Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Instituto Atlântico desenvolve tecnologia contra insegurança nas ruas e paradas de ônibus

O Instituto Atlântico vai reunir parceiros e clientes nesta segunda e terça-feira, no espaço FB Ideias da Faculdade Farias Brito, para demonstrar como desenvolver produtos inovadores e com agilidade. A iniciativa faz parte do projeto Tomorrow Lab, que utiliza metodologias de trabalho com tecnologias usadas pela Google – design thinking e design sprint, – e desenvolvimento ágil, para identificar um problema do cliente e apresentar uma solução, de modo rápido.

Na ocasião, a equipe do Atlântico irá demonstrar como desenvolver uma ferramenta tecnológica que ajude cidadãos a lidar melhor com o problema da insegurança. A ferramenta terá como desafio minimizar os problemas de insegurança em paradas de ônibus, locais públicos, ruas em geral. O desenho da ideia será entregue à equipe de desenvolvedores da tecnologia que, em sete dias, entregará uma ferramenta em protótipo e já com algumas funcionalidades para ser usada pela comunidade, com acesso livre.

Conduzem a iniciativa o gerente de Inovação, Luiz Alves, a gerente de Projetos Niedja Mendonça Cavalcante, o coordenador de Tecnologia Lobo Junior e Adriana Fontenele, UX design, que trata de desenhar a experiência do usuário. Como resultados de realizações anteriores do projeto do Tomorrow Lab foram gerados alguns produtos tais como Multkids, um aplicativo para acompanhamento de crianças obesas, e o Visão, aplicativo voltado para a indústria, que possibilita enxergar o funcionamento das máquinas de todo o chão de fábrica e gerar gráficos num Dashboard com indicadores de desempenho.

Vão participar do Tomorrow Lab da próxima semana, na segunda e terça-feira (dias 21 e 22), representantes das organizações Schineider, Enel, Rede de Núcleos de Inovação Tecnológica (NIT), Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) e alunos da Faculdade Farias Brito, parceira do Instituto Atlântico no evento.

(Foto – Divulgação)

Motorista cearense só entende educação no trânsito quando sofre no bolso

Na foto, motorista para o veículo na faixa de velocidade para negociar produto com vendedor ambulante, no bairro Otávio Bonfim

Da Coluna Bric à Brac, no O POVO deste domingo (20), pela jornalista Inês Aparecida:

Ainda bem que a AMC voltou atrás e não mais multará quem passa em sinal vermelho de madrugada. AMC fez bem em tomar a decisão, porque ante a violência da cidade, não se pode vacilar.

Mas a gulosa AMC e seu instinto arrecadador pode satisfazer a volúpia de faturar cobrando multas de outras maneiras. Sabe-se que são fáceis de aplicar e muito lucrativas as infrações flagradas por fotossensores, pelas câmeras de vídeo monitoramento, mas há outras formas de fiscalizar e multar. Daria mais trabalho, pois os agentes teriam de circular pela cidade sob o sol quente, suando o uniforme. No entanto, acredito, seria bem mais rendoso do que multar o infrator da madrugada.

Algumas sugestões: que os agentes passem a fiscalizar o que acontece nas ruas do Centro da cidade onde se vê de tudo (menos a AMC). É um prato cheio para multas.

Que deem umas voltinhas pelos bairros Dionísio Torres, de Fátima, Aldeota e Meireles e vejam como estão estacionados os veículos, sem deixar a distância mínima das esquinas. As leis do trânsito, em qualquer circunstância, devem ser respeitadas. Errou, tem de sofrer a punição correspondente, porque o nível do motorista cearense só “entende” educação no trânsito quando sofre no bolso.

Em tempo: uma passadinha pela rua Ana Bilhar, entre Frei Mansueto e av. Virgílio Távora, será também uma fonte rendosa de multas.

“Trem Bala” conseguiu arrancar vários lides de Camilo

Da Coluna do Abidoral, do O POVO deste domingo

O “Trem Bala” (TVC e TV O POVO) virou trem político na semana passada, quando o maquinista Alan Neto recebeu o governador Camilo Santana para sua famosa “Cadeira Elétrica” de entrevistas. Camilo se saiu bem.

