Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Estudo mostra que bancos aumentaram taxas de serviços acima da inflação, apesar da crise

Na contramão da onda de acessibilidade e baixo custo, os bancos tradicionais continuam mantendo os preços dos serviços bancários em alta e promovendo reajustes abusivos de pacotes e tarifas avulsas. É o que mostra a pesquisa do Idec que compara os preços dos cinco maiores bancos do país (Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú e Santander), entre abril de 2017 a março de 2019.

O levantamento analisou 70 pacotes de serviços ofertados pelos bancos e constatou que o reajuste médio praticado foi de 14%, quase o dobro da inflação no período (7,45%). O maior reajuste foi aplicado pelo Bradesco, que teve variação de até 50% em um de seus pacotes.

Quando analisadas as tarifas avulsas, entre os 20 principais serviços mais utilizados pelos consumidores, também foram encontrados aumentos acima do esperado. Com exceção do Itaú, que reajustou sete tarifas (35% do total) acima da inflação, todos os bancos tiveram mais da metade dos seus serviços reajustados acima do índice. Foram encontrados 50 serviços com reajustes entre 10% e 89%, este último 12 vezes a mais que a inflação do período.

Bancos digitais

A pesquisa analisou ainda a atuação dos bancos digitais, que atraem clientes por oferecerem menos burocracia e em muitos casos anunciando “tarifa zero”. Os resultados mostraram que, entre os maiores bancos virtuais do País, todos possuem algum tipo de tarifa por algum serviço.

Para a economista do Idec Ione Amorim, “os bancos digitais repetem a falta de transparência na comunicação dos preços de seus serviços como as instituições tradicionais. Em geral, as tarifas existentes não são informadas na página inicial do site e, por muitas vezes, são difíceis de encontrar, assim como acontece com os 5 maiores bancos tradicionais do País”.

SERVIÇO

*Confira a pesquisa aqui.

(Com Site do Idec)

Ator e diretor Carri Costa será “Cidadão de Fortaleza”

Carri Costa em cena de “Malasombro” com Solange Teixeira.

O ator e diretor Carri Costa vai ganhar título de Cidadão de Fortaleza.

A homenagem ocorrerá durante sessão solene, a partir das 19h30min desta sexta-feira, na Câmara Municipal. Carri nasceu em Pacajus (Região Metropolitana de Fortaleza) e já conta mais de 20 anos atuando na cena cultural cearense.

A iniciativa é do vereador Sargento Reginauro.

(Foto – Luiz Costa)

OAB do Ceará quer saber: “Futebol é mesmo o ópio do povo?”

Robinson de Castro e Marcelo Paz em clima de boa convivência.

A Ordem dos Advogados do Brasil, regional do Ceará, vai promover, dia 26 deste mês, a partir das 14 horas, em sua sede, o II Fórum de Estudos Políticos da OAB.

Desta vez, o tema erá “Futebol é o ópio do povo?”, que terá como convidados os presidentes do Ceará Sporting Clube, Robinson de Castro e Silva, e do Fortaleza, Marcelo Paz, com mediação de Sandro Fiúza, da Comissão de Estudos Políticos da Ordem.

SERVIÇO

*Para participar, a Ordem inscreve pelo seu site oabce.org,br, pois as vaga são limitadas.

(Foto – O POVO)

Profetas da chuva ganham data de comemoração no Ceará

O Dia Estadual dos Profetas da Chuva, a ser comemorado sempre no segundo sábado de janeiro, acaba de ser instituído.

O governador Camilo Santana (PT) sancionou a lei e ainda incluiu a data no Calendário Oficial de Eventos do Estado.

Aliás, neste ano, tanto a Funceme como a grande maioria dos profetas que compareceram a tradicional encontro sobre perspectivas de inverno em Quixadá, acertaram nas previsões.

(Foto – Revista Cagece)

Plano Diretor – Vereador quer debate plural nos trabalhos de revisão

O vereador Guilherme Sampaio (PT) está torcendo para que, na revisão do Plano Diretor, o que terá início quando da retomada dos trabalhos da Câmara Municipal de Fortaleza, a partir de agosto, haja o que faltou na votação do Novo Código da Cidade: “Um debate amplo e plural.”

Para Guilherme, entidades que influenciam em vários setores da cidade ficaram à margem do debate sobre o Código da Cidade, ao ponto de o prefeito Roberto Cláudio (PDT) ter revisto o caso das taxas de alvarás só depois de pressão. No caso, ele criou o Alvará Social, com valores acessíveis.

