Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Oeste volta a assombrar a torcida tricolor e mostra que o Fortaleza também “sangra” em casa

Pior que perder a invencibilidade no Castelão para uma equipe que até então não havia vencido nenhuma partida fora de casa, a derrota do Fortaleza para o Oeste – que se encontrava na zona de rebaixamento -, na noite desse sábado (23), por 2 a 1, mostrou que o líder da Série B é tão vulnerável quanto qualquer outra equipe na competição. A derrota também resgatou o “fantasma” da decepção da torcida tricolor com a equipe, que em 2012 deixou de subir à Série B na derrota de 3 a 1 para o mesmo Oeste.

A equipe paulista abriu o placar com Leandro Amaro, logo aos 10 minutos do primeiro tempo. O Fortaleza empatou com um golaço de Felipe, aos 18 minutos da segunda etapa, em um chute de longa distância. Mas o Oeste voltou a marcar, a três minutos para o final da partida, com Pedro Gabriel.

Apesar da derrota, o Fortaleza ainda lidera a competição, com 26 pontos, seguido por Avaí (22 pontos), Figueirense e CSA, ambos com 21 pontos, e Vila Nova e Coritiba, ambos com 19 pontos.

O Fortaleza volta a campo no sábado (30), diante do Paysandu, em Belém.

Ferrão classificado

Enquanto o Fortaleza decepcionava a sua torcida, o Ferroviário buscou a classificação às quartas de final da Série D, na tarde desse sábado, no Piauí, na vitória por 4 a 2 sobre o Altos. O Ferrão chegou a abrir 2 a 0, mas o time da casa buscou o empate. A vitória coral ocorreu nos minutos finais de partida. O destaque do jogo foi Edson Cariús, autor de três gols.

(Fotos: Reprodução)

Roberto Cláudio é destaque na Forbes Brasil como gestor em administração pública

155 2

O prefeito Roberto Cláudio ganha destaque na próxima edição da revista Forbes Brasil, como gestor em administração pública.

Além de se destacar como uma das metrópoles que estão com suas contas em dia, apesar da crise econômica que afeta o País, há alguns anos, o prefeito de Fortaleza também é destacado por pensar a cidade na coletividade, diante da prioridade ao transporte público, dos investimentos em ciclovias e ciclofaixas, da qualidade do ensino municipal e do resgate de praças públicas e construção de areninhas.

No ano passado, o prefeito Roberto Cláudio também foi destaque na Forbes Brasil, diante do incentivo ao empreendedorismo, por parte da Prefeitura de Fortaleza, o que provocou um ambiente favorável para novas oportunidades de negócios e geração de emprego e renda.

(Fotos: Reprodução)

Você sabe calcular a sua margem de lucro?

Em artigo sobre lucro, o consultor financeiro Fabiano Mapurunga, Mestre em Gestão Empresarial, aponta a diferença para faturamento. Confira:

É público e notório que, quando constituímos uma empresa, esperamos que ela nos dê lucro, pois além de ela cobrir os seus custos nós precisamos que ela nos remunere pelo nosso trabalho e pelo risco. Bem, mas boa parte dos empresários possuem uma certa dificuldade em calcular esse lucro e, muitas vezes, acabam aplicando preços em seus produtos/ serviços que os colocam fora da concorrência por estarem muito elevados, ou aplicando um fator que não cubra suas obrigações.

De uma forma simplória, vamos entender que o lucro é tudo aquilo que sobra das nossas vendas. Porém, podemos dividir o conceito de lucro em dois tipos: lucro bruto e lucro líquido.

O lucro bruto é calculado pela subtração do seu total de vendas, pelo valor total que você pagou para produzir ou comprar seus produtos, em um determinado período de tempo.

O lucro líquido é encontrado pelo total das vendas, menos todas as despesas e os custos que você teve para manter o seu negócio funcionando, em um determinado período de tempo (alugueis, impostos, juros de empréstimos, fornecedores, funcionários, etc).

Para dar uma ilustração prática desses dois conceitos, usarei dois exemplos básicos:

Durante o mês de janeiro de 2018, o total de vendas de um mercadinho foi de R$ 120.000,00. Porém foi gasto o total de R$ 80.000,00 com a compras de produtos.

