Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Capitão Wagner rebate falta de produtividade como político e apresenta projetos

foto capitão wagner deputado

Em sua página no Facebook, o candidato do PR à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner, rebateu críticas sobre a falta de produtividade como político e apresentou alguns projetos como vereador e como deputado estadual, este último em exercício.

Segundo o próprio candidato, 82 matérias legislativas tiveram entrada em dois anos como vereador de Fortaleza. O próprio candidato destacou entre as propostas o projeto de indicação que estabelece prazo máximo de seis dias para marcação de exames e consultas médicas para idosos, além do projeto que proíbe o recebimento de remédios que tenha ultrapassado 20% do seu prazo de validade nas aquisições realizadas pela administração pública municipal e a aplicação de multa no valor de R$ 100 para quem jogar lixo na via pública.

Como deputado estadual, Capitão Wagner destaca a proposta do voto aberto, ainda em tramitação.

Datafolha e Ibope – O prefeito Roberto Cláudio conquistou a classe média fortalezense?

Em artigo em sua página virtual, o sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa avalia o desempenho de Roberto Cláudio na classe média. Confira:

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) caminha para conquistar o seu segundo mandato à frente do executivo do município de Fortaleza. As pesquisas de opinião pública (Datafolha e Ibope) do quadro eleitoral da capital cearense dão uma sensação de vitória do candidato governista a quase quinze dias do final do segundo turno. A maioria dos representantes da classe média tradicional de Fortaleza vai votar no prefeito Roberto Cláudio (PDT) e aprova a sua gestão pública.

O senador Eunício Oliveira (PMDB) quando candidato ao Governo do Estado do Ceará, no pleito eleitoral de 2014, foi o mais votado na classe média alta (acima de dez salários mínimos) e na classe média baixa (entre cinco salários até dez salários mínimos), assim como também o senador eleito, o ex-governador Tasso Jereissati (PSDB), na cidade de Fortaleza. O prefeito Roberto Cláudio (PDT) foi o mais votado nesses segmentos sociais, no primeiro turno da sucessão municipal da capital cearense desse ano.

A classe média tradicional de Fortaleza – na sua grande maioria – ainda tem o sentimento político-eleitoral anti-Ferreira Gomes e anti-petista-lulista, mas não tem o mesmo sentimento ou crítica negativa ao prefeito de Fortaleza, o médico Roberto Cláudio (PDT), como se houvesse  uma onda conservadora ou azul favorável a atual gestão pública. O mandato do prefeito Roberto Cláudio (PDT) é bem avaliado como ótimo e bom (Datafolha 50% e Ibope 48%) por todos os segmentos da sociedade civil fortalezense, de acordo com as últimas pesquisas eleitorais dos seguintes jornais: O Povo e Diário do Nordeste.

O prefeiturável Capitão Wagner (PR) mantém o seu crescimento de perspectiva de voto entre os eleitores de baixo poder aquisitivo (zero até dois salários mínimos | dois salários até cinco salários mínimos) e com ensino fundamental (Incompleto ou Completo).  Capitão Wagner sofre uma rejeição crescente na classe média fortalezense, que é a responsável pelo crescimento da perspectiva de voto no segundo turno, para o prefeito Roberto Cláudio (PDT), pois a mesma faz boa avaliação da atual administração municipal.

Manzotti comanda IX Evangelizar é Preciso, neste sábado, na Praia de Iracema

manzotti2

O padre Reginaldo Manzotti comanda neste sábado (15), a partir das 16 horas, no aterro da Praia de Iracema, o IX Evangelizar é Preciso. Entrevistado nessa sexta-feira (14), via Facebook Live, no portal O POVO Online, Manzotti bateu o recorde de audiência desde o início do projeto.

Um dos momentos mais esperados da entrevista foi a opinião de Manzotti sobre o governo de Michel Temer. Mas, quem esperou um “sermão” do padre, teve que se contentar com uma breve “oração”: “Ainda não tenho opinião a respeito. Prefiro dar uma de Moisés e interceder pelos bons”.

Neste domingo (16), no estádio Presidente Vargas, no bairro Benfica, Manzotti comandará novo encontro.

Temer: aproximação com a base permitiu aprovação da PEC do teto de gastos

O presidente Michel Temer disse neste sábado (15), em Goa, na Índia, que a aproximação do governo com a base aliada na Câmara dos Deputados permitiu a aprovação, em primeiro turno, da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita os gastos dos três poderes.