A turma do circo de horrores do Alan conseguiu arrancar dele algo quase impossível: vários lides.

(Foto – Divulgação)

Tempo de plantar

Em artigo no O POVO deste domingo (20), o economista Cláudio Ferreira Lima destaca o primeiro plano de longo prazo, que será lançado pelo Governo do Ceará. Confira:

Como deverá ser o Ceará daqui a 10, 20 ou 30 anos? A resposta virá com o Ceará 2050, nosso primeiro plano de longo prazo, que breve será lançado pelo governo.

Quando me entendi, o sonho dourado era a energia de Paulo Afonso, que, em 1961, chegou ao Cariri. Junto com ela, a região ganhou, fruto de convênio entre a Universidade Federal do Ceará (UFC) e a Universidade da Califórnia (UCLA), o projeto Asimow de desenvolvimento industrial. Criado por Morris Asimow e institucionalizado em 1964 como Programa Universitário de Desenvolvimento Industrial (Pudine), foi replicado em Sobral (1966). Os resultados, nos dois casos, ficaram, porém, longe do esperado.

Foi o I Plameg (1963-1966), do governo Virgílio Távora, que, de fato, inaugurou a era do planejamento no Estado. Assim, com a energia de Paulo Afonso em Fortaleza (1965) e os incentivos da Sudene (1961), promoveu a industrialização. E mais: criou a primeira Secretaria de Cultura do País. O II Plameg (1979-1983) implantou o Fundo de Desenvolvimento Industrial (FDI) e tornou o ramo de confecções destaque nacional.

O Plaic (1967-1971), de Plácido Castelo, criou o Seproce, hoje Etice; o Plagec, de César Cals (1971-1975), a Funceme e a Emcetur; o Plandece (1975-1979), de Adauto Bezerra, o Nutec; e o Planed (1983-1987), de Gonzaga Mota, a Urca e estadualizou a UVA.

Os “governos das mudanças” legaram ajuste fiscal, queda da mortalidade infantil, Secretaria da Ciência e Tecnologia, Centro Dragão do Mar, Secretaria dos Recursos Hídricos, energias renováveis, autossuficiência energética, novo Aeroporto Internacional Pinto Martins, Complexo do Pecém, indústrias no Interior e água e energia no meio rural.

Os últimos governos e o atual avançaram na gestão fiscal, na educação formal e tecnológica, no ensino médio em tempo integral (como política de Estado), bem como nas áreas hídrica, ambiental e da mineração; ampliaram a infraestrutura física e digital e os equipamentos de saúde, segurança e turismo; viabilizaram o polo de saúde e, com a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), a ZPE; e alargaram os horizontes das energias renováveis e do Complexo do Pecém.

Evoluímos muito, mas ainda não seremos em 2020, como queria o Pacto de Cooperação (1991), “uma sociedade solidária e plural com igualdade de oportunidades”.

Mas há em curso ideias transformadoras em gestão, nos recursos hídricos, na agropecuária, nas energias renováveis, no Complexo do Pecém, na educação, na saúde, no turismo e nas economias do mar, da cultura e do conhecimento.

Na construção participativa do Ceará 2050, será tempo de plantar mais ideias transformadoras para se enfrentar com êxito os sete grandes desafios do Estado, retratados nos sete Cearás do atual governo: da Gestão Democrática por Resultados, Acolhedor, de Oportunidades, Sustentável, do Conhecimento, Saudável e Pacífico.

Eleições 2018 – Acrísio acredita que PT e PDT marcharão juntos no Ceará e em termos nacionais

O presidente do PT em Fortaleza, vereador Acrísio Sena, acredita que o partido marchará com o PDT e com o PCdoB nas eleições do próximo ano, tanto para as disputas ao Palácio da Abolição, como ainda ao Palácio do Planalto.

No Ceará, Acrísio avalia que o PT estaria contemplado na chapa majoritária com a candidatura à reeleição de Camilo Santana, o que disponibilizaria as duas vagas ao Senado para os aliados.

