Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Deputado tucano quer disputar a Prefeitura de Fortaleza

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=lLjXPO1wzbo[/youtube]

O deputado federal e vice-presidente estadual do PSDB, Raimundo Gomes de Matos, quer mesmo disputar indicação para postular a Prefeitura de Fortaleza em 2016 pelo partido. Ele reiterou esse desejo para o Blog, lembrando que não transferiu de graça seu domicílio eleitoral de Maracanaú para Fortaleza.

Raimundo Gomes quer fomentar o debate sobre a cidade e colaborar com o processo de formação de uma frente das oposições na Capital.

DETALHE – Enquanto Raimundo Gomes mostra essa disposição, o presidente estadual do PSDB, Luiz Pontes, avisa que o melhor nome para a disputa seria o do deputado estadual e empresário Carlos Matos. O fato expõe uma certeza: o PSDB também tem suas alas e não esconde suas divergências internas.

Banco Central – Atividade econômica caiu 0,76% em agosto

“O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) apresentou queda de 0,76% em agosto, na comparação com julho. Esse dado é dessazonalizado (ajustado para o período). O IBC-Br foi divulgado hoje (16) pelo Banco Central (BC). De acordo com os dados revisados em julho, comparado ao mês anterior, a atividade econômica ficou praticamente estável (-0,01%). Neste ano, houve crescimento somente em maio (0,03%) e em fevereiro (0,57%).

Em agosto, comparado ao mesmo mês de 2014, houve de queda de 4,47%, de acordo os dados sem ajustes, pois a comparação é feita entre meses iguais.

Nos oito meses do ano, em relação ao igual período de 2014, houve queda de 2,99%. Em 12 meses encerrados em agosto, a retração chegou a 2,16% (dados sem ajuste).

O IBC-Br é uma forma de avaliar a evolução da atividade econômica brasileira a cada mês. Mas o indicador oficial sobre o desempenho da economia é o Produto Interno Bruto (PIB), elaborado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e divulgado trimestralmente.”

(Agência Brasil)

Emprego no setor industrial brasileiro registrou queda de 0,8% em agosto

desemprego

“O emprego industrial fechou o mês de agosto com queda de 0,8% no número de postos de trabalho, na comparação com o mês imediatamente anterior, no oitavo resultado negativo consecutivo, acumulando retração de 5,6%. Os dados foram divulgados hoje (16), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE)

Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, a retração em agosto foi 6,9%, neste caso o 47° resultado negativo consecutivo nesse tipo de confronto e o mais intenso da série histórica, que começou em janeiro de 2001. No índice acumulado no ano de 2015, o total do pessoal ocupado na indústria recuou 5,6%. O índice acumulado nos últimos doze meses, ao recuar 5,1% em agosto, manteve a trajetória descendente iniciada em setembro de 2013 (-1,0%).

O recuo de 5,6% acumulado nos oito meses do ano reflete taxas negativas nos dezoito setores investigados. As contribuições negativas mais relevantes sobre a média nacional vieram de meios de transporte (-10,4%), máquinas e aparelhos eletroeletrônicos e de comunicações (-13,1%), produtos de metal (-10,5%), máquinas e equipamentos (-7,2%), alimentos e bebidas (-2,4%), e outros produtos da indústria de transformação (-9,2%).”

(Agência Brasil)

Lavanderia popular que opera há 40 anos pode fechar

O Governo do Estado está desativando a Lavanderia Pública Dom Lustosa (Rua Ildefonso Albano esquina com Tenente Benévolo – entrada pela Tenente Benévolo – Meireles), que funciona há 40 anos. As 14 lavadeiras de roupas da região dizem não saber para onde ir e continuar o seu ganha pão.

Criada no Governo Virgílio Távora, por iniciativa da então primeira-dama Luíza Távora, as várias lavanderias públicas que funcionam em Fortaleza prestam serviço às comunidades onde estão instaladas e ainda geram emprego e renda.

A Associação das Lavadeiras, presidida pela lavadeira Salete Pedrosa, informa não saber o que será das suas 13 colegas de ofício. A única informação que chegou par elas é de que no local o governo pretende implantar um centro socioeducativo.

No prédio contínuo da lavanderia funciona um centro de apoio ao idoso, que também será desocupado.

Secretário da Justiça visita sistema prisional do Cariri

helioleitao

O secretário da Justiça e Cidadania do Estado, Hélio Leitão, está em Juazeiro do Norte. Na agenda dele, nesta manhã de sexta-feira, visita ás obras da Cadeia Pública desse município, prevista para ser entregue nos próximos meses.

