Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Da inocente arminha ao perigoso decreto

Da Coluna Guálter George, no O POVO deste domingo (12):

É o esforço de atender compromissos assumidos em campanha, sim, que levou o presidente Jair Bolsonaro na semana passada à assinatura de um decreto que estabelece uma espécie de liberou geral em termos da compra e do porte de armas no Brasil. Portanto, quem votou nele e agora se queixa da situação está jogando para plateia ou se insere naquele grupo que apoiou o então candidato acreditando que ele não seria capaz de fazer aquilo que prometia em palanque, especialmente nos pontos mais agressivos da parte bélica de seu discurso. Gente “ingênua”, com todas as aspas que esta qualificação exige no caso. A única coisa que ninguém pode dizer é que não sabia que poderia acontecer o que está se materializando a cada ocasião em que Bolsonaro aciona a simpática caneta Bic que carrega consigo para apor sua assinatura em algum papel timbrado.

No mundo político local, quem mais chama atenção nesse aspecto, do silêncio, é o senador Luis Eduardo Girão, do Podemos. Um pacifista convicto, um inimigo das armas, um defensor da vida em qualquer perspectiva, ao ponto de ter ganho notoriedade pública, antes mesmo de obter o mandato eletivo que hoje exerce, como líder de organizado e articulado movimento que se vinculava a grandes ações contra o aborto e pelo desarmamento, falando-se apenas das duas faixas nas quais assumiu maior protagonismo. Um propagador notório e entusiasmado da paz e da não violência que opta por se manter distante do debate, abrindo mão de um papel que a posição que hoje ocupa lhe garante. Em alguns aspectos, até exige.

Senador da República, com uma tribuna à disposição para fazer sua defesa enfática da distância das armas como a melhor estratégia de combate à violência que grassa entre nós, Girão nada disse até agora. De público, pelo menos. Enquanto a oposição se manifesta contra e vai à justiça, nomes importantes da bancada evangélica (base importante de apoio ao governo Bolsonaro) já disseram que não apoiam e se movimentam para desfazer a ação, especialistas apontam todas as inconveniências do caminho que se tenta adotar, o cearense Luis Eduardo Girão, com todo o envolvimento que tem com o tema, histórico, permanece silente.

Na última sexta-feira, dia em que Brasília esvazia e a tribuna do Senado costuma ficar à disposição dos poucos parlamentares que permanecem na cidade e na Casa, o representante cearense do Podemos foi ao espaço e o ocupou por longo tempo. A discussão sobre o tal decreto já no mundo com grande destaque, com as assessorias jurídicas das duas Casas do Congresso apontando sérios problemas técnicos, ministra da STF dando cinco dias para o governo explicar a história, tudo isso acontecendo e Girão lá, firme e indignado nos seus ataques ao…Supremo Tribunal Federal. Até cabem as críticas dele, centradas na escandalosa licitação para compra de lagostas, vinhos e uísques para as recepções que acontecerem na mais alta Corte do País, mas, naquele dia? Naquele momento?

O debate do decreto das armas, que está na ordem do dia da política, pede que todas as vozes aptas a contribuir se envolvam nele com toda a disposição e a força de que dispuserem. O ativista Luis Eduardo Girão teria razões para estar decepcionado com o senador Luis Eduardo Girão, fossem eles duas pessoas diferentes, caso o visse calado diante do que está acontecendo. Especialmente por saber que ele teria muito a contribuir, até pelo estilo pessoal, na construção de uma discussão mais serena, coisa muito difícil no Brasil de hoje e quase impossível diante da temática específica. A coluna até buscou a assessoria de Girão para saber de sua opinião e de sua movimentação (caso exista) no sentido de marcar posicionamento no debate. Até o momento em que este texto caminha para o ponto final, sem resposta.

Comissão debate na terça-feira a alta taxas de juros cobrada pelos bancos

149 1

A Comissão de Finanças e Tributação promove audiência pública, na terça-feira (14), para debater a cobrança de altas taxas de juros e tarifas pelos bancos. O autor do pedido de audiência é o deputado Luis Miranda (DEM-DF).

Ele critica, em especial, os juros do cartão de crédito rotativo e do cheque especial que chegam a valores em torno de 300% ao ano. “A recomendação de economistas é que os clientes bancários não usem essas modalidades, ou que, se necessário, as utilizem por um período de tempo muito limitado”, alertou.

