Blog do Eliomar

Arquivos do autor Eliomar de Lima

Setor hoteleiro de Fortaleza não sabe o que é clima de baixa estação

hotellee

Nada de baixa estação.

O setor hoteleiro de Fortaleza está hoje com 70% de ocupação de leito, segundo informação do presidente do Sindicato de Hotéis do Ceará, Waldir Diogo Neto.

Ele credita bom resultado, entre atrativos, à chegada do Centro de Eventos. E se diz otimista com relação ao fim do ano quando, no mínimo, por conta de festas de réveillon, a cidade experimentará incremento de 95% em média.

Bancários cearenses vão doar sangue

Para mostrar que quem suga o sangue da categoria e da clientela com muita exploração é dono de banco, os bancários cearenses em greve estarão nesta terça-feira, a partir das 8 horas, na sede do Hemoce, eles vão doar sangue. A doação é organizada pelo Sindicato dos Bancários do Ceará, que quer contribuir para o restabelecimento do estoque do HEMOCE.

Sore a greve dos bancários, a asessoria de imprensa da entidade manda o seguinte balanço do dia: nesta segunda-feira, foram contabilizadas cerca de 400 agências paradas em todo o Estado das 507 existentes. A greve segue firme nos bancos privados com 100% de paralisação nas agências do Santander, HSBC, Safra, Citibank, BIC e Banrisul. A greve é crescente nas agências do Itaú e Bradesco.

Nos bancos públicos a greve segue firme com 100% de paralisação na Caixa Econômica na capital, 100% das agências do Banco do Brasil no Interior e 91% na capital. No BNB, 85,7% de adesão na capital e 100% no Interior.

Inácio Arruda puxa sessão em homenagem aos 60 anos da Petrobras

81 2

inaciograça

Inácio Arruda e Graça Foster.

Por iniciativa de Inácio Arruda (PCdoB), os 60 anos da Petrobras, completados no dia 3 último, foram comemorados durante sessão do Congresso Nacional, no plenário do Senado, nesta manhã de segunda-feira. A homenagem, endossada também pelo deputado Luiz Alberto (PT-BA), reuniu a cúpula da estatal. A empresa foi fundada com o objetivo de executar as atividades do setor petrolífero no Brasil em nome da União. A criação da Petrobras resultou da campanha popular que começou em 1946, com o histórico slogan “O petróleo é nosso”. Hoje, a Petrobras é responsável pela produção de 2,1 milhões de barris de derivados de petróleo por dia.

Para Inácio, “a história da Petrobras é uma saga de lutas e vitórias. Sua participação na vida nacional vai além de um empreendimento econômico, patrocinando atividades sociais, culturais e esportivas, assistenciais, de preservação do meio ambiente, de afirmação da própria brasilidade. Reverenciamos os visionários que a idealizaram, os abnegados trabalhadores que a construíram e, fundamentalmente, o povo brasileiro, que nunca recuou na defesa da mais importante das nossas empresas públicas”, disse o parlamentar.

A sessão do Congresso foi aberta pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, com a presença do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, e da presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, entre outras autoridades. A presidenta da República, Dilma Rousseff, encaminhou mensagem de congratulação ao Congresso Nacional e citou a importância da ação do senador Inácio Arruda.

(Foto – Divulgação)

Novela "Avenida Brasil" é indicada ao Emmy Internacional

A novela Avenida Brasil foi indicada na categoria “Melhor Novela” no 41º Emmy Internacional, considerado Oscar da TV mundial.  O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 7, em Cannes, na França, durante uma feira dedicada ao mercado televisivo.

Ao todo, a Rede Globo recebeu cinco indicações. “Lado a Lado” e “Avenida Brasil” concorrem como melhor novela. A atriz Fernanda Montenegro foi indicada na categoria melhor atriz por seu papel no especial “Doce de Mãe”. Já as produções “Como Aproveitar o Fim do Mundo” e “O Brado Retumbante” disputam o prêmio de melhor comédia e melhor série dramática, respectivamente.

 

Mauro Benevides será orador de sessaão comemorativa dos 25 anos da Carta Magna

94 1

maurobenevides

Mauro Benevides (PMDB) será o orador, nesta quarta-feira, às 10 horas, na Câmara dos Deputados. Ele falará dentro da sessão solene que marcará os 25 anos da Cara Magna. Em nome dos parlamentares constituinte e de quem foi, da Assembleia Nacional Constituinte, seu vice-presidente.

