Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Secretaria do Desenvolvimento Econômico tem novo titular. Nicolle Barbosa vai para a Adece

1049 2

nicolle-barbosa

O governador Camilo Santana anunciou, nesta tarde de terça-feira, o administrador César Ribeiro, ex-presidente da ZPE, como secretário do Desenvolvimento Econômico do Estado.

Ele entra no lugar de Nicolle Barbosa, que vai ocupar a presidência da Agência de Desenvolvimento do Estado (Adece). Era titular desse órgão o atual secretário da Regional II, da Prefeitura de Fortaleza, Ferruccio Feitosa.

A mudança faz parte da reforma da equipe que o governador vem tocando desde o começo deste ano. São novos nomes para as seguintes pastas: Casa Civil, Planejamento e Gestão, Cidades, e Infraestrutura.

Na Casa Civil, assumiu Nelson Martins, que estava no comando da Secretaria de Relações Institucionais. Na Secretaria do Planejamento, assumiu Maia Júnior, ex-governador do Estado. Na Secretaria das Cidades, o comando passou para Jesualdo Farias, ex-reitor da UFC. Já na Secretaria da Infraestrutura, assumiu como titular Lúcio Gomes, que era da Secretaria das Cidades.

*Cesar Ribeiro 

f2936d8ec0947bcd4eda09185b9ab581

Formado em Administração de Empresas (SP). MBA em Gestão Empresarial (FGV) com extensão em Ohio-USA pela Ohio University. Foi presidente da Zona de Processamento de Exportação do Ceará – ZPE-Ceará e atualmente está como superintendente Regional do SESI-Ce.

*Nicolle Barbosa 

Estudou Direito e Administração de Empresas. Líder empresarial, foi diretora
e presidente do Sindicato das Indústrias Gráficas do Ceará (Sindigráfica) e diretora e presidente do Centro
Industrial do Ceará (CIC). Também presidiu a Associação Brasileira da Indústria Gráfica no Ceará (Abigraf/CE). Atualmente era secretária de Desenvolvimento Econômico do Ceará.

Dilma vai depor como testemunha de defesa de Marcelo Odebrecht

dilma_adeus

A ex-presidente Dilma Rousseff vai depor em ação penal aberta pelo juiz federal Sérgio Moro nos processos da Operação Lava Jato, em Curitiba. Ela foi notificada como testemunha de defesa do empreiteiro Marcelo Bahia Odebrecht.

O dono do Grupo Odebrecht – preso desde 19 de junho de 2015, em Curitiba – é réu no processo, acusado de pagar propina para o ex-ministro Antonio Palocci. Novo delator da Lava Jato, Odebrecht arrolou a ex-presidente como testemunha de defesa.

Dilma terá que comparecer na sala de videoconferências da Justiça Federal, em Porto Alegre, no dia 24, para ser ouvida por Sérgio Moro – será a primeira vez que ela fala ao juiz da Lava Jato.

No ano passado, quando ainda era presidente, Moro havia determinado que ela fosse ouvida por escrito.

“(Dilma) Será ouvida na qualidade de testemunha arrolada pela Defesa de Marcelo Bahia Odebrecht, acerca dos fatos narrados na denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal”, informa o mandado de notificação, da 13ª Vara Federal de Curitiba.

A oficial de Justiça Mirian Barbosa registrou em certidão, anexada nesta terça-feira, 7, no processo que conseguiu no dia de ontem notificar a ex-presidente.

Identificado nas planilhas da propina da Odebrecht como “Italiano”, segundo a Lava Jato, um registro do Setor de Operações Estruturadas da empresa registra R$ 128 milhões de valores devidos ao ex-ministro – que está preso desde setembro de 2016, em Curitiba.

A ex-presidente Dilma não é alvo de nenhum processo da Lava Jato, em Curitiba. As planilhas de pagamentos a Palocci, no entanto, indicam o “Evento14” como possível referência às despesas de campanha de reeleição da petista, em 2014.

 (Com Agências)

Presidente da Argentina é recepcionado por Eunício no Senado

 

argetin

O presidente da Argentina, Mauricio Macri, visitou o Congresso Nacional na tarde desta terça-feira (7). Em sua primeira visita oficial ao Brasil, ele foi recebido com honras de chefe de Estado, depois de subir a rampa onde estavam posicionados os Dragões da Independência. Macri foi recepcionado na porta do Salão Negro pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira, que estava acompanhado de uma comitiva de senadores.

