Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Viva o Brasil

Em artigo no O POVO deste sábado (4), o médico, antropólogo e professor universitário Antonio Mourão Cavalcante comenta o processo eleitoral deste ano e o perfil do eleitorado. Confira:

Os analistas políticos insistem em afirmar que as eleições desse ano não guardam o mesmo nível de entusiasmo, comparadas aos pleitos passados. O povo parece menos interessado e não há uma vibração especial. De minha parte prefiro entender que eleição virou fato constante. A cada dois anos experimentamos essa vivência. Estamos nos acostumando com o ato de votar. Tornou-se rotina.

De outra parte, estamos perdendo a ilusão de que surgirá um iluminado para resolver todos os nossos problemas. Um salvador da pátria. Capaz de transformar tudo em leite e mel… Jânio Quadros, no passado, e Collor de Melo, mais recente, são exemplos dessa tentativa mágica. O preço que pagamos foi muito alto. Essa espécie de magia não está na essência da democracia. Ela cresce se aperfeiçoando. Não nasce pronta.

Dois fatores precisam ser analisados com mais rigor. Primeiro, a noção de partido político é essencial na democracia. O eleito deve representar uma tendência da sociedade. Não pode fazer o que lhe convém, mas aquilo que foi acordado entre seus pares. A força do coletivo. Segundo, a máquina eleitoral brasileira está muito cara. Quanto se gasta numa eleição? Quem financia isso tudo e por quê?

A grande novidade é que o voto está ficando cada vez mais caro. E, igualmente, cada vez mais difícil enganar. Era Abraham Lincoln quem advertia: “Pode-se enganar a todos por algum tempo; pode-se enganar alguns por todo o tempo; mas não se pode enganar a todos todo o tempo.”

Não guardo uma visão pessimista desses processos. Estamos no caminho certo. Precisamos aperfeiçoar, mas jamais um tom pessimista e abusado de alguns que passam o tempo a resmungar e nada fazem para que as coisas mudem.

Amanhã, vestirei uma roupa bem bonita, digitarei os números e nomes pensados. E, desde então, acompanharei atento os passos dos eleitos. A constante vigilância e cobrança social completam o ato de votar.

Meu sentimento é que o Brasil, apesar do intenso mau agouro e doentio derrotismo de alguns, sai mais fortalecido desse processo. Viva o Brasil! Viva a democracia brasileira!

Uma triste campanha

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (4), pelo jornalista Érico Firmo:

As campanhas eleitorais brasileiras têm se mostrado, como regra, vazias. Neste ano, porém, os candidatos demonstraram particular capricho no descaso.

No Ceará, os dois candidatos que lideram de forma disparada as pesquisas de intenções de voto – Eunício Oliveira (PMDB) e Camilo Santana (PT) – não se dignaram a apresentar programa de governo, enquanto dedicaram muitas das energias das campanhas numa escatológica troca de acusações contra quem estavam aliados até meses atrás.

No Brasil, situação pouco diferente. A presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição e líder disparada das pesquisas, tampouco apresentou programa, minimizou essa necessidade e disse que apresentar propostas escritas não garante que elas serão cumpridas.

Ora, se trata com tal descompromisso algo que eventualmente escrevesse, imagine o que nem coloca no papel. Aécio Neves (PSDB) começou a apresentar nas redes sociais, na última semana de campanha, pedaços de programa de governo. Até a véspera da eleição, não havia previsão de lançar um documento completo. Marina Silva (PSB) foi a única dentre os candidatos que aparecem com chance de chegar ao segundo turno que lançou programa com tempo hábil para o eleitor ter conhecimento dele. Foi uma confusão, que levou a constrangedores recuos em pontos que causaram alguma polêmica. A repercussão da mudança foi pior ainda e o desgaste se mostrou enorme.

Diante do completo vazio de consistência, dominou a agressividade em níveis raras vezes visto, com ataques virulentos, que encontraram nos mais novos meios de difusão pela Internet ou telefonia móvel os canais ideais de difusão. O que é pior, muitas vezes, com boa dose de verdade no que um lado dizia do outro.

A tirar pela campanha, as perspectivas para o Ceará e o Brasil não são das mais promissoras. Mas resta a esperança de que os escolhidos se revelem melhores governantes que candidatos.

Camilo e Mauro fazem carreata em Iguatu

eleições 2014 pt 1003 camilo iguatu

Com 10 quilômetros de percurso e cerca de dois mil carros – segundo estimativa da coordenação da campanha – os candidatos da coligação “Para o Ceará seguir mudando”, Camilo Santana (PT / governador) e Mauro Filho (senador / Pros), participaram de uma carreata na noite dessa sexta-feira em Iguatu, no Centro Sul do Estado.

