Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Luizianne inaugura comitê no bairro Aldeota

224 6

liiznande

Trio Parada Dura – Luizianne, Antônio Carlos e Eudes Xavier.

A ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, vai inaugurar, às 20 horas desta quarta-feira, seu comitê eleitoral do bairro Aldeota. O ato reunirá amigos, simpatizantes e colaboradores da campanha de quem está na lista dos puxadores de voto do PT.

Luizianne terá a presença de um membro da direção nacional do partido durante a solenidade de inauguração do comitê, que foi instalado na rua José Lourenço, 1952.

(Foto – Divulagação)

Cid Gomes comandará adesivaço pró-Camilo e Maurio Filho em Iguatu

eleições 2014 pt 0909 cid adesivagem

Cid adesivou em Fortaleza, nessa terça-feira.

O governador Cid Gomes vai comandar adesivaço pró-candidatos Camilo Santana (PT) ao Governo e Mauro Filho (Pros) ao Senado, nesta noite de quarta-feira, na cidade de Iguatu (Centro-Sul).

Cid quer reforçar o trabalho eleitoral no município que tem como seu principal líder político o ex-prefeito Agenor Neto, candidato a deputado estadual, que é apoiador da candidatura de Eunício Oliveira (PMDB) ao Governo e de Tasso Jereissati (PSDB) para o Senado.

(Foto – Leitor do Blog)

Associação Cearense de Magistrados promoverá ato em Juazeiro do Norte

A Associação Cearense de Magistrados (ACM) promoverá nesta quinta-feira, a partir das 11 horas, em frente ao Fórum Desembargador Joaquim Juvêncio de Santana, em Juazeiro do Norte (Região do Cariri), uma ação do “Movimento pela Democratização e Transparência do Judiciário”. Durante o ato, haverá distribuição de panfletos informativos para a população com o objetivo de mostrar as dificuldades que os juízes enfrentam pela falta de estrutura do Poder Judiciário e que levam à lentidão da justiça: falta de juízes e de servidores, insegurança e deficiência de infraestrutura.

“A prestação da justiça está sendo prejudicada, tanto na Capital quanto no Interior, por problemas profundos do Judiciário. Estamos conscientizando a sociedade e buscando soluções efetivas da administração do Tribunal de Justiça”, explica o presidente da ACM, juiz Antônio Araújo.

O encontro em Juazeiro do Norte, onde a ACM possui uma coordenadoria, enfatizará ainda os problemas que afetam principalmente as comarcas do interior como a insegurança dos fóruns e dos aplicadores do direito.

Geraldo Amâncio na Academia Mineira de Letras

amancio

O querido repentista e pesquisador Geraldo Amâncio embarcou para Belo Horizonte (MG), nesta quarta-feira. Foi convocado pelo presidente da Academia Mineira de Letras, Olavo Romano, para dar palestra na entidade.

A palestra, sobre o tema “O repente na cantoria nordestina”, ocorrerá ainda nesta quarta-feira. Com direito a bons repentes e desafios.

Acrísio faz caminhada pelo Centro apregoando a lei sobre abertura do comércio

acrisios

Candidato a deputado federal pelo PT, o vereador Acrísio Sena fez caminhadas, nesta quarta-feira, pelo Centro de Fortaleza. O objetivo: conversar com os comerciários. Acrísio atuou politicamente pelo cumprimento da Lei Municipal 9.452, sancionada pela então prefeita Luizianne Lins, que normatizou o período de atividade do comércio aos domingos e feriados. Contudo, uma ação movida pelo sindicato patronal buscava derrubar a lei, afirmando que o Município não podia legislar sobre o tema. O assunto foi resolvido por decisão da Justiça, que considerou a norma constitucional.

Acrísio, nas conversas com comerciários, lembrou que a lei do horário de funcionamento do comércio foi uma vitória de mais de oitenta mil trabalhadores de Fortaleza e Região Metropolitana. O petista também recordou da Lei 12.790/13, sancionada pela presidenta Dilma Rousseff. A medida estabelece que a atividade comerciária deixa de ser uma função para se transformar em profissão celetista, ou seja, com carteira assinada e jornada diária fixada em 8 horas e semanal em 44 horas.

