Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Quase 90% das brasileiras que moram nas cidades foram assediadas, aponta estudo

O assédio é uma realidade para 87% das mulheres brasileiras que vivem em áreas urbanas, 16% relataram ter sido assediadas antes dos 10 anos e 55%, com 18 anos ou menos. As informações estão em pesquisa divulgada nessa sexta-feira (25) e encomendada pela organização internacional de combate à pobreza ActionAid no Dia Internacional pelo Fim da Violência Contra as Mulheres.

Além das brasileiras, foram ouvidas tailandesas, indianas e britânicas. O Brasil é o que apresenta a maior incidência de assédio entre as mulheres e também entre aquelas que sofreram assédio antes dos 10 anos. Foram considerados assédio atos indesejados, ameaçadores e agressivos contra as mulheres, podendo configurar abuso verbal, físico, sexual ou emocional.

A maioria (55%) das entrevistas disse ter sido assediada nas ruas e 23%, no ambiente de trabalho. Os assovios (65%) foram as principais formas de assédio relatadas pelas entrevistadas, mas comentários de cunho sexual ocorreram com mais da metade das mulheres (52%), seguidos de insultos (38%), perseguição na rua (29%), exibições por parte de homens (29%) e ser tocada (20%).

Ainda segundo o estudo, 86% das brasileiras entrevistadas afirmaram tomar alguma providência para se proteger das abordagens indevidas. Dentre as medidas, estão: fazer um caminho diferente do usual (55%), evitar parques ou áreas mal iluminadas (52%), ligar ou enviar mensagem para alguém confirmando estar bem (48%), solicitar a companhia de outra pessoa (44%), evitar transporte público (17%) e desistir de ir a um evento social (18%).

A pesquisa foi feita online no período entre 1º e 14 de novembro e ouviu 2.236 mulheres: 1.038 na Grã-Bretanha, 502 no Brasil, 496 na Tailândia e 200 na Índia.

(Agência Brasil)

Papa Francisco pede orações para Fidel Castro

foto-papa-francisco-e-fidel

O papa Francisco se manifestou neste sábado (26) sobre o falecimento de Fidel Castro e pediu orações para o ex-presidente de Cuba. O papa também disse que a notícia da morte de Fidel “é muito triste”.

Em setembro do ano passado, o papa Francisco esteve em Cuba, onde se encontrou com Fidel Castro. No encontro, Fidel mostrou preocupação com o meio ambiente e com as transformações no mundo.

(com agências)

Morte de Fidel – “O dia esperado chegou”, diz deputada norte-americana

foto-manifestacao-morte-fidel

“Um tirano está morto. Um novo começo pode amanhecer no último bastião do comunismo no hemisfério ocidental”.

A declaração é da deputada norte-americana Ileana Ros-Lehtinen, do Estado da Flórida, sobre a morte do ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, na madrugada deste sábado (26), no horário de Brasília.

A manifestação da parlamentar teve eco entre os próprios cubanos que atualmente residem em Miami. Para o professor Pablo Arencibia, que há 20 anos fugiu de Cuba, “essa pessoa (Fidel) jamais deveria ter nascido”.

Centenas de cubanos foram às ruas, em Miami, com gritos de “Cuba livre”. Nos Estados Unidos, cerca de 1,3 milhão de cubanos vivem na Flórida.

(com agências)

Com Fidel morre um símbolo nada mais, nada menos

Em artigo sobre a morte de Fidel Castro, a chefe do departamento América Latina da DW (World.de), Uta Thofern, diz que o líder cubano “foi, ao longo de décadas, uma figura de proa do comunismo, adorado por uns, odiado por outros”. Confira:

Fidel Castro não vive mais: para muitos na América Latina, é como se, na Alemanha, o ex-chanceler federal Helmut Kohl tivesse morrido. Por mais diferentes que essas personalidades históricas sejam entre si, por menos comparável que seja o significado de suas políticas, ambas têm algo muito em comum: seu significado simbólico para uma fase histórica cuja melhor definição ainda é “o pós-Guerra”.

Gerações inteiras cresceram com Fidel Castro, de ambos os lados do Oceano Atlântico. Cuba e Castro evocam a Baía dos Porcos e a crise dos mísseis, clímax da Guerra Fria numa época altamente explosiva que, olhando em retrospectiva, parece hoje quase tranquila.