Miranda quer esclarecer o porquê das altas taxas praticadas e ressalta a necessidade de o Legislativo propor soluções para o problema. “O alto patamar das taxas de juros cobradas pelos bancos inibem o consumo e também os investimentos na economia brasileira”, destacou.

(Agência Câmara Notícias)

Mamães do Jardim América ganham festa de agradecimento

Para o vereador de Fortaleza e médico Dr. Eron Moreira (PP), o Dia das Mães é uma data de agradecimento, não somente de lembrança e comemoração.

“É uma forma de também homenagear as mamães que não estão mais neste plano, pois a oração de agradecimento é uma só, para os filhos que têm a oportunidade de estar com suas mães e também para aqueles que só podem carregá-las agora no coração, como é o meu caso”, comentou Dr. Eron.

Ele participou de evento ao Dia das Mães, na praça Delmiro Gouveia, no bairro Jardim América. “É muita felicidade podermos ver a juventude participando desse momento de confraternização e celebração em uma época de distanciamento pela violência e pelo mau uso das redes sociais”, comentou.

(Fotos: Divulgação)

Endividamento e desemprego

109 1

Editorial do O POVO deste domingo (12) aponta que o endividamento das famílias no Brasil é resultado da falta de educação financeira, além. claro, do desemprego. Confira:

Às altas taxas de desemprego vem juntar-se, talvez como consequência, outro problema a afligir os brasileiros. Como divulgou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no trimestre fechado em fevereiro, o índice de desocupação ficou em 12,4%, acima dos 11,6% registrados no período encerrado em novembro. A taxa de subutilização da força de trabalho ficou em 24,6%, somando 27,9 milhões de pessoas nessa situação precária, pico de uma série histórica iniciada em 2012.

Já a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo mostra uma outra face dos tempos difíceis pelos quais o País vem passando. Em março, o percentual de famílias endividadas alcançou 62,4%, aumento de 1,2 ponto percentual, se comparado a março do ano passado, sendo também o maior patamar, desde setembro de 2015. Na comparação mais próxima, é a terceira alta mensal consecutiva de taxa de endividamento.

No quesito mais específico, de dívidas ou contas em atraso, também houve oscilação, passando de 23,1%, em fevereiro, para 23,4% em março. Em contrapartida aconteceu pequena redução, de 25,2% para 23,4% no percentual de famílias inadimplentes, comparando com março de 2018. Outro dado importante é que o percentual de famílias que declararam não ter condições de pagar suas contas em atraso e que, portanto, continuariam inadimplentes, aumentou de 9,2% em fevereiro para 9,4% em março deste ano. O uso do cartão de crédito foi apontado como o principal problema por 78% das famílias endividadas, seguido por carnês (14,4%) e financiamento de carro (10%).

Uma parte do endividamento pode-se atribuir à falta de educação financeira, que atinge boa parte da população brasileira, inclusive porque não é disciplina ministrada nas escolas – pelo menos na maioria -, nem mesmo como tema transdisciplinar.

Por outro lado, há de se admitir que a maior dificuldade mesmo é a falta de empregos, o que só poderá ser superado com o crescimento econômico, o que deveria ser a principal preocupação das autoridades brasileiras.

Somente Reriutaba apresenta bom volume de chuva neste domingo

Apesar das nuvens que cobrem quase todo o Ceará, somente o município de Reriutaba, no Noroeste do Estado, a 290 quilômetros de Fortaleza, registrou uma boa chuva, nas últimas 24 horas, segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Mesmo assim, a chuva não passou dos 23 milímetros.

A precipitação, de acordo ainda com a Funceme, é bem maior que as chuvas em outros quatro municípios cearenses: Paramoti, com 4.5 milímetros; Russas, com 3 milímetros; Camocim, com 2 milímetros; e Limoeiro do Norte, com apenas 1.6 milímetro.

Em Fortaleza, uma pequena chuva ocorreu na tarde desse sábado (11), nas proximidades da lagoa de Messejana. A precipitação, com menos de 30 segundos de média intensidade, sequer serviu para registro.

O calor deverá predominar em Fortaleza, na tarde deste domingo (12), e também nesta segunda-feira (13), com máxima de 33°C.

(Foto: Arquivo)

Juan Guaidó busca ajuda do Pentágono para resolver crise na Venezuela

O autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, pediu ontem (11/05) que seu representante diplomático nos Estados Unidos, Carlos Vecchio, se reúna com o Comando Sul – setor do Departamento de Defesa dos EUA responsável pela América Latina –, para uma possível cooperação para resolver a crise venezuelana.

