Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Convenção pró-Roberto Cláudio lota o ginásio da Faculdade Ari de Sá

ginasio

O ginásio da Faculdade Arfi de Sá já está praticamente tomado pelos militantes pró-Roberto Cláudio (PDT). São caravanas de vários bairros mobilizadas por vereadores e candidatos a vereador que prometem fazer festa durante convenção onde o prefeito de Fortaleza será homologado como postulante à reeleição.

Os ex-governadores Ciro Gomes e Cid Gomes, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, o presidente estadual pedetista André Figueiredo e a vice-governadora Izolda Cela  são aguardados juntamente com Roberto Cláudio.

(Foto – Paulo MOska)

Operação Custo Brasil – Paulo Bernardo e mais 12 investigados viram réus

“O juiz federal Paulo Bueno de Azevedo, da 6ª Vara Federal Criminal em São Paulo, aceitou hoje (4) denúncia contra o ex-ministro Paulo Bernardo e mais 12 investigados na Operação Custo Brasil. Com a decisão, todos os acusados viraram réus e vão responder a uma ação penal pelos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

De acordo com a investigação, Paulo Bernardo recebia recursos de um esquema de fraudes no contrato para gestão de empréstimos consignados no Ministério do Planejamento. Os serviços da Consist Software, contratada para gerir o crédito consignado de servidores públicos federais, eram custeados por uma cobrança de cerca de R$ 1 de cada um dos funcionários públicos que solicitavam o empréstimo. Desse montante, 70% eram desviados para empresas de fachada até chegar aos destinatários, entre eles o ex-ministro.

Na decisão, o juiz diz que há indícios da prática dos crimes, mas ressaltou que a abertura da ação penal não significa que os réus são culpados.

“O recebimento da denúncia não implica o reconhecimento de culpa de qualquer dos acusados. Existe apenas o reconhecimento de que existem indícios suficientes e justa causa para a instauração da ação penal, propiciando-se a realização do devido processo legal, e, por conseguinte, o exercício da ampla defesa e do contraditório pelos acusados”, argumentou o juiz.

Desde a deflagração da Custo Brasil, a defesa do ex-ministro afirma que ele não participou da celebração do contrato entre o Ministério do Planejamento e as associações de bancos e previdência. Os advogados também negam que Paulo Bernardo tenha recebido qualquer quantia da Consist. Bernardo foi preso na Operação Custo Brasil, em junho, mas teve a prisão revogada no dia 29 de junho, pelo ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal.”

(Agência Brasil)

Prefeito fecha nome do vice, mas precisa conversar com PSD

mortit

Veja quem está com o prefeito nos cartazes já distribuídos no ginásio Ari de Sá.

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT),fechou o nome do deputado federal Moroni Torgan (DEM) como candidato a vice, mas não foi fácil administrar interesse de partidos coligados como o PSD. A sigla queria indicar o nome, justificando que havia interesse da direção nacional.

Foi esse fator que protelou o anúncio praticamente definido há dias. O prefeito, o governador Camilo Santana (PT) e os irmãos Ciro e Cid Gomes queriam apaziguar os ânimos da direção do PSD, oferecendo espaços na gestão futura e até estadual.

O PSD, no entanto, ainda conversa com o prefeito, com Camilo e com os Gomes. Até esta sexta-feira, a legenda discutirá sua situação na coligação. O partido tem peso no horário eleitoral.

DETALHE – O prefeito será homologado candidato à reeleição nesta noite de quinta-feira, durante convenção no Ginásio da Faculdade Ari de Sá.

TJ do Ceará instalará mais uma Câmara Criminal

“O Tribunal de Justiça do Ceará vai instalar, conforme Portaria (nº 1.354/2016) publicada nessa quarta-feira (3/08), no Diário da Justiça, uma nova Câmara Criminal. O objetivo é ampliar para três o número de colegiados especializados na área penal, possibilitando maior celeridade no julgamento de habeas corpus, recursos criminais, entre outros processos. A medida se dá em virtude da alteração do Regimento Interno do TJCE, que extingue a 8ª Câmara Cível e instala a 3ª Câmara Criminal.