Na ocasião, Mauro receberá uma medalha alusiva à data, a exemplo do que ocorreu em 2008, quando a Carta completava 20 anos.

A solenidade da Câmara deverá ter a presença da presidente Dilma Rousseff.

Três adolescentes acusadas de esfaquear médica são apreendidas

As três adolescentes acusadas de assaltar e esfaquear a médica Larissa Amorim, de 23 anos, no último domingo, 6, na Praia do Futuro, foram apreendidas nesta segunda-feira, por volta do meio-dia. A apreensão ocorreu a partir de denúncia anônima e ocorreu na Favela dos Cocos por policiais do 8º Batalhão e do Estado Maior (EM). Elas foram encaminhadas para a Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), de onde seguiram para o Instituto Médico Legal (IML) para exame de corpo de delito. As adolescentes devem retornar para a DCA.

A médica saía de um hotel da região acompanhada por outras amigas, quando foi abordada pelas três adolescentes no momento em que se dirigia para seu carro. A vítima foi atingida por dois golpes de faca nas costas e um deles atingiu seu pulmão. Ainda segundo testemunhas, durante o assalto, ela foi induzida pelas três moças a dar o celular e a bolsa. A jovem entregou os pertences sem apresentar resistência. Mesmo assim, foi esfaqueada nas costas.

(Com POVO Online)

Para Lula, Eduardo Campos tornou-se uma ameaça real

Essa é do Blog de Josias de Souza:

Como todo mundo, Lula surpreendeu-se com a parceria firmada entre seus ex-ministros Eduardo Campos e Marina Silva. Numa primeira avaliação, feita em privado, considerou que a candidatura presidencial do PSB subiu de patamar, tornando-se uma ameaça efetiva aos planos reeleitorais de Dilma Rousseff. Uma ameaça que tende a crescer na proporção direta do tempo de propaganda no rádio e na televisão que Eduardo Campos for capaz de amealhar.

Conforme relato feito ao blog, Lula e parte da cúpula do PT passaram ruminar duas preocupações. Antes, equipavam-se para tentar reeditar o velho Fla-Flu do PT versus PSDB, e liquidar a disputa no primeiro turno. Agora, receiam que o tônico de Marina, além de potencializar o “risco” de segundo turno, empurre Eduardo Campos para essa fase. Estima-se que ele seria um adversário mais duro de roer do que o tucano Aécio Neves.

Nos próximos dias, o petismo fará pesquisas (quantitativa e qualitativa) para aferir o potencial da parceria e esboçar uma reação. Dá-se de barato que a irritação de Marina com o PT e o governo fará de Eduardo Campos um candidato de timbre crescentemente oposicionista. Uma novidade que o petismo ainda não sabe muito bem como vai administrar.

Por mal dos pecados, a conjuntura se moveu no mesmo final de semana em que foi veiculada a entrevista do marqueteiro João Santana ao repórter Luiz Maklouf Carvalho. Uma “antropofagia de anões”, disse o escultor da imagem de Dilma, levará os antagonistas da presidente a “se comer lá embaixo”, levando-a a “planar no Olimpo”.

No dizer desse João Santana autossuficiente que veio à luz horas antes da formalização da parceria entre os “anões” da Rede e do PSB, o presidenciável “que menos crescerá, ao contrário do que ele próprio pensa, é justamente Eduardo Campos.”

Ponte Estaiada – Cid usa Facebook para anunciar andamento do projeto

172 6

“O governador do Ceará, Cid Gomes, publicou na tarde desta segunda-feira, 7, na página pessoal no Facebook, informações sobre o andamento do projeto de construção de uma Ponte Estaiada em Fortaleza. “Está sendo concluída a PPP – Parceria Público Privada – para a construção da Ponte Estaiada ligando a avenida Washington Soares à avenida Santos Dumont”, anunciou o governador.

Além da ponte em si, a maquete eletrônica da empreitada do Governo mostra que está incluso no projeto a construção de três rotatórias: uma na avenida Padre Antônio Tomás com rua Mag. Pompeu, outra na avenida das Adenanteras com via Vinte e Um, e a última na avenida Juarez Barroso com rua Firmino Rocha Aguiar.

