Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Chuva é um nascimento, uma superação, uma convivência

Com o título “Chuva é vida, eis crônica da jornalista Ana Mary Cavalcante. Um recorte sobre a chuva. Confira:

Aos poucos, o tempo vai assoprando o dia 24 de abril de 1997 para ainda mais longe. Agora, eu me lembro somente do primeiro susto, na cozinha: dar com os pés na água que entrava pelo corredor da casa, como se o quintal escoasse. Uma suave vazão que, em minutos, passou da altura do rodapé da sala para a altura do nosso joelho e formou uma correnteza no portão da garagem.

Depois, eu me lembro da minha mãe, entre a reza e o desconsolo, em cima da pia da cozinha porque a água imunda atingiria o ferimento na perna dela. Outro flash é meu pai tentando varrer a água do céu para dentro do bueiro. Escuto ainda o barulho da estante – que era quase do tamanho de uma parede e guardava boa parte dos nossos tesouros – caindo. E ressinto o pavor dos ratos, das cobras e das baratas emergindo daquela imundície e roçando em nós.

Na rua paralela, meus tios quase foram levados pela água do canal ao tentar salvar a casa que apodreceu. Um se segurou no outro; só assim escapamos todos. Sei bem dos (intermináveis) dias seguintes: salvar o que nos resta. Enquanto minha mãe tentava recuperar roupas e móveis e meu pai calculava os prejuízos do carro, eu desgrudava fotografias e figurinhas, lavava a lama de diários e papéis de cartas e remediava bonecas que me viram crescer. Aquela chuva monstruosa e desleal fez eu me despedir da infância: das cachoeiras-bicas da vizinhança, da transgressão de tomar banho de farda, dos barcos de papel, do imaginário ingênuo e aventureiro.

Demorei a fazer as pazes com a chuva porque custei a entender que a culpa daquele transtorno vivido pela Cidade (e por meu pequeno, mas significativo, mundo) não era dela – da chuva.

Desde então, andei muito por aí, em reportagens, nos caminhos dos lixos que engolem calçadas ou dos rios asfaltados. Mas foram as andanças pelos sertões que me levaram ao entendimento que possuo hoje, entre as perdas de 1997 e tantas outras: “Chuva é vida”, me mostram os sertanejos, oferecendo o de comer, o de beber e o de sonhar, em lugares depois do fim. E nenhuma vida pode ser negada ou maldita, emendam. Toda vida é esperança.

Por isso, se pudessem, os sertanejos guardariam cada pingo d´água que cai do céu, declaram. Ainda é preciso aprender o respeito à natureza e o bem querer. Assim me contaram e assim eu vi (vejo); chuva é um nascimento, uma superação, uma convivência.

*Ana Mary Cavalcante

Jornalista do O POVO.

(Foto – Funceme)

Tem cearense no Conselho Nacional de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente

238 1

O Ceará conta com um representante da sociedade civil integrando o Conselho Nacional de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, nessa era de Damares Alves, a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos.

Trata-se do ativista social Adriano Ribeiro, da ONG Pequeno Nazareno e que chega ao posto indicado pela Associação Nacional Criança Não é de Rua.

Advogado Marcelo Uchoa, ex-secretário de Camilo, com Adriano Ribeiro.

Adriano promete, entre suas metas junto ao Conselho, lutar pela realização de um censo nacional sobre crianças e adolescentes que se encontram nas ruas.

(Foto – Divulgação)

Seis em cada dez brasileiros admitem não se preparar para a aposentadoria, diz pesquisa

Da Coluna O POVO Economia, da jornalista Neila Fontenele, no O POVO desta terça-feira:

Pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em parceria com o Banco Central, aponta que seis em cada dez brasileiros (59%) admitem não se preparar para a hora de se aposentar.

Apenas 41% se programam para essa fase da vida. Enquanto isso, muitas faculdades recebem alunos com idade em torno de 50 anos.