Guaidó discursou para dezenas de pessoas em uma praça da zona leste de Caracas e reiterou que mantém com governos aliados, liderados pelos Estados Unidos, “todas as opções” sobre a mesa na busca de uma solução para seu país e que inclua a saída de Nicolás Maduro do poder. O líder oposicionista, que preside a Assembleia Nacional (Parlamento) da Venezuela, explicou que com a reunião também pretende “conseguir a pressão necessária” para acabar com a Revolução Bolivariana, no poder desde 1999.

“O tempo todo falei de cooperação (porque) a intervenção na Venezuela já existe”, disse, ao denunciar a suposta participação de cubanos na Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) e a presença da guerrilha colombiana Exército de Libertação Nacional (ELN) no país.

As declarações de Guaidó são feitas 48 horas depois de o chefe do Comando Sul dos Estados Unidos, Craig Faller, publicar uma mensagem no Twitter oferecendo ajuda ao opositor venezuelano.

“Quando Guaidó e o governo legítimo da Venezuela convidarem, vamos falar sobre o nosso apoio aos líderes da FANB para que tomem a decisão certa, que respeitem os venezuelanos primeiro, e seja restaurada a ordem constitucional. Estamos prontos”, afirmou o oficial do Pentágono.

O presidente do Parlamento venezuelano, reconhecido como chefe de governo por mais de 50 países, disse na quinta-feira que o seu país já passou da “linha vermelha” para pedir cooperação militar estrangeira, mas destacou que o mecanismo depende dos países que decidam prestar assistência nesse quesito.

Venezuelanos no Brasil

Após a reabertura da fronteira com o Brasil, centenas de cidadãos venezuelanos entraram na cidade de Pacaraima, em Roraima, para comprar remédios e mantimentos ou mesmo para solicitar refúgio, informaram neste sábado fontes oficiais brasileiras. Só na sexta-feira, a Operação Acolhida registrou a entrada de 893 venezuelanos no Brasil.

Desde o início da crise migratória na Venezuela, as Forças Armadas, que comandam a operação, mantêm um posto de recepção e identificação na fronteira, onde os venezuelanos que chegam passam por uma triagem, recebem assistência médica, são vacinados e podem solicitar refúgio ou residência temporária ao governo brasileiro.

(Agência Brasil)

Camilo Santana e Roberto Cláudio enviam mensagem ao Dia das Mães

Por meio das redes sociais, o governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio enviaram mensagens às mães cearenses. Camilo Santana destacou que as mães são trabalhadoras, guerreiras, mas também amorosas.

Já o prefeito de Fortaleza ressaltou que “é muito importante que a gente reconheça o papel de vocês (mamães), sempre”.

O governador e o prefeito reconheceram ainda a importância em suas vidas de suas mães e de suas respectivas esposas.

(Fotos: Reprodução)

Morre o ator e comediante Lúcio Mauro

O ator e comediante Lúcio Mauro (92) morreu no fim da noite desse sábado (11), no Rio de Janeiro. A informação foi dada por seu filho, o também ator Lúcio Mauro Filho. Ele estava internado na Clínica São Vicente, na Zona Sul do Rio, havia cerca de dois meses, com problemas respiratórios. A informação é do Portal G1.

Não há ainda informações sobre velório e sepultamento do ator.

Em março, Lúcio Mauro completou 92 anos, e seu filho, Lúcio Mauro Filho, compartilhou uma foto para festejar a data. Na imagem, Lúcio Mauro aparece com filhos, a nora, Cíntia Oliveira, e os netos, Liz, Bento e Luiza.

Lúcio de Barros Barbalho, mais conhecido como Lúcio Mauro, nasceu em Belém do Pará, no dia 14 de março de 1927. Estreou na Globo em 1966.

O ator integrou o elenco de alguns dos principais programas de humor da emissora, como “Chico City” (1973), “Os Trapalhões” (1989) e “Escolinha do Professor Raimundo” (1990).

(Foto – Instagram)

Ganhador dos R$ 289,4 milhões da Mega-Sena fez aposta online

121 1

Uma aposta acertou sozinha os seis números da Mega-Sena, em sorteio realizado na noite desse sábado (11), em São Paulo, e receberá o prêmio de R$ 289,4 milhões. A Caixa Econômica Federal não divulgou o município da aposta ganhadora, pois foi realizada pela internet.

