Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Centro de Línguas do Imparh inscreve até 3 de janeiro

As inscrições para seleção pública de novos alunos para o semestre 2017.1 do Centro de Línguas do Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Imparh) estão abertas até o próximo dia 3. No total, são ofertadas 720 novas vagas divididas entre sete idiomas: Português, Inglês, Espanhol, Italiano, Francês, Japonês e Alemão. As inscrições devem ser feitas, exclusivamente, pela internet, no Canal de Concursos e Seleções da Prefeitura.

Os interessados em participar da seleção devem ter concluído ou estar cursando, no mínimo, o 9º ano do Ensino Fundamental e ter idade mínima de 14 anos. O certame reserva 50% das vagas para estudantes regularmente matriculados em escolas públicas. Para se inscrever na seleção de novos alunos, os candidatos devem preencher formulário eletrônico e pagar a taxa de inscrição de R$ 70. O boleto de pagamento, ainda que gerado no último dia de inscrição, deverá ser pago obrigatoriamente até a data do vencimento, observado o horário da cidade de Fortaleza. Na inscrição, o candidato terá de indicar seus próprios RG e CPF.

O processo seletivo terá apenas uma etapa, uma prova objetiva de 40 questões, com caráter eliminatório e classificatório. Para os candidatos que concorrem às vagas de Português, a prova abordará conhecimentos gerais. Já para os candidatos às vagas dos cursos de línguas estrangeiras (Inglês, Italiano, Francês, Espanhol, Japonês e Alemão), o exame versará sobre língua portuguesa e conhecimentos gerais.

A data da prova objetiva está prevista para 22 de janeiro de 2017. Os alunos aprovados na seleção realizarão a matrícula na turma inscrita de acordo com calendário divulgado posteriormente. A taxa de matrícula é semestral e será no valor de R$80, para estudantes dos idiomas Inglês, Francês, Italiano, Espanhol, Alemão e Japonês, e de R$ 110 para o idioma de Português porque também custeia o material didático do semestre letivo. Os cursos de línguas estrangeiras têm a duração de três anos e meio. Já o curso de Português dura dois anos e meio.

SERVIÇO

Canal de Concursos e Seleções da Prefeitura aqui.
*Mais informações – 3433.2987.

Camilo participará do ato de posse de Roberto Cláudio

camilo e roberto

Em 2017, a parceria entre os dois promete se fortalecer.

O governador Camilo Santana (PT) vai passar o Réveillon com a família em Icapuí (Litoral Leste). Foi o que ele informou para o Blog nesta quinta-feira.

Mas, no fim da tardinha do dia 1º, ele disse que vem conferir a cerimônia de posse do seu amigo, o prefeito Roberto Cláudio (PDT), na Câmara Municipal.

Camilo apoiou a reeleição de Roberto Cláudio contra setores do PT que endossaram a candidatura da deputada federal Luizianne Lins que, no entanto, não chegou a passar para o segundo turo do pleito. RC derrotou, nessa etapa, o Capitão Wagner (PR).

Lei garante vagas para pessoas com deficiência na educação técnica e superior

O presidente Michel Temer sancionou a Lei 13.409, que inclui pessoas com deficiência entre os beneficiários de reserva de vagas nas universidades federais e nas escolas federais de ensino médio técnico. A cota para estudantes vindos de escolas públicas já previa a destinação de vagas para pessoas de baixa renda, negros, pardos e indígenas.

O texto sancionado está publicado na edição de hoje (19) do Diário Oficial da União e altera a Lei 12.711, de 2012, que é a Lei de Cotas de Ingresso nas Universidades.

A Lei de Cotas estabelece como primeiro critério que no mínimo 50% das vagas para ingresso em curso de graduação, por curso e turno, sejam reservadas para estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas. No caso do ensino técnico de nível médio, a reserva é para alunos que cursaram integralmente o ensino fundamental na rede pública.

Como segundo critério, as cotas se destinam a pessoas de baixa renda, negros, pardos e indígenas. Pelo texto sancionado por Temer, os estudantes com deficiência agora entram nessa subcota. A distribuição é feita de acordo com as vagas ofertadas e a proporção desses grupos na população da unidade da Federação onde fica a instituição.

