Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Capef promove seminário sobre cenários da economia

A Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Nordeste do Brasil (CAPEF) realizará, nos dias 26 e 27 deste mês de novembro, o XXV Seminário de Investimentos e Benefícios. O evento ocupará espaços no auditório do Banco do Nordeste, no bairro Passaré, em Fortaleza. O cenário econômico e as perspectivas da economia e do segmento previdenciário são o tema central.

Realizado anualmente desde 1994, o encontro, segundo a assessoria de imprensa da Capef, reunirá especialistas de instituições financeiras renomadas do País, profissionais de investimentos do BNB e da Capef, além de fundos de pensão da região e participantes dos planos administrados pela entidade. Um representante da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) está entre convidados.

SERVIÇO

*Para participar do evento, inscrição gratuita clicando aqui.

Fortaleza será sede da maior feira de logística de transportes do País

Fortaleza vai ser da Feira Nacional de Logística, a Expolog 2018 .

O encontro ocorrerá nos dias 28 e 29 deste mês de novembro, no Centro de Eventos, e terá como tema central “Intermodalidade e a Conexão Global no Brasil Pós-Paralisação”.

Um dos conferencistas confirmados é o secretário especial do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República, Adalberto Santos de Vasconcelos, que abordará “Os Desafios da Infraestrutura Nacional”.

(Foto – Reprodução de Youtube)

Marcha dos Prefeitos vai cobrar do STF perdas do rateio dos royalties do petróleo

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) está mobilizando prefeitos de todo o País para uma Marcha sobre Brasília.

Desta vez, o objetivo da mobilização, que ocorrerá nos dias 19 e 20 próximos, é entregar um abaixo-assinado, com mais de 80 mil apoiadores, cobrando do Supremo Tribunal Federal o julgamento da ação que suspendeu a distribuição dos recursos arrecadados coma exploração de petróleo (royalties).

A medida está prevista na lei 12.734/2002, mas o julgamento já se arrasta por seis anos e , de acordo com estimativa da CNM, os Municípios, nesse período, devem ter deixado de arrecadar mais de R$ 19 bilhões pelo Fundo Especial do Petróleo (FEP).

No dia 20, os prefeitos farão um ato em frente ao prédio do STF para entregar o manifesto nas mãos do presidente do Supremo, Dias Toffoli.

A Confederação Nacional dos Municípios informa que a Advocacia-Geral da União (AGU) e  Procuradoria-Geral da União (PGU) estão endossando o movimento municipalista.

*Confira aqui o valor do seu Município e participe do abaixo-assinado.

Comarca de Reriutaba vai promover leilões

A Comarca de Reriutaba ((278 km da Capital) vai realizar, no próximo dia 20 de novembro, leilões de bens no Fórum Municipal. Ao todo, segundo a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Ceará, vão ser leiloados três terrenos urbanos (a partir de 80 mil) e uma motocicleta avaliada em R$ 4.566,66. O primeiro leilão terá início às 9 horas e o segundo às 10 horas. os detalhes constam em edital, publicado no Diário da Justiça da última sexta-feira.

Os interessados em arrematar os bens deverão comparecer ao local do evento no dia e horário mencionados. Também poderão ofertar lanços pela internet, pelo site www.cearaleiloes.com.br, até a data do leilão presencial. Para garantir o bem arrematado, é necessário efetuar cadastramento prévio, no prazo de até 24 horas de antecedência do evento, confirmar os lanços e recolher a quantia respectiva na data designada para a realização do leilão.

O pagamento deverá ser realizado de imediato pelo arrematante, por depósito judicial ou por meio eletrônico, conforme o artigo 892 do novo Código de Processo Civil. Os bens serão adquiridos livres e desembaraçados de quaisquer ônus, até a data da expedição da respectiva Carta de Arrematação ou Mandado de Entrega, excetuando-se as obrigações Propter Rem (cotas condominiais).

As custas e despesas do processo até então realizadas, e eventuais tributos existentes, serão pagos com o valor depositado pelo arrematante. As despesas de arrematação, comissão de leiloeiro e demais despesas ficarão por conta do arrematante.

Sebrae promove o II Festival de Gastronomia e Cultura de Aracati

O Sebrae vai promover, de quinta a sábado próximos, o II Festival de Gastronomia e Cultura do Aracati (Litoral Leste). O evento ocupará espaços na tradicional Rua Alexanzito, popularmente conhecida como “Rua Grande”, tombada pelo Patrimônio Histórico e Cultural.

