Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Instituto Chico Mendes premia cerâmica cearense

A indústria cearense Cerâmica Assunção, do Grupo Tavares, acaba de ganhar o prêmio “Gestão Sócio-Ambiental” do Instituto Chico Mendes. O presidente do grupo, Lourival Assunção Tavares e sua filha, Aline, receberam a premiação durante solenidade em São Paulo, no Clube Sírio. Foi durante o I Forum Empresarial Chico Mendes de Sustentabilidade.

O grupo cearense foi agraciado com o prêmio substituir a lenha nativa por biomassa na geração de energia térmica durante a produção de sua cerâmica. Pode ser considerado biomassa todo recurso renovável que provêm de matéria orgânica tendo por objetivo principal a produção de energia.

 

Passagem de ônibus de Fortaleza subirá para R$ 2,40

foto ônibus 141223 comportamento
Saiu o reajuste das passagens de ônibus de Fortaleza. Segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) divulgou, nesta tarde de terça-feira, a tarifa subiu para R$ 2,40. O reajuste foi de 9,09%, conforme divulgado em coletiva de imprensa na sede da empresa. A nova passagem passará a ser cobrada nos coletivos a partir do dia 16, sexta-feira. O preço praticado era de R$ 2,20.
 

A Etufor destacou que o valor é reajustado, após dois anos sem mudanças, está abaixo da inflação (Índice Geral de Preços do Mercado – 12,34%) e do que estava sendo reivindicado pelos empresários do setor. O  Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus) propôs, em novembro, aumento de 13, 64%.

Ministros do STF vão ganhar R$ 33.763, que será o teto do funcionalismo no País

180 5

“A presidenta Dilma Rousseff sancionou hoje (12) o aumento salarial dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e do procurador-geral da República. O salário de R$ 33.763,00 serve como referência para o teto do funcionalismo público.

O valor, que entrou em vigor no último dia 1º, representa um aumento de 14,6% sobre o salário anterior, de R$ 29.462,25. Ele também deve criar uma espécie de efeito cascata, pois serve de referência para a definição dos salários de juízes, promotores, deputados federais e estaduais, senadores, secretários, governador, vice-governador, prefeitos e vereadores.

A lei com o novo salário dos ministros do STF foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira. Na ocasião, a presidenta também autorizou a criação da gratificação de substituição para os juízes que acumularem funções de outras jurisdições.

Poderão receber o benefício os membros da Justiça Federal, da Justiça do Distrito Federal, da Justiça do Trabalho e da Justiça Militar da União. A gratificação pode representar aumento de um terço no subsídio mensal de juízes que substituírem colegas em férias (por 30 dias) ou atuarem em mais de uma corte. Contudo, os valores não poderão ultrapassar o teto do funcionalismo.”

(Agência Brasil)

Pelo direito de discordar

Com o título “Posso não concordar com o que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lo”, eis artigo de Rodrigo Cardoso, estudante de Direito da Universidade de Fortaleza. Ele aborda liberdade de expressão, repercutindo ainda o recente ataque ao jornal francês Charlie Hebdo. Confira:

O maior ataque terrorista na França desde 1835, aconteceu semana passada em Paris. O crime aconteceu no escritório do jornal satírico “Charlie Hebdo”, que já havia sido alvo de um ataque no passado após publicar uma caricatura do profeta Maomé. A revista foi criada após a morte do general Charles de Gaulle, quando o governo francês proibiu a veiculação no jornal satírico “L’Hebdo Hara-Kiri” da manchete: “Baile Trágico em Colombey: um morto.”. Uma sátira da morte do general de Gaulle.

Os cartunistas contornaram a situação, lançando um novo jornal, o “Charlie Hebdo”. Assim, nascia o jornal mais comentado do mundo no momento, cujo nome foi inspirado em Charlie Brown, um personagem de histórias em quadrinhos. O Jornal foi semeado do pensamento criativo nascido nas barricadas estudantis de maio de 1968. Ele possui alguma semelhança com o saudoso Pasquim, criado no mesmo período, mas sem a genialidade do jornal brasileiro.

