Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Em algum lugar do passado

algun

Eis o tópico “Tasso X Ciro”, da Coluna Política de Érico Firmo desta quinta-feira: 

Um dos desdobramentos mais interessantes a conferir é a disputa particular entre Tasso Jereissati (PSDB) e Ciro Gomes. O irmão do governador já disse que, mesmo em 2010, não pediu voto para ninguém para o Senado, como forma de preservar o ex-amigo. E sempre tratou de evitar se dirigir a ele, nos vários confrontos que travaram. Desta vez é diferente. Pela primeira vez Ciro se dirigiu criticamente a Tasso. Sem deixar de fazer a ressalva da histórica relação entre os dois, vinculou o homem que o projetou na política à oposição a projetos no Ceará, como refinaria e transposição do São Francisco. O tucano é outro que não costuma deixar essas coisas sem resposta. A conferir.

(Foto – Álbum de Ex-Família)

VAMOS NÓS – Nesta quinta-feira, a partir da 19 horas, será inaugurado o Comitê Central da campanha de Eunício Oliveira para governador e Tasso Jereissati para senador.

FGV quer formar a “Geração Brasil” dos advogados cosmopolitas

“Membro de uma liga internacional de 25 grandes escolas de direito, a Fundação Getulio Vargas (FGV) planeja começar a formar uma nova geração de advogados cosmopolitas, em vista do novo potencial do mercado que está igualmente globalizado. De acordo com o diretor da Faculdade de Direito da FGV-SP, professor Oscar Vilhena Vieira, “o Brasil precisa navegar por mares transnacionais”.

A conferência anual da Liga Global das Escolas de Direito (LSGL, na sigla em inglês) aconteceu em Istambul, onde a percepção comum foi a de que o direito também está em processo de globalização e que é preciso ter novos padrões de comportamento aceitáveis nos negócios.”

(Valor Econômico)

Assembleia Legislativa retoma atividades nesta…. sexta-feira

sextaa

Nesta sexta-feira, a Assembleia Legislativa vai retomar, a partir das 9 horas, sessões plenárias, após o recesso regimental iniciado no último dia 18 de julho. Será aberta a 84ª sessão ordinária da quarta sessão legislativa da 28ª legislatura do Poder Legislativo.

Além do retorno das atividades de plenário, também voltam a funcionar no horário normal todos os órgãos de atendimento ao público, com exceção do Memorial da Assembleia Legislativa, que continua com os equipamentos em manutenção, e reabre na segunda-feira, de acordo com o historiador do Malce, Carlos Pontes .

VAMOS NÓS – Retomar atividade legislativa em tempo de campanha eleitoral e numa sexta-feira, com o fim de semana batendo à porta, será, sem duvida, um grande teste para sabermos como está o espírito de assiduidade dos senhores parlamentares.

TSE com espaço livre para divulgação nas emissoras de rádio e TV

78 1

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) poderá, a partir desta quinta-feira, requisitar das emissoras de rádio e de televisão até 10 minutos diários, contínuos ou não, que poderão ser somados e usados em dias espaçados.

O espaço é para que o TSE possa fazer a divulgação dos comunicados, boletins e instruções ao eleitorado, podendo, ainda, ceder, a seu juízo exclusivo, parte desse tempo para utilização por Tribunal Regional Eleitoral. É o que manda a Lei nº 9.504/97.

Carlos Matos – Da Fiec para a caça ao voto

carlosmatos

O empresário Carlos Matos afastou-se do cargo de superintendente do Instituto de Desenvolvimento Industrial (Indi), da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec). Entrou na disputa por uma vaga de deputado estadual pelo PSDB. No último pleito de 2010, acabou suplente de deputado federal pela mesma sigla.

Carlos Matos deixou bem encaminhado uma série de projetos que tocava à frente do INDI como o Apóstolos da Inovação, um programa de intercâmbio entre alunos cearenses e estrangeiros, além de uma série de pesquisas sobre o desempenho do setor industrial em vários nichos.

Bom lembrar que ele já foi secretário da Agricultura do Estado. Isso na chamada Era Mudancista capitaneada pelo tucano Tasso Jereissati.

