Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Aeroporto de Juazeiro – Obras para recuperar pista começam ainda neste ano

eunicio-apoia-temer-de-olho-no-senado_578835

Saiu publicado no Diário Oficial da União (DOU) o edital para contratação das obras de recuperação de uma pista de taxiamento do Aeroporto de Juazeiro do Norte/Orlando Bezerra de Menezes. A abertura das propostas está prevista para o próximo dia 5 e o investimento estimado é de R$ 575 mil, com prazo de execução de três meses após a assinatura da ordem de serviço.

O trabalho de recuperação tem como objetivo manter os níveis de segurança das operações no terminal cearense e será realizado na taxiway C. A área de taxiamento é o espaço onde são realizadas as manobras de aeronaves.

A liberação dessa ordem de serviço teve o aval do líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira.

Artur Bruno se licencia do PT para trabalhar na campanha de Roberto Cláudio

brunoo

O secretário do Meio Ambiente do Estado, Artur Bruno, confirmou, nesta quinta-feira, para o Blog que se licenciou do PT. Ele disse que adotou essa medida para se engajar à campanha pró-reeleição do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio.

Artur Bruno deverá se integrar à equipe que tratará das propostas de governo do prefeito e que tem como coordenador o superintendente do Iplanfor, Eudoro Santana.

“Vou me engajar nas comissões que vão elaborar planos nas áreas do Meio Ambiente e Educação”, adiantou Bruno.

Ele integra a ala petista que, ao lado do governador Camilo Santana, se posicionou contra a candidatura da deputada federal Luizianne Lins à Prefeitura.

Empresários do Pecém debatem Inovação

acepp

Nesta manhã de quinta-feira, empresários do Pecém, em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza), estão reunidos em mais uma edição do Ciclo de Palestras AECIPP. A sigla é da Associação das Empresas do Complexo Industrial e Portuário do Pecém, que abriu seu auditório para o evento.

Os assuntos tratados são “Avanços do Ambiente de Negócios por Meio da Cooperação em Rede” e “Polo Embrapii de Inovação Fortaleza”.

Mário Gurjão, administrador, consultor organizacional, cofundador do Movimento Inova Mundo e membro da equipe do Núcleo de Economia e Estratégia da FIEC ministra o primeiro tema.

Já o segundo assunto, terá como painelistas, Wendell Rodrigues, pós-doutor em Gestão da Inovação pelo Lambton College e professor efetivo do IFCE, e Cristiane Borges, mestre em computação pela UFC, também educadora do IFCE e atual diretora do Polo Emprapii em Fortaleza.

(Foto – Divulgação)

Camilo lançará pacote de concessões na Fiec

foto camilo governo ceará

O governador Camilo Santana (PT) vai apresentar, a partir das 11 horas, na sede da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), o pacote de concessões de equipamentos públicos estaduais. No bolo, 10 equipamentos que serão oferecidos à iniciativa privada e que estão orçados em mais de R$ 7 bilhões.

Mais de 50 equipamentos, já concluídos ou em andamento, foram avaliados pela consultoria McKinsey & Company. Destes, foram selecionados os de maior atratividade no curto prazo para a iniciativa privada e, consequentemente, para o Estado.

Na lista, estão o Acquario Ceará, Ceasa, Centro de Eventos, Centro de Formação Olímpica do Ceará (CFO), Cinturão Digital, Metrofor, Rodovia CE-040, terrenos (Expoece e da Cavalaria da PM) e aeroportos regionais (Jijoca e Aracati).

 

Sobe para mais de 240 número de mortos pelo terremoto na Itália

“Subiu para ao menos 247 o número de mortos após o forte terremoto que atingiu a região central da Itália na madrugada desta quarta-feira (24), de acordo com novo balanço divulgado pelo departamento de Proteção Civil do país nesta quinta (25).

O terremoto, de magnitude 6,2, atingiu cidades e vilarejos montanhosos do centro do país, o que torna as operações de resgate ainda mais difíceis. Há mais de 350 feridos.

Segundo fontes da Defesa Civil citadas pelos meios de comunicação locais, o número de mortes ainda deve aumentar, já que dezenas de pessoas continuam desaparecidas entre os escombros. Passadas mais de 27 horas do tremor, os trabalhos de resgate prosseguem pelo país.

As equipes de resgate trabalharam durante toda a noite nas localidades mais afetadas Arquata del Tronto, Pescada del Tronto, Amatrice e Accumoli.”

(Portal Uol)

INSS inicia pagamento da 1ª parcela do 13º salário

idoso-2

Vai dar para aliviar despesas com remédio?

“Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que recebem um salário mínimo e têm cartão com final 1, desconsiderando-se o dígito, começam a receber hoje (25) a primeira parcela do décimo terceiro salário.

