Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Ex-deputados Pedro Henry e Pedro Corrêa chegam a seus estados para cumprir pena

Os ex-deputados Pedro Henry (PP-MT) e Pedro Corrêa (PP-PE), condenados na Ação Penal 470, o processo do mensalão, chegaram nessa sexta-feira (27) às capitais de seus estados de origem, Cuiabá (MT) e Recife (PE). Eles estavam cumprindo pena no Presídio da Papuda, no Distrito Federal, e fizeram uso do direito previsto na Lei de Execução Penal de pedir à Justiça para cumprir a pena em presídios localizados em cidades próximas da residência de seus parentes.

Segundo o Departamento Penitenciário Nacional (Depen), a transferência foi feita em voo comercial, “como é praxe no transporte de número reduzido de presos”. Henry e Corrêa passaram por exame de corpo de delito no Instituto Médico-Legal de Cuiabá e do Recife, cidades onde cumprirão a pena.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos de Mato Grosso, Henry ficará preso no anexo da Penitenciária Central do Estado, em Cuiabá, e pelo menos hoje dividirá a cela com outro detento. Segundo a secretaria, o ex-deputado não entrou com pedido de autorização para trabalhar.

Pedro Henry foi condenado a sete anos e dois meses de prisão e Pedro Corrêa, a sete anos e dois meses de prisão.

A defesa do ex-presidente do PT e ex-deputado federal José Genoino (SP) também fez pedido de transferência da prisão domiciliar provisória para São Paulo, onde moram sua esposa e filhos, porém, de acordo com o advogado de Genoino, Luiz Fernando Pacheco, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, adiantou que só vai tomar a decisão a partir do dia 2 de janeiro. O ex-deputado cumpre prisão domiciliar na casa de contraparentes em Brasília desde o fim de novembro.

(Agência Brasil)

Estudos vão definir prioridades no combate à dengue

O Ministério da Saúde está financiando estudos para definir regiões e grupos etários prioritários a serem imunizados contra a dengue. O estudo é dividido em três partes e integra as medidas preparatórias para introdução da vacina contra a doença no Brasil. Serão investidos cerca de R$ 5,3 milhões durante os dois anos da pesquisa.

O objetivo da pesquisa é determinar o grau de imunidade da população à infecção pelo vírus da dengue, descobrir o perfil da transmissão da doença no país, avaliar a resposta imunológica de pacientes que tiveram os quatro tipos de vírus da dengue e o desenvolvimento dos casos graves. O levantamento vai dar suporte ao Ministério da Saúde na definição do público que receberá a vacina contra a dengue.

O levantamento vai ser feito por um grupo formado por técnicos do Ministério da Saúde, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e especialistas de diversas universidades, como a Escola Paulista de Medicina e a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

Segundo o Ministério da Saúde, há sete vacinas contra a dengue em teste no mundo. No Brasil, além do Butantan, o Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos Bio-Manguinhos, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), também está pesquisando uma nova vacina contra a dengue. Os estudos são feitos desde 2009, em parceria com o laboratório privado GSK, e a vacina deve estar disponível no prazo de cinco anos. Outra pesquisa, do grupo farmacêutico francês Sanofi, no entanto, estima lançar a vacina no Brasil em cerca de três anos.

(Agência Brasil)

RC diz que boato de vaia no réveillon é politicagem e conversa fiada

99 8

O prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio (Pros) chamou de “politicagem” e “conversa fiada” os boatos sobre suposta vaia programada para a festa de réveillon no aterro da Praia de Iracema. A afirmação foi feita durante a reunião de balanço do ano com a equipe de governo, nesta sexta-feira, 27, no Barbra’s Eden. RC comentou também o resultado de pesquisa de opinião divulgada no dia 16 de dezembro na qual 30% dos entrevistados avaliaram a gestão como “péssima”.

Roberto Cláudio criticou o que chamou de “personalismo” no réveillon de Fortaleza e disse que um dos objetivos é acabar com a ideia de que a festa é do prefeito da cidade. “A grande estrela desse réveillon é o povo, são os artistas, eu tenho de me preocupar em fazer um réveillon organizado, bem feito, seguro, maior e melhor que os réveillons que eram feitos, o resto é politicagem, futrica e eu não vou entrar nisso”, disse o prefeito.

