Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Ignorar as ruas é sempre um erro

79 1

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (15), pelo jornalista Érico Firmo:

Desde o início das manifestações de rua e dos panelaços contra o governo, em março, a reação dos apoiadores do governo tem sido de ridicularizar os participantes do protesto. Nada muito original. O inverso ocorria quando eram os petistas que estavam na rua.

As estigmatizações são dos mais antigos instrumentos da política rasteira. Até porque, há de se convir, a matéria-prima tem sido farta, com produção em larga escala em Fortaleza: das dancinhas à apoteose da caricatura que é o Jair Bolsonaro (PP-RJ). Passando pelos cartazes de fazer corar, como os que defendem a sonegação e até o que pede “feminicídio sim”, carregado por uma mulher.

É difícil mesmo resistir à tentação do esculacho, mas, para o bem do governo, é necessário entender o recado que está além do ridículo. Para além dos posicionamentos situados entre o ridículo e o absurdo, os protestos de rua vêm indicando um sentimento que é real e é crescente.

E que está tão nítido nas pesquisas quanto, por anos, estiveram os recordes de popularidade de Lula e Dilma Rousseff. A insatisfação com o governo não está restrita a um setor social ou a determinadas regiões do Brasil.

O governo é impopular como nunca nenhum outro foi desde a redemocratização. Os governos que deram as costas à voz das ruas – e esse sentimento é sempre plural e diverso – invariavelmente se deram mal. Ouvir não significa necessariamente atender, concordar. Mas é preciso entender e oferecer respostas.

Para se recuperar, Dilma precisará atrair para seu lado, ou pelo menos, atenuar a repulsa de gente que estará na rua amanhã ou que apoiará os que estarão. Trocar de povo não é uma alternativa para o governo. Fazer-se de mouco, também não.

Cid Gomes acredita que manifestação deste domingo seja menor que anteriores

61 10

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=8R0q75Hw80w[/youtube]

O ex-governador Cid Gomes afirmou neste sábado (15) que a população deveria cobrar do Congresso Nacional que o espaço seja usado para a discussão dos problemas brasileiros, não para chantagem.

Cid se referiu às ações do presidente da Câmara Federal, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), contra a presidente Dilma. Segundo o ex-governador, o Legislativo Federal vive o pior momento da política brasileira.

Cid Gomes acredita que a manifestação contra o governo Dilma, neste domingo (16) deve ser menor que as anteriores. Para o ex-governador do Ceará, o país começa a viver outro movimento, que não estaria permitindo espaço para o golpismo.

Oposição pede PF nas ruas, neste domingo, para proteção dos manifestantes

68 1

O líder do DEM no Senado Federal, Ronaldo Caiado (GO), entrou com ofício no Ministério da Justiça pedindo que a Polícia Federal garanta segurança nas manifestações previstas para este domingo (16). O motivo do pedido foram as declarações feitas pelo presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas, durante cerimônia no Palácio do Planalto, de que as organizações sociais deveriam ir às ruas “com armas na mão se tentarem derrubar a presidente Dilma”.

O presidente da CUT afirmou depois que em nenhum momento sua intenção fora a de incitar a população a pegar em armas. “Foi um mal-entendido”, disse. “Obviamente eu não estava incitando a violência, eu me referia às armas da democracia e ao debate das ideias feito pela classe operária”, afirmou.

Caiado disse que pretende pedir ao Ministério Público Federal a abertura de inquérito contra Freitas por incitação ao crime (Artigo 286 do Código Penal) e por incitar a violação da ordem pública e a luta com violência entra as classes sociais (Artigo 23 da Lei de Segurança Nacional).

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, disse que as manifestações marcadas para este domingo são legítimas e que o governo brasileiro respeita a liberdade de manifestação. “Manifestar-se é um direito democrático e como tal deve ser tratado”, afirmou.