O grupo ficou reunido brevemente e, em seguida, Macri foi conduzido ao Salão Nobre pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Depois, o presidente argentino seguiu para o Supremo Tribunal Federal (STF), onde completou a visita aos três Poderes.

Pela manhã, Macri esteve reunido com o presidente Michel Temer no Palácio do Planalto e foi recebido com um almoço no Itamaraty. Com a participação de autoridades dos dois países, os chefes de Estado trataram das relações comerciais Brasil-Argentina. Também mostraram disposição de eliminar as barreiras para o livre comércio no Mercosul, como as restrições argentinas à entrada de autopeças brasileiras e o veto à compra do açúcar produzido no Brasil.

Os presidentes ainda discutiram a ampliação das parcerias com países de outros blocos comerciais, a exemplo da União Europeia, além de medidas que facilitem as negociações para sair da crise econômica enfrentada por ambos os países.

(Com Agências)

Tasso apresenta voto de pesar pela morte de Sérvulo Esmeraldo

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=uWhGe-iNV8M[/embedyt]

O senador Tasso Jereissati (PSDB) apresentou, nesta tarde de terça-feira, no plenário do Senado, um requerimento de voto de pesar em virtude da morte do artista plástico cearense Sérvulo Esmeraldo. Tasso destacou o “espírito inquieto e inovador” do artista, ressaltando que Sérvulo “transitava com igual talento em todos os ramos das artes plásticas, como gravura, litogravura, escultura, pintura, ousando experimentar inclusive com as ciências exatas, unindo por exemplo, arte e magnetismo”.

DETALHE – Nesta terça-feira, às 20 horas, na Igreja de São Vicente de Paulo (Bairro Dionísio Torres), será celebrada a Missa da Ressurreição de Sérvulo Esmeraldo.

CNI divulgará pesquisa sobre intenção de investimentos da indústria para 2017

industrial

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) vai divulgar, às 11 horas desta quarta-feira, a pesquisa anual sobre a intenção dos investimentos da indústria. O levantamento detalha, entre outros itens, a disposição dos empresários de investir neste ano e os investimentos realizados em 2016.

A pesquisa apresentará, também, a intenção de compras e de importação de máquinas e equipamentos, as fontes de recursos dos investimentos realizados e quantas empresas pretendem investir com foco no mercado externo.

Esse levantamento foi realizado entre 21 de novembro e 9 de dezembro do ano passado com 584 empresas de grande porte, que têm 250 ou mais empregados.

Vem aí o I Seminário Estadual de Políticas sobre Drogas

 

marcelouchoa

Marcelo Uchoa.

Já estão abertas as inscrições para o I Seminário Estadual de Políticas sobre Drogas. O evento é uma promoção da Secretaria de Políticas sobre Drogas e tem o apoio de diversas secretarias, órgãos e entidades estaduais, está programado para o próximo dia 17, no auditório da Universidade do Parlamento Cearense (Unipace).

O  tema central será “Tecendo caminhos para o plano estadual” e o objetivo é promover uma ampla discussão das políticas sobre drogas em termos nacional e local, dando início às reflexões que servirão de base à eventual sistematização da política estadual.

SERVIÇO

As inscrições para o seminário são gratuitas e estão sendo recebidas através de hotsite no portal da SPD. Estão disponíveis 500 vagas. A ferramenta também permite a inscrição de trabalhos relacionados à temática das drogas a serem apresentados durante o seminário, após análise e seleção por uma comissão julgadora definida pela Secretaria.

*Unipace  – Avenida Pontes Vieira, 2391, Dionísio Torres, Fortaleza.

*Inscrições clique aqui.

CCBNB tem programação especial de Carnaval

O Centro Cultural Banco do Nordeste apresenta neste mês uma programação especial em comemoração ao período carnavalesco, com destaque para o próximo dia 18, quando serão realizados um baile infantil com a banda Dona Zefinha e mais uma edição do programa Percursos Urbanos, desta vez sobre o Projeto 100 Anos de Samba. O projeto é uma homenagem líteromusical ao centenário do gênero.