As charges do jornal ultrapassavam o limite, tanto que era baixo o número de vendas. Mas, não existe nenhuma atenuante para o fato ocorrido na França, como alguns tentam propagar.

Porém, não há nada mais oportunista que a tentativa de ganhar politicamente com uma tragédia, tentando ligar esse violento atentado contra o jornal Charlie Hebdo com o projeto de democratização da mídia no Brasil ou a boa relação diplomática brasileira com o Estado Islâmico. Algumas pessoas tentam usar uma atrocidade feita por psicopatas autoritários e liberticidas para usufruir-se politicamente. Não podemos confundir a ação de islâmicos terroristas extremistas com todos os muçulmanos. A Universidade de Al Azhar, a segunda mais antiga do mundo e principal autoridade do Islã sunita, destacou a “extrema gravidade” do crime.

O ato que aconteceu em Paris deve ser repudiado por todas as pessoas na luta pela não violência no mundo, mas também devemos acrescentar no nosso repudio todas as barbáries cometidas pelo mundo, na maioria das vezes pelos próprios estados. A marcha contra o terrorismo na França comoveu a todos, e foi a maior manifestação da história de Paris. Mas, como em toda manifestação existem os oportunistas de plantão, que buscam espaço para aparecer na mídia, colocam óleo de peroba na cara e pregam o que não praticam, como foi o caso de diversos chefes de estado que participaram da marcha.

O caso mais emblemático foi do líder israelense Benjamin Netanyahu, que ordenou as mortes de mais de duas mil pessoas inocentes na última ofensiva em Gaza, incluindo idosos, mulheres e crianças. O governo francês não queria sua participação no evento, mas para aparecer o líder israelense forçou a barra, em busca de visibilidade, tendo em vista as eleições em Israel que se aproximam.

Infelizmente, o ato terrorista deve reforçar o sentimento anti-islâmico e anti-imigrante na União Europeia, que já estava contaminada por um sentimento de ódio contra esse povo. A extrema-direita europeia deve ganhar frutos políticos com o atentado. A líder da extrema direita francesa, Marine Le Pen, aproveitou o momento de tensão no país para propor a pena de morte na França, um ato demagógico para ganhar saldo político com a morte de inocentes, logo a extrema-direita francesa que era uma das principais vítimas do jornal satírico “Charlie Hebdo”.

Acho que ser Charlie nesse momento não deve ser motivado pelo que o jornal escrevia, que era de péssimo gosto, por sinal, nem para idolatrar a publicação, mas porque devemos ser contra o uso de qualquer forma de violência para coibir a liberdade de opinião, mesmo discordando dela.

O ideal seria que o lema da Revolução Francesa norteasse o Mundo, principalmente a Europa e a França após os fatos que ocorreram em Paris, ou seja: “Liberté, Egalité, Fraternité” (Liberdade, igualdade, fraternidade) para todos.

As consequências após os fatos ocorridos na França devem ser trágicas, mas devemos lutar para que as consequências sejam opostas aos ataques de triste memória ocorrido nos Estados Unidos no 11 de Setembro. Devemos lutar que esse episódio em solo francês tenha um saldo positivo para o mundo, que, deveria ser; Mais AMOR menos ÓDIO e mais PAZ menos GUERRA.

* Rodrigo Cardoso,

Estudante do Curso de Direito da Unifor.

Sindicato dos Bancários do Ceará vai botar seu bloco de pré-Carnaval na rua

Botequim dos Bancários_19.12.14

Nem só campanha salarial ou protestos contra possíveis privatizações na área vive o Sindicato dos Bancários do Ceará. A categoria  vai botar seu bloco de pré-Carnaval na rua. Ou melhjor, no Mercado dos Pinhões, onde fará a concentração da folia.