Os números sorteados foram: 2324263842 e 49.

Já o prêmio acumulado da Quina foi ganho por uma aposta do município de Avelino Lopes, no Piauí, que receberá a quantia de R$ 3,2 milhões. Os números sorteados foram: 04 – 07 – 13 – 20 e 40.

Dieta irregular pode aumentar risco de morte por ataque cardíaco

Pessoas que tiveram infarto e mantêm dieta irregular – pulando o café da manhã e jantando perto da hora de dormir – têm de quatro a cinco vezes mais chances sofrer outro ataque cardíaco após 30 dias da alta hospitalar. O dado faz parte de trabalho desenvolvido na Universidade Estadual Paulista (Unesp) com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de São Paulo (Fapesp).

“Nosso estudo foi o primeiro a detectar esses atos [pular café da manhã e jantar tarde] na população infartada. Foi surpreendente descobrir como isso aumenta muito a chance de eventos ruins – morte ou novo ataque – em curto intervalo de tempo”, afirmou Marcos Minicucci, professor da Faculdade de Medicina de Botucatu (FMB-Unesp) e coordenador do projeto.

O professor destaca que já existia, na literatura científica, estudos que comparavam o hábito de não tomar café da manhã na população em geral com risco cardíaco. “Nosso estudo levanta uma hipótese: talvez esses hábitos ruins tenham uma repercussão muito maior do que na população em geral. No entanto, outros estudos precisam ser feitos para confirmar essa hipótese.”

Os resultados da pesquisa foram publicados no European Journal of Preventive Cardiology. O autor principal do estudo é o pesquisador Guilherme Neif Vieira Musse, que desenvolveu o estudo no mestrado, sob orientação de Minicucci.

O trabalho envolveu pacientes com uma forma particularmente grave de ataque cardíaco, chamado infarto do miocárdio com supradesnivelamento do segmento ST (STEMI). Foram avaliados 113 pacientes, entre homens e mulheres, durante um ano, de agosto de 2017 a agosto de 2018. A idade média dos pacientes avaliados na pesquisa foi de 60 anos e 73% eram homens.

Os participantes foram questionados sobre os comportamentos alimentares na admissão em uma unidade de terapia intensiva (UTI). O hábito de não tomar café da manhã foi caracterizado como jejum completo até o almoço, excluindo bebidas, como café e água. O jantar tarde foi definido como uma refeição dentro de duas horas antes de dormir, pelo menos três vezes por semana.

Minicucci aponta que não se sabe ao certo por que esses hábitos de tomar café da manhã e de não jantar perto da hora de dormir são bons. “A principal hipótese é que quem tem um hábito ruim deve ter outros hábitos ruins. Por exemplo, talvez essas pessoas que não tomam café da manhã, fumem mais, talvez elas sejam mais sedentárias, talvez tenham hábitos de vida pior do que a pessoa que toma café da manhã e janta mais cedo”, relacionou.

Ele acrescenta que é preciso investigar, no entanto, outros mecanismos que possam explicar a relação entre hábitos alimentares regulares e doenças cardíacas. “Também achamos que a resposta inflamatória, o estresse oxidativo e a função endotelial podem estar envolvidos na associação entre comportamentos alimentares pouco saudáveis e desfechos cardiovasculares”, afirmou.

(Agência Brasil)

Goiás 2 a 1 – Vozão é punido por esquema de empate e leva gol nos acréscimos

O Ceará pressionou o Goiás, na noite deste sábado (11) no Serra Dourada, pela quarta rodada do Brasileirão, dos 25 minutos do primeiro tempo aos 32 minutos da segunda etapa, enquanto esteve na desvantagem do placar. A derrota por 2 a 1, a terceira consecutiva na competição, soou como punição para o Vozão, que entrou em campo com o objetivo claro do empate.

O Goiás buscou o gol nos primeiros minutos de partida, enquanto o Ceará somente se defendia, com destaque para o goleiro Diogo Silva, que praticou três grandes defesas.

A equipe alviverde abriu o placar aos 25 minutos, após troca de passes até a entrada da área alvinegra, com Marlone chutando forte no canto direito. A partir daí, só deu Vozão, inclusive com bola na trave.