Anteriormente, a regulamentação já permitia que as universidades federais instituíssem reservas de vagas para pessoas com deficiência, mas isso era opcional.

Conforme estabelecido na Lei de Cotas, no prazo de dez anos, será feita a revisão do programa especial para o acesso às instituições de educação superior de estudantes pretos, pardos e indígenas e de pessoas com deficiência, bem como daqueles que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas.

(Agência Brasil)

Bibliotecas cearenses reforçam a inclusão de cegos em sua clientela

informatica1m

Com o objetivo de reforçar a inclusão de deficientes visuais entre sua clientela, a Secretaria da Cultura do Ceará está entregando kits de implementação e modernização de setor braille em bibliotecas de diversos municípios cearenses.

A ação de acessibilidade cultural foi possibilitada com recursos federais, resultado de convênio entre a União e o Governo do Estado. Isso através do projeto “Modernização e Implementação do Setor Braille nas Bibliotecas Municipais do Ceará”. Ao todo, são R$ 2 milhões em recursos do Ministério da Cultura e R$ 500 mil da Secult.

Entre os municípios que já receberam parte dos equipamentos estão Pindoretama, Acaraú, Ibiapina, Deputado Irapuan Pinheiro, Brejo Santo e Quixelô, além de Fortaleza, onde a Biblioteca Dolor Barreira também foi contemplada.

Ao todo, serão 52 cidades beneficiadas, com um total de 53 bibliotecas recebendo os kits, compostos por cadeiras, mesas redondas, computadores, estabilizadores, armários, mesas para computadores, gelágua e lixeiras.

DETALHE – O projeto contempla informatização de acervo, compra de equipamentos e ainda capacitações para os servidores das bibliotecas.

Temer diz que reforma tributária será foco em 2017

temer-miuchel

O presidente Michel Temer disse hoje (29) que o foco do governo em 2017 será a reforma tributária, para tornar a legislação mais simplificada. “Uma questão que me angustia sempre é a tributária. Penso eu então: porque não levá-la adiante? Agora, o Executivo quer se empenhar na reforma tributária, de forma a simplificá-la. É mais uma reforma que queremos patrocinar e levar adiante”, disse ao apresentar um balanço das ações do governo a jornalistas.

Temer disse que seu governo é “reformista” e que não vai parar de implementar mudanças estruturais. “Reformas que o governo havia planejado para o longo do tempo foram feitas em bravíssimo tempo, e não vamos parar. Este é um governo reformista.”

O presidente disse esperar que a proposta de reforma trabalhista enviada pelo governo ao Congresso na semana passada não tenha dificuldades de aprovação, por causa do “diálogo que instalou-se entre trabalhadores e empregados” nos últimos meses.

Sobre a reforma política, Temer disse que, nesse caso, o protagonismo será do Congresso Nacional, com “incentivo e participação” do Executivo na elaboração da proposta.

Ações

Durante o balanço de ações do governo, Temer destacou a liberação de saque das contas inativadas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a redução dos juros aplicados ao crédito rotativo dos cartões de crédito, a aprovação de um teto para os gastos públicos, a desvinculação das receitas da União (DRU) e a reforma do ensino médio.

Temer também citou a ampliação do número de vagas do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e dos recursos destinados aos programas Bolsa Família e Minha Casa, Minha Vida. “No plano social, estamos revelando nossa responsabilidade social ao completar a construção de 170 mil casas pelo Minha Casa, Minha Vida, e quando determinamos que filhos com microcefalia tenham prioridade quando estabelecemos orçamentariamente a construção de mais 500 mil casas.”

Crise

O presidente reiterou a preocupação do governo com a retomada do emprego no país e espera que o país volte a gerar postos de trabalho em 2017. “O desemprego é uma coisa que perturba as pessoas em nosso país e cria instabilidade, mas vencendo crise, saindo da recessão e obtendo crescimento teremos naturalmente empregabilidade. A partir do segundo semestre do ano que vem é muito provável que o desemprego venha a cair. 2017 será definitivamente um ano novo, e não a continuação de 2016”, acrescentou.