O Carnaval também será tema dos espetáculos teatrais Boteco do Seu Noel (Coletivo Os Pícaros Incorrigíveis), e Cavalo Marinho (Estrela da Paraíba), além do espetáculo de dança popular (Cia Cordapés). Os ingressos são limitados e serão distribuídos uma hora antes do início das apresentações.

Programação completa

*Baile de Carnaval – Dia 18, sábado, das 14 às 16 horas – Banda Dona Zefinha

O Centro Cultural Banco do Nordeste faz uma convite à celebração da maior festa popular do mundo: o Carnaval. A tarde será de muita alegria com repertório carnavalesco por conta da Banda Dona Zefinha. Classificação: livre. 120 minutos.

*Percursos Urbanos – Deixa o samba passar – Dia 18, sábado, às 15 horas

O Projeto 100 anos de Samba, 100 anos de Poesia é uma proposta lítero-musical dos arte-educadores e pesquisadores Deivid Gomes e Bruna Batista e do músico e cantor Paulo Branco. Uma homenagem ao centenário do samba e a todo o lirismo de composições que são pura poesia. Em uma conversa animada e regada com o som do violão e o melhor da obra de nomes como Cartola, Zé Keti e do cearense Lauro Maia, artistas que marcaram esse estilo tão brasileiro.

*Cavalo Marinho Estrela da Paraíba – Dia 17, sexta, às 18 horas

O Cavalo Marinho é um reisado nordestino, um brinquedo da vida, encenado tradicionalmente durante o chamado ciclo natalino, da véspera de Natal ao Dia de Reis, 6 de janeiro, da miscigenação do nosso povo, indígena, negra e branca da nossa cultura popular brasileira; com danças dramáticas [uma provável inspiração em tradições ibéricas longevas(como as Janeiras)], de encenação de romances, xácaras e baladas, que passaram por transformações formais e semânticas devido à sua absorção em espaço e tempos diversos.

Um auto-natalino, com três atos, as danças sapateadas, a apresentação dos personagens e a encenação da morte (símbolo da opressão) e ressurreição (fim da opressão) do boi. Direção: Mestre Nélio Torres. 60 min. Classificação: Livre.

Cineteatro São Luiz receberá maracatus nestas quartas-feiras de fevereiro

unnamed-26

O Cineteatro São Luiz vai receber, às 12h30min de todas as quartas-feiras de fevereiro, os maracatus cearenses. O primeiro deles será o Nação Fortaleza. O objetivo é expor para a população a riqueza cultural do maracatu cearense e toda a tradição de uma das mais belas casas de espetáculo de todo o País.

A atividade faz parte do projeto Curta São Luiz, que realiza apresentações de diversas linguagens e que tem como foco o público do Centro da cidade: estudantes, comerciários, trabalhadores em geral e pessoas que vão ao bairro fazer compras, resolver questões, consertar objetos, pegar ônibus, estudar ou simplesmente passear desfrutando o ventinho e os bancos da Praça do Ferreira, para bons dedos de prosa.

Programação – Todas as quartas de fevereiro, às 12h30:

01/02 – Maracatu Nação Fortaleza
08/02 – Maracatu Vozes D’África
15/02 – Maracatu Solar
22/02 – Maracatu Az de Ouro
Local: Hall do Cineteatro São Luiz (Foyer)
Entrada: Gratuita

GM fecha acordo e prorroga por mais dois anos empregos em fábrica de São Paulo

A General Motors estendeu hoje (7) por mais 70 dias a manutenção de 751 metalúrgicos da fábrica de São Caetano do Sul, no ABC paulista, que estão há mais de dois anos em regime de lay-off (suspensão temporária de contrato de trabalho). A informação foi dada pelo sindicato dos trabalhadores.

Segundo a entidade, o prazo para o término desta condição terminaria na próxima quinta-feira (9), mas agora foi prorrogado até 19 de abril. Paralelamente, a montadora pretende abrir um Programa de Demissão Voluntária (PDV).

A expectativa dos líderes dos trabalhadores é a de ganhar tempo para tentar preservar os empregos ameaçados. Por meio de nota divulgada ontem (6), o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Caetano do Sul, Francisco Nunes, manifestou a intenção de uma prorrogação por prazo um pouco maior, por mais três meses.

