Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Estudantes têm até esta segunda-feira para aderir à lista de espera do ProUni

Os estudantes que não foram pré-selecionados para as bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) tem até esta segunda-feira (11) para aderir à lista de espera. A lista será usada pelas instituições de ensino para ocupar as bolsas que não foram preenchidas nas etapas anteriores.

A relação dos candidatos participantes da lista de espera será divulgada no dia 14 de julho. Os estudantes incluídos na lista deverão comparecer aos estabelecimentos de ensino, nos dias 18 e 19 de julho, e entregar a documentação que comprova as informações prestadas na inscrição.

Pode participar da lista de espera, exclusivamente para o curso correspondente à primeira opção, o candidato que não foi pré-selecionado nas chamadas regulares e os pré-selecionados na segunda opção de curso, reprovados por não formação de turma.

Para o curso correspondente à segunda opção, pode participar da lista de espera apenas o candidato que não foi pré-selecionado nas chamadas regulares, na hipótese de não ter ocorrido formação de turma na primeira opção; os que não foram pré-selecionados nas chamadas regulares, na hipótese de não haver bolsas disponíveis na primeira opção; e os pré-selecionados na primeira opção de curso, reprovados por não formação de turma.

Pelo ProUni, os estudantes podem concorrer a bolsas de estudo parciais e integrais em instituições particulares de educação superior, com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para a edição do segundo semestre de 2016 foram oferecidas 125.442 bolsas. Do total, 68.350 são parciais (50% da mensalidade) e 57.092, integrais. O sistema recebeu 1.215.768 inscrições de 627.978 participantes. Cada candidato pôde se inscrever em até dois cursos.

(Agência Brasil)

Cearense Morgana Simões vence etapa classificatória do Brasileiro de Karatê

foto karatê ceará

A cearense Morgana Simões, 23, garantiu presença na fase final do Campeonato Brasileiro de Karatê, ao conquistar o primeiro lugar para atletas com faixa preta, em competição disputada nesse sábado (9), em Porto Alegre (RS).

Além da conquista na categoria Individual, Morgana Simões também ficou em primeiro lugar na categoria por equipe.

Eleições 2018 – Bolsonaro diz que pretende buscar ‘a parte boa da Ditadura Militar’

393 1

foto bolsonaro deputado

Pré-candidato ao Palácio do Planalto em 2018 – garante que já está tudo acertado com o PSC – o deputado federal Jair Bolsonaro afirmou em entrevista ao O POVO, publicada na edição deste domingo (10), que, caso eleito presidente da República, pretende buscar “a parte boa da Ditadura Militar”.

“No período militar, de 64 a 85, nós melhoramos a economia da 49ª para a 8ª posição no mundo e tínhamos aqui uma educação de qualidade. O povo foi às ruas para pedir Diretas Já, e não para pedir saúde, educação e segurança”, apontou o pré-candidato. “O que eu pretendo é buscar a parte boa da Ditadura Militar. No tocante à educação, (pretendo) modificar completamente o nosso currículo escolar, abrir o comércio para o mundo todo e jogar duro na questão da segurança. Porque sem segurança não tem como sonhar com turismo no nosso País, e o turismo é uma receita que vem de graça para o Brasil”, completou.

Sobre os 13 anos do PT no Palácio do Planalto, Bolsonaro avalia que o projeto de governo foi construído por meio de medidas populistas voltadas para a perpetuação no poder.

“Praticamente nada se aproveita do PT, tudo é um populismo. A nossa economia está na situação que está porque foi um viés ideológico, aproximando-se de ditaduras na África, Cuba, aqui na América do Sul também, foi um projeto de poder. Enquanto a Petrobras estava sendo assaltada, tudo o que interessava ao PT era aprovar (projetos) dentro da Câmara dos Deputados. (Na época do PT) a questão dos currículos escolares, voltava o marxismo cultural, a questão da homossexualidade também. Não consigo tirar nada de bom do PT”, disse.

Há o que ‘Temer’ – Sufocamento e supressão das liberdades democráticas

77 2

Da Coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (10):

O Brasil está enveredando por um caminho que lança sombras, desconfianças e inquietações sobre seu futuro. Basta ver o plano arquitetado por Michel Temer para salvar Eduardo Cunha. O poder foi ocupado, ilegitimamente, por um conjunto de forças fisiológicas opostas a tudo o que os brasileiros esperavam, quando uma parte deles saiu às ruas para denunciar o mal-estar com um sistema político não sintonizado com a vontade, expectativas e aspirações dos cidadãos.