O projeto também estabelece aconstrução de um mirante, com restaurante na parte superior, como também a arborização de áreas degradadas e a inclusão de umsistema programável de iluminação por LED, simultaneamente entre a ponte e o mirante.

Na publicação de Cid, internautas criticam a preservação da área verde do Parque do Cocó e recordam a polêmica da obra da Prefeitura de Fortaleza em construir viadutos próximos ao parque. Por outro lado, apoiadores do governo elogiam o projeto e parabenizam a iniciativa.

Parceria Público-Privada (PPP) é um contrato de prestação de obras firmado entre empresa privada e o governo federal, estadual ou municipal, não inferior a R$ 20 milhões, com duração mínima de cinco e no máximo de 35 anos.

(Com O POVO Online)

Mais Médicos – Líder do PDT na Câmara admite aprovação da MP

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=D_FhQB9lK4o&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

Líder do PDT na Câmara dos Deputados, André Figueiredo admitiu, nesta segunda-feira, antes de seguir para Brasília, que a MP do Programa Mais Médicos deve ser aprovada nesta semana. Ele ressalta que a matéria é importante, mas lembra que o fundamental é garantir mais recursos para a saúde.

Mesa da Câmara confirma troca-troca partidário de 51 deputados

“Até o momento, está confirmada a troca de partido de 52 deputados, conforme levantamento feito pela Agência Brasil, com base em informações da Secretaria-Geral da Mesa da Câmara e dos gabinetes dos parlamentares – terminou sábado (5) o prazo para que os que pretendem disputar as eleições de 2014 filiem-se a outras legendas. O Solidariedade, com 22 filiações, e o PROS, com 14, criados no último dia 24, foram os partidos que mais receberam parlamentares. Dois senadores, ambos do Tocantins, trocaram de partido: Kátia Abreu deixou o PSD e migrou para o PMDB e Vicentinho Alves trocou o PR pelo Solidariedade. De acordo com o calendário eleitoral, agora os partidos têm até o próximo dia 14 para encaminhar ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a relação de filiados.

Na Câmara, o PDT foi o partido que mais perdeu deputados, nove ao todo. Deixaram a legenda Miro Teixeira (RJ), Zé Silva (MG), Dr Jorge Silva (ES), Manato (ES), Salvador Zimbaldi (SP), Marcos Medrado (BA), Paulo Pereira da Silva (SP) Sebastião Bala Rocha (AP) e João Dado (SP). No PMDB, seis deixaram a sigla: Arthur Maia (BA), Paulo Lustosa (CE), Genecias Noronha (CE), Benjamim Maranhão (PB), Luiz Pitiman (DF) e Wladimir Costa (PA). O PR também perdeu seis deputados: Lilian Sá (RJ), Maurício Trindade (BA) Vicente Arruda (CE), Henrique Oliveira (AM), Laercio Oliveira (SE) e Ronaldo Fonseca (DF).

O PSDB perdeu seis deputados: Luiz Nishimori (PR), Eduardo Gomes (TO), Dudimar Paxiuba (PA), Alexandre Toledo (AL), Urzeni Rocha e Walter Feldman (SP). No PSB, quatro deputados – Antonio Balhmann (CE), Ariosto Holanda (CE), Valtenir Pereira (MT) e Givaldo Carimbão (AL) – optaram por outro partido. No PSD, também houve quatro trocas de partido. Saíram Marcelo Aguiar (SP), Raul Lima (RR), Ademir Camilo (MG) e Armando Vergílio (GO).

Beto Mansur (SP), Luiz Argolo (BA) e Marcio Junqueira (RR) deixaram o PP, mas o partido recebeu quatro deputados oriundos de outras legendas. Saíram do PPS os deputados Simplício Araújo (MA), Augusto Carvalho (DF) e Almeida Lima (SE). Do DEM também saíram três deputados: Augusto Coutinho (PE), Betinho Rosado (RN) e Major Fábio (PB). Oito partidos perderam um deputado: Domingos Dutra (MA) saiu do PT, Fernando Francischini (PR), do PEN, Aureo (RJ), do PRTB, Magda Mofatto (GO), do PTB, Vilalba (PE), do PRB, (Hugo Leal (RJ), do PSC, Alfredo Sirkis (RJ), do PV, e Dr. Grilo (MG), do PSL.”

