Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Eleições em Juazeiro do Norte – Arnon Bezerra evita o “já ganhou”

arnon

Líder nas pesquisas eleitorais para prefeito de Juazeiro do Norte (Região do Cariri), o deputado federal Arnon Bezerra (PTB) afirmou, nesta segunda-feira, em Fortaleza, que a hora é de humildade e muito trabalho.

Ele reconhece estar bem aceito pelo eleitorado, mas prefere seguir a máxima de que “só se ganha uma eleição depois dos votos apurados”.

Arnon Bezerra está na Capital cearense tratando de “assuntos particulares”. Disse estar “muito feliz” por adesões que recebeu, na última semana.

O ex-prefeito Carlos Cruz e sua filha, a ex-deputada estadual Ana Paula Cruz lhe asseguraram apoio, bem como o PSDC comandado pelo deputado estadual Ely Aguiar.

O candidato garantiu que continua trabalhando “muito na campanha” e que, se for eleito, priorizará dois segmentos: educação e saúde, bem como a busca pela atração de investimentos para Juazeiro do Norte.

Pesquisa

Na ultima pesquisa do Ibope/TV Verdes Mares, Arnon Bezerra apareceu com 36%, enquanto o segundo colocado, Gil,mar Bender (PD), marcou 17%.

(Foto – Paulo MOska)

Morre o jornalista Rangel Cavalcante

celina-e-rangel

Dona Celina e Rangel Cavalcante.

Morreu, nesta segundas-feira, em Brasília, o jornalista Rangel Cavalcante (75) Ele lutava contra um câncer

O corpo será cremado ainda nesta tarde de segunda-feira na Capital Federal, onde Rangel morava desde o segundo Governo Virgílio Tábora.

Rangel Cavalcante foi secretario de Estado, editor em periódicos no Maranhão, colunista político e também do Jornal do Brasil (hoje só na internet).

Fortaleza e sua vocação voltada para o serviço

Com o título “Qual será a Fortaleza do futuro?”, eis artigo do ex-vice-governador e ex-secretário de Infraestrutura e do Planejamento e Gestão do Ceará, Maia Júnior. Ele defende a tese de que o futuro prefeito pense a cidade voltada para serviços. Confira:

O tempo é fator limitante nessa campanha eleitoral. Contudo, sozinho, não explica o vazio de projetos para Fortaleza, que estão se resumindo a bordões como: “vamos lutar pela educação; investir mais em saúde, olhar para segurança…”

Quase nada se diz sobre estratégias e programas que precisam ser implantados para se alcançar os objetivos desejados. E nesse ambiente de muita desinformação e poucas certezas é que o eleitor será obrigado a encarar novamente as urnas.

Tão grave quanto os problemas do cotidiano de uma cidade é a falta de perspectiva para o futuro. E para pensar seu futuro, Fortaleza deveria refletir melhor sobre três questões. A primeira diz respeito ao perfil do gestor que se pretende. Ser honesto e simpático talvez já não baste a quem almeje conduzir a cidade a outro patamar. O prefeito precisa pensar grande e, principalmente, ter capacidade de mobilizar os cidadãos em torno de um projeto avançado.

A segunda questão diz respeito à descoberta da vocação da cidade, para, em seguida, tentar gerar riquezas. O termo “riqueza” aqui compreendido como algo que transcende a noção financeira e que se desdobra em ativos que tornam as cidades mais atraentes.

Há cidades que se destacam não necessariamente pela sua renda, mas pela qualidade de vida. O ambiente cultural ou a qualidade da educação, por exemplo, não estão diretamente associados a grandes investimentos, porém são fatores muito valorizados por empresas inovadoras, jovens profissionais… Tanto é verdade que cidades como Colômbia e México, de países que não são ricos, figuram numa lista recente entre as mais “atraentes” do mundo.

Convém lembrar também casos de cidades que passaram por períodos de estagnação e hoje são referências internacionais, a exemplo de Barcelona – que entre 1960 e 1990 viveu um estágio de obsolescência mas com um planejamento que juntou o poder público, universidades e empresas tornou-se ícone de bem-estar e de desenvolvimento empresarial e inovação.

