Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Grupo Parlamentar Brasil/Itália quer Temer extraditando Cesare Battisti

O presidente do Grupo Parlamentar Brasil/Itália, deputado federal Rubens Bueno (PPS-PR), pediu hoje (14) ao presidente Michel Temer que revise a decisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e determine a extradição imediata do país de Cesare Battisti. A prisão do italiano foi determinada pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“É preciso que o presidente determine a imediata extradição desse assassino, condenado pela Justiça e pelo povo italiano de todas as cores. O Brasil não pode acolher esse tipo de estrangeiro. Não há mais nenhum obstáculo para que essa decisão seja tomada.”

Em seguida, o próprio parlamentar acrescentou que o “próprio Supremo já autorizou a extradição e agora o ministro Luiz Fux reforça essa possibilidade ressaltando que a decisão final é soberana do presidente da República”.

Desde 2007, Bueno trabalha em parceria com autoridades brasileiras e italianas para viabilizar o envio do criminoso de volta para a Itália, onde foi condenado por quatro homicídios na década de 1970.

O deputado lembrou que a Itália extraditou o ex-diretor do Banco do Brasil Henrique Pizzolato, acusado pelos crimes de corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro. Segundo Bueno, os crimes de Battisti provocam na Itália comoção até hoje.

(Agência Brasil/Foto – Nacho Doce)

Médicos têm até hoje para se apresentar aos municípios

Pofissionais com registro no país que se inscreveram no Programa Mais Médicos têm até hoje (14) para se apresentar nos municípios escolhidos. O começo da atuação, de acordo com o Ministério da Saúde, deve ser estabelecido junto ao gestor local. Dados da pasta mostram que, até as 11h da última segunda-feira (10), 53% dos profissionais haviam comparecido ou iniciado as atividades nas localidades.

O programa recebeu 36.490 inscrições, preenchendo 98,7% (8.411 profissionais alocados) das 8.517 vagas disponibilizadas no edital. Até o momento, estão abertas para as próximas etapas 106 vagas em 29 localidades. Na próxima segunda-feira (17), o ministério fará um balanço das vagas disponíveis, somando as desistências e as que não tiveram procura. Profissionais com registro no país terão nova chance para se inscrever e escolher os municípios disponíveis nos dias 18 e 19 de dezembro.

Formados no exterior

O prazo para que candidatos ao Mais Médicos formados no exterior (sem registro no Brasil) apresentem a documentação também vence hoje. O ministério exige, ao todo, 17 documentos – entre eles, o reconhecimento da instituição de ensino pela representação do país onde os profissionais obtiveram a formação.

A partir do próximo dia 20, brasileiros sem registro no país também poderão escolher vagas disponíveis no programa.

Próximas etapas

Dias 11 a 14 – Profissionais formados no exterior enviam documentação para validação da inscrição.

Dia 14 – Último dia para os profissionais com registro no país inscritos no primeiro edital se apresentarem nos municípios.

Dia 17– Balanço das vagas disponíveis (soma desistências e não selecionadas).

Dia 18 e 19 – Os profissionais com registro no país escolhem os municípios disponíveis.

Dias 20 a 22 – Os médicos brasileiros formados no exterior e sem registro no país que tenham a inscrição previamente validada poderão escolher os municípios remanescentes.

Dias 26 a 28 – Os estrangeiros formados no exterior e sem registro no país poderão escolher as vagas remanescentes.

(Agência Brasil)

Tasso já fala como candidato a presidente do Senado

166 3

O senador Tasso Jereissati (PSDB) vai completar neste sábado 70 anos de vida, mas, pelo que falou à revista digital semanal Crusoé, quer um presentão já para 2019: presidir o Senado. O adversário dele é o ex-presidente da Casa, Renan Calheiros (MDB/AL), que chegou a afirmar que ganharia fácil se o tucano entrasse no páreo.

“Essa troca de poder entre os mesmos já vem há mais de 20, 30 anos aqui. É sempre o mesmo grupo e o mesmo subgrupo. Então a ideia é a de que é a hora de fazer uma mudança, mesmo porque as urnas disseram que é a hora de mudança”, disse o tucano à revista.