Guilherme destaca que o Plano Diretor é a lei básica que rege a cidade e que é preciso abrir o debate para todos os setores, dentro da meta de Fortaleza ganhar, de fato, um documento democrático.

(Foto – CMFor)

Ex-musa da banheira do Gugu agora é assessora parlamentar em Brasília

A atriz e modelo Renata Banhara foi contratada, há cerca de um mês, como assistente parlamentar no gabinete do deputado estadual Wellington Moura (PRB-SP). A informação é da Veja Online.

Conhecida nacionalmente nos anos 90 por suas participações na “Banheira do Gugu”, quadro do programa Domingo Legal, de Gugu Liberato, no SBT, Renata, amiga pessoal do deputado Celso Russomanno, foi candidata a deputada federal pelo PRB. Ela recebeu 12 659 votos e não foi eleita.

(Foto – Divulgação)

Papa Francisco diz em vídeo que juízes devem ser isentos

139 2

O papa Francisco ressaltou, em vídeo publicado nesta quinta-feira, a importância da independência dos juízes e disse que ela deve ajudá-los a serem “isentos de favoritismos e das pressões que possam contaminar as decisões que devem tomar”.

As imagens mostram a encenação de uma audiência em que as partes mostram diferentes imóveis: de um lado um prédio em um resort; do outro, uma casa simples.

“Os juízes devem seguir o exemplo de Jesus, que nunca negocia a verdade. Rezemos para que todos aqueles que administram a justiça operem com integridade e para que a injustiça que atravessa o mundo não tenha a última palavra”, completa a mensagem.

(Com Agências)

Eunício aborda empréstimos que ajudou a liberar para o Ceará; no pacote de RC, nem foi citado

212 3

Com o título “Articulação com resultados para os cearenses”, eis artigo de Eunício Oliveira, presidente regional do MDB. Ele lembra que trabalhou na liberação de muitos empréstimos obtidos pelo Governo do Ceará e prefeituras de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú. Aliás, ele nem foi citado no ato em que a Prefeitura de Fortaleza lançou pacote de obras. Confira:

A estagnação econômica é um dos principais desafios para os países em desenvolvimento, como o Brasil, avançarem na melhoria da qualidade de vida de sua população que, em grande parte, é privada de direitos essenciais como saúde, educação, segurança e moradia. A participação do Poder Público como indutor de investimentos é urgente para uma mudança nesse cenário.

Foi com esse entendimento que durante meus mandatos, em especial ao presidir o Senado Federal e o Congresso Nacional nos últimos dois anos, trabalhei com afinco para destinar recursos a serem empregados em ações concretas pelo Governo do Estado e prefeituras nos 184 municípios cearenses.

Seja por meio de transferências ou empréstimos junto a instituições financeiras nacionais e internacionais, muitos dos valores por que batalhamos estão chegando à ponta, em forma de ações e obras que devem transformar a realidade das comunidades. Destaco algumas delas que estão em plena implantação.

Na Capital, a retomada da Linha Leste do Metrô de Fortaleza muito facilitará a mobilidade da população, com R$ 1,7 bilhão em investimento; destaco também as obras da Vila do Mar, com habitação e urbanização para famílias carentes da Barra do Ceará, Cristo Redentor e Pirambu; recursos para o custeio do Instituto Dr. José Frota e da Santa Casa de Misericórdia; ampliação do Minha Casa Minha Vida e várias ações de infraestrutura em Fortaleza e Região Metropolitana.

Em Caucaia, foi lançado um programa de infraestrutura integrada com ações de mobilidade urbana, revitalização de espaços públicos, urbanização, iluminação pública, segurança por vídeo-monitoramento, requalificação do centro histórico, entre outras. A conquista do recurso de R$ 320 milhões está sendo possível a partir da capacidade do município de se preparar e também da nossa articulação em aprovar o empréstimo internacional que vai financiar as obras.

Já na cidade de Maracanaú, ressalto o Programa do Transporte e Logística Urbana, cujo financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento por nós aprovado prevê obras de melhoria nos principais corredores da cidade, integração dos modais de transporte e otimização da logística para escoamento da produção dos Distritos Industriais.

*Eunício Oliveira,

Ex-senador e presidente regional do MDB.