(Foto – Divulgação)

Buuuuuuuuu! Eduardo Campos teria doado R$ 2,5 milhões para a campanha de Marina

65 1

fatnas

Eduardo Campos fez doação para a campanha à Presidência do PSB depois do acidente aéreo que o vitimou, no dia 13 de agosto. De acordo com prestação de contas do partido ao Tribunal Superior Eleitoral, no dia seguinte à tragédia, um depósito nominal de 2,5 milhões de reais foi feito à campanha.

Em nota de repúdio à notícia do jornal O Dia, que divulgou a transferência, a coligação da candidata Marina Silva (PSB) alegou que não houve ilegalidade nesse procedimento, pois a lei eleitoral permite movimentação de recursos, mesmo após falecimento do candidato, para honrar compromissos assumidos pela campanha.

(Revista Exame e portal Yahoo!)

Ricardo Berzoini vem participar de ato em Fortaleza pró-Camilo e Mauro Filho

82 1

berzoini

O ex-ministro Ricardo Berzoini participará, sábado que vem , em Fortaleza, de uma série de atividades em favor das campanhas de Camilo Santana (PT) para o Governo e Mauro Filho (Pros) para o Senado. Além de bandeiraços, haverá bicicletadas, caminhadas e adesivaços.

Berzoini estará numa caminhada pelas ruas do Centro. A concentração ocorrerá a partir das 9 horas, na Praça do Carmo. De lá, os petistas seguirão para a Praça do Ferreira.

Segundo o presidente estadual do PT, Francisco de Assis Diniz, os militantes também deverão divulgar suas atividades nas redes sociais.

 

Vox Populi – Marina, 42%; Dilma, 41%

65 3

dildm

“Pesquisa Vox Populi divulgada nesta quarta-feira mostrou a ex-ministra Marina Silva (PSB) com 42 por cento contra 41 por cento da presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) em um eventual segundo turno da eleição presidencial de outubro.

Segundo a pesquisa, publicada no site da revista Carta Capital, Dilma lidera no primeiro turno com 36 por cento das intenções de voto, ante 28 por cento de Marina e 15 por cento de Aécio Neves, do PSDB.

O levantamento é o primeiro do instituto Vox Populi para a revista Carta Capital desde a entrada de Marina na corrida presidencial no lugar de Eduardo Campos, que morreu em acidente aéreo em agosto. O Vox Populi entrevistou 2 mil eleitores entre os dias 8 e 9 de setembro, em 147 municípios do país. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais.”

(Site da Exame)

Ministério Público Estadual vai comemorar a Semana do Mediador Comunitário

O Programa dos Núcleos de Mediação e Justiça Comunitária do Ministério Público Estadual, coordenado pelo promotor de Justiça, Francisco Edson de Sousa Landim, homenageará dia  19 próximo, às 9 horas, os mediadores comunitários pelo trabalho desempenhado nos nove núcleos de mediação comunitária no decorrer de 15 anos no Estado.

O ato ocorrerá no auditório da Procuradoria Geral de Justiça e faz parte da Semana do Mediador Comunitário. Durante o ato, o procurador-geral de Justiça, Ricardo Machado, fará o pronunciamento de abertura dos trabalhos, enquanto o advogado, mediador e árbitro Adolfo Braga Neto falará sobre “A Mediação e seus diversos contextos de utilização”.

Mediador

O mediador comunitário é um terceiro imparcial da comunidade que participa do processo de mediação, de forma voluntária, dirimindo o conflito existente entre as partes, por meio de técnicas de mediação. O mediador não decide, uma vez que a decisão sempre provém dos mediados envolvidos. O mediador comunitário deverá realizar uma escuta ativa com o objetivo de viabilizar a administração do conflito, tendo como referência o Código de Ética dos Mediadores do Ministério Público do Estado do Ceará.

DETALHE – A primeira Casa de Mediação Comunitária do Brasil foi inaugurada em 24 de setembro de 1999, na Federação do Movimento Comunitário do Pirambu.

Guido Mantega: Desemprego no País continua sendo um dos “menores no mundo”

mantega

“O ministro da Fazenda, Guido Mantega, considera normal a queda do emprego industrial. Hoje (10) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou que a indústria brasileira teve redução de 0,7% no emprego em julho, na comparação com junho. Em 2014, o setor já acumula perda de 2,6%.

“Nós temos uma rotatividade que é normal. Em alguns momentos é um pouco maior a saída em algum setor. Mas o que interessa é o saldo geral, que [indica que] o emprego continua aumentando e o nosso desemprego continua sendo um dos menores do mundo”, defendeu Mantega.

