Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Michel Temer: Impeachment perdeu força

micheltemer

“Em campanha para continuar no comando do PMDB, o vice-presidente da República, Michel Temer, voltou a falar hoje (29) em unidade, desta vez na Paraíba. Temer disse que as divisões entre setores da sociedade prejudicam o país. “Temos de ter responsabilidade com o país e por isso estamos propondo essa pacificação entre todos os setores da sociedade”, disse.

Segundo ele, o PMDB quer ajudar o país a sair da crise política e econômica. “O que está em pauta é o país, não é mais o partido ou o governo”, afirmou. Temer disse que a possibilidade de impeachment da presidenta Dilma Rousseff perdeu força. “Eu acho que perdeu força [o impeachment]. Eu confesso que há tempos tinha mais força, consistência. Mas acho que hoje perdeu muito a consistência”, disse.

O vice-presidente defendeu a volta da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). “Nós esperamos que esse diálogo prossiga, que haja convencimento da necessidade da CPMF. Mas, em princípio, se puder se evitar, bem, mas se não for possível, em caráter excepcional e transitório, é que se pode admitir, disse.

O retorno da contribuição foi defendido por Dilma durante a reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o chamado Conselhão. Durante o encontro Dilma afirmou que a aprovação da CPMF é a melhor opção para solucionar os problemas do governo no momento e que o volta seria “rigorosamente temporária”.

Ontem (28), o vice-presidente iniciou uma série de viagens pelo país, buscando unidade em torno do seu nome para continuar presidindo PMDB. A decisão sobre quem comandará a legenda será tomada na Convenção Nacional da legenda, marcada para março.

Ao visitar o Paraná, Temer afirmou que a intenção do partido este ano é lançar o máximo de candidatos próprios nas eleições municipais para construir uma candidatura à Presidência em 2018.

Na Paraíba, Temer disse que o PMDB exerce um “poder extraordinário” no país, ocupando a presidência da Câmara dos Deputados, com Cunha, e do Senado, com Renan Calheiros (AL) e que merece chegar ao poder em 2018. “Eu almejo que o PMDB tenha um candidato a presidente da República. Ele exerce um poder extraordinário no país e merece chegar ao poder no país.

Da Paraíba, Temer partiu para o Rio Grande do Norte, onde foi recebido pelo ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves. O vice-presidente encerra a agenda de viagens com uma visita a Pernambuco, no início da noite.”

(Agência Brasil)

Camilo sanciona “Lei Elmano” que garante pagamento de rescisões dos terceirizados do Estado

275 3

a9964d23d45a-1

O governador Camilo Santana (PT) sancionou uma lei, de iniciativa do deputado Elmano Freitas (PT), que trata da garantia de pagamento de rescisões trabalhistas aos trabalhadores e trabalhadoras terceirizados do Estado em caso de demissões. A lei, inclusive, foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) do último dia 18.

Segundo Elmano,  dessa forma, o que antes era um projeto com aprovação por unanimidade na Assembleia Legislativa, passa a ser “uma grande conquista a partir da confirmação da Lei 15950, sancionada em 14 de janeiro deste ano no DOE”.

Segundo o deputado, a sanção pelo Governo do Estado “é o reconhecimento de uma luta cotidiana dos/as trabalhadores/as terceirizados por meio das articulações e eventos realizados pelo mandato de deputado estadual”.

VAMOS NÓS – Às vésperas da conferência eleitoral do PT, Elmano, que preside o partido na Capital, não tem nenhum motivo para reclamar do seu companheiro Camilo.

Sindicato Adufc abre programação de eventos deste ano com cantadores de viola

amancio

O Sindicato Adufc (Bairro Benfica) reabre nesta sexta-feira, a partir das 18 horas, o seu Espaço Cultural e, em consequência, sua programação de eventos.

Nesta primeira edição, traz a apresentação dos cantadores de viola Geraldo Amâncio, Zé Viola e Zé Eufrásio, que prometem repentes sobre todo tipo de mote.

(Foto – Paulo MOska)

Com certeza, um será bastante requisitado: os escândalos lá de Brasília.