Temer participa neste fim de semana, na cidade indiana, da VIII Cúpula do BRICS, bloco formado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. A declaração foi dada pelo presidente durante entrevista coletiva, ao responder uma pergunta sobre a possibilidade de alianças políticas para as eleições de 2018. De acordo com Temer, qualquer declaração sobre o futuro pleito “é prematura”.

“Não há nenhuma previsão para essa espécie de aliança. O que há é aproximação com todos os partidos da base aliada que permitiram ao governo ter uma vitória muito significativa, que teve repercussão interna e repercussão, posso perceber agora, no exterior.”, disse Temer.

Sobre a reunião do BRICS, o presidente disse que o Brasil pretende fortalecer as relações bilaterais com a Índia para aumentar as exportações brasileiras e os investimentos no país.

“Minha ideia é aumentar o relacionamento do Brasil com a Índia. Nós temos empresas aqui na Índia, mas são poucas, por enquanto. Empresas até de muito renome no Brasil e que têm uma presença muito expressiva aqui na Índia.”, concluiu o presidente.

(Agência Brasil)

Votação da legalização de cassinos e bingos é adiada para quarta-feira

Foi adiada mais uma vez a votação do substitutivo do relator ao projeto que amplia o leque dos jogos de azar legalizados no país. O relator do projeto na Comissão de Desenvolvimento Nacional, senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) fez novas modificações no projeto e foi concedida vista coletiva para que os senadores analisem as mudanças. A votação foi remarcada para a quarta-feira (19).

O PLS 186/2014 faz parte da Agenda Brasil – pauta apresentada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, com o objetivo de incentivar a retomada do crescimento econômico do país. Do senador Ciro Nogueira (PP-PI), o projeto legaliza cassinos, bingos, jogo do bicho e apostas eletrônicas.

Entre as novas emendas aceitas pelo relator está a que obriga estabelecimentos que explorem jogos de azar a manter em arquivo os registros de controle de apostas, e de câmeras de segurança por cinco anos. O objetivo é garantir o acesso de autoridades fiscalizadoras a esse material, em possíveis investigações. Também ficam proibida a exploração desse tipo de jogo por políticos com mandatos eletivos e seus parentes.

O relator também alterou a quantidade mínima de habitantes para que um município possa ter casas de bingo. O limite, segundo o relatório anterior, seria de 250 mil habitantes. Pelo novo texto, essas casas poderão ser abertas em municípios que tenham a partir de 200 mil habitantes.

Outra mudança é na quantidade de casas para municípios maiores. Pelo proposta  anterior, seria concedida uma outorga a cada 500 mil habitantes, ou seja, municípios com um milhão de habitantes poderiam ter apenas duas casas de bingo. Esse número agora será de uma outorga para cada 200 mil, ou seja: municípios com um milhão de habitantes poderão ter até cinco casas de bingo.

A mesma emenda que muda a quantidade mínima de habitantes estabelece que, nas regiões metropolitanas, será considerado o número de habitantes da região, com a exploração do jogo podendo ser em qualquer município. O projeto também estabelece que nenhum grupo econômico poderá concentrar mais de 10% do total de outorgas concedidas para bingos no território nacional e autoriza o funcionamento de vídeo-bingo nessas casas.

O autor do projeto, senador Ciro Nogueira, sugeriu que fosse retirada do texto a proibição de que funcionários da Caixa Econômica Federal participem dos jogos de azar. O relator disse que aceitará a emenda.

(Agência Senado)

Enem: este é o último fim de semana para fazer o simulado do exame online

Este é o último fim de semana para que os estudantes que participarão do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) testem os conhecimentos no simulado nacional da plataforma Hora do Enem: será o quarto e último simulado que ocorre antes das provas, marcadas para os dias 5 e 6 de novembro. Uma novidade deste simulado é que o estudante terá acesso ao gabarito oficial, que será divulgado na segunda-feira (17).

O teste está dividido em duas provas, somando 180 questões. Como são testes longos, o recomendável é que sejam feitos em dois dias, assim como ocorre no Enem. No primeiro dia do simulado, os alunos responderão 90 questões, divididas igualmente entre Ciências Humanas e Ciências da Natureza. O segundo dia de provas será destinado a outras 90 questões de Matemática e Linguagens.

Depois do simulado, os estudantes terão acesso a um ranking para comparar o seu desempenho com os outros candidatos que buscam a mesma universidade ou curso. As provas do Enem estão marcadas para os dias 5 e 6 de novembro.