O IBGE informou ainda que, no índice acumulado no ano, o emprego industrial acumulou taxas negativas em treze dos quatorze locais e em quatorze dos dezoito setores investigados. São Paulo (-3,7%) apontou o principal impacto negativo, vindo a seguir Rio Grande do Sul (-4,0%), Paraná (-3,9%), Minas Gerais (-1,8%), Região Nordeste (-1,3%) e Rio de Janeiro (-1,9%). O instituto destacou, porém, que Pernambuco, com avanço de 1,1%, exerceu a única pressão positiva.”

(Agência Brasil)

Eleições 2014 – Questão ambiental deve ir muito além dos coqueirais

Com o título “Meio ambiente e eleições”, eis artigo do professor José Borzachiello, da UFC. Ele chama a atenção do eleitorado para os discursos voltados para a questão ambiental,  observando que o tema vai muito além e precisa ser encarado como dedcisão ampla de gestão. Confira:

A campanha eleitoral aquece os ânimos dos mais exaltados, abre espaço para uma agenda fundada nos anseios da sociedade. Muitos temas são recorrentes e tornaram-se jargão nos programas dos candidatos. São tratados de forma artificial com propostas mirabolantes sem quantificação e previsão que se aproximem minimamente do plausível, em caso de execução. Alguns conceitos ficam esvaziados e perdem sentido. A prática do copiar colar funciona com muita agilidade, de forma que muita coisa que está escrita não ultrapassa os limites da formalidade. O Ceará tem que enfrentar com seriedade a discussão da questão ecológico-ambiental. Os problemas avolumam-se no campo e nas cidades, e são muitos: devastação do bioma caatinga, redução da mancha de Mata Atlântica, contaminação do solo nas áreas do agronegócio, assoreamento dos rios, ocupação indevida de vales e encostas, agressão constante nas dunas litorâneas, destruição de manguezais, desmoronamentos, inundações de áreas urbanas, entre outros.

Nas cidades, para onde migra grande parte da população cearense, há um contraste perverso. A área ocupada é pequena, quando comparada com as grandes extensões da problemática sertaneja. Entretanto, a ausência ou má execução das políticas públicas, criam problemas sócio-ambientais de grande monta, que interferem, sobremaneira, na qualidade de vida de milhões de cearenses. O saneamento básico, entendido em seu sentido amplo, constitui o mal maior. Não há saneamento sem habitação digna localizada em área dotada de infra-estrutura, equipamentos e serviços. Traduzindo em miúdos, casa é moradia, é vida. Tem que estar localizada próximo de escolas, hospitais. A rua tem e deve ser pavimentada e servida de redes de energia elétrica com eficiente iluminação pública, abastecimento de água, esgotamento sanitário, rede de telefonia, serviço regular de coleta de lixo. Moradia digna pressupõe proximidade com equipamentos culturais e de lazer, deve oferecer transporte eficiente que atenda às necessidades de acessibilidade e mobilidade no bairro e na cidade, deve oferecer segurança que permita que o cidadão deixe de ser refém em sua própria casa.

Para muitos, a questão ambiental restringe-se a falar da natureza, tratando- a de forma isolada da sociedade. Referem-se muito a desenvolvimento sustentável, em discursos eivados de imprecisões, incapazes de associar a ganância e voracidade de muitos empresários situados entre os maiores poluidores do estado, aqueles que rejeitam protocolos ambientais e criam grandes dificuldades para os gestores públicos. São muitos desses empresários os grandes financiadores das campanhas milionárias. O que esperar das promessas se o pressuposto do discurso sustentável é falacioso? Não podemos acreditar que devastadores de dunas, manguezais, bosques, praças e jardins farão sentinela em defesa do meio ambiente. Temos que estar alertas e cobrar. 

Essa é a hora!

* José Borzacchiello da Silva

borza@secrel.com.br 

Geógrafo e professor titular da Universidade Federal do Ceará.

João Jaime denuncia uso eleitoral de carro-pipa em Moraújo e Miraima

123 2

joao-jaime

O deputado estadual João Jaime (DEM) denunciou, na tribuna da Assembleia Legislativa, que os prefeitos de Moraújo, Jurandir Fonteles (PSB), e de Miraíma, Roberto Ivens(PRB) estão condicionando a distribuição de água pelos carros-pipas a apoio eleitoral. Ele cobrou abertura de investigação por parte do Ministério Público Eleitoral (MPE).

