Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Operação Zelotes – Lula será investigado

lulaadeus

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva passa a ser investigado na Operação Zelotes que apura um suposto esquema de venda de medidas provisórias (MPs) para beneficiar montadoras. Segundo a Polícia Federal, não foi possível descartar a participação do petista nas negociações nem a do ex-ministro Gilberto Carvalho. Já os senadores Renan Calheiros e Romero Jucá tiveram os nomes retirados da investigação por falta de provas.

Em nota, o Instituto Lula afirmou que “nada justifica” o ex-presidente passar de informate para investigado no inquérito. “O ex-presidente foi ouvido no dia 6 de janeiro na condição de informante, sem a possibilidade de fazer uso das garantias constitucionais próprias dos investigados. Não há nenhum elemento que justifique a mudança do tratamento”, apontou a nota escrita pelo advogado de Lula, Cristiano Zanin Martins.

O Portal da Band entrou em contato com a Polícia Federal que disse não comentar investigações em andamento.

A Operação Zelotes foi deflagrada em março de 2015. Até novembro do ano passado, os policiais federais e fiscais da Receita Federal já haviam cumprido 41 mandados de busca e apreensão em São Paulo, Ceará e Distrito Federal.”

(Site da Band)

Dólar fecha abaixo de R$ 3,90 pela primeira vez em mais de um mês

“Pela primeira vez em mais de um mês, a moeda norte-americana fechou abaixo de R$ 3,90. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (4) vendido a R$ 3,894, com queda de R$ 0,024 (-0,61%). A cotação está no menor nível desde 28 de dezembro (R$ 3,86).

O dólar operou em queda durante toda a sessão. Por volta das 13h30, na mínima do dia, a moeda chegou a ser vendida a R$ 3,85, mas o ritmo de queda diminuiu nas horas seguintes. Depois das 16h, a cotação passou a oscilar em torno de R$ 3,89. A divisa acumula queda de 1,37% em 2016.

Na bolsa de valores, o dia foi de recuperação. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo, fechou esta quinta com alta de 3,08%, aos 40.809 pontos. Apesar das altas nos últimos dias, o índice continua próximo dos níveis observados em 2009, no auge da crise internacional provocada pelo colapso do crédito imobiliário nos Estados Unidos.

A alta foi impulsionada pelas ações da Petrobras e da mineradora Vale, que negociam commodities – bens primários com cotação internacional. As ações da Petrobras subiram 8,74% (ações ordinárias, que dão direito a voto em assembleia de acionistas) e 5,12% (ações preferenciais, que dão preferência na distribuição de dividendos). Os papéis da Vale dispararam 15,43% (ações ordinárias) e 11,78% (ações preferenciais).

Desde o fim do mês passado, quando o Banco Central do Japão anunciou que a terceira maior economia do planeta terá juros negativos, as moedas dos países emergentes estão se recuperando. Isso porque o estímulo à economia japonesa pode compensar a desaceleração da China e impulsionar a demanda global por commodities.

A redução do crescimento da economia chinesa, que em 2015 registrou a menor expansão em 25 anos, afeta fortemente países exportadores de produtos agrícolas e de minérios como o Brasil. Isso porque a menor demanda por esses produtos barateou as exportações brasileiras. Com menos dólares entrando no país, a cotação do dólar subiu nas últimas semanas.”

(Agência  Brasil)

Câmara dos Deputados aprova emenda de Tasso Jereissati que barra aumento da carga tributária

129 1

tassoosokje

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira, a Medida Provisória 692, com emenda do senador Tasso Jereissati (PSDB) que reduziu os percentuais de recolhimento de imposto relativos ao ganho de capital decorrente de alienação de bens e direitos de qualquer natureza, limitando em até 22,5% sobre a parcela dos ganhos que ultrapassar R$ 30 milhões. No texto original do Palácio do Planalto, o percentual subia a até 30% nos ganhos que ultrapassassem R$ 20 milhões. Com a aprovação da emenda de Tasso, o governo da presidente Dilma sofreu sua primeira derrota no Congresso, em 2016.

Ao questionar a proposta de aumentar a carga tributária, Tasso Jereissati cobrou “o exemplo do Governo”, segundo ele, “mostrando seriedade e responsabilidade”:

– Entendemos que o Brasil passa por dificuldades e o governo precisa equilibrar suas contas. Mas é injusto cobrar dos brasileiros a conta da incompetência e dos malfeitos na administração pública. Antes de exigir mais sacrifícios, o Governo tem que dar o exemplo, mostrar seriedade e responsabilidade, diminuindo custos e combatendo a corrupção, que literalmente desvia bilhões de reais de serviços que deviam ser prestados à população, como saúde, educação e segurança pública, disse.

