Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Quem paga a tarifa de ônibus

Da Coluna Vertical S/A, no O POVO deste domingo (21), pelo jornalista Jocélio Leal:

Não adianta perguntar a um empresário do setor de transporte urbano de Fortaleza sobre expectativas quanto à aplicação de reajuste das tarifas. Do presidente do Sindiônibus, Dimas Barreira, ao mais discreto dono de empresa o mantra é o mesmo: “estamos esperando a Etufor”, o órgão municipal a quem compete gerenciar o sistema e bater o martelo da tarifa.

Ocorre, porém, que há uma delicadeza do calendário. Após o anúncio da passagem – que O POVO revelou ser de 13% a intenção da parte dos empresários – é obrigatório esperar 10 dias para sua aplicação. Assim, o prefeito Roberto Cláudio não está disposto a encarnar um Papai Noel malvado neste final de ano.

Um detalhe da tarifa de ônibus. Do total de usuários dos ônibus em Fortaleza, 42% utilizam o vale transporte. Ou seja, quem paga é a empresa. Não deixa de ser um custo importante, mas não é assim um custo com carga tão dramática para estes trabalhadores. Outros 20% são estudantes – ou pelo menos desfrutam deste benefício. Sobram 30% a pagar inteira.

Traduzindo: sem estes 62%, é com estes 30% que o reajuste age de modo mais agudo.

Novo balanço da OMS indica 7.373 mortos por ebola na África Ocidental

O número de mortos devido à epidemia de ebola na África Ocidental aumentou para 7.373, num total de 19.031 casos registrados nos três países mais atingidos. É o que indica um balanço divulgado nesse sábado (20) pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Desde 17 de dezembro, data da divulgação do balanço anterior da OMS, o número de mortos aumentou em 458 e o de casos de doença, em 428.

No país mais afetado, Serra Leoa, 8.759 casos foram registrados. No balanço anterior, haviam sido indicados 8.356. O número de mortos sobe para 2.477, contra os 2.085 contabilizados anteriormente.

Na Libéria, que foi durante algum tempo o país com mais casos de doença, houve um abrandamento na propagação do vírus. Em 14 de dezembro, o país registrava 7.819 casos contra 7.797 do registro anterior. O número de mortos chegou a 3.346. No antigo balanço eram 3.290.

Na Guiné-Conacri, onde a epidemia começou há quase um ano, os dados registrados até 16 de dezembro indicam que já se verificaram 1.550 mortos (1.525 antes) e 2.453 casos (2.416 antes).

Segundo a OMS, até 14 de dezembro, 649 membros de equipes médicas foram contaminados pelo vírus, 365 dos quais foram casos mortais.

(Agência Brasil)

Eleição de deputados, após 12 anos, faz PPS querer fortalecimento no Ceará

foto pps 141219

Após 12 anos sem representantes na Assembleia Legislativa do Ceará ou na bancada cearense no Congresso Nacional, o PPS quer em 2015 o fortalecimento do partido em todo o Estado. A declaração é do presidente do PPS no Ceará, Alexandre Pereira, durante a confraternização de políticos e filiados, na sexta-feira (19), na sede do partido.

“Vamos fortalecer nossa presença nas diversas regiões do Ceará para buscar um crescimento ainda maior nas eleições municipais”, ressaltou o dirigente.

Além das eleições de Moses Rodrigues, à Câmara Federal, e Tomaz Holanda, à Assembleia Legislativa, o PPS ainda somou em outubro 242.285 votos no Ceará. “Teremos mais força para atuar e colaborar com ideias e propostas para a população”, comentou Alexandre Pereira.

(Foto: Divulgação)

Cuba não renunciará a socialismo apesar de aproximação com EUA, diz Raúl Castro

Apesar da retomada das relações diplomáticas com os Estados Unidos, Cuba não renunciará ao socialismo, disse nesse sábado (20) o presidente Raúl Castro. Em discurso na Assembleia Nacional cubana, ele disse que o país não está disposto a mudar o sistema político.