“Os dois prefeitos estão se utilizando de carros-pipas e máquinas do PAC, e só entregam água nas residências que se comprometam a votar nos seus candidatos, disse ele em pronunciamento”, disse o parlamentar.

João Jaime considerou a prática “um ato inaceitável, diante do drama enfrentado por milhares de família em todo o Ceará. Isso é inaceitável”. Para ele, será necessária uma interferência direta do MP no sentido de abrir um processo de investigação judicial.

“Tinha a impressão que esse tipo de coisa tinha acabado. Mas, infelizmente, permanece como uma perversa forma de coagir as pessoas a votarem em determinados candidatos. Por isso, vou solicitar ao Ministério Público uma investigação rigorosa para apurar e coibir esse tipo de coisa. E me coloco à disposição para colaborar com todas as informações”, adiantou Jaime.

Eliane diz que gestão dos Novais no PSB não é oligarquia do tipo Ferreira Gomes

98 2

tvop debate eliane novais

“A candidata ao Governo pelo PSB, Eliane Novais, defendeu nesta quarta-feira, durante sabatina do O POVO, a gestão dela e do irmão Sérgio Novais no PSB diante do período em que os irmãos Cid e Ciro Gomes atuaram na presidência do partido. Questionada pelo jornalista Ítalo Coriolano se a crítica que Eliane faz à “oligarquia” dos irmãos Ferreira Gomes não seria semelhante aos tempos em que ela e o irmão direcionam o partido, a candidata rebateu a pergunta e disse que eles “trabalham com seriedade, diferente dos Ferreira Gomes”.

Eliane acusou Cid de governar para uma “panelinha em Sobral”, no que alfinetou: “O Cid aniquilou o PSB do Ceará.” Segundo a candidata, dentre outros problemas, Cid deixou comissões provisórias desativadas que a atual gestão do irmão Sérgio Novais só conseguiu reerguer, até agora, 60 delas.

Diante de comparativo entre possível oligarquia dos Novais diante da “oligarquia” dos Ferreira Gomes, Eliane pediu respeito a ela e ao PSB do Ceará.

(POVO Online)

“Impostômetro” poderá ser visto em Fortaleza

Fortaleza está entre as cidades que receberão o “XII Feirão do Imposto”. O evento ocorrerá sábado em mais de 100 cidades de 19 estados e tem por objetivo orientar e alertar a população sobre a alta carga tributária que incide em diversos produtos e serviços que integram o dia a dia do brasileiro.

O “Feirão do Imposto” pretende cobrar a aplicação efetiva e transparente dos tributos, a desoneração da educação e coletar assinaturas para o documento Assina Brasil, do Movimento Brasil Eficiente (MBE), que visa a simplificação tributária, eficiência e transparência dos gastos públicos.

Na capital cearense, o evento será realizado pela Confederação Nacional dos Jovens Empresários (Conaje), em parceria com a Associação dos Jovens Empresários de Fortaleza (AJE Fortaleza). Para conscientizar a população do peso da carga tributária brasileira, o Feirão terá a exposição de produtos com e sem valor dos impostos e um impostômetro no Shopping Del Paseo, das 10 às 20 horas.

Cagece promete regularizar abastecimento em Itapipoca até o fim da semana

Da Cagece, este Blog recebeu nota acerca de vazamento na adutora de Itapipoca, recentemente consertada com a participação do engenheiro Cid Gomes . 

Caro jornalista Eliomar de Lima,

Sobre a reclamação de falta de água em Itapipoca, a Cagece informa que a adutora de água bruta, construída pela Secretaria de Recursos Hídricos (SRH), apresentou alguns vazamentos que estão sendo consertados.

A previsão de regularização da situação é para até o final da semana.

* Assessoria de Comunicação e Relacionamento da Cagece

Emprego no setor industrial cai pelo quarto mês seguido em julho

“A indústria brasileira teve queda de 0,7% no emprego em julho, na comparação com junho, divulgou hoje (10) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em 2014, o setor já acumula perda de 2,6%.

Desde abril do ano passado, o patamar de trabalhadores na indústria apresenta trajetória descendente, e julho foi o quarto mês consecutivo de queda. Na comparação com o mesmo período de 2013, a queda chegou a 3,6%, e o dado anualizado – que leva em conta o período de 12 meses encerrado em julho – aponta retração de 2,2%. Quando analisadas as variações na comparação com mesmo período do ano anterior, a pesquisa mostra que julho foi o 34º mês seguido de queda.