Na discussão da matéria no plenário da Câmara, o Partido dos Trabalhadores apresentou destaque, com o objetivo de prevalecer a proposta do Governo, mas foi derrotado. A ideia do PT, aumentando as alíquotas, era retomar os percentuais da MP original nas três faixas adicionais do IR sobre ganho de capital: 15% para ganhos de até R$ 1 milhão; 20% para ganhos de até R% 5 milhões; 25% para ganhos de até R$ 20 milhões e 30% para ganhos que ultrapassem R$ 20 milhões.

(Agência Senado)

Carnaval 2016 – Saiba o que funcionará e não funcionará durante a folia

carnavalll

As festas de Carnaval já começam a modificar a rotina da Cidade a partir desta sexta-feira, 5, com danças e folias. No próximo sábado, 6, muitos serviços como lojas de shoppings e o metrô, continuam funcionando normalmente. A partir de domingo, alguns desses serviços ficam paralisados, só retornando ao normal na Quarta-Feira de Cinzas, 10.

Saiba o que funciona e o que não funciona na Capital e na Região Metropolitana de Fortaleza nos quatro dias de Carnaval.

Supermercados

Funcionamento normal, de acordo com a Associação Cearense de Supermercados (Acesu).
 
Padarias
Funcionamento normal no sábado e no domingo. Na segunda ou terça-feira, algumas podem fechar, de acordo com o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Panificação (Sindipan). Na Quarta-Feira de Cinzas, o atendimento volta a ser normalizado.
Centro
Funcionamento normal no sábado. As lojas fecham domingo, segunda e terça-feira. Na Quarta-feira de Cinzas, o atendimento volta a ser normalizado a partir das 12 horas. As informações são Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) – Ação Novo Centro.
Coelce
As lojas de atendimento da companhia estarão fechadas durante o feriado. A Central de Atendimento, no entanto, funcionará normalmente, 24 horas por dia. Os consumidores podem entrar em contato pelo telefone 0800 285 0196. A área técnica funcionará em regime de plantão. Os serviços voltam a ser normalizados na Quarta-Feira de Cinzas, a partir das 12 horas.
Cagece
As lojas de atendimento estarão fechadas durante o Carnaval. A orientação é que os consumidores procurem a central de atendimento da companhia no telefone 0800 275 0195. Atendimento de manutenção das redes de água e esgoto funcionará em regime de plantão.
Metrofor
Funcionamento normal no sábado. Na segunda e na terça-feira, o serviço fica paralisado. A operação volta ao normal na Quarta-Feira de Cinzas, a partir das 12 horas.
Shoppings
Iguatemi
Funcionamento normal no sábado, 6. No domingo e na segunda-feira, as lojas fecham. A praça de alimentação e os equipamentos de lazer funcionam em ponto facultativo das 10h30min às 22 horas. Cinema abre normalmente. Na quarta-feira, o funcionamento volta a ser normalizado a partir das 12 horas.
North Shopping Fortaleza
Funcionamento normal no sábado, 6. Lojas e quiosques fecham domingo, segunda e terça-feira. A praça de alimentação, no entanto, funciona das 11h às 22 horas. Os cinemas funcionam normalmente. Na Quarta-Feira de Cinzas, o funcionamento só é normalizado a partir das 12 horas.
North Shopping Fortaleza
Funcionamento normal no sábado, 6. Lojas e quiosques fecham domingo, segunda e terça-feira. A praça de alimentação, no entanto, funciona das 11h às 22 horas. Os cinemas funcionam normalmente. Na Quarta-Feira de Cinzas, o funcionamento só é normalizado a partir das 12 horas.
North Shopping Maracanaú
Funcionamento normal no sábado, 6. Lojas e quiosques fecham domingo, segunda e terça-feira. A praça de alimentação, no entanto, funciona das 11h às 21 horas. Os cinemas funcionam normalmente. Na Quarta-Feira de Cinzas, o funcionamento só é normalizado a partir das 12 horas.
RioMar
Funcionamento normal no sábado. Lojas e quiosques fecham domingo, segunda, terça-feira. Praças de alimentação, operações de lazer e cinema funcionam sob o seguinte horário: domingo, das 10h30min às 21 horas; segunda e terça-feira, das 10h às 22 horas.
Shopping Aldeota
Funcionamento normal no sábado. Lojas fecham domingo, segunda e terça-feira. Praça de alimentação, cinema e boliche fecham apenas na terça-feira. Na Quarta-Feira de Cinzas, o funcionamento volta a ser normalizado a partir de 12 horas.
Shopping Benfica
Funcionamento normal no sábado. Lojas fecham domingo, segunda e terça-feira. Praça de alimentação, brinquedos e cinema abrem durante os quatro dias de Carnaval. Na Quarta-Feira de Cinzas, funcionamento volta a ser normalizado a partir de 12 horas.
Shopping Del Paseo
Funcionamento normal no sábado. Lojas fecham domingo, segunda e terça-feira. Praça de alimentação, brinquedos e cinema (a partir de 13h) funcionam durante os quatro dias de Carnaval. Na Quarta-Feira de Cinzas, funcionamento volta a ser normalizado a partir de 12 horas.
Via Sul Shopping
Funcionamento normal no sábado, 6. Lojas e quiosques fecham domingo, segunda e terça-feira. A praça de alimentação, no entanto, funciona das 11h às 22 horas. Os cinemas funcionam normalmente. Na Quarta-Feira de Cinzas, o funcionamento só é normalizado a partir das 12 horas.