“Se a gente for repetir a fórmula da ‘futricagem’, da briguinha, das fofocas, das invenções, das maledicências, perdendo tempo falando mal dos outros, a gente não vai fazer o que se comprometeu a fazer. Então, de mim, não partirão ataques, partirá sempre o esforço de cobrança da minha equipe pra fazer o que precisa ser feito”, completou RC.

Os boatos de que uma “vaia coletiva” ao prefeito está sendo organizada para a festa da virada do ano se intensificaram desde a segunda-feira, 23. Ao O POVO Online, o deputado estadual Fernando Hugo acusou aliados petistas da ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, de serem os responsáveis pela ação. Em contrapartida, o deputado federal e aliado de Luizianne, Eudes Xavier, criticou a atitude de Fernando Hugo e disse que, se RC for vaiado no réveillon ou em outro evento público, não será por ação organizada, mas por direito da população de expressar opinião sobre o governo.

Desempenho de RC
Pela primeira vez, desde que foi divulgada a pesquisa Ibope/CNI sobre atual gestão municipal, Roberto Cláudio comentou o resultado. O prefeito questionou a veracidade da pesquisa, ponderando margem de erro elevada. Para o prefeito, a pesquisa “está bastante equivocada metodologicamente”.

Segundo os dados divulgados pelo instituto, 2% dos eleitores avaliaram o governo como ótimo; 22% declararam a administração como boa; 29% classificaram a gestão como regular; 12% dos entrevistados disseram que RC administra a cidade de modo ruim; e 30% avaliaram a gestão como péssima. Outros 4% não sabem ou não responderam à entrevista. Foram entrevistados 204 fortalezenses de 23 de novembro a 2 de dezembro.

RC relacionou o resultado a medidas de organização interna do primeiro ano de gestão que “não são simpáticas, mas necessárias” para que o prefeito cumpra as promessas de campanha. Ele disse ter recebido a Prefeitura com “um passivo de fisiologismo, de clientelismo, de incapacidade de começar e terminar obras, de favorecimento de grupos pessoais e, sobretudo, o passivo de 500 milhões de reais”, que tornaram necessária a realização de mudanças.

(O POVO Online)

Centro Cultural do BNB encerra programação infantil neste sábado

O Centro Cultural Banco do Nordeste levará ao palco sua última programação infantil. Será sábado, a partir das 15 horas. O Grupo Evoé Contos e Cantos encenará a peça “Cadê o fim da história?” A entrada gratuita e aberta ao público. A peça conta a história de Sofia, uma garotinha que adora ler. Em uma dessas noites de leitura, ela percebe que o final do livro está em branco. Então parte numa aventura dentro do livro, em busca do autor para saber o final.  

Também no sábado haverá o “Passeio no Trenzinho da História”, a partir das 16 horas. Nele, crianças com até 12 anos de idade e seus acompanhantes passearão por ruas e avenidas do Centro histórico de Fortaleza, em um veículo tipo trenzinho, conhecendo as principais praças e monumentos históricos da região. O percurso tem duração de uma hora.

Dentro do programa Arte Retirante, a Cia Mais Caras apresenta o espetáculo Benjamin e o Papai Noel, também no sábado, às 17h30min, no Centro Cultural Patativa do Assaré (Av. B, nº 701, Conjunto Ceará).

IPECE vai divulgar estudo sobre perspectivas econômicas do Ceará para 2014

Flavio Ataliba Diretor Geral IPECE (1)

O presidente do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE), Flávio Ataliba, vai divulgar, às 15 horas da próxima segunda-feira, o Informe Nº 70. Nele, um estudo sobre Perspectivas da Economia Cearense para 2014.

Flávio Ataliba receberá a imprensa para coletiva na sede do IPECE, na Avenida General Afonso Albuquerque, S/N, no Cambeba – Edifício Seplag, 2º andar.

No estudo, o potencial de vários segmentos, além das possibilidades de novos negócios.

Governo disponibilizará portal para cidadão monitorar programas sociais

85 1

“O governo federal disponibilizará, em janeiro, um portal que vai permitir à população monitorar os programas sociais – é o mesmo instrumento usado pela presidenta Dilma Rousseff e pela Casa Civil para fiscalizar as ações. Segundo a chefe da Casa Civil, ministra Gleisi Hoffmann, dos cerca de 40 programas monitorados atualmente, com mapas referenciados, três estarão no portal a partir do próximo mês: Mais Médicos, Minha Casa, Minha Vida e Desastres Naturais.