(Agência Brasil)

Ciro diz que Marina e Eduardo Campos “são dois zeros”

125 4

cirogomess

Em entrevista ao jornal O Estado, o atual secretário da Saúde do governo de seu irmão Cid Gomes no Ceará, o ex-ministro Ciro Gomes afirmou, neste final de semana, que Marina Silva e Eduardo Campos, agora aliados de PSB na disputa pela Presidência em 2014, “são dois zeros”.

“Eles não têm proposta para o Brasil. São dois zeros. O Brasil precisa de reflexão. Propostas. O debate que está aí é alienado. Exceto a Dilma (Rousseff), quais dos pré-candidatos têm propostas? O que a Marina entende de economia? O Brasil tem jeito e para cada desafio tem quatro soluções, mas os candidatos não têm essas soluções. Não têm plano”, afirmou Ciro.

Marina escolhe o caminho do meio

Em artigo enviado ao Blog, o publicitário e poeta Ricardo Alcântara avalia a ida de Marina Silva para o PSB. Confira:

Eis como estamos: o Pros, partido criado como puxadinho de laje para abrigar o governismo inato, obteve registro, numa boa, enquanto a Rede Sustentabilidade – gente com peso, cor e face – se viu impedida de colher os votos que de fato tem.

Daí, a metáfora da “clandestinidade” usada por Marina Silva para definir a situação em que foi confinada a Rede pela aplicação de preceitos cartoriais na avaliação de sua legalidade, ignorando o TSE abusos cometidos na anulação de assinaturas.

Contas feitas, Marina tendia à decisão mais ortodoxa de manter-se em linha com o projeto original: abdicaria de candidatar-se por outra legenda e daria exclusiva atenção à criação da Rede numa síndrome autista que muitos danos lhe causariam.

Aquela alternativa logo foi superada por interesses pragmáticos, porém legítimos: dar abrigo a parlamentares, adeptos da Rede, que pretendam buscar um mandato, o que os obrigaria a escolher uma entre as siglas disponíveis. Deu PSB.

Fora do processo eleitoral, isto deve ter pesado também, Marina veria pulverizada parte do seu potencial de votos. Para seus adversários da base governista, seria aquele o melhor dos mundos. Daria vida fácil a quem só lhe criou dificuldades.

Contudo, a concessão de sublocar uma sigla para a disputa eleitoral seria admitir falha genética na rede: o personalismo, paradoxal para seus próprios postulados, onde sua figura reforçaria traços messiânicos – o oposto de uma ação… em rede.

Entre a opção radical – dedicação exclusiva à construção da Rede – e a rendição aos excessos carismáticos do presidencialismo, Marina preferiu percorrer o caminho do meio: abrigou-se em uma sigla, mas abdicou da candidatura a qualquer custo.

Seus eleitores potenciais poderão lamentar a decisão, pois lhes restou optar por candidaturas conciliadas com o modus operandi convencional do fazer político, tão puído pelas mobilizações de rua iniciadas em junho. De fato: o andor ficou vazio.

Mas militantes da Rede, não: se ao movimento fosse imprescindível o enredo messiânico de uma candidatura, seria um sinal de que ainda não estaria de fato maduro para acontecer. Um mais lento e consistente processo agora os desafia.

Mas não deem por decidida a questão. Embora controle as estruturas do partido, Eduardo Campos terá ao seu lado uma sombra: a presença desprendida de Marina no seu PSB o obriga a buscar índices mais expressivos nos prognósticos eleitorais.

O jogo está apenas começando. E mesmo não tendo se rendido inteiramente aos vícios de suas regras, Marina decidiu submeter-se aos riscos e contradições de fazer parte dele. Que não tenha se refugiado em cômoda omissão já é bom sinal.

Mais Médicos – Líder do PT garante aprovação da MP

zeguimaraes

Líder do PT na Câmara, José Nobre Guimarães voltou a garantir: a votação da MP do Programa Mais Médicos não passará desta terça-feira à noite. Ele deixa claro que é prioridade e que o País necessita do programa como forma de levar assistência médica a quem mais precisa: o Interior.

Sem meias palavras, Guimarães manda o recado: a maioria governista passará por cima da oposição sem direito a anestesia.

A questão é saber até que ponto o parceiro, PMDB, que questiona a matéria, fará valer sua força política.