O protesto, naquele junho de 2013, vinha, sobretudo, das pessoas situadas nas camadas médias da sociedade. O andar mais acima também estava irritado com o governo, mas por razões bem mais mesquinhas. Já o povão igualmente tinha suas queixas por sentir que as oportunidades de ascensão social – iniciadas no governo Lula – começavam a ser brecadas. Contudo, pouco se identificou com aqueles protestos. Os manifestantes queriam serviços públicos de qualidade, combate à corrupção, aperfeiçoamento do sistema político e sua abertura à participação dos cidadãos no processo decisório.

Michel Temer, em reunião pública com empresários, confessou que após o impeachment baixará “medidas impopulares”. Tais como o desmonte dos direitos trabalhistas. Ninguém ignora que isso não se fará sem resistência e consequente repressão.

O aparato repressivo está sendo elaborado pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI), entregue a um general de extrema-direita. A História demonstra que processos desse tipo sempre culminam em sufocamento e supressão das liberdades democráticas. Só o povo mobilizado poderia derrotar essa trama sinistra.

Petrobras encontra petróleo no pré-sal da Bacia de Santos

A Petrobras encontrou mais indícios de petróleo no campo de Libra, no pré­0sal da Bacia de Santos. De acordo com notificação enviada à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) na terça-­feira, a petroleira identificou ocorrência de óleo no poço de extensão 3­ BRSA­1342A­RJS, em lâmina d’água de 1,996 mil metros.

No último mês, a petroleira já havia informado à autarquia outra ocorrência de indícios de petróleo em Libra. Na ocasião, foi encontrado óleo na perfuração do poço 3­BRSA­1339A­RJS, em lâmina d’água de mais de 2 mil metros.

A companhia é a operadora do campo, com 40% de participação no consórcio responsável pela concessão de exploração da área. Os demais sócios são a anglo­holandesa Shell (20%), a francesa Total (20%) e as chinesas CNPC (10%) e CNOOC (10%).

( Valor Econômico)

Obama nega que EUA vivam racha entre brancos e negros

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, condenou novamente os casos de violência policial e racial que atingiram o país e voltou a pedir mudanças na legislação sobre a venda de armas de fogo. Em Varsóvia, Obama disse neste sábado (9) que esta foi “uma semana dura”, mas se negou a dar vazão para a ideia de que os EUA estejam divididos em um novo conflito entre brancos e negros.

“Acredito firmemente que a América não está dividida como alguns sugerem”, disse Obama em coletiva de imprensa. “Os norte-americanos de todas as raças estão indignados com os ataques em Dallas e em outros lugares”, explicou.

Há dois dias, um protesto em Dallas contra a violência policial terminou em tragédia, quando um homem, identificado como Micah Xavier Johnson, matou cinco agentes e feriu outros seis, aparentemente por vingança pela suposta brutalidade empregada pelos oficiais brancos contra jovens negros. Os episódios mais recentes de brutalidade se referem a três rapazes negros que foram mortos a tiro em abordagens policiais.

Em seu discurso, Obama tentou amenizar o clima entre os norte-americanos e afirmou que o atirador de Dallas “não representa os negros” dos Estados Unidos. “Não podemos deixar que ações de poucos definam todos os norte-americanos”, comentou o presidente.

(Agência Brasil)

Emenda que incluiu o TST entre órgãos do Judiciário será promulgada na terça-feira

“Será promulgada na próxima terça-feira (12/7) a Emenda Constitucional 92/2016, que inclui o Tribunal Superior do Trabalho como órgão do Poder Judiciário e altera o requisito para provimento dos cargos de ministro do tribunal, além de incluir dispositivo que atribui ao TST a competência de processar e julgar originalmente a reclamação para a preservação de sua competência e garantia da autoridade de suas decisões.

Para o presidente do TST, ministro Ives Gandra Martins Filho, a proposta é de fundamental importância ao reconhecer a reclamação, instrumento para a preservação da competência e da jurisprudência do TST. Ele lembrou que tanto o Supremo Tribunal Federal quanto o Superior Tribunal de Justiça já possuem esse instrumento, necessário ao cidadão por democratizar o acesso às decisões dos tribunais superiores.