Tasso tem articulado com apoio do senador eleito Cid Gomes (PDT) e afirma sempre que não buscará fazer uma oposição raivosa, mas do dialogo e ser submisso ao futuro governo. Ele diz que se chegar a comandar o Senado vai buscar uma agenda de reformas na economia idealizadas pelo futuro ministro da área, Paulo Guedes. Tudo para impulsionar o crescimento econômico do país.

“Não quero ser o anti-Renan. Não quero ser contra ninguém. Eu quero ter uma proposta positiva e é essa a mensagem que estou levando”, diz Tasso na entrevista, acrescentando que o Senado deve ser “um grande protagonista nas reformas, na conciliação e no diálogo não só entre as diversas correntes políticas, mas entre as instituições”.

(Foto – Agência Senado)

Casa da Esperança, que apoia crianças autistas, vive nova crise financeira

A Casa da Esperança, que dá assistência a crianças autistas, vive nova ameaça de fechamento por falta de aportes financeiros. O caso será debatido nesta sexta-feira, a partir das 12 horas, num encontro convocada pela Defensoria Pública do Estado.

A entidade acumula dívidas com funcionários e fornecedores por conta dos atrasos nos repasse oficias.

Alemberg Quindins, criador da Fundação Casa Grande, ganha titulo de Doutor Honoris Causa da Urca

A Universidade Regional do Cariri concederá o título de Doutor Honoris Causa a Alemberg Quindins, o criador da Fundação Casa Grande de Nova Olinda (Região do Cariri). A decisão foi anunciada nesta semana pelo Conslho Universitário da Instituição.

A honraria será entregue a Alemberg no próximo dia 19, às 19 horas, durante sessão solene da Urca no Teatro Violeta Arraes, em Nova Olinda. Alemberg, bom destacar, respira cultura.

(Foto – Divulgação)

Fortaleza vive uma sexta-feira de chuvas esparsas

Fortaleza registra chuvas esparsas desde o começo desta manhã de sexta-feira. Em alguns bairros, chove forte e em outros o sol predomina. Houve registro de problema com alguns semáforos na avenida Domingos Olímpio, e poucos alagamentos.

Alguns são velhos conhecidos como este fica na rua Professor Anacleto, no bairro Parque Araxá. A pista molhada exige cautela dos motoristas.

A Funceme registrou, até as 7 horas, chuva de pouca intensidade em 20 municípios.

Confira

Ipaumirim (Posto: Canauna) : 25.0 mm

Ipaumirim (Posto: Santo Antônio) : 21.0 mm

Cascavel (Posto: Cascavel) : 20.0 mm

Baixio (Posto: Baixio) : 17.0 mm

Itaitinga (Posto: Itaitinga) : 17.0 mm

Viçosa Do Ceará (Posto: Vicosa Do Ceara) : 14.4 mm

Caucaia (Posto: Caucaia) : 13.8 mm

Ipaumirim (Posto: Ipaumirim) : 10.4 mm

Umari (Posto: Umari) : 10.2 mm

Beberibe (Posto: Uruau Carrapicho) : 10.0 mm

(Foto – Paulo MOska)

Camilo almoça na Fiec sob menu de expectativas

A Federação das Indústrias do Ceará vai receber, ao meio-dia desta sexta-feira, em clima de almoço de fim de ano, o governador Camilo Santana (PT).

Ocasião servirá para balanço, da parte do governador, das ações do Estado no setor industrial que, segundo Beto Studart, presidente da federação, encerra este 2018 com chaminé apertada até para o Papai Noel. Beto, no entanto, está otimista com 2019, esperando não só novas investidas de Camilo mas, principalmente, reformas prometidas por Jair Bolsonaro.

Aliás, o setor industrial espera ouvir, nos bastidores do almoço com Camilo, a boa-nova: César Ribeiro, titular do Desenvolvimento Econômico, pasta que ganhará reforço da pesca, agricultura e do agronegócio a partir de 2019, continuará no cargo.

Bom lembrar que César saiu da esfera administrativa da Fiec para o governo estadual.