“Da mesma forma que nunca propusemos aos Estados Unidos para que mudem seu sistema político, exigimos respeito em relação ao nosso”, discursou Castro. Ele, no entanto, disse que o país está disposto a discutir, com “igualdade e reciprocidade”, todos os assuntos com o governo norte-americano.

O presidente cubano pediu o apoio da comunidade internacional e da sociedade norte-americana para encerrar o embargo econômico que perdura há mais de 50 anos. Segundo ele, a decisão de restabelecer relações diplomáticas com os Estados Unidos foi um passo importante, mas que a luta para acabar com o bloqueio, apesar de essencial, será longa e difícil.

Raúl Castro anunciou que o novo congresso do Partido Comunista de Cuba (PCC), única formação política do país, será em abril de 2016. Segundo ele, antes do encontro, haverá um amplo e democrático debate com os militantes comunistas e com o povo cubano sobre a situação do plano de atualização econômica do país.

O último congresso do PCC foi em abril de 2011, quando Raúl Castro foi escolhido primeiro-secretário da organização, em substituição ao seu irmão Fidel, fora do poder desde 2006. Na ocasião, o partido aprovou o plano para a atualização do modelo econômico do país.

(Agência Brasil)

Projeto tipifica a conduta de assédio psicológico

Projeto de lei (PL 7490/14) que tramita na Câmara dos Deputados tipifica a conduta do assédio psicológico. A proposta pretende preencher uma lacuna da Lei Maria da Penha (11.340/06), que protege as mulheres contra a violência no ambiente familiar.

O autor do projeto, deputado Fábio Trad (PMDB-MS), explica que podem ser consideradas práticas de violência psicológica ações repetitivas que podem causar danos emocionais por parte do parceiro à companheira, namorada, quem conviva ou tenha convivido com relação íntima, independente de morarem juntos.

“Nós colocamos no projeto as hipóteses que costumeiramente frequentam a rotina dos observadores e dos operadores jurídicos nessa temática”, observa o parlamentar. “A adjetivação depreciativa se destina a humilhar, com indução de sentimento de baixa autoestima, de menos valia, isolamento social, regulação das atividades sociais, destruição de bens particulares”.

(Agência Câmara Notícias)

Coreia do Norte propõe aos EUA investigação conjunta sobre ataque virtual

A Coreia do Norte propôs neste sábado (20) aos Estados Unidos um inquérito conjunto sobre o ataque virtual em massa contra o grupo Sony Pictures no final de novembro. O governo de Pyongyang assegurou não ter nenhuma responsabilidade em relação ao incidente.

“Levando em conta que os Estados Unidos espalham alegações sem fundamento e nos difamam, nós propomos um inquérito conjunto”, destacou o ministério dos Negócios Estrangeiros norte-coreano. “Sem ir até a tortura como fez a CIA norte-americana, nós temos meios para provar que não temos nada a ver com este incidente”, adiantou o ministério, citado pela agência oficial norte-coreana KCNA.

A Coreia do Sul também acusou hoje a Coreia do Norte de ser a responsável pelos ataques contra o grupo Sony Pictures, semelhantes a ataques sofridos por bancos e agências de notícias sul-coreanas no ano passado, que foram atribuídos a Pyongyang.

Seul indicou estar pronta a partilhar com Washington as informações ligadas ao ataque virtual contra a Sony e a reforçar a cooperação internacional para enfrentar novas ameaças na área de informática.

O Japão enviou mensagem semelhante. Um porta-voz do primeiro-ministro Shinzo Abe declarou que o governo japonês tem se comunicado estreitamente com os Estados Unidos e defende a posição norte-americana sobre a questão, sem se referir diretamente aos ataques virtuais.

O grupo Sony Pictures foi alvo no final de novembro de um ataque virtual reivindicado pelo grupo de piratas Guardians of Peace (GOP), durante o qual diversas informações foram roubadas e algumas divulgadas.

(Agência Brasil)

Ciro Gomes está velho?