Em seguida, o secretário visitará a Penitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC).

À tarde, Hélio leitão participará da inauguração do Observatório da Violência, ministrando palestra sobre o sistema prisional e a atuação do advogado. Isso, na Universidade Regional do Cariri (URCA).

 

O Centro tem de tudo e é barato

centro-feriado

Com o título “O Centro em números. E que números!”, eis artigo do presidente da Ação Novo Centro, Assis Cavalcante. Ele destaca o potencial econômico e humano do Centro de Fortaleza, mesmo com suas mazelas e problemas. Confira:

Muito já se tem escrito sobre o Centro de Fortaleza, é tema inesgotável, considerando a sua magnitude, beleza, expressividade para o povo cearense, seus moradores e ocupantes. O Centro rico em praças, monumentos, parques, escolas, boas casa de comércio, indústria, instituições públicas.

Dados da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SDE) atestam que o Centro possui 28.538 moradores, representando 1,2% de toda a população de Fortaleza; destes, conforme o censo de 2010 do IBGE, 45,5% são homens e 54,5%, mulheres. São pessoas privilegiadas, moram perto de tudo – trabalho, escola, lazer. No bairro entre comércio e serviços, são 7.800 (SDE, 2014) e 78 indústrias (Fiec, 2013). Números do Sine-IDT (2007) informam que quase 69 mil pessoas ocupam empregos formais, representando 17,64% de todo o contingente da capital, tornando o Centro o maior polo comercial do Estado.

Durante o dia, o Centro assemelha-se a um formigueiro humano, são 350 mil pessoas que residem, trabalham, fazem compras e turismo, passeiam. Aos sábados, 420 mil frequentadores. Nas grandes datas, esse público salta para 500/600 mil. 68% da população econômica ativa da Capital são atraídas por essa pujança.

A diversidade de lojas comercializando uma infinidade de produtos oportuniza aos consumidores fazerem suas pesquisas de preços e produtos. Acrescente-se a ótima infraestrutura local, a boa pavimentação, água, esgoto, transporte público.

Do ponto de vista da contribuição para a arrecadação do Estado, o Centro recolheu, em 2013, mais de 237 milhões de reais em ICM (dados da Sefaz), confirmando ser a 3ª maior arrecadação. Só em 2011, foi responsável por 16,59% de toda arrecadação do ICM estadual.

São 30 praças e 28 equipamentos culturais, entre outros, em uma extensão territorial de 5,45 km2. No entorno da Praça dos Leões está a maior concentração de prédios e monumentos históricos da cidade. Falamos da Igreja do Rosário, da Biblioteca Pública Menezes Pimentel, do Museu do Ceará, da estátua do General Tibúrcio e de Rachel de Queiroz.

Área de influência da cidade de Fortaleza é a 2ª maior do País: 786 municípios que dependem dela, direta ou indiretamente. São municípios do próprio CE, além do PI, MA, RN e PE. Essa área de influência representa uma população de 20 milhões e meio de habitantes, de acordo com o Anuário de Fortaleza (2012). E o Centro sempre no centro das atenções. Por quê? O empresário Pio Rodrigues responde: “O Centro tem de tudo e é barato”.

* Assis Cavalcante

assisvisao@secrel.com.br
Empresário e escritor.

Unicef lança campanha mundial contra a subnutrição infantil

“O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) lançou hoje (16), em Madri, a campanha Agora Não Podemos Parar, destinada a combater a subnutrição infantil, responsável pela morte diária de 8 mil crianças no mundo.

No Dia Mundial da Alimentação, comemorado nesta sexta-feira, o Unicef informou que a ideia é melhorar as condições de vida das crianças mais vulneráveis.

Em nota, o Comitê Espanhol do fundo destaca que a subnutrição aguda é “grave” e que continua a pôr em perigo mais de 17 milhões de crianças e é responsável por mais da metade das mortes na faixa etária até 5 anos.

“A subnutrição infantil tem efeitos devastadores na infância”, disse o presidente do Comitê Espanhol, Carmelo Angulo, que pediu a união da sociedade na luta contra essa “tragédia crônica”.

A campanha de combate à subnutrição tem foco sobretudo na prevenção, por meio de ações de conscientização e da oferta, entre outros produtos, de suplementos alimentares, tratamentos terapêuticos e leite a hospitais e centros de saúde.

A campanha prevê ainda maior trabalho das organizações da sociedade civil com comunidades locais sobre hábitos alimentares e promoção do leite materno.

O Unicef lembrou que campanhas anteriores sobre o mesmo tema, em colaboração com governos e organizações da sociedade civil, permitiram, de 2000 e 2013, diminuir a subnutrição crônica no mundo de 33% para 25%.