De acordo ainda com a coordenação da campanha, políticos, lideranças e eleitores das cidades vizinhas de Quixelô, Acopiara, Cariús, Cedro, Orós, Icó, Saboeiro e Jucás também aderiram à carreata.

Ao final do percurso, Camilo e Mauro cumprimentaram os moradores de Iguatu e agradeceram a receptividade do povo do Centro Sul na véspera da eleição.

(Foto: divulgação)

Eliane diz que pode ser ministra de Marina

eleições 2014 psb 1003 eliane centro

Eliane Novais (PSB) não descarta a possibilidade de ir para o segundo turno da eleição para governador. Mas, caso o povo do Ceará prefira outros postulantes, o destino de Eliane pode estar em Brasília, como ministra de Estado. “Se Marina Silva for eleita, aí, com certeza, eu devo receber um convite”. Entretanto, segundos depois o “com certeza” foi substituído por um “aí é outra conversa” dito por uma assessora.

A deputada estadual, que fez uma caminhada pelo Centro, nessa sexta-feira (3), afirmou que haverá segundo turno, por ter certeza de que “eu não tenho só este 1% que estão me dando”. Eliane repetiu o exemplo do deputado Heitor Férrer, que terminou a última eleição para prefeito com uma votação maior do que apontavam os institutos de pesquisa às vésperas do pleito. Eliane garante que, ela sente que “as pessoas querem votar em mim”. Caso essas pessoas não sejam o bastante, Eliane garante que pelo menos “não me misturei com a bagaceira”, referindo-se a políticos corruptos.

Novais afirma que começou sua campanha em busca de fazer uma “nova política”, mas lamenta que o povo se deixaria corromper. “Eu não posso fazer nova política sozinha”. De acordo com a postulante, “a política é amarga”.

(O POVO / Foto: divulgação)

Rigor contra assédio ao voto vai imperar, garante procurador

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (4):

Em clima de campanha das mais acirradas no Estado, há uma expectativa de que as autoridades responsáveis pelo pleito não durmam de touca e façam valer o direito do eleitorado de exercer o voto sem pressões ou sem o assédio dos que sempre ousam comprar consciências.

Pelo que se viu na campanha, nas últimas semanas, com atos de violência, baixarias de todo tipo e provocações, deve-se alertar o Tribunal Regional Eleitoral, da Procuradoria Regional Eleitoral e das autoridades policiais para o engajamento contra qualquer ação que possa prejudicar o bom andamento das eleições (artigo 299 do Código Eleitoral).

Claro que o eleitor também precisa cumprir sua parte, dentro de um contexto onde ele é o agente e beneficiário desse processo de cidadania.

Instigado por esta Vertical, o procurador regional eleitoral Rômulo Conrado garante que o esquema das eleições vai funcionar e que a ordem é cumprir tudo o que manda a legislação eleitoral. Aliás, nesse aspecto, louve-se o TSE que, com campanha na mídia abordando o valor do voto, buscou valorizar esse momento. Cabe ao eleitor fazer a sua parte e procurar ser fiel ao que quer e pensa, sem se esquecer das repercussões do seu gesto. Para não se arrepender depois.

Fortaleza é sede do III Encontro JurisTCs

Destinado aos responsáveis pelos serviços de organização das decisões e de jurisprudência dos Tribunais de Contas Estaduais, Municipais e da União, Fortaleza é sede do III Encontro JurisTCs – Jurisprudência nos Tribunais de Contas, nos dias 22, 23 e 24 deste mês. O evento é uma parceria do Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE) com o Instituto Rui Barbosa (IRB).

O objetivo do encontro é compartilhar as melhores práticas da área, a fim de que as Cortes de Contas ampliem a comunicação com a sociedade e cumpram os preceitos constitucionais de publicidade e eficiência.

Dentro da programação, está previsto o curso de capacitação “Elaboração de ementas jurisprudenciais”, que terá como instrutor o professor José Augusto Chaves Guimarães, Livre-docente em Análise Documentária da Universidade Estadual Paulista, Doutor em Ciência da Informação pela Universidade de São Paulo, com pós-Doutorado em Documentação pela Universidad Carlos III de Madrid.

(TCE)

Eunício lança a “corrente do 15”

144 4

eleições 2014 pmdb 1003 lavras

“Por meio do abraço, por meio das redes sociais, por meio do celular ou até por um encontro casual, peça a 15 pessoas que entre no verde da esperança para fazer com que o Ceará volte a ter orgulho de si”.

O pedido é do candidato do PMDB ao governo do Ceará, Eunício Oliveira, durante comício em Lavras da Mangabeira, terra natal do peemedebista, às vésperas da votação deste domingo (5). Ao apontar como o encontro mais emocionante da campanha, Eunício afirmou estar pronto para o julgamento das urnas.