Ou seja, muita gente tem projeto apenas para trabalhar.

(Foto – Reprodução)

MP entra com ação contra a Azul que proíbe reembolso integral de passagens

O Ministério Público do Rio de Janeiro entrou com uma ação civil pública contra a Azul. Quer obrigar a empresa aérea a ser mais transparente com seus clientes, informa o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.

O promotor Julio Costa acusa a empresa de omitir dos passageiros que eles têm direito de reaver o valor integral das passagens quando canceladas em até 24 horas após a compra, conforme garantido por lei.

De acordo com o MP, a companhia não dá ao comprador o direito de reembolso integral, como deveria. Diz Costa:

— A Azul, por outro lado, arvora uma prerrogativa em matéria de reembolso/cancelamento que a lei não lhe confere: de proibir peremptoriamente a sua possibilidade ou de estabelecer necessariamente uma retenção parcial do valor pago.

Costa pede que a Justiça determine a imediata adequação da aérea à legislação vigente e pleiteia uma multa de R$ 1 milhão para reparar prejuízos já causados.

(Foto – Reprodução)

Prefeitura concede a Óticas Visão certificação de Empresa Cidadã Parceira

Águeda Muniz (Seuma) fez comunicado a Assis Cavalcante.

As Óticas Visão, do empresário e presidente da CDL de Fortaleza, Assis Cavalcante, acaba de ser reconhecida pela Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) como Empresa Cidadä Parceira

Segundo Águeda Muniz, titular da Seuma, por demonstrar compromisso social e ambiental com o desenvolvimento da cidade ao participar do Programa de Adoção de Praças e Áreas Verdes.

O programa integra a política ambiental da Prefeitura e é realizado em parceria com as Secretarias Regionais, dentro do objetivo de requalificar e ocupar os espaços públicos.

(Foto – Divulgação)

Tragédias em Suzano – Polícia apreende menor suspeito de planejar massacre

A Polícia apreendeu um menor de idade suspeito de ter participado da organização do atentado que levou ao massacre de seis estudantes e dois funcionários da Escola Estadual Raul Brasil, na última quarta-feira (13), na cidade de Suzano, em São Paulo.

Os dois autores do crime também morreram.

Como se trata de um menor de idade, portanto inimputável, ele ficará à disposição da Justiça.

O pedido de apreensão foi formulado pela polícia. Num primeiro momento, o Ministério Público foi contra, mas a polícia insistiu e agora obteve com a Justiça a tutela do Estado.

(Agência Brasil)

Camilo e Zezinho vão entregar casas do Residencial Cidade Jardim II

Zezinho Albuquerque e a primeira entrega de sua gestão à frente das Cidades.

O governador Camilo Santana e o secretário estadual das Cidades, Zezinho Albuquerque, vão entregar, às 9 horas desta quarta-feira (20), 1.248 unidades habitacionais do Residencial Cidade Jardim II, que fica no bairro José Walter, em Fortaleza.

Os apartamentos, do Programa Minha Casa, Minha Vida, a serem entregues receberam um investimento total de R$ 89.856.000, sendo R$ 78.624.000,00 do Governo Federal e R$ 11.232.000,00 do Governo do Estado. O complexo Cidade Jardim II conta com 5.968 unidades habitacionais e, com esta entrega, serão 5.232 unidades.

(Foto – Divulgação)

Mega-Sena vai sortear prêmio acumulado de R$ 33 milhões

O concurso 2.135 da Mega-Sena vai sortear nesta quarta-feira (20) o prêmio acumulado de R$ 33 milhões.

O sorteio das seis dezenas será realizado, a partir das 20h, no Caminhão da Sorte, que está estacionado na cidade de Cravinhos, no estado de São Paulo.

De acordo com a Caixa, o valor do prêmio, caso aplicado na poupança, poderia render quase R$ 122 mil por mês.