O “Líder Máximo” foi, ao longo de décadas, uma figura de proa do comunismo, adorado por uns, odiado por outros. Após a morte prematura do muito mais carismático Che Guevara, Castro herdou o papel de figura simbólica da Revolução Cubana.

Mesmo que seu rosto nunca tenha estampado as camisetas dos social-românticos europeus e americanos, foi ele que transmitiu a imagem mais positiva do comunismo. Nos anos 1970 e 1980, a ditadura cubana respirava um ar de placidez tropical que exercia um grande poder de atração. Acrescente-se a isso a imagem de um Davi contra um Golias: a pequena ilha caribenha no imenso oceano do imperialismo americano.

Nada despertou tanto a simpatia do Ocidente para com o comunismo quanto Cuba. Também por isso, o “socialismo tropical” era um espinho especialmente doloroso na carne de muitos de seus adversários. Para os fãs de Fidel, mais um motivo para amá-lo – na América Latina, porém, sobretudo um motivo de orgulho. Para sentir um pouco de sub-reptícia alegria pelo fato de o pequeno Estado insular ter quase forçado a grande potência do Norte a cair de joelhos, não era preciso ser comunista.

O maior significado de Castro, contudo, foi para aqueles que depositavam verdadeiras esperanças na Revolução Cubana, para quem socialismo e comunismo estavam associados à visão de uma vida melhor. Estes eram e são muitos na América Latina, a região da desigualdade social.

E nem tudo era ruim em Cuba: seu sistema de saúde é considerado, até hoje, um dos melhores da América Latina, e mesmo nas piores épocas os cubanos estavam melhor do que os haitianos, apenas uma ilha mais adiante.

A grande maioria dos nostálgicos não teve oportunidade de confrontar seus sonhos com a realidade. Apenas através das reportagens da mídia se podia e se pode constatar que o mundo melhor em Cuba se concretizou só parcialmente e apenas através dos subsídios da ainda existente União Soviética, e que o seu preço foi a liberdade.

Até hoje, é difícil noticiar a partir de Cuba e sobre ela, e o que durante a Guerra Fria era descartado pela parte interessada como propaganda, é denominado hoje “imprensa da mentira”. Desse modo, o mito Fidel pôde preservar sua magia, e assim ele será pranteado por muita gente, em todo o mundo, como um herói íntegro no combate pelos pobres. Nesse contexto, pouco importa que os ideais da Revolução há muito já tenham sido enterrados por ele, e que também o seu país há muito venha trilhando um caminho diverso.

O comunismo de Castro caiu com a União Soviética. A variante do novo século se chama “Revolução Bolivariana”, e o novo mecenas, a Venezuela, está abrindo falência. Por isso, Cuba já se voltou para um caminho mais capitalista, procura agora uma aproximação com os EUA. Nesse novo modelo de Cuba, porém, até agora não se fala de liberdade.

A morte de Fidel Castro não vai alterar em nada a trajetória de Cuba. O homem que já em vida virara um monumento há anos não mais tinha nada para dizer. De algum modo, no entanto, ele vai me fazer falta, o barbudo de uniforme com o charuto, que me acompanhou desde a juventude.

Fidel Castro morre aos 90 anos

300 1

fidel

Morreu na madrugada deste sábado (26), em Havana, o ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, aos 90 anos de idade. “Com profunda dor compareço para informar ao nosso povo, aos amigos da nossa América e do mundo que faleceu o comandante da revolução cubana, Fidel Castro Ruz”, disse o presidente Raúl Castro, irmão de Fidel, em pronunciamento na tevê.

O corpo de Fidel será cremado e suas cinzas serão enterradas em Santiago de Cuba, após peregrinação por cidades cubanas.

(com agências)

Ministério Público convoca reunião para discutir implantação do Parque Ecológico do Cocó

foto alessander sales

O Ministério Publico Federal (MPF) marcou para as 14h30min da quarta-feira (30), na sede da PGR, uma nova reunião do Fórum Permanente pela Implantação do Parque Ecológico do Cocó (Fórum Cocó). A reunião foi convocada pelo procurador da República Alessander Sales, tendo em vista que, segundo ele, não houve nenhum ato efetivo para a criação do parque até então.