Apesar disso, o vereador afirma que é preciso aguardar os trâmites da Reforma Política, que poderá mudar os rumos das coligações partidárias já a partir do próximo ano.

Fortaleza demite técnico Bonamigo

No dia seguinte após a derrota por 2×0 para o Sampaio Corrêa, pela Série C do Brasileiro, o Fortaleza anunciou a saída do técnico Paulo Bonamigo. Em seu site oficial, o Tricolor agradeceu o trabalho realizado pelo treinador na equipe.

Bonamigo deixa o clube após 3 meses de trabalho. Ele assumiu o comando do time no início de maio e dirigiu a equipe nos 15 jogos da Terceirona, com 6 vitórias, 5 empates e 4 derrotas, obtendo um aproveitamento de 51,1%. A Fortaleza vinha de uma série de 3 partidas sem vitória e ocupava o terceiro lugar do grupo A.

A diretoria do Fortaleza ainda não definiu o substituto para o cargo. O time retorna para a Capital neste domingo, com reapresentacão marcada para segunda-feira, dia 20. O Tricolor volta a campo no próximo domingo, dia 27, as 19h15min, contra o CSA, na Arena Castelão.

Confira a nota divulgada no site do Fortaleza: 

O Fortaleza Esporte Clube comunica e oficializa o desligamento do treinador Paulo Bonamigo do comando técnico do clube.

Agradecemos os serviços prestados e desejamos sorte ao treinador. A diretoria deve anunciar em breve o novo técnico.

.

Temer sugere que Aécio reassuma PSDB e que Tasso seja afastado do comando do partido

415 5

Incomodado com as críticas do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), o presidente Michel Temer teria sugerido na noite da sexta-feira (18), em encontro com o também senador tucano Aécio Neves (MG), que o parlamentar mineiro reassuma o controle do PSDB, como forma de afastar Tasso.

Segundo matéria no Jornal Nacional, na noite desse sábado (19), a estratégia de Temer seria o esvaziamento do grupo político de Tasso. O presidente interino do PSDB possui o apoio do ex-presidente FHC, do governador paulista Geraldo Alckmin e do prefeito de São Paulo, João Doria, além da ala jovem tucana.

Temer também se mostrou incomodado com a última propaganda política do PSDB, exibido na noite da quinta-feira (17), que trouxe um posicionamento contrário à atual gestão no Palácio do Planalto.

Alckmin defendeu o tom crítico na propaganda tucana e disse que “ninguém está feliz com a política brasileira hoje”. Já o prefeito João Doria defendeu a permanência de Tasso à frente do PSDB e ressaltou a trajetória política do tucano cearense.

(Foto: Reprodução)

Fôlego eleitoral – Camilo participa da II Corrida das Escolas Públicas Estaduais

Com fôlego para as disputas das eleições do próximo ano, o governador Camilo Santana (PT) participou, na manhã deste domingo (20), na Beira Mar, da II Corrida das Escolas Públicas Estaduais, que reuniu cerca de oito mil participantes. A atividade esportiva faz parte do projeto AoGosto do Aluno, desenvolvido pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), em comemoração ao Mês do Estudante.

Entre os competidores estavam cerca de sete mil alunos e mil educadores, representantes de todas as escolas da rede pública estadual de ensino. Os estudantes que atingiram as primeiras colocações, nas categorias feminina e masculina, ganharão viagens para participar de corridas em outros estados, além de premiações coletivas.

No dia 31 deste mês, será realizada a final do II Festival Alunos que Inspiram, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. O evento dará espaço às atividades artísticas desenvolvidas nas escolas, destacando o talento e a criatividade dos estudantes. Na edição deste ano, serão contempladas seis expressões artísticas: artes visuais, música, literatura, audiovisual, dança e teatro.

