Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Caminhão tomba sobre viaduto do Makro

Um caminhão tombou sobre o viaduto que fica em frente ao Makro, nesta manhã de segunda-feira. Como resultado, a carga que trazia – óleo vegetal, acabou se espalhando em toda a pista do local, o que é risco.

Patrulheiros rodoviários estaduais pedem aos motoristas que evitem passar pela área, pois a retirada do caminhão deve demorar. A expectativa é de muito engarrafamento.

Fortaleza – O paraíso das faixas

269 2

faixxxa

Pois é, Fortaleza virou mesmo o paraíso das faixas de propaganda de shows de forró e outros empreendimentos sem aval da Prefeitura. Em vários cruzamentos, como este da avenida 13 de Maio, a turma acorda cedo para realizar esse tipo de “trabalho”.

Esse moço aí estava colocando sua faixa às 5h40min desta segunda-feira. Sem qualquer cerimônia.

(Foto – Paulo MOsKa)

Enem termina com 12 candidatos eliminados por terem usado celular no local da prova

“Dos mais de 7,1 milhões de candidatos inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cerca de 29% não compareceram às provas. Segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, 5,05 milhões de candidatos fizeram o exame. Os dados são do segundo dia de prova e ainda podem ser revisados para cima. O resultado final da prova será divulgado na primeira semana de janeiro.

As abstenções, segundo Mercadante, têm se mantido constantes desde 2009, quando a taxa chegou a 37,7%. No ano passado, o percentual dos alunos que não fizeram a prova foi 27,9% – dos 5,6 milhões inscritos, 4,17 milhões compareceram. Este ano, número de participantes é recorde, 20% a mais que o de 2012. O crescimento, desde 2009, está em 95%. Sobre a questão da segurança, o ministro destacou que não houve vazamento. “A segurança foi muito eficiente, não houve qualquer vazamento de qualquer informação, o que é central para garantir a isonomia dos estudantes.”

O MEC informou que 12 candidatos foram eliminados neste domingo (27) por terem usado celulares no local da prova. Eles postaram imagens da prova e do cartão de resposta nas redes sociais. Nos dois dias do Enem, 36 candidatos foram excluídos do exame por esse motivo.”

(Agência Brasil)

Morre o ex-goleiro Lulinha

86 1

Morreu na noite deste domingo (27) o ex-goleiro Lulinha, que fez história nas equipes do Ceará e do Fortaleza. A informação foi divulgada pela filha do ex-atleta, a jornalista Kézya Diniz em seu blog Política com K. O Blog reproduz a emocionada despedida da filha de Lulinha e se solidariza com a dor da família.

“É com muita dor que comunico a vocês que meu pai já não está mais fisicamente entre nós. Ele se foi às 19 horas deste domingo (27) com a certeza de que nunca um pai foi tão amado como ele.

Uma fibrose pulmonar intersticial foi diagnosticada dois anos atrás. A saída era um transplante de pulmão. E ele se preparava para isso. Sei que a burocracia do sistema de saúde, misturada com uma certa má vontade de uns e o desdém de outros acabou tornando o processo mais lento do que ele pode suportar. Mas também sei que Deus sabe o que faz e não vou deixar que a revolta se instale no meu coração. ‘Que seja feita a Vossa vontade, assim na Terra como no Céu’.

Meu pai foi um guerreiro. Lutou muito contra a doença e mostrou força e uma fé fora do comum. Ele brigou para viver. E foi justamente a vontade de viver que ele sempre demonstrou que nos encheu de esperança por todos esses dias. Meu pai sempre foi um campeão. E até o fim nos deu muitos motivos para ter orgulho dele.

Meu pai foi um atleta. O melhor em campo no jogo de inauguração do estádio Castelão. Ídolo de duas torcidas. Professor adorado. Uma cara geração saúde. Com uma alimentação perfeita, ele praticou exercícios (com prazer) todos os dias da vida, até quando a doença permitiu.

Já perto do fim, meu pai, meu herói, não conseguia sair da cama para ir ao banheiro. Mudar a posição na cama, virar de lado, era um esforço que o deixava ofegante e o fazia perder o fôlego. Mesmo com a ajuda de oxigênio, utilizado 24 horas por dia.

Foi com muito sofrimento que acompanhamos a evolução da doença. Mas a nossa esperança por dias melhores renascia a cada momento em que ele olhava, apontava o dedo para o alto, como se indicasse que Deus estava no comando, e dizia ‘essa vitória é nossa’. Ele lutou. Até o último minuto.