Na segunda etapa, o Ceará continuou a pressão, até os 32 minutos, quando Thiago Galhardo encontrou o canto esquerdo do gol adversário. Após o empate, o Ceará voltou a ser a equipe do início do jogo e recuou na tentativa de manter o empate. O castigo veio nos acréscimos, quando Barcia escorou para o gol vazio, após bola na trave.

O Ceará volta a campo no próximo domingo (19), no Castelão, diante do Grêmio.

(Foto: Reprodução)

Pesquisadores formam rede para investigar chikungunya no Brasil

Estudiosos da Rede de Pesquisa Clínica e Aplicada em Chikungunya (Replick) realizam em nove estados brasileiros a investigação de dois mil casos de chikungunya nas cinco regiões do país. O objetivo é descobrir a evolução da doença. A iniciativa é coordenada pelo Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, da Fundação Oswaldo Cruz (INI/Fiocruz).

O grupo é multidisciplinar e inclui desde profissionais da área da saúde, como médicos, fisioterapeutas e psicólogos, até economistas e cientistas sociais. Além da evolução dos quadros clínicos, os pesquisadores querem mapear os impactos da doença no trabalho, no lazer e no estado psicológico e emocional dos pacientes.

“A gente quer dados para entender melhor a doença e quais as formas de amenizar o sofrimento das pessoas”, diz o coordenador do INI/Fiocruz, André Siqueira, que também coordena a Replick. O infectologista explica que ainda há muitas perguntas a serem respondidas sobre a chikungunya, que foi menos estudada do que a dengue e a zika e tem se mostrado mais complexa e com uma maior diversidade de manifestações. Assim como a dengue e a zika, a chikungunya também é transmitida pela picada do mosquito Aedes aegypti.

Os pesquisadores também buscam entender a letalidade da chikungunya, que também é maior do que se pensava. “Havia uma impressão de que a doença causava dor e não causava óbito, mas isso está sendo revisto”, disse Siqueira. “Pode ser devido tanto ao efeito do próprio vírus como por ser uma doença que causa muita dor e leva ao uso de medicações que podem ser tóxicas em alta quantidade e isso acaba sendo outro fator de complicações”.

Até meados de abril, o Brasil teve 24 mil casos de chikungunya confirmados, uma taxa de incidência de 11,6 casos para cada 100 mil habitantes.

(Agência Brasil)

Lula pede ao STJ para cumprir pena em regime aberto

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva informou hoje (11) que recorreu da decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) de reduzir a condenação de Lula no caso do tríplex do Guarujá (SP) de 12 anos e um mês para 8 anos e 10 meses de prisão. Na petição apresentada, os advogados pedem que Lula deixe a carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba e passe para o regime aberto de cumprimento da pena.

No recurso, os advogados Cristiano Zanin e Valeska Teixeira sustentam que o tribunal deixou de analisar algumas teses defensivas. Segundo a defesa, o ex-presidente não praticou nenhum ato e não recebeu qualquer vantagem
indevida para beneficiar a empreiteira OAS, responsável pela construção do imóvel.

Ao pedir a a nulidade da sentença com base nas alegações, a defesa pede que seja garantido ao ex-presidente o direito de cumprir o restante da pena em regime aberto.

“O embargante [Lula] não praticou nenhum dos crimes aqui imputados ou outros de qualquer natureza que seja. Não obstante, não se pode ignorar que essa defesa técnica tem o dever ético de buscar, por todos os meios legais,
a liberdade do patrocinado sob todos os aspectos viáveis, sem prejuízo de preservar e reafirmar a garantia da presunção da inocência”, diz a defesa.

Lula está preso desde abril do ano passado na carceragem da Superintendência da PF na capital paranaense. A prisão foi determinada pela Justiça Federal, com base no entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF)
que autorizou a prisão após o fim de recursos na segunda instância da Justiça.

(Agência Brasil)

Série D – Floresta para nas mãos do goleiro do Ríver e perde a chance de assumir a liderança

Apesar do domínio integral da partida, o Floresta não conseguiu superar a defesa do Ríver, na tarde deste sábado (11), no estádio Domingão, em Horizonte, na Região metropolitana de Fortaeza, pela segunda rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. O nome da partida foi o goleiro Mondragon, com quatro grandes defesas.

Com o empate sem gols, a equipe cearense desperdiçou a chance de assumir a liderança do Grupo 4, após a estreia no empate em 1 a 1 com o Santa Cruz de Natal, na capital potiguar.