Já o secretário do Meio Ambiente do Estado, Artur Bruno avisa que comparecerá à convocação para informar que todas as providências nesse sentido foram adotadas.

“Todos os estudos estão prontos. A SPU já nos entregou documento que reconhece que a área é da União e vai fazer a cessão assim que o governador assinar o decreto”, diz o secretário.

Conclusão: só falta Camilo Santana agendar a data para efetivar essa promessa antiga de vários governos.

Violência sexual virtual contra mulheres é tema de audiência pública

foto-violencia-virtual

Ações de combate e prevenção à violência sexual virtual contra as mulheres serão discutidas na terça-feira (29) em audiência pública promovida pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Câmara dos Deputados.

Autora do requerimento para a realização do debate, a deputada Laura Carneiro (PMDB-RJ) afirma que o mau uso dos recursos tecnológicos e “uma espécie de despersonalização” propiciam um ambiente fértil para condutas negativas à coletividade, algumas delas criminosas, como a violência sexual virtual contra as mulheres.

“Essa prática tem um efeito avassalador na vida das vítimas, conforme diversos relatos ouvidos durante a CPI de Crimes Cibernéticos. Apesar de o foco da CPI nesta questão ter sido nas crianças e adolescentes, a violência sexual virtual contra as mulheres também foi abordada, o que resultou em manifestação de apoio ao Projeto de Lei 5555/13, que cria mecanismos para o combate a condutas ofensivas contra a mulher”, acrescenta a deputada.

(Agência Câmara Notícias)

Governadores do Nordeste não aceitam acordo para receber multas da repatriação

Os governadores do Nordeste decidiram, em reunião na noite dessa sexta-feira (24), que não concordam com o acordo de ajuste fiscal recomendado pela União como uma condição para acessar parte dos recursos das multas do programa de regularização de ativos não declarados à Receita, conhecido como Lei da Repatriação. Eles vão enviar uma carta até segunda-feira (28) para o presidente Michel Temer explicando o posicionamento do grupo.

O consenso entre os governadores é que não é possível relacionar as duas questões ou determinar um modelo de ajuste único para todas as unidades da federação. Eles informaram ainda que não vão retirar as ações que correm no Supremo Tribunal Federal (STF) para receber os valores.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, foi o porta-voz dos chefes dos Executivos estaduais. “O que nós temos muito claro é que estamos fazendo ajustes, temos esse compromisso, e que não vamos confundir ajuste com essa questão da repatriação. São assuntos distintos, está judicializado, se puder se chegar a um acordo, ótimo”, disse à imprensa depois da reunião durante a noite de hoje no Palácio do Campo das Princesas, no Recife, sede do governo pernambucano.

As multas da repatriação são aplicadas em cima de ativos mantidos por brasileiros no exterior que não recolheram impostos de forma indevida. O montante estimado pelos Estados a ser recebido é de cerca de R$ 5,2 bilhões. Existe um impasse sobre o direito dos Estados e municípios em receber parte dos valores arrecadados com as punições, o que levou governos estaduais a judicializar o caso.

Na terça-feira (22), o presidente Michel Temer recebeu os governadores de todas as unidades da federação. Foi anunciado que o governo federal se anteciparia à decisão do STF e liberaria os recursos. Em contrapartida, os estados precisariam fazer ajustes fiscais semelhantes aos propostos nacionalmente pela União, como a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55, que estabelece um teto para investimentos públicos, por duas décadas, de acordo com a inflação do ano anterior.

(Agência Brasil)

STF arquiva inquérito contra Roseana Sarney e Edison Lobão

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki aceitou hoje (25) pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR) e arquivou o inquérito em que a ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney e o senador Edison Lobão (PMDB-MA) são acusados de lavagem de dinheiro e corrupção na Operação Lava Jato.

Ontem (24), em uma petição enviada ao Supremo, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse ao ministro que não há provas para justificar o prosseguimento da investigação.