Tem direito ao décimo terceiro quem recebeu, durante o ano, benefício previdenciário como aposentadoria, pensão por morte, auxílio-doença, auxílio-acidente, auxílio-reclusão ou salário-maternidade.

Os pagamentos serão feitos até o dia 8 de setembro. A segunda parcela será paga em novembro.

Os beneficiários do INSS chegaram a ter a antecipação do benefício ameaçada pelo ajuste fiscal, mas após negociações com centrais sindicais e associações de aposentados e pensionistas, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, anunciou, no fim de junho, que o adiantamento estaria garantido.

A antecipação de 50% do décimo terceiro salário aos beneficiários do INSS é feita desde 2006.”

(Agência Brasil)

Tudo pronto para o Futura Trends 2016

Da Coluna Vertical, do O POVO desta quinta-feira:

Tudo pronto para o VI Seminário Futura Trends, evento voltado para o empresariado e cujo tema é “Lideranças do Amanhã – Ciência, Tecnologia e Espiritualidade na Gestão de Empresas Vencedoras”.

Será nesta sexta-feira, 26, das 13 às 20 horas, no Hotel Gran Mareiro (Praia do Futuro), numa promoção do Grupo de Comunicação O POVO, Fundação Demócrito Rocha e Instituto Albanisa Sarasate.

Entre conferencistas, a monja budista Zentchu Sensei. O jornalista Heródoto Barbeiro (Rede Record) será o mestre de cerimônia.

As inscrições ainda podem ser feitas antes do evento, que vai procurar unir a razão empresarial com espiritualidade (www.seminariofuturatrends.com.br).

PMDB não pode ficar fazendo “graça” com reajustes, diz Tasso

foto tasso jeressati senador

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) cobrou nessa quarta-feira (24) uma definição de posição do governo do presidente em exercício Michel Temer e do PMDB em relação ao reajuste do funcionalismo público, em especial dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Para o tucano, o Palácio do Planalto precisa definir seu posicionamento e o partido de Temer, assumir se é governo ou se quer fazer “graça” para “alguns”.

“O governo precisa definir, e o seu partido, que é o PMDB, precisa assumir sua posição: se é governo ou se quer fazer graça para alguns”, afirmou Tasso em entrevista no Senado. Segundo ele, toda a base aliada precisa deixar claro seu posicionamento em relação ao assunto. “Partido de governo tem muitos bônus, mas muitos ônus também. Cabe à base assumir sua posição. Não dá para ficar brincando de um lado ou outro, conforme as circunstâncias”.

Tasso avaliou que o Brasil está vivendo um “paradoxo”, pois, enquanto enfrenta uma crise fiscal “sem precedentes”, o PMDB, com aval do governo, articula a votação no Senado de reajustes salariais para o funcionalismo público. Nesta quarta-feira, dois dias após o Planalto defender publicamente segurar a votação dos reajustes, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), marcou a votação do reajuste dos ministros do STF para 8 de setembro.

Outro sinal do governo a favor dos reajustes foi dado nesta terça-feira, 23, quando o senador Valdir Raupp (PMDB-RO), ex-presidente do PMDB e próximo de Temer, apresentou relatório paralelo na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) a favor do reajuste dos salários dos ministros do Supremo. O relatório foi um contraponto ao parecer do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES), contra a concessão dos aumentos salariais aos ministros.

“A gente não entende a posição do PMDB. Porque o PMDB está começando a parecer que não está no governo. Porque o governo dá uma sinalização para a gente, e outra para fora”, afirmou o tucano. Para o tucano, o governo está dando “sinais trocados para a população”. “Como vamos pedir da população sacrifícios para reformas como a da previdência e, ao mesmo tempo, estamos dando aumento a uma pequena elite acima da inflação”, disse.

Tasso Jereissati afirmou que, se o governo encampar a aprovação dos reajustes no Senado, o PSDB terá que fazer uma discussão clara e interna sobre como se posicionará a partir de então, “porque o futuro do ajuste fiscal fica ameaçado”. “Essa é a decisão que tínhamos entendido (votar contra os reajustes). Mas se o governo não está empenhado nisso…”, afirmou o parlamentar cearense na entrevista.

O tucano prevê que vai ser “difícil” o PSDB continuar no governo, caso Temer insista em defender medidas que passam sinais contrários ao ajuste fiscal. “Não pode simplesmente o PSDB defende tudo aquilo que não é popular, não é agradável para alguns setores, principalmente setores poderosos, que ninguém quer ter desgaste, e o partido do governo fica fazendo gracinha com esse movimento. Isso não é possível, não vai dar certo”, disse.

