Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Elmano faz pleitos ao titular da Adece

elm anoferr

Nesta semana, o presidente da Agência do Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece),
Ferruccio Feitosa, recebeu, em seu gabinete de trabalhno, o deputado estadual Elmano de Freitas (PT). Os dois conversaram sobre projetos de desenvolvimento para o Maciço de Baturité, região também política do petista.

Na ocasião, Ferruccio e Elmano decidiram realizar um trabalho em conjunto com as Prefeituras da região para levantar as potencialidades econômicas já em funcionamento hoje no Maciço. “Vamos desenhar o que já existe de empresas instaladas na região para que possamos extrair a vocação local e também dar direcionamento à atração de investimentos”, disse Ferruccio.

Um encontro entre prefeitos da região, Adece e demais instituições de interesse será articulado pelo deputado com a finalidade de aprofundar o assunto, adiantou o petista Elmano de Freitas.

(Foto – Divulgação)

VAMOS NÓS – Essa presença de Elmano na Adece deixa a certeza de que o parlamentar absorveu bem o fato de que quem está no Governo é o PT. Independente de corrente ou arestas políticas.

Deputado cobra funcionamento 24 horas da Delegacia do Crato

zealtion

O deputado estadual Zé Ailton Brasil (PP) deu entrada em um requerimento na Assembleia Legislativa cobrando, do Governo do Estado, o funcionamento 24 horas da Delegacia do Crato, por meio de plantões.

Com média de 50 atendimentos por dia, a delegacia enfrenta dificuldades para atender a demanda de usuários. No órgão, o expediente acontece apenas das 8 às 20 horas e, após esse horário, todos os registros de ocorrências são encaminhados à Delegacia de Juazeiro do Norte.

Zé Ailton informou ao Governo do Estado sobre a “grave” situação da segurança pública do município do Crato. Segundo ele, Crato só possui uma delegacia que, além de não funcionar no período da noite e nos fins de semana, ainda atende aos 10 municípios mais próximos, sobrecarregando a delegacia de Juazeiro do Norte.

Quando a política pode ser a arte da civilidade

196 1

foto iguatemi 150402 inauguração

RC, Joana Jereissati, Camilo Santana e Tasso.

De Tasso, ao ser indagado se a presença do governador Camilo Santana (PT) e do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros), seus adversários, na entrega da nova expansão do Shopping Iguatemi poderia se estender a 2016: “Essa é uma homenagem à trois!”

É, mas Camilo Santana comprou um abridor de vinhos – de R$ 119,00, numa loja da Expansão Iguatemi, e deu de presente para Tasso. Seria um convite indireto para bom papo regado a taças de vinho?

VAMOS NÓS – Em meio a um cenário político de tantas baixarias, corrupção e traições, eis que Tasso, Camilo e Roberto Cláudio protagonizaram, sem sombra de dúvida, um momento civilizado. A política pode ter suas divergências ideológicas ou de interesses outros, mas o respeito à boa convivência nunca é demais. Gente, o poder passa.

(Foto – Paulo  MOska)

Ana Moser, cotada para comandar a Autoridade Pública Olímpica, foi contra evento no Brasil

“O governo estuda a indicação da ex-jogadora de vôlei Ana Moser para o comando da Autoridade Pública Olímpica (APO). Se for, terá que explicar quando for sabatinada no Senado uma radical mudança de opinião sobre a Olimpíada.

Em 25 de setembro de 2009, uma semana antes de o Rio de Janeiro ser escolhido cidade-sede, Ana enviou um e-mail para os principais atletas do Comitê Olímpico Internacional, detonando a candidatura.

Escreveu Ana: “O Rio e o Brasil não estão prontos para organizar os jogos. A maioria do nosso povo discorda enormemente desta aventura de poucos”. E reforçou: “Portanto, não deem seu voto ao Brasil”.

(Coluna Radar, da Veja Online)

Refinaria – Ministro diz que projetos só saem “quando o valor do petróleo justificar”

Agência Brasil - ABr - Empresa Brasil de Comunicação - EBC

Da Coluna Vertical, desta sexta-feira, no O POVO:

As refinarias Premium I e II, respectivamente prometidas, há décadas, para o Ceará e o Maranhão, continuarão no forno oficial. Pelo menos é o assegura o ministro das Minas e Energia, Eduardo Braga, que, ao ser indagado sobre esses empreendimentos, disse que só serão retomadas “quando o valor do petróleo justificar”.