O lucro bruto deste mercadinho pode ser encontrado da seguinte forma:

R$ 120.000,00 (total de vendas) – R$ 80.000,00 (compra de produtos) = R$ 40.000,00

Para se encontrar o lucro líquido, teremos de levar em consideração outros custos e despesas como: R$ 3.000,00 (aluguel), R$ 14.000,00 (Folha de Pagamento), R$ 6.500,00 (Impostos), R$ 2.800,00 (despesas fixas e variáveis: energia, telefone, internet, contador, etc) e R$ 80.000,00 (compra de produtos). E devemos subtrair pelo total de vendas do período de janeiro de 2018. O cálculo ficará assim:

R$ 120.000,00 (total de vendas) – R$ 3.000,00 (aluguel) – R$ 14.000,00 (Folha de Pagamento) – R$ 6.500,00 (Impostos) – R$ 2.800,00 (despesas fixas e variáveis: energia, telefone, internet, contador, etc) – R$ 80.000,00 (compra de produtos) = R$ 13.700,00.

Acima calculamos os valores absolutos do lucro bruto e do lucro líquido, agora vamos aprender a calcular as margens de lucro bruto e de lucro líquido. Para tanto, basta dividir o valor obtido de lucro pelo total das vendas.

Logo assim ficarão as nossas margens:

Margem de Lucro Bruto: R$ 40.000,00 (Lucro Bruto) / R$ 120.000,00 (total de vendas) = 0,33 ou 33,33%

Margem de Lucro Líquido: R$ 13.700,00 (Lucro Líquido) / R$ 120.000,00 (total de vendas) = 0,11 ou 11,42%.

Evidentemente, quanto maior for o seu lucro, significa que o seu negócio está prosperando. Porém, se o lucro for negativo, mesmo até com um aumento de faturamento, você está operando em prejuízo.

Nunca confunda faturamento com lucro.

Fabiano Mapurunga,

CEO da Go Partners Consultoria em Finanças e Negócios. Mestre em Gestão
Empresarial. MBA em Gestão de Negócios. MBA em Gestão Financeira e Controladoria

Fortaleza com chance de ampliar vantagem na liderança

Com o melhor desempenho em jogos em casa, com seis vitórias em seis jogos, o Fortaleza enfrenta na noite deste sábado (23), a partir das 19 horas, no Castelão, o Oeste, que possui o pior desempenho em partidas fora de casa com apenas três empates em seis jogos, com cinco gols marcados e 12 gols sofridos.

Tamanha disparidade entre os dois times, coloca o Fortaleza como o melhor favorito nos sites de aposta online, com 65,5% de chances de vitória, 24,1% de empate e apenas 10,3% de derrota.

Em caso de mais uma vitória, o Fortaleza chegará a 29 pontos e encerrará a 12ª rodada com vantagem maior em relação ao segundo colocado, ocupado pelo Avaí, com 22 pontos. Na terça-feira, o time catarinense empatou com o Guarani de Campinas, em casa, em 3 a 3.

Neste momento, o Figueirense vai empatando sem gols com o Coritiba, na capital paranaense. Se vencer, o Figueirense passará a ocupar a vice-liderança, então com 23 pontos.

(Foto: Arquivo)

Ex-presidente do TCE-RJ e filho terão de devolver R$ 13,3 milhões

O ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) Jonas Lopes Junior, e seu filho, Jonas Lopes Neto, terão que devolver R$ 13,3 milhões aos cofres públicos, de acordo com determinação do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. A decisão segue o que havia sido combinado no acordo de colaboração premiada de Lopes, que forneceu informações que levaram a prisões de outros conselheiros do TCE-RJ e de empresários do transporte público, nas operações Quinto do Ouro e Ponto Final.

O esquema descoberto pelas investigações previa a concessão de decisões favoráveis no Tribunal de Contas em troca de pagamentos mensais de ao menos R$ 50 mil e funcionou entre 1999 e 2016. O Ministério Público Federal (MPF) apontou que os crimes cometidos foram corrupção, evasão de divisas, organização criminosa e lavagem de ativos.