(Agência Brasil)

MST promove a VI Feira Cultural da Reforma Agraria no Ceará

mstt

O Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais Sem Terra do Ceará vai realizar a VI Feira Cultural da Reforma Agrária. Será no próximo sábado, no Centro de Formação, Capacitação e Pesquisa Frei Humberto, localizado na Rua Paulo Firmeza, 445, Bairro São do Tauapé.

Durante a feiras haverá programação de debates sobre temas relevantes da atualidade. Nessa edição, o tema é “Os desafios da Cultura em temos de Golpe” que terá como facilitador Marcio Caetano, ex-secretário de Cultura de Fortaleza; Jairo Pontes, advogado e professor na UFERSA – Mossoró (RN); e Parayba Medeiros, do Grupo CIA Bate Palmas.

A VI Feira Cultural da Reforma Agrária tem por objetivo dar visibilidade a produção camponesa e agroecológica, trazendo alimentos produzidos nos assentamentos e oferecendo a população urbana a possibilidade de consumir produtos livres de agrotóxicos (feijão, batata, galinha caipira, cheiro verde, queijo, banana, mamão, abobora, tomate, mel de abelha, castanha, doce de leite, rapadura, coalhada) são alguns dos produtos encontrados na feira.

Para além dos produtos da Reforma Agrária a feira cultural também trará produção intelectual brasileira e internacional com a participação do Plebeu Gabinete de Leitura.

Programação

09:00 – Inicio da Feira Cultural da Reforma Agrária
10:00 – Mesa de Debate
11:00 – Almoço com cardápio variado e típico: galinha caipira, pato, pirão, farofa, batata doce, salada;

*Centro de Formação, Capacitação e Pesquisa Frei Humberto – Rua Paulo Firmeza, 445, Bairro São do Tauapé, em Fortaleza.

*A partir das 11 horas, música ao vivo com grupo carnavalesco.
O evento é aberto ao público e está previsto encerramento para as 15 horas.

Eduardo Cunha tem certeza de que o Supremo vai lhe tirar da cadeia

foto eduardo cunha deputado federal

O ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha, anda cheio de confiança de que deixará a cadeia até sexta-feira.

O inesquecível ex-deputado vem dizendo aos seus visitantes que a fatura está liquidada no Supremo. O tribunal vai julgar amanhã o pedido de habeas corpus de Cunha.

Se ele estiver certo, as excelências de toga começarão o ano entrando para a história.

(Veja Online)

Banco Central quer reduzir custo do crédito no médio e longo prazo

O presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, disse hoje (7) que o governo quer reduzir o custo do crédito, no médio e longo prazo, de forma estrutural e sustentável. Goldfajn participou do Painel Projeto Spread Bancário, no BC em Brasília, para discutir sobre o atual custo do crédito no país.

“Estamos procurando a redução estrutural e sustentável do custo de crédito. Estrutural para serem medidas que de fato levam à queda do custo. E sustentável porque não queremos mais experimentos voluntaristas que levam à queda e depois, a gente sabe, volta”, disse.

Goldfajn afirmou que a redução do spread (diferença entre a taxa de captação de recursos pelos bancos e a cobrada dos clientes nos empréstimos) faz parte das reformas microeconômicas do governo para aumentar a eficiência e produtividade da economia. Ele acrescentou que há atualmente no BC um grupo de trabalho para debater o assunto e, assim que as medidas estiverem “minimamente maduras”, serão anunciadas.

O presidente do BC informou que o spread médio do período de 2011 a 2016 era composto por 53,5% de inadimplência, 23,8% de lucros, 5,1% de custos administrativos, 15,8% de impostos diretos e 1,8% de compulsórios e encargos fiscais.

Goldfajn enfatizou que quando a garantia do empréstimo é melhor, o spread fica menor. Ele citou como exemplo o crédito consignado, que tem spread menor, devido à garantia de que as parcelas dos empréstimos são pagas, já que são descontadas em folha de pagamento. Por isso, o presidente do BC defendeu que as medidas relacionadas ao spread têm que trazer mais segurança ao sistema.