Reforma ministerial

Perguntado sobre a possibilidade de haver uma reforma ministerial em 2017, Temer desconversou. “Vamos esperar o ano que vem”, disse o presidente na saída da entrevista.

(Agência Brasil)

Prefeito diz que não vai romper contrato com ISGH

roberto-claudio-prefeito

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), descarta quebra de contrato com o Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH). “Não há nenhuma previsão dessa saída”, diz ele.

Essa parceria da Prefeitura com o Instituto foi um dos maiores questionamentos na recente campanha eleitoral, quando o então candidato a prefeito, Capitão Wagner (PR), questionou pagamento, por exemplo, de R$ 43 milhões por uma “pesquisa de satisfação”. O montante anual do contrato com o ISGH , para gerenciar todo o aparato da saúde, incluindo pessoal terceirizado, segundo informações não oficiais, superaria R$ 200 milhões/ano.

A informação de que tal contrato poderia ser extinto surgiu, a partir do momento em que o prefeito resolveu convocar Joana Angelica para secretária municipal da Saúde e escalar o médico Rommel Araújo, antes o indicado para a pasta, como coordenador da Rede de Hospitais de Fortaleza (IJF, Frotinhas, Gonzaguinhas e Nossa Senhora da Conceição).

Magistrados do Rio fazem campanha para ajudar servidores com salários atrasados

Magistrados do Rio de Janeiro criaram uma campanha de doações para os servidores públicos da Justiça estadual que ainda não receberam o pagamento de novembro e o 13º salário. Desde 23 de dezembro, foram arrecadados mais de R$ 60 mil. O dinheiro foi convertido em 1.136 cestas básicas, distribuídas para o SindJustiça (sindicato dos funcionários) e a Polícia Militar.

Responsável pela iniciativa, a desembargadora Regina Lúcia Passos (24ª Câmara Cível) afirma que a “situação é crítica” e convida a classe a continuar ajudando. “Nos tornamos catalisadores. Pedimos a todos que contribuam com qualquer valor. Muitas pessoas ainda precisam das cestas”.

As contribuições devem ser feitas para a conta bancária da Associação Beneficente dos Amigos do TJ — Bradesco (237), agência 6246-4, conta poupança 3000-7, CNPJ 02.789.534/0001-74. Para a identificação do donativo, o valor depositado deve terminar com 13 centavos, como, por exemplo R$ 100,13.

(Consultor Jurídico)

VAMOS NÓS – Enquanto isso, prevalece no âmbito do Judiciário o tal auxílio-moradia, que deveria ser pago – e olhe lá, só para magistrado que não morasse em seu lugar de origem. Por aqui, isso custa cerca de R$ 4.400 para cada um dos senhores de toga.

Em Juazeiro do Norte, Arnon anuncia o secretariado

20161229_112510

Arnon anuncia equipe, ao lado do seu vice, Geovani Sampaio.

O prefeito eleito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra ( PTB), anunciou, nesta quinta-feira (29), os nomes do seu secretariado. Entre os destaques, o atual prefeito, Luiz Ivan, que assumirá a pasta do Meio Ambiente e Infraestrutura, e o ativista cultural Alemberg Quindins. Confira:

Educação- Maria Loreto de Lima
Meio Ambiente e Infraestrutura- Luiz Ivan.
Esportes- Luciano Basílio
Desenvolvimento Econômico Michel Araújo
Turismo e Romaria – Júnior Feitosa
Controladoria e Ouvidoria – Elisa Fernandes Lavor.
Ação Social – Isabela Bezerra.
Procuradoria – Bernardo Oliveira
Chefe de Gabinete – Nildo Rodrigues.
Amaju – Sidney Kalrrais.
Segurança Pública – Delegado Tenório de Brito.
Saúde – Nizete Tavares.
Agricultura – Romão França.
Planejamento e Gestão – Evaldo Soares.
Cultura – Alemberg Quindins.