Poucos suportariam as crises (próprias da doença) que ele enfrentou. E ele seguiu sem desistir. Até que precisou descansar.

E posso garantir a vocês que ele não perdeu. Não. Essa doença maldita não venceu. ‘Essa vitória é nossa’, como ele dizia. Meu pai venceu todos os dias durante os últimos dois anos. E nós vamos honrar a sua vitória. Ele não está mais aqui, mas o seu exemplo e a sua força estão com a gente.

Ele dizia que tinha orgulho da filha jornalista. Assim como tinha orgulho do Bruninho e do Peteleco, filhos admirados. Homens criados para ter o mesmo grande coração do pai. Somos, com orgulho, espelhos dele.

E o que dizer do grande amor da vida de meu pai? A nossa Jujú foi a mulher mais apaixonada, a eterna namorada. Tudo que um homem pode esperar de uma mulher. Nunca vi meus pais discutindo e ele sempre dizia, fosse para um estranho no caixa do supermercado, ou para as enfermeiras e auxiliares da UTI, ‘essa bicha linda é o amor da minha vida’. E era mesmo. Na verdade, ainda é. Porque amor assim não acaba.

Um dia todos nós vamos nos reencontrar. Segue em paz meu pai. A gente ainda vai ficar mais um tempo por aqui. Honrando a tua história e o teu nome.

Te amo meu pai. Fui, sou e sempre serei a filha do Lulinha”.

Pesquisa mostra maior variação genética do HIV em crianças e adolescentes de SP

Pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) observaram uma maior variabilidade genética do vírus HIV em crianças e adolescentes do que a apontada em estudos anteriores feitos com adultos. De acordo com os pesquisadores, isso sugere que o perfil da epidemia está mudando no Brasil, o que pode ter implicações tanto na produção de diagnósticos como na definição de terapias e no desenvolvimento de vacinas. Foram colhidas amostras sanguíneas de 51 soropositivos nascidos entre 1992 e 2009 na capital paulista.

Segundo o coordenador do projeto, professor Sabri Saeed Mohamed Al Sanabani, do Instituto de Medicina Tropical da USP, existem dois tipos (1 e 2) de vírus causadores da aids. O tipo 2 é praticamente restrito ao Continente Africano. O tipo 1, que prevalece no restante do mundo, se divide em vários grupos, sendo os principais M, N, O e P. O grupo M, que causa a grande epidemia conhecida atualmente, por sua vez, possui subtipos. “Há ainda as formas recombinantes, que são a mistura genética de subtipos de vírus”, explicou à Agência Brasil.

Estudo publicado em 2011 pelo mesmo grupo de cientistas mostra que o subtipo B é o mais frequente no país. Isso foi atestado com a análise de 113 amostras sanguíneas de homens soropositivos com média de idade de 31 anos e também por meio da análise do DNA viral. Mais de 80% dos pacientes estavam infectados com esse subtipo do vírus. A pesquisa mais recente feita com a faixa etária de 4 a 20 anos, por outro lado, apontou uma prevalência de apenas 52,4%.

As crianças e os adolescentes que participaram do estudo, coordenado pela professora Regina Succi, eram acompanhados pelo Centro de Atendimento da Disciplina de Infectologia Pediátrica da Unifesp. Em todos os casos, a transmissão ocorreu durante a gestação, parto ou amamentação. Quase 40% deles estavam infectados com o subtipo BF1 Mosaico, uma mistura genética dos subtipos B e F1. Outros 9,5% apresentaram o subtipo F1.

Al Sanabani destaca que esse resultado não era esperado inicialmente. “A gente pensava que fosse encontrar um tipo genético igual ao dos adultos. Fomos surpreendidos com essa alta diversidade”, declarou. O pesquisador explica que essa variabilidade genética pode ser justificada pelo fato de a maior parte das mães serem de um grupo de risco, com muitos parceiros sexuais e histórico de uso de drogas. “Esses fenômenos de recombinação que, no caso das crianças, chega a 40%, é resultado dessa mistura de vírus. As mães foram infectadas, provavelmente, por mais de um vírus”, declarou.

O professor explica que, quanto maior a diversidade do HIV, mais difícil será desenvolver uma única vacina para o combate à doença. Há consequências também na definição de uma terapia, já que a mutação genética pode fazer com que o vírus adquira resistência ao tratamento. Além disso, pode haver falhas no diagnóstico da doença, pois a mudança nos códigos genéticos pode levar à não identificação do vírus. “A gente precisa saber o que está circulando no nosso ambiente. Se o HIV tem capacidade de mudar ou recombinar, ele pode, inclusive, constituir outro tipo de aids”, alertou.