De acordo com a medida, a 3ª Câmara Criminal receberá 30% dos acervos processuais em tramitação nas outras duas Câmaras Criminais existentes. O acervo será redistribuído de forma equitativa para os quatro desembargadores que irão compor a 3ª Criminal. São eles: desembargadores Francisco Darival Beserra Primo (presidente), Raimundo Nonato Silva Santos, José Tarcílio de Souza Silva e o juiz convocado Antônio Pádua.

Ainda segundo o documento, a seleção dos processos para redistribuição obedecerá a ordem decrescente, precedendo os feitos mais novos aos mais antigos. Os gabinetes deverão encaminhar os processos digitais selecionados, contendo despacho de doação para a formação do acervo da 3ª Câmara Criminal, para as respectivas filas de trabalho disponibilizadas no Fluxo de Redistribuição do Acervo do Sistema de Automação Judicial (SAJSG), criadas especificamente para fins de redistribuição do acervo.

SERVIÇO

*As sessões da 3ª Câmara Criminal acontecerá às terças-feiras, no horário das 8h30min, no 2º piso do Palácio da Justiça, no Cambeba.”

 

Presidente da CDL será cidadão fortalezense

248 2

Severino Ramalho Neto

Na próxima segunda-feira, às 19 horas, o presidente da CDL Fortaleza, Severino Ramalho Neto, receberá título de cidadão fortalezense. Severino é carioca, mas suas raízes são cearenses.

Na mesma solenidade, o presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho (PDT), promulgará decreto considerando a Faculdade CDL como instituição de utilidade pública.

(Foto – Divulgação)

Anvisa suspende comercialização do omerprazol

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu a comercialização da sibutramina, remédio indicado para emagrecimento, e do omerprazol, usado contra acidez estomacal, fabricados pelo laboratório Aché. A empresa deverá recolher todo o estoque dos medicamentos que estão no mercado.

Segundo a agência reguladora, o Biomag (cloridrato de sibutramina monoidratado) da fabricante, e seu genérico, o Coloridrato de Sibutramina, de 10 miligramas e 15 miligramas, estavam sendo fabricados com matéria-prima de fornecedor diferente do aprovado.

Já o Gastrium (omeprazol), versões de 10 miligramas e de 20 miligramas, teve a comercialização suspensa, segundo a Anvisa, por ser fabricado com formulação diferente da registrada na agência reguladora.

Procurada pela Agência Brasil, o laboratório Aché informou que está tomando todas as medidas necessárias para atender às adequações referentes às normas da Anvisa. “O Aché afirma e assegura que esses medicamentos, que se encontram atualmente no mercado, são absolutamente seguros e eficazes, cumprindo com os mais altos padrões de qualidade”, informou em nota a empresa.”

(Agência Brasil)

Que tal conferir exposição com pinturas de Volpi?

volpii

A Galeria Casa D’Alva inaugura, a partir das 19h30min desta sexta-feira, a exposição “Volpi e o Grupo Santa Helena” com 58 pinturas. Além de Volpi, constam na mostra trabalhos de Bonadei, Zanini, Rebolo, Pennacchi entre outros.

A curadoria é de José Guedes, artista plástico e dono da galeria. Com direito a coquetel.

SERVIÇO

*Casa D’Alva – Rua João Brígido, 934 – Aldeota.

*Mais Informações – (85) 3252 6948.

Produção de veículos cresceu 4,7% em julho

“A produção de veículos automotores aumentou 4,7% em julho com a produção de 189.900 unidades ante junho, quando saíram das fábricas 181.400 veículos, de acordo com balanço da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), divulgado hoje (4), em São Paulo.

Na comparação com julho de 2015, a produção caiu 15,3%. No acumulado do ano, quando foram fabricados 1.205.041 de veículos, houve queda de 20,4%, porque nesse mesmo período do ano passado a produção chegou a 1.514.001.