(Agência Brasil)

Efeitos dos protestos e a leniência com o Congresso

Em artigo no O POVO deste sábado (15), o jornalista Luiz Henrique Campos afirma que os protestos previstos para este domingo (16) servirão para avaliar o atual governo do PT. Confira:

Os protestos contra o governo da presidente Dilma Rousseff previstos para amanhã em algumas das principais cidades brasileiras serão importante para se avaliar o ânimo das ruas contra o atual governo do Partido dos Trabalhadores (PT), mas o seu efeito não pode ser entendido de forma isolada, principalmente depois dos fatos acontecidos nos últimos dias.

A primeira questão a ser levada em conta, e isso em vista da própria expectativa gerada pelos organizadores, é que o 16/8 terá de superar em muito a quantidade de pessoas presentes nos dois protestos anteriores. Caso não seja, será um retumbante fracasso, o que pode dar força à presidente.

Em sentido contrário, com as manifestações sendo bem maiores neste domingo, de nada adiantará o esforço se o Congresso Nacional continuar sendo poupado. E esse talvez tenha sido o maior erro das ruas até agora na concretização do intento de derrubar a presidente Dilma. Essa leniência com o parlamento desde as primeiras manifestações mostrou o quanto foi inócuo o efeito dos protestos.

Ou seja, a popularidade da presidente vem caindo, mas já há quase um consenso no Congresso de que o impeachment não seria o caminho, tanto que lideranças da oposição acenam agora com o pedido de renúncia. Sobre isso, Dilma dá de ombros, pois seu perfil não permite tal conjectura. O fato é que, sem uma pressão junto ao Congresso, as manifestações continuarão sendo belas caminhadas cívicas dominicais embaladas por dancinhas, mas sem maiores consequências.

Ressalte-se em relação ao Congresso, todavia, que o time de pressão sobre o parlamento para impulsionar a derrubada de Dilma pode estar comprometido. Se nas duas manifestações anteriores, tanto Renan, pelo Senado, quanto Eduardo Cunha, na Câmara dos Deputados, fritavam o governo, hoje a situação mudou. Cunha, grande baluarte anti-Dilma, está isolado das principais lideranças até mesmo da oposição; ao passo que Renan parece ter feito as pazes com o governo.

Efeitos disso podem ser sentidos esta semana com a presidente robustecida, tanto por agenda mais favorável como por cobrança de entidades da sociedade pela manutenção da institucionalidade e da convergência de interesses entre o governo e o Congresso.

Salmito afirma que grupo está unido para permanecer ou deixar o Pros

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=Zdd5CfY_ovo[/youtube]

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho, disse na manhã deste sábado (15) que o grupo político ao qual faz parte estará unido para deixar ou permanecer no Pros. Salmito lembrou da reunião na noite da segunda-feira (17), no Hotel Romanos, na Messejana, quando o grupo fará nova avaliação da atual situação política.

Dilma diz que o povo ensina também como ser governante

A presidente Dilma Rousseff disse em Salvador, durante de evento sobre o site Dialoga Brasil, canal de comunicação do governo com a população na internet, que o governo está aprendendo com a população a dialogar e receber opiniões e como ser governante.

“Agora estamos aqui aprendendo junto com vocês. Tem hora que desconfio que é a criança que educa a mãe. Ela ensina como ser mãe. O povo ensina também como ser governante, como ser capaz de trocar opiniões com vocês”.

Criado no fim de julho, o site tem por objetivo estimular a participação das pessoas nas atividades governamentais. Uma das novidades é que a população poderá conversar com os ministros, em bate-papo online.

No discurso, Dilma voltou a criticar os que tentam criar no Brasil uma situação do “quanto pior, melhor” e falou do seu orgulho, como ministra do governo Lula e como presidenta, de tudo que fez pela Região Nordeste.

“Quero fazer uma afirmação que podem falar que é um pouco pretensiosa desta presidenta, mas eu vou ousar fazer: se tem uma coisa que eu tenho orgulho de ter feito como presidenta e de ter participado como ministra, foi o que fizemos no governo [do ex-presidente Luiz Inácio] Lula [da Silva] e no meu governo em relação ao Nordeste do Brasil. E isso eles não vão tirar de nós. Jamais vão tirar de nós”, disse.