Fortaleza poderia tentar algo semelhante. A cidade tem uma vocação natural para a o setor de serviços e poderia aproveitar melhor as oportunidades nesse campo. Além do turismo e do comércio, a cidade possui um polo de medicina considerável em Porangabuçu que poderia ser integrado e potencializado.

É possível, sim! Romper o ciclo de subdesenvolvimento que persiste em grande parte de Fortaleza. Porém sem ousadia para planejar o futuro podemos continuar vivendo a impressão de que somos tão somente um ajuntamento aleatório de milhões de pessoas sem um propósito maior.

*Maia Júnior
maiajunior@tmreng.com.br
Engenheiro civil, ex-vice-governador do Ceará e ex-secretário estadual da Infraestrutura e do Planejamento e Gestão.

Ministro da Justiça garante: Lava Jato acontece independente das eleições

ministro

“O ministro da Justiça, Alexandre Moraes, disse hoje (26) que as operações da Polícia Federal acontecem independentemente do calendário eleitoral. “Não é possível que você pare investigações que já estão em curso em virtude de eventos que ocorrem normalmente no Brasil. As eleições, de dois em dois anos, são eventos normais, democráticos, já institucionalizados. Se nós formos parar sempre, de dois em dois anos, as investigações, nunca se vai chegar a lugar nenhum”, disse após participar de um seminário sobre corrupção e lavagem de dinheiro, promovido pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), em São Paulo.

Na manhã de hoje foi deflagrada a 35ª fase da Operação Lava Jato. Chamada de Operação Omertá, um dos alvos é o ex-ministro da Fazenda Antônio Palocci, que foi preso temporariamente esta manhã em São Paulo. Os policiais cumprem ainda mais dois mandados de prisão temporária, 27 de busca e apreensão e 15 de condução coercitiva, quando a pessoa é levada sob custódia para prestar esclarecimentos e depois é liberada.

Palocci

Moraes disse que, como de costume, foi informado da ação policial por volta das 6 horas. Ontem (25), ao participar de um evento de campanha em Ribeirão Preto (interior paulista), com o deputado federal e candidato a prefeito Duarte Nogueira (PSDB-SP), o ministro disse que haveria uma nova fase da Lava-Jato nesta semana. A cidade é terra natal e berço político de Palocci.

“Foi uma afirmação genérica”, disse Moraes ao negar que tivesse conhecimento antecipado de que o ex-ministro seria um dos alvos da 35ª fase da operação. “Desde que eu assumi, há quase cinco meses, nós não tivemos uma semana sem grandes operações, porque são necessárias”, acrescentou.

“Nós temos uma praxe já montada no ministério de que a partir das 6 horas da manhã, as informações, não só dessa operação, mas de todas que são realizadas no dia são passadas”, explicou sobre o fluxo de informações entre a Polícia Federal e o ministro da Justiça.

Sigilo elástico

Em sua palestra no seminário da Febraban, Moraes defendeu que empresas que contratem com o Pode Público, assim como seus sócios e diretores, tenham um sigilo bancário mais “elástico”. Isso facilitaria, de acordo com o ministro, a fiscalização e coibiria a corrupção. “O nosso gerente do banco tem acesso ao nosso sigilo bancário, porque ele acessa nossa conta. O que ele não pode é divulgar isso. Por que o Ministério Público, o Tribunal de Contas e a Justiça Eleitoral não podem ter acesso às movimentações bancárias de quem recebe dinheiro público? Quem recebe dinheiro público deve também ter o ônus de prestar contas de forma mais forte”, ressaltou ao explicar a ideia à imprensa.

Segundo Moraes, está sendo elaborada pelo ministério uma proposta de alteração da legislação nesse sentido. Para o ministro, aumentar o número de pessoas com acesso ao sigilo não significa, necessariamente, ampliar os riscos de vazamento de dados e informações protegidas. “Você deve fazer um código de governança. Hoje isso é possível tecnologicamente, que cada pessoa que acesse à informação fique marcada. A partir disso você tem exatamente as pessoas responsáveis pela informação. Porque a questão do sigilo não é de conhecimento da informação, é questão de divulgação”.