(Estadão)

Senado começa a julgar nesta quinta-feira o processo de impeachment de Dilma

foto dilma presidente

O julgamento do processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff começa nesta quinta-feira (25), a partir das 9 horas, com o depoimento de testemunhas. Serão ouvidas inicialmente as duas testemunhas arroladas pela acusação: o procurador do Ministério Público no Tribunal de Contas da União (TCU),  Júlio Marcelo de Oliveira, e o auditor do TCU Antônio Carlos Costa D’Ávila.

Em seguida, a previsão é de que sejam ouvidas duas das seis testemunhas arroladas pela defesa. Os advogados de Dilma Rousseff convocaram o ex-ministro da Fazenda Nelson Barbosa, o economista Luiz Gonzaga Belluzzo, a ex-secretária de Orçamento Federal Esther Dweck, o ex-secretário executivo do Ministério da Educação Luiz Cláudio Costa, o professor de direito da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) Ricardo Lodi Ribeiro e o professor de direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Geraldo Prado.

Nesta sexta-feira (26) deverão ser ouvidas as quatro últimas testemunhas. Se não houver tempo de ouvir as quatro primeiras até a noite de hoje, os depoimentos de uma parte delas podem ser transferidos para esta sexta, fazendo com que a primeira fase do julgamento seja concluída somente no fim de semana.

Na segunda-feira (29), a partir das 9 horas, começará o depoimento da presidente afastada. Ela poderá falar livremente por 30 minutos e depois ficará à disposição para responder às perguntas dos senadores.

A expectativa é de que o resultado seja divulgado na noite da terça-feira (30), mas o julgamento pode se prolongar até a quarta-feira (31).

(Agência Brasil)

Fortaleza é a capital com mais homicídios por armas de fogo

“Assustador” é o adjetivo que o “Mapa da Violência 2016: Homicídios por Arma de Fogo no Brasil” usa para indicar o crescimento do número de homicídios provocados por arma de fogo em capitais do Nordeste – notadamente Fortaleza, que ocupa o primeiro lugar no ranking que elenca as maiores taxas de mortes em 2014. A capital cearense tem taxa de homicídios por arma de fogo de 81,5 para cada 100 mil habitantes.

Os dados do Mapa da Violência também mostram que, enquanto a taxa de homicídios por armas de fogo na Região Sudeste caiu 41,4% entre 2004 e 2014, na Região Nordeste o índice dobrou. Segundo o estudo, o crescimento do índice na maior parte dos estados do Nordeste, em um curto período, aconteceu porque os governos tiveram que enfrentar uma pandemia de violência para a qual estavam “pouco e mal preparados”.

O Mapa da Violência compõe uma série de estudos realizados pelo pesquisador Julio Jacobo Waiselfisz, desde 1998, tendo como temática a violência no Brasil. Waiselfisz é vinculado à Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso), organismo internacional e intergovernamental autônomo, fundado em 1957 pelos estados latino-americanos, a partir de uma proposta da Unesco, órgão da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Educação, a Ciência e a Cultura.

Conforme o estudo, a taxa média de homicídios por armas de fogo no Nordeste, em 2014 foi 32,8 por 100 mil habitantes, bem acima da taxa da região que vem imediatamente a seguir, Centro-Oeste, com 26 por 100 mil habitantes e um aumento de 39,5% entre 2004 e 2014.

(Agência Brasil)

Eleições 2016 – Gonzaga apresenta plano de governo para Fortaleza nesta quinta-feira na Câmara Municipal

foto gonzaga pstu

O candidato do PSTU à Prefeitura de Fortaleza, Francisco Gonzaga, abre nesta quinta-feira (25), a partir das 10 horas, no Plenário da Câmara Municipal de Fortaleza, o ciclo de apresentações dos projetos de governo dos candidatos ao Palácio do Bispo. As explanações ocorrerão às quintas-feiras, durante o Grande Expediente, até o dia 28 de setembro.

Gonzaga defende investimentos na saúde, a valorização dos professores, a garantia dos direitos trabalhistas e a redução com gastos com a terceirização.

Vídeo de Salmito contradiz discurso de Luizianne

97 1

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=4_eFmOuG9Z8[/embedyt]

Um dos vídeos de campanha de Salmito Filho (PDT) à Câmara Municipal de Fortaleza contradiz o discurso da candidata do PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins. Segundo o vídeo, as obras de requalificação da Monsenhor Tabosa, do espigão do Naútico, do Mercado dos Peixes e do Livro Urbano foram iniciadas e concluídas após a garantia dos recursos por parte do prefeito Roberto Cláudio e do próprio Salmito, quando então secretário do Turismo (Setfor), nos anos de 2013 e 2014.

Luizianne tem reivindicado as obras, ao afirmar que deixou os projetos e os recursos garantidos. Em 2013, o Ministério do Turismo confirmou a perda dos recursos durante a segunda gestão Luizianne Lins e resgatado na gestão Roberto Cláudio.