Prefeituras querem prorrogar vigência de lei que obriga o fim dos lixões

Com o título “O Papel da lei ou a lei no papel?”, eis artigo do professor Albert Gradvohl, especialista na área de Gestão Econômica Ambiental. Ele faz uma denúncia em tom de alerta: o setor público teve dois anos para se adequar à Política Nacional de resíduos Sólidos. Agora, quer prorrogar esse prazo. Confira:

Com o advento da Política Nacional de Resíduos Sólidos a partir da Lei 12.305, cujo marco regulatório foi regulamentado tardiamente, mesmo assim, o Brasil passou a ser aclamado e defendido pelos brasileiros mais conscientes. Além disso, entidades empresariais de comportamentos pró-ativo, a exemplo da ABAD, ACESUL e SISTEMA FIEC, passaram a assinar Acordo Setoriais sob a ótica da Logística Reversa, e ainda ajustar seus próprios processos de fabricação.

Lamentavelmente, essa evolução da busca da sustentabilidade brasileira não foi acompanhada pelo setor público, que teve dois anos para se adequar a mais frágil e sugestiva PNRS do planeta. Para consolidar a falta de compromisso público com a causa ambiental, surge agora o grito vitimado de uma manada de gestores públicos pedindo a prorrogação do prazo por mais oito anos, a fim de assegurar aos governos municipais tempo hábil para fechar os lixões e destinar os resíduos para aterros sanitários.

Que vergonha! Este tema tem sido matéria de grande repercussão na mídia nacional. E não é pra menos!Podemos até admitir, que o GOVERNO FEDERAL é mestre em fabricar campanhas sem produto. Mas daí querer prorrogar através desse lobby imoral, a gestão integrada de resíduos sólidos do Brasil, consequentemente, o mais importante programa de saúde preventiva dos brasileiros, certamente é melhor rasgar a LEI, e assumir efetivamente a INSUSTENTABILIDADE até então implantada em nosso país.

Espero que essa triste realidade, que já se encontra sendo articulada em Brasília, não seja aceita pelos nossos representantes. Caso contrário, nada mais justo que iniciarmos já, um grande movimento popular em defesa dessa importante causa social contra a sujeira.

* Albert Gradvohl,

Prof. de Gestão Econômica Ambiental.

CIC vai ouvir prefeito Roberto Cláudio. Depois será a vez de Tasso Jereissati

roberto-cláudio

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), vai estar na reunião de diretoria do Centro Industrial do Ceará, a partir das 18h30min desta quinta-feira. Ele atende a um convite do presidente do CIC, José Dias de Vasconcelos, para expor seus projetos e, principalmente, as várias intervenções que vem fazendo no campo da mobilidade.

Roberto Cláudio é o segundo convidado desse ciclo de debates do CIC que, na última semana, ouviu o governador Cid Gomes (Pros) e um balanço dos seus quatro anos de gestão.

Majoritários

Na próxima semana, o CIC passará a ouvir candidatos a cargos majoritários. O primeiro já está definido: é o tucano Tasso Jereissati, que postula o Senado. Ele estará debatendo às 19 horas da próxima segunda-feira.

Já escolheu seu super-herói?

83 2

erico

Nesta campanha eleitoral, o que não falta é personagem.

Recentemente, a ex-prefeita Luizianne Lins (PT), possuída pelo ódio e o rancor (a la Maga Patológica), segundo o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, não poupou: chamou RC de “pinguim”. Isso em clima de restô.

Eis que, nesta semana, a “Sala da Justiça” acabou ampliada. Ciro Gomes, o conhecido língua afiada e irônica eito “Charada”, bateu duro em Eunício Oliveira, candidato a governador, e no vice-prefeito Gaudêncio Lucena, apelidando-os de “Pinóquio”.

Pois é, no cenário destas eleições, sem sombra de dúvida, não faltará a guerrinhas das estrelas nas urnas de outubro. A baixaria, pelo visto, já começou e deverá deixar muitos verdes de raiva feito o Hulk.

Dilma sanciona projeto que cria marco regulatório das ONGs

“O projeto de lei que cria um novo marco regulatório para as organizações não governamentais (ONGs) foi sancionado hoje (31) pela presidenta Dilma Rousseff. A lei estabelece normas para as parcerias voluntárias da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios com as organizações e estabelece regras para evitar o favorecimento de grupos específicos e a escolha de entidades sem preparo técnico ou estrutura para o cumprimento dos projetos.