(O POVO Online)

China autoriza exportações de 17 frigoríficos brasileiros

“O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento informou hoje (4) que a China autorizou 17 frigoríficos brasileiros a exportar para o país asiático. Desse total, cinco são de carne bovina, oito de aves e quatro de suínas. As empresas estão distribuídas em cinco estados.

Em São Paulo estão três frigoríficos de bovinos e um de aves; em Minas Gerais, dois de bovinos e dois de aves, no Rio Grande do Sul dois de aves e dois de suínos, no Paraná, três de aves e em Santa Catarina dois de suínos.

Segundo o ministério, com as novas habilitações, haverá um aumento de US$ 340 milhões nos embarques de carnes para o mercado chinês. O órgão informou ainda que o início efetivo das vendas depende agora de negociação entre os frigoríficos e os importadores chineses.

As exportações de carne bovina do Brasil para a China foram retomadas no ano passado, com a suspensão, em maio, de um embargo do país asiático ao Brasil que durava desde 2012.

Em novembro de 2015, em missão à China, a ministra da Agricultura, Kátia Abreu, e o ministro da Administração-Geral de Supervisão de Qualidade, Inspeção e Quarentena (Aqsiq) daquele país, Zhi Shueing, concordaram em estabelecer um cronograma de trabalho para análise de estabelecimentos brasileiros que aguardavam autorização para exportar.

Com a habilitação dessas 17 plantas, o Brasil passa a ter 65 frigoríficos autorizados a exportar carne para a China. Desses, 38 são de aves, 16 de bovinos e 11 de suínos. Em 2015, o Brasil exportou à China um total de US$ 1,1 bilhão em carnes, dos quais US$ 477 milhões em carne bovina, US$ 608 milhões em carne de frango e US$ 10 milhões em carne suína.”

(Agência Lusa)

MPF/SP denunciou dois agentes de repressão por tortura a Frei Tito de Alencar

frei tito

“O Ministério Público Federal em São Paulo (MPF) denunciou dois agentes da repressão pela tortura do Frei Tito de Alencar Lima durante a ditadura militar. Homero César Machado, na época capitão de artilharia do Exército, e Maurício Lopes Lima, capitão de infantaria, chefiavam equipes de interrogatório na Operação Bandeirante (Oban), que depois foi transformada no Destacamento de Operações de Informação – Centro de Operações de Defesa Interna (DOI-Codi).

Homero e Maurício eram responsáveis pelas ordens aos demais agentes da unidade e participaram diretamente das sessões de tortura a Frei Tito.

Frei Tito foi preso em novembro de 1969, em uma operação realizada pela polícia de São Paulo contra religiosos dominicanos acusados de apoio a Carlos Marighella, da Ação Libertadora Nacional (ALN). Ele ficou no Departamento Estadual de Ordem Política e Social de São Paulo (Deops-SP) e no Presídio Tiradentes e depois foi levado para a Oban, onde ficou de 17 a 27 de fevereiro de 1970.