Braga chegou de surpresa ao Ceará, nessa quinta-feira, para passar o feriadão da Semana Santa. Não deu detalhes sobre a agenda e falou pouco.

A fala dele reforça o que já se sabia: a Petrobras suspendeu essas refinarias. Sobre a estatal, o ministro promete que o balanço 2014 será divulgado em breve.

Receita já pode investigar mais de 100 clientes do HSBC na Suíça

220 3

O secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, afirmou que o órgão já pode conduzir investigações preliminares sobre mais de 100 nomes identificados na lista de correntistas brasileiros da filial suíça do banco.

Segundo Rachid, 100 dos 342 nomes da lista publicada pela imprensa brasileira no mês de fevereiro, são de contribuintes brasileiros já identificados que não declararam a titularidade de conta no exterior. O diretor da Receita também reconheceu a existência de irregularidades nas movimentações financeiras de correntistas declarados, embora tenha preferido não garantir o número de pessoas nessa situação.

O Secretário Nacional de Justiça, Beto Vasconcelos, afirmou que uma segunda fase das investigações dependerá da disposição de colaboração dos órgãos fiscalizadores da Suíça, onde fica a filial do HSBC que é alvo das investigações. Ele também alertou para a necessidade de se analisar cuidadosamente os nomes envolvidos e apurar minuciosamente as condutas e motivações.

(Agência Senado)

Paróquia do Otávio Bonfim promove a Paixão de Cristo em clima de Via-Sacra

243 2

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=RxC9w3Kfe8s[/youtube]

A Paróquia de Nossa Senhora das Dores, com sede na Praça do Otávio Bonfim, no bairro Farias Brito, realiza, desde as 5 horas desta sexta-feira, a Via-Sacra, em clima de Paixão de Cristo.

O espetáculo, que percorre ruas do bairro, envolvee o grupo de jovens da paróquia e tem a coordenação do Frei Gilmar.

Cade abre investigação sobre cartel em licitações públicas de remédios

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) abriu nessa quinta-feira (2) processo administrativo para investigar um cartel de empresas de medicamentos em licitações públicas. Segundo informações preliminares, 15 empresas atuavam em conjunto para fixar preços de remédios para depressão, analgésicos, sedativos, hipertensão e tosse. Segundo a denúncia, as irregularidades ocorreram em Minas Gerais, São Paulo, na Bahia e em Pernambuco entre 2007 e 2011.

Segundo o Cade, as empresas monitoravam licitações e acertavam previamente as vencedoras e os valores que seriam lançados no processo de concorrência. De acordo com o conselho, os seguintes laboratórios vão responder ao processo: Comercial Cirúrgica Rioclarense, Cristália, Dimaci, Drogafonte, Hipolabor Farmacêutica, Teuto, Macromed, Mafra Hospitalar, Merriam Farma, Netfarma, NovaFarma, Profarma Specialty, Rhamis Distribuidora Farmacêutica, Sanval e Torrent do Brasil.

(Agência Brasil)

BNB cumpre metas do trimestre

Negocios

“O presidente do Banco do Nordeste do Brasil, Nelson Antonio de Souza, afirmou ao O POVO que cerca de 30% do total do investimento na expansão do Shopping Iguatemi foi captado junto ao banco. Um total em torno de R$ 110 milhões. Nelson compôs o palanque da inauguração da expansão.

Segundo ele o BNB está com o balanço do trimestre pronto para apresentar. Conforme adiantou, o banco bateu as metas. A mais comemorada por ele é a de concessão de crédito. “Estamos com bases sólidas, mas estamos preocupados e cautelosos para que não haja disparada da inadimplência”, analisou.

Novos moinhos

A exemplo do Grupo JCC, o Grupo Dias Branco também planeja expansão. A fórmula de combater a crise com investimento e ousadia também é argumento para Ivens Dias Branco, controlador do Grupo M Dias Branco.

Ele revelou estar viabilizando a construção de um novo moinho, em Minas Gerais. Não falou em detalhes, mas ressaltou que outros três já estão em construção, no Rio Grande do Sul, em Eusébio (Ceará) e em Pernambuco.”

Cristina Kirchner torna públicas informações secretas sobre Guerra das Malvinas

A presidente argentina, Cristina Kirchner, anunciou a abertura das informações secretas da Guerra das Malvinas, ao participar nessa quinta-feira (2), em Ushuaia, da cerimônia oficial do 33º aniversário do conflito. A presidente também anunciou a criação do Arquivo Oral das Memórias das Malvinas.