Em artigo enviado ao Blog, o leitor e professor Francisco Carvalho avalia a frase de Tasso a Ciro, durante a solenidade de diplomação dos candidatos eleitos na última votação. Confira:

“Como você está velho”! A frase de Tasso Jereissati ao encontrar o maior parceiro de sua trajetória política no Ceará, Ciro Gomes, na noite dessa sexta-feira, 19, no Centro de Eventos, na solenidade de diplomação do governador Camilo Santana e dos demais eleitos em outubro último, sufocou qualquer discurso preparado para a cerimônia.

Ciro Gomes, segundo aqui mesmo, no Blog do Eliomar, teria respondido que a barba (branca) o deixa com a aparência mais velha. Já o jornal O POVO, de acordo com matéria neste sábado, traz um Ciro conformado e amadurecido, ao responder que “o tempo passa”.

Íntimo do Brasil e, principalmente, dos cearenses, Ciro Gomes nunca escondeu o jeitão impulsivo e o temperamento forte, em que não cabe a rendição. Esse é o Ciro! O Ciro em que a barba fica branca, a barriga cresce, os cabelos… que cabelos?! Tudo nele envelhece, menos ele mesmo. A frase do senador Tasso, dita em época de acirramento de campanha, certamente seria assim entendida por Ciro Gomes: Como você está, velho (amigo)?

Mas, a verdade é que Ciro Gomes envelheceu… Não pelos seus 57 anos, que na maioria dos casos é uma idade madura. Ciro envelheceu diante da sua larga experiência de vida política. Uma vida que poderia preencher a trajetória de até três personagens, todos protagonistas.

Ciro foi deputado estadual, prefeito de Fortaleza, governador do Ceará, ministro da Fazenda no governo Itamar Franco, candidato à Presidência da República, ministro da Integração Nacional no governo Lula, deputado federal mais votado no Brasil, além de coordenador de inúmeras campanhas políticas e (sempre) presidenciável de prontidão.

O problema é fazer Ciro Gomes entender que ele envelheceu, pois nesta fase da vida a experiência toma o lugar do talento. E o talento foi algo marcante na carreira política de Ciro. Se rei fosse, certamente o título seria “Ciro, o Talentoso”. Embora o talento tenha sido mais usado como arma que uma ferramenta de transformação, Ciro não abre mão do título.

Quem não lembra do político que tinha sempre uma resposta na ponta da língua e uma pergunta mais afiada ainda? Talento! Construía teses, derrubava dogmas e reestruturava ideias sem a necessidade de uma comprovação científica. Talento!

Agora o senador Tasso revela um novo Ciro, em que a experiência bate à porta. A crítica agora tem que ser fundamentada nos projetos que deram certo em sua trajetória política. Não há mais a crítica pela crítica. Ontem, mesmo, Ciro disse que Dilma começa o segundo mandato com conservadorismo e incompetência. Mas não justificou. Isso dito anos trás era motivo de reflexão. Hoje cai no vazio. Por isso é que não há eco vindo de Brasília.

Ciro tem que despertar para o novo momento de sua trajetória política. Afinal, a Terra do Nunca, nunca existiu.

Jornalistas se reúnem em confraternização neste sábado

foto 141220 confraternização jornalistas

Em uma promoção do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Ceará (Sindjorce), profissionais da imprensa e estudantes de Jornalismo se reuniram na tarde deste sábado (20), na barraca Chico do Caranguejo, na Praia do Futuro.

A confraternização natalina contou com música ao vivo, sorteio de brindes, petiscos, feijoada completa, bebidas (cerveja, água e refrigerante) e acesso gratuito ao parque aquático para a criançada.

Jornalistas e estudantes doaram toalhas de banho, biquínis e sungas para o Abrigo Desembargador Olívio Câmara (ADOC).

EUA terão delegação na posse de Dilma

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, anunciou que o seu vice-presidente, Joe Biden, vai liderar a delegação norte-americana à cerimônia de posse da presidenta Dilma Rousseff.