(Com Blog FlavioPintoNews)

Secult/CE lança Edital do Carnaval 2017 com R$ 1,2 milhão para apoiar eventos e agremiações

Fabiano_dos_Santos_Piúba_-_Encontro_Nacional_de_Livro_e_Leitura_(1)

Fabiano dos Santos é o titular da Secult/Ceará.

Já está na praça o Edital Carnaval do Ceará 2017, da Secretaria da Cultura do Estado. Cidadãos e grupos, pessoas físicas e jurídicas sem fins lucrativos, de todo o Estado, podem participar do edital, que disponibilizará um total de R$ 1.201.000,00 e apoiará projetos nas categorias Programação Carnavalesca e Agremiação Carnavalesca (Maracatu, Escola de Samba, Bloco, Cordão e Afoxé). O valor do edital foi reajustado pela Secult em 5% em relação à edição anterior, atendendo à meta estabelecida pelo Plano Estadual da Cultura.

Com o carnaval acontecendo no último final de semana de fevereiro de 2017, o objetivo é garantir a continuidade da iniciativa e o correto cumprimento dos prazos para pagamento e execução das ações em tempo hábil para a folia.

Através do Edital Carnaval do Ceará, a Secult apoiará 20 projetos de Programação Carnavalesca (com R$ 23.500,00 para cada um) e 36 projetos de Agremiações Carnavalescas, com diferentes valores, entre R$ 9 mil e R$ 27,5 mil, para cada tipo de agremiação. Serão apoiados ao todo 12 maracatus, 10 escolas de samba, oito blocos, quatro cordões e dois afoxés. Ao todo, 56 projetos serão apoiados pela Secult, por meio do edital. De acordo com a legislação estadual, 50% dos recursos totais do edital serão destinados a projetos do Interior do Estado.

SERVIÇO

*O edital ficará disponível para conhecimento aos interessados até o dia 27 de janeiro de 2017 .

*As  inscrições serão abertas em 28 de janeiro  de 2017, conforme especificações detalhadas no texto do edital, já disponível no site da Secult, www.secult.ce.gov.br.

O Rubicão do Aécio Neves

Com o título “Aécio já atravessou o Rubicão”, eis artigo do jornalista Plínio Bortolotti. Ele aborda essa relação do PSDB de Aécio com o governo de Temer e as chuvas e trovoadas políticas que estão por vir em 2017. Confira:

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo (27/12/2016), o senador Aécio Neves, presidente do PSDB, derramou-se em elogios ao presidente. Disse que o distanciamento do PSDB do governo, agora, custaria “imensamente caro ao país” e que seu partido deve estar “ao lado de Michel Temer”, em qualquer circunstância.

E traçou um perfil idílico de seu partido. “O PSDB tem uma característica: por mais que existam disputas, nós nos gostamos, acredite nisso. No fundo, somos diferentes, de formações diferentes, mas gostamos de sentar e conversar sobre o mundo, de conversar sobre nada, sabe? São todos homens públicos, gente do bem.” (#sóquenão)

Mas parece que Aécio faltou às aulas de História, levando-se em conta esta sua afirmativa: “Eu conduzirei o partido com as forças que eu puder ter para viabilizar essa agenda de reformas para que nós possamos atravessar o Rubicão e chegar a 2018 com o país melhor”.

Na verdade, o senador já atravessou o Rubicão, mas parece ainda não saber. “Atravessar o Rubicão” tornou-se sinônimo de tomar uma decisão da qual é impossível voltar atrás, um ponto de não-retorno. Portanto ao atravessar o rio, encontrar-se-á, na outra margem, a batalha, a guerra – e não a tranquilidade como pensa o senador.

Aécio começou a atravessar o Rubicão quando entrou com processo no TSE para cassar a chapa que o derrotou nas eleições; depois, trabalhando pelo impeachment de Dilma. E terminou de transpor o rio quando atrelou seu destino ao de Temer, nó que não pode mais desfazer.

A origem do termo remonta ao ano de 49 a.C. O rio Rubicão estava no limite da República Romana e uma lei do Senado obrigava que todos os generais desmobilizassem suas tropas antes de entrar em Roma, para proteger o governo civil. O general Júlio César resolve atravessar o rio com seu exército, desata uma guerra e assume o poder, tornando-se ditador vitalício.