A plataforma Hora do Enem pode ser acessada por computador, smartphone ou tablet. Além do simulado, também é possível acessar boletins de notícias com informações sobre o Enem, programas de TV com dicas e conteúdos, questões resolvidas e comentadas, videoaulas e uma plataforma de estudos personalizada com planos de estudos e exercícios on-line.

Os três simulados Hora do Enem anteriores registraram cerca de 1,5 milhão de avaliações realizadas. Estudantes de todo o Brasil participaram das provas, que tiveram como principal alvo os alunos de escolas públicas.

(Agência Brasil)

ZPE Ceará é premiada por publicação do jornal Financial Times

foto-zpe-ceara-premio

A ZPE do Ceará foi premiada pela publicação Foreign Direct Investment (FDI) do jornal Financial Times de Londres, sendo reconhecida como uma das mais importantes zonas francas do mundo e como uma grande oportunidade de negócio para investidores internacionais.

Segundo o Secretário de Assuntos Internacionais do Governo do Estado, Antonio Balhmann, a premiação é fruto de um trabalho de divulgação internacional da ZPE Ceará realizado pela Secretaria de Assuntos Internacionais, com o apoio, neste caso, da Associação Brasileira de Zonas de Processamento de Exportação (ABRAZPE), com o objetivo de ranquear a ZPE Ceará entre as maiores do mundo. “Sem o apoio do Conselho Nacional das Zonas de Processamento de Exportação (CZPE) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), comandando pela Secretária Executiva, Thaise Dutra, seria impossível a ZPE do Ceará ter obtido esse status”, assegura Balhmann.

Conforme Balhmann, essa ação é uma estratégia do Governador Camilo Santana de promover a divulgação nacional e internacional da ZPE Ceará junto à China, Coréia do Sul e outros players mundiais. “Em setembro, a ZPE Ceará participou com um stand da China International Fair for Investment & Trade (CIFIT 2016), feira internacional da China para o investimento e comércio, em Xiamen. Nessa feira participam praticamente todas as zonas francas do mundo. Neste mesmo período, na Coréia do Sul, fizemos a apresentação da ZPE Ceará e dos ativos do Estado na Federação das Indústrias da Koreia (FKI) às principais multinacionais coreanas”, lembra.

Essa é a primeira vez que uma Zona Franca Industrial brasileira consta no ranking das zonas francas internacionais do FDI. A ZPE Ceará ganhou prêmios em quatro categorias, ou seja, “Melhor Zona Franca da América Latina e do Caribe- Grandes Inquilinos”; “Melhor Zona Franca para Infraestrutura”; “Melhor Zona Franca para Expansões” e “Melhor Zona Franca para Apoio à Educação e Treinamento”. Os resultados foram publicados oficialmente na edição deste mês da FDI Magazine e a ZPE do Ceará foi a homenageada do ano de 2016.

De acordo com Balhmann, a premiação é o reconhecimento do esforço do Governador Camilo Santana no sentido de garantir a afirmação da ZPE do Ceará com a sua enorme capacidade de gerar novos empregos. “A participação da ZPE Ceará, daqui pra frente, em outros eventos como a nova ranqueada do FDI dá um novo status às nossas apresentações em qualquer lugar do mundo pela credibilidade que tem a publicação do Jornal Financial Times”, comenta.

Balhmann destaca que o Governador tem dado total apoio à ZPE Ceará e realizado todos os investimentos em infraestrutura necessários ao projeto, para garantir mais desenvolvimento para o Ceará. “O Governador Camilo Santana tem, inclusive, viajado pessoalmente para fazer a divulgação da ZPE Ceará dentro e fora do Brasil”, esclarece.

A PPP do Centro de Eventos

foto eliseu barros

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (15):

O setor turístico e, em especial, a área hoteleira, quer um debate sobre a inclusão do Centro de Eventos no pacote de concessões anunciado pelo governador Camilo Santana (PT). Segundo o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), regional Ceará, Eliseu Barros, por ser um equipamento de grande importância na atração de feiras e congressos que, por sua vez, contribuem para a ocupação hoteleira.

“É preciso abrir a discussão. Nós somos a favor da concessão. Agora, temos que ver como ficarão, no futuro, as taxas”, avisa Barros.

Qualquer mudança nessa política que envolve o Centro de Eventos influencia diretamente no setor hoteleiro. Ele lembra que em setembro, por exemplo, o setor viveu clima de alta estação por conta de dois congressos nacionais – Contabilidade e Cardiologia, justamente pelo potencial do Centro de Eventos.

“A PPP do equipamento precisa ser exposta”, reitera.