“Se juntar tudo aquilo que recebi de energia positiva, todo o carinho demonstrado e até mesmo o clamor daqueles que passam dificuldades, não alcança o que recebo aqui hoje. Sou candidato não por vaidade. Deus me deu todas as oportunidades, muito mais que aquilo que pensei que poderia ter. Mas essas oportunidades me foram dadas porque tenho muito a dar a esse povo do Ceará que me carrega de energia todos os dias”, disse.

Brilho nos olhos

Para o candidato do PSDB ao Senado, Tasso Jereissati, o Ceará está próximo de resgatar a sua autoestima. “O momento mais gratificante nesses meses de campanha foi devolver a muitos cearenses o brilho nos olhos e o sorriso nos lábios. Isso com palavras de incentivo e com perspectivas de dias melhores, já a partir de 2015. O início da Era do 15, aqui no Ceará. Mas me dói em saber que muitos cearenses aos quais não pudemos falar, não pudemos abraçar, carregam o medo em seus olhares, a descrença e a tristeza. Meu conforto é saber que esses cearenses também serão atingidos por essa onda de esperança que Euníco tem espalhado por todo o Ceará”, disse o candidato ao Senado.

(Foto: divulgação)

Bancos apresentam nova proposta aos grevistas

A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresentou, na noite dessa sexta-feira (3), uma nova proposta para os bancários, em greve desde terça-feira (30). Segundo comunicado divulgado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), agora os patrões oferecem reajuste de 8,5%, sendo 2,02% de aumento real (acima da inflação). A proposta anterior previa um reajuste de 7,35%. Os banqueiros estipularam ainda 9% de aumento no piso e 12,2% no vale-refeição.

O comando de greve ainda vai avaliar a nova proposta e só levará para votação nas assembleias na semana que vem.

No quarto dia de greve dos bancários, a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf) estima que 10.355 agências e centros administrativos não abriram em todo o país. De acordo com a entidade, o número representa um aumento de 57,6% na adesão a grave. Na terça-feira (30), primeiro dia de paralisação, foram fechadas 6.572 unidades.

(Agência Brasil)

Eduardo Giannetti, mentor econômico de Marina Silva, dará palestra em Fortaleza

Eduardo_Giannetti

A quarta edição do projeto “Brasil em Debate”, que congrega Sinduscon e Coopercon, já está com data marcada: dia 27 de novembro. O convidado é o economista Eduardo Giannetti, líder da equipe econômica da candidata do PSB à presidência da República, Marina Silva. Já participaram desse fórum Ricardo Amorim, Donny De Nuccio, Arnaldo Jabor e, por último, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Eduardo Giannetti da Fonseca, mineiro de Belo Horizonte, é formado na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) e em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) ambas da Universidade de São Paulo. Tem doutorado em economia pela Universidade de Cambridge, onde foi professor, e lecionou na FEA/USP. Atualmente é professor integral no Insper (Instituto de Ensino e Pesquisa) e e membro do Conselho Superior de Economia da Fiesp.

Ufa! Dólar fecha semana em queda

“Depois de uma sessão turbulenta em que chegou a ultrapassar R$ 2,50, o dólar reverteu a tendência e fechou em baixa. O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 2,462, com queda de 1,2%. Ontem (2), a cotação ficou em R$ 2,492, atingido o valor mais alto desde 7 de dezembro de 2008, poucos meses após o início da crise econômica nos Estados Unidos. Na ocasião, o câmbio tinha fechado em R$ 2,50.

Na máxima do dia, por volta das 11h30min, a moeda norte-americana chegou a atingir R$ 2,505. Com a queda de hoje (3), a cotação encerrou a semana com alta de 1,88% em relação a sexta-feira da semana passada, quando tinha fechado em R$ 2,416.

As tensões da corrida eleitoral e a recuperação da economia dos Estados Unidos, que estimula a fuga de dólares de países emergentes como o Brasil, estão pressionando o câmbio. O governo, no entanto, alega que os fatores externos estão influenciando muito mais a cotação que a situação interna da política e da economia.

No início da semana, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, atribuiu a instabilidade no mercado financeiro ao quadro internacional.”

(Agência Brasil)

Autoridades eleitorais de 21 Países conhecem o voto eletrônico brasileiro

“As eleições brasileiras serão acompanhadas de perto por autoridades eleitorais de 21 países e organismos internacionais. Hoje (3), 55 representantes estrangeiros estiveram no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde conheceram a experiência eleitoral brasileira. Para alguns deles, as eleições do Brasil estão entre as mais modernas, transparentes, rápidas e eficientes do mundo.