As pessoas poderão fazer seus jogos até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio em qualquer uma das mais de 13 mil casas lotéricas credenciadas pela Caixa em todo o país. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 3,50.

(Agência Brasil)

Dia de São José – Chove em 48 municípios do Ceará e o Crato registrou 120 milímetros

No Interior, a chuva molhou o chão neste dia de padroeiro do Ceará.

Neste Dia de São José, choveu em 48 municípios, até as 8 horas desta manhã de terça-feira, no Ceará. É o que informa o boletim da Funceme.

A cidade do Crato recebeu 120 milímetros de chuva, o que fez o canal do Rio Granjeiro, principal afluente da Região do Cariri, transbordar. Com isso, um grande volume de lama invadiu esta cidade.

Fortaleza amanhece nublado, mas agora vive tempo de céu com sol forte.

Confira as 10 maiores chuvas

Crato (Posto: Lameiro) : 120.0 mm

Itarema (Posto: Carvoeiro) : 75.0 mm

Farias Brito (Posto: Farias Brito) : 71.0 mm

Orós (Posto: Guassussê) : 51.0 mm

Itaitinga (Posto: Itaitinga) : 48.0 mm

Quixadá (Posto: Tapuiara) : 48.0 mm

Crateús (Posto: Irapua) : 44.0 mm

Lavras Da Mangabeira (Posto: Iborepi) : 39.0 mm

Ibaretama (Posto: Ibaretama) : 37.0 mm

Ocara (Posto: Açude Batente) : 32.0 mm

(Foto – Funceme)

PIB do Ceará – Prévia está acima da média nacional

O Índice de Atividade Econômica Regional do Ceará (IBCR-CE) de janeiro apresentou estabilização de 0,19% em relação ao mês anterior, mas crescimento de 1,10% em relação ao cenário que se tinha no mesmo mês de 2018. O indicador, que é considerado uma prévia do Produto Interno Bruto (PIB), foi divulgado ontem pelo Banco Central (BC). O resultado foi acima da média brasileira que no período apresentou leve recuo de 0,41% ante dezembro e variação positiva de 0,79% no comparativo com janeiro de 2018.

Os dado são calculados após ajuste sazonal, uma espécie de compensação para comparar períodos diferentes. Considerando o trimestre, o nível de atividade econômica no Ceará teve leve recuo de 0,24% em relação ao trimestre imediatamente anterior.

O movimento observado no Ceará está acima do registrado nos demais estados do Nordeste. IBCR-NE registrou alta de 0,36% em relação ao mês anterior e queda de 0,83% ante janeiro de 2018.

(O POVO)

Lava Jato – Sergio Machado, ex-presidente da Transpetro, vira réu

O juiz federal Luiz Antonio Bonat, novo magistrado da Operação Lava Jato, recebeu denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra o acionista e ex-presidente de empresas do Grupo Estre Wilson Quintella Filho, o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, os executivos Antonio Kanji Hoshiwaka e Elio Cherubini Bergemann e o advogado Mauro de Morais.

Os investigados são alvo da fase 59 da operação pelos crimes de corrupção passiva, corrupção ativa e lavagem de dinheiro. É a primeira ação da Lava Jato aberta por Bonat, na cadeira que o ex-juiz Sérgio Moro ocupou até se tornar ministro.

A Lava Jato revela que R$ 21,1 milhões em propina foram “solicitados por Sérgio Machado e prometidos por Wilson Quintella, no interesse dos contratos firmados pelo Grupo Estre com a Administração Pública Federal, em especial com a Transpetro”.

(Agência Estado)

Bolsonaro terá encontro nesta terça-feira com Trump

O presidente Jair Bolsonaro terá encontro bilateral com o presidente dos EUA, Donald Trump, às 11 horas desta terça-feira, em Washington. Hora de discutir parcerias, informa o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros.

Bolsonaro também visitará o túmulo do soldado desconhecido, no Cemitério Nacional de Arlington, e se encontrará com líderes religiosos no final do dia.