O festival celebrará os 176 anos de emancipação política de Aracati, oficialmente comemorado no último dia 25 de outubro. Por conta do sucesso de sua primeira edição em 2017, salta neste ano de 14 para 26 estandes e ganha um dia a mais.

Na programação, variedade de ofertas gastronômicas e uma diversidade de atividades culturais, tais como os bonecos gigantes de Hélio Santos, apresentação da Banda Jacques Klein, shows musicais de MPB, pop/rock, blues, jazz, forró pé de serra, declamação de poesias e danças regionais. Já estão confirmados como shows de encerramento a cada dia: Jackson Sobreira, na quinta; Thiago Quiçá, na sexta; e a banda Barra de Aço, no sábado. A Prefeitura entra com apoio logístico.

(Foto – Divulgação)

Izolda Cela entrega nesta quarta-feira o Centro Socioeducativo de Sobral

A governadora em exercício Izolda Cela vai entregar, às 9 horas desta quarta-feira, o Centro Socioeducativo de Sobral (Zona Norte). O projeto é da responsabilidade da Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo (Seas) e foi construído em parceria com o Departamento de Arquitetura e Engenharia do Estado do Ceará (DAE). O objetivo é reforçará o abrigar jovens de 12 a 18 anos da região, em cumprimento de medida de internação (6 meses a 3 anos), determinadas pelo Sistema de Justiça.

O Centro Socioeducativo de Sobral foi construído com investimento de aproximadamente R$ 25 milhões, conforme os preceitos do Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase) e do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), e tem uma área total de cerca de 19 mil m² e capacidade para abrigar 90 jovens.

A nova estrutura conta com seis blocos de dormitórios, quatro blocos de salas de aulas e oficinas profissionalizantes, quadra poliesportiva, anfiteatro, refeitório e um campo de futebol de areia, além de salas equipadas para atendimento médico e de enfermagem, serviço social, psicologia, pedagogia, e de recepção às famílias, parentes e amigos dos internos.

DETALHE – Será a terceira unidade instalada na região administrativa Sertão de Sobral, que já conta com o Centro Socioeducativo Zequinha Parente e o Centro de Semiliberdade de Sobral.

(Foto – Divulgação)

Feriado da Proclamação da República – Confira o que vai funcionar

E aí, preparado para o Feriadão da República? Bem, confira os serviços que funcionarão nesta quinta-feira, 15:

1. Supermercados

De acordo com a Associação Cearense de Supermercados (Acesu), o segmento terá funcionamento normal.

2. Comércio de rua

Segundo o Sindicato do Comércio Varejista e Lojista de Fortaleza (Sindilojas), os estabelecimentos do Centro e de outros locais da cidade terão ponto facultativo.

3. Postos de combustíveis

Funcionarão normalmente, segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis Minerais do Estado do Ceará (Sindipostos).

4. Metrô

Não haverá funcionamento do Metrô de Fortaleza neste feriado, conforme o Metrofor. Na sexta-feira, 16, as linhas voltarão a operar normalmente.

5. Shoppings

As lojas, quiosques e praças de alimentação funcionam normalmente. Inclusive, o Off Outlet Fashion Fortaleza.

6. Cagece, Enel e outros serviços do gênero garantem o plantão no atendimento.

Trânsito e Defesa Social

Com o título “Trânsito e Defesa Social”, eis artigo de Irapuan Diniz de Aguiar, advogado e professor. No instante em que a imprensa noticia uma reforma administrativa no próximo governo Camilo Santana, ele aproveita para fazer suas ponderações e análises. Confira:

Retomo a abordagem de um tema já tantas vezes focalizado sem, no entanto, haver obtido qualquer ressonância junto aos governantes. Refiro-me a desvinculação do DETRAN da órbita de atuação da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, iniciativa tomada ainda no primeiro governo Tasso Jereissati, mas que perdura até hoje. Ora, é inquestionável que o conjunto automóvel-homem constitui-se num dos ícones da sociedade contemporânea. O cotidiano de todos nós é marcado pela presença demorada no trânsito e a maioria dos acontecimentos de nossas vidas está associada ao uso do carro e das vias públicas.