Além de Joe Biden, integrarão a comitiva norte-americana a secretária de Estado adjunta para a América Latina, Roberta Jacobson, a embaixadora dos Estados Unidos no Brasil, Liliana Ayalde, e Ricardo Zúñiga, assessor principal do presidente norte-americano para a América-Latina no Conselho de Segurança Nacional, segundo informou a Casa Branca em comunicado.

A cerimônia de investidura de Dilma Rousseff, reeleita em outubro para um novo mandato de quatro anos, está marcada para 1º de janeiro.

(Agência Brasil)

Segurança Pública: Camilo deve chamar secretário de fora do Ceará

144 1

Antes cotado para permanecer na Segurança Pública, Servilho Paiva deverá ser substituído por nome vindo de fora do Ceará. Segundo lideranças próximas a Camilo Santana (PT), o governador eleito teria articulado o “reforço” em reunião com o ministro José Eduardo Cardozo (Justiça), em Brasília. Diplomado ontem junto com congressistas eleitos neste ano, Camilo confirmou apenas que já definiu “mais da metade” de sua equipe de governo.

“Havia o interesse dele (Camilo) de manter o Servilho, mas isso não era possível. Então nome deve vir de fora, articulado com o Cardozo”, disse um político ligado ao governador, que não quis ser identificado. Ministro que já foi deputado federal e tem laços próximos com a cúpula petista federal, Cardozo comanda hoje a Polícia Federal.

Evitando o assunto, Camilo disse que anunciará secretários “de uma vez só”, já na próxima semana. Segundo políticos ouvidos pelo O POVO, já estariam definidos nomes para Educação, Ciência e Tecnologia, Cidades e Desenvolvimento Agrário. Já a Saúde estaria em “curto circuito”: teria sido chamado o médico Carlos Roberto Martins, que não aceitou o convite.

Izolda Cela afirmou que não deverá ser secretária, participando no governo de forma “mais sistêmica” e não atrelada a pastas. O POVO apurou que Camilo deverá priorizar a convocação dos três primeiros suplentes do PT. Hoje, o partido possui o 4º, o 5º e o 6º suplentes da coligação governista.

(O POVO)

Dilma enfrenta pressões de todos os lados na formação de ministérios

Da Coluna Política, no O POVO deste sábado (20), pelo jornalista Ítalo Coriolano:

A recente conversa que acabou vazando entre as presidentes Dilma Rousseff e Cristina Kirchner (Argentina), durante reunião da Cúpula do Mercosul, ajuda a compreender a via-crúcis que a petista está enfrentando na montagem de seu Ministério.

Na ocasião, a chefe do Executivo argentino questionou se a colega não iria anunciar logo sua nova equipe de governo. Dilma respondeu: “Estou formando. É muito difícil, muito difícil. Você não sabe no Brasil como é difícil”.

Nas entrelinhas, a presidente reeleita se referia à onda de pressões vinda de todos os lados – inclusive do seu próprio partido – para atender os mais diversos interesses. Porque não basta o nome ser da sigla A ou B. É preciso levar em conta a região que ele representa, o setor social em que está inserido, e uma série de outras questões. São os ditos “aliados” querendo a maior fatia possível de poder a partir de 2015, e a presidente fazendo malabarismos para agradar a todos e não por em risco o modelo de coalizão que garante a sustentação de seu mandato.

Mentiras do desarmamento

154 3

Em artigo no O POVO deste sábado (20), o jornalista do Núcleo de Conjuntura do O POVO, Bruno Pontes, diz que o Estatuto do Desarmamento foi uma das maiores conquistas da bandidagem brasileira. Confira:

Em reação ao projeto de lei 3.722/12, que revoga o Estatuto do Desarmamento, o Ministério da Justiça lançou vídeo na internet em defesa desta que foi uma das maiores conquistas da bandidagem brasileira nos últimos 15 anos. No vídeo (http://on.fb.me/1z4NIK7), pessoas do governo e de entidades auxiliares mentem a favor do estatuto.

