dos conflitos.

Tenho a convicção de que não há mais espaço para responder a quem sofre com a demora na prestação jurisdicional, com justificativas técnicas, por ele pouco compreensíveis, com estatísticas do Conselho Nacional de Justiça ou com o argumento de limitações orçamentárias.

É preciso que o Judiciário lance mão do seu qualificado corpo técnico e encontre o meio mais rápido e eficiente de entregar ao cidadão o que ele mais deseja – o seu processo julgado.

Nesta perspectiva, trabalhará o Comitê Permanente de Auxílio à Produtividade dos Magistrados, dirigida ao Primeiro e Segundo Graus de jurisdição, com o objetivo de avançar no julgamento de processos. O Comitê atuará como órgão de inteligência, a partir de dados exclusivamente técnicos coletados pelo Núcleo de Qualidade da Informação. O braço operacional do Comitê estará centrado no Núcleo de Produtividade Remota, que concentrará a força do trabalho de juízes e servidores, além do auxílio de estagiários remunerados.

Os atuais grupos de descongestionamento serão reorganizados, com o aproveitamento de experientes servidores e magistrados, para uma atuação mais estratégica, sempre a partir das diretrizes estabelecidas pelo Comitê de Produtividade.

O Sistema de Juizados Especiais merece toda a atenção nesta gestão. É necessário garantir o atendimento da finalidade dos Juizados Especiais como local para dirimir conflitos com rapidez e eficiência. Para isto, será ampliado o quadro de juízes leigos, agora remunerados, de modo que, no mais breve espaço de tempo, possa o cidadão receber a resposta que tanto deseja – o julgamento do seu processo.

Compreendo que a justiça se materializa verdadeiramente pela atuação dos juízes de Direito, seja nos grandes centros, como nas pequenas comunidades, nas localidades mais remotas e esquecidas, onde pouco lhe é ofertado, mas que tem no Judiciário a sua última esperança.

Para cumprir a missão de dirigir o Judiciário no biênio 2019/2021 não me faltará disposição para o trabalho, criatividade para superar dificuldades, mas, sobretudo, a certeza de que posso contar com o apoio dos magistrados, dos servidores e da sociedade, para ver o cidadão ser atendido na sua busca por justiça.

*Washington Luis Bezerra de Araújo

presidencia@tjce.jus.br

Presidente do Tribunal de Justiça do Ceará.

Fortaleza é sede da I Feira Literária da Diversidade Sexual

Nesta sexta e sábado, a partir das 9 horas, no Centro Cultural Belchior (Praia de Iracema), acontecerá a I Feira Literária da Diversidade Sexual (FLIDS).

Com palestras, venda de livros, cursos, oficinas e shows. Entrada franca. Entre atrações, José Silvério Trevisan e Letícia Lanz.

*Mais detalhes na Coluna Cena G aqui.

AMC receberá pagamento parcelado de multas via cartão a partir desta sexta-feira

A partir desta sexta-feira, as multas aplicadas pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) já poderão ser pagas de forma parcelada no cartão de crédito. A informação é da assessoria de imprensa do órgão. Por enquanto, quem desejar efetuar o parcelamento pode procurar o depósito da AMC, na Avenida Juscelino Kubitschek, no bairro Passaré, e a Central de Atendimento do Benfica, que fica no terceiro andar do Shopping Benfica.

A medida tem como objetivo facilitar o pagamento de multas de trânsito e demais débitos relativos aos veículos por meio do uso de cartões de crédito ou débito. O pagamento de multas com cartões de crédito ou débito foi liberado pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por meio da resolução 736/2018, publicada em julho do ano passado.

As empresas que fazem o parcelamento das dívidas são credenciaras junto ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para o parcelamento relativo a débitos de multas e dívidas expedidas pela AMC.

Além das dívidas com multas, a nova regulamentação possibilita que o proprietário quite outras dívidas relacionadas ao veículo, como diárias e remoções. O parcelamento das dívidas será feito totalmente entre a operadora do cartão e o proprietário do veículo.

Os encargos e eventuais diferenças de valores a serem cobrados por conta do parcelamento via cartão de crédito ou débito ficam a cargo do titular do cartão de crédito que aderir a essa modalidade de pagamento.

(Foto – O POVO)

Época acusa Damares Alves de sequestro infantil

759 2

Em sua nova edição, a revista Época, já publicada no app para iOS e Android, reconstrói a história de como a ministra Damares Alves levou há 15 anos, de uma aldeia no Xingu, a menina que hoje apresenta como sua filha adotiva, Lulu Kamayurá. A adoção nunca foi formalizada.

Uma das pessoas ouvidas pelos repórteres Natália Portinari e Vinícius Sassine é Tanumakaru, uma senhora octogenária e cega de um olho, avó da menina e quem a criou até mais ou menos seis anos.