STF defere pedido para repactuação das dívidas dos municípios com União

A ministra Cármem Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), deferiu, nesta sexta-feira, parcialmente a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental com Pedido de Concessão de Medida Cautelar, que contestou regras estabelecidas pela União no Decreto nº 8.616. A ação foi ajuizada pelo Partido dos Trabalhadores (PT) e o Partido Popular Socialista (PPS), após mobilização da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), pois a entidade não tem prerrogativa constitucional para propor esse tipo de peça.

A partir da decisão da ministra, os municípios não precisam mais de autorização das Câmaras de Vereadores para celebrar os aditamentos dos contratos com a União. A regra foi estipulada no Decreto nº 8.616, do dia 29 de dezembro de 2015. Outro item determinado na decisão do STF é a suspensão da necessidade de que os municípios retirem as ações judiciais que eventualmente já estão impetradas contra a União para que os aditamentos sejam assinados.

Sobre as dívidas

A mudança do indexador das dívidas foi uma das reivindicações da Carta dos prefeitos e prefeitas da FNP aos Candidatos à Presidência da República, divulgada em setembro de 2014. Há mais de uma década, a renegociação dessas dívidas é uma bandeira de luta da FNP pelo equilíbrio federativo e pela responsabilidade fiscal. Em novembro de 2014 foi sancionada a Lei Complementar 148, trazendo as novas regras para esses contratos.

Em agosto de 2015, o Congresso aprovou a Lei Complementar 151, determinando a entrada em vigor das novas regras, independentemente de regulamentação, em 1º de fevereiro de 2016. Em outubro, os prefeitos da FNP encaminharam carta aos presidentes dos três poderes alertando para a urgência na regulamentação dessas leis.

Em 29 de dezembro, o Decreto nº 8.616 foi publicado em edição extraordinária do Diário Oficial da União, estabelecendo as fórmulas para reprocessamento das dívidas pelos novos encargos autorizados, bem como para a apuração mensal do coeficiente de atualização monetária da dívida remanescente. O decreto regulamenta (ou seja, permite a aplicação da regra) os novos critérios para os financiamentos que haviam sido estabelecidos pelas Leis Complementares e considera esses aditamentos como novas operações de crédito.

DETALHE – Na lista dos municípios, não há nenhum do Ceará.

UFC abre concurso para professor efetivo do Departamento de Medicina Clínica

“Estarão abertas, de 1º de fevereiro a 1º de março, inscrições para concurso público de professor do magistério superior, classe A, denominação adjunto-A, na Faculdade de Medicina da UFC. A vaga é para o Departamento de Medicina Clínica, no setor de estudo “Clínica Médica e Dermatologia”, em regime de trabalho de 40 horas semanais, com dedicação exclusiva.

O candidato aprovado deverá apresentar título de doutor na área do concurso e diploma de graduação em Medicina. A remuneração inicial é de R$ 8.639,50.

SERVIUÇOutros detalhes estão no Edital nº 20/2016, disponível no site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas da UFC (http://goo.gl/V8KkCI).

SERVIÇO

*Divisão de Concursos e Provimento da UFC – fone: 85 3366 7407.

Etufor fiscalizará transporte escolar durante toda a próxima semana

transporte-escolar

Com o objetivo de garantir a operação segura no transporte escolar, a Prefeitura de Fortaleza realizará, a partir de segunda-feira, a fiscalização nas escolas. A ação, que se estenderá até o dia 5, será desencadeada pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) nos horários de chegada e de saída dos alunos.

De caráter educativo, a fiscalização, de acordo com a Etufor, verificará os itens obrigatórios nos veículos como: cintos de segurança em número correspondente ao de passageiros sentados; fecho interno de segurança nas portas; luz de freio elevada; faixa horizontal pintada ou película auto-adesiva não removível, na cor amarela, com 40 cm de largura, à meia altura (em toda a extensão das partes laterais e traseiras da carroçaria), identificada como ESCOLAR em cor preta.