O bloco “De Magote Não Tem Quem Derrote” vai se apresentar no pré-carnaval de Fortaleza nos dias 17, 24 e 31 deste mês e no dia 7 de fevereiro, sempre das 17 às 21h30min. Na animação, a bateria própria comandada pelo ritmista Mestre Lee, conhecido por sua atuação em diversos blocos e escolas de samba de Fortaleza e do Rio de Janeiro.

Os ensaios da bateria desse bloco, que sairá na folia pelo terceiro ano, acontecem três vezes por semana na sede do Sindicato.

VAMOS NÓS – Dizem que o bloco dos bancários não precisa correr atrás de Rei Momo, pois já tem o seu: o presidente do sindicato, Carlos Eduardo Bezerra, que, por sinal, é fofinho, segundo as bancárias de plantão.

 

Capes libera atrasados dos seus bolsistas

“Os estudantes de pós-graduação com bolsas atrasadas tiveram os valores depositados hoje (13) em suas contas. São bolsistas da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), de mestrado e doutorado, que recebem, respectivamente, R$ 1,5 mil e R$ 2,2 mil.

Segundo Tamara Naiz, presidente da Associação Nacional dos Pós-Graduandos, alguns bolsistas estavam sem receber desde dezembro. Cerca de 38 mil mestrandos e doutorandos recebem bolsas para fazer pesquisas. Os alunos bolsistas devem se dedicar integralmente às atividades acadêmicas, ficando proibidos de ter vínculos empregatícios.”

(Agência Brasil)

Camilo finaliza diálogo com parlamentares estaduais

10915160_1587208251511762_2528217469124909195_n

O governador Camilo Santana (PT) está cumprindo, nesta terça-feira, uma agenda puramente política. Nesta tarde, após receber o candidato a presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT/SP) – ao lado da vice, izolda Cela, e do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, ele está concluindo conversas que vem mantendo, desde a semana passada, com deputados estaduais eleitos e reeleitos.

Nesse diálogo, entram até parlamentares da oposição como Ely Aguiar, presidente estadual do PSDC e crítico da segurança; Fernando Hugo (SD), com perspectivas de assumir cadeira; e Carlomano Marques, do PMDB do senador Eunício Oliveira, candidato derrotado ao Governo.

Passada essa, fase agora é ouvir a bancada federal cearense, segundo informam assessores do Palácio da Abolição.

(Foto – Facebook do Governador)

O BBB 2015 vem aí…

secretarsiado

Calma!

Não é lista de secretariado ou coisa parecida. E ninguém aqui, ao contrário do Pedro Bial, foi anunciado pelo irmão dele, Alberto Bial, que, por sinal, mora em Fortaleza e treina o time de basquete cearense.

Esse pessoal aí em cima é a nova turma do BBB que, a partir de terça-feira, vai começar a aparecer na Globo.  E a perturbar a paciência de muita gente.

Prefeitura de Maracanaú manda consertar iluminação de avenida denunciada por leitor

Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Maracanaú, este Blog recebeu nota, em tom de resposta a uma queixa do leitor Girlano Márcio sobre problemas de iluminação de avenida desse município da Região Metropolitana de Fortaleza. Confira:

Caro Eliomar de Lima,

O Governo Municipal de Maracanaú informa que a iluminação pública na Avenida Padre José Holanda do Vale está em total conformidade. Esclarece, ainda, que apenas alguns pontos luminosos, localizados nas laterais da avenida, estavam com defeito.

A empresa responsável, Citéluz, já foi autorizada a realizar a manutenção desses respectivos pontos. Informa ainda que a iluminação especial de Natal, realizada em vários pontos da cidade, está sendo retirada de acordo com o critério de instalação das mesmas.

O Município já revisou o sistema de iluminação da Cidade, trocando as antigas luminárias e lâmpadas por outras modernas e econômicas, que iluminam duas vezes mais, a fim de garantir mais segurança ao cidadão e inibir a criminalidade.

A população pode solicitar os serviços de iluminação pública, através do número 0800.727.7173.