(Agência Brasil)

Mercado reduz de 7,34% para 7,25% projeção da inflação deste ano

“Instituições financeiras consultadas pelo Banco Central (BC) reduziram a projeção de inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), neste ano, de 7,34% para 7,25%. Essa foi a segunda redução seguida, na pesquisa feita pelo BC junto ao mercado financeiro todas as semanas. Para 2017, a projeção também caiu: de 5,12% para 5%. Os números saem no Boletim Focus, divulgado às segundas-feiras.

As estimativas estão acima da meta de inflação de 4,5% neste ano e em 2017. O cálculo para este ano ultrapassa também o teto da meta que tem que ser perseguida pelo BC que é 6,5%. Para o próximo ano, o teto da meta é 6%.”

(Agência Brasil)

“Bode 90”, candidato em Jati, está desaparecido

bodde

O Bode 90, candidato que a oposição na disputa pela Prefeitura de Jati (Região do Cariri), desapareceu, É o que comunicado na página de Facebook do “candidato”. Confira:

Comunicamos o desaparecimento do Bode 90

Para tristeza dos amigos e apoiadores do Bode 90 para prefeito de Jati comunicamos que neste final de semana o Bode 90 desapareceu. Não sabemos ainda se o Bode 90 foi roubado, sequestrado. Mas, a certeza é que ele não está mais no seu local de vivência.

Até o momento a hipótese de sequestro está sendo descartada porque nenhum sequestrador entrou em contato com os assessores da campanha do Bode 90. A hipótese mais provável é que o crime tenha sido por motivo político, já que o Bode 90 estava em primeiro lugar nas pesquisas internas e estava causando um mal estar para a única candidata a prefeito da cidade.

Até que ponto chega a oposição do Bode 90. Não deixar ele continuar fazer sua campanha nas ruas na reta final de campanha. Chega a ser um desespero da atual gestão roubar o maior símbolo da oposição à gestão que destruiu Jati.

Qualquer informação do Bode 90 passar para policia ou entrar em contato com a Assessoria do Bode 90.

Advogado de Palocci diz que prisão de Palocci foi no “estilo ditadura militar”

palocci

“O ex-ministro da Fazenda Antônio Palocci, preso temporariamente hoje (26) na 35ª fase na Operação Lava Jato, chegou às 9 horas à Superintendência da Polícia Federal, na capital paulista. Ele foi preso em casa, na região dos Jardins, zona oeste da capital. Buscas também foram cumpridas em seu escritório.

Ex-assessores de Palocci foram presos temporariamente na operação. Branislav Kontic foi levado para a superintendência na capital e Juscelino Dourado, preso em Campinas, está a caminho de São Paulo.

Os três seguem, ao meio-dia, em comboio para o aeroporto de Congonhas, de onde partem para Curitiba. Além das prisões, a polícia cumpre mandados de condução coercitiva para cinco pessoas, cujos nomes não foram divulgados. Duas delas já estão na superintendência e duas não terão a condução cumprida, uma por motivo de viagem e outra por doença.

O advogado de Palocci, José Roberto Batochio, criticou a prisão de seu cliente, dizendo que tudo ocorreu de maneira secreta, ao estilo ditadura militar. “Estamos voltando aos tempos do autoritarismo, da arbitrariedade. Não há necessidade de prender uma pessoa que tem domicílio certo, que foi duas vezes ministro, que pode dar todas as informações quando for intimado. É por causa do espetáculo?”, disse.

Batochio disse ainda que causou indignação o nome dado à operação, Omertá, que significa lei do silêncio no código de honra usado pela máfia italiana. “Só porque ele tem um nome descendente de italiano, como eu tenho também, além de ser absolutamente preconceituoso com os descendentes de italianos. Essa designação é perigosa”, disse.

A suspeita da operação é de que Palocci teria ligação com o comando da empreiteira Odebrecht, uma das principais do país. A operação investiga se o ex-ministro e outros envolvidos receberam dinheiro para beneficiar a empreiteira em contratos com o governo.