Um levantamento sobre os condutores que atuam com ajudante e observada a quantidade de alunos transportada por veículo também consta na medida. Ainda será observado o bom estado de conservação dos veículos, bem como o uso do extintor para que o serviço seja oferecido com a segurança necessária às crianças “Será exigida toda a documentação, o laudo de vistoria e verificada a atualização cadastral. Caso haja irregularidades, o veículo pode ser apreendido”, alerta Alessandro Gaspar, chefe da Divisão de Fiscalização da Etufor.

Conta de luz – Cobrança adicional será menor em fevereiro

conta_de_luz

“A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou hoje (29) que a bandeira tarifária que será aplicada para o próximo mês continua sendo a vermelha, mas em um patamar mais baixo do que o cobrado anteriormente.

Em fevereiro, os consumidores de energia elétrica vão pagar um adicional R$ 3 para cada R$ 100 quilowatts-hora consumidos, em vez dos R$ 4,50 pagos atualmente.

Na última terça-feira (26), a Aneel aprovou mudanças no sistema de bandeiras tarifárias. Assim, a bandeira vermelha terá dois patamares: o de R$ 3 e o de R$ 4,50, aplicados a cada 100 kWh. O valor da bandeira amarela também foi atualizado passando de R$ 2,50 para R$ 1,50.

A Aneel explicou que o novo patamar foi possível por causa do desligamento de termelétricas de maior custo, motivado pelo início da operação de novas usinas e o aumento do nível dos reservatórios das hidrelétricas do Sul e Sudeste. “Mesmo com a melhoria no cenário de geração de energia elétrica, o sinal para o consumo ainda é vermelho, e os consumidores devem fazer uso eficiente de energia elétrica e combater os desperdícios”, alerta a agência reguladora.

A cada mês, as condições de operação do sistema são reavaliadas pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), que define a melhor estratégia de geração de energia para atendimento da demanda. A partir dessa avaliação, define-se as térmicas que deverão ser acionadas.

Desde que o sistema de bandeiras tarifárias foi implantado, em janeiro do ano passado, todos os meses a bandeira aplicada foi a vermelha. O sistema reflete o custo maior de geração de energia, por meio das termelétricas.”

(Agência Brasil)

MP de São Paulo quer ouvir Lula e Marisa sobre triplex em condomínio situado em Guarujá

lulaviao

“O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) intimou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a esposa dele, Marisa Letícia, para prestar depoimento, como investigados, no dia 17 de fevereiro sobre um imóvel triplex, no Condomínio Solaris, no Guarujá.

Também serão ouvidos o empreiteiro José Adelmário Pinheiro e o engenheiro Igor Pontes, ligados à construtora OAS, responsável pelo empreendimento. O imóvel, localizado no Guarujá, no litoral paulista, é alvo de investigações da 22ª fase da Lava Jato, a Operação Triplo X, deflagrada no dia 27.

A suspeita do Ministério Público Federal (MPF) é que proprietários de apartamentos do condomínio usaram o nome de terceiros para ocultar patrimônio. Os investigadores chegaram a essa conclusão após receberem as matrículas dos imóveis registradas no cartório da cidade. De acordo com o MP-SP, o promotor de Justiça Cássio Conserino diz ter indícios de que houve tentativa de ocultar a identidade do dono do triplex que seria do ex-presidente, o que pode caracterizar crime de lavagem de dinheiro.

O Condomínio Solaris começou a ser construído pela Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo (Bancoop), presidida entre 2005 e 2010 pelo ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, preso em abril do ano passado. O empreendimento foi repassado para a empreiteira OAS em 2009, em função de uma crise financeira da cooperativa. Para os investigadores, há indícios de que as aquisições dos imóveis ocorreram por meio de repasse de propina entre os envolvidos nos desvios de recursos da Petrobras, entre eles a OAS.

Procurada pela Agência Brasil, a construtora OAS informou que ainda não tem um posicionamento oficial sobre o tema. A reportagem procurou também o Instituto Lula, que não atendeu as ligações.”