Santa Casa de Misericórdia aguarda conversa com Ciro Gomes

cirogomes

O provedor da Santa Casa de Misericórdia de Fortaleza, Luiz Marques, informa aguardar, ansiosamente, um encontro com o secretário estadual da Saúde, Ciro Gomes. Convênios por renovar e algumas pendências financeiras por resolver constam da pauta.

A Santa Casa, que vem investindo em modernização com apoio da área privada, espera contar com total apoio de Ciro. Principalmente para ampliar seu atendimento.

PED x Troca-Troca

Em artigo no O POVO desta segunda-feira (7), o arquiteto urbanista e vice-presidente do PT/CE, Joaquim Cartaxo, comenta das eleições internas do PT. Confira:

Encerrou-se o prazo do troca-troca de partido político devido à legislação eleitoral que determina, 5 de outubro, como prazo máximo para os candidatos se filiarem a um partido e disputarem a eleição de 2014. Politicamente, a motivação do troca-troca decorre de divergências partidárias locais e busca de melhores condições nas disputas eleitorais.

Quanto aos partidos, no troca-troca interessa: aumentar a quantidade de deputados federais que representa maior quinhão do fundo partidário, do tempo de propaganda na TV e barganha na formação das alianças políticas.

A partir de agora, inicia-se a etapa de avaliação de perdas e ganhos das bancadas parlamentares, quem se comprometeu a mudar de partido e desistiu da aventura; de análise das possibilidades de arranjos, rearranjos e desarranjos dos palanques estaduais nas eleições do próximo ano.

Enquanto isso, o Partido dos Trabalhadores está em Processo de Eleição Direta (PED) de seus dirigentes. Em plenárias mobilizadas para debates, as chapas e os candidatos a presidente dos diretórios discutem com os filiados a conjuntura, o programa político do PT e as respectivas propostas de organização partidária. Nacionalmente, mais de 900 mil filiados ao partido estão aptos a votar no dia 10 de novembro e eleger as próximas direções municipais, estaduais e nacional.

O PT promoveu outra inovação na vida partidária brasileira: paridade de gênero e cotas para jovens, negros e índios na composição das chapas, diretórios e comissões executivas. Assim, as direções petistas serão mais femininas, jovens, negras e indígenas depois do PED. Com essa renovação, o PT reafirma ser um partido que aperfeiçoa sua democracia interna e se consolida como referencia partidária com a responsabilidade de aprofundar as formulações sobre o socialismo democrático, de produzir um ideário e cultura de esquerda, dialogando com a sociedade, em especial com a juventude.

Mais Médicos – Secretários Estaduais de Saúde esperam aprovação da MP

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=dLPQzfmeePA&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O secretário-executivo do Conselho Nacional dos Secretários Estaduais de Saúde, Jurandir Frutuoso, está otimista de que, nesta terça-feira, seja votadas e aprovada a Medida Provisória que trata do Programa Mais Médicos.

A matéria corre risco de ser esvaziada pelo PMDB, mas Jurandir considera importante para consolidar a iniciativa do governo federal.

DNOCS vai repassar R$ 17 milhões para abastecimento de água em 34 municípios do Ceará

O DNOCS vai repassar, por meio de convênios, R$ 17,34 milhões a 34 prefeituras do Ceará para a implantação de sistemas simplificados de abastecimento de água, por meio do programa Água para Todos, do Ministério da Integração Nacional. Os recursos já estão no DNOCS, informa Thereza Rego, especialista em infraestrutura, do Grupo Executivo do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

O diretor-geral do DNOCS, Emerson Fernandes Daniel Júnior, reúne os prefeitos na tarde desta segunda-feira (7), no auditório da sede geral da Administração, em Fortaleza, para esclarecimentos sobre os convênios, já assinados em solenidade em Brasília na presença da presidente Dilma Rousseff. O evento é promovido em parceria com a Associação dos Municípios e Prefeitos do Estado do Ceará (Aprece), que faz mobilização para trazer os gestores municipais ao evento.