Ministro da Fazenda diz que ajuste econômico não é um “saco de maldades ou pacotes”

101 1

943357-café da manha_1

“O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, descartou um“saco de maldades ou pacotes” para fazer correções na economia e nas contas do governo. Em encontro com jornalistas que cobrem o setor e acompanhado do primeiro escalão da área econômica, Levy fez questão de mostrar que as mudanças serão compatíveis com a proposta do governo de elevar a poupança pública.

Ele não informou, porém, quais tributos poderão ser elevados ou ajustados, mas, sobre os gastos, citou medidas recentes do governo para aumentar o rigor na concessão de benefícios da Previdência Social. “[As primeira medidas] se pautam na preservação do direito, mas fazem ajuste de distorções e excessos que só servem para enfraquecer os direitos.” Segundo o ministro, o governo está atuando para evitar desperdícios.

Saiba Mais
Joaquim Levy descarta pacotes econômicos e promete transição suave
Para Joaquim Levy, a intenção de uma pensão é proteger um pai que, porventura, tenha sofrido acidente ou falecido. “Não é [conceder] uma renda vitalícia para alguém que tenha capacidade de trabalhar e é independente. No caso dos impostos, também. Qualquer movimento será compatível com nosso objetivo”, destacou.

Na mesma linha, o ministro defendeu o “realismo tarifário”. “É um desafio importante no momento em que se deve reorientar a economia. Temos de fazer coisas que tenham um mínimo de impacto na atividade econômica”, avaliou. Levy deixou claro que não haverá repasses do Tesouro Nacional para o setor elétrico para equilibrar a conta de energia, ficando a cargo dos consumidores o aporte final por meio das tarifas.

Para justificar os ajustes que o governo pretende realizar , Levy comparou o governo com famílias que têm orçamentos e devem honrá-los.”

(Agência Brasil)

 

Ecofor lança campanha para atrair colaboradores

A Ecofor Ambiental, que responde pela limpeza urbana de Fortaleza, lançou a campanha “Trabalhar na Ecofor é legal”. O objetivo é divulgar vagas disponíveis para o cargo de coletor.

A campanha, que será veiculada em rádios, elemídia e espaços alternativos (cartazes, banners e tevês em casas lotéricas), conta a história de colaboradores que encontraram na empresa uma oportunidade de crescimento.

Cita, por exemplo, o caso de José Renato, analista de operações que atua há 10 anos na Ecofor, depois de ter iniciado sua carreira como gari. 

SERVIÇO

* Para concorrer às vagas, os interessados devem preencher uma ficha cadastral na Av. Rogaciano Leite, esquina com Henrique de Castro, s/n, Jardim das Oliveiras.

* Mais informações: (85) 3474-5800. Não há exigência de experiência profissional, basta saber ler e escrever. Os benefícios são piso salarial da categoria, vale refeição e cesta básica.

TCM botará bloco na rua para fiscalizar Prefeituras e seus contratos de Carnaval

Um ofício foi expedido nesta terça-feira pelo presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, conselheiro Chico Aguiar, e destinado a todos os 184 prefeitos cearenses. O objetivo: informar aos gestores que o órgão botará seu bloco na rua para fiscalizar e acompanhar tudo sobre contratos de Carnaval.

O TCM observa que, num cenário de dificuldades econômicas que todos os municípios estão passando, por motivos diversos, e, em função disso, alerta: é melhor ninguém osuar empregar dinheiro público na contratação de festas carnavalescas.

As Prefeituras estão se queixando de queda nos valores do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), o que exigirá corte de despesas e controle nos excessos. Portanto, ok TCM lembra sobre punições para quem inverter prioridades por causa do reinado de Momo.