Embora a mutação genética faça parte do ciclo de vida do vírus, um tratamento eficiente diminui bastante a carga viral no paciente e reduz o risco de transmissão. “Estamos baseando os nossos casos em crianças e adolescentes de São Paulo e sabemos que aqui há tratamento de qualidade disponível. É preciso fazer isso chegar dessa forma a outras regiões, para não agravar o problema”, defendeu.

O coordenador informou que um novo estudo está em curso para caracterizar os tipos de HIV circulantes em quatro estados, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. “Por meio do sequenciamento de alta escala do genoma do HIV, vamos enxergar o vírus de ponta a ponta. É uma forma de saber quem está recombinando e quem está puro”, declarou.

(Agência Brasil)

Orçamento impositivo e voto aberto podem ser votados nesta semana

O Plenário do Senado pode analisar, nesta semana, em primeiro turno, a Proposta de Emenda à Constituição que trata do orçamento impositivo (PEC 22A/2000) e a Proposta de Emenda à Constituição que dispõe sobre o voto aberto em todas as decisões do Legislativo (PEC 43/2013).

A pauta, no entanto, segue trancada pela Medida Provisória (MP) 622/2013 – que abre crédito extraordinário de R$ 380 milhões para viabilizar o pagamento, por parte da União, de subvenção econômica às indústrias produtoras de etanol no Nordeste.

Caso a pauta seja destrancada, a proposta que institui o voto aberto amplo, de autoria do ex-deputado Luiz Antonio Fleury, é uma das matérias que pode ser votada pelos senadores, em primeiro turno.

A proposta teve a sua quinta sessão de discussão no dia 2 de outubro e já estava pronta para ser votada, em primeiro turno, no Plenário, mas teve de retornar à CCJ por causa da apresentação de emendas. Em sua segunda manifestação sobre o tema, na última quarta-feira (23), a comissão manteve o parecer favorável à PEC.

Apesar de divergências em relação ao voto na escolha de autoridades pelo Senado e no exame de vetos presidenciais, a PEC 43/2013, na forma como foi aprovada na CCJ, prevê o voto aberto em todas as deliberações das duas casas do Congresso; das assembleias legislativas; da Câmara Legislativa do Distrito Federal; e das câmaras de vereadores.

A matéria consta na ordem do dia da sessão de quarta-feira (30).

(Agência Senado)

Famílias do semiárido cearense recebem cestas básicas de escola de Fortaleza

educação doação alimentos

Mais de duas toneladas e meia de alimentos foram doadas a famílias do semiárido cearense, neste fim de semana, por alunos do Provecto, que arrecadaram a quantidade durante a realização da Semana Cultural da escola. Toda a arrecadação foi distribuída pelos próprios alunos.

Segundo o diretor executivo da escola, Osvaldo Lima Campos Filho, cerca de 900 famílias foram beneficiadas com essa lição de cidadania dos alunos.

Faltou “velinha” no bolo dos 104 anos do Dnocs

74 1

cassioborges

A ausência do ex-diretor do Dnocs, Cássio Borges, na festa dos 104 anos do órgão, na última sexta-feira (25), foi encarada pelos demais convidados como “uma velinha a menos no bolo do Dnocs”.

O evento reuniu dirigentes e ex-dirigentes do órgão, políticos e convidados. Durante a festa, o deputado Ariosto Holanda apresentou o livro “Seca – Análises, pressupostos, diretrizes, projetos e metas para o planejamento de um novo Nordeste”.

Cássio Borges, nome dos mais respeitados no campo técnico, escreve semanalmente sobre Dnocs e é um dos defensores apaixonados do trabalho da autarquia. De fato, falha absurda.

Polícia prende pelo menos sete acusados do sequestro de estudante universitário

Resgatado por policiais da Divisão Anti Sequestro do Ceará, em um cativeiro no Porto das Dunas (no litoral leste de Fortaleza), o estudante universitário sequestrado na última quinta-feira (24) passou por exames médicos e já se encontra em casa com a família.

O POVO apurou que pelo menos oito pessoas estariam envolvidas no sequestro. Sete das quais já estariam presas após a descoberta do cativeiro no Porto das Dunas. Dois deles seriam irmãos, um de 18 anos e outro de 17. O mais velho estaria sendo apontado como líder da quadrilha. Eles teriam morado no mesmo condomínio da vítima há alguns anos, na Aldeota.

Outro integrante da quadrilha, que pilotava uma moto de apoio na hora do sequestro no estacionamento da Unifor, teria trabalhado como porteiro no prédio dos dois irmãos onde o estudante universitário já havia morado.