Em 2014, a agência das Nações Unidas apoiou mais de 2,3 milhões de crianças subnutridas em situações de emergência humanitária.”

(Agência Basil)

Padre Reginaldo Manzotti vista Camilo Santana

139 1

unnamed

Manzotti conversa com Camilo, sob olhares da primeira-dama Onélia Leite.

O governador Camilo Santana (PT) foi convidado, nesta manhã de sexta-feira, a prestigiar o VIII Evangelizar é Preciso, evento da Igreja Católica que ocorrerá neste sábado, a partir das 16 horas, no aterro da Praia de Iracema.

O convite partiu de uma das atrações do encontro, no caso o padre Reginaldo Manzotti, que foi recebido em audiência pelo governador, no Palácio da Abolição.

Além desse evento católico, o padre Reginaldo Manzotti convidou Camilo para a sessão solene da Assembleia Legislativa em que, dia 20 próximo, às 19 horas, receberá o título de Cidadão Cearense.

VAMOS NÓS – Será que Manzotti deu uma bênção especial em Camilo que, no último fim de semana, ganhou orações de pastores da Igreja Universal?

(Foto – Carlos Gibaja)

Governo Camilo deve R$ 40 milhões para empresas terceirizadas. Seplag questiona valores

hugo (1)

Da Coluna O POVO Economia, de Neila Fontenele, no O POVO desta sexta-feira:

Vinte e uma empresas das áreas de asseio, conservação e terceirização de mão de obra reclamam atrasos no pagamento dos serviços por parte do governo do estado. A dívida parcial já superaria a marca de R$ 40 milhões, com pendências de ajustes de contratos e parcelas mensais de prestação de serviço.

O sindicato do setor (Seasec), que possui 26 companhias associadas, diz que foi enviado um relatório à Secretaria de Planejamento do Estado (Seplag) e que está sendo decidido se as empresas entrarão individualmente na Justiça. Algumas das companhias reclamam que estão sem receber do governo há mais de um ano.

COLAPSO NOS SERVIÇOS

O presidente do Seasec, Paulo César Baltazar, explica que o sindicato ingressou com duas ações no Tribunal de Contas do Estado (TCE): uma pedindo a intervenção com relações aos atrasos no pagamento, e outra solicitando o pagamento de benefícios, como plano de saúde, que teriam sido acordados em convenção coletiva.

Caso não haja uma solução para o impasse, Paulo Baltazar ressalta que pode haver um colapso nos serviços, já que as empresas estão sem fôlego para arcar com os pagamentos. O problema pode ficar mais complicado com a proximidade da data para se honrar o 13º salário.

AVALIAÇÃO DOS VALORES

O secretário de Planejamento, Hugo de Figueirêdo, em entrevista à coluna, informou que está havendo uma negociação para a solução do problema. Ele conta que teve uma reunião com o presidente da Fecomercio, Luís Gastão, e no momento está sendo feito um levantamento dos valores.

“O Estado está sensível ao problema e haverá uma negociação caso a caso, com um levantamento específico de cada empresa”. Até o final deste mês, o secretário acredita que haverá uma resposta.

E aí, prefeito RC, topa doar parte do salário?

rclaudio-1

Da Coluna Política do O POVO desta sexta-feira, assinada pelo jornalista Érico Firmo:

Como já fizera a presidente Dilma Rousseff (PT) em relação a ela e seus ministros, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) propôs a redução de salário de seus mais graduados colaboradores. O gesto é mais simbólico que econômico. Pode soar populista, mas, num momento de crise, no qual sacrifícios consideráveis são impostos a grande parcela da população, a medida é importante para demonstrar que os governos também contribuem com sua cota de sacrifício.

No caso de Fortaleza, porém, um problema legal afeta esse simbolismo. O prefeito reduz os salários dos secretários e dos gestores dos principais escalões, mas não os dele próprio. Há uma razão objetiva para isso: o salário do prefeito representa o teto salarial do funcionalismo no Município. Caso haja redução, isso também significaria corte no salário de quem já ganha o teto. Isso afetaria não só gestores, mas também servidores concursados, por exemplo. Haveria até implicações legais.

O prefeito tem motivos justos para não reduzir o próprio salário. Porém, se o gesto é simbólico, sobretudo, essa imagem transmitida é drasticamente afetada. Para manter a sinalização pretendida, o que Roberto Cláudio poderia fazer era doar a parte correspondente de seu salário. Assim, tiraria a imagem de que a população e sua equipe pagam com os sacrifícios, mas não ele próprio.