(Agência Brasil)

Temer diz que ainda não sabe quando indicará novo ministro da Justiça

temer-sono-2

O presidente Michel Temer ainda não definiu um prazo para apresentar o nome do futuro ministro da Justiça e Segurança Pública. O  secretário executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, José Levi, assumiu o cargo interinamente depois que Alexandre de Moraes foi indicado para a vaga do ministro Teori Zavascki no Supremo Tribunal Federal (STF). Zavascki morreu em um acidente em janeiro.

Após se encontrar nesta terça-feira (7), no Palácio do Planalto, com o presidente da Argentina, Mauricio Macri, Temer foi perguntado sobre quando apresentará o nome do novo ministro da Justiça. “Será daqui a alguns dias”, disse o presidente que, em seguida completou: “muitos dias”.

O despacho presidencial que encaminha o nome de Moraes para apreciação do Senado foi publicado no Diário Oficial da União de hoje. Se Moraes for aprovado pelos senadores, estará apto para ocupar o cargo de minsitro do STF.

Também foi publicado o afastamento de Moraes do cargo de ministro da Justiça e Segurança Pública, pelo prazo de 30 dias, “para tratar de assuntos particulares”. Moraes estava à frente do ministério desde maio de 2016, quando Michel Temer assumiu interinamente a Presidência da República durante o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

(Agência Brasil)

Lula pede a Gilmar Mendes que reveja decisão que suspendeu sua posse como ministro

(FILES) This file photo taken on August 29, 2015 shows Brazilian former president (2003-2011) Luiz Inacio Lula Da Silva participating in the 12th Congress of the Brazilian Workers Union (CUT) in Belo Horizonte, Brazil, on August 28, 2015.  Brazil police search home on March 4, 2016 of ex-president Lula da Silva in corruption probe.  / AFP / DOUGLAS MAGNO

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrou nesta segunda-feira (6) com um pedido no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o ministro Gilmar Mendes reveja a decisão que suspendeu a posse de Lula como ministro-chefe da Casa Civil do governo Dilma Rousseff, em março do ano passado.

No pedido, os advogados de Lula, Roberto Teixeira e Cristiano Zanin, classificam a decisão que suspendeu a posse de Lula como um “erro histórico cometido por esta Excelsa Corte [STF]”.

Lula, “à época dos fatos, preenchia todos os requisitos previstos no Artigo 87 da Constituição Federal para o exercício do cargo de Ministro de Estado, além de estar em pleno exercício de seus direitos políticos”, diz a defesa. “Ademais, [Lula] sequer era indiciado, denunciado ou mesmo réu em ação penal”, concluíram os advogados.

No dia 18 de março, Mendes atendeu a pedidos do PPS e do PSDB, que questionavam a posse do ex-presidente, e suspendeu o ato. Em seu despacho, o ministro disse que a nomeação de Lula para o cargo de ministro teve o objetivo de tumultuar e obstruir o progresso da investigação sobre o ex-presidente na Operação Lava Jato, devido à transferência de foro da primeira instância da Justiça Federal, em Curitiba, para o STF.

A defesa de Lula pede agora que Mendes libere o pedido recém-protocolado para a apreciação dos demais ministros. A decisão de Gilmar Mendes nunca chegou a ser apreciada pelos outros integrantes do STF. Pouco após o afastamento de Dilma Rousseff do cargo de presidenta, junto com todo seu gabinete, em maio do ano passado, Mendes encerrou a tramitação do julgamento, alegando perda de objeto da ação.

Caso o STF decida rever a liminar que suspendeu a posse de Lula, na prática, isso o tornaria ex-ministro-chefe da Casa Civil, já que ele chegou a tomar posse em cerimônia no Palácio do Planalto.

(Agência Brasil/Foto – Douglas Magno, AFP))

Luiz Pontes: “Moroni gosta muito do poder para empregar seus familiares e amigos”

lp-625x416-460x307

Do presidente estadual do PSDB, Luiz Pontes, falando sobre o ex-tucano Moroni Torgan, hoje vice do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT):

“O Moroni gosta muito do poder para empregar seus familiares e amigos.”

Pelo visto, a sucessão estadual já começou bem cedinho. Com petardos até no substituto imediato do prefeito, se RC resolvesse tentar mandato de governador em 2018.