“Queremos esses programas disponíveis agora em janeiro porque é importante a população nos ajudar a fiscalizar e acompanhar os programas”, disse Gleisi hoje (27), durante café da manhã oferecido aos jornalistas no Palácio do Planalto. A ministra ressaltou que muitos dados estão no Portal da Transparência e no Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), mas nem sempre de uma forma gerencial, que permita à população ajudar na fiscalização.

O sistema disponibilizado traz um mapa do país com pontos marcados em cada município onde os programas são executados e dá uma visão geral na qual o cidadão poderá selecionar um local para mais detalhamento. Segundo Gleisi, no Programa Mais Médicos, será possível obter o número de profissionais com nome e dados de cada um, bem como do tutor responsável, além de um mapa com a localização da unidade de saúde onde eles atendem. As informações são atualizadas a cada envio de profissionais.”

(Agência Brasil)

MP ajuíza ações contra ex-gestores de Quixadá

“O Ministério Público do Estado do Ceará, através da Promotoria de Justiça do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Quixadá, ajuizou hoje (27) sete ações de improbidade administrativa contra ex-gestores do Município de Quixadá e empresas que receberam verbas municipais. Os atos foram praticados nos anos de 2007 e 2008 e, em regra, foi proposta uma ação contra cada gestor.

Durante as investigações, foi comprovada a tramitação absolutamente anormal de dezenas de procedimentos licitatórios, evidenciando direcionamento de contratações. Além disso, houve também um caso de fracionamento de despesas, a fim de burlar a necessidade de se realizar licitação, e um caso de dispensa indevida de licitação.
Em todas as ações, foi requerida a indisponibilidade dos bens dos requeridos, até o valor total da licitação em que tal pessoa tenha participado.

Abaixo, segue a lista das pessoas, físicas e jurídicas, contra as quais foram propostas ações de improbidade.

Agentes públicos:
Carlos Augusto Vitorino Cavalcante (ex-presidente da Fundação de Geração, Emprego, Renda e Habitação Popular);
Ereni Lima Tavares (ex-secretário de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural);
Gardênia Moreira Menezes (ex-procuradora Jurídica);
Henrique Jorge Lélis Rabelo (ex-secretário de Desenvolvimento e Turismo);
Iracilda Carvalho da Silva (ex-chefe de Gabinete do Prefeito Municipal);
José Everardo Silveira Filho (ex-secretário de Comunicação e Mobilização Social);
José Hernando de Queiroz Filho (ex-secretário de Desenvolvimento Social);
José Humberto Torres (ex-secretário de Administração);
Lígia Maria Saraiva Leão (ex-secretária de Educação e Desporto);
Manoel Messias Moreira da Silva (ex-secretário de Juventude e Participação Popular);
Maria Edi Leal da Cruz Macedo (ex-secretária de Educação e Desporto);
Maria Ivonete Dutra Fernandes (ex-secretária de Saúde);
Maria Roselene Buriti Lima (ex-secretária de Desenvolvimento Social);
Maryone Queiroz dos Santos Freitas (ex-presidente da Comissão de Licitação);
Paulo Pinto Bezerra Júnior (ex-secretário de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Rural);
Paulo Stênio Fernandes dos Santos (ex-secretário de Desenvolvimento Urbano)

Empresários e sociedades empresárias:
A & B Construções e Serviços Ltda. EPP;
A Arlindo Nobre da Silva ME;
Ana Lúcia dos Santos Oliveira ME;
Antonia Costa de Sousa Confecções – ME;
Centro de Informática e Telefonia Sertão Central Ltda.;
Coldar Ar Condicionado Ltda.;
Dexus Serviços e Construções Ltda.;
Francisco Dário Gomes Lobo ME;
Francisco Luiz Rocha ME;
Gonçalo Soares de Freitas EPP;
Henrique Luiz Rodrigues Pais;
HF Teleinformática Ltda. EPP;
Hidromax Ltda. EPP (atualmente Construtora Vetor Ltda EPP);
José Antenor Viana Coelho ME;
Jurandir Pergentino Barreiro ME;
M. Gurgel Costa Bebidas ME;
Marivaldo Furtado Pinto ME (atualmente Panificadora Nossa Senhora Do Perpetuo Socorro Ltda ME);
Motocedro Comercial de Motos Ltda.;
Mozaiko Empreendimentos e Serviços de Construção Ltda.;
Rádio Monólitos de Quixadá Ltda.;
Reginauria Nobre Freire ME;
Rita Rufino Martins EPP;
Úrsula Andrea Almeida Barros ME (atualmente Úrsula Andrea Almeida Barros Ponte EPP).