Portanto, atravessar o Rubicão é início de uma batalha e não descanso dos tucanos do outro lado do rio, como sonha Aécio.

PS. A melhor metáfora hidrológica continua com Romero Jucá. Ele queria um “boi de piranha” para que ele e sua manada atravessassem tranquilamente o tormentoso rio da Lava Jato.

*Plínio Bortolotti

plinio@opovo.com.br
Jornalista do O POVO

Camilo diz que governo não bota mais dinheiro no Acquario

adqueo
O governador Camilo Santana (PT) afirmou, nesta manhã de quinta-feira, 27, que o Estado não vai mais investir dinheiro público nas obras do Acquario do Ceará. A declaração foi dada por ele, durante visita de fim de ano que fez ao Grupo de Comunicação O POVO.
Segundo o governador, a obra custa muito caro aos cofres públicos e tem se tornado insustentável a manuteção do empreendimento para o governo. Porém, Camilo Santana disse que a construção deve continuar, mas com dinheiro da inciativa privada. O Acquario Ceará deve ser concedido ao setor privado.
“Eu não pretendo mais investir nenhum dinheiro público com a construção do Acquario, estou procurando uma parceria com a iniciativa privada. Não dá mais pra gastar dinheiro público nessa obra” concluiu.
(O POVO Online – Rodrigo Aparecido)

Trânsito de Fortaleza tem sua “esquina do pecado”

192 1

carrocc

Virou moda na esquina da Avenida Desembargador Moreira com Antonio Sales: os carrões ali chegam e estacionam sobre calçadas, sem a menor cerimônia.

Difícil mesmo é encontrar algum fiscal da AMC que, por sinal, merece uma boa revitalização na futura gestão do prefeito Roberto Cláudio (PDT).

Se duvidar, é hoje o órgão municipal mais carimbado pelo contribuinte.

(Foto – Leitor do Blog)

Brasil fecha 2016 com mais de 12 milhões de desempregados

O desemprego atinge 12,1 milhões de pessoas, o que equivale a 11,9% de pessoas desocupadas no trimestre móvel encerrado em novembro. A taxa de desocupação e o contingente de pessoas são os mais altos da série histórica da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio Contínua (Pnad Contínua), iniciada em 2012 .

Os dados foram divulgados hoje (29), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e são semelhantes aos do trimestre móvel imediatamente anterior (junho a agosto), quando a taxa de desocupação fechou em 11,8%. Em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, foi registrada uma alta de 2,9 pontos percentuais.

Os número de desempregados teve um crescimento de 33,1% em relação ao mesmo trimestre do ano passado – o equivalente a 3 milhões de pessoas a mais em busca de trabalho. O contingente de pessoas ocupadas hoje é de 90,2 milhões.

Carteira de trabalho assinada

O número de empregados no setor privado com carteira de trabalho assinada ficou estável em relação ao trimestre anterior, fechando em 34,1 milhões de pessoas. Em relação ao mesmo trimestre de 2015, houve queda de 3,7%.

Já o número de empregados no setor privado sem carteira de trabalho assinada cresceu 2,4%,, e chegou a 10,5 milhões de pessoas . Quando comparado ao mesmo trimestre móvel do ano passado, houve um aumento de 3,5%.

Empregadores e trabalhadores por conta própria

A Pnad Contínua no trimestre móvel encerrado em novembro indica ainda que os trabalhadores por conta própria são 21,9 milhões, uma queda de 1,3% frente ao trimestre anterior. Em relação ao mesmo período de 2015, a queda foi de 3%.

Por outro lado, o contingente de empregadores, estimado em 4,2 milhões de pessoas, teve crescimento de 5,5% no trimestre. Em relação ao mesmo período do ano anterior, esse contingente manteve-se estável.

Tiveram retração no trimestre os setores de agrucultura, pecuária, produção florestal, pesca e agricultura (-3,9%) e de construção (-2,2%).

O crescimento aconteceu nos grupamentos de alojamento e alimentação (4,6%) e de outros serviços (alta de 5,7%) . Segundo o IBGE, os demais grupamentos permaneceram estáveis.