DETALHE – Por falar em doar salários, o que se sabe é que o único parlamentar cearense que adota essa prática é o senador Tasso Jereissati. Ele, empresário bem sucedido, distribuir a verba entre várias entidades filantrópicas.

APA da Aratanha – Polícia Civil abre inquérito para investigar desmatamento

“A Polícia Civil instaurou um inquérito para investigar os crimes ambientais cometidos na Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra da Aratanha, em Maranguape (Região Metropolitana de Fortaleza). Pelo menos quatro hectares de Mata Atlântica preservada foram devastados para a construção de um imóvel particular, cujo proprietário ainda não foi identificado. Após denúncia do O POVO, há uma semana, a obra foi embargada pela Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace). Entretanto, segundo o órgão, o embargo foi descumprido na última quarta-feira, 14.

A situação foi constatada por fiscais da Semace, que foram até a área atingida acompanhados de homens do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA). Na visita, um dos operários regava gramas plantadas na margem de um lago construído com o represamento de uma nascente. Ele foi conduzido à Delegacia Metropolitana de Maranguape (DMM) para prestar esclarecimentos.

O delegado Paulo Cid, que responde temporariamente pela DMM, disse que o operário, cujo nome não foi informado, deu informações que servirão para identificar o responsável pelo desmatamento. Cid informou, porém, que não houve desobediência do embargo, já que o homem estava apenas “aguando a grama”. Entretanto, ele instaurou o inquérito e solicitou que uma equipe da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) fosse até o local para avaliar quais crimes que foram cometidos na região. Os operários foram informados que, se descumprirem o embargo, também responderão criminalmente.

Divergência

O diretor de Fiscalização da Semace, Thiago Bessa, afirmou que a obra, embargada sexta-feira da semana passada, avançou nos últimos dias. O órgão também busca identificar o responsável pelo desmatamento. “A intervenção no terreno continuou. Não mais com a derrubada de árvores. Mas com ações de terraplanagem e construção de um alicerce, por exemplo. Eles continuavam trabalhando na terra”, declarou.

Segundo ele, mesmo o fato de “regar gramas” no local representa crime ambiental, já que outra vegetação está sendo introduzida em área de preservação ambiental. “Cada infração cometida ali será denunciada ao Ministério Público. O responsável responderá na esfera administrativa, civil e penal”, garantiu.

(Demitri Túlio e Tiago Paiva – O POVO)

Eduardo Cunha diz que novo pedido de abertura de inquérito é ‘solução’ e não ‘problema’

EDUARDO CUNHA/ENTREVISTA

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse, nessa quinta-feira (15), que o novo pedido de abertura de inquérito  contra ele, protocolado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, no Supremo Tribunal Federal (STF) é “solução” e não “problema”, pois vai poder ter acesso às denúncias para preparar a defesa.

Em entrevista a jornalistas, Cunha reclamou que só tinha conhecimento das denúncias a partir das matérias publicadas na imprensa: “Eu tomei conhecimento por nota dos jornais, não fui notificado e meu advogado vai tomar as providências”, disse Cunha, que ironizou o fato: “Toda quinta e sexta-feira eu espero uma denúncia. Já virou rotina”.

Cunha também ironizou as informações de que está negociando com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva um “acordão” para não levar adiante nenhum pedido de impeachment feito pela oposição contra a presidente Dilma Rousseff, em troca de uma blindagem no Conselho de Ética da Câmara para a representação protocolada pelo PSOL e Rede Sustentabilidade, na terça-feira (13).

Ele negou ter se encontrado ou tratado da questão com o ex-presidente: “Vocês sempre insistem, como se eu estivesse escondendo encontro. Não falo com ele [Lula] por telefone há algum tempo, não falei com ele pessoalmente, não troquei telefonema. Ele não pediu para encontrar, eu não pedi para encontrar, não foi feito nenhum contato, essa é a verdade”, disse.

(Agência Brasil)

Conselho de Segurança da ONU convoca reunião de emergência

“O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) promove hoje (16) reunião de emergência para discutir o aumento da violência em Israel e nos territórios palestinos ocupados.

Os diplomatas dos países do grupo árabe nas Nações Unidas mantiveram encontro para discutir o assunto, na tarde dessa quinta-feira (15), quando encarregaram a Jordânia de fazer contato com a presidência espanhola do Conselho de Segurança a fim de organizar a reunião, informou o embaixador palestino na ONU, Riyad Mansur. O encontro foi marcado para as 11 horas (horário local).