Nessa segunda-feira, o presidente visitou a Agência de Inteligência dos Estados Unidos (CIA), onde foi recebido pela diretora da agência, Gina Haspel. Segundo o porta-voz da Presidência, o encontro sinalizou a disposição do governo brasileiro em estreitar laços com a CIA no combate aos crimes transnacionais.

“Foi uma visita de cortesia para, a partir daí, estabelecer esse foco de cooperação na área do crime organizado, dos crimes transnacionais e, eventualmente, os acordos na área de inteligência”, disse o porta-voz. A visita não entrou an agenda oficial e a imprensa não foi avisada. Rêgo Barros afirmou que a visita foi decidida pelo presidente no avião, rumo a Washington, capital do país.

(Com Agência Brasil)

Camilo comemora feriado lançando quarta etapa do Projeto São José

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta terça-feira:

O governador Camilo Santana comemora o Dia de São José em Fortaleza, onde anuncia nesta terça-feira (19) os investimentos do Projeto São José IV.

Ao lado do secretário De Assis Diniz, Camilo comentará o balanço do projeto, que atendeu a 66 mil famílias de agricultores, com um investimento de mais de R$ 344,7 milhões, e entregará equipamentos para tratores, casas de farinhas, casas de mel e agroindústria de beneficiamento da castanha de caju.

Também serão assinadas cartas de crédito e dadas ordens de serviço para implantação de abastecimento d´água, construção de cisternas e implementação de sistemas de reuso d´água de cinzas.

O evento terá início às 9h, no Parque de Exposição César Cals, e contará com as presenças de deputados federais e estaduais, prefeitos, secretários, vereadores e lideranças comunitárias.

(Foto: Arquivo)

Lava Jato – Procuradora-geral da República pede inquérito contra 18 parlamentares

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu, nessa terça-feira, ao Supremo Tribunal Federal (STF) a abertura de 18 inquéritos contra deputados federais e senadores do MDB, PT e PROS por supostos desvios na Petrobras, fatos que são investigados na Operação Lava Jato. Os nomes dos acusados e o teor das acusações são mantidos em segredo de Justiça.

O pedido para abertura das investigações já levou em conta a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que reconheceu, na semana passada, a competência da Justiça Eleitoral para investigar crimes de corrupção quando envolverem simultaneamente caixa 2 de campanha e outros crimes comuns, como lavagem de dinheiro.

No entendimento de Raquel Dodge, não é possível definir a competência para julgar o caso porque as investigações ainda estão no começo. “A cisão requerida não implica definição de competência judicial, que deverá ser posteriormente avaliada nas instâncias próprias e diante da denúncia feita pelo Ministério Público”, disse a procuradora.

Ela informou que deve permanecer no Supremo somente a parte da investigação que não envolve parlamentares com foro privilegiado na Corte. Dessa forma, terceiros, que não têm a prerrogativa de ser processados na Corte, devem responder às acusações na 13ª Vara da Justiça Federal em Curitiba, chefiada pelos juízes Luiz Antonio Bonat e Gabriela Hardt, ou na 7ª Vara Federal no Rio de Janeiro, comandada pelo juiz Marcelo Bretas.

De acordo com a Procuradoria-Geral da República, a nova investigação envolve 90 depoimentos de delação.

(Agência Brasil)

Brasil e EUA assinam acordo para uso da Base de Alcântara

Os governos do Brasil e dos Estados Unidos firmaram nessa segunda-feira (18), em Washington, nos Estados Unidos, o Acordo de Salvaguardas Tecnológicas (AST) para uso comercial da base de lançamentos aeroespaciais de Alcântara. O acordo foi assinado pelos ministros Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e Marcos Pontes (Ciência, Tecnologia, Informação e Comunicações), e pelo Secretário Assistente do Escritório de Segurança Internacional e Não-proliferação do Departamento de Estado dos Estados Unidos, Christopher Ford, durante o evento “Brazil Day”, organizado por empresários na Câmara de Comércio dos EUA. O presidente Jair Bolsonaro, que está em visita oficial àquele país, participou da solenidade e assinou o documento.