O dispositivo estabelece que o TST pode fazer valer a sua jurisprudência caso outras instâncias decidam de forma diferente da sua.”

(Site do TST)

Polícia ainda sem pista do ‘assaltante educado’

Imagine iniciar mais uma rotina de trabalho, tendo que acordar cedo e ainda enfrentar o estressante trânsito da avenida 13 de Maio, em Fortaleza. O incômodo de uma topique lotada enfim é aliviado pela gentileza de um dos passageiros, ao desejar um “bom dia”. O problema é que o rapaz educado carrega um revólver em punho.

“Bom dia! Fiquem tranquilos e passem os celulares!”, relatou uma das vítimas e passageira da Linha 25 – Parque Santa Maria / Liceu, sobre o comportamento do assaltante que atacou o transporte, nessa sexta-feira (8).

Apesar do trânsito lento, o assaltante conseguiu fugir a pé pela própria avenida. Desde então, a Polícia ainda procura prender o suspeito, mas não há pistas.

UFC abre concurso para professor efetivo em Fortaleza, Sobral e Russas

A Universidade Federal do Ceará recebe, a partir da próxima segunda-feira (11), inscrições para editais que, juntos, ofertam seis vagas de professor adjunto-A, em regime de trabalho de 40 horas semanais e dedicação exclusiva. Conforme o Edital nº 164/2016 (http://goo.gl/mXTJF1), há vagas nos setores de estudo “Língua Inglesa e Prática de Ensino”, “Língua Espanhola e Ensino” (com inscrições até 9 de agosto) e “Sistemas Elétricos de Potência” (com inscrições até 24 de agosto), todas em Fortaleza.
Já o Edital nº 165/2016 (http://goo.gl/nY8KLS), com inscrições até 9 de agosto, oferta outras três vagas, destinadas aos campi do Interior. Em Sobral, a oportunidade se destina ao setor de estudo “Saúde Coletiva / Evidência Científica”, para o Curso de Odontologia, enquanto em Russas há vagas nos setores de estudo “Projeto e Desenho de Máquina”, na área de Engenharia Mecânica e Engenharia e Ciência dos Materiais, e “Álgebra Linear e Cálculo”, na área de Matemática.
Para concorrer às vagas dos dois editais, é necessário apresentar título de doutor. Outros detalhes sobre os certames, como local e taxa de inscrição e remuneração, estão disponíveis nos editais, publicados no site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFC:http://goo.gl/dMMBUl.
(Site da UFC)

Capitão Wagner participa de evento do PR Mulher em Messejana

IMG_6111-1

Com a presença do pré-candidato a prefeito de Fortaleza pelo PR, deputado estadual Capitão Wagner, também presidente do PR da Capital, aconteceu neste sábado mais uma edição do Programa PR Mulher “Ouvindo Nossa Gente”. Foi no Colégio Souza Correia, em Messejana.

A manhã de atividades contou com a presença da presidente nacional do PR Mulher, deputada Gorete Pereira, da presidente estadual do PR Mulher, deputada Fernanda Pessoa, da presidente municipal do PR Mulher, vereadora Ruthmar Xavier, e do presidente estadual do PR, Lúcio Alcântara. O objetivo foi incentivar a participação de mulheres da região na política.

O programa visitará agora a Regional VI, e pretende ouvir os anseios daquela região. Ao final dos seis encontros, realizados pelo PR Mulher, será criado um relatório de demandas que vai ser encaminhado as esferas federal, estadual e municipal, para que os problemas dessas comunidades possam ser analisados.

Em São Gonçalo do Amarante, fiscalização é reforçada nestas férias no Pecém e Taíba

demutrann

As áreas mais urbanas de São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza) passaram a receber uma atenção especial da Prefeitura em relação a segurança no trânsito.

Implantado em maio de 2015, o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) tem realizado a fiscalização das leis, evitando infrações absurdas e corriqueiras como a de motociclistas que trafegam sem capacete, transporte irregular de passageiros e estacionamento em locais proibidos.

Nestas férias, a ação do Demutran ganhou reforço principalmente para evitar abusos nas praias do município, bastante procurada por turistas, como Pecém e Taíba.