(Agência Brasil)

Roberto Cláudio diz que torce para que Eduardo Cunha tenha ‘mais juízo’

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=zdOmDX6FnLQ[/youtube]

Entre os pedidos na missa pelos seus 40 anos de vida, o prefeito Roberto Cláudio não esqueceu do presidente da Câmara Federal, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que, segundo o prefeito, não estaria à altura da função que exerce.

Para Roberto Cláudio, Eduardo Cunha precisa de “mais juízo” para não continuar construindo a “pauta que gera desgaste à economia”.

Igreja do Carmo lota em missa do prefeito

foto rc 150815 missa

A Igreja do Carmo, no Centro, recebe neste momento um grande número de pessoas, que assistem à missa pelos 40 anos do prefeito Roberto Cláudio. A missa é celebrada pelo padre Antonio Furtado. Entre os presentes, o ex-governador Cid Gomes; o presidente do Legislativo de Fortaleza, Salmito Filho; secretários municipais; políticos e populares.

(Fotos: Paulo MOska)

Prefeito pede bênçãos e força a Papai do Céu como presente, revela a primeira-dama

76 1

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=KTUaAbMBmlA[/youtube]

Nada de bolo, lembranças ou felicitações. O que o prefeito Roberto Cláudio pediu no dia do seu aniversário foi uma missa para alcançar bênçãos e força de Papai do Céu para seguir com a missão de administrar Fortaleza.

A revelação é da primeira-dama Carol Bezerra, que (aos risos) nada adiantou sobre o projeto da reeleição. Carol destacou o trabalho do marido à frente da Prefeitura de Fortaleza, como o projeto de parques infantis, quando 54 unidades serão entregues até o fim do ano, sendo duas a cada semana.

Brasil tem mais de 100 mil pontos de vacinação no Dia D contra a pólio

Este sábado (15) é o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, doença também conhecida como paralisia infantil. Mais de 100 mil pontos de vacinação espalhados por todo o país – unidades de saúde, postos volantes em escolas, praças e locais públicos – estarão abertos neste sábado durante a mobilização. Até o dia 31 de agosto, o Ministério da Saúde pretende imunizar, pelo menos, 12 milhões de crianças com idade entre 6 meses e 5 anos incompletos.

O Ministério da Saúde alerta que crianças com infecções agudas, febre acima de 38°C ou hipersensibilidade a algum componente da vacina devem ser avaliadas por um médico para saber se a imunização é indicada.

A paralisia infantil é uma doença infectocontagiosa e afeta o sistema nervoso provocando paralisia irreversível. Apesar de o Brasil não apresentar casos da doença desde 1990, o ministério alerta que é importante imunizar as crianças para evitar que a doença volte a ser registrada em território nacional, pois em outros países ainda há casos de infecção.

(Agência Brasil)

Cid anuncia reunião para discutir 2016

65 1

foto cid ferreira gomes

O ex-governador do Ceará, Cid Gomes (Pros) fez a primeira declaração oficial sobre as articulações para as eleições municipais de 2016. Ele anunciou reunião do seu grupo político para a segunda-feira (17), um dia depois dos protestos contra o Governo Federal e o PT. No encontro, deve ser anunciada a mudança partidária do grupo.

A mudança do grupo do ex-ministro para o PDT terá influência direta nos projetos para 2016. O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), candidato à reeleição, busca partido que tenha mais peso em relação ao tempo de propaganda no rádio e na TV, por exemplo. Ainda que todos os integrantes do Pros não migrem para o PDT, o diálogo com Roberto Cláudio seria o mais avançado para a filiação.

(O POVO)

Heitor Férrer destaca Lava Jato para consignados e lembra situação no Ceará

foto heitor deputado

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (15):

A 18ª Etapa da Operação Lava Jato, deflagrada pela Polícia Federal, trouxe para o centro da crise a investigação de contratos na área da concessão de crédito consignado a servidores federais intermediado pelo Ministério do Planejamento.