De acordo com o MPF, durante esse período ele foi vítima de agressões físicas e psicológicas para que desse informações sobre membros do clero católico que se solidarizavam com os que se opunham ao regime militar.

Os documentos e depoimentos que embasaram a denúncia do MPF mostram que Frei Tito foi colocado no “pau de arara” – instrumento de tortura que, além de provocar dores no corpo, pode causar deformações na espinha e nos membros superiores e inferiores.

Conforme a denúncia, ele também recebeu choques elétricos e pancadas na cabeça. “A vítima sofreu queimaduras com pontas de cigarros e foi golpeado com uma palmatória até que suas mãos ficassem roxas e inchadas, a ponto de não ser possível fechá-las.”

Após as sessões de tortura, Frei Tito tentou suicídio e foi levado de volta ao Presídio Tiradentes. Em janeiro de 1971, ele foi banido do Brasil após ser incluído entre os presos políticos que deveriam ser soltos em troca do embaixador suíço Giovanni Enrico Bucker, sequestrado por opositores da ditadura militar. Passou pelo Chile e Itália e se estabeleceu na França, onde, em setembro de 1974, aos 31 anos, enforcou-se em uma árvore.

Os dois agentes da repressão foram denunciados por crime de lesão corporal grave, resultante em perigo de vida. Os procuradores da República Ana Leticia Absy e Anderson Vagner Gois dos Santos, autores da denúncia, requerem ainda o reconhecimento das circunstâncias agravantes, como emprego de tortura e outros meios cruéis, abuso de poder e o fato de a vítima estar sob a imediata proteção das autoridades.

O Ministério Público pede que os envolvidos tenham aposentadorias canceladas e, caso condenados, percam medalhas e condecorações. Segundo o MPF, “por terem sido cometidos em contexto de ataque sistemático e generalizado à população, em razão da ditadura militar, o delito denunciado se qualifica como crime contra a humanidade, sendo, portanto, imprescritível e impassível de anistia”.

(Agência Brasil)

MEC e entidades ligadas à educação fecham parceria contra o Aedes aegypti

“O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, e representantes do Conselho Nacional dos Secretários de Educação, da União dos Dirigentes Municipais de Educação e de entidades de estudantes, além de universidades, instituições de educação profissional e de escolas públicas e privadas assinaram hoje (4) o Pacto da Educação Brasileira contra o Zika.

Trata-se de um compromisso para ações coordenadas na erradicação do mosquito Aedes Aegypti, transmissor do vírus Zika e também da dengue e da febre chikungunya. Firmaram também o documento o Fundo das Nações Unidas para a Infância e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura.

O ministro informou que o governo prepara, para 13 de fevereiro, uma mobilização nacional para conscientização e eliminação dos criadouros do mosquito. Participarão 220 mil militares, 260 mil agentes de saúde e 48 mil agentes da vigilância sanitária. No dia 19 de fevereiro, haverá mobilização da comunidade educacional, que reúne 60 milhões de pessoas entre estudantes, docentes e servidores.

Aloizio Mercadante frisou, entretanto, que o combate ao Aedes Aegypti não pode se restringir a datas especiais. “A OMS [Organização Mundial da Saúde] projeta uma incidência, nas Américas, de 4 milhões de pessoas com Zika, sendo 1,5 milhão no Brasil. Neste momento, nós não temos vacina nem tratamento adequado. A única resposta que nós temos é lutar, de todas as formas, para impedir que esse mosquito se reproduza”, disse. Na avaliação do ministro, o país precisará seguir mobilizado ao longo dos próximos três ou quatro anos.”

(Agência Brasil)

Sesc vai exibir curta sobre Carmen Miranda

images (17)

O Sesc vai exibir nesta sexta-feira, às 18 horas, o curta-metragem Carmem Miranda, abrindo assim a temporada 2016 do projeto “Curta Sesc”. O vídeo faz parte da programação carnavalesca e pode ser conferido na Unidade Fortaleza do Sesc.

Com direção de Jorge Ileli e narração de Fábio Perez, o documentário brasileiro traz cenas de filmes e da vida da cantora e atriz que se destacou durante a década de 30 até os anos 50. Com seus inúmeros sucessos musicais e suas brilhantes atuações em filmes, “A pequena notável”, como era conhecida, se tornou um símbolo da cultura tropical do Brasil, além de ter sido a primeira atriz de formação brasileira a se projetar no cinema internacional.