Falando em tupi, ela contou que Lulu nasceu frágil e com inúmeros problemas de saúde. Era menininha ainda quando Márcia Suzuki, braço direito da hoje ministra, se ofereceu para leva-la a um tratamento dentário. “Chorei e Lulu estava chorando”, conta a avó. “Disse que ia mandar de volta. Cadê?” Damares conta que salvou a menina de ser sacrificada.

Segundo os índios, ela foi levada na marra. A ministra e Márcia são fundadoras de uma ONG chamada Atini, ligada à Igreja Metodista, e voltada para assistência da população indígena. A capa, com um close da velha senhora, traz por título “A branca levou a Lulu”.

Sem detalhes, parte da história de Lulu já havia sido contada pela Folha. Segundo o jornal, adotar menores que alegam estar em situação de risco é prática comum da ONG e há uma investigação do Ministério Público em curso. A Funai hoje está sob comando de Damares.

PR do Ceará sai do controle de Gorete Pereira

Além de não ter sido reeleito para a Câmara dos Deputados, Gorete Pereira está perdendo também a presidência estadual do PR.

No próximo dia 8, o prefeito do Eusébio, Acilon Gonçalves, vai assumir o comando do partido com a expectativa de levar também o filho, deputado Bruno Gonçalves, e sua mulher, vereadora Maria Gonçalves.

O deputado federal eleito Jaziel Pereira, marido da deputada estadual Dra. Silvana, será o novo secretário-geral da legenda.

(Foto – Agência Câmara)

Inadimplência das empresas fecha 2018 com alta de 7,44%

O número de empresas com contas em atraso e registradas no cadastro de inadimplentes apresentou crescimento de 7,44% no fechamento de 2018 na comparação com 2017, mas o ritmo de alta perdeu força em quatro das cinco regiões analisadas. Já o número de dívidas contraídas em nome de pessoas jurídicas avançou 4,89% em dezembro na comparação anual. Os dados são da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).

De acordo com o indicador, na região Norte, o crescimento do número de empresas com contas sem pagar foi apenas 0,78%, a menor entre todas as regiões brasileiras. No Centro-Oeste, foi de 2,10%, enquanto no Nordeste, a alta foi de 2,35% e no Sul, de 3,71% – todas abaixo da média nacional e menores do que o percentual observado no auge da crise econômica, quando girava em torno de 10%. No ano passado, a única região a destoar foi o Sudeste, que encerrou o ano de 2018 com alta de 13,03% na quantidade de empresas inadimplentes.

O número expressivo foi influenciado pela revogação de uma lei no Estado de São Paulo que exigia por parte dos credores uma carta com Aviso de Recebimento (AR) antes de efetivar o registro de atraso. Com o fim da lei, que burocratizava e tornava mais caro o processo de registrar uma dívida no banco de dados, muitas das negativações que estavam represadas entraram na base de dados de forma mais abrupta.

Na avaliação do presidente da CNDL, José Cesar da Costa, o cenário da inadimplência mais bem comportada entre as empresas é um sinal de que a recuperação econômica já refletiu, em alguma medida, melhora no faturamento das empresas. “Embora a saúde financeira das empresas ainda não tenha voltado ao patamar anterior à crise, o ano de 2018 foi um pouco melhor em vendas do que os anteriores, o que deu um fôlego maior para as empresas conseguirem honrar seus compromissos financeiros e organizar pendências. Nota-se que a situação da inadimplência no âmbito corporativo está mais contornável do que entre as pessoas físicas”, explica o presidente.

De modo geral, a recuperação de crédito, ou seja, o movimento de quitação de dívidas em nome de pessoas jurídicas, aumentou 12,20% em dezembro de 2018 no acumulado em 12 meses, o que demonstra que mais empresas conseguiram colocar sua situação financeira em dia junto aos credores. Além disso, cada empresa devedora tem, em média, duas pendências financeiras.

Igor Ponte é reconduzido ao cargo de superintendente do Detran

534 4

Igor Ponte vai continuar como superintendente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Saiu no Diário Oficial do Estado, nessa quarta-feira, o ato de nomeação assinado pelo governador Camilo Santana (PT). Na última semana, já haviam sido confirmados em seus cargos, também nesse órgão, Luís Fernando Simões como diretor administrativo e financeiro, e Daniel Paiva como procurador jurídico.

Igor Ponte está no órgão desde 2008, quando ocupou a função de procurador jurídico. Em 2013, em razão da saída de João Pupo para a Secretaria de Conservação e serviços Públicos da Prefeitura de Fortaleza, assumiu a superintendência na época do governo de Cid Gomes.

(Foto – Divulgação)