“Houve alguns problemas pontuais em empresas que tiveram quebra de produção, mas, mesmo assim, houve esse aumento que reflete a elevação de vendas. Esse número poderia ter sido melhor se algumas empresas tivessem produção mais uniforme”, disse o presidente da Anfavea, Antônio Megale.

O licenciamento em julho chegou a 181.400 unidades, o que representou uma elevação de 5,6% ante os 171.800 vendidos em junho. Na comparação com julho do ano passado – quando foram vendidos 227.600 veículos, o licenciamento caiu 20,3%. No acumulado do ano foram comercializados 1.164.094 veículos, 24,7% a menos do que no mesmo período de 2015, quando foram vendidos 1.546.057.”

(Agência Brasil)

Presidente da Cerbras vai dizer onde pisa

analucia

O Instituto Brasileiro dos Executivos de Finanças (Ibef), regional do Ceará, promoverá, a partir das 18h30min desta quinta-feira, no auditório do Sebrae, o primeiro evento do seu Ciclo de Debates.

A empresária Ana Lúcia Bastos Mota, controladora da Cerbras (Cerâmicas do Brasil), falará sobre a trajetória de sucesso do grupo e que tipo de estratégias vem usando para ampliar seus negócios, mesmo com a crise econômica.

  • Mais sobre Ana Lúcia Bastos aqui.

Professor aponta contradições tassistas

78 3

Com o título “Tasso Jereissati, a sua aliança política e a perplexidade dos seus eleitores”, eis artigo do sociólogo e professor da UFC, João Arruda – também assessor municipal. Ele avalia a união Tasso-Eunício-Capitão Wagner em Fortaleza. Confira:

Está repercutido nas redes sociais, com muita insistência, a estranheza
dos fortalezenses com a exótica e extemporânea aliança do senador Tasso
Jereissati com o PR do Capitão Wagner e com o PMDB do senador Eunício
Oliveira.

Essa reação, por sinal, já era esperada. Desde o momento em que a mídia
começou a sinalizar que o PSDB poderia se unir ao PR do Capitão Wagner, os
simpatizantes do senador começaram a questionar a veracidade dessa
informação. Afinal de contas, a imagem negativa do Capitão Wagner, cuja
trajetória política se estruturou explorando diferentes dimensões da
violência e da criminalidade em nossa cidade, e as seguidas denúncias de
corrupção levantadas pela Operação Lava-Jato contra o senador Eunício
Oliveira, eram incompatíveis com a história e o discurso ético do senador
Tasso Jereissati, se chocando com o imaginário político construído pelo
fortalezense em relação a retidão e a coerência política de Tasso.

De fato, a confirmação dessa inusitada aliança contradiz a história
política do senador. A sua enigmática declaração de que a chapa Capitão
Wagner-Gaudêncio Lucena “é uma nova maneira de se fazer política (…) e
que vai começar uma nova trajetória em Fortaleza, Ceará, Brasil” deixou os
seus potenciais aliados atônitos, sem entender as reais motivações ou a
lógica dessa opção política.

Ora, o senador Tasso Jereissati foi a primeira grande vítima desse
projeto. Ele deve lembrar que, em 1997, no seu segundo governo, o nosso
estado foi palco de um motim de policiais militares extremamente
truculentos, espalhando pânico e insegurança em todo o Ceará.

Como tem boa memória, o ilustre senador deve lembrar dos aplausos que
recebeu da quase unanimidade dos cearenses quando, com muita determinação e fazendo valer a sua autoridade, sufocou os amotinados, tendo antes afirmado que: “Não negociamos com facções armadas, policiais bêbados que estão se transformando em verdadeiros marginais”.

O que causa espécie aos potenciais eleitores do senador Tasso Jereissati é
o fato dele se unir exatamente com aqueles que, no passado, ele
classificou de “corja de criminosos desqualificados”. Será que o senador
não percebe que está ali, naquela sublevação militar, que teve o seu ápice
em julho de 1997, a gênese desse projeto corporativista que hoje ele apoia
e que é capitaneado pelo Capitão Wagner?