Jonas Lopes foi condenado ainda a sete anos de prisão, sendo um ano e meio de prisão domiciliar em um imóvel rural em Além Paraíba, Minas Gerais, sob monitoramento eletrônico. Depois desse período, ele vai prestar dois anos e seis meses de serviços comunitários na mesma cidade, durante 15 horas semanais, passando fins de semana e feriados em casa. Ao fim, ele terá três anos de regime aberto, com comprovação mensal de atividades.

O advogado Jonas Lopes Neto terá que cumprir três anos de prestação de serviços à comunidade, também por 15 horas semanais.

A mesma sentença também traz punições para o empresário Álvaro Novis, que terá que devolver R$ 17 milhões aos cofres públicos, em dez parcelas de R$ 1,7 milhão. O doleiro terá que cumprir ainda cinco anos e seis meses de prisão, sendo seis meses em regime fechado, que já foram cumpridos no período de prisão preventiva. Além disso ele terá um ano e seis meses de prisão domiciliar e prestação de serviços à comunidade por 40 horas semanais durante mais três anos e seis meses.

Já Jorge Luiz Mendes foi condenado a pagar R$ 460 mil e cumprir cinco anos de reclusão em regime semiaberto. Outro réu no mesmo processo era Edimar Moreira Dantas, que recebeu perdão judicial. Segundo a decisão, sua participação no crime teve menor importância e sua colaboração foi relevante para o esclarecimento dos fatos.

O dinheiro devolvido será depositado em uma conta judicial e ficará sob guarda da Justiça Federal até ter outra destinação.

(Agência Brasil)

Alemanha vira no último minuto da prorrogação e mantém chance de classificação

A Alemanha manteve as chances de classificação às oitavas de final da Copa da Rússia, na tarde deste sábado, no Fisht Olympic Stadium, em Sochi, ao derrotar a Suécia, por 2 a 1, com o gol da vitória marcado no último minuto dos acréscimos.

A Suécia abriu o placar, aos 32 minutos do primeiro tempo, por meio de Toivonen, que aproveitou contra-ataque. A Alemanha somente empatou aos 3 minutos da segunda etapa, com Reus. A virada ocorreu aos cinco minutos de acréscimo, quando Kroos chutou da entrada da área no ângulo direito.

Com o resultado, todas as equipes passam a ter chance de classificação. O México lidera com seis pontos, seguido de Alemanha e Suécia, ambos com três pontos, e Coreia do Sul, que ainda não pontuou.

(Foto: Reprodução)

Que venha pronta!

Em artigo no O POVO deste sábado (23), o juiz federal, professor universitário e escritor Nagibe de Melo aponta a necessidade da construção de soluções para a corrupção, criminalidade, desigualdade e pobreza, sem mágica. Confira:

Nossos problemas são os mesmos há anos. Às vezes eles aparecem com roupas diferentes, os mesmíssimos. O que nos falta são soluções, mas soluções não são mágica. Não é coisa de se encontrar perdida e dizer: pronto, aqui está! Nossos problemas acabaram!

A solução para nossa corrupção, criminalidade, desigualdade e pobreza não é como encontrar o Graal. Essas soluções precisam ser construídas lenta e trabalhosamente. Precisamos escolher caminhos e percorrê-los longos, passo a passo, mesmo com toda a gente a nos empurrar pra trás.

Faltam apenas quatro meses para as eleições, as mais importantes em muitos anos. Estamos apáticos. Nem a Copa empolga! Tudo parece farsa. As pessoas andam desalentadas, como se estivessem de ressaca de uma festa ruim.

Descobrimos, como se não soubéssemos, que a regra do jogo é a corrupção. O jogo é deles, a bola é deles, a gente só paga a conta. Vamos deixando como está para ver como é que fica. Não há no horizonte nenhum movimento cívico ou candidato capaz de nos fazer acreditar que é possível virar o placar. E olhe que estamos sedentos por acreditar em qualquer coisa.

Mesmo os caminhoneiros conseguiram, por uma semana inteira, reacender as esperanças do povo em uma demonstração perfeita do quanto estamos perdidos. Entraram em greve com apoio de 87% dos brasileiros. A direita fez a greve. A esquerda apoiou a greve. O governo chamou os militares para reprimir o movimento, que pedia a intervenção militar. A esquerda amava os caminhoneiros que amavam os militares que não amavam ninguém. Fiquei confuso.

