Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Marcos Valério fecha acordo de delação premiada com a Polícia Federal

O publicitário Marcos Valério, o operador do mensalão, fechou um acordo de colaboração premiada com a Polícia Federal. A informação é do O Globo. Antes, ele chegou a ter a proposta de delação rejeitada pelo Ministério Público Federal de Minas Gerais.

Por citar políticos com foro privilegiado, como o senador Aécio Neves (PSDB-MG), o acordo de Valério aguarda a homologação do Supremo Tribunal Federal (STF).

Marcos Valério cumpria pena de prisão pela ação penal do mensalão na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem (MG), e foi transferido na última segunda-feira para uma unidade da Associação de Proteção e Assistência a Condenados (Apac), em Sete Lagoas (MG), a pedido da Polícia Federal.

Maluf já levou R$ 10 milhões em emendas na Era Temer

Desde que o presidente Michel Temer começou a dançar na corda bamba, não tem mais governista à míngua em Brasília. Nem o histórico Paulo Maluf tem do que reclamar.

O site “Contas Abertas” já revelou que o governo liberou 3,4 milhões de reais emendas ao inesquecível deputado paulista em junho, mês em que o voto de Maluf ajudou Temer a se salvar na CCJ.

Mas essa é só uma parcela da generosidade com a excelências.

Desde janeiro, Maluf recebeu aproximadamente 10 milhões de reais em emendas. Além do agrado de quase 3,5 milhões do mês passado, montante que está empenhado, foram pagos 6,6 milhões neste ano.

De acordo com o gabinete de Randolfe Rodrigues, responsável pelo levantamento, Paulo Maluf levou mais do que gente como o líder do governo André Moura (5,3 milhões de reais), o relator do parecer em favor de Temer apresentado à CCJ, Paulo Abi-Ackel, (6 milhões de reais) e Carlos Marun (5,3 milhões de reais), um dos mais fieis integrantes da tropa de choque do governo.

(Veja Online)

Halleluya 2017 terá posto de coleta do Hemoce

O Festival Halleluya, o “Fortal dos Católicos”, começa nesta quarta-feira no Condomínio Espiritual Uirapuru, no bairro Castelão. Com o evento, começa também, indo domingo, último dia do evento, o trabalho do Hemoce por doação de sangue. A expectativa do órgão é coletar 900 bolsas de sangue.

Quem participar do festival e estiver na faixa etária de 16 a 69 anos de idade, saudável e bem alimentado, pode procurar o posto de coleta do Hemoce no Espaço Vida, próximo à entrada do evento, pela Avenida Silas Munguba. Este é o décimo quinto ano de parceria do Hemoce com o Halleluya.

Neste ano, a campanha de doação de sangue no Halleluya traz uma novidade: a cada pessoa que se candidata a doação será doado produtos para ajudar a instituições filantrópicas. O Grupo Três Corações beneficiará o Lar Amigos de Jesus e o Iprede de acordo com o número de candidatos à doação de sangue. Ou seja, quanto mais pessoas se candidatarem, mais cestas básicas serão entregues. Quem passar no posto de coleta do Hemoce no Halleluya vai ainda receber degustação de café e cappuccino do Café Santa Clara.

Confira os horários do Hemoce no Halleluya

Quarta-feira – 19 de julho
Das 19 às 00h

Quinta-feira – 20 de julho
Das 19 às 00h

Sexta-feira – 21 de julho
Das 19 às 01h

Sábado
Das 19 às 01h

Domingo
Das 18 às 23h

Índice que reajusta aluguel registra deflação de 0,71%

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, registrou deflação (queda de preços) de 0,71% na segunda prévia de julho. A prévia do mês anterior já havia acusado deflação de 0,61%.

O IGP-M acumula deflações de 2,65% em 2017 e de 1,66% em 12 meses, segundo dados divulgados hoje (19) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), no Rio de Janeiro.

A deflação da segunda prévia de julho foi puxada pelos preços no atacado, já que o Índice de Preços ao Produtor Amplo teve deflação de 1,14%. O Índice de Preços ao Consumidor, que analisa o varejo, indicou inflação de 0,04%. Já o Índice Nacional do Custo da Construção registrou inflação de 0,13%.

A segunda prévia do IGP-M é calculada com base em preços coletados entre os dias 21 do mês anterior e 10 do mês de referência.

(Agência Brasil)

Vem aí o II Maratona Valor PME Nordeste

Álvaro Santanna, presidente da Le Biscuit entre conferencistas.

Embalado pelo sucesso de público na primeira edição do Maratona Valor PME Nordeste realizado em 2016 em Fortaleza, o jornal Valor Econômico prepara uma segunda edição de palestras gratuitas com grandes líderes empreendedores do Brasil. A data e o local já estão definidos: dia 16 de agosto, no Hotel Gran Marquise.

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas pelo site do jornal. O evento, segundo a organização, é uma verdadeira maratona de depoimentos, com conteúdo de alta qualidade e grandes líderes dividindo experiências que podem inspirar o sucesso de diversas pessoas.