(Foto – Arquivo)

Custo da cesta básica caiu em 10 Capitais, aponta Dieese; Mínimo deveria ser de R$ 4.214,62

161 1

O custo da cesta básica caiu em junho em 10 das 17 Capitais analisadas pela Pesquisa Nacional da Cesta Básica, divulgada hoje (04) pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Nas demais capitais analisadas pelo Dieese, o custo da cesta subiu.

Segundo o Dieese, as quedas mais expressivas ocorreram em Brasília (6,65%), Aracaju (6,14%) e Recife (5,18%). As maiores altas foram registradas em Florianópolis (1,44%), Rio de Janeiro (1,16%), Belo Horizonte (1,05%) e Campo Grande (1,03%). De janeiro a junho deste ano, todas as capitais analisadas acumularam aumentos, com destaque para Vitória (20,20%). A menor taxa foi registrada em Campo Grande (1,29%).

A cesta mais cara do país é a de São Paulo, onde o conjunto de alimentos essenciais custava, em média, R$ 501,68, seguida pelo Rio de Janeiro (R$ 498,67) e por Porto Alegre (R$ 498,41). As cestas mais baratas foram observados em Aracaju (R$ 383,09) e Salvador (R$ 384,76).

Salário mínimo

Com base na cesta mais cara do país, que foi observada em São Paulo, o valor do salário mínimo em junho, necessário para suprir as despesas de um trabalhador e da família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência, seria de R$ 4.214, 62, ou 4,22 vezes o mínimo de R$ 998,00.

(Agência Brasil)

Obra Lumen promove nesta sexta-feira encontro Ser Feliz

204 1

A Obra Lumen realizará, nesta sexta-feira, a partir das 19 horas, no Hotel Uirapuru (Bairro Castelão), o encontro “Ser Feliz” para as famílias com a presença do cantor católico Diego Fernandes.

O objetivo é evangelizar, através das ações desenvolvidas pela comunidade, na missão de ser feliz fazendo o outro feliz e chamar atenção para a campanha que vai construir um complexo de ressocialização no Condomínio Espiritual Uirapuru. Esse projeto buscará a recuperação de pessoas que viviam em situação de vulnerabilidade.

No evento, membros da obra, mas também convidados, viverão uma noite de oração, convivência e partilha. Haverá oportunidade para a divulgação dos projetos sociais tocados pela comunidade.

SERVIÇO

*Incrições pelo link http://bit.ly/SerFelizParaAsFamilias5JULHO19

*Vagas limitadas.

(Foto – Divulgação)

Indicador de investimentos cresce 1,3% em maio, diz Ipea

A Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) teve alta de 1,3% em maio, em relação a abril, na série com ajuste sazonal. Os dados foram divulgados hoje (4), pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), e mostram o quanto as empresas investiram e aumentaram seus bens de capital.

O indicador do Ipea é um dos componentes do Produto Interno Bruto (PIB, soma de todos os bens e serviços produzidos no país) pelo lado da demanda e, de acordo com o instituto, seu crescimento sinaliza um aumento da capacidade produtiva das empresas, refletindo a melhora da confiança dos empresários nos negócios.

Os investimentos aceleraram também no acumulado em 12 meses, passando de 2,7% em abril para 4,2% em maio. Em 2019, o indicador cresceu 3%. Quando comparado com o mês de maio do ano passado, o indicador registrou crescimento de 13,9%, influenciado, parcialmente, pelos efeitos da greve dos caminhoneiros em 2018, que geraram uma base de comparação menor.

Setores

O indicador computa investimentos em máquinas e equipamentos, construção civil e outros ativos fixos (como pesquisa e desenvolvimento, propriedade intelectual, lavouras permanentes e gado de reprodução). Apenas a construção civil apresentou desempenho negativo em maio, com queda de 0,8% em relação a abril.

O consumo aparente de máquinas e equipamentos (Came) cresceu 3,9% em maio deste ano. Entre os componentes do Came, o destaque vai para a importação de bens de capital, que avançou 16,1% (compensando a queda de 11,6% em abril). A produção nacional avançou 2%. O componente de outros ativos fixos teve alta de 0,6% no período, contribuindo para o resultado positivo dos investimentos, segundo o Ipea.

Na comparação com maio de 2018, os três itens da FBCF tiveram bom desempenho, influenciados, em parte, pelos efeitos negativos da greve dos caminhoneiros, ocorrida em maio do ano passado. O principal destaque foi o Came, que avançou 23,7% em relação a maio de 2018. O componente da construção, por sua vez, registrou alta interanual de 8,7% e os outros ativos fixos cresceram 6,4% em relação ao mês de maio de 2018.