(Foto – Divulgação)

 

Tentativa de chacina no Barroso II é registrada nesta madrugada de sexta-feira

Por volta das 2 horas da madrugada desta sexta-feira, cinco pessoas foram baleadas na calçada de um bar situado na rua Amâncio Pereira, no bairro Barroso II, em Fortaleza. Segundo a Polícia, dois homens em uma moto se aproximaram do local e atiraram contra um grupo que estava bebendo.

Algumas testemunhas disseram para a Polícia que eles chegaram procurando um jovem de 21 anos que estava no bar e que, na ação, acabou baleado. Foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Instituto Doutor José Frota (Centro).

Não há informações ainda sobre o estado de saúde dos atingidos nessa tentativa de chacina, na opinião de alguns policiais que estiveram no local. A Secretaria da Segurança Pública do Estado ainda não deu maiores detalhes da ação.

Marielle Franco foi assassinada por milicianos em fatos envolvendo grilagem de terras, diz secretário

Em entrevista ao jornal Estado de São Paulo, o secretário de Segurança Pública do Rio, Richard Nunes, afirmou que a vereadora Marielle Franco foi morta por milicianos que acreditavam que ela poderia atrapalhar negócios de grilagem de terras na Zona Oeste do Rio. Nesta sexta (14), faz nove meses que a vereadora e o motorista Anderson Gomes foram executados no Rio.

Na quinta (13), a Delegacia de Homicídios fez uma operação em dois estados para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão relacionados aos crimes. A operação foi realizada para prender milicianos – alguns suspeitos de envolvimento no crime, que ocorreu no dia 14 de março.

Os policiais estiveram em 15 endereços, inclusive fora do estado, como em Juiz de Fora, em Minas. No RJ, equipes estão na Zona Oeste do Rio; em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense; em Petrópolis, na Região Serrana; e em Angra dos Reis, na Costa Verde.

Em Angra, os agentes ficaram encurralados por traficantes na comunidade do Frade, e precisaram da ajuda de policiais militares e de um helicóptero.

Durante as buscas em Juiz de Fora, mais problemas. Como os policiais estavam em carros descaracterizados, PMs pararam a equipe para checar quem eram os homens armados estavam circulando pela cidade.

Os mandados fazem parte de um inquérito à parte, mas, de acordo com o delegado Giniton Lages, que está à frente das investigações, todos têm ligação com os assassinatos. As mortes completam nove meses nesta sexta-feira (14).

(Portal G1/Foto – Facebook)

Assembleia Legislativa fará sessão extra na segunda-feira para votar pacote da reforma administrativa

A Assembleia Legislativa vai realizar, na manhã da próxima segunda-feira, sessão extraordinária, voltada somente para votação do pacote de reforma administrativa do governador Camilo Santana (PT). “A decisão está prevista em lei. Não estamos criando nenhuma novidade”, anuncia o presidente da Casa, Zezinho Albuquerque (PDT).

O parlamentar adiantou ainda que, em razão da quantidade de propostas previstas para deliberação, esta manhã desta sexta-feira (14/12) será toda destinada para reuniões de comissões.

Zezinho Albuquerque adiantou também que há previsão de encerrar as votações na terça-feira (18/12). “Nós pretendemos, se for possível, votar todas matérias”, acrescentou. De acordo com o parlamentar, quarta, quinta e sexta-feira ficaria para pronunciamentos de deputados que vão assumir o mandato na Câmara Federal, ou aqueles que não se candidataram e pretendem usar o tempo para se manifestar”, ressaltou.

(Foto – ALCE)

O POVO ganha sessão da Assembleia Legislativa por conta dos seus 90 anos

Dummar Neto, vice-presidente, um dos tocadores de um jornal sempre em renovação.

Da Coluna do Eliomar de Lima, do O POVO desta sexta-feira:

A Assembleia Legislativa realizará sessão solene em homenagem aos 90 anos do jornal O POVO. Será às 15 horas da próxima segunda-feira, 17, no Plenário 13 de Maio, por iniciativa dos deputados Carlos Matos (PSDB), Heitor Férrer (SD), Fernanda Pessoa (PSDB), Bruno Pedrosa (PP) e Carlos Felipe (PCdoB).