Vice-presidente do Tribunal Eleitoral da República de Camarões, Barrister Ebanga, informou estar interessado em entender o funcionamento dos equipamentos eletrônicos do Brasil, que promove, com sucesso, uma eleição envolvendo mais de 142 milhões de eleitores. “O que me impressiona é que isso é feito com um processo incrivelmente moderno, rápido e transparente”, disse Ebanga.

O camaronês explicou que, em seu país, há um cartão eletrônico biométrico para registro de eleitores. “Mas ainda nos falta adaptá-lo ao nosso sistema de votação. Por isso, estamos no Brasil. Queremos fazer algo parecido”, salientou.

Presidente da Comissão Eleitoral da Guiana, Stephen Surujbally observou que, apesar do pequeno número de eleitores, o país tem problemas similares aos de grandes eleitorados. “Precisamos melhorar nosso sistema. Encontros desse tipo, quando se pode trocar experiências, são muito positivos, especialmente no que se refere ao combate de fraudes”, assinalou. “Temos uma boa lei, mas há dificuldades para implementá-la. Acredito que, se o Brasil consegue, nós também poderemos”, acrescentou Surujbally.

Com o objetivo de “extrair coisas positivas”, o ministro da Reforma Administrativa da Guiné Equatorial, Baltazar Eworo, considera as eleições brasileiras de grande valia para todas as nações. “Em um mundo cada vez mais globalizado e com sistemas avançados e eficientes de comunicação, informação e biometria, há uma tendência de os países usarem sistemas similares ao brasileiro [em suas eleições]”, afirmou. “Vamos levar conosco essa experiência para nossas eleições, que ocorrerão daqui a dois anos”, comentou.”

(Agência Brasil)

 

Tiros e arrastão na Via Expressa

Policiais cercaram o entorno da Via Expressa, na subida do viaduto da avenida Raul Barbosa, na noite desta sexta-feira (3), depois que assaltantes passaram a realizar um arrastão contra motoristas que trafegavam pelo local.

Segundo testemunhas, os assaltantes aproveitaram o engarrafamento, depois que um veículo apresentou problemas mecânicos. De acordo ainda com testemunhas, uma das vítimas teria reagido a os assaltantes passaram a efetuar disparos. Até o momento, não há informação de feridos os suspeitos detidos.

Federação Cearense de Futebol e um toque de saudade coral

65 5

ferrimm

O presidente da Federação Cearense de Futebol, Mauro Carmélio, acatou, na manhã desta sexta-feira, requerimento do  Comandante-Geral do Corpo de Bombeiros, Coronel João Carlos Gurgel, e a FCF prestará homenagem ao torcedor Reinaldo Brasil, do time do Ferroviário.

Reinaldo morreu vitima de AVC, na última terça-feira. A FCF fará cumprir um minuto de silêncio no início do jogo Ferroviário X Guarany (S), neste sábado, pela Copa Fares Lopes.

Reinaldo Brasil era apaixonado pelo clube coral e um “abnegado e vibrante torcedor do tubarão da Barra”, destacou o requerimento.

Com certeza, a homenagem é estendida ao Ferroviário.

(Foto – Divulgação)

MEC reconhece 41 cursos superiores

“O Ministério da Educação (MEC) reconheceu 41 cursos superiores em instituições públicas e privadas em 13 estados, a maior parte na Região Sudeste. Serão oferecidas 4,5 mil vagas em diversas áreas.  A lista completa dos cursos está em duas portarias publicadas hoje (3) no Diário Oficial da União.

O reconhecimento é necessário para a validade nacional dos diplomas. Eles precisam ser autorizados e ter pelo menos um ano de funcionamento, quando é verificado o cumprimento dos requisitos legais para prestação do serviço educacional. são bacharelados, licenciaturas e tecnológicos. Entre eles, estão direito, biomedicina, química, filosofia, educação física, fotografia e nutrição.

Do total dos cursos, 13 estão em instituições federais. Para conferir os demais cursos e instituições cadastrados, o MEC disponibiliza online um sistema de consulta.

(Agência Brasil)

Tasso destaca programa Agentes de Saúde em comício

tassojere

Taso Jereissati, candidato ao Senado pelo PSDB, ao lado do postulante ao Governo pelo PMDB, Eunício Oliveira, demonstrou “orgulho” pelo programa Agentes Comunitários de Saúde” que ajudou a reduzir a mortalidade infantil no Estado.

Por conta disso, pediu ao eleitorado que vote em Eunício Oliveira “porque ele (candidato) vai ampliar essa ação. Tasso, em clima de comício em Jucás, disseque esse programa “foi o mais importante que fiz na vida e que mais me orgulha”.

(Foto – Divulgação)