Apesar disso, pela completa ausência de uma visão estratégica específica e homogênea do aparelho de segurança pública e defesa social, o governo cearense insiste em manter seu órgão de trânsito à margem desta importante área da administração pública, com a qual guarda plena identidade e afinidade. Em função desta visão desfocada da realidade, os denominados “governos das mudanças” cometeram este grave equívoco e, a despeito das posteriores reformas administrativas promovidas pelos governos que o sucederam, a descabida desvinculação permanece. Inicialmente o DETRAN passou a integrar a estrutura organizacional da extinta SETECO, após a Secretaria de Infraestrutura, estando hoje vinculada, ao que parece, à Secretaria das Cidades, que, segundo informações da imprensa, retornaria a compor, a partir de janeiro, a Seinfra.

A qualquer dirigente não é dado desconhecer que o DETRAN é um órgão prestador de serviços com atribuições básicas de licenciar veículos, habilitar motoristas e cuidar da educação de trânsito. Sua inclusão, por conseguinte, na estrutura de um órgão incumbido de cuidar da infra-estrutura só pode ocorrer com total desprezo à lei que o instituiu e numa ofensa a mais elementar regra de organização administrativa. No plano federal, o DENATRAN e o CONTRAN, integram, respectivamente, os Ministérios das Cidades e da Justiça, a quem cabem à coordenação das diretrizes estratégicas das vias urbanas e da segurança pública, e não ao Ministério dos Transportes.

A Delegacia Geral da Polícia Civil, por seu turno, dispõe de unidades administrativas com atribuições que guardam correspondência com as atribuições exercidas pelo DETRAN, de que são exemplos a Delegacia de Acidentes de Veículos, a Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (nova sede recentemente inaugurada vizinho a autarquia), o Instituto de Criminalística, incumbido de atender as ocorrências de trânsito das quais resultem vítimas, sem mencionar a própria atuação operacional da Polícia Militar.

Nesta complexa área do governo, o manejo dos cadastros é altamente estratégico em termos de cultura técnica dos policiais e um fértil campo de observação tática, capaz de fundamentar grandes programas de prevenção e repressão a tais delitos. Integrar, pois, a atividade de controle de veículos e condutores à segurança pública, é providência que não deve mais tardar. O assunto merece, por isso mesmo, ser reexaminado pelo atual governo.

*Irapuan Diniz Aguiar,

Advogado e professor.

Pão de Açúcar promove evento de vinhos para a clientela

O Pão de Açúcar vai promover um encontro semanal com atendentes de vinhos, treinados pelo enólogo Carlos Cabral, especialista em vinhos e que integra o grupo. O objetivo, segundo a assessoria de imprensa da rede, o objetivo é proporcionar aos clientes experiências relacionadas ao universo da gastronomia e prazer de comer e beber.

O evento, com duração de uma hora, acontecerá no Espaço Café ou nas áreas de vendas de vinhos, semanalmente, sempre às quintas-feiras, a partir das 19 horas. Em Fortaleza, ocorrerão nas lojas Center Um (Shopping Center Um – avenida Santos Dumont, 3130) e São João (Avenida Santos Dumont, 1169) nos dias 15, 22 e 29 deste mês de novembro. A expectativa é expandir os eventos para mais lojas em breve.

Degustação

O bate-papo, que acontece em tom informal, é gratuito e aberto ao público, e inclui degustação de vinhos, curiosidades sobre a bebida, dicas de harmonização e outras informações para os apreciadores de vinhos, como a recomendação de rótulos mais apropriados para cada ocasião. As vagas são limitadas a 20 participantes por encontro.

(Foto – Divulgação)

Fortaleza será sede do maior evento do setor de energia elétrica do País

325 2

Vem aí o Sendi 2018, o maior evento do setor elétrico do Brasil. Acontecerá no período de 20 a 23 deste mês de novembro, no Centro de Eventos, tendo como objetivo promover a troca de experiências entre as empresas distribuidoras de energia elétrica.

A Enel Distribuição vai ciceronear o encontro, que tem a coordenação do diretor Osvaldo Férrer. A parceria é com a Associação Brasileira das Distribuidoras de Energia Elétrica (Abradee).

Geraldo Luciano agora vai falar para jovens empresários

A Associação dos Jovens Empresários de Fortaleza (AJE) receberá, em seu programa Almoço Empresarial, Geraldo Luciano, vice-presidente do Grupo M. Dias Branco.

O encontro ocorrerá a partir das 12h30min de sexta-feira, na cobertura da sede da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec). Geraldo falará sobre sua trajetória e experiências profissionais.

Mas, como também circula no meio politico-partidário, será questionado sobre cenários 2020.