Segundo a PF, as negociações envolviam a Medida Provisória 460, de 2009, que tratava de crédito-prêmio do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), além do aumento da linha de crédito da Odebrecht no Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para um país africano, e a interferência em licitação da Petrobras para a aquisição de 21 navios-sonda destinados à exploração da camada pré-sal.

O advogado negou as acusações. “Isso é uma coisa absolutamente vaga, vazia. Para quem quer pretexto, isso é pretexto, mas o fato é que o ministro da Fazenda tem que ter uma interlocução com o setor empresarial, com a cadeia produtiva do Brasil, para que se estabeleçam as políticas públicas. Se um ministro conversa com alguém da iniciativa privada, já é suspeito de praticar crime?”, perguntou Batochio.”

(Agência Brasil)

Governo da Colômbia assina acordo de paz com as Farc

“As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e o governo colombiano assinam hoje (26) o acordo de paz firmado em agosto em Cuba, após quatro anos de negociações. O documento deve ser assinado em Cartagena pelo presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, e o líder das Farc, Rodrigo Londoño Echeverri, o Timochenko.

O acordo foi aprovado por unanimidade durante a 10ª Conferência Nacional das Farc, realizada pela última vez de forma ilegal. “Informamos que os guerrilheiros-delegados deram respaldo unânime ao acordo de paz. A guerra acabou. Viva a Colômbia, viva a paz “, disse Luciano Marín Arango, também chamado de Iván Márquez, que foi o líder da negociação com o governo de Juan Manuel Santos.

O acordo de paz entre as Farc e a Colômbia põe fim a um conflito de 52 anos, considerado um dos mais antigos e sangrentos da América do Sul, e deverá ser referendado pelos colombianos num plebiscito marcado para o próximo dia 2 de outubro.”

(Agência Ansa)

Hillary X Trump – Debate pode bater recorde de audiência na TV americana

eleicoes_americanas_lusa-1

“Depois de mais de um ano de corrida eleitoral acirrada, os candidatos Donald Trump, do Partido Republicano, e Hillary Clinton, do Partido Democrata, finalmente estarão frente a frente, hoje (26) à noite, em um debate de 90 minutos, na Universidade de Hofstra, em Long Island, Nova York, que poderá definir o resultado das eleições para presidente dos Estados Unidos, marcadas para 8 de novembro de 2016. Segundo a imprensa americana, o debate poderá bater o recorde de audiência de eventos políticos transmitidos ao vivo pela televisão, podendo até mesmo ultrapassar a marca de 100 milhões de telespectadores.

A cinco semanas das eleições, os responsáveis pela estratégia de marketing dos dois candidatos estão preocupados não apenas com o impacto do debate pela televisão, mas também com a repercussão de cada gesto, comentário ou expressão facial dos candidatos pelas redes sociais. Como os dois candidatos estão tecnicamente empatados nas pesquisas da rede de televisão ABC News e do jornal The Washington Post, com vantagem de dois pontos para Hillary Clinton, dentro da margem de erro, os coordenadores das campanhas de cada partido estão preocupados com a possibilidade de que seus candidatos cometam deslizes que possam ter consequências sobre o resultado das eleições.

Os admiradores de Trump esperam que o candidato republicano repita no debate de hoje as suas apresentações em comícios durante a campanha eleitoral. Foi com seu estilo debochado, mordaz e falastrão que agradou multidões e venceu 16 experientes políticos que queriam ser candidatos pelo Partido Republicano, na fase das primárias. O problema, porém, para Trump, é que ele não se sente confortável para abordar assuntos em profundidade. Nesse quesito, ele pode ser surpreendido por Hillary Clinton, que durante a campanha eleitoral mostrou mostrou memória fabulosa para analisar e descrever dezenas de assuntos que normalmente fazem parte do dia-a-dia do presidente dos Estados Unidos.”