O estudante universitário, filho de empresários, foi resgatado na manhã deste domingo (27), quando a Polícia descobriu o cativeiro no Porto das Dunas. A quadrilha, que vem sendo tratada como amadora, teria feito o primeiro contato com a família logo após o sequestro.

Apesar disso, pelo menos um dos sete presos já responde a um processo criminal que não é de sequestro.

(Demitri Túlio, jornalista do O POVO)

PGR quer inconstitucionalidade de lei cearense que regulamenta a vaquejada

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, enviou parecer ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra uma lei cearense que regulamenta os espetáculos de vaquejada no Estado. Janot entende que a prática está relacionada a maus-tratos aos animais. A data do julgamento não foi marcada, porém, em outros casos de processos envolvendo leis estaduais que regulamentaram a briga de galo e a Farra do Boi, a Corte Suprema decidiu proibir as manifestações culturais por haver crueldade contra os animais.

A PGR contesta a constitucionalidade da Lei 15.299/2013, que regulamentou a vaquejada como prática esportiva e cultural, e criou regras de segurança para peões e animais, além dos critérios de disputa da competição. A norma diz que os organizadores devem adotar medidas de proteção à saúde e integridade física dos animais, além de tomar cuidados com o transporte, trato e montaria do animal.

Em manifestação enviada ao STF, o governo do Ceará alega que a lei não legaliza os maus-tratos, mas determina medidas para proteger a integridade física dos animais e cria sanções contra o descumprimento.

No entanto, o procurador-geral da República discordou dos argumentos do governo cearense e afirmou ao STF que a vaquejada fere o princípio constitucional de proteção ao meio ambiente, por provocar danos consideráveis aos animais e tratamento cruel e desumano. “É ressabido que as vaquejadas traduzem situação notória de maus-tratos aos animais. A prática é inconstitucional, ainda que realizada em contexto cultural”, argumentou Janot.

(Agência Brasil)

Dilma é reconhecida como liderança capaz de apontar caminhos para as controvérsias internacionais

110 5

Da coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (27):

Depois de ridicularizada por certos meios internos por seu pronunciamento na ONU em favor de uma posição internacional contra a espionagem realizada pelos EUA através da Internet, a presidente Dilma Rousseff viu sua proposta ser encampada pela União Europeia, na reunião de chefes de estado europeus realizada esta semana.

Ela vem sendo citada como uma liderança forte capaz de apontar caminhos para as controvérsias internacionais. Bem longe da imagem desprovida de brilho que alguns setores quiseram lhe pespegar. Outro reconhecimento internacional foi feito pela Cepal, o braço das Nações Unidas para a América Latina e o Caribe, em seu último relatório, no qual também encampa a tese de Lula e Dilma de que as manifestações de rua se deveriam à emergência de uma nova classe média, não mais conformada com as conquistas obtidas e mobilizadas em torno de novas demandas.

Universitário é libertado de cativeiro no Porto das Dunas

Um universitário de 18 anos, filho de empresários, foi libertado de um cativeiro, na manhã deste domingo (27), no Porto das Dunas, em Aquiraz, na Região Metropolitana de Fortaleza. O jovem havia sido sequestrado na quinta-feira (24).

O resgate ocorreu por meio de policiais civis da Divisão Anti Sequestro. Dois homens foram presos no local com armas de groso calibre. A Polícia espera efetuar mais prisões durante a semana.

Queimem o Psol

101 2

Em artigo enviado ao Blog, o professor Djacyr de Souza critica o que chama de perseguidores do Psol. Confira:

Não é à toa que hoje temos vistos várias acusações aos membros do Partido Socialismo e Liberdade. E o tiroteio vem de todos os lados, seja das hostes governamentais seja dos parlamentares presenteados com cargos e privilégios e também de grande parte do povo que ainda não compreendeu o jogo político em que vivemos, em que o voto é a principal meta de alguns que estão no poder procurando de todas as formas esmagar os que não lhes são convenientes ou fazem seus jogos no momento em que vemos a situação do povo da cidade e do Estado em frangalhos, onde faltam saúde, educação e segurança e talvez não haja nenhum tipo de oposição para questionar o caos que aí está tudo em função de algumas trocas de favores ou disposição de benesses para quem não ousa confrontar as oligarquias hoje em vigor no Estado.

A prática não é nova e muitos líderes da humanidade já sofreram traições, mentiras e criação de fatos que denegriram a imagem dos que ousam confrontar o poder e tentam fazer uma política diferente da que aí está.