Mas RC diz que é Camilo Santana (PT) desde criancinha.

Alunos da USP lançam nota contra indicação de Alexandre de Moraes para o STF

O Centro Acadêmico XI de Agosto, representante dos estudantes da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), criou um abaixo-assinado online contra a indicação do ministro da Justiça Alexandre de Moraes ao Supremo Tribunal Federal (STF). Atualmente, Moraes é professor da faculdade, onde também estudou.

O pedido contava com 44.769 assinaturas na manhã desta terça-feira, sendo que a meta é atingir 50 mil apoiadores. Anteriormente, os alunos já haviam pedido a saída de Moraes do Ministério da Justiça devido à postura assumida por ele diante da crise no sistema penitenciário.

Na nota da petição, o grupo informa ter redigido uma carta à Moraes para expressar que o mesmo “não se encontrava a altura do cargo de Ministro da Justiça”. “O mesmo vale de maneira ainda mais veemente ao posto de Ministro do Supremo Tribunal Federal. Moraes demonstrou ao longo de sua trajetória desrespeito a princípios fundantes da Carta Magna. São constantes declarações e posturas histriônicas e fortemente partidarizadas, o que definitivamente não lhe confere a ‘reputação ilibada’ exigida pelo cargo”, diz trecho do documento.

De acordo com os estudantes, Moraes demonstrou “completa incompetência” e as declarações dele “explicitaram a incapacidade para atuar como representante da justiça no país, ainda mais em relação ao que se espera de um juiz do Supremo enquanto guardião da Constituição”.

O texto cita ainda a tese apresentada por Moraes em 2000, sustentando que quem exerce cargo de confiança no Poder Executivo, como é o caso dele, não deveria ocupar um assento no STF.

Por fim, o Centro Acadêmico XI de Agosto defende um modelo de mandatos com prazo definido para os juízes do Supremo. “Não é possível que indicações, algumas tão polêmicas como no caso em tela, fiquem tanto tempo na Corte Suprema”, frisa a nota.

Furto ao Banco Central – Capitão Wagner lamenta decisão do TRF-5 que beneficia Alemão

deputado-capitão-wagner

O deputado estadual Capitão Wagner (PR) criticou, nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa, a decisão do Tribunal Regional Federal – 5ª Região (TRF-5), com sede no Recife (PE), que extinguiu a condenação de 80 anos, 10 meses e 20 dias de prisão, em regime fechado, do líder do milionário furto do Banco Central (BC) de Fortaleza, Antônio Jussivan Alves dos Santos, o Alemão.

Para o Capitão Wagner, é lamentável esse desfecho, de um caso que repercutiu mundialmente.

“Essa é a justiça brasileira. Engraçado é que não há mobilização da população para cobrar da Justiça”, acentuou o parlamentar, que parabenizou a imprensa – em especial O POVO, por acompanhar o caso.

*Confira a matéria do O POVO aqui.

Antropólogo e médico Antonio Mourão protesta no Facebook contra falta de medicamento

Antonio Mourao

Do Facebook do professor Antonio Mourão Cavalcante, hoje transplantado, uma nota, em tom de queixa e protesto:

Tenho transplante renal. Um milagre da Medicina, feito aqui mesmo, no Ceará, no HGF, instituição mantida pelo SUS. Por conta disso, sou obrigado a tomar diariamente remédios imuno supressores. Se não, o organismo rejeita e tchau!…

Todos os meses, eu vou ao HGF receber essa medicação, que não tem para vender nas farmácias do mercado. É o SUS quem nos acode.

Quinta-feira (02.02.17) fui buscar os tais remédios. Uma moça delicada – no guichê da farmácia – explicou-me que estava faltando a referida medicação. Sorriso amarelo! Mas, com certeza, na segunda-feira (06.02.17) chegaria. Fui hoje à tarde. Ainda não chegou! Passe amanhã!…

E assim vão brincando com a vida da gente… Por que os governantes são tão patifes?
(*)patife = Pessoa sem caráter, mentirosa , pilantra , enganadora , roubalheira , canalha, preguiçoso.

*POR FAVOR, SE VOCÊ É JORNALISTA OU TEM UM AMIGO, MANDE-LHE ESSA NOTÍCIA E QUE SEJA DIVULGADA…