Esse projeto é irresponsável e um desserviço para Fortaleza,
principalmente para os segmentos sociais que necessitam dos serviços
ofertados pela Prefeitura. É público e notório que o Capitão candidato não
tem um projeto para Fortaleza. Quem vem acompanhando a trajetória política dele sabe que ela foi construída e alimentada por motivações
corporativista. Ele, por sinal, não esconde de ninguém esses objetivos.

Como já deixou claro, a prefeitura é o grande meio para fortalecer o
Seu movimento. O jornalista Fábio Campos, em sua coluna no O Povo do dia
28/02, diz que o Capitão, ao ser cobrado por um grupo de policiais que
reclamava da agenda de candidato a prefeito em detrimento da categoria,
teria afirmado: “Com a prefeitura a gente elege quatro ou cinco deputados
estaduais brincando. A gente elege um da PM, um dos Bombeiros, um da
Polícia Civil… A gente vai ter profissionais da segurança lá suficientes
para nos representar. A gente precisa ter consciência da importância que é
a Prefeitura”.

É inadmissível que o senador Tasso Jereissati, detentor de uma apreciada
história política, possa ser conivente com esse projeto corporativo. É
lamentável que seja cúmplice de um projeto de poder sem nenhum compromisso com o bem estar dos Fortalezenses.

Os seus eleitores continuam confusos, sem entender a real motivação que o
levou a romper com a sua conhecida coerência política e ter optado por
alianças que contradizem a sua biografia como político e cidadão.
Infelizmente, parece que a sua razão foi ofuscada pelo ressentimento da
quebras de expectativas políticas ocorridas no passado.

Encerro fazendo referência a uma expressão que ouvi de um dos vereadores
que hoje compõem a nossa Câmara Municipal: “Nossa cidade nasceu de um
Forte, daí o nome Fortaleza, mas não tem nenhuma vocação para quartel”.

*João Arruda,
Sociólogo e Professor da UFC.

Fachin manda de volta para a cadeia prefeito solto por Lewandowski

foto stf Fachin

“No recesso parlamentar, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Ricardo Lewandowski, decidiu soltar o prefeito de José Vieira da Silva, de Marizópolis (PB). Na ocasião, ele contrariou entendimento do plenário da corte, que desde o início do ano passou a determinar que condenações em segunda instância sejam executadas. Fora do recesso, o caso retornou a seu relator natural, o ministro Edson Fachin.

Como Lewandowski havia apreciado o mérito do pedido de habeas corpus do prefeito, Fachin adentrou o mérito. Indeferiu o pedido e mandou que o prefeito seja novamente recolhido à cadeia.

Para Fachin, a jusrisprudência do Supremo deve ser respeitada.
Seu voto, inclusive, joga um balde de água fria na tentativa de alguns ministros da corte que queriam a volta do sistema antigo. Na prática, aquele que permite infinitos recursos e décadas de processo antes de que alguém possa ser preso.”

(Veja Online)

Fortaleza terá campanha para detecção de diabetes e colesterol

O Dia Nacional de Combate ao Colesterol – 8 de agosto, será lembrado em Fortaleza. A Associação Cearense de Diabéticos e Hipertensos (ACDH) promoverá campanha de detecção de colesterol e glicemia neste sábado, das 8 às 12 horas, na Praça dos Estressados.

No mesmo ato, haverá a verificação do índice de massa corpórea, de pressão arterial e terá um circuito de aula de yoga e de zumba para animar o público.

A ACDH distribuirá também material educativo, dentro do objetivo de sensibilizar maior número de pessoas a procurarem saber se têm o diagnóstico do diabetes e, ao mesmo tempo, de colesterol, para que evitem problemas e complicações futuras.