(Foto – Tapis Rouge)

Comissão da Assembleia aprova projeto que incentiva adoção de animais em todo o Estado

A deputada estadual Fernanda Pessoa (PSDB) comemora.

O projeto de lei nº 92/2018, de sua autoria, que “Institui o Programa de Incentivo à Adoção de Animais Abandonados no Estado do Ceará”, recebeu, nesta manhã de terça-feira, parecer favorável durante a reunião da Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa.

Fernanda Pessoa destaca ser necessário incentivar a adoção para diminuir o número de animais abandonados.

Tem razão a parlamentar. Se em Fortaleza, cães e gatos povoam praças, mesmo com entidades atuando e a Prefeitura circulando com o Vetmovel, o que é um problema, imaginemos o problemão no Interior, onde a cultura da adoção de animais não é difundida.

(Foto – ALCE)

Bolsonaro, um candidato que primou pela superficialidade em seu discurso

182 1

Com o título “Não”, eis artigo de Ricardo Alcântara, escritor e publicitário. “Elegendo Bolsonaro, aquele terço da população disse “não” a tudo isso e, com o desabafo, deu cheque em branco a um candidato que primou pela superficialidade em seu discurso e imprecisão nas suas propostas. Agora, é pagar pra ver”, diz o articulista. Confira:

É comum avaliações de resultados eleitorais definirem seus fatores em dois grupos: Política e Comunicação. Mas não há dicotomia irredutível entre eles: fundamentalmente, política é comunicação (ideia, mensagem, convencimento) e vice-versa, todo ato de expressão conduz valores subjetivos que implicam em uma visão de mundo. Eleito o presidente, muitos já notaram como diferencial de sua campanha o uso intensivo de comunicação digital. Fato. E, como todo fato, precisa ser contextualizado. Foi relevante, sim, como meio, ainda mais considerando sua carência de estrutura (partidos, tempo de televisão e até atividades de rua por força do atentado).

Mas há razões de fundo, mais determinantes. Como outros, eu estava certo ao apontar no início da campanha a parcela de responsabilidade dos candidatos democráticos pelo favoritismo de Bolsonaro quando, em artigo publicado neste espaço, defini como “uma grave omissão” a recusa em compreender o profundo anseio de ordem na sociedade e construir um discurso compatível com tal expectativa, admitindo, enfim, a condição excepcional em que o País se encontrava.

Declarar apoio à Lava Jato e mandar recado para bandido, como alguns fizeram, foi inútil diante do tsunami que já se erguia no horizonte. Nenhum candidato, exceto o vitorioso, deu àquele anseio uma resposta à altura de sua intensidade. Corrupção e criminalidade impulsionaram com tal força o vetor eleitoral que prioridades relacionadas ao quadro econômico foram relegadas a segundo plano.

Tudo isso foi parar numa conta única: a dos profissionais da política, com acento maior numa reação anti-PT, a experiência de poder mais recente e partido que contrariou compromissos éticos que nem de longe soube honrar. Elegendo Bolsonaro, aquele terço da população disse “não” a tudo isso e, com o desabafo, deu cheque em branco a um candidato que primou pela superficialidade em seu discurso e imprecisão nas suas propostas. Agora, é pagar pra ver.

*Ricardo Alcântara

opiniao@opovo.com.br

Escritor e publicitário.

Projeto que cria fitoterápico à base de copaíba é contemplado em edital do CNPq

304 1

A Universidade Federal do Ceará foi uma das seis instituições do País que projeto aprovado no edital de inovação em produtos fitoterápicos lançado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). A informação é da assessoria de imprensa da Instituição, adiantando que a iniciativa foi coordenada pelo professor Edilberto Rocha Silveira, do Departamento de Química Orgânica e Inorgânica da UFC.

O projeto tem por objetivo desenvolver um fitoterápico de baixo custo à base de óleo de copaíba, espécie vegetal que apresenta ação anti-inflamatória e cicatrizante, típica das florestas amazônica e mata atlântica, mas também encontrada no Ceará. A ideia é elaborar um produto para utilização em lesões cutâneas, como as escaras, problema recorrente, principalmente, em pacientes com dificuldade de mobilidade física ou idosos de baixa renda, usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Outro problema comum no Brasil, detectado sobretudo em pacientes do SUS, são as lesões cutâneas ocasionadas pela desidratação da pele, muito frequentes em pessoas idosas, e os consequentes ferimentos causados pelo hábito de coçar. Somam-se a isso outros tipos de lesões, provocadas por queimaduras, por exemplo.