(Agência Brasil)

Sérgio Moro ouve José Dirceu

“O juiz federal Sergio Moro começou, por volta das 14 horas, na sede da Justiça Federal em Curitiba, audiência na qual o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu é interrogado como réu em uma das ações penais da Operação Lava Jato.

Dirceu e mais 15 investigados foram denunciados pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Além do ex-ministro, está previsto o depoimento de Gerson Almada, executivo da empreiteira Engevix. De acordo dos advogados, Dirceu não ficará calado e vai esclarecer os fatos imputados a ele.

A acusação contra Dirceu e os demais acusados se baseou nas afirmações de Milton Pascowitch, em depoimento de delação premiada. O delator disse que fez pagamentos em favor de Dirceu e Fernando Moura, empresário ligado ao ex-ministro. Segundo os procuradores, o dinheiro saiu de contratos entre a Engevix e a Petrobras e teriam passado por Renato Duque e o empresário Fernando Moura.

Dirceu está preso preventivamente desde agosto do ano passado em um presídio em Curitiba. A defesa do ex-ministro afirma que a denúncia é inepta, por falta de provas. De acordo com os advogados, a acusação foi formada apenas com declarações de investigados que firmaram acordos de delação premiada.

Delator

Ontem, o empresário Fernando Moura Hourneaux, investigado na Operação Lava Jato, admitiu, em depoimento ao Ministério Público Federal, que prestou informações falsas durante interrogatório ao juiz federal Sérgio Moro, na sexta-feira (22).

Moura envolveu o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu em crimes investigados na Lava Jato. A confissão ocorreu após os procuradores abrirem procedimento para verificar se o réu quebrou acordo de delação premiada.

Os procuradores pediram que Moura seja ouvido hoje, na mesma audiência em que estarão Dirceu e Gerson Almada, mas o pedido ainda não foi analisado pelo juiz.”

(Agência Brasil)

CNJ derruba mais uma representação de Collor contra Rodrigo Janot

collorido

O Conselho Nacional do Ministério Público arquivou, na última terça-feira, mais uma representação de Fernando Collor (PTB-AL) contra Rodrigo Janot. De oito acusações do senador contra o procurador-geral da República, cinco já foram derrubadas. Nessa última, Collor acusava Janot de ter contratado, em cargo de confiança, uma chefe de cerimonial que não possuía curso superior, o que contraria resolução do próprio Ministério Público.

No julgamento, os conselheiros entenderam que, como não há um curso superior de cerimonial, não haveria como se exigir a formação da profissional.

Além disso, o conselheiro do CNMP Walter Agra Junior disse que a cerimonialista em questão possuía longa experiência no ofício — tendo participado, inclusive, do cerimonial de posse de Collor na Presidência da República.

(Coluna Radar, da Veja Online)

Ceará tem que mostrar bom futebol também contra time pequeno

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=wUAHg1yhAtw[/youtube]

O narrador e comentarista de futebol Evaristo Nogueira, o “Homem mau”, do programa Trem Bala, da TV O POVO e Rádio O POVO/CBN, não está gostando do desempenho do novo time do Ceará.

Ele cobra do técnico Lisca que o alvinegro não jogue bem só contra  time grande, mas também contra os clubes pequeno do certame estadual.

DETALHE – O time do Ceará joga neste sábado, a partir das 16 horas, no PV, contra Quixadá.

O aprendizado inacabado de ser pai

102 1

Com o título “Pai: um aprendiz inacabado”, eis artigo do jornalista e sociólogo Demétrio Andrade. Ele conta da experiência de, mesmo sendo pai, ter bom aprendizado com os filhos. Confira:

Sou pai de três filhos. Neste período de fim e começo de ano, todos eles fazem aniversário. Geralmente, sou tomado de felicidade e também por inúmeras reflexões. Desta feita, me toquei, por conta da diferença de idade entre os rebentos, que passamos – enquanto pais – por diversas fases de um inesgotável aprendizado.