 

Carlos Lupi chega para prestigiar convenção pró-RC

 

lupi rio

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, já está em Fortaleza. Veio participar da convenção que homologará, nesta noite de quinta-feira, no ginásio da Faculdade Ari de Sá, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) como postulante à reeleição.

Lupi foi recebido pelo presidente regional pedetista, o deputado federal André Figueiredo. Os dois almoçam em local não divulgado e tentam reverter decisão do governador Camilo Santana (PT) e do ex-governador Cid Gomes (PDT) que indicaram o deputado federal José Arnon como candidato a prefeito de Juazeiro do Norte (Região do Cariri), tendo Geovani Sampaio na vice.

“Estamos discutindo isso. Nosso candidato em Juazeiro é o Gilmar Bender. Vamos lutar por isso”, disse Figueiredo para o Blog.

 

DEM transfere sua convenção para mesmo local da convenção de RC

49 1

zuMoroni

“Me aguarde, RC!”

O DEM decidiu transferir sua convenção, que deveria ter ocorrido na manhã desta quinta-feira, em sua sede, para mesmo local da convenção que homologará o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT) como candidato à reeleição.

O deputado federal Moroni Torgan participará, inclusive, da convenção pró-RC e pode acabar sendo indicado vice, segundo admitem lideranças do seu partido.

Um outro nome que aparece como “Plano B” é o de Alexandre Pereira, que preside o PPS estadual.

MP do Ceará barra show de “MC Pedrinho”

mc-pedrinho

“Atendendo à ação proposta pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da 3ª Promotoria de Justiça da Comarca de Eusébio, a juíza Rejane Alves, da 3ª Vara de Justiça da mesma cidade, decidiu pela proibição do show do adolescente Pedro Maia Tempester, de 13 anos, conhecido no meio artístico como “MC Pedrinho”. O evento estava previso para ocorrer na próxima sexta-feira, dia 5 de agosto, e o descumprimento da decisão acarretará em multa de R$ 1 milhão.

A promotora de Justiça Emilda Afonso de Sousa argumentou na petição inicial, que “as letras que fazem parte do repertório musical do adolescente são dotadas de nítida conotação sexual, alto teor de erotismo, pornografia, baixo calão e todo tipo de vulgaridade, incompatíveis com a condição peculiar de pessoa em desenvolvimento”. Além disso, segundo a representante do MPCE, o evento contraria todas as diretrizes do Estatuto da Criança e do Adolescente e legislações protetivas da infância e juventude.

Outro aspecto levantado é que o público-alvo do jovem funkeiro é composto, em sua maioria, por menores de 18 anos, desrespeitando também a integridade dos adolescentes que frequentariam esse show, “que são influenciados por letras perniciosas e dotadas de todo tipo de vulgaridades, cantadas por um adolescente de apenas 13 anos de idade, que acaba por servir de modelo aos demais, além de ser exposto fatos psicologicamente irreparáveis”, reforçou a promotora.

As apresentações do adolescente já foram vetadas em Fortaleza e em Araçatuba, cidade do interior de São Paulo, em janeiro do ano passado. Devido à restrição na Capital cearense, os organizadores teriam deslocado o evento para Eusébio. Os pais do cantor, Wanderley e Ana Lee Tempester foram intimados da decisão, assim como o sócio-proprietário da casa de shows que sediaria o evento, o “Clubezão”, Norões Milfont.

(Site do MP-CE)

Governador divulgará nesta sexta-feira dados sobre homicídios de julho

foto camilo com PMs

Nesta sexta-feira, os dados consolidados referentes aos Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs) do mês de julho último no Ceará, vão ser divulgados durante coletiva, no prédio da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). O governador Camilo Santana (PT) fará a divulgação.

Na mesma ocasião, serão apresentadas as 10 viaturas que o Governo do Ceará recebeu da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) como contrapartida pelo apoio do Governo à segurança nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e pela cessão de policiais e bombeiros para a composição da Força Nacional de Segurança.