Todo mundo quer uma solução, mas ninguém quer trabalhar por uma (ou os donos da bola não deixam). Que ela venha dos caminhoneiros, dos militares, dos estudantes, do governo, da Lava Jato ou do além, mas que venha pronta.

Parece que a solução do momento é tabelar o preço do frete.

TRF3 reverte decisão que limitou reajuste de planos de saúde a 5,72%

O desembargador Nelton Agnaldo Moraes dos Santos, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3), anulou uma decisão da Justiça Federal em São Paulo que havia imposto um teto de 5,72% para o reajuste de planos de saúde individuais neste ano.

Em decisão liminar (provisória) do último dia 12, o juiz federal José Henrique Prescendo, da 22ª Vara Cível de São Paulo, aceitou pedido feito em uma ação civil pública pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec). Para o magistrado, seria “excessivo” autorizar um reajuste maior do que a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor – Amplo (IPCA) relativo à saúde e aos cuidados pessoais.

Ao reverter a decisão, atendendo a recurso da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o desembargador Moraes dos Santos afirmou ser “bastante abstrato o conceito de ‘reajustes excessivos’”, pois a dinâmica de preços dos planos de saúde é complexa e não se vincula às variações inflacionárias.

“Parece inquestionável que tais reajustes não possam ser pautados por índices inflacionários. Fosse isso possível, o papel da agência reguladora, nesse aspecto, seria praticamente nulo, visto que bastaria uma norma que vinculasse os reajustes dos planos de saúde a esse ou àquele índice inflacionário”, escreveu o desembargador em sua decisão, assinada na sexta-feira (22). Ele suspendeu a liminar e determinou uma nova instrução processual do assunto, até que se possa decidir a questão de mérito em definitivo.

Em nota, o Idec lamentou a decisão, que, para o instituto, foi “tomada apenas considerando os argumentos das empresas sem levar em conta os fatos gravíssimos que o Idec e as organizações de defesa do consumidor vêm denunciando há anos”.

Segundo a entidade, o Tribunal de Contas da União (TCU) já apontou irregularidades na metodologia que a ANS utiliza para calcular os reajustes máximos dos planos individuais. “A decisão desconsidera a gravidade dos erros na metodologia dos reajustes aplicados pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) e ignora suas falhas, permitindo que a lesão aos consumidores se agrave”, disse o Idec, acrescentando que irá recorrer.

(Agência Brasil)

Senado votará projeto que obriga biometria nos estádios

Arena Castelão.

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado avaliará, na próxima semana, projeto que obriga os estádios de futebol a terem controle biométrico. Mas isso se houver quórum, informa o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.

Hoje, a legislação exige apenas o monitoramento por imagem. Pelo texto do relator, senador José Medeiros, as torcidas organizadas seriam responsáveis pelo cadastro dos seus filiados.

Segundo ele, o controle do acesso é uma medida reconhecidamente eficaz contra os excessos cometidos por torcidas que, frequentemente, resultam em mortes.

No Rio de Janeiro, o Ministério Público já obteve uma liminar para garantir o sistema em estádios, em um processo no qual são réus Flamengo, Fluminense Vasco e Botafogo, além da CBF e o consórcio responsável Maracanã.

Se aprovado, o texto ainda precisa ser avaliado na CCJ, em caráter terminativo. De lá, segue para a Câmara.

(Foto – Arquivo)

Fariseus

Em artigo sobre patriotismo, o jornalista Waldemir Catanho aponta que a exploração de petróleo gera receita para o capital estrangeiro de oito vezes o orçamento do Ministério da Educação para este ano. Confira:

“Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês são como sepulcros caiados: bonitos por fora, mas por dentro estão cheios de ossos e de todo tipo de imundície.

Assim são vocês: por fora parecem justos ao povo, mas por dentro estão cheios de hipocrisia e maldade.” (Mateus 23 : 27 – 28)

Confesso que, embora católico, deve ser a primeira vez que faço uma citação da Bíblia em algum texto que escrevo. Mas ao ver chegada mais uma Copa, o verde amarelo tomando conta novamente das ruas, lembrei-me do termo fariseu e foi irresistível usá-lo aqui.