Sem a pretensão de adotar aqui qualquer paradigma pedagógico, já que sequer tenho leitura sobre, creio que do nascimento até a chegada à escola vivemos um período que vou denominar de “Fase do Sim”. É quando a relação de dependência se faz, evidentemente, mais forte. Nosso cuidado se redobra. É viver em função da criança, 24 horas por dia, mudando nossos hábitos, horários e, o que é mais grave, formas de ver o mundo. Com raras exceções, temos que dar, àquela pequena criatura, sucessivas afirmações a partir de suas necessidades.

Depois, vem a “Fase do Não”. Acho que momento em que a criança começa a usar o dom de andar para explorar seu universo até uns dez anos. É o momento de deixar clara nossa autoridade, em meio à busca por autonomia corporal. Os pequenos pedem, imploram por um não bem dado, testando nossos limites e os deles. Alguns pais erram, na minha opinião, ou por cederem demais ou por exagerarem nas negativas. Porém, é preciso deixar claro que dizer “não” é uma arte tão nobre quanto dizer “sim”. Desenvolver esta sensibilidade é tarefa para poucos. Por várias vezes, tenho de confessar, me encontrei perdido, sem saber ao certo qual direção tomar na bússola das decisões.

Depois, entrando na tal da adolescência, vem um tempo que vou chamar de “Fase da Argumentação”. Não basta dizer sim ou não. Tem que explicar o porquê. Convencer. Aparar arestas. É engraçado: uma negativa pode virar um drama, uma discussão banal transforma-se numa batalha familiar, os egos recém-formados teimam em aparecer. É difícil manter-se como referência. A política das relações entra em campo. Mediações do pai com a mãe e vice-versa provocadas por aquele ser que já usa seu jogo de cintura para defender os próprios interesses. Não é fácil.

A partir dos 18, a tal juventude. Batizei este estágio de “Fase do Esquecimento”. A sensação que dá, algumas vezes, é que eles esqueceram tudo o que foi ensinado. Mais: parece que eles esquecem até da nossa existência. Neste ponto da caminhada, compreendemos na prática a sábia frase que alerta que “criamos os filhos para o mundo”. E o mundo vai abrir janelas sobre as quais sequer sonhamos. É a pesada beleza do inesperado batendo a porta na nossa digníssima cara.

E eu vou parar por aqui porque o meu mais velho tem 19. Sinto que ainda vou passar por diversas outras fases. Na verdade, espero com fé vivê-las. Porque, em cada uma, é possível sentir o milagre da existência se perpetuando em novos significados. Os filhos vão delineado passos e mostrando quem fomos e no que nos tornamos, com todas as falhas e qualidades. Aí é que a gente entende que, ao invés de orientá-los, eles é que nos estão ensinando. E que é bom demais aprender pra sempre.

* Demétrio Andrade,

Jornalista e sociólogo.

Fanor vai inaugurar novo prédio de sua Escola de Engenharia e Arquitetura

Fanor2

A Fanor | DeVry vai inaugurar, no próximo dia 3, o novo prédio de sua Escola de Engenharia e Arquitetura. Terá cinco andares no padrão internacional DeVry, 1 auditório, 35 salas de aula modernas, 14 laboratórios com equipamentos avançados e capacidade para cerca de 3.000 alunos. A meta, de acordo com a universidade, é ajudar a formar um quadro de profissionais capacitados capaz de alavancar o segmento de engenharia no Ceará.

Atualmente, de acordo com dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), existem cerca de 800 mil engenheiros no País, atuando em diversas áreas. Mesmo com o crescimento da economia abaixo do esperado, o Brasil ainda apresenta um déficit de cerca de 40 mil profissionais por ano. O Sindicato dos Engenheiros do Ceará também reforça a necessidade de mais profissionais qualificados no setor, principalmente diante dos investimentos feitos pelo setor público em obras e projetos de tecnologia.

Nesse novo prédio, a Fanor | DeVry aportou cerca de R$ 9 milhões na execução do projeto. De acordo com o diretor-geral da instituição, Humberto Barroso, a Fanor | DeVry vem investindo “maciçamente” em estrutura física de alto nível e qualificação de excelência de professores e corpo técnico, composto de 72 mestres e 19 doutores.