Na ocasião, as informações sobre a parte operacional dos convênios serão dadas aos prefeitos por Emerson Daniel, pelo diretor de Infraestrutura Hídrica, Glauco Mendes, o procurador-chefe do DNOCS, Francisco Arlem de Queiroz Sousa, e por um representante do Ministério da Integração Nacional.  Os sistemas simplificados de abastecimento de água são compostos por captação subterrânea em poço tubular e casa de bombas. A água será clorada e levada por pressurização através de uma adutora para um reservatório com capacidade de 10 metros cúbicos. A partir do reservatório, a água será distribuída para os domicílios e um chafariz convencional.

Cada município receberá quatro sistemas, cada um com o custo médio de R$ 127,5 mil. Os 34 municípios do Ceará foram selecionados para receber os sistemas dentro de critério que leva em conta os efeitos da estiagem e a necessidade de abastecimento de água nos estados do Nordeste.

Vão ser beneficiados com os sistemas coletivos de abastecimento de água, no Ceará, os municípios de Aiuaba, Antonina do Norte, Assaré, Aurora, Barro, Brejo Santo, Campos Sales, Canindé, Capistrano, Caridade, Hidrolândia, Ibaretama, Itapiúna, Itatira, Jardim, Lavras da Mangabeira, Milhã, Missão Velha, Mombaça, Morada Nova, Novo Oriente, Ocara, Pentecoste, Piquet Carneiro, Quiterionópolis, Quixadá, Salitre, Santa Quitéria, Santana do Cariri, Senador Pompeu, Sobral, Tabuleiro do Norte, Tauá e Umari.

(Dnocs)

Cid Gomes, o PROS e o Eunício

122 3

Com o título “PROS no centro do condomínio político-eleitoral do governador Cid Gomes”, eis artigo que o sociólogo Luiz Cláudio Ferreira Barbosa manda para o Blog. Ele analisa o cenário 2014 e a situação dos Ferreira Gomes e a virtual candidatura a governador do peemedebista Eunício Oliveira. Confira:

O Partido Socialista Brasileiro e o Partido Republicano Brasileiro deixaram de ser as principais siglas de acomodação dos aliados do Governo Estadual para serem substituídos pelo Partido Republicano da Ordem Social e pelo Solidariedade. O condomínio político- eleitoral do governador Cid Gomes passou por um momento de readaptação, em outras siglas partidárias, para acomodação da sua enorme base de sustentação.

O grupo político dos irmãos Gomes necessitava permanecer na base aliada da presidente Dilma Rousseff (PT), por isso a saída do antigo domicilio político-eleitoral e a transferência para a nova sigla. A grande movimentação partidária na política cearense é somente reflexo do movimento das placas tectônicas da política nacional.

O Partido Republicano da Ordem Social (PROS-77) não será uma grande agremiação nacional, no máximo um partido mediano, mas será o maior partido na política cearense, em função do peso político- administrativo da máquina do Governo do Estado. O PROS vai acomodar os dois maiores grupos políticos da política local: o grupo do governador Cid Gomes e o grupo do prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio.

O prefeito Roberto Cláudio tinha espaço bem definido como a nova geração do PSB na política nacional. O diretório municipal de Fortaleza tinha um peso político forte e influente no diretório estadual da agremiação socialista, que não é o mesmo peso dentro do PROS, pois essa agremiação é centralizada na direção nacional e nos diretores estaduais, sem cultura política de valorização dos diretórios municipais.

A superação da fase de acomodação do grupo dos irmãos Gomes, já será sucedida pela necessidade de um nome competitivo para a nova sigla, mas não há um nome forte nos quadros internos, para impor aos principais aliados partidários. Outro problema é o peso político-eleitoral do senador Eunício Oliveira (PMDB), como pré- candidato ao executivo estadual, com excelentes números nas pesquisas de opinião pública e que conta com apoio das direções nacionais do PT e do PMDB para a sua empreitada eleitoral.

O PROS seção estadual já nasceu da necessidade de uma solução rápida para acomodação dos interesses políticos dos aliados do governador Cid Gomes, nesse momento de readaptação interna na política local e acomodação externa na política nacional.

* Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Sociólogo e consultor político.

Elmano de Freitas recebe apoio do grupo de José Airton

110 5

O candidato à Presidência Municipal do PT, Elmano de Freitas, recebeu nesta segunda-feira (7) o apoio do grupo do deputado federal José Airton para as eleições do dia 10 de novembro.

Na disputa à Presidência Estadual, no entanto, José Airton continua a apoiar o candidato De Assis Diniz, do grupo do deputado federal José Guimarães.