Os 14 locais pesquisados pelo IBGE tiveram queda do pessoal ocupado, na comparação com juho de 2013. Maior parque industrial do país, São Paulo perdeu 5,1%, com redução em 16 das 18 atividades pesquisadas. No estado, os produtos de metal tiveram queda de 12,2% e a indústria de meios de transporte, de 7,2%. O Paraná (5,6%), Rio Grande do Sul (3,8%), Minas Gerais (23%) e o Rio de Janeiro (2,9%) também apresentaram queda no número de trabalhadores na indústria.

A pesquisa mostra ainda que houve queda de 0,3% no número de horas pagas em relação a junho, e de 4,2% em relação a julho de 2013. De janeiro a julho, o número de horas pagas caiu 3,1%.”

(Agência Brasil)

PTC do Ceará aposta em segundo turno na disputa pelo Governo do Estado

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=v7pNHXYf8OU[/youtube]

O Partido Trabalhista Cristão (PTC) e as suas perspectivas eleitorais no Ceará. Nesta quarta-feira, o presidente estadual do partido, o ex-vereador Aldenor Brito, fez uma avaliação positiva da situação da legenda.

Aldenor Brito, que viajou para Brasília, onde será reconduzido ao comando estadual do PTC por decisão da direção nacional, aproveitou para justificar o porquê de estar apoiando o nome de Camilo Santana (T) para o Governo do Estado.

O dirigente do PTC cearense disse também estar confiante de que a disputa de governador será em segundo turno.

Refinaria Premium – Para consultor de empresas, o sonho ainda não acabou

63 1

Bruno Iughetti

Da Coluna O POVO Economia, da jornalista Neila Fontenele, nesta quarta-feira, no O POVO:

Era uma vez uma refinaria no Ceará que passou muito tempo sendo adiada devido à falta de recursos da Petrobras. Talvez seja essa a história a ser contada sobre a refinaria Premium II, cujo projeto ainda representa um sonho distante.

Apesar dos constantes adiamentos, o consultor Bruno Iughetti aposta que o projeto sairá do papel, devido à necessidade do país de refino de gasolina e diesel.

Na sua avaliação, até o início de 2015 devemos ter novidades.

VAMOS NÓS – Conhecemos Bruno Iughetti e suas qualidades. Uma delas é ser homem de muita fé.

Eunício volta a bater em Ciro e o chama de “desequilibrado”

87 2

Eunício-e-Ciro

Eunício e Ciro – Em algum lugar do passado político.

Da Coluna Política do jornalista Érico Firmo, no O POVO desta quarta-feira:

Na entrevista de ontem aos veículos do Grupo de Comunicação O POVO, o candidato Eunício Oliveira (PMDB) voltou a bater duro em Ciro Gomes (Pros) e chamá-lo de “desequilibrado”. O irmão do governador Cid Gomes (Pros) tem sido o responsável pelos ataques ao peemedebista, sobretudo acusando de desonesto o ex-aliado preferencial de seu grupo. A princípio, a estratégia de Eunício foi não responder. Logo após as pesquisas que apontaram sua queda, a postura mudou. Provavelmente, constataram que as recorrentes denúncias de Ciro estavam efetivamente provocando danos ao candidato. Travar debate desse nível com quem nem ao menos está em campanha é o tipo de atitude que sempre representa risco, mas deixar o irmão do governador sem resposta tampouco estava dando resultado.

Ao voltar a falar que Cid não dialogava com o secretário dos Recursos Hídricos, César Pinheiro, indicado do PMDB, Eunício disse que a situação era diferente no primeiro governo Cid, mas piorou no segundo mandato. E atribuiu a mudança ao que chamou de “intervenção branca” de Ciro no governo. Curiosamente, a última grande ruptura ocorrida na base do governo Cid foi com a ex-prefeita Luizianne Lins (PT). E ela justificava como fator para o afastamento exatamente a maior influência de Ciro.

Eunício, porém, teve dificuldade em explicar o porquê de o secretário peemedebista ter permanecido no cargo mesmo sem ser recebido pelo governador e sem ter as ideias acatadas. O candidato chegou a dizer que nem para pedir demissão os indicados do PMDB para secretarias estaduais conseguiam acesso a Cid. Porém, depois de Eunício se lançar candidato, os secretários não tiveram dificuldade de entregar os cargos.