DETALHE – Atualmente a Fanor | DeVry conta com mais de 3.000 alunos distribuídos nos cursos de Engenharia de Produção, Engenharia Ambiental, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Engenharia Civil, Engenharia Química, Engenharia Automação e Arquitetura.

Servidores do Hospital César Cals fazem protesto humorado contra o caos na saúde

sindis2

Servidores do Hospital César Cals (Centro) paralisaram atividades por duas horas, nesta manhã de sexta-feira. Mobilizados pelo SindSaúde, o sindicato da categoria, eles realizaram um ato bem humorado, onde não faltou críticas à gestão estadual na área.

Durante a paralisação, houve até uma encenação de teatro interativo, mostrando como o trabalhador da saúde enfrenta a crise. Eles cobram o retorno da gratificação por produtividade (GITQ), de forma integral.

Esse benefício sofreu redução ded 43,97% em dezembro de 2015. O protesto fechou o trânsito em frente ao Hospital César Cals.

sindik2

Cama hospitalar no meio da Avenida do Imperador. O paciente representava um servidor.

(Fotos – Divulgação)

Coelce acata queixa de leitora do Blog

A Coelce mandou nota, agora há pouco, para o Blog tratando sobre queixa que a professora Silvânia Guimarães fez, neste espaço, acerca de problemas na rede elétrica. Confira:

Sobre nota publicada no Blog do Eliomar do Lima, sobre oscilações de energia em uma residência do bairro Presidente Kennedy, a Coelce informa que vai enviar uma equipe ao local para verificar a situação.

* Diretoria de Comunicação.

Tasso e Heitor juntos contra o Lulismo?

141 14

foto tasso e heitor

Danilo Forte, Tasso, Heitor e o deputado estadual Carlos Matos.

Com o título “Heitor Férrer e o NeoTassismo Fortalezense – A Federalização da campanha eleitoral de Fortaleza pelo Anti-Lulismo – Parte 2”, eis artigo do sociólogo e consultor político Luiz Cláudio Ferreira Barbosa. Para ele, a chapa PSB/PSDB deverá ser confirmada em breve, como forma até de se posicionar contra o Lulismo. Confira:

A cidade de Fortaleza deverá ter o terceiro pleito eleitoral de discurso federalizado: 2008, 2012 e 2016. As duas primeiras eleições federalizadas foram vitoriosas para o antigo condomínio político-administrativo cidista-lulista (PT-PSB-PMDB): Luzianne Lins (2008) e Roberto Cláudio (2012). O discurso midiático era a necessidade da manutenção do alinhamento ideológico-administrativo das três principais administrações públicas: Prefeitura de Fortaleza, Governo Estadual e Governo Federal. A terceira campanha federalizada do pleito eleitoral da capital cearense virá num caminho inverso, pois defende o fim desse alinhamento político-administrativo, em nome da construção de uma nova ordem política oposicionista, com certeza será construída pelos diretórios estaduais do Partido Socialista Brasileiro e o Partido da Social Democracia Brasileira.

O senador Tasso Jereissati (PSDB) percebeu a necessidade de fazer, dessa disputa eleitoral de Fortaleza, o início de um laboratório para a construção do pós-lulismo cearense. Tasso Jereissati procura criar todas as condições positivas para que no momento apropriado chegue a um denominador comum na construção de uma chapa majoritária para concorrer à Prefeitura de Fortaleza. Esse diálogo tem sido intenso com alguns membros do PSB: o deputado estadual Heitor Férrer e o deputado federal Danilo Forte.

O processo de desgaste administrativo da presidente Dilma Rousseff (PT), na opinião pública fortalezense, a dissidência do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores – em relação a reeleição do prefeito Roberto Cláudio (PDT), o ímpeto do PMDB cearense de não apoiar os antigos aliados, por si só esses problemas no bloco governista já irão cimentar o caminho da união da frente partidária oposicionista: PSB e PSDB. A pré-candidatura do deputado estadual Heitor Férrer tem apoio integral do diretório nacional do PSB e ele deverá receber o apoio do diretório nacional do PSDB, daí a verticalização da chapa majoritária fortalezense oposicionista nesse pleito eleitoral.