(Agência Brasil)

Programa Corredores Digitais 2019 – Editais serão lançados nesta sexta-feira

147 1

O secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Ceará, Inácio Arruda, lançará, às 9 horas desta sexta-feira, no Polo de Inovação Embrapii Fortaleza, o edital Corredores Digitais 2019. Trata-se de um programa de empreendedorismo e inovação do governo do Estado, que tem o objetivo de gerar novas empresas de base tecnológica, transformando ideias em empreendimentos inovadores.

Nesta edição, a chamada fixou a meta de selecionar até 220 times de empreendedores, impactando diretamente mais de 800 pessoas, com duração de seis meses cada, em duas modalidades: a primeira é a Criação de Negócio para equipes com ideias, pesquisas, invenções ou negócios em estágio pré-operacional para validação da solução e do modelo de negócio e, a segunda modalidade é a Tração de Negócio, para equipes com soluções em estágio operacional, que visam aumentar sua base de clientes e acessar investimentos.

Novos negócios

Os selecionados, de acordo com a assessoria de imprensa da Secitece, serão incentivados a desenvolver novos negócios incorporando tecnologias aos setores econômicos estratégicos do Ceará, mediante a oferta de ciclo de aprendizado prático em empreendedorismo e inovação, metodologia própria, infraestrutura, ambiente de prototipagem rápida, mentorias especializadas, network e incentivo econômico.

A partir da próxima segunda-feira, terá início a etapa de Difusão Empreendedora, que deve alcançar 10 mil pessoas em todo o Ceará com disseminação da cultura e conhecimento empreendedor através de ações como palestras, hackathons e workshops incentivando o público à submissão de projetos ao Programa. Interessados em receber essa ação deverá encaminhar solicitação através do link disponibilizado no site da Secitece.

SERVIÇO

*Polo de Inovação Embrapii Fortaleza – Rua Nogueira Acioli, 621, Bairro Aldeota.

(Foto – Agência Senado)

Reforma da Previdência – Bolsonaro pede que reivindicações dos policiais sejam acatadas

Em café da manhã, hoje (4), com integrantes da Frente Parlamentar da Agropecuária, ministros e líderes do governo no Congresso Nacional, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre a reforma da Previdência e disse que os policiais nunca tiveram privilégios no Brasil. Ele também fez um apelo para que sejam atendidas pelo menos em parte as reivindicações dos policiais no texto da reforma.

“Apelo aos senhores nessa questão específica, vamos atender que, seja em parte, porque os policiais militares são aqueles que dão suas vidas por nós, todos brasileiros. O mesmo no tocante a Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal. Tem algum equívoco que nós, eu, governo, erramos, e dá pra resolver essa questão através do bom senso de todos os senhores”, disse aos presentes.

Segundo Bolsonaro, há um discurso equivocado de que os policiais têm privilégios. “São pessoas aliadas nossas e também nunca tiveram privilégio no Brasil”, disse.

Em seguida, em discurso na cerimônia de posse do general Luiz Eduardo Ramos Baptista Oliveira na Secretaria de Governo da Presidência da República, Bolsonaro reiterou o apelo. “Alguns poucos falam em privilégios. A certeza que tenho que em sendo policial militar, é uma classe que nunca teve privilégio em momento nenhum”. O presidente disse que é preciso acertar a questão das polícias.

Meio ambiente e agronegócio

Durante o café da manhã no Palácio do Planalto, Bolsonaro disse que o governo trabalha para conjugar a preservação ambiental com o desenvolvimento econômico.

“Tivemos aqui também a oportunidade e o bom senso de escolher ministro [da Agricultura] que casa a questão do meio ambiente com desenvolvimento. Todos nós ganhamos com isso”, disse.

Bolsonaro falou sobre as discussões em relação ao meio ambiente na reunião do G20 e reiterou que líderes de outros países não têm autoridade para opinar sobre questões ambientais no Brasil.

Bolsonaro também reiterou que convidou o presidente da França, Emmanuel Macron, e a chanceler alemã, Angela Merkel, para sobrevoar a Amazônia e encontrar sinais de desmatamento. “Eu já sobrevoei a Europa por duas vezes e não encontrei um quilômetro quadrado de floresta naquela região. Então, eles não tem autoridade para discutir essa questão conosco. Mudou a maneira do Brasil se portar perante o mundo”.