A investigação foi iniciada em março de 2015 para apurar declarações do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa. Em depoimento de delação premiada, Costa afirmou que a campanha eleitoral de Roseana em 2010 teria recebido R$ 2 milhões de propina, valor que teria sido solicitado por Edison Lobão e pago pelo doleiro Alberto Youssef.

Após o pedido de arquivamento, o advogado de Roseana e de Lobão, Antônio Carlos de Almeida Castro, comemorou o parecer da PGR e disse que, desde o começo das investigações, a ex-governadora sempre se colocou à disposição para prestar esclarecimentos.

“Esse arquivamento, embora tardio, resgata, nesse ponto de vista, a verdade. Para Roseana, que ficou sendo investigada desnecessariamente, é uma vitória. Este era o único inquérito em que Roseana era investigada. Embora a demora nas investigações tenha causado um enorme prejuízo pessoal e político, para Roseana a Lava Jato é uma página do passado”, disse o advogado.

(Agência Brasil)

Servidores da UFC, Unilab e UFCA farão carreata pelas ruas de Fortaleza contra a PEC 55

Os técnico-administrativos em educação da Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) e da Universidade Federal do Cariri (UFCA) vão realizar carreta pelas ruas de Fortaleza contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55.

Será neste sábado, a partir das 9 horas, com saída da Reitoria da UFC (Campus do Benfica).

O objetivo é alertar a população cearense sobre o “retrocesso imposto pelo governo Temer com a votação da PEC 55 no Senado, no dia 29 deste mês”, diz, em nota, o Sintufce. A carreata passará pelos bairros Aerolândia, Edson Queiroz, Cidade 2000, Dunas e Beira Mar.

Moro causa frenesi entre colegas

sergio-moro17

Tratado como mito pelos fãs e como partidário pelos críticos, o juiz federal Sérgio Moro causa frenesi por onde passa.

Em nove de cada dez vezes que vai a Brasília, ele visita à Ajufe (Associação dos Juízes Federais).

Na sede da associação, não tem sossego. Colegas que descobrem a presença do homem da Lava Jato não resistem e pedem uma selfie com o colega. Os que não o engolem não são bestas de abrir a boca.

(Veja Online)

Banco do Brasil lança linha de crédito para financiar 13º salário das empresas

O Banco do Brasil está lançando uma linha de crédito que oferecerá capital de giro às empresas para o pagamento do 13º salário dos empregados. A linha possibilita o financiamento de até 100% da folha de pagamento acrescidos dos encargos sociais, sem comprometer o fluxo de caixa da empresa.

O prazo de pagamento pode chegar a até 24 parcelas, com até 90 dias de carência para o pagamento da primeira prestação. Outro diferencial é o Bônus Parcela em Dia, benefício que possibilita a devolução mensal de 10% do valor dos juros pagos nas parcelas do empréstimo. O crédito é realizado automaticamente na conta-corrente do cliente no caso de pagamento em dia do total da parcela.

Direcionada aos empreendimentos de qualquer ramo de atividade e de qualquer faixa de faturamento, com prioridade ao segmento de micro e pequenas empresas, a linha apresenta taxas a partir de TR (Taxa Referencial) mais 2,735% ao mês, estabelecidas de acordo com o perfil do cliente. Com a aplicação do Bônus Parcela em Dia, a taxa mínima fica em TR mais 2,462% ao mês.

A contratação pode ser realizada nas agências do Banco do Brasil. Para as empresas que já são clientes do BB e detém cadastro atualizado, não é necessária documentação adicional.

(Site do BB)

Livro sobre ambientalista Joaquim Feitosa será lançado em Tauá

dr-fei_-e1428666079260-522x372

A Fundação Bernardo Feitosa acaba de publicar o livro “Um tributo a Joaquim de Castro Feitosa: 100 anos”. A publicação, lançada em Fortaleza no dia 10 de novembro último, na Assembleia Legislativa, será levada agora aos conterrâneos de Feitosa, em Tauá (Região dos Inhamuns). O evento acontecerá no próximo dia 30, às 19 horas, na Praça Regional do Museu dos Inhamuns.

A publicação é da Imprensa Universitária, da Universidade Federal do Ceará, organizada pela filha do ambientalista, a geóloga Fátima Feitosa e Maria Salete Vale Farias, secretária da fundação, que é presidida pela companheira de toda uma vida, Dona Dolores Feitosa.