Capitão Wagner defende diálogo para resolver conflitos

182 14

eleicoes-2016-fortaleza-2turno-pr-cap-wagner

Ao apontar que a gestão pública deve funcionar como mediadora de conflitos, o candidato do PR à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner, mostrou em sua propaganda eleitoral no rádio, neste sábado (15), o diálogo entre um taxista e um motorista Uber, além da conversa entre um guarda municipal e um feirante. Para Capitão Wagner, a atual gestão fica “em cima do muro”.

O candidato do PR também falou da crise econômica e disse que a atual gesta “esbanja” com cabides de emprego, enquanto a cidade possui 230 mil desempregados.

Roberto Cláudio dedica programa eleitoral ao Dia do Professor

289 4

eleicoes-2016-fortaleza-2turno-pdt-rc-e-dia-professor

O programa eleitoral do candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, Roberto Cláudio, neste sábado (15), foi dedicado ao Dia do Professor. Roberto Cláudio destacou programas de qualificação de professores, o que refletiu em índices positivos na educação fundamental.

Roberto Cláudio apontou que a meta do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) para 2020 foi alcançada este ano, diante da média de 6,2. O candidato destacou que a média ficou acima das escolas particulares. Também ressaltou que o Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (Spaece) elevou de 20 para 140 escolas com crianças alfabetizadas, desde o início da atual gestão de Fortaleza.

O atual prefeito de Fortaleza e candidato à reeleição destacou ainda o ingresso de 1,7 mil novos professores por concursos, além de cargos de direção em escolas do município ocupados por seleção pública.

(Foto: Divulgação)

Defensoria Pública recomenda que INSS suspenda programa de revisão de benefícios por invalidez

A Defensoria Pública da União (DPU) enviou recomendação ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para que a autarquia suspenda o Programa de Revisão dos Benefícios por Incapacidade (PRBI) até que as perícias para concessão de novos benefícios sejam feitas no prazo máximo de 45 dias.

Desde agosto o PRBI prevê a convocação para perícia médica de todos os segurados em gozo de auxílio doença e de aposentadoria por incapacidade há mais de dois anos. Atualmente a perícia chega a ter atraso de 197 dias, embora o prazo máximo previsto em lei seja 45 dias.

O INSS tem prazo de dez dias para se pronunciar sobre o acolhimento da recomendação. Caso a autarquia recuse o atendimento, uma ação civil pública pode ser aberta.

A DPU ainda cobra da autarquia que não suspenda benefícios concedidos por decisão judicial em tutela provisória. No documento, os defensores ressaltam que as decisões administrativas, como as que eventualmente entendam pela suspensão do benefício por incapacidade, não podem ser afastadas do controle judicial, apontando portaria que dispensa a manifestação da Procuradoria Geral Federal nos casos de cessação do benefício. Por isso, observam a necessidade de comunicação ao Judiciário nos casos em que o benefício for concedido judicialmente por tutela provisória.

(Agência Brasil)

Câmara rejeita restrições ao fechamento de escolas públicas

A Comissão de Educação rejeitou o Projeto de Lei 4822/16, do Senado, que condiciona o fechamento ou reestruturação de escolas públicas da educação básica à manifestação do Conselho de Educação do respectivo sistema e da comunidade escolar. Como foi rejeitada na única comissão de mérito, a proposta será arquivada, a não ser que haja recurso para votação em Plenário.

O relator da proposta, deputado Átila Lira (PSB-PI), avaliou que o texto fere a autonomia dos estados e municípios para organizar sua política educacional, o que inclui a reestruturação e a extinção de determinados centros de ensino. “Não é recomendado que a legislação federal faça excessivo detalhamento naquilo que cabe à autonomia dos diversos entes, devendo, pois, permanecerem as normas federais e nacionais no campo das normas gerais”, avaliou.

Lira afirmou ainda que a proposta não está em harmonia com a lei que pretende alterar, a Lei de Diretrizes e Bases (9.394/96). “A proposição analisada apresenta, ainda, um contrassenso lógico. Limita a autonomia dos estabelecimentos escolares justamente no art. 15 da LDB, que assegura às unidades escolares públicas de educação básica progressivos graus de autonomia pedagógica e administrativa e de gestão financeira”, justificou.