O Psol é hoje uma espécie de barreira, mesmo pequena, para os que estão no poder, pois as bandeiras do partido não são convenientes a uma situação em que o povo não possa se expressar ou questionar obras megalomaníacas, destruição da natureza, perda de direitos dos trabalhadores em nome de uma suposta modernidade ou de governos que se dizem “tocadores de obras”. A grande questão que temos que levar em conta é que como tais obras suntuosas darão aos cidadãos perspectivas de vida, em que não sejam vítimas da violência em cada esquina ou não sejam personagens do mal atendimento no setor de saúde ou sejam membros das estatísticas de desfavorecidos da educação.

O bom de tudo isso é grande parte dos que hoje tentam destruir o Psol naturalmente não tem muito exemplo bom a ser dado e sua postura já nos faz entender que não há nível de comparação ética entre os que acusam o partido e seus membros, pois muitos dos que tentam destruir a imagem do partido e de seus parlamentares já fizeram parte dos noticiários policiais da cidade, o que nos faz pensar: como apontar o defeito dos outros com o dedo sujo?

Claro que tudo isso tem um objetivo: amordaçar quem não se rende. Essa prática é simplesmente conhecida e tem muito a ver com época da ditadura, onde os subversivos sumiam para não dar “trabalho”. Hoje a prática é quase a mesma, com outros instrumentos que todos estão vendo por aí…

Djacyr de Souza, professor

Enem se vale de “direitos autorais” para justificar erro ortográfico

charge enem 131027

Vários internautas usaram as redes sociais para criticar uma charge na prova do Enem, de autoria de Théo, na provas desse sábado (26), em que o então presidente Juscelino Kubitschek conversa com o caipira Jeca. Na charge, do ano de 1971, o presidente destaca que o caipira poderá trafegar por estradas brasileiras com gasolina brasileira, mas o caipira prefere feijão brasileiro.

O problema é que o Enem colocou gasolina com “z”. Diante da má repercussão do erro, o instituto responsável pela elaboração da prova alegou direitos autorais, pois na época da criação da charge, gasolina se escrevia com “z”. A polêmica ganhou proporções entre os internautas porque a escrita “gazolina” em nenhum momento foi explorada nas questões da prova, o que seria dispensável o “emprego original”.

O Blog pesquisou outros vestibulares e constatou que em 2003 a Universidade Estadual do Rio de Janeiro empregou a mesma charge, mas com a grafia correta para a época atual. Confira:

charge enem 131027 ufrj 2003

Ceará é o terceiro estado do país com maior número de profissionais na segunda etapa do Mais Médicos

O Ceará é o terceiro estado brasileiro com maior número de profissionais na segunda etapa do programa Mais Médicos. Dos 2.167 médicos estrangeiros (92% de Cuba) que desembarcam no Brasil neste fim de semana, 212 serão encaminhados ao Ceará. São Paulo é o estado que mais receberá os novos profissionais (276), seguido pela Bahia (274). O novo grupo de médicos passará a trabalhar em Unidades Básicas de Saúde de 783 municípios a partir do próximo dia 4.

Os novos profissionais se juntarão aos 1.499 médicos que já estão atuando em regiões carentes do país, sendo 819 brasileiros e 680 estrangeiros, elevando a cobertura do programa de 5 milhões para 13 milhões de brasileiros.

Todos estes profissionais foram avaliados por três semanas por universidades federais que testaram seus conhecimentos em Língua Portuguesa e nos protocolos de atenção básica do SUS. Do total de participantes, 1.947 foram aprovados, 14 terão mais duas semanas de avaliação e outros 220 realizarão a prova neste sábado.

Esta etapa ocorreu simultaneamente em quatro capitais – Brasília, Fortaleza, Belo Horizonte e Vitória. Com exceção destas cidades, onde permanecerão os profissionais que atuarão no Distrito Federal, no Ceará, em Minas Gerais e no Espírito Santo, todas as capitais receberão médicos do programa.

A região Nordeste é a mais atendida com os médicos desta etapa do programa, com 928 profissionais. Em seguida vêm o Sudeste (517), o Norte (358), o Sul (244) e o Centro-Oeste (120). Com relação à quantidade de municípios beneficiados, o ranking fica: Nordeste (432), Norte (141), Sudeste (100), Centro-Oeste (36) e Sul (74).

A distribuição desses profissionais seguiu critérios técnicos, que deram igual prioridade às cidades em que é maior a parcela da população que depende completamente do atendimento ofertado pelo SUS e àquelas com alto percentual da população em situação de pobreza, conforme o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

(com a Agência Saúde)