(Foto: Divulgação)

PF e PM apreendem aeronave com 25 quilos de cocaína em Camocim

Três pessoas foram presas e um avião carregando cerca de 25 kg de cocaína foi apreendido, nessa noite de sábado, na cidade de Camocim (Litoral Oeste). A prisão e a apreensão foram feitas pela Polícia Federal. eA ação contou com o apoio da Polícia Miltiar do Estado.
De acordo com a assessoria de comunicação da PF, a ação começou após o departamento de inteligência repassar coordenadas de um avião que teria vindo do estado do Pará para a PM.
Os presos foram conduzidos para a sede da Superintendência Regional da Policia Federal no Ceará, onde serão autuados em flagrante. A droga apreendida também está sendo encaminhada foi encaminhada. A informação é da assessoria de comunicação da PF.

Beleza negra do Piauí vence Miss Brasil e agora sofre preconceito nas redes sociais

A estudante universitária Monalysa Alcântara, 18, é a primeira piauiense eleita Miss Brasil, em disputa na noite desse sábado (19), em Ilhabela, no litoral paulista. A cearense Alexia Duarte, 21, foi a vencedora da disputa de maquiagem e ficou entre as 10 mais belas do concurso.

Logo após a conquista, Monalysa Alcântara, de cor negra, passou a sofrer ataques racistas nas redes sociais, a maioria de internautas da Região Centro-Oeste.

Em defesa da piauiense, a atriz global Grazi Massafera postou que Monalysa possui “a cara do Brasil, linda, elegante, carismática”.

Termina nesta segunda-feira prazo para quem recebe auxílio-doença agendar nova perícia

Termina nesta segunda-feira (21) o prazo para que beneficiários do auxílio-doença convocados pelo Diário Oficial da União (DOU) procurem o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para agendar nova perícia médica.

Os beneficiários convocados no dia 1º de agosto são aqueles com os quais o INSSs não conseguiu entrar em contato por meio de cartas, que, devido às informações insuficientes ou erradas, foram devolvidas pelo Correios.

Inicialmente, o prazo de cinco dias a partir da publicação da convocação terminaria no dia 5 de agosto. No entanto, horas antes do fim do prazo, o Ministério do Desenvolvimento Social anunciou, por meio de nota enviada à imprensa, que a data limite estava sendo prorrogada para 21 de agosto.

A prorrogação foi divulgada um dia após a 20ª Vara Federal de Porto Alegre (RS) conceder liminar favorável à Defensoria Pública da União (DPU), que pedia que o INSS restabelecesse o pagamento de benefícios por incapacidade cancelados antes que os segurados tivessem passado por nova perícia.

(Agência Brasil)

Mega-Sena acumula e poderá pagar R$ 32 milhões na quarta-feira

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 1.960 da Mega-Sena, realizado na noite desse sábado (19), na cidade de Presidente Venceslau, em São Paulo. O prêmio de R$ 26,1 milhões ficou acumulado e, segundo previsão da Caixa Econômica Federal (CEF), poderá chegar a R$ 32 milhões na quarta-feira (23). As apostas podem ser feitas até as 19 horas do dia do sorteio.

As dezenas sorteadas nesse sábado foram: 01 – 18 – 25 – 37 – 39 e 43.

Segmentos democráticos e humanitários estão indignados com cortes no Bolsa Família

702 2

Da Coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (20):

Estupefação e indignação tomaram conta dos segmentos democráticos e humanitários do Brasil e do Exterior ao ser confirmado o corte de 543 mil beneficiários do Bolsa Família. Só no Ceará foram 41 mil. Ao todo, mais de um milhão de famílias foram excluídas do programa pelo Governo Temer, até aqui.

Embora, desde muito, a direita brasileira ameaçasse extinguir o programa ainda havia uma tênue esperança de que esse segmento de pobreza extrema fosse poupado. Mas não existe compaixão no coração dos responsáveis. Os cortes estão ocorrendo no momento exato em que o desemprego campeia no País e cresce o desespero e o suicídio entre os pais de famílias que não suportam mais encarar o sofrimento dos filhos, quando retornam à casa de mãos vazias, após buscar inutilmente um trabalho para sustentar a família. Graças ao Bolsa Família, o País saiu do Mapa Mundial da Fome.