Entre os participantes listados,  Cândido Espinheira, fundador da Yes Cosmetics; Álvaro Santanna, presidente da Le Biscuit; Adriana Auriemo, sócia fundadora da Nutty Bavarian; Jae Ho Lee, fundador da Morana Balone e sócio do Montana Gril, Griletto, Jin Jin e Croasonho; Marcelo Cesano, presidente da Frooty Brasil; e Murilo Gun, humorista e professor de criatividade.

Investigação sobre acidente que matou Teori Zavascki continua sem prazos

Após seis meses da queda do avião que matou o então ministro do Superior Tribunal Federal, Teori Zavascki, completados nesta quarta-feira (19), a investigação do acidente continua e não tem prazo para ser finalizada.

Em 19 de janeiro, o relator da operação Lava Jato no STF morreu aos 68 anos após a queda do avião em que estava junto a outras quatro pessoas no litoral de Paraty, no Estado do Rio de Janeiro. Os demais ocupantes eram o empresário do grupo Emiliano Empreendimentos e dono do jatinho Carlos Alberto Filgueiras, de 69 anos, a massoterapeuta Maira Lidiane Panas Helatczuk, de 23 anos, a mãe dela, Maria Ilda Panas, 55, e o piloto Osmar Rodrigues, 56.

No momento, o Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), responsável pela apuração de acidentes de avião no Brasil, espera laudos da Polícia Federal e realiza as últimas análises para elaborar a minuta do relatório final, conforme informou a FAB (Força Aérea Brasileira), à qual o Cenipa é subordinado.

A etapa seguinte será traduzir o documento preliminar para o inglês e enviá-lo para os órgãos de investigação National Transportation Safety Board, nos Estados Unidos, onde a aeronave foi fabricada, e Transportation Safety Board of Canada, no Canadá, onde o motor foi fabricado. Ambos terão até 60 dias para fazer comentários sobre a minuta. Quando receber as observações, o Cenipa concluirá o relatório final, considerado o documento oficial da investigação.

O avião modelo Hawker Beechcraft King Air C90 de matrícula PR-SOM era de porte pequeno e tinha capacidade para acomodar até oito pessoas. O bimotor turbo-hélice decolou às 13h01 do Campo de Marte, em São Paulo, e caiu por volta das 13h45, quando estava a 2 km de distância da cabeceira da pista do aeroporto de Paraty, próximo à Ilha Rasa.

*Com Brasil 247 e reportagem de Luciana Amaral no UOL

PF prende quatro pessoas e apreende cocaína

A Polícia Federal prendeu nessa terça-feira, com apoio da Polícia Rodoviária Federal, quatro pessoas por tráfico de drogas. A primeira prisão e apreensão de drogas ocorreu no Posto da PRF situado em São Gonçalo do Amarante, quando da abordagem de um ônibus que vinha de Belém (PA).

A s outra prisões se registraram na Rodoviária João Tomé, onde foram apreendidos 5,8 kg de cocaína.

A droga e os presos encontram-se na Superintendência Regional da Polícia Federal.

Justiça Federal mantém Eduardo Cunha na prisão

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em Brasília, negou, por unanimidade, o habeas corpus apresentado pela defesa de Eduardo Cunha (PMDB)e manteve o ex-presidente da Câmara na prisão. A informação é da Veja Online.

Cunha, segundo a reportagem, está em franca negociação com a Procuradoria-Geral da República para tentar firmar um acordo de delação premiada.

Camilo Santana visita Grupo de Comunicação O POVO

O governador Camilo Santana (PT) fará visita ao Grupo de Comunicação O POVO por volta das 12h30min desta quarta-feira.

O compromisso consta em sua agenda que terá início, a partir das 9 horas, no Palácio da Abolição, com assinatura de decreto garantindo isenção no pagamento da taxa do Detran da CNH e/ou Renovação para agricultor e agricultora familiar.

Esse decreto é resultado de uma emenda apresentada pelo deputado estadual Moisés Braz (PT).

Em São Paulo, Prefeitura impõe regras ao Uber; Em Fortaleza, a Prefeitura finge que fiscaliza

Eis o tópico “Mudança no Uber em São Paulo mostra o quanto Fortaleza perde”, da Coluna Política do O POVO desta quarta-feira, assinada pelo jornalista Érico Firmo:

As novas regras instituídas em São Paulo para aplicativos de transporte como o Uber mostra o quão equivocada é a postura da Prefeitura de Fortaleza. Entre as novidades, a exigência de que carros sejam emplacados em São Paulo.
Lá, a medida causa polêmica e incomoda os aplicativos. Certa ou errada, é melhor que a proibição total que a Prefeitura de Fortaleza tenta impor. Ênfase no “tenta”.

Na prática, qualquer pessoa pega Uber em Fortaleza a qualquer hora do dia ou da noite. São milhares de motoristas em plena atividade. A exigência paulistana sobre emplacamento assegura que a arrecadação do IPVA fique no Município.