A abertura será feita por decreto, assinado na quarta-feira (1º), no qual a informação será desclassificada como de segurança. O texto diz: “Suspenda-se a classificação de segurança para toda documentação de caráter não público relacionada com o desenvolvimento da guerra no Atlântico Sul.”

Cristina detalhou que, pelo Decreto 503, a determinação é que se desclassifique “toda a informação que há sobre as Ilhas Malvinas nos arquivos das Forças Armadas”. O Ministério da Defesa terá 30 dias úteis para disponibilizar a documentação para consulta pública.

Em relação à construção do Arquivo Oral, que funcionará no Museu Nacional das Malvinas, na Terra do Fogo, Cistrina disse que contará com testemunhos “de todo aquele que, de alguma forma, participou desse pedaço da história, com a história completa, com os horrores e com os heróis, com os covardes e com os mártires, porque sempre há de tudo.”

A presidente anunciou que nos próximos dias assinará o decreto para criar o arquivo.

(Agência Brasil)

BNB divulga nota de pesar pela morte de Nilson Holanda

O Banco do Nordeste divulgou nota de pesar pela morte do seu ex-presidente, Nilson Holanda. Confira:

Foi com grande pesar que recebemos a notícia de falecimento do economista e ex-presidente do Banco do Nordeste, Antônio Nilson Holanda. Cearense detentor de uma carreira brilhante, o economista Nilson Holanda contribuiu, de forma singular, para a consolidação do Banco do Nordeste como agente indutor do desenvolvimento regional.

Nesta hora de consternação, toda a diretoria e o corpo de funcionários solidarizam-se com o luto da família.   

* Nelson Antônio de Sousa

Presidente do Banco do Nordeste do Brasil.

Morre ex-presidente do BNB

NilsonHolanda031

O economista Nilson Holanda, ex-presidente do Banco do Nordeste, faleceu por volta das 10h desta quinta-feira, 2, aos 79 anos, após sofrer uma parada cardíaca. Natural de Limoeiro do Norte, no Ceará, ele morava com a esposa, Sílvia Holanda, em Brasília, Distrito Federal, onde se aposentou como professor da universidade pública federal da cidade. O estudioso deixa três filhos e sete netos.

De acordo com a esposa, Nilson passou mal nesta manhã e foi levado a um hospital de Brasília, onde teve uma parada cardíaca e não resistiu. O velório será realizado a partir das 8h, desta sexta-feira, 3, na capela localizada dentro do cemitério Campo de Esperança, em Brasília. O sepultamento ocorre às 14h, no mesmo local.

“Tudo que você possa imaginar, meu marido foi para mim. Eu iria completar 52 anos de casada com meu marido, um homem excelente. Até ontem, vivemos o melhor, passei o dia com o amor da minha vida, ele ria. Eu fui muito feliz com ele, mas infelizmente a vida o levou. Foi um grande homem, honesto, trabalhador e amável. Ele fez tudo de bom nesse país, tenho o maior orgulho dele, assim como meus filhos”, disse Sílvia, emocionada.

Seguindo os passos do pai, Silvío Holanda estudou economia na Universidade de Harvard e teve Nilson como inspiração para sua carreira. “É um grande exemplo de pessoa, de servidor público, se dedicou em diversas funções ao Governo. Uma pessoa que saiu de Limoeiro do Norte, aos 14 anos, e foi parar em Harvard. Acabei gostando de economia por conta dele e segui um pouco dos seus passos, em menor escala. Estava há uma semana sem vê-lo. Coincidentemente, falei com ele por telefone ontem, estava com a voz boa, e hoje de manhã, infelizmente, não estava tão bem”, falou Sílvio.

Nilson deixa os filhos Adriano Furtado Holanda, Valéria Furtado Holanda Caetano e Sílvio Furtado Holanda..

Dilma escolhe desembargador para vaga no STJ

“A presidenta Dilma Rousseff (PT) escolheu nesta sexta, 2, o desembargador federal Reynaldo Soares da Fonseca para o Superior Tribunal de Justiça (STJ), em substituição ao ministro Arnaldo Esteves Lima, que se aposentou em julho do ano passado A informação foi confirmada pela assessoria do Ministério da Justiça.

A indicação deverá ser publicada no Diário Oficial da União da próxima segunda-feira, 6. O nome de Fonseca, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), constava de uma lista tríplice apresentada pelo STJ, que incluía os também desembargadores federais João Batista Pinto Silveira (TRF4) e Joel Ilan Paciornik (TRF4).