Para João Bosco, superintendente do Demutran, a experiência está sendo positiva: “Obtivemos êxito na melhoria do tráfego, direcionando o fluxo para pedestres e veículos para que tudo ocorresse normalmente. O trabalho foi reconhecido por visitantes e moradores”, diz.

 

Cenário eleitoral se consolida em Fortaleza

roberto-claudio-prefeito

Em avaliação no O POVO deste sábado (9), o editor-adjunto de Conjuntura Ítalo Coriolano diz que a eleição à Prefeitura de Fortaleza deverá ficar polarizada entre Roberto Cláudio e Capitão Wagner. Confira:

Com a decisão do PMDB de fechar apoio à pré-candidatura do deputado Capitão Wagner (PR) para a Prefeitura de Fortaleza ficam consolidadas as forças que disputarão o comando da Capital. Pela configuração atual, há grandes chances de a campanha ficar polarizada entre o atual prefeito Roberto Cláudio (PDT), que pode contar com uma dúzia de partidos aliados e tem toda a máquina nas mãos, e o próprio Capitão Wagner, que deve liderar o espaço de tempo no horário eleitoral graças ao peso que representam PSDB e PMDB.

Por fora, correm a ex-prefeita Luizianne Lins (PT) e o deputado Heitor Férrer (PDT). Ambos contam com forte recall e possuem trunfos e fragilidades.

A petista deve apostar na popularidade que o ex-presidente Lula ainda possui, ao mesmo tempo em que terá de lidar com o desgaste de seu partido, envolvido até a tampa em escândalos.

Heitor, ao lado da Rede, não deverá contar com grande estrutura, mas tentará explorar o discurso ético em tempos de profunda crise na política brasileira.

Mesmo enfoque que deverá ter a campanha de João Alfredo (Psol). Nome também conhecido em Fortaleza, pode enfrentar problemas diante do pouco tempo que terá de propaganda no rádio e na TV e também devido à decisão tardia de sua sigla de apresentar candidatura. Em cidades como Rio de Janeiro, São Paulo e Belém, as articulações estão bem mais avançadas. Sem falar que a saída de Renato Roseno da disputa, nome mais forte do Psol no Estado, traz mais dificuldades para a legenda.

Morre o pai da desembargadora Nailde Pinheiro e do jornalista Denísio Pinheiro

Morreu neste sábado (9), vítima de complicações cardíacas, João Pinheiro do Amaral, 85, pai da desembargadora Nailde Pinheiro e do jornalista Denísio Pinheiro. João Pinheiro deixa ainda a filha Necilde Pinheiro e a viúva Josefa dos Santos.

O velório ocorre na funerária Ternura, bairro Aldeota, a partir das 18 horas. A missa de corpo presente será na própria funerária, às 8h30min. O sepultamento está previsto para as 10 horas, no cemitério Parque da Paz.

VAMOS NÓS – Nossos pêsames à família.

Demanda por energia no país cai 0,9% em doze meses, diz ONS

A carga de energia do Sistema Interligado Nacional (SIN) caiu 0,9% no acumulado dos últimos 12 meses, tendo como referência o mês de junho. A informação consta no Boletim de Carga Mensal, do Operador Nacional do Sistema (ONS).

Porém, tomando-se apenas a demanda por energia no mês de junho, comparado a igual período de 2015, houve um aumento de 1,8%. Mesmo no valor ajustado, em que se excluem os efeitos de fatores fortuitos e não econômicos sobre a carga, como a variação de temperatura diferente da esperada ou o maior número de dias úteis, houve crescimento na carga na comparação entre junho deste ano contra junho do ano passado, com avanço de 1,6% no país.

Entre os fatores que influenciam maior consumo por energia nesta época do ano está o uso intenso de aparelhos de aquecimento, principalmente na região Sul. O mesmo acontece nos meses quentes de verão, quando o calor extremo obriga o uso de aparelhos de ar-condicionado.