O Ambientalista

Joaquim de Castro Feitosa foi um ambientalista de primeira hora. Realizou pesquisas e cursos e produziu várias publicações técnicas e científicas sobre o clima do sertão, seca, juazeiro – pragas e manejo, caracterização do solo do sertão, construção de açudes, criação de cabras e muito mais. Fundou, em 1974, a Sociedade Cearense de Defesa da Cultura e do Meio Ambiente (SOCEMA). Idealizou e instituiu a Fundação Bernardo Feitosa, mantenedora do Museu Regional dos Inhamuns. Ganhou diversas comendas e honrarias, entre elas a Medalha Chico Mendes, honraria do Governo do Estado do Ceará. A Secretaria Estadual do Meio Ambiente criou o Prêmio Ambientalista Joaquim Feitosa em sua homenagem.

Camilo lança programa de R$ 1,9 bilhão em obras de infraestrutura nas rodovias estaduais

caestr

Fomentar a integração dos municípios e requalificar a malha viária, promovendo deslocamento mais seguro, beneficiando os negócios na indústria e no comércio, facilitando o escoamento agrícola e impulsionando a economia do Estado. Essa é a proposta do “Ceará de Ponta a Ponta:  O Programa de Logística e Estradas do Ceará”, lançado na manhã desta sexta-feira (25) pelo governador Camilo Santana, no Palácio da Abolição. A iniciativa integrará todas as obras de infraestrutura rodoviária do Estado, desde 2015. Em números globais, o investimento é de R$ 1.917.247.180,73, levando melhorias para 2.063,31 km, entre obras de restauração, pavimentação e duplicação. A FIEC esteve representada na solenidade pelos presidentes do Sindicato da Indústria da Construção Pesada do Ceará (Sincope-CE), Dinalvo Diniz; André Montenegro, do Sinduscon; e Heitor Studart, presidente do Conselho Temático de Infraestrutura da FIEC.

O governador destacou a importância da integração de todos os setores para a realização de investimentos desse porte. “Estamos analisando quais são as estradas que precisam de melhorias com urgência. Ainda no primeiro semestre de 2017 vamos anunciar um novo pacote que vai melhorar o transporte, beneficiar o trabalhador, o agronegócio através do escoamento da produção. Em um momento delicado como o que vivemos, não podemos pensar só em reduzir gastos, que é algo necessário, mas precisamos investir em obras. Esse é um apelo meu e de outros governadores junto à União, para movimentar a economia e gerar emprego. Precisamos unir os poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, o setor construtivo. Esse é um momento em que o Ceará faz um grande esforço, não só com estradas, pois fomos o terceiro estado do país com mais investimentos no ano passado”, disse.

Durante a solenidade, que contou com vários prefeitos dos municípios que serão beneficiados, o chefe do Executivo assinou ordem de serviço autorizando obras em 415,88 km de estradas, com investimentos de R$ 326.600.675,46. A previsão é que, até o primeiro semestre de 2017, mais obras sejam iniciadas, totalizando 622,37 km, em 23 novas estradas, com investimento total previsto para essa etapa de R$ 647.192.290,16, recursos do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

O governador destacou a importância da integração de todos os setores para a realização de investimentos desse porte. “Estamos analisando quais são as estradas que precisam de melhorias com urgência. Ainda no primeiro semestre de 2017 vamos anunciar um novo pacote que vai melhorar o transporte, beneficiar o trabalhador, o agronegócio através do escoamento da produção. Em um momento delicado como o que vivemos, não podemos pensar só em reduzir gastos, que é algo necessário, mas precisamos investir em obras. Esse é um apelo meu e de outros governadores junto à União, para movimentar a economia e gerar emprego. Precisamos unir os poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, o setor construtivo. Esse é um momento em que o Ceará faz um grande esforço, não só com estradas, pois fomos o terceiro estado do país com mais investimentos no ano passado”, disse.