Na ocasião, fundadores e colaboradores do jornal mais antigo em circulação no Estado do Ceará serão homenageados. Em sua justificativa, o deputado Carlos Matos destaca O POVO como “uma memória viva. Diz que, a partir da história do próprio jornal, nós podemos fazer um resgate da história cearense e dos principais fatos do século.”

Demais parlamentares que endossam a homenagem acentuam que O POVO tem uma capacidade forte de interação com a sociedade e de alimentar as causa sociais, formando a consciência do povo cearense”. Matos ressalta ainda “a importância do acesso à informação qualificada na era do conhecimento”, o que proporciona O POVO também com suas plataformas digitais.

TRE fará retotalização de votos do pleito e pode mudar composição da nova Assembleia Legislativa

A Comissão Apuradora das Eleições 2018 determinou a retotalização dos resultados da eleição, em face de decisões do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que modificaram a situação dos registros de candidatos a deputado federal e deputado estadual julgados pelo Tribunal Regional Eleitoral do Ceará. A comissão é presidida pelo desembargador Haroldo Correia de Oliveira Máximo e composta pelo juízes do TRE-CE Alcides Saldanha Lima e Francisco Eduardo Torquato Scorsafava.

Nos termos dos art. 247 da Resolução TSE n.° 23.554/2017, “havendo alteração na situação jurídica do partido político, da coligação ou do candidato que acarrete alteração de resultado, será obrigatoriamente realizada nova totalização dos votos.” Dessa forma, o reprocessamento dos resultados ocorrerá às 9h30min desta sexta-feira, no gabinete da Secretaria de Tecnologia da Informação do TRE-CE, confirma a assessoria de imprensa do tribunal.

Após a retotalização, será emitido novo Relatório de Resultado da Eleição que contemplará os votos decorrentes das alterações na situação jurídica desses candidatos e passará a integrar o Relatório Geral de Apuração das Eleições 2018.

DETALHE – A retotalização ocorre porque o TSE validou votos recebidos por Lia Gomes, que não disputou por não ter feito a biometria em seu domicílio eleitoral, Sobral. Walter Cavalcante, do MDB, é um dos parlamentares que pode perder a vaga para o suplente Lucilvio Girão, que é do PDT de Lia.

Editorial do O POVO- “Cinquenta anos do AI-5”

Com o título “Cinquenta anos do AI-5”, eis o Editorial do O POVO desta sexta-feira:

No ano em que se completaram 50 anos da edição do Ato Institucional número 5 os eleitores escolheram para presidente da República um apoiador da ditadura, o capitão reformado do Exército Jair Bolsonaro. Isso pode parecer contraditório, pois há consenso entre os principais historiadores que o regime militar inscreve-se entre os eventos mais condenáveis do País.

No entanto, seria equivocado interpretar os mais de 57 milhões de votos em Bolsonaro como um pedido de volta ao regime ditatorial. Muitos desses eleitores não devem ter a noção exata das consequências decorrentes de uma ditadura, cujo arbítrio pode atingir qualquer um, independentemente de sua posição política. O voto em Bolsonaro assemelhou-se mais a um grito de revolta contra um sistema político, que possibilitou a corrupção em níveis alarmantes.

O AI-5, editado no governo Costa e Silva – considerado um “golpe dentro do golpe” -, mostra claramente como uma ditadura pode atingir em cheio os direitos mais fundamentais dos cidadãos. Com a medida fechou-se o Congresso Nacional; suspenderam-se direitos políticos e garantias constitucionais, incluindo o habeas corpus; houve intervenção federal em estados e municípios; e deu-se ao presidente a prerrogativa de decretar estado de sítio, sem autorização do Congresso. O “fechamento” do regime impediu qualquer possibilidade de oposição legal, levando a que adversários do governo fossem perseguidos, torturados e mortos.