Não me refiro a quem trabalha de biscateiro ou tá desempregado. A quem é empregado doméstico ou comerciário, operário ou motorista. Ao dono do mercadinho ou da oficina. A quem de boa fé junta a turma pra decorar com fitinhas verde-amarelo as ruas do João XXIII, do Canindezinho, do Vila Velha, do Dendê, Bom Jardim ou do Lagamar. A quem usa suas blusas da seleção nos ônibus do Conjunto Ceará / Aldeota ou do Siqueira / Papicu. Falo de outra turma.

Os fariseus são aqueles que bradam que nossa bandeira jamais será vermelha mas se calam diante da entrega de simplesmente 70% das nossas reservas de petróleo do pré-sal para empresas estrangeiras, abrindo mão de um patrimônio de até 195 bilhões de dólares, ou 721 bilhões de reais. Isso é oito vezes o orçamento do Ministério da Educação para 2018, ou seis vezes o orçamento do Ministério da Saúde para este ano!

Sim, se você não sabe, na última quarta-feira, dia 20, em meio ao furor verde amarelo da Copa, essa medida foi aprovada pela base de sustentação do Governo golpista na Câmara dos Deputados. A mesma base de sustentação que após evocar o nome de Deus, o amor ao Brasil e às suas famílias durante a votação do afastamento da presidente Dilma, aprovou a criação de benefícios fiscais pelos próximos 30 anos para as mesmas petroleiras estrangeiras que serão beneficiadas novamente agora com essa nova medida. E olha, não foi um trocado qualquer. Estudos de consultores legislativos da própria Câmara estimam que os benefícios aprovados em novembro do ano passado vão significar uma renúncia fiscal da ordem de R$ 40 bilhões / ano, o equivalente a R$ 1 trilhão de reais em 25 anos. Dinheiro, talvez, sem serventia.

Mas o amor à pátria não para por aí. Está saindo do forno a venda das refinarias Alberto Pasqualini (Rio Grande do Sul), Presidente Vargas (Paraná), Landoupho Alves (Bahia) e Abreu e Lima (Pernambuco). É em função dessa venda que o governo golpista criou uma politica em que o preço do gás de cozinha, da gasolina e do diesel ficam atrelados ao dólar e ao mercado internacional. Quem comprar as refinarias já vai ter garantidas margens de lucro altíssimas.

Em nenhum desses episódios vimos nossos bravos patriotas se dirigirem à Praça Portugal ou bancarem notas em páginas de jornais como quando ficaram indignados com as pedaladas da Presidente Dilma. As panelas só servem agora para o grande regabofe em que se transformou a entrega de nossas principais riquezas. Uma farra onde lucram apenas setores de nossas elites, sócias menores das elites estrangeiras.

O patriotismo não tem nada a ver com isso. O verdadeiro patriotismo tem que olhar para as condições de vida de todo o nosso povo e não apenas de uma parte dele. Tem que entender que muitas vezes o interesse do capital norte americano, europeu ou chinês é contraditório com os interesses do povo brasileiro. O caso da Eletrobrás é um bom exemplo disso.

Sem uma Eletrobrás brasileira e estatal não teria sido possível executar um programa como o Luz Para Todos que durante os governos Lula e Dilma levou o direito de se guardar comida em geladeira para mais de 3 milhões de famílias moradoras das zonas rurais do país que até então viviam sem energia elétrica.

Mas agora o patriotismo do governo golpista e de seus deputados e senadores planeja vender essa mesma Eletrobrás, incluindo Chesf, Eletronorte e Furnas. Os compradores certamente serão empresas estrangeiras. E da mesma forma que no caso das refinarias a venda está sendo feita com a promessa de garantia dos lucros dos compradores através do preço futuro das tarifas de energia. E aí lhe pergunto: quem vai lucrar e quem vai pagar o pato?

O nome disso não é patriotismo, mas entreguismo.

Waldemir Catanho, jornalista

Cineteatro São Luiz é palco da Mostra de Dança do Ceará

A Rede de Dança do Ceará promoverá neste sábado a DanCE – Mostra de Dança do Ceará, a partir das 19 horas, no Cineteatro São Luiz. Em cena, algumas das principais companhias de dança do Estado, com atuação em cidades do interior reconhecidas como importantes polos de formação nesta arte. São elas: Arreios Cia de Dança, de Trairi, Cia de Dança Ciclos, de Tabuleiro do Norte, Cia de Dança Rastro, de Quixadá, Cia de Dança de Itapajé e, da mesma cidade, a bailarina e coreógrafa Nazaré Rocha.