(Agência Brasil)

A patética história do hospital que não funciona

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (9), pelo jornalista Érico Firmo:

O Hospital Regional do Sertão Central é, até agora, uma história que seria patética se não fosse trágica. O belo equipamento está praticamente pronto e foi inaugurado há mais de um ano e meio, nos últimos dias do governo Cid Gomes (PDT). A saúde pública é apontada, em todas as pesquisas, o problema que mais aflige os cearenses, à frente até da segurança pública. Numa das regiões mais carentes do Estado, no coração do sertão, um hospital novo e moderno não funciona porque não há dinheiro para ser mantido. O governo de Camilo Santana (PT) pressiona o Ministério da Saúde por recursos. A administração de Michel Temer (PMDB) não se compromete com promessas feitas na gestão de Dilma Rousseff (PT). Convenhamos, as gestões de Camilo e Temer são as menos culpadas.

Cid Gomes cometeu uma de suas maiores trapalhadas ao construir enorme estrutura, num estado pobre, sem saber como ia financiar. Sem deixar amarradas as fontes de receita. O então governador agiu como o rapaz da anedota, que deixa o quarto a meia luz, coloca música ambiente, põe o vinho no gelo e, depois, sai para procurar namorada. Dez entre dez gestores públicos afirmam que é muito mais complicado manter um equipamento público que construir. Investir numa obra cara sem saber se a estrutura será sustentável financeiramente é se arriscar a desperdiçar dinheiro do povo.

O governo Temer não sabe se irá honrar compromissos firmados por Dilma. É de se esperar que um governo que acabou de tomar posse efetivamente verifique a pertinência e as condições de arcar com despesas assumidas no fim da gestão anterior. O problema é que o governo Dilma não manteve aquilo que prometera.

Em dezembro de 2015, quando o hospital já completava um ano parado, o então ministro da Saúde, Marcelo Castro, assegurou dinheiro para metade do custeio. Assim, o início do funcionamento seria no primeiro trimestre deste ano. Isso não se concretizou e, nove dias antes do afastamento de Dilma, o então ministro Agenor Álvares assinou portaria para a liberação de R$ 36 milhões para, afinal, colocar o hospital em funcionamento. Dilma foi afastada e o dinheiro nunca saiu.

A política de regionalização da saúde foi uma das mais acertadas iniciativas do governo Cid. Mas, a consistência dos passos dados não era das maiores, percebe-se. O problema foi criado e os compromissos foram firmados por Cid e Dilma. Agora, resta a Camilo e Temer encontrarem solução. O papel deles é resolver e, até agora, não foram capazes.

Há um hospital pronto e que precisa ser financiado para atender à população. Com a saúde no estado em que se encontra, a situação é ridícula, desrespeitosa com quem precisa de atendimento.

Trabalhadores da Chesf do Ceará entram em greve na próxima segunda-feira

Os trabalhadores da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) no Ceará vão entrar em greve, por tempo indeterminado, a partir da próxima segunda-feira. A decisão foi tomada em assembleia geral da última quarta-feira e atende às exigências da legislação. O calendário de paralisação está unificado com a luta dos trabalhadores do sistema Eletrobras.

Durante a paralisação, os trabalhadores estarão concentrados na entrada da sede da Gerência Regional Norte (GRN) da Chesf, em Fortaleza (Avenida Presidente Costa e Silva, 4677, Mondubim). Também haverá mobilização na Subestação Delmiro Gouveira (Avenida Alberto Craveiro, 999, Dias Macedo) e na Chesf de Milagres.

Além da reivindicação por um Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2016/2017 e pela Participação nos Lucros e Resultados (PLR) 2015 condizentes com os anseios dos trabalhadores, a pauta inclui a luta contra a privatização do setor elétrico, movimento que tem sido sinalizado pelo governo golpista de Michel Temer (PMDB).

Ex-mulher de Collor pode ter na justiça a penhora do salário dele

collorido

O ex-presidente e hoje senador Fernando Collor tem mais uma dor de cabeça para enfrentar na Justiça além da Operação Lava-Jato: a defesa da sua ex-mulher Rosane Collor acaba de pedir a penhora do seu salário de senador na 27ª Vara de Família de Alagoas.

Uma decisão transitada em julgado no Superior Tribunal de Justiça obriga Collor a ceder a Rosane dois apartamentos de R$ 3,4 milhões, dois carros Toyota Corolla zero quilômetro, R$ 700 mil e uma pensão de 30 salários mínimos.

Se no próximo dia 8 de agosto Collor não aceitar pagar o que deve, a Justiça irá arrestar seus bens.

(Coluna Radar, da Veja Online)