Rendimento médio

O rendimento médio real habitualmente recebido pelas pessoas ocupadas fechou o trimestre móvel encerrado em novembro em R$ 2.032, ficando estatisticamente estável frente ao trimestre de junho a agosto de 2016 (R$ 2.027) e também em relação ao mesmo trimestre do ano anterior (R$ 2.041).

A única ocupação que teve queda no rendimento médio real habitual no trimestre de 2016 foi a dos trabalhadores por conta própria (-2,7%). As demais categorias não variaram. Já em relação ao mesmo trimestre de 2015, os empregadores tiveram queda no rendimento (-5,9%) e as outras categorias ficaram estáveis.

Já por grupamento de atividade, o único que apresentou variação no rendimento médio real habitual no trimestre foi o da agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e agricultura, com alta de 3,5%. A estimativa permaneceu estável em todos os outros grupamentos de atividade.

(Agência Brasil)

Advogado Marcelo Uchoa responde pela Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas

 

A Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas ganhou novo titular, enquanto o governo avalia se incluirá ou não a pasta no pacote da extinção que chegará na Assembleia Legislativa em fevereiro

O governador Camilo Santana nomeou como titular o advogado Marcelo Uchoa que, inclusive, estava como adjunto. Era titular a deputada Mirian Sobreira, que acabou em choque político com o Palácio da Abolição.

A questão agora é saber se essa pasta será mantida. Há movimento nesse sentido entre os servidores.

Congresso da Colômbia aprova lei que anistia as Farc

ansaa

O Congresso colombiano aprovou na noite da quarta-feria (28) uma lei de anistia para “crimes menores” cometidos por membros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). A medida foi aprovada no Senado por 69 votos a favor e nenhum contra e na Câmara dos Representantes por 121 votos favoráveis e nenhum contrário. As informações são da Agência Ansa.

A medida, que anistia crimes políticos ou atos considerados “menores”, faz parte do acordo de paz firmado entre o governo de Juan Manuel Santos e os guerrilheiros. “Obrigado ao Congresso que, com votação histórica, aprovou a Lei de Anistia, primeiro passo para a consolidação da paz”, escreveu Santos em sua conta no Twitter.

Apesar de anistiar crimes leves, a nova lei não perdoa os crimes de guerra ou violações dos direitos humanos cometidas pelos membros das Farc ao longo dos mais de 50 anos de conflito, que deixou mais de 220 mil mortos.

(Agência ANSA)

Tem direito ao abono salarial? Por que não sacou ainda?

O prazo para os trabalhadores sacarem o abono salarial de 2014 nas agências bancárias termina hoje (29). Segundo o Ministério do Trabalho, pouco mais de 900 mil pessoas têm direito a receber o dinheiro e ainda não fizeram o saque. Mais de R$ 794 milhões estão disponíveis.

A retirada do benefício pode ser feita nas agências bancárias, no entanto, se o trabalhador tem o cartão cidadão com senha, poderá sacar em um terminal de autoatendimento da Caixa Econômica ou em casas lotéricas até amanhã (30).

O abono salarial ano-base 2014 está disponível para trabalhadores inscritos no Programa de Integração Social (PIS) ou Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) com pelo menos 30 dias de trabalho com carteira assinada naquele ano e que recebeu remuneração mensal média de no máximo dois salários mínimos.

O PIS é destinado aos trabalhadores do setor privado e o Pasep, aos do setor público.  Para conferir se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar o portal do Ministério do Trabalho.

O prazo para saque começou em julho de 2015 e terminou em junho de 2016, porém, no fechamento do calendário, ainda restavam 1,2 milhão de saques a serem feitos. Por isso, o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador ampliou o prazo de saque até 30 de dezembro de 2016.

O ministério alerta que é comum os atendentes bancários pensarem que se trata do benefício referente a 2015 e, após checar os dados do trabalhador, informar que ele não tem direito ao saque. Neste caso, a orientação é explicar que se trata do abono salarial do ano-base 2014. Caso ainda assim os dados não sejam localizados, é possível pedir para fazer uma atualização cadastral no próprio banco.