Em suas apresentações, a artista vestia roupas coloridas, enfeites e chapéus com frutas tropicais. Sua imagem representava uma típica baiana. Umas das músicas mais conhecidas que a intérprete gravou são: “O Que É Que a Baiana Tem?” e “Mamãe Eu Quero”. Esses e outros sucessos podem ser conferidos no curta.

SERVIÇO

*Local – Área de Convivência da Unidade Fortaleza do Sesc (Rua Clarindo de Queiroz, 1740 – Centro).

*Classificação: 12 anos
Informações: (85) 3452.9090

* Entrada franca.

Senai/CE oferta mais de 400 vagas em cursos

O Senai/Ceará está ofertando 448 vagas em cursos profissionalizantes em Fortaleza e na Região Metropolitana nos meses de fevereiro e março. As qualificações são pagas e distribuídas em 28 turmas. Os valores custam entre R$ 110,00 e R$ 1.155,00. Os interessados (pessoas físicas e jurídicas) já podem reservar suas vagas nos cursos pelo telefone (85) 4009.6300 ou pelo endereço eletrônico http://www.senai-ce.org.br no link Cursos para Você.

Podem ir também a unidade com a seguinte documentação: xerox e original do RG, CPF; comprovante de endereço atualizado; comprovante de escolaridade; e se o curso for de aperfeiçoamento é necessário comprovar os conhecimentos necessários, através de certificados e/ou declaração da empresa.

Os valores de um curso no Senai variam de acordo com a área escolhida e a carga horária. A instituição agora concede até 30% de desconto para trabalhadores da indústria e de até 10% para os demais interessados.

Até 20% é concedido ao trabalhador de indústria associada a sindicato filiado ao Sistema FIEC e que declara o FPAS 507 ou 833 em sua GFIP. Esse mesmo trabalhador pode ganhar mais 10% de desconto se optar por cursos com turmas manhã ou tarde. O desconto é acumulativo. A oferta é válida somente para matrículas de pessoa física.

SERVIÇO

*Central de Relacionamento do Sistema FIEC – (85) 4009.6300

*Endereço eletrônico www.senai-ce.org.br .

Grupo quer direito ao aborto em casos de microcefalia; CNBB está contra essa ideia

ABr140313_ANT9261

“A intensa circulação do vírus Zika no Brasil e a possível associação da infecção em gestantes com casos de microcefalia em bebês reacende no país o debate sobre o aborto. Um grupo composto por advogados, acadêmicos e ativistas prepara uma ação, a ser entregue ao Supremo Tribunal Federal (STF), que cobra o direito de interromper a gravidez em casos em que a síndrome for diagnosticada nos bebês.

Em entrevista à Agência Brasil, a antropóloga e pesquisadora Debora Diniz, que está à frente do trabalho, explicou que a ação deve ser encaminhada à Suprema Corte em, no máximo, dois meses. O mesmo grupo impetrou ação similar, em 2004, para pedir ao STF o direito ao aborto em casos de bebês com anencefalia. O pedido foi acatado pelos ministros em 2012.

“A atual epidemia do vírus Zika exige do Estado brasileiro a implementação de um conjunto amplo de políticas para a proteção de direitos que não se restringem ao direito à interrupção da gravidez”, disse Debora, ao defender políticas amplas de planejamento reprodutivo, incluindo o acesso à testagem de infecção pelo vírus a todas as gestantes.

Em situações onde há resultado positivo para microcefalia, é preciso que haja, segundo ela, o encaminhamento para um pré-natal de alto risco, caso a mulher queira prosseguir com a gravidez, ou o direito ao aborto legal, caso a mulher prefira interromper a gestação.

Para Debora, a autorização para o aborto, nessa situação, precisa ser garantida a partir da confirmação da infecção, como um direito da mulher face a uma grave epidemia não controlada pelo Estado brasileiro.

A professora da Universidade de Brasília (UnB) destacou ainda que políticas voltadas para crianças afetadas por síndromes neurológicas decorrentes da infecção por Zika, como a própria microcefalia, não podem ficar em segundo plano. A ação que está sendo elaborada, segundo ela, também pedirá a implementação de políticas sociais com foco na limitação desses bebês e que garantam assistência integral às mães e famílias.