(Foto – Governo do Estado)

Jean Wyllys X Bolsonaro – Representações terão andamento no Conselho de Ética

jenn

Jean Wyllys X Jair Bolsonaro

Sem ter um Eduardo Cunha para se ocupar, o Conselho de Ética da Câmara deve dar prosseguimento, na semana que vem, aos casos contra Jair Bolsonaro e Jean Wyllys.

O primeiro é acusado de apologia à tortura por ter exaltado um dos generais da ditadura militar.

O segundo responderá por ter dado uma cusparada que deveria acertar Bolsonaro mas acabou atingindo os deputados Luiz Carlos Heinze e Sóstenes Cavalcante.

A expectativa é que o Conselho não puna Bolsonaro e dê uma advertência a Wyllys.”

(Veja Online)

Reviravolta jurídica – PP volta ao comando do Padre Zé

146 2

rccc

Reviravolta no caso de quem fica no comando do Partido Progressista no Ceará.

A Justiça estadual , por meio do desembargador Francisco Gladyson Pontes, tomou nova decisão, nesta quinta-feira, em favor do ex-deputado federal Padre Zé Linhares, que volta a comandar a legenda.

Nesta semana, a desembargadora Vera Lúcia Correia havia derrubado liminar que dava ao Padre Zé o comando, no que a sigla passou para o deputado federal Adail Carneiro.

Agora, sai essa nova decisão no dia em que o prefeito Roberto Cláudio (PDT) fará a convenção que o homologará como candidato à reeleição.

DECISÃO INTERLOCUTÓRIA

Trata-se de Mandado de Segurança, com pedido de medida

liminar, impetrado pelo PARTIDO PROGRESSISTA – DIRETÓRIO ESTADUAL

DO CEARÁ e OUTROS, impugnando ato em tese ilegal perpetrado pela

DESEMBARGADORA RELATORA DA TUTELA CAUTELAR ANTECEDENTE

No 0625524-49.2016.8.06.0000, consistente em “suspender a eficácia da

sentença proferida pelo douto Juízo da 11a Vara Cível da Comarca de

Fortaleza, nos autos do Processo no 0131560-64.8.06.0001”, que, a um só

tempo, concedeu a tutela de urgência e julgou procedente o pedido inicial,

para “DECLARAR NULA A RESOLUÇÃO no 11/2016 – CEN,

DETERMINANDO QUE SE RESTAURE INTEGRALMENTE O DIRETÓRIO

ESTADUAL DO PARTIDO PROGRESSISTA (PP) DO CEARÁ por aquele

malsinado ato, COM O IMEDIATO RETORNO DOS SEUS ANTERIORES

INTEGRANTES EM SUAS FUNÇÕES”.

Comissão Especial aprova por 14 a 5 parecer do impeachment

Por 14 votos a 5, a Comissão do Especial do Impeachment do Senado aprovou o relatório do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), favorável ao prosseguimento do processo e ao julgamento da presidenta afastada Dilma Rousseff por crime de responsabilidade. Com isso, a comissão encerra os trabalhos. Como já havia antecipado que faria desde que assumiu o colegiado, o senador Raimundo Lira (PMDB-PB) foi único que não votou.

Brasília - O relator Antonio Anastasia e o presidente da Comissão do Impeachment, Raimundo Lira, durante sessão para discutir relatório de impeachment da presidenta afastada Dilma Rousseff (Antonio Cruz/Agência Brasil)

Na próxima terça-feira (9), o mesmo relatório será votado pelos 81 senadores no plenário da Casa. A sessão será presidida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. Para o relatório ser aprovado em plenário, são necessários votos da maioria simples dos parlamentares, ou seja, metade mais um dos presentes à sessão. Caso os senadores decidam pela continuidade do processo, Dilma será julgada no fim do mês, em data ainda a ser definida.

No julgamento final, os senadores terão de decidir se Dilma será afastada definitivamente do cargo e ficará inelegível por oito anos. Para aprovação, são necessários, no mínimo, 54 votos, em votação no plenário do Senado.

(Agência Brasil)