O Brasil está num atoleiro movediço. Generaliza-se o convencimento de que a bandeira anticorrupção foi apenas uma cortina de fumaça para encobrir uma ardilosa trama para inviabilizar os governos das forças populares e impor um outro contrário à política desenvolvimentista, nacional e inclusiva, baseada no aumento real e contínuo do salário mínimo e na ampliação das conquistas sociais, na criação de empregos e na defesa do pré-sal e expansão do mercado interno: tudo o que não interessava aos que vivem da renda dos altos juros da dívida pública e da agiotagem internacional.

Se o critério fosse realmente o combate à corrupção, o governo Michel Temer não teria aguentado nem uma semana, diante dos escândalos, sem paralelos, que o envolvem.

Série C – Fortaleza é derrotado pelo Sampaio Corrêa e poderá perder mais uma posição na tabela neste domingo

Há três jogos sem vencer pela Série C do Campeonato Brasileiro, o Fortaleza poderá perder duas posições dentro do G4 em apenas uma semana. No último fim de semana, a equipe deixou a vice-liderança, após um empate em casa, diante do Cuiabá. Na noite desse sábado (19), o Leão foi derrotado pelo Sampaio Corrêa, por 2 a 0, no estádio Castelão, em São Luís, e agora terá que torcer contra o Salgueiro, na noite deste domingo (20), para não cair para a quarta colocação. A equipe pernambucana enfrenta o Cuiabá, fora de casa.

A derrota do Fortaleza ocorreu em duas falhas da zaga, que não conseguiu ficar com as rebatidas do goleiro Marcelo Boeck, mesmo em maior número na área que os atacantes do time maranhense.

O Fortaleza volta a campo no próximo domingo (27), no estádio Castelão, contra o CSA. Depois encara o Confiança, em Sergipe, dia 3, e encerra sua participação na primeira fase da competição, dia 9, em casa, contra o Moto Club.

O vice de João Doria em 2018

Em seu Instagram pessoal, o empresário Flavio Rocha, acionista da Riachuelo, postou um texto em que lançava a candidatura de João Doria a presidente e a sua como vice do prefeito paulistano. A informação é da Coluna Radar, da Veja Online.

O encontro entre os dois aconteceu numa solenidade em Natal, quando ambos foram agraciados com homenagens.

Embora seja o tucano mais bem colocado nas pesquisas, Doria ainda enfrenta resistência no partido. Hoje, o candidato do PSDB à presidência seria Geraldo Alckmin.

Cerca de 50 minutos depois de publicar em sua conta a mensagem, Rocha a retirou do ar.

Comissão vai discutir se famílias de alunos ricos devem pagar por universidades públicas

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados vai discutir na terça-feira (22) se os ricos devem pagar para estudar em universidades públicas. O debate estará aberto ao público por meio do canal e-democracia, no portal de internet da Câmara dos Deputados, a partir das 10 horas. A iniciativa do debate é do presidente do colegiado, deputado Caio Narcio (PSDB-MG). Ele parte do princípio de que a educação brasileira está em crise, evidenciada, entre outros fatores, pela defasagem entre investimentos nos ensinos básico e superior.

Outro aspecto da crise seria o que o deputado chama de “dicotomia”, que leva a um grande número de alunos de renda familiar elevada matriculados em universidades públicas. “Nós temos uma pirâmide invertida no que se refere ao financiamento: temos, no ensino superior, um investimento que, por vezes, chega a ser três maior do que o da educação básica. Quer dizer que se tem uma formação na alfabetização e nos primeiros anos de escola totalmente prejudicada, com professores mal qualificados e mal remunerados. Depois, a gente observa que existe uma dicotomia na educação superior no Brasil: quem tem dinheiro está estudando de graça e quem não tem está pagando para estudar na [faculdade] privada porque não consegue ter acesso ao ensino gratuito”.

Para Caio Narcio, uma pessoa que seja muito rica não pode estudar de graça. “Na minha concepção, essa pessoa precisa pagar a universidade e esse dinheiro pode ajudar tanto na ampliação de vagas para quem ainda não tem acesso quanto na compensação do ensino básico. Acho que a gente deve ter a coragem de enfrentar esse assunto, porque não é razoável que um cara pare uma BMW e vá estudar na universidade pública de graça”.

(Agência Câmara Notícias)