Na próxima rodada, no domingo (19), o Floresta enfrenta o Bragantino, no Pará.

(Foto: Arquivo)

Dia das Mães – Ciclofaixa de Lazer contará com três rotas neste domingo

A Prefeitura de Fortaleza realiza, neste domingo (12), de 7h às 13h, a 229ª edição da Ciclofaixa de Lazer, com três rotas em direção ao Passeio Público, no Centro. As Rotas Leste, Oeste e Sul passam por importantes vias que levam a um passeio pelo Centro Histórico da cidade, saindo, respectivamente, do início da ciclovia da Avenida Washington Soares, no bairro Cocó; da Praça Jonas de Freitas, no bairro São Gerardo; e da Praça da Nossa Senhora Aparecida, no Montese.

Para dar conforto e segurança aos participantes, a Guarda Municipal, a Autarquia Municipal de Transito e Cidadania (AMC) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) vão acompanhar e dar apoio durante todo o evento. O ponto de apoio do Cocó vai disponibilizar aluguel de bicicleta aos participantes e distribuição de mudas de plantas.

Idealizada em dezembro de 2014 pela Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), por meio do Plano de Ações de Imediatas de Transporte e Trânsito de Fortaleza (PAITT), a Ciclofaixa de Lazer consolida-se como uma importante opção de lazer, esporte e cultura aos domingos da capital e incentiva o hábito saudável da prática esportiva. O evento conta com a participação de 4 mil pessoas por edição.

Rota Leste

A Rota Leste sairá do início da ciclovia da Avenida Washington Soares em direção ao Passeio Público, passando pelo Ponto de Apoio do Anfiteatro do Parque do Cocó. O percurso seguirá pela Av. Padre Antônio Tomás, Av. Senador Virgílio Távora, Júlio Ibiapina, Abolição, Desembargador Moreira, Beira Mar, Rui Barbosa, seguindo pelas avenidas Historiador Raimundo Girão, Almirante Barroso, Pessoa Anta e Alberto Nepomuceno, chegando à Rua Dr. João Moreira e, na sequência, no Ponto de Apoio do Passeio Público, por trás da 10ª Região Militar.

Rota Oeste

A Rota Oeste vai ligar a Praça Jonas Freitas, conhecida como Praça dos Animais ou Praça do North Shopping, no bairro São Gerardo (Regional I), ao Passeio Público. O circuito passará pelas ruas Braz de Francesco, seguindo pela Avenida Bezerra de Menezes, depois pela Rua Justiniano de Serpa, em seguida para as avenidas Domingos Olímpio, Antônio Sales, Rua Carlos Vasconcelos, seguindo para o Aterro, aonde se conectará com a Rota Leste.

Rota Sul

A Rota Sul vai ligar a Praça da Igreja Nossa Senhora Aparecida, no bairro Montese (Regional IV), ao Passeio Público. O percurso partirá da Avenida Professor Gomes de Matos, seguindo pela Rua Jorge Dumar, depois pela Av. Eduardo Girão e Av. dos Expedicionários, seguindo agora pela Rua Barão do Rio Branco, indo em direção às avenidas Domingos Olímpio, Antônio Sales, seguindo pela Rua Carlos Vasconcelos, chegando ao Aterro, aonde se conectará com a Rota Leste.

(Com informações da Coordenadoria de Comunicação da Prefeitura de Fortaleza)

Vozão busca primeira vitória fora de casa

Com campanhas parecidas, mas com sabor de vitória diferente, Goiás e Ceará se enfrentam na noite deste sábado (11), a partir das 21 horas, no Serra Dourada, pela quarta rodada do Brasileirão. As duas equipes possuem três pontos, conquistados na abertura da competição. Também perderam as duas últimas partidas. Mas, enquanto o Goiás busca a primeira vitória em casa, o Vozão quer a primeira vitória como visitante.

O equilíbrio em campo, refletido no histórico do confronto no Serra Dourada, nos últimos 10 anos, com três empates em 0 a 0 e uma vitória do time da casa, por 2 a 0, não acontece entre as apostas online. Pelo palpite dos apostadores, o Goiás possui 42.1% de chances de vitória, contra 33.7% de empate e 24.1% de vitória para o Vozão.

Para incentivar a equipe, a diretoria do Goiás não cobrará ingresso para mulheres, em homenagem ao Dia das Mães.

(Foto: Divulgação)