(Agência Brasil)

Artur Bruno espera deixar Sema com regulamentação do Parque do Cocó sacramentada

foto rc e bruno e camilo meio ambiente

Bruno, com Camilo e o prefeito durante visita ao Cocó.

O secretário Artur Bruno (Meio Ambiente) vai conversa, nesta quinta-feira, com o governador Camilo Santana (PT) sobre seu retorno para a Assembleia Legislativa, dentro da minirreforma e da posse de suplentes, consequência do pleito municipal.

Bruno confessa: gostaria de concretizar antes, com Camilo Santana, a regulamentação do Parque do Cocó. Essa medida, aliás, só depende do governador.

(Foto – Arquivo)

Fies – Prazo para renovação termina nesta sexta-feira

O prazo para renovação de contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) encerra amanhã (30) e muitos estudantes ainda não fizeram o aditamento. Até a tarde de ontem (28) 45 mil contratos ainda não haviam sido aditados. Neste segundo semestre de 2016, 1,5 milhão de contratos devem ser renovados.

Os dados são do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).O aditamento, que deve ser feito a cada semestre, é o processo pelo qual o aluno renova seu contrato e garante a continuidade do financiamento do curso. O FNDE prorrogou por duas vezes a data-limite para renovação e não deve estender o prazo novamente.

O processo de renovação dos contratos do Fies é feito pela internet, no Sisfies. O pedido é feito inicialmente pelas faculdades. Em seguida, os estudantes devem valiar as informações inseridas pelas instituições no SisFies.Nos aditamentos simplificados, a renovação é feita a partir da validação do estudante no sistema.

No não simplificado, quando há alteração nas cláusulas do contrato, como mudança de fiador, por exemplo, o estudante precisa levar a documentação comprobatória ao banco para finalizar a renovação.

Além disso, termina hoje (29) o prazo para que os estudantes que fizeram a renovação não simplificada do Fies entreguem no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal o Documento de Regularidade de Matrícula emitido a partir de 25 de novembro e que esteja com o prazo de comparecimento ao banco expirado. O FNDE prorrogou a validade dos Documentos de Regularidade de Matrícula devido a problemas ocorridos na rede bancária.

O Fies oferece financiamento de cursos superiores em instituições privadas a uma taxa de juros de 6,5% ao ano. O percentual do custeio é definido de acordo com o comprometimento da renda familiar mensal bruta per capita do estudante.

(Agência Brasil)

Governador manda mensagem com reajuste para servidores nesta sexta-feira para a Assembleia

939 26

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=-x_EVADpz_E[/embedyt]

O governador Camilo Santana (PT) anunciou, em entrevista ao Blog do Eliomar, nesta quinta-feira, que os servidores estaduais terão reajuste de salário. Ele não adiantou percentual, mas informou que, nesta sexta-feira, encaminhará a mensagem nesse sentido para a Assembleia Legislativa. A matéria, no entanto, só será votada em fevereiro de 2017, quando a Casa retomará suas atividades. Ele não quis falar sobre percentuais.

Camilo Santana deixou mensagem de Bom 2017 para os cearenses e disse torcer por chuvas, mas também comentou a decisão da presidente do STF, ministra Carmen Lúcia, que deferiu liminar restabelecendo o Tribunal de Contas dos Municípios do Ceará.

O TCM havia sido extinto semana passada pela Assembleia, quando a PEC de autoria de Heitor Férrer, teve aprovação. Ele preferiu transferir para o legislativo estadual essa discussão, embora tenha lembrado de que, no Brasil, há tribunais do gênero só em quatro Estados.

Sobre a minirreforma em seu secretariado, disse que, até esta sexta-feira, anunciar mudanças como a da pasta da Segurança Pública do Estado.´Já a mensagem com fusão e extinção de órgãos só será apreciada em fevereiro, pela Assembleia.

O governador reiterou que em 2017 deve manter parceria com o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT). Ele, inclusive, vai à solenidade de posse do prefeito neste dómingo, a partir da 18 horas, na Câmara Municipal.