(Site do MP-CE)

Governo Central registra superavit recorde

“O Governo Central (Banco Central, Previdência Social e Tesouro Nacional) registrou resultado recorde, com superávit de R$ 28,8 bilhões em novembro. No acumulado do ano, o resultado chega a R$ 62,4 bilhões, o que corresponde a alta de 3,7% na comparação com o registrado no mesmo período de 2012, quando ficou em R$ 60,204 bilhões.

O superávit primário é a economia de recursos para pagar os juros da dívida pública. O esforço fiscal permite a redução, no médio e no longo prazos, do endividamento do governo.

O resultado de novembro também é muito maior do que o registrado em outubro, quando ficou em R$ 5,6 bilhões. A meta ajustada para o Governo Central é de economizar R$ 73 bilhões em 2013. Ou seja, o governo precisa de mais R$ 10,582 bilhões para cumprir o que estabeleceu.”

(Agência Brasil)

 

Inadimplência de empresas cresce 2,3% em novembro

A inadimplência das empresas cresceu 2,3% em novembro em relação a outubro, segundo pesquisa da Serasa Experian divulgada hoje (27). Em comparação com o mesmo mês de 2012, a alta foi 6,7%. No acumulado de janeiro a novembro, a elevação chegou a 1,9% em relação ao mesmo período do ano passado. Entre os fatores que contribuíram para o aumento da inadimplência estão os aumentos consecutivos das taxas de juros, que elevaram os custos das empresas. A desaceleração da economia e as oscilações da taxa de câmbio também foram apontadas pela Serasa como elementos que dificultaram às pessoas jurídicas honrar os compromissos.

No acumulado de janeiro a novembro, as dívidas com bancos apresentaram valor médio de R$ 5,3 mil, alta de 0,6% em comparação com o mesmo período de 2012. As dívidas não bancárias (lojas, prestadoras de serviço, telefonia etc) representaram, em média, R$ 814,11 no acumulado dos primeiros 11 meses do ano, crescimento de 6,6% em relação ao mesmo período do ano passado.”

(Agência Brasil)

Prefeito inaugura praça no bairro Passaré

216 1
Nesta sexta-feira, a partir das 17 horas, o prefeito Roberto Cláudio (PROS) estará inaugurando a Praça Farias Brito no bairro Passaré.
São 22.500 metros quadrados de área, com pista de cooper de 600 metros, campo de futebol, quadra esportiva, equipamento de exercício para adultos e idosos e outros equipamentos de lazer para a criançada.

SRH faz balanço sobre a situação hídrica do Ceará

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=d_Ia11QUcBU&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

Qual a situação dos recursos hídricos do Ceará e obras que estão sendo tocadas para amenizar no futuro os ciclos de seca? O secretário-executivo do Recursos Hídricos do Estado, Ramon Rodrigues, em conversa com o Blog, faz um balanço do setor.

Ramon Rodrigues destaca o projeto Cinturão das Águas que vem para receber a água da transposição do São Francisco.

Secretário liga para Blog e diz que acompanhou reparos em adutora de Itapipoca

O secretário dos Recursos Hídricos do Estado, César Pinheiro, telefonou agora há pouco para o Blog. Ele esclarece que esteve em Itapipoca acompanhado as obras de reparo da adutora que fornece água para a cidade.

“Estive ali acompanhando o governador Cid Gomes. Passei duas noites e um dia tratando do assunto e coordenando a equipe técnica”, acentuou Pinheiro.

Ele acrescentou que o fornecimento de água de Itapipoca está se normalizando.

 

A apropriação das festas de fim de ano pelo mercado

121 1

Com o título “O Natal de cada um”, eis artigo do jornalista e sociólogo Demétrio Andrade. Ele aborda o clima natalino e a chance de todos se questionarem sobre o novo que pode nascer dentro de nós e nos dar felicidade. Confira:

Um dos desafios de quem trabalha com texto é justamente, quando chegam as chamadas efemérides – as datas comemorativas que se repetem –, tentar inverter a lógica do “mais do mesmo” e criar algo novo. Neste contexto, o Natal é, talvez, a tarefa mais difícil. Não só porque é um evento que ocorre todos os anos, mas principalmente porque se trata de uma data onde milhões de belas mensagens são criadas, a maioria expressando desejos sinceros de um mundo melhor. A emoção explode em cada palavra, mesmo naquelas pessoas que não gostam do período e criticam – com razão – a apropriação das festas de fim de ano pelo mercado.