Mas, se há problemas na democracia – e eles existem – é preciso corrigi-los dentro dos marcos democráticos. Reconheça-se que, desde o fim da ditadura, os militares vêm cumprindo apropriadamente o seu papel constitucional. No entanto, é preciso estar sempre atento a qualquer sinal de retrocesso. Os atalhos, a história mostra, sempre levam a maus caminhos.

Foi essa perspectiva que a ministra Rosa Weber, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), imprimiu ao seu discurso, quando a diplomação do presidente eleito, dando uma aula sobre o assunto. “A democracia é também exercício constante de diálogo e de tolerância, de mútua compreensão das diferenças, sopesamento pacífico de ideias distintas, até mesmo antagônicas, sem que a vontade da maioria, cuja legitimidade não se contesta, busque suprimir ou abafar a opinião dos grupos minoritários, muito menos tolher ou comprometer os direitos constitucionalmente assegurados”, disse ela.

São esses princípios dos quais não se pode abrir mão, pois asseguram a liberdade, o respeito e o diálogo como forma de resolver divergências, o que seria impraticável em uma ditadura. A democracia e a liberdade são intocáveis, devendo ser asseguradas, em qualquer circunstância, a cada um e a todos os brasileiros.

(Editorial do O POVO)

Terror em Milagres – Reconstituição da tragédia será feita na próxima semana

A reconstituição da ação policial que terminou com 14 mortos em Milagres (a 484 km de Fortaleza), no Cariri, deve ser feita até quarta-feira, 19, segundo fonte ouvida pelo O POVO que acompanha os trabalhos de investigação.

Há uma semana, na madrugada da sexta-feira, 7, uma tentativa de assalto a duas agências bancárias na cidade resultou em oito criminosos e seis reféns mortos – cinco deles da mesma família, que é de Serra Talhada, no interior de Pernambuco. Na tragédia em Milagres morreram o empresário João Batista Magalhães, 46; o filho Vinícius Magalhães, 14; a cunhada Claudineide Campos de Souza, 42; o marido dela, Cícero Tenório dos Santos, 60; o filho do casal, Gustavo Tenório dos Santos, 13; e a cearense Francisca Edneide da Cruz Santos, 49.

Todos, à exceção de João e o filho, vinham de viagem de São Paulo e haviam sido apanhados por seus parentes no aeroporto de Juazeiro do Norte na madrugada da sexta. As vítimas foram sepultadas no sábado e no domingo.

A suspeita inicial é de que teria havido troca de tiros entre os policiais militares (PMs) que aturam na operação e os integrantes da quadrilha, que interceptaram os reféns na BR-116. A Polícia Civil recolheu imagens e gravações feitas por câmeras de segurança de três estabelecimentos próximos ao local do crime: duas farmácias e um mercado.

No domingo, o governador Camilo Santana (PT) anunciou a criação de um grupo especial para apurar as mortes. O trabalho está sendo conduzida pela Delegacia Regional de Brejo Santo e Delegacia Municipal de Milagres, com apoio da Delegacia de Roubos e Furtos. Ele também determinou que a Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública (CGD) investigue preliminarmente a participação dos PMs na operação e pericie armas tanto de agentes quanto de assaltantes. Doze policiais envolvidos na ação foram afastados das atividades de rua enquanto dura a investigação.

Ontem, uma missa celebrada pelo padre José Vicente homenageou os mortos na cidade. A cerimônia foi realizada no centro, na esquina da rua Padre Misael Gomes, onde se localizam as duas agências bancárias (Banco do Brasil e Bradesco).

Um dos presentes à missa, o prefeito de Milagres, Lielson Landim (PDT), afirmou que, uma semana após o massacre, os moradores ainda estão apreensivos. “A possibilidade de que os bandidos ainda estejam nas proximidades está na cabeça das pessoas”.

O agricultor Orlanildo Silva, 50, resume o sentimento da população. “Tenho esperança, mas a tragédia vai marcar nossa cidade, sim”.

Procurada, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) não confirmou se a reconstituição das mortes será realizada na semana que vem. (Colaborou Lucas Santos/ Especial para O POVO)

Perguntas sem resposta

De onde partiram os disparos que mataram os seis reféns?

Em que circunstâncias reféns e assaltantes foram mortos?