De acordo com a pesquisadora, o aumento de casos de suspeita de síndrome fetal ligados ao vírus Zika e a recente classificação de emergência global em saúde pública, feita pela Organização Mundial da Saúde (OMS), reforçam a necessidade de articulação imediata de políticas de cuidado e atenção à saúde de mulheres e crianças afetadas pelo problema.

“Para uma mulher hoje no Brasil, saber-se grávida e infectada pelo vírus é uma situação de grande sofrimento e desproteção. Independentemente da consequência efetiva que a infecção possa ter no feto, ser obrigada a enfrentar uma gravidez de riscos graves e não totalmente conhecidos, causados pela negligência estatal em controlar uma epidemia, já é uma violação aos direitos das mulheres.”

Dom Sérgio da Rocha

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) considera que a extrema gravidade da situação vivida por gestantes em todo o país não justifica uma defesa do aborto para casos de microcefalia. Para a entidade, a defesa da interrupção da gestação representa total desrespeito ao dom da vida e às pessoas com algum tipo de limitação.

“Lamentamos muito que alguns julguem que a solução para esses casos seja o aborto de bebês com microcefalia”, disse o presidente da entidade, dom Sérgio da Rocha.

O religioso destacou que quadros de microcefalia já existiam antes da epidemia de Zika no Brasil, mas só agora passaram a receber mais atenção por parte das autoridades sanitárias e da comunidade como um todo.

“A microcefalia não pode ser reduzida apenas à questão do vírus Zika. Essa ligação nem está ainda tão clara”, enfatizou.

Para o representante da Igreja Católica, é preciso reforçar no país a assistência a pessoas acometidas pelo vírus, sobretudo gestantes, e também a bebês diagnosticados com malformações congênitas, como a microcefalia.

Dom Sérgio defendeu a implementação de políticas que apontem para um sistema de saúde pública universal e de qualidade. “Essa deveria ser a nossa resposta. E não a resposta que alguns têm buscado”, disse em referência aos grupos que pedem a interrupção da gravidez em casos de microcefalia.”

(Agência Brasil)

Governo está preocupado com liminares contra o aumento na conta de luz

conta_de_luz

“O governo monitora de perto o andamento das ações judiciais que questionam o pagamento da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), um dos principais encargos cobrados dentro da conta de luz.

A preocupação é que, caso as ações prosperem, pode haver novos aumentos ao consumidor residencial. Outra fonte de apreensão é com as garantias dadas ao empréstimo de mais de 20 bilhões de reais dado pelos principais bancos do país às distribuidoras entre 2014 e 2015. O pagamento, que está sendo feito por meio de parcelas mensais e vai até 2020, entra na conta de luz por meio da CDE.

O empréstimo não é questionado nas ações judiciais, mas uma eventual desestruturação do encargo tem potencial para gerar dor de cabeça com as instituições financeiras.

Cinco associações, que incluem as empresas que mais consomem energia, têm liminares na Justiça que as livram do pagamento de parte da CDE. A conta passou a incluir uma série de penduricalhos após a tentativa frustrada da presidente Dilma Rousseff de reduzir a conta de luz e foi uma das principais responsáveis pela disparada nas tarifas.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

Rodoviários fazem campanha contra assédio e violência durante o Carnaval

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Estado do Ceará (SINTRO-CE) realiza, nesta tarde de quinta-feira, no Terminal de integração do Papicu, distribuição de leques carnavalescos com mensagens contra a violência e o assédio às mulheres durante a folia.

A ação é parte de uma campanha que o sindicato e o Movimento de Mulheres em Luta (MML) pretendem desenvolver durante este ano.

“A ideia é chamar a atenção dos motoristas, cobradores e da população em geral para a problemática do assédio e da violência que sofrem as mulheres dentro do transporte coletivo. Sabemos que esse é um problema cotidiano que afeta principalmente as mulheres pobres, mas que se intensifica no período do carnaval” declara Flávio Braz diretor do SINTRO.

Juventude do PSB e do PSDB discutem agenda conjunta para 2016

c6ed9f90-2d87-4bf7-83ff-3e90e5acdaea

Membros das alas da Juventudes do PSB e do PSDB do Ceará estão discutindo uma agenda comum para este ano. A ordem é fomentar a participação dos jovens nos debates sobre problemas que afligem os municípios. Com destaque para Fortaleza.

O primeiro encontro se registrou na última terça-feira, na sede estadual do PSB. Novas conversas ocorrerão após o Carnaval.