(Agência Brasil)

Candidatos a agentes penitenciários doam sangue para prorrogação da validade do concurso

73 1

foto-hemoce-agentes-penitenciarios

A campanha nas redes sociais “Dou o meu sangue pelo Sistema Penitenciário”, que recebe o apoio do Sindicato dos Agentes e Servidores Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp/CE), levou ao Hemoce, nesse fim de semana, cerca de 150 candidatos aprovados no concurso de 2011 para Agente Penitenciário do Estado.

A iniciativa foi para chamar a atenção para o pedido de prorrogação do concurso, que tem vigência até fevereiro do próximo ano.

Para o presidente do Sindasp/CE, Valdemiro Barbosa, os candidatos se mostraram capacitados para o funcionalismo público. “Mesmo com a deficiência nos diversos setores do Estado, o servidor público sempre está engajado no melhor atendimento da sociedade e vejo essa atitude nos candidatos”, comentou Barbosa.

(Foto – Divulgação)

A morte de Peixoto de Alencar

360 1

peixoto-de-alencar

O radialista e jornalista Peixoto de Alencar (89) foi enterrado nesse domingo, no Cemitério Parque da Paz, em Fortaleza. Ele morreu vítima de falência múltipla dos órgãos.

Começou ainda nos anos 1950 na Rádio Iracema de Fortaleza.
Fundou a Rádio Dragão do Mar AM, em 25 de março de 1958. Foi ele que sugeriu o nome da emissora, do falecido deputado federal Moisés Pimentel, em homenagem ao Chico da Matilde, o Dragão do Mar.

Natural de Baturité, Peixoto chegou a ser deputado estadual pelo PSD (anos 1960) e superintendente do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS), no Ceará (anos 1980). Foi cassado e também preso pelo regime militar de 1964.

Teve passagem pelo jornal O Povo nos anos 1970 e 1980.
Era seu slogan: “Quando Peixoto de Alencar fala; o Ceará escuta”.

TJ do Ceará caminha para consenso na sucessão

111 1

gladyss

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira:

Com a desistência do desembargador Abelardo Benevides, atual presidente do TRE do Ceará, de assumir, como manda a tradição entre as togas, a presidência do Tribunal de Justiça, eis que, nos bastidores, as costuras em torno da sucessão da titular, Iracema do Vale, já estão bem aceleradas.

O pleito ocorrerá só em novembro, mas os acordos e arranjos para que se evite clima de disputa amadurecem no âmbito do Poder.

Atualmente, a chapa com chances de emplacar seria a seguinte: Francisco Gladyson Pontes para presidente, tendo Washington Luís Bezerra de Araújo na vice-presidência e o desembargador Francisco de Assis Filgueiras como corregedor.

Camilo e Domingos Neto fazem campanha em Novo Oriente e Quiterianópolis

quiterriio

Em Quiterianópolis…

O governador Camilo Santana (PT) e o presidente regional do PSD, e o deputado federal Domingos Neto, fizeram campanha, nessa noite de domingo (25), em Quiterianópolis e Novo Oriente.

No primeiro município, eles participaram do comício do candidato a prefeito Chico Vieira (PDT). Em Novo Oriente, Camilo e Domingos manifestaram apoio ao nome do candidato Nenen Coelho (PSD).

nvoooriente

Em cada uma das cidades visitadas, o governador e o deputado federal Domingos Neto reiteraram a “experiência dos candidatos e a capacidade administrativa”.

(Fotos – Divulgação)

Operação Lava Jato – Palocci é preso

102 3

2012 palocci

O ex-ministro Antonio Palocci (PT) foi preso nesta segunda-feira (26) durante a 35ª fase da Operação Lava Jato, batizada de “Omertà”. Palocci é alvo porque, segundo as investigações, pediu ao doleiro Alberto Youssef R$ 2 milhões da cota de propinas do PP  para a campanha presidencial da presidente Dilma Rousseff em 2010. A denúncia foi feita pelo delator Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobras.

Palocci foi ministro da Fazenda do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da Casa Civil do governo Dilma.