Estatuto do Desarmamento

Bolsonaro defendeu as modificações proposta pelo governo no Estatuto do Desarmamento e enviadas ao Congresso.“Todo governo que desarma o seu povo está mal-intencionado”, disse. E pediu aos deputados e senadores da frente parlamentar da agropecuária que “vejam essa questão e tomem a decisão mais acertada”.

(Agência Brasil)

Ex-governador alerta: Lei federal batiza o aeroporto de Fortaleza com nome de Pinto Martins

454 3

O ex-governador Lúcio Alcântara lembra ao Blog: o nome “Pinto Martins” dado ao aeroporto de Fortaleza foi instituído pela lei federal nº 1.602, de 13 de maio de 1952, sancionada pelo então presidente Café Filho.

Ele lamenta que a Fraport, atual gestora do terminal, tenha retirado o nome e apenas colocado a frase em inglês “Airport Fortaleza”, quando outros aeroportos conservam sua identidade.

Para Lúcio, a “concessão por empresa privada não revoga lei”, ou seja, a empresa alemã não poderia retirar o nome do aeroporto sem levar em conta que há lei federal nesse sentido.

DETALHE – No primeiro piso do terminal, está exposto para visitação o busto de Pinto Martins.

*Quer saber quem foi Pinto Martins? Clique aqui.

(Foto – Arquivo)

 

STJ nega pedido de Flávio Bolsonaro para suspender inquérito

O advogado Frederick Wassef, que é o defensor de Flávio Bolsonaro perante as investigações do Ministério Público do Rio de Janeiro amargou sua primeira derrota. É o que informa a Coluna Radar, da Veja Online.

Wassef recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) para suspender imediatamente a investigação sobre corrupção na Assembleia do Rio. O pedido de liminar foi negado pelo ministro Felix Fischer, o mesmo que cuida de recursos do ex-presidente Lula e outros réus da Lava-Jato.

No seu despacho, Fischer destacou trechos de decisão de desembargador do Tribunal de Justiça do Rio segundo a qual se entendeu por “lícita a investigação, destacando que as movimentações bancárias constituíram indícios de suposta lavagem de dinheiro”.

O ministro do STJ destacou, no entanto, que “em homenagem ao princípio da ampla defesa”, o caso será analisado no mérito para “verificar eventual constrangimento ilegal passível de ser sanado de ofício”.

(Foto – Reprodução de Facebook)

Nosso momento político é de beco sem saída?

178 3

Com o título “Nosso momento político”, eis artigo de Uribam Xavier, que pode ser conferido no O POVO desta quinta-feira. “O Brasil, pela incapacidade pessoal de Bolsonaro governar e pelo seu desejo de implantar um conservadorismo teocrático no País, estamos vivendo uma conjuntura de beco sem saída”, diz o texto. Confira:

Há momentos que os conflitos em um país tornam-se obscuros e difíceis de serem entendidos, não sabemos bem quem nos bastidores movimenta o jogo e quais interesses passam a orientar as ações políticas, sabemos que o mercado manipula os poderes (Legislativo, Executivo e Judiciário), os meios de comunicações e as massas, muitas vezes, formulado opinião contra os interesses públicos. Quando esses conflitos se polarizam, como agora, em torno da disputa de um projeto para o País, a maior parte das pessoas se apega a algum valor ou sentido passando a se mobilizar ou a ser mobilizada semelhante à de torcidas de times rivais, falta razão, aumenta a cegueira e falta senso crítico. Os que alimentam a polarização sejam se identificando com fascistas, direitistas, independentes ou esquerdistas, tentam fazer parecer que seus interesses são universais e quem fica do lado contrário é eleito inimigo.

No Brasil, pela incapacidade pessoal de Bolsonaro governar e pelo seu desejo de implantar um conservadorismo teocrático no País, estamos vivendo uma conjuntura de beco sem saída. Assim, é bom lembrar que defender a democracia não é aceitar golpe, como o praticado contra o governo Dilma, mas é também não aceitar o desmoronamento do País pelo atual governo. Sair da polaridade autoritária entre extrema-direita e centrão, atualiza a velha questão: o que fazer?