Pela proposta, as ONGs terão que participar de processo seletivo (chamada pública) inscrevendo seus projetos para serem selecionados, pondo fim a uma das principais polêmicas referentes às parcerias, a forma de seleção. Terão ainda que cumprir uma série de requisitos para fazer parcerias com os governos. Entre as exigências para firmar os contratos estão: existir há, no mínimo, três anos; ter experiência prévia na realização do objeto do convênio; e ter capacidade técnica e operacional para desenvolver as atividades propostas.”

(Agência Brasil)

Eunício Oliveira concentra patrimônio dos candidatos dos maiores Estados

Eunicio

Essa informação é do site Congresso em Foco:

Dos 70 candidatos a governador nos dez maiores colégios eleitorais do Brasil, 23 têm patrimônio superior a R$ 1 milhão, segundo declarações fornecidas por eles à Justiça eleitoral. Juntos, eles possuem bens que somam R$ 181,5 milhões. A apresentação da declaração de bens é um dos requisitos a serem cumpridos no pedido de registro de candidatura. Todos os candidatos são obrigados a declarar imóveis, veículos, investimentos e outros bens.

De todo esse patrimônio, mais de R$ 100 milhões (54%) estão concentrados no Ceará. Isso porque o senador Eunício Oliveira (PMDB), que quer ser governador, declarou ter R$ 99 milhões – a maior parte dos itens consiste em propriedades rurais.

São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul, Paraná, Pernambuco, Ceará, Pará e Santa Catarina são os principais colégios eleitorais do país, com 108,5 milhões de eleitores de um total de 142,8 milhões.

Coca-Cola abre inscrições para cursos de Varejo, Logística e Empreendedorismo

O Coletivo, plataforma de valor compartilhado da Coca-Cola, está com inscrições abertas, até esta sexta-feira, para mais um ciclo de formação na área de Varejo e de Logística & Produção. Para participar da capacitação, jovens de 15 a 30 anos que estejam cursando ou tenham concluído o Ensino Médio devem fazer a pré-inscrição através do site www.coletivococacola.com.br e, posteriormente, efetivar a matrícula em uma das unidades do Coletivo onde acontecerá a formação. As sete unidades do Coletivo no Ceará estão oferecendo, ao todo, 524 vagas. A capacitação começa no dia 4 de agosto e terá duração de oito semanas.

As aulas, teóricas e práticas, acontecerão duas vezes por semana (segundas e quartas-feiras, terças e quintas-feiras, terças e quartas-feiras, quintas e sextas-feiras, dependendo da disponibilidade da ONG) por duas horas, nos Coletivos do Pirambu, Maraponga, Jardim das Oliveiras, Planalto Ayrton Senna, Jangurussu, Bom Jardim e Maracanaú. Há turmas disponíveis nos turnos da manhã e tarde. Além de capacitar, o projeto também encaminha os jovens para processos de seleção em grandes empresas parceiras do projeto, além das fábricas do Sistema Coca-Cola Brasil.

SERVIÇO

Mais informações no site www.coletivococacola.com.br

Joaquim Barbosa vai aderir ao pijama?

joaquim barbosa

“Me aguaaarde!!”

“A aposentadoria do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Em sua última sessão como presidente do STF, no dia 1º de julho, Barbosa disse que deixava a Corte de forma tranquila e com a “alma leve”. Em maio, ele anunciou que se aposentaria antecipadamente em julho, após 11 anos como ministro da Corte. Barbosa tem 59 anos e poderia continuar na Corte até a aposentadoria compulsória, em 2024, quando completa 70 anos.

Ele foi o primeiro negro a presidir o STF e ocupou a presidência da Corte e do Conselho Nacional de Justiça desde novembro de 2012. O ministro foi indicado à Suprema Corte em 2003, no mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Amanhã (1º) ocorre a eleição do novo presidente do Tribunal. Pela tradição do órgão, os ministros devem escolher o presidente interino e atual vice-presidente, Ricardo Lewandowski, por ser o integrante mais antigo que ainda não presidiu o colegiado.”

(Agência Brasil)

Edições Demócrito Rocha e a Flipinha

reginaelandia

Regina e Elândia tomaram a rota da Flipinha.

A editora-executiva de Edições Demócrito Rocha (EDR), jornalista Regina Ribeiro, e a gerente de operações da EDR, Elândia Farias, estão participando da Feira Literária Internacional de Paraty (Flip), no Rio de Janeiro, que entra no seu segundo dia nesta quinta-feira.