Acrísio: “Debate de alguns candidatos sobre segurança da forma atual é puro marketing”

foto acrísio eleições 2016 0824

O vereador Acrísio Sena (PT) ocupou a tribuna da Câmara Municipal, nesta quarta-feira (24), para criticar o debate sobre segurança, realizado por parte das candidaturas majoritárias na capital.

“Estão propondo coisas que não são competência legal do Município. De acordo com a Lei Orgânica de Fortaleza, das 43 atribuições do prefeito da cidade, a única que faz referência à segurança é a que permite que se peça ajuda ao Governo (Estadual), em alguns casos, já que a Constituição deixa claro que esta é uma prerrogativa exclusiva do Estado”, explicou o parlamentar.

Para Acrísio, a forma como o assunto segurança é tratado hoje é “pura estratégia de marketing”. Ele admitiu que esta é uma questão fundamental, que mexe com a vida das pessoas, aproveitando para elogiar o governador Camilo Santana e o programa Ceará Pacífico, que vem reduzindo progressivamente as taxas de mortalidade.

“Caso os candidatos a prefeito queiram interferir de alguma forma nesta questão, precisam pensar em ações integradas e humanizadas, que sejam de fato de sua alçada, e que fogem à repressão como única alternativa. O debate de segurança que interessa à cidade e que pode ser implementado pelo Executivo Municipal é outro, que envolve segurança bancária, segurança hídrica, segurança no emprego, segurança nas escolas e nas paradas de ônibus. São iniciativas simples, como por exemplo, mais iluminação e mais alternativas de cultura e ocupação da juventude, principalmente em bairros da periferia”, ressaltou o vereador.

Ainda nesta quarta-feira, o parlamentar, candidato à reeleição, visitou o comércio da Messejana, onde informou dos projetos de sua autoria para o comércio.

Juazeiro do Norte – Ibope mostra empate técnico entre três candidatos

fotostres

A disputa em Juazeiro do Norte, na Região do Cariri, está em empate técnico entre três candidaturas, de acordo com a pesquisa Ibope/Verdes Mares, divulgada na noite desta quarta-feira (24).

Arnon Bezerra (PTB), Raimundão (PMDB) e Normando (PSDB) estão tecnicamente empatados, diante da margem de erro de 4 pontos percentuais para mais ou para menos.

Arnon aparece com 21% das intenções de voto, seguido por Raimundão (19%), Normando (17%), Gilmar Bender (PDT, 11%), Demontier (Psol, 5%), Francisco Fabiano (PSB, 4%), Helaine Mendonça (PMB, 3%) e Flávia Vital (PRB, 2%).

O Ibope ouviu 504 eleitores entre os dias 20 e 23 de agosto.

MP impugna candidaturas de Russomano, Marta, Erundina e Major Olímpio

Por falta da apresentação de documentos considerados obrigatórios pela legislação eleitoral, o Ministério Público Eleitoral de São Paulo impugnou as candidaturas de Celso Russomano (PRB), Marta Suplicy (PMDB), Luiza Erundina (PSOL) e Major Olimpio (SD) à prefeitura de São Paulo.

As impugnações são questionamentos ao pedido de registro das candidaturas e, quando as irregularidades são confirmadas, podem impedir que uma pessoa se torne candidata.

Em geral, o atraso na apresentação desses documentos pelos candidatos foi ocasionado pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, que teve dificuldades para emitir no prazo as certidões de documentos que foram solicitadas pelas candidaturas. Estes documentos precisam ser apresentados à Justiça Eleitoral

Por meio de nota, o Tribunal de Justiça informou que, no caso de certidões de primeiro grau, a expedição é feita de forma automática. No entanto, nas eleições deste ano, a Justiça Eleitoral começou a exigir certidões de segundo grau, que ainda não são feitas de forma automatizada e que, pela alta demanda, gerou sobrecarga no órgão. “Os pedidos de certidões excederam em muito a demanda esperada pelo Tribunal – foram mais de 87 mil documentos solicitados, o que gerou sobrecarga na expedição e entrega das certidões”.

(Agência Brasil)

Justiça manda devolver material apreendido da candidatura Capitão Wagner

eleições 2016 pr 0824 apreensão

A Justiça Eleitoral determinou a devolução do material apreendido na noite dessa terça-feira (23) da candidatura Capitão Wagner (PR) à Prefeitura de Fortaleza.

Uma operação coordenada pelo Tribunal Regional Eleitoral havia apreendido diversas caixas de material de campanha do candidato, incluindo grande volume de adesivos e faixas. A apreensão ocorreu porque o espaço do postulante a vice da chapa, Gaudêncio Lucena (PMDB), em parte do material não respeitava proporção mínima de 30% com relação ao nome de Wagner prevista na legislação eleitoral.