(Foto – Divulgação)

Safra de grãos em 2015/2016 será menor, mas atingirá nível recorde, diz Ministério da Agricultura

“A safra de grãos em 2015/2016 será menor do que se esperava, mas ainda alcançará nível recorde, na avaliação do secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, André Nassar. Hoje (4), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) informou que a produção brasileira de grãos em 2015/2016 deve chegar a 210,3 milhões de toneladas, 1,3% acima da safra anterior (207,7 milhões de toneladas). No levantamento anterior, a previsão era de 210,5 milhões de toneladas para 2015/2016.

“A safra foi plantada com expectativa de chegar a 212 milhões de toneladas e agora está sendo desenhada ao redor de 210 milhões de toneladas. Tem uma pequena queda de produtividade. Mas tenho certeza que isso não prejudica a renda do produtor”, disse Nassar. Para o secretário, com a alta do dólar, a renda do produtor com exportações aumenta. “Como estamos falando de um cenário de preços bons para os produtores, principalmente por causa do câmbio, quanto mais ele produzir mais interessante é do ponto de vista da rentabilidade”, enfatizou.

O diretor de Política Agrícola e Informações da Conab, João Marcelo Intini, avaliou que não há risco de desabastecimento de arroz e feijão no país. “Está descartado qualquer problema de abastecimento neste momento e ao longo do ano. O Brasil dispõe de estoques de passagem, de políticas que favorecem o jogo entre exportações e importações. O que estamos verificando é a qualidade daquilo que vamos colher frente às condições hídricas, notadamente do arroz e do feijão” disse.

Nassar afirmou que a importação do arroz ocorre todo ano e o estoque de passagem do Paraguai, Uruguai e Argentina é “bom”. “Isso significa que virá arroz desses países para atender o mercado doméstico porque tem um desenho de uma quebra de safra de 1 milhão de toneladas. Pode ser que a gente importe até mais”, disse o secretário. Ele acrescentou que os custos da produção do arroz no Brasil subiram, com o alta das tarifas de energia e do custo da mão de obra. “O arroz vinha em um cenário de baixa rentabilidade, com custos muito alto. Esses preços novos estão dando rentabilidade. Isso significa que o produtor certamente vai voltar a investir no arroz na próxima safra. Vamos atender o abastecimento deste ano com importação e a gente vai ter estímulo econômico para que essa safra cresça no ano que vem”, disse.

O secretário negou que o governo pretenda tributar as exportações. “Não entendo que o governo quer tributar exportação. Tributar exportação, a gente vê a experiência da Argentina, é sempre negativa, porque quem paga a conta é o produtor. Isso faz com que ele produza menos porque a rentabilidade cai e outros países vão repor aquela quantidade”, disse.”

(Agência Brasil)

Sisu 2016 – UFC divulga edital de chamada da Lista de Espera

ufcc

A Universidade Federal do Ceará, por meio da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), divulgou o edital de chamada da Lista de Espera relativo ao Sisu 2016. O documento contém as normas e datas da seleção para o provimento das vagas ainda não ocupadas após a chamada regular.

De acordo com o Edital nº 03/2016 (http://goo.gl/2ap5GM), até as 23h59min do dia 11 de fevereiro, será divulgada a lista dos candidatos aptos, por curso, grau, turno e classe de concorrência, em ordem de classificação, assim como o quantitativo e as informações acerca das vagas que deverão ser preenchidas pela chamada da lista de espera.

Na lista, cada candidato será assinalado como “classificado” ou “não classificado”. Os classificados estarão aptos a solicitar matrícula de 15 a 19 de fevereiro. Já os não classificados poderão se inscrever em banco de suplentes. O candidato deve verificar com atenção, no Anexo I do edital, dia e horário da chamada de seu curso. Como a chamada não será nominal, não haverá fechamento de portões, e o estudante pode comparecer ao local a qualquer momento dentro do horário determinado.

Etiqueta

Somente após a liberação da lista de espera com a indicação de classificados e não classificados será disponibilizada a ferramenta para gerar a etiqueta de identificação dos candidatos. Essa etiqueta deverá ser impressa e colada em envelope de 260mm x 360mm (ou semelhante), a ser entregue aberto e contendo toda a documentação exigida.

A seleção será feita com base nos resultados obtidos pelos candidatos no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) de 2015, considerando-se a ordem de classificação do candidato no Sisu referente a curso, grau, turno e classe de concorrência pretendidos.