A EDR marcará presença também na programação da Flipinha, a feira infantil paralela de Paraty, através da\ divulgação do livro “O mistério da professora Julieta” da escritora Socorro Acioli, vencedora do Prêmio Jabuti de Literatura Infantil.

Já a Flip abordará urbanismo, cidadania, poesia e prosa à tradição literária russa entre seus temas centrais nesse seu segundo dia. O circuito alternativo traz debates sobre ilustração, sociedade e literatura, políticas públicas para a leitura, além de lançamento de livros e apresentações de teatro e cinema. Cerca de 50 autores de 15 países participam da Flip. Pela primeira vez, a Rússia estará presente na mostra.

(Com Agência Brasil/Foto – Paulo MOsKa)

MPF fará panfletagem no Aeroporto Pinto Martins contra tráfico de pessoas

O Ministério Público Federal no Ceará fará uma panfletagem e distribuição de cartilhas no Aeroporto Internacional de Fortaleza. A ação, que ocorrerá das 16 às 18h30min desta quinta-feira, integra a campanha “Coração Azul”, movimento mundial de enfrentamento ao tráfico de pessoas implementado no Brasil pelo Ministério da Justiça em parceria com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) e da primeira edição da Semana Nacional de Mobilização contra o Tráfico de Pessoas.

O horário para realização desta ação da campanha foi escolhido pelo MPF por coincidir com a chegada de alguns voos internacionais à capital cearense.

Lojistas do aeroporto receberão exemplares da cartilha “Tráfico de Pessoas: conhecer para se proteger”, que também ficarão disponíveis no balcão de informações da Infraero. A iniciativa contará com apoio do Núcleo Estadual de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas (NETP/CE).

(Com MPF-CE)

Secopafor será extinta em dezembro

foto patricia macedo

A Secretaria da Copa de Fortaleza (Secopafor) só vai ser extinta em dezembro. A informação é da própria titular do cargo, Patrícia Macedo, que, nessa quarta-feira, esteve no Rio de Janeiro.

Ali, ela expôs um balanço sobre o certame, com jogos na Arena Castelão e FIFA FAN Fest, durante o Fórum Final da Copa. Apresentou saldo dos mais positivos que, aliás, levam setores do Paço Municipal a avaliarem a possibilidade de Patrícia em outra função, a partir de 2015. 

Camilo-Izolda – O governador ofereceu o que tinha de melhor

61 5

Com o título “A Nova face do velho poder”, eis artigo do publicitário e poeta Ricardo Alcântara. Ele aborda as perspectivas eleitorais da chapa de Camilo Santana. Confira:

Dizem – uns preocupados, outros satisfeitos – que o candidato Camilo Santana “é muito tímido”. O “menino” não teria aquele macete de político tradicional que, quando em campanha, se atira sobre o eleitor como se fosse velho amigo seu. Pode ser. Mas no curso dos acontecimentos há certos momentos em que é preciso virar a fotografia de cabeça para baixo para entender o que se passa. Talvez toda aquela mise-en-scène de beijar criancinhas tenha perdido parte do seu approach.

Você pode dizer o que lhe vier à cabeça contra o clã Ferreira Gomes. Ao contrário do que imaginam, não governam acima da crítica. Mas não se pode negar que a chapa indicada pelo governador Cid Gomes é o que de melhor ele teria a oferecer.

Camilo Santana é um quadro de formação progressista, familiar inclusive. Se puxar aos seus, não degenera. É jovem, alternativa oportuna para um momento em que o sentimento da sociedade, ainda que disperso e difusamente, anseia por mudanças.
No perfil da chapa – sua vice é Izolda Cela, que se houve bem na pasta da Educação – é visível a intenção de faxinar com jovens de ficha limpa os entulhos deixados na calçada pelos seus patrocinadores (no Brasil, governar é se expor à suspeição).

Sem que o discurso eleitoral necessariamente encontre a circunstância confortável para explicitar, o certo é que a indicação de Camilo e Izolda acena com um possível passo adiante e só o tempo dirá em que medida de verdade. Só o tempo dirá. Com eles, é possível imaginar que haveria mais amenidade no trato. Baixos teores de egocentrismo, menos bravatas – é o que o perfil sugere. Efetivamente, já seria um ganho se fossem capazes de considerar as restrições com mais tranquilidade.