O presidente estadual do PSB, o deputado federal Danilo Forte, procura diminuir as arestas de sua agremiação partidária, com os tucanos fortalezenses, através do dialogo com a maior liderança do PSDB na capital cearense: o deputado federal Raimundo Gomes de Matos. O deputado estadual Heitor Férrer deverá procurar federaliza o seu discurso oposicionista na Assembléia Legislativa do Ceará, com a parceria do deputado estadual tucano, Carlos Matos, nos próximos dias. O processo de aliança do PSDB e do PSB é quase inevitável, em função do alinhamento ideológico dessas agremiações partidárias nas suas cúpulas nacionais. O senador Tasso Jereissati (PSDB) é o líder natural do Estado no bloco partidário PSB-PSDB, enquanto o líder municipal deverá ser o deputado estadual Heitor Férrer como provável candidato a prefeito de Fortaleza.

* Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Sociólogo e consultor político.

(Foto – Arquivo do Blog)

Novela do Fundef – Sindiute ameaça greve para o dia 4

68 1

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=LQ2fuVd5lck[/youtube]

A presidente do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Fortaleza (Sindiute), Ana Cristina Guilherme, não descarta greve dos professores como consequência da polêmica em torno da verba do Fundef, no valor de R$ 289 milhões.

A Prefeitura diz que a verba é indenizatória, enquanto a entidade cobra até onde o município aplicou esses recursos.

O caso já chamou a atenção do Ministério Público Federal e também do Ministério Publico Estadual, que cobraram explicações da Prefeitura.

(Vídeo Site Sindiute)

Jogos Olímpicos 2016 – Custos aumentam para R$ 7 bilhões

“A Autoridade Pública Olímpica (APO) atualizou hoje (29) a Matriz de Responsabilidades dos Jogos Olímpicos 2016 com a conclusão de mais oito obras de instalações que receberão a competição. A matriz é um documento divulgado uma vez por semestre pela APO para o controle do andamento das obras e custos e inclui compromissos assumidos pelo Poder Público para a realização dos jogos.

Pela primeira vez, a matriz contabiliza um custo superior a R$ 7 bilhões, com R$ 7,07 bilhões em 47 projetos. Na última atualização, o valor estava em R$ 6,67 bilhões. Segundo o documento, 60% desses investimentos são do setor privado e 40%, recursos públicos.

O presidente da APO, Marcelo Pedroso, explicou que o aumento nos valores se deve à inclusão dos custos de projetos como o fornecimento de energia temporária, que, entre a atualização anterior e esta última, tiveram a execução contratada.

“A diferença de valor se deve aos custos relacionados à atualização de energia temporária. A gente não tinha maturidade para inserir um valor, porque não estava contratada a execução do projeto”, disse ele, ao destacar que R$ 290 milhões dos cerca de R$ 400 milhões acrescentados são oriundos desse projeto. A entrada do custeio das arquibancadas temporárias responde pela outra parte.”

(Agência Brasil)

Índice de Confiança de Serviços avançou 2,8% em dezembro

“O Índice de Confiança de Serviços (ICS), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), avançou 2,8 pontos na passagem de dezembro para janeiro, atingindo 70,4 pontos. Essa é a segunda alta consecutiva do indicador. De acordo com a FGV, a confiança do empresário do setor de serviços cresceu em 11 dos 13 segmentos pesquisados.

A alta de 2,8 pontos foi provocada principalmente por uma confiança maior dos empresários no momento presente, medido pelo Índice da Situação Atual, que cresceu 4,3 pontos. O otimismo dos empresários em relação aos próximos meses, medido pelo Índice de Expectativas, cresceu 1,2 ponto.

De acordo com a FGV, os indicadores mostram uma redução do pessimismo das empresas de serviços nesse início do ano. Apesar da melhora da confiança, ainda há o predomínio de uma percepção negativa sobre o andamento dos negócios, segundo a FGV.”

(Agência Brasil)