Secretário da Segurança Pública terá reunião com dirigentes de associações militares

aspramece

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Estado, delegado federal Delci Teixeira, vai receber às 11 horas de sexta-feira, na sede da pasta, o presidente da Associação de Praças da PM e Corpo de Bombeiros do Ceará (Aspramece), Pedro Queiroz, e demais representantes de associações militares para conversar sobre os problemas e possíveis soluções para a melhoria das condições de trabalho dos profissionais de segurança pública (PMs e BMs).

Para Pedro Queiroz, esse encontro é “de suma importância”, pois irá tratar diretamente com o secretário de Segurança dos problemas que assolam os PMs e BMs, como também de requerimentos que já foram protocolados na SSPDS e Palácio da Abolição.

Há clima de confiança entre a tropa e o titular da SSPDS, de acordo com Pedro Queiroz. Entre os assuntos da reunião, a escala de serviço e as promoções. O presidente da Aspramece irá tratar de questões ainda como tabela da campanha salarial 2012/2014 – acordo assinado pelo antigo governo Cid Gomes e pautas como código de ética da Polícia Militar, demissões de militares, nomeação e posse de policiais sub judice que atingiram a pontuação para o concurso, remanescentes PMs e BMs, dentre outros temas.

DETALHE – Antes, às 8 horas desta quinta-feira, o secretário Delci Teixeira receberá, na sede da SSPDS (Bairro São Gerardo), o deputado estadual eleito Capitão Wagner (PR).

Arlindo Chinaglia inicia agenda de campanha em Fortaleza

82 1

arlindodod

Chinaglia recepcionado no aeroporto velho por Guimarães.

Arlindo Chinaglia (PT/SP) está em audiência, neste momento, no Palácio da Abolição, com o governador Camilo Santana (PT). Ele expõe os porquês de sua candidatura a presidente da Câmara dos Deputados e, logo em seguida, almoçará ali mesmo com um grupo de parlamentares federais sob articulação do deputado federal petista José Nobre Guimarães.

(Foto – André Zangão)

Caso Molinari – Em liberdade, farmacêutica terá encontro com sua mãe

CARIOCA-MIRIAN-FRANA
 

A mãe da farmacêutica Mirian França, 31, Valdicéia França, 63, deve encontrar a filha pela primeira vez, desde a prisão da carioca, nesta terça-feira, 13, em Fortaleza. A previsão é que Valdicéia embarque no Rio de Janeiro, em um voo da Gol, e desembarque em Fortaleza por volta das 17h, de acordo com o advogado dela na capital cearense, Michel Coutinho.

Suspeita de matar a italiana Gaia Molinari, morta em Jericoacoara no dia 25 de dezembro, Mirian França foi presa em 29 de dezembro após apresentar contradições no depoimento. Nesta terça-feira, 13, o juiz José Arnaldo dos Santos Soares, da comarca de Jijoca de Jericoacoara,revogou a prisão temporária da farmacêutica, presa na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap).

Segundo o advogado da mãe de Mirian, eles aguardavam apenas a liberação da farmacêutica para promover o encontro das duas, após a chegada de Valdicéia. A carioca foi liberada na manhã desta terça.

Durante a prisão de Mirian, mãe e filha se comunicaram apenas uma vez, por telefone. A ligação foi intermediada pelo vereador João Alfredo (PSol) e pelo advogado de Valdicéia.

Farmacêutica abalada

O POVO Online conversou com a defensora pública Gina Moura, responsável pela defesa da farmacêutica. Ainda a espera da intimação oficial da decisão do juiz José Arnaldo, a advogada comentou a situação de Mirian.”Ela está muito abalada com a situação e muito constrangida com veiculação da imagem dela. Ela não tem qualquer antecedente criminal e é muito bem quista com a comunidade acadêmica”, disse Gina.De acordo com a advogada, a Defensoria Pública continuará trabalhando na defesa da carioca para esclarecer os fatos. “Vamos acompanhar com muita responsabilidade, respeitando o trabalho da Polícia, de forma colaborativa. A própria Mirian se comprometeu a dar apoio necessário e colaborar com as investigações”, finaliza a defensora.”
(POVO Online)
* Confira nota da SSPDS com anúncio da libertação de Mirian:

A Polícia Civil do Estado do Ceará informa que a presa temporária Mirian França, que estava custodiada na Delegacia de Capturas e Polinter, em Fortaleza, foi colocada em liberdade, na manhã desta terça-feira, 13, após o cumprimento da decisão judicial que revogou a prisão da mesma. Mirian França, antes de ser liberada, realizou exames de corpo de delito, na sede da Perícia Forense do Estado do Ceará, e em cumprimento a ordem judicial, assinou um termo de compromisso de não se ausentar do Estado nos próximos 30 dias, além de se responsabilizar pelo comparecimento a todos os atos investigativos, quando a autoridade policial responsável entender que é necessária a sua participação.

SSPDS.

Alô, Semace! Estão derrubando árvores em Itaitinga

arvoiress

arvores2

arvv

Do professor Mateus Reis, da Escola Estadual de Educação Profissional Professor Aristóteles de Sousa, em Itaitinga (Região Metropolitana de Fortaleza), recebemos a seguinte nota, em tom de alerta e indagações à Semace:

Caro Eliomar de Lima,

Ao me conduzir à Escola Profissionalizante professor Aristóteles de Sousa, no bairro da Ponta Serra, em Itaitinga, a entrada da rua se anunciava com um conjunto de frondosas mangueiras no bairro das Malvinas, que sempre acenavam nossa chegada.

Hoje fui surpreendido com esta destruição em passos largos em plena luz do dia. Máquinas a derrubar as árvores frutíferas de longas datas, em prol de que ainda não sabemos.

Fiquei de coração partido principalmente pela cidade ter poucas arborizações.
E o que mais me revolta é o fato de as árvores estarem localizadas nas esquinas do quarteirão, logo não havia necessidade de tal destruição.

É de se fazer pena!! Fico na torcida para que o poder público salve as demais!

Atenciosamente,

* Mateus Reis
Professor de Administração
EEEP Professor Aristóteles de Sousa.

Há limites para a liberdade de expressão?

111 1

Com o título “Tênue e perigosa fronteira”, eis artigo de José Nilton Mariano Saraiva, economista da UFC e aposentado do BNB. Ele aborda o caso do ataque ao jornal francês Charlie Hebdo e o alcance do direito de expressão. Confira:

A priori, e com absoluta convicção, que fique bem claro: assim como meio mundo e a outra banda pensa, também entendemos como vil, inadmissível e covarde, sob qualquer ângulo que se observe, o atentado ao jornal francês (e as mortes daí decorrentes).

No entanto, e já que a questão está posta à mesa, bem que se poderia aproveitar a ocasião para tentar esclarecer dúvidas ou questionamentos pertinentes: afinal, qual o alcance desse tal “direito de expressão” ou “liberdade de imprensa”? Não haveria aí uma certa “subjetividade” caolha, um certo “excesso” de bondade, uma determinada e indesejável “liberalidade”, para com os integrantes de tal segmento?

Ou o “agredir”, “desonrar” ou “injuriar” publicamente se enquadraria em tais conceitos? O “enxovalhar” com outrem, em razão de divergências político-religiosa-cultural, poderia ser considerado algo “normal”, “direito” ou “permissível”? A tentativa de incitar terceiros contra uma determinada instituição, cultura ou crença (e a imprensa tem esse poder, sim), se enquadraria como “aceitável”, mesmo que através de “inocentes” (?), mas, paradoxalmente, ácidas e auto-explicativas “charges-(pseudo)humorísticas” (?) como restou comprovado ser a característica marcante do Charlie Hebdo?

Não custa lembrar (guardadas as devidas proporções), que por essas bandas algo parecido (na essência) aconteceu recentemente, quando o panfleto da Editora Abril (a revista ÓIA-Veja) antecipou o lançamento de sua edição semanal para manchetar em capa (sem que houvesse nenhuma prova comprobatória) que “Lula e Dilma sabiam de tudo” (sobre os malfeitos da Petrobras). E não só os brasileiros como todos com um mínimo de neurônios consideraram tal iniciativa um autentico “jogo sujo”.