Por que a Polícia Rodoviária Federal não foi avisada sobre a operação?

Qual era o reforço em efetivo para barrar a ação da quadrilha, que já era planejada?

Há informações sobre o motorista do caminhão usado para bloquear a BR-116?

Excesso

Ao O POVO, autoridade da Prefeitura de Milagres afirmou dois dias depois da tragédia que a Polícia havia agido com exagero no caso, que terminou com 14 mortos, sendo seis reféns.

(O POVO – Repórter Henrique Araújo/Foto – Lucas Santos)

Clóvis Rolim Neto recebe o Troféu Iracema

Em cerimônia das mais concorridas, o empresário Clóvis Rolim Neto, diretor comercial de Casa Pio Calçados Ltda, recebeu, nessa noite de quinta-feira, no La Maison Coliseu, o Troféu Iracema. Ele foi o Lojista do Ano escolhido pela maioria dos que fazem a Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza.

Clóvis Neto recebeu a honraria das mãos do presidente da entidade, Assis Cavalcante, na presença de familiares, amigos e companheiros de um setor que, segundo ele, precisa lutar, a partir de 2019, por reforma tributária.

(Foto – Paulo MOska)

Jornalista Ivonilo Praciano ganha homenagem

A Associação Brasileira de Sommeliers prestou homenagem na noite de ontem, 13, ao jornalista do O POVO, Ivonilo Praciano, pela contribuição dada pelo colunista na difusão e valorização da enologia no Ceará, ressaltando a importância do vinho nas harmonizações gastronômicas.

Ivonilo assina semanalmente a coluna Muito Prazer, no Vida&Arte Comes e Bebes, e apresenta o programa Gastronomia e Vinhos na Rádio O POVO CBN às sextas-feiras.

(O POVO)

Cirurgia de Bolsonaro ocorrerá no dia 28 de janeiro

O médico-cirurgião Antônio Luiz Macedo, do Hospital Israelita Albert Einstein, confirmou para a reportagem da Agência Brasil que a cirurgia para a retirada da bolsa de colostomia do presidente eleito Jair Bolsonaro, foi remarcada para o dia 28 de janeiro. Mais cedo, Bolsonaro esteve no hospital, na capital paulista, para uma consulta de rotina, que durou cerca de um hora.

Inicialmente marcada para ontem (12), a cirurgia foi adiada em novembro após uma série de exames que apontaram uma inflamação do peritônio e processo de aderência entre as alças intestinais. A nova data também é uma adequação à agenda do próximo presidente, que participará do Fórum Econômico de Davos, na Suíça, entre os dias 22 e 25 de janeiro, em um dos seus primeiros compromissos internacionais após tomar posse no cargo.

“É a disponibilidade dele [Bolsonaro]. Agora não dá por causa da posse do dia 1º de janeiro, depois ele tem um compromisso fora do Brasil [Fórum de Davos], que ele não pode deixar de ir. Quando ele voltar desse compromisso, ele será operado”, afirmou Macedo, um dos maiores especialistas em cirurgia do aparelho digestivo no país.

Antônio Macedo acompanha Bolsonaro desde o ataque sofrido pelo então candidato à presidente, no dia 6 de setembro, em Juiz de Fora (MG), durante a campanha eleitoral. Bolsonaro foi esfaqueado no abdômen por Adélio Bispo de Oliveira, de 40 anos. O autor do ataque segue preso na penitenciária federal de Campo Grande.

Almoço com Silvio Santos

Após a consulta em São Paulo, Jair Bolsonaro almoçou com o apresentador Silvio Santos, do SBT, na zona sul da cidade. Ontem (12), o apresentador completou 88 anos de idade, e o almoço foi organizado como uma confraternização. O presidente eleito estava acompanhado da esposa, Michelle Bolsonaro, do futuro ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, além de outros assessores, sob um forte esquema de segurança.

Bolsonaro deixou a casa de Silvio Santos por volta das 14h e foi direito para o aeroporto de Congonhas, onde embarcou para o Rio de Janeiro. A expecativa é que ele permaneça na cidade pelos próximos dias.

(Com Agência Brasil)