Para entrar em vigor, o acordo precisará ser ratificado pelo Congresso Nacional. Caso seja aprovada, a medida permitirá que o Brasil ingresse em um marcado bilionário. Apenas em 2017, o setor movimentou cerca de US$ 3 bilhões em todo o mundo, segundo dados da Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos. Estima-se que, em todo o mundo, exista uma média de 42 lançamentos comerciais de satélites por ano.

O Acordo de Salvaguardas Tecnológicas (AST) trata de proteger a tecnologia desenvolvida pelos países contra o uso ou cópia não autorizados. Segundo a Agência Espacial Brasileira (AEB), sem a assinatura do acordo com os Estados Unidos, nenhum satélite com tecnologia norte-americana embargada poderia ser lançado da base de Alcântara, pois não haveria a garantia da proteção da tecnologia patenteada por aquele país. “Sem o AST, […] o Brasil ficará de fora do mercado de lançamentos espaciais”, explicou a agência.

Esse tipo de acordo, segundo a AEB, é praxe no setor espacial. Acordos semelhantes foram firmados com Rússia e Ucrânia, sem ameaça à soberania nacional. O Centro Espacial de Alcântara continuará, explicou a AEB, sob controle do governo brasileiro, assim como o Brasil manterá a supervisão das suas atividades.

À imprensa, logo após a assinatura do acordo, o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, comparou o acordo envolvendo o Centro de Alcântara a um aluguel. “A questão da soberania é perene para o nosso país. [Uma metáfora é] a questão do aluguel. Você tem um apartamento e aluga, a pessoa que aluga tem direito ao apartamento, não obstante você, obrigatoriamente, por meio de contrato, pode ter acesso ao apartamento para verificar as questões de estrutura. Acho que é uma metáfora interessante que pode proporcionar à sociedade o entendimento do que vem a ser esse acordo”, afirmou.

(Agência Brasil)

Caso Dandara – Polícia Civil cumpre mandado e prende foragido

Um homem acusado de participar da morte da travesti Dandara foi preso na última sexta-feira, 15, no bairro Barra Nova, em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). As informações são da Polícia Civil, responsável pelo cumprimento do mandado de prisão. O crime aconteceu em fevereiro de 2017

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriu o mandado de prisão contra Francisco Wellington Teles, de 51 anos. O homem era foragido desde março de 2017, quando a 1ª Vara do Júri da Comarca de Fortaleza.

Conforme a Polícia Civil, segundo as investigações, Wellington morava com a companheira em uma casa alugada e trabalhava com conserto de eletrodomésticos. No momento da prisão, ele não esboçou reação.

As investigações referentes ao caso apontaram que Wellington foi o responsável por levar a vítima até o local do crime. Desde então, o homem estava foragido.

O caso

Dandara foi espancada e morta no dia 15 de fevereiro de 2017, no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. Após o espancamento, ela foi levada em um carrinho de mão para um terreno e morta a tiros. O crime foi filmado e divulgado em redes sociais. No total, a Polícia indiciou 10 envolvidos no crime, sendo quatro adolescentes e seis adultos. Dos adultos, cinco foram levados à júri popular, em abril de 2018, e condenados. Restava Wellington.

(O POVO)

Senador Pompeu espera boa safra

O prefeito de Senador Pompeu, Maurício Pinheiro (MDB), o conhecido “Maurição”, encontra-se em Brasília nesta terça-feira. Tem audiências ministeriais e contato com parlamentares em busca de emendas.

Sobre a situação hídrica do seu município, comemora: “Nós temos açudes acumulando água, graças a essas boas chuvas e há uma perspectiva de grande safra, principalmente de milho e feijão”.