Talvez observar a imagem de Jesus pequenino, num estábulo, seja o primeiro bom exercício de se tentar extrair dali algo novo. Mas tais imagens também são infinitesimalmente reproduzidas: a lição de simplicidade, de dignidade independente da condição social, de grandeza que vai além do que é aparente. Mas reside justamente aí a grande lição: a “novidade” está em pararmos e percebermos a quantas anda o Natal de cada um. A partir do Cristo, realizarmos também um movimento de renascimento. A “novidade”, paradoxalmente, não está no novo: ela permanece encravada em nós, escondida em algum lugar, desde os primórdios da raça humana.

O convite que o Natal nos faz é, a partir do exemplo do Cristo, extrairmos de nós o que parecia morto, esquecido num canto qualquer, colocado em segundo plano: a busca por nossa felicidade. Jean Paul Sartre, filósofo existencialista francês, ensinava que “a felicidade não está em fazer o que a gente quer, e sim, em querer o que a gente faz”. A pergunta de hoje é: “você quer fazer o que você está fazendo? É isso de fato o que lhe traz felicidade?”.

Fico imaginando agora quantos, há quanto tempo, não haviam tido coragem de se fazer este questionamento. O Menino na manjedoura dá a dica de que é possível ser feliz com pouco, não porque se quer o mínimo ou porque seja pecado desejar algo mais, mas porque, essencialmente, para quem sabe, no seu íntimo, o que quer na vida para ser feliz, o muito exterior não significa absolutamente nada. O Natal vendido pelo mercado mostra desejos como necessidades. Presentes como tarefas. Festas como obrigações. Não à toa muitos se deprimem. O ser humano não é um escravo dos quereres materiais. O ser humano, citando novamente Sartre, “está condenado à liberdade”. E a poetisa Cecília Meireles dizia que liberdade é uma palavra que não se explica, mas que não há quem não entenda.

Creio então que a mensagem de Jesus é esta: somos livres, independente de raça, cor, credo, posição social para escrever nosso caminho em busca da felicidade. Não somos escravos de um modelo de Natal imposto pela sociedade. Somos livres para construir, dia após dia, o nosso próprio Natal. E que ele venha com a descoberta, em cada um de nós, da nossa infinita capacidade de amar a si mesmo e ao próximo.

Feliz Natal!

* Demétrio Andrade,

Jornalista e sociólogo.

Cid mergulha, mas quem some é o secretário

76 1

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Y2_DHcCJTxw[/youtube]

Eis um vídeo que está circulando na internet: o governador Cid Gomes mergulhando para fechar válvula de uma adutora de Itapipoca, que apresentou problemas de engenharia. A cidade ficou com problema de desabastecimento. 

Cid esteve ali há quase uma semana ajudando no conserto, mas também cobrando explicações da Secretaria de Recursos Hídricos do Estado e da Primor Construções. Aliás, chamou a atenção a ausência do titular da SRH, César Pinheiro. Pelo menos, ele não apareceu em nenhuma imagem ao lado do governador.

DETALHE – O secretário César Pinheiro é indicação pessoal do senador Eunício Oliveira.

DETALHE 2 – Cid Gomes é fumante, mas conseguiu passar 17 segundos debaixo d’água. Pra quem tem 51 anos, mostra fôlego, muito fôlego.

O futuro profissional de José Dirceu

Essa é da Coluna Radar, da Veja online:

Depois da pirotécnica tentativa de trabalhar num encrencado hotel, o pedido para cuidar da biblioteca do advogado José Gerardo Grossi é um tiro final. Se não der certo, José Dirceu vai baixar a bola.

O que sua defesa planeja a partir daí, em caso de insucesso, é entrar com um pedido para Dirceu na Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso. E trabalhar onde a Vara de Execuções Penais indicar, ganhando salário-mínimo.

Campanha quer incluir Ceará no roteiro da visita do Papa Francisco

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=IruNcxBlmeY&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

Uma campanha quer incluir o Ceará na agenda da visita que o Papa Francisco fará ao Brasil e 2017.

O prefeito de Canindé, Celso Crisóstomo, anuncia estar se registrando uma grande mobilização nesse sentido, porque a Basílica de São Francisco, assim como a Basílica de Aparecida (SP), vai comemorar nesse período 200 anos.