Multidisciplinar

O projeto aprovado pelo CNPq, que já está em andamento, receberá financiamento do órgão e terá duração de três anos. Na UFC, o trabalho integrado e multidisciplinar envolve o Laboratório de Fitoquímica de Plantas Medicinais (LAFIPLAM) e o Laboratório de Polímeros e Inovação de Materiais de Química, do Departamento de Química Orgânica e Inorgânica; o Setor de Produção de Medicamentos e Cosméticos do Departamento de Farmácia; e o Departamento de Farmacologia.

O estudo envolve, ainda, pesquisadores do Laboratório Multiusuário de Química de Produtos Naturais da Embrapa e do Departamento de Antibióticos da Universidade Federal de Pernambuco.

(Foto – UFC)

Papa Francisco visitará o Marrocos em 2019

O papa Francisco fará uma visita ao Marrocos nos dias 30 e 31 de março de 2019. A informação foi divulgada nesta terça-feira pelo escritório de imprensa do Vaticano. A viagem acontecerá após o convite do rei do Marrocos, Mohammed VI, e dos bispos do país, e o pontífice visitará as cidades de Casablanca e Rabat.

A viagem do papa ao país norte-africano vinha sendo especulada há muito tempo, primeiro para lembrar a visita que o papa João Paulo II fez em 1985, a primeira a um país islâmico e na qual fez um forte pedido para o diálogo entre as religiões.

Depois, pensou-se que Francisco poderia participar da conferência intergovernamental para a adoção do Pacto Mundial pelas Migrações Seguras, Ordenadas e Regulares, que será realizada em dezembro.

Por enquanto, o papa só tem confirmada para o ano que vem a viagem ao Panamá, entre 23 e 27 de janeiro, para participar da próxima Jornada Mundial da Juventude (JMJ).

O Vaticano adiantou que o programa da visita ao Marrocos, na qual terá seguramente um encontro com a família real marroquina, será informado posteriormente.

(Com Portal Uol)

Fórum do Agronegócio Cearense debate a crise hídrica

“O Agronegócio Cearense sob a Óptica do Setor Produtivo” é o tema do primeiro painel do Fórum do Agronegócio Cearense e sua Relação com a Crise Hídrica”. O evento ocorrerá nesta quarta-feira, das 13 às 19 horas, no auditório da Federação das Indústrias do Estado (Fiec).

Participarão como conferencistas Antônio Albuquerque (Associação Cearense de Criadores de Camarão), Carlos Prado (Itaueira Agropecuária) e Bruno Girão (Betânia Lácteos).

Já os debatedores serão Lucas Leite, da Embrapa, e Flávio Saboya, presidente da Federação da Agricultura do Estado (Faec).

SERVIÇO

*As inscrições são gratuitas e podem ser feitas em especial.opovo.com.br/forumagronegocio

(Foto – Divulgação)

 

Eletrobras registrou prejuízo de R$ 1,6 bi no terceiro trimestre do ano

A Eletrobras registrou prejuízo líquido de R$ 1,613 bilhão no terceiro trimestre deste ano, depois do lucro líquido de R$ 550 milhões em igual período de 2017. O resultado, de acordo com balanço divulgado na noite dessa segunda-feira (12) pela companhia, foi impactado principalmente pelas reservas para imprevistos no montante de R$ 2,201 bilhões, com destaque para R$ 1,518 bilhão de empréstimos compulsórios. O segmento de distribuição também contribuiu negativamente, registrando prejuízo de R$ 998 milhões no terceiro trimestre.

Os segmentos de geração e de transmissão apresentaram lucro de R$ 832 milhões e R$ 103 milhões no período, respectivamente.

Há ainda R$ 2,8 bi de passivo, referentes à venda das distribuidoras Cepisa, Ceron, Boa Vista Energia e Eletroacre, que poderão ser revertidos no quarto trimestre, destacou a empresa.

No resultado acumulado de nove meses, a Eletrobras apresentou um lucro líquido de R$ 1,275 bilhão, em comparação com R$ 2,272 bilhões nos nove meses de 2017. Os segmentos de geração e transmissão apresentaram lucro de R$ 2,518 bilhões e R$ 1.629 bilhão, respectivamente, enquanto o segmento de distribuição apresentou prejuízo de R$ 2,002 bilhões.

(Agência Brasil)