Regina Miki, secretária nacional de segurança pública do ministério, pontifica: “A arma de fogo só tem uma finalidade: de tirar a vida”. Não é a única finalidade. Existe a função pedagógica. Uma arma apontada para o bandido é para ele um convite à reflexão: não será prudente desistir de atacar o cidadão que dispõe de um meio para revidar e proteger sua vida?

Marivaldo Pereira, secretário executivo do ministério, afirma: “Quanto menos armas em circulação, menor é a possibilidade de que caiam em mãos erradas, de pessoas interessadas em praticar crimes”. Mas o que aconteceu desde o advento do estatuto foi que o número de armas em poder da população ordeira diminuiu e o crime aumentou.

Sem citar nenhum número, Sandro Costa, da ONG Viva Rio, diz que ele e os amigos dele “entendem que quanto menos armas de fogo em circulação num país a tendência é de que se caminhe para diminuir a violência e os homicídios”. Pois então ele precisa explicar por que morre mais gente vítima do crime no Brasil do que nos Estados Unidos, para ficar num exemplo dos mais manjados.

Costa diz que a possibilidade de a pessoa se armar “não terá um resultado de eficácia para a tão falada legítima defesa”. É verdade. Muito mais eficaz é tentar deter o criminoso na base da conversa. “Não faz isso, meu príncipe. Não aponta essa arma pra mim. Se abre comigo. No diálogo tudo se resolve”.

Willy Miranda, do Fórum Nacional de Juventude Negra (o da Juventude Branca não foi convidado), declara que o estatuto “até hoje tem salvado vidas”. Duda Quadros, da Rede Desarma Brasil, anuncia que o estatuto “conseguiu diminuir o número de mortes por armas de fogo”. Tenho para mim que esse pessoal está debochando de alguém.

Salmito será homenageado neste domingo no Circuito Cearense de Jangadas

298 1

salmito beira mar

O vereador Salmito Filho (Pros), presidente eleito da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Fortaleza (biênio 2015/2016), será homenageado neste domingo (21), durante a realização da 10ª Edição do Circuito Cearense de Jangadas. A solenidade terá início às 9 horas, na avenida Beira Mar, em frente ao Náutico Atlético Cearense.

O Circuito Cearense de Jangadas faz parte do calendário turístico nacional. A comenda é um reconhecimento ao trabalho de Salmito Filho, quando esteve à frente da Secretaria de Turismo de Fortaleza (Setfor), por quase dois anos.

Título inédito do Mundial de Surfe é chance para estruturar o esporte no Brasil, avalia dirigente

226 1

O inédito título de campeão do mundo de surfe profissional que o brasileiro Gabriel Medina conquistou nessa sexta-feira (19), no Havaí, pode abrir uma “janela de oportunidades” para a estruturação da modalidade no país, beneficiando atletas de alto rendimento e atraindo novos adeptos. A opinião é do presidente da Confederação Brasileira de Surf (CBS), Adalvo Argolo.

“O Medina é a pessoa certa, no momento certo. O esporte já teve outras oportunidades semelhantes no passado, mas que não receberam a mesma atenção que vimos nos últimos meses. Então, para nós dirigentes, a preocupação é saber aproveitar o momento para não cometermos o mesmo erro que o tênis cometeu com o Gustavo Kuerten, que popularizou o esporte sem que nada fosse feito para garantir a continuidade”, disse.

O dirigente citou o caráter inclusivo do surfe, que conta com escolinhas gratuitas espalhadas por várias cidades do país. “O surfe é hoje um dos esportes que mais favorecem à inclusão social. Há projetos em praticamente todas as grandes cidades do litoral brasileiro, e muitos atletas da elite mundial, como o paulista Adriano Mineiro [atual oitavo colocado do ranking], encontraram no esporte um caminho saudável de ascensão social”.