A mostra marca o encerramento do primeiro ano de atividades da Rede DanCe, que é um programa voltado para formação, criação e difusão em dança, envolvendo grupos, instituições, artistas e agentes culturais atuantes neste segmento. A programação tem acesso gratuito.

A Rede de Dança do Ceará é realizada pela Quitanda das Artes, Instituto BR Arte, Cia de Dança Ciclos, Cia de Dança de Itapajé e Nazaré Rocha, Arreios Cia de Dança e Cia de Dança Rastro. A consultoria executiva é da Marco Zero e a produção da Cinco Elementos Produções. Apoio Institucional: Governo do Estado do Ceará através da Secretaria da Cultura do Ceará. Agradecimento: Enel.

Os Espetáculos

Os Desaparecidos”, Cia de Dança Ciclos

“Códigos” Cia de Dança de Itapajé

“UMBO – Corpo Suspenso”, Nazaré Rocha

“Currais”, Cia de Dança Rastro

“Caiçaras: entre linhas e redes”, Arreios Cia de Dança

SERVIÇO

*Cineteatro São Luiz – Rua Major Facundo, 500 – Centro, Fortaleza.

*Mais Informações: 3235-4023.

*Classificação indicativa: Livre. Acesso gratuito.

(Foto  – Divulgação)

Quando a República das Bananas alimenta o inimigo

Em artigo no O POVO deste sábado (23), o Doutor em Informática e membro do Conselho O POVO de Educação, Mauro Oliveira, alerta que o Brasil precisa de políticas de inovação capazes de impedir a fuga de talentos para o exterior. Confira:

O transistor impactou o século passado, do radinho transistorizado (mais popular que Biotônico Fontoura) às estações espaciais. Com ele, a internet/web do genial Tim Berners-Lee promoveu qualquer beradeiro com um celular no coldre a Zé Doidinho nas redes sociais (ou não parece bizarro terráqueos andando cabisbaixos no maior papo com suas rapaduras eletrônicas?).

Inteligência Artificial (IA) é a bola da vez. Ela já está em todas: nas propagandas que nos chegam “coincidentemente” na tela, no reconhecimento de voz, nas plataformas ditas cognitivas (Watson da IBM, por ex.), nos diagnósticos de “whisk and bowl” (escambáu, em cearensês) a partir de Big Datas. Estamos na era dos Jetsons (ou será dos Flintstones?).

Elon Musk, o cara que venceu a NASA, considera a “IA mais perigosa do que a Coreia do Norte”. Embora haja uma certa lombra na ilação de Mr. Musk, ela serve de alerta para o perigo do açambarcamento da IA por oligopólios digitais: Google, Facebook, Amazon, etc. Os recentes escândalos das Fake News, dos robôs russos nas eleições americanas e na votação do Brexit no Reino Unido provam nossa vulnerabilidade. Ou você acha que o nosso próximo presidente não terá o voto da mão invisível do mercado … russo?

As gigantes da internet contam ainda com a colaboração inocente-útil de países como o Brasil. Dou um exemplo: lembro bem, nos anos 80, a Microsoft levando para os EUA a reca de mestrandos em IA da UFC. Enquanto a mídia comemorava, eu me sentia um Mozart abraçado por Salieri: imaginava nossos queridos “nerds” fortalecendo as heroicas empresas locais de TIC. Que nada: mais “bananas” para quem nos vende tecnologia a preço de ouro!

A fuga de cérebros não parou! Os grandões digitais não perdoam: compram! Nosso país, craque em “doar” cérebros, precisa de políticas de inovação capazes de manter nossos talentos na terra e bons exemplos não faltam: o Porto Digital no Recife que concilia política pública e mística institucional, o extraordinário programa Embrapii nos Institutos Federais, o estímulo à interiorização da pesquisa da Funcap, etc.

Necessitamos mais, muito mais, para nos tornarmos uma República do Conhecimento e pararmos essa mania de alimentar o colonizador!