Em Fortaleza, para dar satisfação aos taxistas, a Prefeitura finge que consegue impedir o Uber. Os motoristas circulam livremente, o Uber arca com os prejuízos de quem é flagrado, a Justiça impede cada vez mais apreensões de carros, os taxistas não percebem que a proibição é fajuta. Ninguém ganha. Apenas se faz um jogo de cena no qual o Município não arrecada, os taxistas enfrentam concorrência ainda mais injusta — pois não é regulada de forma alguma — e os motoristas da Uber têm um transtorno, que não representa empecilho real.

O curioso sobre São Paulo: o prefeito João Dória (PSDB), liberal convicto, tem adotado medidas de regulação governamental, enquanto o petista Haddad adotava postura a favor do livre mercado na atuação dos compartilhamentos. O que remete ao tópico acima, sobre as ideologias de PT e PSDB.

Terremoto de magnitude 4,3 atinge costa central do Peru

Um terremoto de magnitude 4,3 na escala Richter foi sentido ontem à noite (18) na costa central do Peru, mas que até o momento não houve registro de vítimas ou danos materiais, de acordo com informações do Instituto Geofísico do Peru (IGP).

O tremor foi registrado às 20h38 (horário local, 22h38 de Brasília) e o seu epicentro se localizou no Oceano Pacífico, a 68 quilômetros ao sudoeste do município de Cañete.

O terremoto teve início a uma profundidade de 56 quilômetros sob a superfície do mar e foi percebido com uma intensidade fraca pelos moradores de Cañete. O Peru está localizado na área denominada Anel de Fogo do Pacífico, onde se registra aproximadamente 85% da atividade sísmica mundial.

(Agência Brasil)

Superintendente Regional do Trabalho diz que reforma trabalhista não causa prejuízos

Da Coluna Vertical, do O POVO, nesta quarta-feira:

A reforma trabalhista aprovada pelo Congresso, ao contrário do que apregoa a oposição, não retirou nenhum direito do trabalhador, mas flexibilizou a relação empresa-empregado.

Quem diz é o superintendente estadual do Trabalho, Fábio Zech. Para ele, o texto veio regulamentar muitas das decisões já tomadas pelo Tribunal Superior do Trabalho e que benefícios como 13º salário, licenças, férias e outros não sofrerão prejuízo algum. Zech reconhece que há chiadeira por parte de sindicatos, com relação à contribuição sindical, mas lembra que o governo sinaliza recomposição via MP.

Fábio deu essa declaração ao lado do deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB), com quem pleiteia, em Brasília, R$ 400 mil para instalar mais três agências da SRT no Interior.

Golpistas usam Ministério Público Federal em falsas mensagens por e-mail

Em tempo de condução coercitiva, deleção premiada e investigações, os golpistas não perdem tempo e aproveitam a internet para tentar lesar pessoas desavisadas.

O último golpe é “intimar” pessoas em nome do Ministério Público Federal, como forma de fazer com que as vítimas abram e-mails das falsas intimações para a instalação de programas que procuram revelar senhas bancárias ou de cartões de crédito.

O Ministério Público Federal afirma que não há intimações por e-mail.

Proposta autoriza ampliação do programa Minha Casa, Minha Vida

Tramita na Câmara dos Deputados a Proposta de Decreto Legislativo 400/16, do deputado José Mentor (PT-SP), que retoma autorização para ampliar o programa Minha Casa, Minha Vida. A proposta susta portaria do Ministério das Cidades (185/16), publicada no início do governo Michel Temer, que revogou outra portaria da pasta (178/16), publicada no fim da gestão de Dilma Rousseff. À época, o ministério justificou a revogação da portaria como uma medida de cautela.

A portaria revogada habilitava a contratação de unidades do programa para imóveis fora da cidade. O benefício foi previsto para comunidades tradicionais, como agricultores familiares, quilombolas e indígenas, com renda familiar bruta de até R$ 17 mil.

“A publicação da Portaria 185 visa ao retrocesso e desmonte do Minha Casa, Minha Vida, anulando, por completo, o financiamento e a construção de até 11.250 unidades rurais”, alega Mentor.

De acordo com o deputado, os programas sociais não são “privilégios” concedidos pelo Estado para os cidadãos mais pobres, mas “essenciais para uma vida digna” na sociedade. Mentor ressalta que o Minha Casa, Minha Vida já contemplou mais de 2,6 milhões de famílias, com benefício direto a mais de 10,5 milhões de brasileiros.

(Agência Câmara Notícias)

Ebserh convoca 247 candidatos aprovados em concurso

A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), estatal vinculada ao Ministério da Educação (MEC), convocou, nesta terça-feira (18), 247 candidatos aprovados em concursos públicos para quatro unidades hospitalares geridas pela estatal. Ao todo, a empresa já convocou 2.851 candidatos este ano.

Os funcionários contratados serão lotados no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais, em Belo Horizonte; no Complexo Hospitalar de Clínicas da Universidade Federal do Paraná, em Curitiba; no Complexo Hospitalar da Universidade Federal do Pará, em Belém, e no Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas, no Rio Grande do Sul.

Os profissionais são contratados pela Ebserh sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A previsão da estatal é manter a convocação de funcionários, de acordo com a disponibilidade orçamentária do governo federal.

Atualmente, a Ebserh administra 39 hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

(Agência Brasil)