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, tem pedido repetidamente calma, após semanas marcadas por atos de violência que deixaram pelo menos 30 mortos. “A situação é explosiva, o conselho deve assumir a sua responsabilidade, devemos fazer tudo para impedir o derramamento de sangue e, em seguida, discutir como proteger a população civil dos territórios palestinos”, destacou o diplomata.

A onda de violência em Israel e nos territórios palestinos nas últimas duas semanas tem feito aumentar o receio de uma reação popular na região, depois das de 1987-1993 e 2000-2005, que deixaram milhares de mortos.”

(Agência Lusa)

Fortaleza pode ter hub da TAP

140 1

foto chiquinho feitosa

Da Coluna Vertical, no O POVO desta quinta-feira (16):

Fortaleza poderá ser sede do hub da Transportes Aéreos Portuguesa (TAP). As conversações foram iniciadas pelo empresário Chiquinho Feitosa com a direção da empresa, em Lisboa, e tem por objetivo assegurar a atração do empreendimento para o Ceará.

Com esse projeto, a empresa planeja estruturar na região Nordeste a operação de seus voos regulares.

Fundada em 1945, a TAP é a maior companhia de bandeira portuguesa e opera, em média, cerca de 2.500 voos por semana, dispondo de uma frota de 77 aviões, sendo 61 Airbus. No total, oferta 82 destinos, atingindo 35 países.

Chiquinho Feitosa, suplente do senador Tasso Jereissati, apresentou à direção da empresa as condições de Fortaleza como a logística.

Lula orienta bancada do PT a não levar o tema do impeachment na ‘brincadeira’

foto lula ex-presidente

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva cobrou nessa quinta-feira (15) uma posição “firme” e “contundente” da bancada do PT na Câmara contra as investidas da oposição para pedir o impeachment da presidente Dilma Rousseff, conforme informou o líder do partido na Casa, Sibá Machado (AC).

De acordo com o líder, o ex-presidente orientou a bancada a partir para o enfrentamento com a oposição. “Ele orientou a bancada a não aceitar, como diz o ditado, ‘a não levar gato ensacado para casa’”. “Não tem essa sobre impeachment. É bateu, levou.”

Sibá Machado afirmou que a oposição não vai “levar o golpe na caneta”. Ele classificou como vexatória a tentativa da oposição de afastar Dilma por conta das chamadas pedaladas fiscais. O líder defendeu a prática do governo com o argumento de que ela serviu para garantir o pagamento de benefícios sociais, como o Bolsa Família.

Segundo Sibá, Lula fez um chamado para que o partido não trate o tema do impeachment como “brincadeira”. Segundo ele, o partido vai se “arregimentar para o embate que for necessário” com a oposição, além de envolver a sociedade e movimentos sociais no tema.

Machado avaliou o encontro como “muito positivo” e negou que Lula tenha vindo a Brasília para costurar um acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), para que ele não leve adiante o pedido de impeachment feito pela oposição.”Não sei de onde está vindo esse tipo de conversa”.

(Agência Brasil)

Salário mínimo na Venezuela terá aumento de 30%

“O pesidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou nessa quinta-feira (15) um aumento de 30% no salário mínimo a partir de novembro. “Para proteger o salário, decidi decretar um aumento do salário mínimo nacional de 30%”, disse Maduro, durante um encontro com trabalhadores na Siderúrgica de Orinoco (Sidor), em Guyana, a 700 quilômetros a sudeste de Caracas.

“Devem ajustar-se, imediatamente, todas as tabelas da administração pública, das Forças Armadas Nacionais Bolivarianas”, destacou, acrescentando que o aumento representa investimento extraordinário.

Com o novo aumento (o quarto em 2015), o salário mínimo dos venezuelanos sobe de 7.421,66 para 9.649 bolívares (de 1.033 para 1.343,49 euros), enquanto o subsídio de alimentação passa a ser 6.750 bolívares (939,84 euros).

Os venezuelanos queixam-se com frequência dos altos preços dos produtos, num país onde um café custa 70 bolívares (9,74 euros) e um quilo de carne bovina, 1.500 bolívares (208,85 euros) à taxa de referência oficial de 6,30 bolívares por cada dólar norte-americano. A taxa é usada para a importação de produtos prioritários.

Segundo Nicolás Maduro, o aumento vai “muito além” da inflação anual estimada, que “deverá ficar por volta de 80%”, apesar de o Banco Central da Venezuela não divulgar os dados oficiais sobre a inflação desde janeiro de 2015.

Segundo o Fundo Monetário Internacional e a Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal), a inflação anual na Venezuela deverá ser superior a 180%.”

(Agência Lusa)