Durante a solenidade, que contou com vários prefeitos dos municípios que serão beneficiados, o chefe do Executivo assinou ordem de serviço autorizando obras em 415,88 km de estradas, com investimentos de R$ 326.600.675,46. A previsão é que, até o primeiro semestre de 2017, mais obras sejam iniciadas, totalizando 622,37 km, em 23 novas estradas, com investimento total previsto para essa etapa de R$ 647.192.290,16, recursos do Tesouro do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Na ocasião, Camilo Santana apresentou um cronograma das obras de infraestrutura rodoviárias realizadas no Estado que integram o “Ceará de Ponta a Ponta: O Programa de Logística e Estradas do Ceará”. Em 2015, foram entregues 454,10 km, em 17 estradas, com investimento de R$ 272.630.054,44. No ano de 2016, foram inaugurados 465,29 km, em 14 novas estradas, investimento de R$ 459.392.993,15. Entre as obras já inauguradas em 2016 e as que estão em andamento, com previsão de entrega para 2017, são 1.143,93 km, sendo 41 novas estradas, investimento de R$ 1.185.224.133,14.

Obras importantes

Entre as obras autorizadas nesta sexta-feira (25) estão: a duplicação da CE-040 (Beberibe – Paripueiras), que impulsionará o turismo do Litoral Leste e facilitará o acesso ao Aeroporto de Aracati; da CE-155 (Porto do Pecém – entr. BR-222), voltada para atender o fluxo da produção do Porto do Pecém.

Trechos beneficiados nesta etapa

Duplicação
CE-040 (Beberibe-Paripueira) – 32 KM
CE-155 (Porto do Pecém – Entrada da BR-222) – 20,10 KM

Pavimentação
CE-232 (Santana do Acaraú – Ipaguaçu) – 13,30 KM
CE-284 (Umarizeira – Cariús) – 21,18 KM

Restauração

CE-329 (Varjota – Ipú) – 28,60 KM
CE-371 (Milhã – Deputado Irapuan Pinheiro) – 35,40 KM
CE-176 (Olho D’Água do Pajé – Santa Quitéria) – 38,60 KM
CE-375 (Iguatu – Jucás) – 30,80 KM
CE-284 (Jucás – Saboeiro) -48,50 KM
CE-187 (Ipueiras – Sucesso) – 59 KM
CE-292 (Crato – Nova Olinda com acesso a Santa Fé) – 58 KM
CE-284 (Umarizeira – Cedro) – 30,40 KM

(Foto – Divulgação)

São Gonçalo do Amarante comemora 146 anos de emancipação

claudio-pinho-sga-noticias

Cláudio Pinho (PDT), prefeito, comandará as festividades.

São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza) vai comemorar, neste fim de semana, os seus 148 anos de emancipação, a serem celebrados neste domingo (27). A programação conta com eventos culturais e homenagens na Praça da Matriz, na sede.

Nesta sexta-feira, a partir das 20 horas, será realizada a primeira etapa do concurso Talentos da Terra, que reúne apresentações de artistas locais. No sábado (26), também com início às 20 horas, haverá a segunda etapa do Talentos da Terra, desta vez reunindo bandas da região. Também será apresentado o vencedor do concurso Fotográfico Meu São Gonçalo Querido, que escolhe as melhores fotos produzidas pelos moradores, usando a cidade como cenário.

Já no domingo (27), aniversário do município, será celebrada Missa de Ação de Graças com benção Ecumênica na Igreja Matriz, a partir das 19 horas. Em seguida, haverá o corte do bolo de aniversário da cidade, com a participação da Banda de Música Municipal e show pirotécnico.

Comissão de Adoção promoverá festa natalina das crianças da Casa Abrigo

Neste domingo, a Comissão Estadual Judiciária de Adoção Internacional do Ceará (Cejai/CE) promoverá o natal das crianças da Casa Abrigo (Bairro Cristo Redentor), em Fortaleza. O evento ocorrerá das 8 às 12 horas, numa iniciativa que integra a campanha “Doações para um natal com mais amor”. O objetivo é levar lazer e cultura às crianças que vivem na unidade de acolhimento, longe das famílias e privadas do convívio social.

Na ocasião serão apresentadas várias atividades, como recreação com pintura fácil, oficina de pintura de gesso, contação de histórias, teatro de fantoches, encenação da peça “Chapeuzinho Vermelho”. Além disso, haverá a presença do Papai Noel e a distribuição de presentes.