Assim, repetimos a fim que dúvidas não pairem e/ou julgamentos precipitados sejam externados: em sã consciência ninguém é favorável a que qualquer ser humano seja “executado” de forma violenta e covarde por essa iniciativa (falta de respeito a instituições, crenças ou pessoas, literalmente), mas, não seria o caso de se pensar duas vezes (o “escriba”, lá na origem, quando com o papel à frente e a caneta à mão) antes de tentar “descredenciar de graça e irresponsavelmente” um presumível “adversário”?

Afinal, se no Ocidente veneramos um ser superior a quem denominamos “Deus” e a ele exigimos respeito, por qual razão lá no Oriente as pessoas não podem venerar e exigir respeito ao “seu” ser superior, denominado “Maomé’? Como aceitar seja ultrajado, gratuitamente?

Juntando as pontas, a verdade é que é perigosamente imperceptível (sob qualquer ótica), a fronteira entre o “poder” teoricamente albergado no tal “direito de imprensa” ou “liberdade de expressão” e a convivência pacifica de povos de “credos díspares” ou “culturas antagônicas” (até porque os fundamentalistas são, na acepção plena do termo, isso mesmo, fundamentalistas; e, pois, jamais abririam mão dos seus princípios, por mais que os consideremos radicais).

Assim, embora a comoção que tomou conta de todos (insuflada pela imprensa, sim) com o ocorrido em Paris, seja de certa forma compreensível (afinal, Paris é Paris), também deveria servir de uma séria reflexão sobre os “excessos” do “quarto poder” (a imprensa), antes que dele nos tornemos reféns. A propósito, aqui em Fortaleza, no bairro denominado Bom Jardim, todos os dias uma “carrada” de gente é fuzilada sumariamente e sem piedade, sem que a imprensa repercuta (afinal, assim como Paris é Paris, Bom Jardim é Bom Jardim e… estamos conversados).

Alfim entendemos que antes de adentrarmos e bradarmos tratados sociológicos ou coisa parecida, a respeito, urge que nos questionemos seriamente sobre essa tênue e perigosa fronteira: afinal, qual o alcance desse tal “direito de expressão” ou “liberdade de imprensa”??? Seria o mesmo que os “anarquistas” usam para exigirem “democracia”, quando dos seus excessos em manifestações?

Mas… anarquia e democracia por acaso têm alguma semelhança uma com a outra? Não são amazônica e diametralmente opostas? Como esconder-se atrás de uma para justificar a outra, se tão paradoxais?

José Nilton Mariano Saraiva,

Economista da UFC e aposentado do BNB.

Zé Airton e Luizianne não almoçarão no Abolição

zluiziannebrasilia

Luizianne não bota os pés no Abolição.

Dois petistas não vão sentar à mesa do almoço do Palácio da Abolição, que receberá, dentro de instantes, o deputado federal Arlindo Chinaglia (PT/SP), candidato a presidente da Câmara: o deputado federal José Airton e a deputada federal eleita e ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins.

Ambos estão ausentes do Estado e de um compromisso por demais divulgado pela direção do PT estadual e por assessores do Governo do Estado.

Luizianne Lins, principalmente, não comparecerá por nunca ter acatado o fato do governador Camilo Santana (PT) ter sido eleito com apoio dos Ferreira Gomes, seus desafetos políticos.

José Airton estava em São Paulo e não participou do receptivo de Cinaglia porque tratava de assuntos particulares. De lá, voou para Brasília, onde participou de reunião com a coordenação nacional do Movimento PT e com o secretário-geral do partido, Geraldo Magela. Nesta quarta-feira, haverá reunião com o presidente nacional petista, Rui Falcão.

DETALHE – José Airton apoia Chinaglia que, aliás, é da sua mesma corrente petista.