Atingimos um clima de incertezas, que somado a crise econômica, desorienta uns, penaliza os empobrecidos e nega-se direitos. Submisso aos humores do mercado o governo Bolsonaro privatiza o Estado, desvia os recursos públicos para o pagamento da dívida, sacrificando os gastos públicos em políticas sociais, corta verbas para educação e pretende premiar o sistema financeiro com um sistema de capitalização embutido na sua proposta de reforma da Previdência. Defender a democracia não é defender partidos corruptos, nem golpe e nem o governo, mas ser sujeito de uma cultura política onde não sejamos servos e nem submissos a ninguém.

*Uribam Xavier,

Professor do Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Ceará.

(Foto – Agência Brasil)

Empresa gaúcha de calçados instalará segunda unidade em Solonópole

Prefeito Webston Pinheiro comemora o acordo com a empresa e a Adece.

O setor calçadista cearense deve gerar 500 novos postos de trabalho, até o fim do próximo ano, com a abertura da segunda unidade da indústria gaúcha Neorubber em Solonópole (272 km de Fortaleza).

Em parceria com a prefeitura local, a Adece vai construir e ceder, em regime de comodato, um galpão de 2 mil m². E a prefeitura, outro de 800 m².

A implantação das estruturas, que deve levar um ano, vai gerar 100 empregos diretos e outros 400 quando a indústria estiver em operação.

A empresa já investe no Ceará com a subsidiária Sugar Shoes, “que gera 250 empregos diretos em Senador Pompeu”, diz o presidente da Adece, Eduardo Neves. A Neorubber produz 16 mil pares de sapatos por dia.

(Foto – Divulgação)

Produção de veículos registra alta de 2,8% no primeiro semestre

A produção de veículos teve um aumento de 2,8% no primeiro semestre do ano em relação ao mesmo período de 2018.

Segundo balanço divulgado hoje (4), em São Paulo, pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), de janeiro a junho foram fabricadas 1,47 milhão de unidades, enquanto nos primeiros seis meses de 2018 a produção ficou em 1,43 milhão de veículos.

Em junho, no entanto, foi registrada uma retração de -9% em junho em comparação com o mesmo mês do ano passado. Foram produzidos 233,1 mil veículos, contra 256,3 mil em junho de 2018. Em relação a maio deste ano, a queda ficou em -15,5%.

Vendas

As vendas tiveram alta de 12,1% no semestre, com a comercialização de 1,31 milhão de unidades. Em junho, foram vendidos 223,2 mil veículos, um crescimento de 10,5% em relação ao resultado do mesmo mês de 2018. Na comparação com maio, quando foram vendidas 245,4 mil unidades, a comercialização registra uma queda e -9,1%.

A produção de caminhões cresceu 11,8% no primeiro semestre do ano em relação ao período de janeiro a junho de 2018, com a fabricação de 55,4 mil unidades. Em junho, a produção ficou em 10 mil caminhões, uma alta de 16,2% em relação ao mesmo mês do ano passado. As vendas tiveram um aumento de 46,1% nos primeiros seis meses do ano, com o licenciamento de 46,8 mil caminhões.

Exportações

As exportações anotaram queda de -41,5% de janeiro a junho em comparação com o primeiro semestre de 2018. Foram vendidos para o exterior 221,9 mil veículos no período, contra 379 mil no ano passado. Em junho, a retração nas exportações ficou em -37,9%, com a comercialização de 40,3 mil unidades.

Emprego

A indústria fechou 800 postos de trabalho entre maio e junho, empregando atualmente 129,2 mil pessoas.

Em junho de 2018, trabalhavam no setor 132,8 mil pessoas.

(Agência Brasil)

Prefeitura de Caucaia paga primeira parcela do 13º dos servidores

A Prefeitura de Caucaia começou a pagar, nesta quinta-feira, a primeira parcela do 13º salário dos seus servidores Os depósitos serão concluídos nesta sexta-feira, informa a Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento e Orçamento.

O desembolso representa injeção de mais de R$ 8,1 milhões na economia do município, especialmente no comércio e no turismo, que se beneficiam do período de férias escolares e da alta estação.

“Nossa gestão mais uma vez honra o compromisso de pagar o salário dos servidores em dias, enquanto diversos outros municípios do Brasil estão com meses de atraso e têm sérias dificuldades financeiras. Continuaremos valorizando quem faz a Prefeitura e lutando por cada vez mais melhorias pra população”, afirma o prefeito Naumi Amorim.

(Foto – Divulgação)