Vaticano condena sacerdote acusado de pedofilia a cinco anos de prisão

O Tribunal do Vaticano condenou neste sábado (23) a cinco anos de prisão o sacerdote Carlos Alberto Capella, ex-conselheiro da Nunciatura de Washington, nos Estados Unidos, por posse e troca de material pornográfico infantil.

O julgamento começou ontem (22), mas a decisão foi tomada hoje. O promotor Gian Piero Milano tinha pedido uma pena de cinco anos e nove meses de prisão, enquanto a defesa solicitava a condenação mínima, sem especificar o período que o acusado ficaria detido.

A Promotoria do Vaticano argumentou que Capella deveria ser condenado porque possuía grande quantidade de fotos e vídeos com menores em atos sexuais explícitos. Ele era acusado da posse e transmissão das imagens, já que havia feito postagens do material em um blog criado na plataforma Tumblr.

A defesa afirmou que o comportamento de Capella não é sinal “periculosidade”, mas sim de um “problema psicológico”. Para comprovar a tese, os advogados do sacerdote apresentaram uma avaliação que mostrava que ele não revelava “tendências de pedofilia” e sofria de “problemas relativos à sua fragilidade”.

Capella teve a oportunidade de falar no julgamento antes da sentença e disse estar arrependido. Ele também afirmou que esperava que a situação fosse considerada com um incidente no caminho de sua vida sacerdotal.

(Agência Brasil)

Fortaleza terá voo direto para Madrid a partir de setembro

234 1

A Air Europa, que já faz alguns voos entre o velho continente e o Brasil, vai inaugurar mais uma rota em breve. Será o trecho Madri-Fortaleza, que terá início a partir de setembro próximo.

O governo do Ceará deu apoio a essa nova operação internacional que chega atraída não só pelos incentivos fiscais e mercado, mas, também pelo hub em implantação no Aeroporto Internacional Pinto Martins, com a chegada da alemã Fraport como gestora do terminal.

(Foto – Divulgação)

O equilíbrio de poder no PT

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (23), pelo jornalista Érico Firmo:

A posse de Deodato Ramalho, ontem, na presidência do PT de Fortaleza, é peça importante na definição do equilíbrio de poder no partido, nas proximidades das eleições. A rigor, no calendário do partido, não há agora mudança de mandato – nem faria sentido, nas portas da campanha. Ocorre que, na última eleição, Acrísio Sena e Deodato – com apoio da ex-prefeita Luizianne Lins – travaram disputa muito parelha. O resultado foi objeto de recurso em instâncias do partido e estabeleceu-se o impasse. A solução salomônica foi repartir o mandato ao meio. Acrísio dirigiu o partido na primeira metade. Pela primeira vez neste século, o diretório municipal saiu das mãos do grupo de Luizianne – que agora recobra a hegemonia.

O retorno dessa ala à direção do partido na Capital está longe de fazer frente ao grupo que controla a legenda no Estado. Porém, fortalece o contraponto ao governador Camilo Santana, ao seu grupo e à aliança com a família Ferreira Gomes. A ala luizianista é obviamente mais frágil hoje do que foi quando detinha a Prefeitura de Fortaleza. Ainda assim, seu fortalecimento interno é fator relevante extra a ser administrado pelo governador na iminência da busca pela reeleição.

Isso numa campanha que, se ainda não apresentou adversários competitivos, é repleta de fatores complexos, locais e nacionais, dentro da própria composição governista.

Presidenciável Guilherme Boulos, do Psol, cumprirá agenda em Fortaleza

113 1

O pré-candidato à presidência da República pelo Psol, Guilherme Boulos, vai cumprir agenda em Fortaleza na próxima quinta-feira. A informação é da assessoria de imprensa do partido. Boulos virá participar de um seminário que definirá as diretrizes da plataforma nacional de campanha na área da Segurança Pública.

Também prestigiará o lançamento, na sede do Psol, às 12 horas, da pré-candidatura ao governo do Ceará. a chapa terá o bancário Aílton Lopes para governador, e Anna Karina Cavalcante, para vice-governadora. Após o evento, haverá uma festa em alusão ao Dia do Orgulho LGBT está marcada.

Na agenda de Boulos também está previsto almoço com professores da Universidade Estadual do Ceará (Uece).

(Foto – Alice Vergueiro, da Folhapress)