(Agência Câmara Notícias)

Professores podem adoecer por falta de organização no trabalho, diz pesquisa

A médica e pesquisadora Ella Avellar afirmou que o adoecimento dos professores pode estar muitas vezes mais relacionado a questões de organização no trabalho do que a problemas físicos, como surdez ou depressão. O problema foi relatado em pesquisa, nessa sexta-feira (14), durante o I Seminário sobre Condições de Saúde e Trabalho dos Professores, promovido pela Fundação Jorge Duprat e Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro), em São Paulo.

“Muitas vezes os técnicos estão preocupados com o ruído que vai causar surdez. E ali tem que ter um outro olhar. Eles tem que ter como base os indicadores, não só as normas. Nós temos que ver do que estão adoecendo os professores”.

Segundo a médica, entre as principais doenças que provocam afastamentos estão transtornos mentais, como depressão, transtorno bipolar e agorafobia. Também há com frequência problemas como rouquidão e paralisia das cordas vocais.

Uma pesquisa divulgada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores da Educação (CNTE) em 2012 – Trabalho Docente na Educação Básica no Brasil -, aponta que as principais causas de afastamento de docentes são processos inflamatórios das vias respiratórias (17,4%), depressão, ansiedade, nervosismo, síndrome do pânico (14,3%) e estresse (11,7%). Foram entrevistados 8,9 mil professores em Minas Gerais, no Espírito Santo, em Goiás, no Paraná, em Santa Catarina, no Rio Grande do Norte e Pará.

(Agência Brasil)

Morte de policial – Capitão Wagner suspende atividades da campanha nesta sexta-feira

O candidato do PR à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner, suspendeu atividades de campanha, nesta sexta-feira (13), em virtude da morte do tenente Marcos Lira, vítima de assalto no bairro Jardim América. Confira nota de pesar:

Foi com extremo pesar que recebemos a notícia do falecimento do Tenente da Polícia Militar Marcos Lira, ocorrido nesta sexta-feira. Além de representar uma dor incalculável para familiares e amigos, é também uma perda inestimável para toda sociedade cearense, em especial para a Polícia Militar do Ceará.

É inaceitável que um cidadão tenha a sua vida ceifada de maneira tão torpe e brutal. É desolador imaginar que, com o passar dos dias, esse sofrimento se torne apenas mais um número nas estatísticas. Qualquer morte que fuja do curso natural da vida é motivo de perplexidade e não deve ser esquecida.

À família que hoje atravessa esse momento de consternação, apresento meus sentimentos de solidariedade e respeito.

Em virtude da tragédia ocorrida, comunico que hoje não teremos atividade de campanha.

Atenciosamente,

Capitão Wagner

UFC empossa 13 novos servidores nos campi de Fortaleza e Sobral

“Sejam bem-vindos à melhor Universidade do Nordeste e à 10ª melhor do País, segundo ranking recentemente divulgado pela Folha de S. Paulo. Portanto, vocês estão ingressando numa casa da qual têm muito do que se orgulhar”, afirmou o Reitor Henry de Holanda Campos na solenidade de posse de 13 novos servidores, realizada na tarde desta sexta-feira (14), na Reitoria.

A professora Cláudia Buhamra, Pró-Reitora Adjunta de Gestão de Pessoas, também deu as boas-vindas aos novos colaboradores e afirmou que a UFC os recebia de coração aberto e com alegria, “a mesma alegria que vocês, suas famílias e seus amigos estão sentindo”. Observou, ainda, que eles devem lembrar que não são servidores públicos, mas “servidores do público” e que prestarão serviço “ao público”, para nunca esquecerem de prestar um serviço de excelência.

Em nome dos empossados fez a leitura do termo de compromisso Thyago Moreira de Queiroz, que será lotado, como docente, no Departamento de Fisiologia e Farmacologia da Faculdade de Medicina. Em seguida, o termo de posse foi lido pela Chefe do Cerimonial da UFC, Cláudia Albuquerque, a qual procedeu à chamada dos empossados (por ordem alfabética), que receberam o documento das mãos do Reitor Henry Campos.

(Site da UFC)

Ibope/TV Verdes Mares – Roberto Cláudio 51%; Capitão Wagner, 38%

120 1

roberto-e-wagner-divulgacao

Saiu nesta sexta-feira a primeira pesquisa do Ibope/TV Verdes Mares sobre a disputa pela Prefeitura de Fortaleza, em clima de segundo turno. Confira:

Roberto Cláudio (PDT) – 51%

Capitão Wagner ( PR) – 38%

Brancos/Nulos – 7%

Não sabem/Não responderam – 4%

*A pesquisa ouviu 805 eleitores no período de terça e quarta-feira últimas. A margem de erro é de pontos percentuais para mais ou para menos.