Com esse desdobramento, a questão voltou ao debate político na Assembleia Legislativa. Durante os governos Cid Gomes, o deputado Heitor Férrer denunciou a operação no âmbito da administração estadual. Em seu Facebook, ele destaca a operação da Polícia Federal e lembra de embates travados na gestão passada.

“Denunciamos isso aqui no Governo do Estado. A nosso pedido, há uma ação do Ministério Público tramitando na Justiça”, disse.

Coisa para ser apurada e que envolveria, a cada mês, R$ 3 milhões para gente da oficialidade.

Proteste faz ato contra cobrança da taxa de roaming pelas operadoras de celular

A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) promoveu nessa sexta-feira (14) no Aeroporto Santos Dumont, no Rio, um ato contra a cobrança da taxa de roaming pelas operadoras de celulares. Os passageiros e visitantes que passavam pelo saguão de desembarque do terminal se depararam com uma mala gigante e um casal, com roupas alusivas aos anos 1980 e 1990, conscientizando as pessoas de que pagar pela taxa é coisa do passado.

A Proteste explica que o roaming doméstico é a taxa que se paga quando o celular registrado em uma área, um DDD específico, faz ou recebe ligações em outra praça. “Isso vem da época em que as operadoras não eram nacionais. Então, quando o cliente de uma operadora da cidade A viajava para a cidade B, a primeira operadora compensava a segunda pelos custos com o cliente alheio.”

Atualmente, as principais operadoras têm atuação nacional e com antenas no Brasil inteiro, então não há a quem compensar. Ao viajar pelo país, o cliente pode ser atendido pela infraestrutura de sua própria operadora.

De acordo com a Anatel, a lei permite cobrar a taxa relativa ao roaming e, “embora prevista, as operadoras nem sempre fazem a cobrança. Depende muito do plano em que o assinante optou”.

(Agência Brasil)

Ilário Marques é nomeado para a Administração e Finanças da Companhia Docas

foto ilário marques quixadá

O ex-prefeito de Quixadá e ex-deputado estadual pelo PT, Ilário Marques, foi nomeado pelo ministro chefe da Secretaria dos Portos, Edinho Araújo, para a direção da Administração e Finanças da Companhia Docas do Ceará (CDC).

Para o vice-presidente do PT de Quixadá e secretário geral da União dos Vereadores do Ceará, Higo Carlos, a permanência de Ilário Marques como diretor das Docas deverá se estender até abril do próximo ano, quando o ex-prefeito disputará novamente a eleição para prefeito de Quixadá.

Comércio fecha no feriado de Nossa Senhora da Assunção

As lojas de Fortaleza que abrirem no feriado deste sábado (15), de Nossa Senhora da Assunção, estarão sujeitas à fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego, além do pagamento de multa. A não abertura das lojas integra acordo da Convenção Coletiva de Trabalho 2015 entre o sindicato patronal e o dos trabalhadores.

A coordenadora do Sindicato dos Comerciários, Elenice Pereira, disse ao O POVO Online que a lei não permite a negociação individual dos feriados. “O funcionamento dos feriados é discutido na Convenção Coletiva anual, em que cada sindicato apresenta seus interesses. Nós não podemos descumprir a lei, a questão deste feriado já estava agendada”, explicou.

Tânia Damasceno, gerente executiva do Sindlojas, lembra que o sábado é um dos melhores dias para as vendas, por isso houve a tentativa de abertura dos comércios. “Tentamos abrir essa exceção em virtude das poucas vendas registradas. Nós não esperávamos que [esse ano] ia ser tão ruim, está difícil para todo mundo. Infelizmente, mesmo com a proposta de abono salarial, recebemos não como reposta”, afirmou.