(Agência Brasil)

Senado cria comissão para debater com Anvisa a liberação do canabidiol

O Senado criou uma comissão para acompanhar os procedimentos referentes à legalização e reclassificação do Canabidiol junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Para o senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO), a Anvisa estaria extrapolando o seu papel. “Ela quer receitar para o médico”, comentou.

Já o senador Magno Malta (PR-ES), que preside a comissão, diz que tecnicamente há necessidade da liberação do canabidiol. “Ninguém precisa legalizar a maconha para aprovar o canabidiol”, ressaltou.

(com Rádio Senado)

Obama diz que mudança em Cuba é inevitável, mas não será rápida

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou nessa sexta-feira (19) que a retomada de relações diplomáticas e a reaproximação histórica com Cuba, anunciada na quarta-feira (17), 53 anos após o  rompimento entre os dois países, eventualmente causará uma “mudança na ilha”, mas não de um dia para o outro.

Na tradicional entrevista coletiva de Ano-Novo, Obama disse que uma “abertura” e mudanças na ilha são inevitáveis. “Mas não prevejo que mude de um dia para o outro”, disse. Ele prometeu usar toda sua força no Congresso norte-americano para a retirada do embargo imposto à ilha. Entretanto, em 2015 a maioria é dos republicanos.

“Não podemos retirar o embargo de maneira unilateral. Está definido em lei”, ressaltou. O presidente disse ainda que espera “um debate sério no Congresso sobre a questão”. Obama adiantou que não há visitas programada por ele para Cuba ou do presidente cubano, Raúl Castro, para os Estados Unidos, mas que o tema está em discussão.

Em tom otimista, mas cauteloso, revelou não saber como será a retomada de relações. “Não sei como a relação evoluirá nos próximos anos, mas ainda sou novo e imagino que, em algum momento de minha vida, terei oportunidade de visitar Cuba e o prazer de conhecer os cubanos”, acrescentou.

(Agência Brasil)

Luizianne sugere ruptura de Camilo com governo Cid Gomes

245 8

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=Cd_NJwPgSGY&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A ex-prefeita de Fortaleza e deputada federal eleita Luizianne Lins (PT) sugeriu que o governador eleito do Ceará, Camilo Santana (PT), rompa do o projeto administrativo do atual governo Cid Gomes.

Para Luizianne, o atual governo apresentou projetos desastrosos, com agressão ao meio ambiente.

Governo reduz orçamento e aumenta juros do PSI para próximo ano

Conjunto de linhas especiais de crédito do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Programa de Sustentação do Investimento (PSI) terá o orçamento reduzido e as taxas de juros aumentadas em 2015. De acordo com o Ministério da Fazenda, as novas condições reduzirão os gastos do Tesouro com os subsídios ao banco de fomento e ajudarão a cumprir a meta de superávit primário – economia de recursos para pagar os juros da dívida pública – de 1,2% do Produto Interno Bruto (PIB) no próximo ano.

O volume de recursos para o programa, que somou R$ 80 bilhões neste ano, cairá para R$ 50 bilhões, segundo medida provisória publicada há pouco, em edição extraordinária do Diário Oficial da União. As taxas de juros, até agora entre 4% e 8% ao ano, dependendo da linha de financiamento, ficarão entre 6,5% e 11% ao ano nas novas operações.

Os juros foram definidos em reunião extraordinária do Conselho Monetário Nacional (CMN), que também reduziu a participação do BNDES nos projetos. Até agora, o PSI podia financiar até 100% dos empreendimentos na maioria das linhas de crédito. A participação máxima caiu para 70%.

O secretário executivo do Ministério da Fazenda, Paulo Rogério Caffarelli, disse que as mudanças no PSI foram necessárias para adequar o papel do BNDES ao atual momento da economia brasileira. Segundo ele, as novas condições permitirão que o Tesouro encerre a política de repasses de títulos públicos ao banco, no próximo ano, e reduzam os gastos de equalização – volume gasto para cobrir a diferença entre os juros subsidiados e as taxas de mercado.

(Agência Brasil)