A escolha foi confirmada no início da tarde. Pouco antes, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, esteve com Dilma no Palácio da Alvorada. Agora, o desembargador passará por sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, e, em seguida, terá de ser aprovado pelo plenário da Casa.

Fonseca nasceu em São Luís (MA). Em 1992, tornou-se juiz de direito substituto no Distrito Federal (DF). No ano seguinte, foi nomeado juiz federal substituto da 4.ª Vara da Seção Judiciária do DF. Em 2009, foi empossado no TRF1.”

(Agência Brasil)

Filho caçula de Geraldo Alckmin morre em queda de avião

336 1

foto Thomaz Alckmin

Cinco pessoas morreram, segundo o Corpo de Bombeiros, na queda de um helicóptero no final da tarde desta quinta-feira (2) na divisa de Baurueri com Carapicuíba, zona oeste da Grande São Paulo. A corporação enviou oito viaturas para o local do acidente.

A aeronave caiu sobre uma casa e deixou um morador ferido, mas ele não corre risco de morrer. A residência foi interditada.

As investigações sobre o acidente serão conduzidas pela Polícia Civil.

(Agência Brasil)

ATUALIZAÇÃO (21H42MIN) – Uma das vítimas foi identificada como Thomaz Alckmin, 31, filho do governador Geraldo Alckmin.

Operação Lava Jato – Justiça aceita pedido de recuperação da Construtora OAS

“A Justiça paulista deferiu ontem (1º) o processo de recuperação judicial de nove empresas que compõem o Grupo OAS, nomeando o administrador judicial e determinando a suspensão de todas as ações ou execuções contra os devedores, além de outros procedimentos necessários. O pedido foi apresentado pela OAS na última terça-feira (31).

Segundo informações do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, a recuperação permite que a empresa se reorganize em relação a dívidas e se recupere da crise financeira, preservando atividades e empregos, além de gerar a expectativa de saldar débitos com credores, evitando a falência. O Grupo OAS deve apresentar o plano de recuperação judicial em um prazo de 60 dias, sob pena de transformação da recuperação em falência. Os credores e fornecedores terão 120 dias para discutir e aprovar a proposta.

Para dar andamento à reestruturação, a OAS informou ter colocado à venda sua participação na Invepar (24,44%), no Estaleiro Enseada (17,5%), na OAS Empreendimentos (80%), na OAS Soluções Ambientais (100%), na OAS Óleo e Gás (61%) e na OAS Defesa (100%). A empresa vai negociar ainda a Arena Fonte Nova (50%), em Salvador, e a Arena das Dunas (100%), em Natal.

“Vamos vender os nossos ativos num processo de recuperação judicial para dar segurança aos investidores de que não correrão risco de ter seu negócio contestado na Justiça pelos credores da OAS”, afirmou, em nota, o diretor de Desenvolvimento Corporativo da Construtora OAS, Diego Barreto. Além disso, o grupo informou que vai priorizar os negócios relacionados à construção pesada, representado pela Construtora OAS.

A OAS é alvo da Operação Lava Jato, que investiga desvios e corrupção na Petrobras, o que resultou na interrupção das linhas de crédito à empresa. Seus clientes chegaram a suspender pagamentos e novas contratações e ainda as agências de risco rebaixaram a nota de crédito da empresa, levando ao vencimento antecipado de suas dívidas.”

(Agência Brasil)

Sinduscon/CE mobiliza bancada cearense pela Lei da Terceirização

André Montenegro 1

O Sindicato da Indústria da Construção Civil do  Ceará (Sinduscon) vai trabalhar junto aos parlamentares federais cearenses com o objetivo de ver aprovado o projeto de lei nº 4.330, com previsão de ser votado no próximo dia 7. O projeto, segundo o presidente da entidade, André Montenegro, busca regulamentar o contrato de prestação de serviços e as relações de trabalho​ de operários ​terceirizados. ​

Para o Sinduscon-CE, a regulamentação da terceirização é medida “absolutamente necessária​”. Avalia que a matéria concilia interesses de trabalhadores terceirizados e de empresas contratadas e contratantes, garantindo todos os direitos trabalhistas e ainda oferecendo proteção extra, dada pela obrigatoriedade da fiscalização, pela contratante, do cumprimento das obrigações trabalhistas e previdenciárias que caberá à contratada​. ​