(O POVO Online)

“Caminhada com Maria” tem esquema de trânsito montado

A 13ª Caminhada com Maria, que acontecerá neste sábado, 15, data que é celebrado o dia de Nossa Senhora da AssunçãoPadroeira de Fortaleza, promete reunir religiosos e fiéis no Santuário de Nossa Senhora da Assunção, no bairro Vila Velha, onde acontece a concentração.

O evento contará com o apoio a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) para garantir o controle do tráfego e a segurança dos fiéis. De acordo com a prefeitura, serão disponibilizados 120 agentes do órgão e 40 orientadores do Via Livre, distribuídos em 45 viaturas e 20 motocicletas.

A operação dará início às 7 horas. Após a saída do cortejo, prevista para 14 horas, batedores e viaturas do órgão acompanharão a procissão que sairá do santuário em direção à Catedral Metropolitana, no Centro, realizando bloqueios temporários e desvios necessários, de acordo com o avanço da caminhada.

Interdição

Por conta do evento, a Avenida Leste-Oeste será interditada a partir de meio-dia nos dois sentidos, no trecho compreendido entre a ponte do Rio Ceará e a Av. Senador Robert Kennedy, com bloqueios ao longo das ruas Estevão de Campos, Gomes Passos, Jacinto Matos e Filomeno Gomes. A opção de desvio para quem trafega na avenida é seguir pelas vias Santa Elisa (Vila do Mar) ou Francisco Sá.

A AMC orienta que os veículos evitem trafegar na Av. Leste-Oeste e vias adjacentes no período de 14 às 20h. O tráfego será liberado à medida que a caminhada for prosseguindo. Ao chegar na Catedral, agentes de trânsito promoverão o isolamento das ruas de acesso onde ocorrerá a missa campal e permanecerão no local até a dispersão total do público.

Caminhada

O trajeto começa na Av. Dom Aloísio Lorsheider, segue pela Av. Benu Marcondes, Av. Mozart Pinheiro Lucena, passa pela Av. Desembargador Hermes Paraíba, Av. Coronel Carvalho, Av. Radialista José Lima Verde, R. Estevão de Campos, R. Peri, trafega por toda a Av. Leste-Oeste e Av. Alberto Nepomuceno.

Reforço de coletivos

De acordo com a Prefeitura, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) disponibilizará 70 coletivos extras, os quais estarão distribuídos entre os terminais de integração, Praça da Estação e Praça do Coração de Jesus, a partir de 6 horas da manhã até meia-noite.

Além do número de transportes de coletivos, 18 coletivos estarão disponíveis no terminal do Antônio Bezerra, 14 no terminal da Parangaba, dois no Conjunto Ceará, sete no Siqueira, quatro no Papicu e dois no Messejana farão a ligação direta dos terminais ao ponto inicial da caminhada na Avenida. da Leste-Oeste.

No período da noite, a partir das 18h, 23 carros estarão concentrados na Praça da Estação e 3 na Praça Coração de Jesus, para fazer o percurso do público de volta para casa.”

(O POVO Online)

Plenário pode votar projeto que corrige o FGTS pelo índice da poupança

O Plenário da Câmara dos Deputados pode votar, a partir de terça-feira (18), o projeto que reajusta os saldos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) pelos índices da poupança.

A proposta (PL 1358/15), de autoria dos deputados Paulo Pereira da Silva (SD-SP), Leonardo Picciani (PMDB-RJ) e Mendonça Filho (DEM-PE), prevê a mudança a partir de 1º de janeiro de 2016.

A medida tramita em conjunto com o PL 4566/08, da Comissão de Legislação Participativa, que prevê a aplicação do IPCA para corrigir os depósitos do fundo, mais os 3% anuais já incidentes.

Na terça-feira (11), a Comissão de Desenvolvimento Urbano promoveu uma mesa-redonda com sindicatos, movimentos sociais, associações de construtoras e confederações da indústria e do comércio para debater o tema. Todas elas se mostraram contrárias ao projeto, principalmente porque isso aumentaria a taxa de financiamento de imóveis nos programas habitacionais de baixa renda.

(Agência Câmara Notícias)