Há indícios de que Palocci teria atuado como intermediário entre grupo político ligado à empreiteira Odebrecht, de acordo com a PF. O ex-ministro teria propiciado vantagens econômicas ao grupo empresarial nas mais diversas áreas de contratação com o poder público, “tendo sido ele próprio e personagens de seu grupo político beneficiados com vultosos valores ilícitos”, segundo a PF.

Dentre as negociações identificadas, diz a PF, “foi possível delinear as tratativas entre o Grupo Odebrecht e o ex-ministro para a tentativa de aprovação do projeto de lei de conversão da MP 460/2009 (que resultaria em imensos benefícios fiscais), aumento da linha de crédito junto ao BNDES para país africano –com a qual a empresa tinha relações comerciais–, além de interferência no procedimento licitatório da Petrobras para aquisição de 21 navios sonda para exploração da camada pré-sal”.

(Com Uol)

Propaganda eleitoral gratuita vai até quinta-feira

Termina na próxima quinta-feira (29) a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão. Também é o último dia para reuniões públicas, comício e a utilização de aparelhagens de sonorização fixa, entre as 8 horas até a meia-noite, com exceção do comício de encerramento da campanha, que poderá ser prorrogado por mais duas horas.

Termina, ainda, o prazo para a realização de debate no rádio e na televisão.

A partir da próxima quinta-feira, o juiz poderá expedir salvo conduto em favor de eleitor que sofrer violência moral ou física na sua liberdade de votar.

(TSE)

Naumi lidera pesquisa em Caucaia, mas tendência é de segundo turno

133 1

eleicoes-2016-caucaia-naumi-e-eduardo-pessoa

O deputado estadual Naumi Amorim (PMB) lidera a disputa à Prefeitura de Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza, segundo pesquisa de intenção de voto Ibope/TV Verdes Mares, divulgada nesta segunda-feira (26). Naumi aparece com 39% da preferência do eleitorado, seguido por Eduardo Pessoa (PSDB), com 27%; Potim (PTC) e Sílvio Nascimento (PP), ambos com 6%; Daniel Gadelha (Psol), 2%; e Baiano Ximenes (Rede), com 1%.

Os números apontam para um segundo turno entre Naumi e Eduardo Pessoa. A pesquisa abordou 504 eleitores, entre os dias 21 e 24 deste mês, e apresenta uma margem de erro de quatro pontos percentuais para cima ou para baixo.

Maioria dos brasileiros quer menos espaço para carro particular nas ruas

A maioria dos brasileiros (74%) é a favor de ações que reduzam o espaço do veículo particular nas ruas se o motivo for dedicar esse espaço para ciclovias, corredores de ônibus e calçadas, apontou pesquisa sobre mobilidade urbana encomendada pelo Greenpeace ao Instituto Datafolha. A pesquisa foi realizada com 2.098 entrevistados de 16 anos ou mais, em 132 municípios de todas as regiões do país.

Inicialmente, a pesquisa consultou a população sobre três medidas, em perguntas separadas, que desestimulariam o uso do carro. Aquela que teve maior aceitação foi a de redução do número de vagas para carros nas ruas, que teve o apoio de 47% da população. Uma fatia de 41% foi contrária à medida, 9% são indiferentes e 3% não responderam.

A segunda questão foi sobre a redução do número de faixas para carro nas vias, que apresentou tendência inversa: 40% foram a favor da medida e 49%, contra. A parcela de indiferentes é de 8%, e 4% não souberam opinar. O fechamento de determinas ruas para carros, que corresponde à terceira pergunta, foi a questão que teve maior resistência entre os brasileiros: 36% a favor, 52% contra a medida, e os demais indiferentes (8%) ou não responderam (3%).

Após essas questões apresentadas, a pesquisa consultou os entrevistados sobre o motivo para que houvesse a redução do espaço para carros particulares e, somente então, veio a maior aceitação, com 74%.

Questionados sobre qual meio de transporte seria escolhido para circular na cidade, se houvesse infraestrutura adequada, o ônibus seria a escolha de 42% dos entrevistados, seguido por carro (23%) e bicicleta (21%) – na prática, os dois últimos estão empatados pela margem de erro de dois pontos da pesquisa.

(Agência Brasil)