(Site da  UFC)

STDS apresenta em Brasília ações para a requalificação do Sistema de Medidas Socioeducativas no Ceará

69 1

foto izolda com josbertini

A vice-governadora Izolda Cela e o secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) Josbertini Clementino estão em Brasília apresentando as ações do Estado para requalificar o Sistema de Medidas Socioeducativas do Ceará.

Após o regresso de Brasília, o secretário Josbertini Clementino deverá apresentar as novidades da gestão para o Sistema e os Centros Educacionais e destaca que a STDS anda muito bem na gestão de todas as outras políticas.

Eunício Oliveira afirma que aprovar a CPMF não será uma tarefa fácil

eunício

“É mais um imposto contra a população. Não será uma tarefa fácil”. A declaração é do líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira, ao falar sobre a nova prioridade da presidente Dilma Rousseff: a recriação da CPMF.

O senador considera a medida uma necessidade, mas observa que o brasileiro não aguenta mais tanto imposto.

Produção e venda de veículos cresceu 1,6% na comparação de janeiro com dezembro

“A produção de veículos automotores caiu 29,3% em janeiro na comparação com o mesmo mês do ano passado, de acordo com balanço da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), divulgado hoje (4) na capital paulista. Em janeiro de 2016, foram produzidas 145,1 mil unidades, enquanto no mesmo período de 2015 o total ficou em 205,3 mil. Em relação ao mês de dezembro, quando a produção foi de 142,8 mil unidades, houve elevação de 1,6%.

O licenciamento registrou retração de 38,8%, com a venda de 155,3 mil unidades em janeiro deste ano. Em igual mês do ano passado, foram comercializadas 253,8 mil. Na comparação com o mês de dezembro, quando foram vendidos 227,8 mil veículos, houve queda de 31,8%. “O desempenho foi bastante negativo, mas nada que nos surpreendesse, porque já havíamos alertado que teríamos quedas relativas mais altas do que a previsão de fechamento do ano”, disse o presidente da Anfavea, Luiz Moan.

As exportações aumentaram 37,1% em janeiro de 2016 na comparação com o mesmo mês de 2015. No primeiro mês de 2016, foram vendidas 22,3 mil unidades no mercado externo, ante as 16,3 de janeiro do ano passado. Na comparação com dezembro de 2015, com exportações de 46,2 mil unidades, foi registrada queda de 51,7%.

“Tivemos um crescimento bastante significativo de janeiro para janeiro. Apesar da queda em relação a dezembro, a elevação com relação a janeiro é o que importa. Continuamos priorizando as exportações e trabalhando com o governo na abertura de novos mercados neste primeiro semestre”, destacou o presidente da Anfavea. Além disso, Moan disse que o setor automobilístico brasileiro está negociando com a Argentina, que é seu mais importante cliente. “Ainda este mês conseguiremos fechar uma posição com o setor automobilístico argentino e poderemos monitorar qual o acordo sugerido pelos dois governos”. Os estoques passaram de 271 mil unidades, em dezembro, para 254 mil, em janeiro.”

(Agência Brasil)

Carnaval 2016 – Imperatriz Leopoldinense homenageará Zezé de Camargo e Luciano

zezesdicamago

“O cantor e compositor Zezé de Camargo, quando era adolescente, costumava assistir pela televisão aos desfiles das escolas de samba do Grupo Especial do Rio, mas nunca poderia imaginar que um dia participaria do encantamento que sempre tinha diante da beleza dos desfiles. A realidade mudou e, em 2016, ele e o irmão Luciano são os homenageados da Imperatriz Leopoldinense, com o enredo “É o amor que mexe com a minha cabeça e me deixa assim. Do sonho de um caipira, nascem os filhos do Brasil”.

Quando recebeu a notícia da Imperatriz, Zezé ficou tão surpreso que nem consultou o irmão, que estava viajando. Além de mostrar a trajetória dos filhos de seu Francisco e dona Helena – com os sonhos de sair de Sítio Novo, região rural de Pirenópolis, em Goiás, conquistar um lugar na música brasileira e alcançar a popularidade que a dupla tem hoje –, a escola destaca no enredo a cultura, a religiosidade e a lida na terra do Centro-Oeste.

Para Zezé, é também um orgulho ver o seu estado retratado, especialmente, com a poetisa Cora Coralina, as manifestações populares pelo Divino Espírito Santo e as festas de Pirenópolis.”

(Agência Brasil)