Neste aspecto, o quadro se assemelha àquela eleição de Lúcio Alcântara para o governo, quando parte do eleitorado urbano, refratário ao perfil autoritário do seu patrocinador, Tasso Jereissati, nele pressentiu um estilo mais transitivo. Deu certo.

Eles não farão uma travessia fácil: o governo goza de aprovação moderada na avaliação popular. Há o déficit em Segurança, maior na grande Fortaleza. Há boas obras a exibir, mas também fatos controversos aguardam por esclarecimentos.

Logo, Camilo e Izolda não chegariam lá, apesar das suas carinhas de bons moços, por impulso de uma expectativa de idealidade. Não. Haverá respingos. E caso consigam êxito, ele se dará mais pela evidenciação de uma vantagem comparativa. É no contraste com o instituído oportunismo de seu principal opositor – expressão acabada da atividade pública como vocação patrimonialista – que um diferencial simbólico poderá ser afirmado. O jovem eleitorado urbano pode fazer a diferença.

E tem Brasília. Nada é previsível sem que se saiba de que modo Lula e Dilma agirão no Ceará, onde disputam candidaturas com expressão na base aliada do governo. O próprio curso da sucessão presidencial influirá muito no rumo das coisas por aqui.

Desde já, somente uma certeza: como são candidatos ainda desconhecidos pelos eleitores, caso percam terão acumulado força para novos experimentos e o troféu da derrota terá um dono, e não serão Camilo, Izolda ou Lula: goes to Cid Gomes.

* Ricardo Alcântara,

Publicitário e poeta.

Eunício e Tasso vão inaugurar Comitê Central

tassojeririri

Tasso, nesta manhã de quinta-feira, em Aracati.

O  Comitê Central do candidato a governador pelo PMDB, Eunício Oliveira, será inaugurado a partir das 19 horas desta quinta-feira. O espaço fica situado na Avenida Barão de Studart, 2983, no bairro Dionísio Torres, em Fortaleza. O ato promete ser festivo, pois reunirá caravanas da Capital e da Região Metropolitana, além de candidatos a cargos proporcionais.

Com Eunício Oliveira, estarão no atoo seu candidato a vice-governador Roberto Pessoa e o postulante ao Senado, o tucano Tasso Jereissati.

O espaço já vem sendo utilizado com ponto de apoio às candidaturas proporcionais, tendo inclusive acolhido o lançamento de campanhas a deputado estadual, informa a assessorai de imprensa da coligação “Ceará de Todos”.

(Foto – Leitor de Aracati)

Eliane Novais faz pregação contra a privatização da Cagece

72 1
elainenene
Eliane Novais fez campanha nesta quinta-feira na…Cagece.
A candidata ao Governo pelo PSB, Eliane Novais, voltou a fazer panfletagens na entrada da sede da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece). A socialista, acompanhada do candidato a deputado federal Jadson Sarto, visitou a sede da estatal no bairro Aldeota.
Em conversa com os trabalhadores a Cagece, onde ela já ocupou diretoria, Eliane novais garantiu que, se eleita, priorizará a questão do saneamento. Prometeu valorizar os trabalhadores e assegurou que a Cagece não será privatizada.
(Foto – Divulgação)

Ex-secretário reivindica DNA do Parque Riacho Maceió para a gestão do PT

85 1

As obras do Parque Riacho Maceió são privadas e não da Prefeitura de Fortaleza, que divulga até ato de inauguração para sexta-feira. Quem esclarece é o vereador Deodato Ramalho (PT), que leu a informação neste Blog. Ele manda a seguinte nota:

Caro Eliomar de Lima,

Mais uma informação falsa na propaganda do prefeito Roberto Cláudio (Pros). Essa Parceria Público-Privada, cuja lei havia sido aprovada na época do prefeito Juracy Magalhães, só foi viabilizada na gestão da prefeita Luizianne Lins. A licença foi realizada não pela SEUMA e sim pela Secretaria do Meio Ambiente e Controle Urbano – SEMAM, em 2012, quando secretário o ambientalista Adalberto Alencar, que me substituiu no órgão. Vejam a prova do que digo com as placas na obra (da SEINF e da SEMAM, de 2012).

Aliás, nenhuma grande intervenção concluída ou em andamento em Fortaleza teve início na atual gestão.

Abraço,

Deodato Ramalho.

ca

 

deodttyh